_Destaque _Featured Fiat Hatches Lançamentos

Fiat Uno 2017 chega com novos motores 1.0 e 1.3, mais segurança e preços a partir de R$ 41.840

fiat-uno-2017-apresentacao-na-24

O Fiat Uno 2017 agora chega ao mercado nacional com leves mudanças estéticas, bem como mais itens de segurança e como principal destaque, a gama de motores Firefly, que consiste nas versões 1.0 e 1.3. Os preços partem de R$ 41.840.

No visual, o Uno 2017 adota uma nova grade – maior – além de novo para-choque e rodas de liga leve exclusivas para as versões Way e Sporting. Por dentro, destaque para a instrumentação com grafismo modificado, bem como multimídia com tela de 6,2 polegadas.

fiat-uno-2017-apresentacao-na-25

O hatch também pode contar com câmera de ré, retrovisor com Tilt Down, volante multifuncional, computador de bordo e paddle shift para as versões Dualogic. Fora essas alterações, o Uno 2017 recebeu mudanças mecânicas importantes e também em segurança.

Os novos motores Firefly 1.0 e 1.3 possuem construção modular e são uma nova gama global da Fiat. Ambos têm duas válvulas por cilindro, sendo que o 1.0 tem três cilindros, entregando 72 cv e 10,4 kgf.m (gasolina) ou 77 cv e 10,9 kgf.m (etanol), enquanto o 1.3 de quatro cilindros chega com 101 cv e 13,7 kgf.m (gasolina) ou 109 cv e 14,2 kgf.m (etanol).

fiat-uno-2017-apresentacao-na-14

O consumo do 1.0 é de 9,2/10,4 km/litro com etanol em cidade/estrada e 13,1/15,1 km/litro com gasolina, respectivamente. No 1.3, os números de cidade/estrada são: 9,2/10,1 km/litro com etanol e 12,9/14,0 km/litro com gasolina. A emissão de CO 2 é de 94/99 g/km, respectivamente 1.0 e 1.3.

A direção agora é elétrica e ficou 50% mais leve em relação à anterior, hidráulica, dispondo ainda da função City, facilitando as manobras. O Uno 2017 também ganhou controles de tração e estabilidade, além de antitravamento em frenagens e assistente de partida em rampa.

O Start&Stop agora está disponível nas versões 1.3, inclusive Dualogic e garante um ganho de ate 20% no consumo urbano. Este sistema ficou mais moderno com gerenciamento de energia, permitindo mais eficiência energética. Os pneus agora super verdes, garantindo redução de 1,1% no consumo.

fiat-uno-2017-apresentacao-na-9

O Uno 2017 é oferecido nas versões Attractive 1.0, Way 1.0, Way 1.3, Sporting 1.3, Way 1.3 Dualogic e Sporting 1.3 Dualogic.

Confira abaixo os preços do Fiat Uno 2017:

Uno Attractive 1.0 2017 – R$ 41.840

Uno Way 1.0 2017 – R$ 42.970

Uno Way  1.3 2017 – R$ 47.640

Uno Way Dualogic 1.3 2017 – R$ 51.990

Uno Sporting 1.3 2017 – R$ 49.340

Uno Sporting Dualogic 1.3 2017 – R$ 53.690

fiat-uno-2017-apresentacao-na-10

Confira abaixo a composição de cada versão do Fiat Uno 2017:

Uno Attractive 1.0 2017 – De série com ar condicionado, direção elétrica com função City, brake light + sinalização de frenagem de emergência, faróis de neblina, função Lane Change para auxiliar o comando de seta, computador de bordo, vidros elétricos dianteiros com one touch e antiesmagamento, trava elétrica nas portas com acionamento automático a 20 km/h, quadro de instrumentos iluminado com conta-giros, welcome moving e display LCD com computador de bordo e volante multifuncional para comando das funções do computador de bordo.

Uno Way 1.0 2017 – Itens acima, mais barras longitudinais no teto, detalhes internos na cor grafite, faróis com máscara negra, maior altura em relação ao solo, molduras das caixas de roda na cor cinza, frisos laterais das portas com inscrição Way, lanternas traseira com acabamento fumê e retrovisores externos com luzes indicadoras de direção, entre outros.

Uno Way 1.3 2017 – Itens acima, mais Start&Stop, chave canivete com telecomando de abertura e fechamento de portas e vidros elétricos, rádio RDS com entrada auxiliar e entrada USB para MP3/WMA.

Uno Way Dualogic 1.3 2017 – Itens acima, mais Hill Holder, o sistema de auxílio para arrancadas em aclive. Além disso, há também paddle shifts e os sistemas eletrônicos ESC (controle de estabilidade eletrônica), TC (controle de tração) e ASR (sistema antitravamento das rodas em frenagem).

Uno Sporting 1.3 2017 – Itens acima, mais suspensão com acerto esportivo, spoiler na tampa traseira na cor preto brilhante, rodas de liga leve 15 polegadas, ponteira de escapamento dupla central cromada, grade dianteira na cor preto brilhante, para-choque dianteiro com detalhes em vermelho, maçanetas externas e retrovisores em preto brilhante, faixas laterais exclusivas com escrita Sporting, faixa horizontal no painel e detalhes do interior – maçanetas, quadro de instrumentos e aplique do volante – na cor Vermelho Royal.

Uno Sporting Dualogic 1.3 2017 – Itens acima, mais paddle shift e os sistemas eletrônicos de conforto e segurança como ESC, TC, ASR e Hill Holder.

Ha também os kits de acessórios opcionais para toda as versões: Kit Comfort (itens mais voltados para conforto) e Kit Tech (composto com vários conteúdos tecnológicos). Mais adiante, publicaremos nossas impressões gerais e ao dirigir.

Galeria de fotos do Fiat Uno 2017:





  • Ângelo Coppo

    Nope. Thanks.

    • Também dispenso Fiat kkkkk

      • leandro

        Também passo!
        Ela colocou o ESP apenas no dualogic só por causa do Hill holder, não tá afim de salvar vidas, mas sim de colocar tempero no dualogic que é péssimo pra manobrar no morro

        • Allysson Santos

          Parece que a matéria esta com alguns erros. Tem uma foto do interior do punto sporting com câmbio manual e tem o botão de desativação do ESP no painel.

          A não ser que a Fiat seja tão porca ao ponto de ter deixado o botão lá sem ter colocado o recurso…

          • T1000

            não só do sporting, outros modelos com cambio manual e o mesmo botão do esp

          • Netto

            É opcional em todas as versões com cambio manual, então estão equipados com esse opcional.

      • João Cagnoni

        Eu não dispenso Fiat, mas atualmente não compraria nenhum carro da marca. Quem sabe um dia.

    • Yuri Lima

      É um bom carro esse Uno, mas por esse preço não tem condição alguma de fazer frente a Onix, HB20 e Ka.
      Ele é um carro para disputar o degrau de baixo junto com o Up.

      • Fred

        Mas nesses preços tá concorrendo com UP mesmo, olha os preços do UP kkkk.

    • Wesley Fernandes

      50k em um UNO.. Nope. Thanks. tem usado ai que vale muuuuuuuuuuuuuito mais a pena que esse uno sinceramente.

      • Thales Sobral

        E sempre rola aquele BMW V8 semi novo de procedência revisado por mecânico de confiança.

        • João Cagnoni

          É isso ou Uno por 50k. Você prefere a BMW ou o Uno?

          • Fernando S.

            Preferir, qualquer um prefere BMW. Agora quero ver manter.

            • João Cagnoni

              Manter, qualquer um prefere manter o Uno. Agora quero ver bater.

              • Thales Sobral

                Verdade, eu sempre bato meus carros quando não quero mais. hauauahauha

            • Rodrigo

              Exatamente.

        • Luciano Lopes

          Vai nessa. Ai queima um sensor de valvula do respiro eletronico nao sei do que que custa 10 mil dolares … Ja cai nessa de carrao importado barato, com uma 325i…A despesa e alta e constante…E depois pra se livrar, esquece !

