Fiat Pulse parte de US$ 25.200 no Uruguai

pulse

O Fiat Pulse está ganhando o mercado latino-americano, com chegada já confirmada para maio na Colômbia e agora para o Uruguai, onde desembarca do Brasil com preços a partir de US$ 25.200 ou R$ 118,8 mil.


Diferente de algumas propostas brasileiras, incluindo da Stellantis, para mercados vizinhos, onde apenas os motores de entrada são oferecidos, o Pulse entrega também suas opções turbinadas.

Na oferta uruguaia, apenas a versão Drive 1.0 Turbo CVT não é oferecida, com as demais disponíveis para o consumidor local, que abastecerá o SUV compacto da Fiat apenas com gasolina.

Contudo, existem diferenças importantes entre o Pulse latino-americano e o brasileiro, mais notadamente na mecânica.

O motor 1.3 Firefly de quatro cilindros e aspiração natural entrega 99 cavalos e 13,0 kgfm, é um cavalo a mais e 0,2 kgfm a menos que o modelo brasileiro.

As rotações são de 6.000 rpm e 4.000 rpm, respectivamente, com giro menor na potência.

fiat pulse 2022 14

Já a versão T200, que tem o GSE 1.0 Turbo de três cilindros, a potência cai para 120 cavalos a 5.750 rpm e 20,4 kgfm a 1.750 rpm.

Também tem potência menor, mas o importante torque de mais de 20 kgfm está garantido.

O Pulse 1.3 também tem opção manual de cinco marchas, além do CVT, disponível de série nas versões turbinadas.

Ou seja, sem opção manual para este motor, o que seria bem interessante para a vizinhança.

No vizinho do sul, o maior preço é de US$ 32.500 ou R$ 153,3 mil.

fiat pulse 2022 17

Na Colômbia, o crossover chega em maio, mas ainda não há estimativa de preços.

O Pulse também será enviado para as principais praças da América Latina e poderá chegar ao México, assim como outros carros da Fiat brasileira.

Projeto localizado, o Pulse ainda não emplacou por aqui, com 8.729 unidades em 2022, deixando-o na 14ª posição entre os automóveis.

[Fonte: Autoblog Uruguay]

No segmento de SUVs, o Pulse é o sétimo mais vendido em 2022, ficando a frente do Nivus, por exemplo.

 

 

Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 26 anos. Há 15 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.