_Destaque EUA Europa FCA Mercado Pickups Vans Veículos Comerciais Volkswagen

Fiat poderia ter uma versão da picape Amarok

volkswagen-amarok-2017-impressões-NA-13 Fiat poderia ter uma versão da picape Amarok

A FCA atualmente não tem uma picape média própria e, se depender do financeiro, pelo jeito não terá tão cedo. Mesmo assim, o grupo ítalo-americano – que anda sendo sondado pela chinesa Great Wall Motors – continua a buscar uma solução para o vácuo criado após o fim da picape Dodge Dakota, há muitos anos atrás.



Na Europa, a Fiat Chrysler decidiu se associar com a Mitsubishi para ter a picape L200 em versão Fiat, dando origem à Fullback. Mas, esta é uma solução regional e bem limitada, ainda mais agora com a aquisição da japonesa pela Renault-Nissan. Nos EUA, no entanto, a coisa é bem pior. Abaixo da RAM 1500 não há nada. No México, a marca americana ainda se vira com a Strada, rebatizada de RAM 750. Nem mesmo a Toro apareceu para reforçar o time.

Esta poderia ser uma solução, mas não é. A Fiat Toro fica abaixo das picapes médias, mas acima das leves. Uma solução para o problema poderia ser uma nova parceria e com ninguém menos que a Volkswagen. De acordo com a Reuters, as duas empresas andam mantendo conversas a esse respeito. Uma fonte próxima do assunto diz que “ainda é muito vago, temos que ver se isso será perseguido”.

Volkswagen e FCA não se pronunciam sobre o assunto, mas os detalhes apareceram. As discussões estariam sendo mantidas para um possível acordo sobre veículos comerciais leves. Nesse caso, seriam dois modelos envolvidos numa colaboração futura. O primeiro seria um modelo baseado na picape média Amarok. O outro seria a multivan Caddy, também com o mesmo objetivo.

caddy-tsi Fiat poderia ter uma versão da picape Amarok

Neste segundo caso, a Fiat conta com o Qubo, que é uma evolução da Fiorino, embora esta tenha seguido um caminho próprio no Brasil com sua terceira geração, baseada no Novo Uno. Então, não seria problema para a FCA ter uma multivan, o que acaba sendo muito estranho em tal acordo.

Voltando à Amarok, sabe-se que a Volkswagen ainda estuda introduzir o modelo no mercado americano, mas seguindo o mesmo processo feito pela GM com a Chevrolet Colorado, que é diferente do modelo global. A Ford também deve ir pelo mesmo caminho com sua próxima Ranger. No caso de uma parceria com a FCA, faria sentido para a VW ceder a picape à RAM em troca da produção e experiência locais, algo que os alemães não possuem no mercado americano.

A solução para a Amarok cairia como uma luva na RAM, que poderia ter sua picape média para brigar com Colorado, Canyon, Tacoma, Ranger e a próxima Frontier americana, fusionada com a Mitsubishi. O uso de motores V6 Pentastar a gasolina e VM Motori com diesel tornaria a Amarok um produto mais bem apreciado pelo consumidor americano. Ainda sobre o acordo, não se sabe a real extensão das conversas e comenta-se que a VW não estaria de olho na Jeep e nem tem planos para aquisição da FCA.

[Fonte: Reuters]

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend