_Destaque Mercado

Fiat, Ford e Volkswagen foram as que mais perderam terreno em 2016

 

fiat palio 2017 9

Com retração de 22,5%, o ano de 2016 quer ser esquecido pelas montadoras antes mesmo de acabar. Com o despencar das vendas, naturalmente alguns perderam terreno entre os fabricantes de automóveis. Fiat, Ford e Volkswagen perderam 7,36% de market share esse ano.

A que mais perdeu foi a Fiat, que deixou 2,86% para os rivais em 2016 e ainda apresentou retração de 34,65% entre janeiro e setembro. Assim, a marca italiana ocupa até o momento uma fatia de 15,35%.

Em seguida, aparece a Volkswagen com perda de 2,80% de market share em 2016 e retração de 36,90% nas vendas, que significa 12,25% de participação esse ano. O fabricante germânico teve problemas com os fornecedores do Grupo Prevent, o que acabou por paralisar a produção em suas três fábricas de automóveis, além de derrubar as vendas de modo geral no mês passado.

Fábrica VW

Sem poder abastecer seus estoques e a rede, a Volkswagen viu suas vendas despencarem de tal forma que a marca terminou setembro em sétimo lugar, uma posição que nem a memória dos mais velhos vai se recordar. Mas, VW e Fiat não ficaram sozinhas. Entre as 10 marcas mais vendidas, a Ford também decepcionou em vendas.

A marca americana deixou 1,70% de market share para os concorrentes, tendo até agora queda de 34,85%. A participação da Ford no mercado em 2016 está em 8,97%. Essas quedas ajudaram outras marcas a subirem de posição no ranking, mas não exatamente nas vendas.

Entre as 10 marcas mais vendidas em 2016, apenas duas apresentaram alta nas vendas, enquanto o restante ficou no vermelho, embora – exceto o trio acima – ninguém mais tenha perdido em market share.

chevrolet-onix-activ-2016-26

Perdeu, mas ganhou

A Honda, por exemplo, teve queda de 19,59% nas vendas, mas viu sua participação aumentar 0,22% em 2016. Ela teve a quarta maior baixa nas vendas esse ano. Agora está com 6,20%. Depois dela aparece a Renault com queda de 18,82% nos emplacamentos. Mas a francesa ganhou 0,34% de market share e acumula 7,5% de participação.

A GM aparece logo em seguida com queda de 14,86%, mas com alta de 1,51% de participação e liderança de 16,87% em 2016. A japonesa Nissan perdeu 8,07% em vendas, mas ganhou 0,46% do bolo e hoje tem 2,93%. A Hyundai teve queda de somente 3,71% em 2016, mas abocanhou 1,95% do bolo, tendo agora 10,01% do total, ocupando a vaga do quarteto líder que por muitos anos foi da Ford.

toyota-etios-ready-1

Quem apenas ganhou

Nem todas as marcas choram em 2016. A Toyota elevou suas vendas em 2016 com alta de 1,02%. A montadora nipônica foi a segunda que mais teve elevação nas vendas e foi a que mais ganhou market share de janeiro a setembro, ganhando 2,13% e acumulando 9,18% no geral. Os compactos Etios e Etios Sedan discretamente elevaram suas vendas após três atualizações.

Entre as 10 mais, quem mais subiu foi a Jeep, que elevou as vendas em 76,75% e ganhou 1,55% de participação, somando agora 2,76% de market share. A marca americana elevou as vendas do Renegade – que disputa a liderança de utilitários esportivos com o Honda HR-V – e agora conta com um novo produto para alçar voo mais alto, o Novo Compass.

Confira o desempenho parcial das 10 marcas mais vendidas em 2016:

 

Marca

Emplacamentos

(unidades)

Vendas (% 2015-2016)

Variação (% 2015-2016)

Participação

(%)

1 GM 246.080 -14,86 1,51 16,87
2 Fiat 223.980 -34,65 -2,86 15,35
3 VW 178.714 -36,90 -2,80 12,25
4 Hyundai 146.026 -3,71 1,95 10,01
5 Toyota 133.915 1,02 2,13 9,18
6 Ford 130.857 -34,85 -1,70 8,97
7 Renault 109.414 -18,82 0,34 7,50
8 Honda 90.501 -19,59 0,22 6,20
9 Nissan 42.716 -8,07 0,46 2,93
10 Jeep 40.203 76,75 1,55 2,76

[Fonte: Automotive Business]







Send this to friend