          • Anderson Lemos

            Compra um Civic aut. 2014, único dono, periciado e vamos ver se estraga a “válvula de respiro…”
            A opção de quem quer deixar de comprar um Uno de 50 mil não é uma BMW. A BMW é opção de que não quer um corola por 100 mil…
            BMW de 40/50 mil é zoeira total…

            • Ernesto

              Mas o cara estava zoando! Não sei porque você ficou tão nervoso!

            • Luciano Lopes

              Dai e uma otima opcao . Mas sempre tera publico para o 0km, questao de preferencia mesmo, nao falta de conhecimento .

              • Rodrigo

                Sim, na falta de um carro usado que não me deixe dúvidas quanto ao seu histórico, é melhor ter um 0km, foi o que eu fiz ano passado e não me arrependo, devido à péssima experiência com usados que comprei e que não sabia de onde veio nem conhecia o dono.

            • Boris

              2014 não, mas um 2012 sim

            • Rodrigo

              Honda eu ponho fé, não que Civic seja meu “carro dos sonhos”, pois conheço e sei os seus prós e contras. Mas que é melhor que Uno, isso é, e muito.

          • Rodrigo

            Exatamente!!!!

        • rockrock

          kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
          da pra comprar 3 bmw 94, ainda vai ter esse comentario kkkkkkkkkkkkkkk

          • Thales Sobral

            Esse é eterno! rsrssss
            Vamos ter de inventar novos modelos para entrar no páreo, o BMW de procedência é imbatível!!!

            • rockrock

              sim da pra comprar duas bmw, audi, q a pessoa so levava os minino pra escola.
              se alguma quebrar, vende uma pra pagar o conserto da outra no mexanico da esquina
              se essa quebrar, vende por 7 mil pra agência, em troca pegue um tempra.

            • Rodrigo

              Sim aí é outra história, porém infelizmente esta não é a regra, muitas dessas belíssimas máquinas (o melhor carro que já pilotei na minha vida) foram parar nas mãos de, desculpe a expressão, pés rapados que se meteram onde não tinham dinheiro para manter um carro nesse padrão.

        • Anderson Lemos

          Comentário fraco o seu e ainda tem um tanto de raciocínio devagar pra assinar em baixo. Sem dúvida alguma um usado é mais negócio que um Uno por 50 mil. BMW usada é para dois tipos de pessoa; Alguém que tenha bala na agulha para manter ou um Zé mané que quer passar uma imagem que não corrobora com sua realidade. Existem muitas opções de usado nesta faixa de preço; Civic, Corola, Jetta… todos único dono, com revisões carimbadas e laudo pericial. Agora, se você realmente não tem a mínima noção de como comprar um usado, te dou uma “boa” saída: Vai na FIAT mais próxima de você e compre um Uno por 50 mil.

          • Thales Sobral

            Não rapaz, que isso, o Webmotors inaugurou a nova seção “usados de procedência”, e lá você ainda pode optar pelo opcional “revisado por mecânico de confiança”, que aí é mais garantido do que o carro novo porque já foi testado. huehuehueheuue

            • Rodrigo

              Balela!!! kkkkkk

          • Rodrigo

            E será muito feliz, tudo é questão de racionalidade e consciência. Na falta de um carro de procedência comprovada – ou falta de grana para eventuais reparos, é muito melhor!!!!

      • Netto

        Mas pra ter usado, alguém tem que comprar 0km e pagar caro por isso.

  • zekinha71

    Agora com esse Uno o que vai levar a pessoa comprar um Mobi.
    E legal que está sendo lançado com várias cores, viu dona Honda com seu Civic preto Uber, branco taxi e prata locadora.
    E o NA acertou na atualização do site, ficou mais limpo e fácil de carregar.

    • Valeu!

      • GPE

        O site ficou bonito! Gostei

      • Filipo

        Mudou pra melhor, Éber!

      • Gustavo73

        Também gostei parabéns, e está mais rápido de carregar.

        • Dafomg

          Eu acho que essa foi a principal melhoria. O anterior era muito lento, até pra rolar os comentários travava.

          • Gustavo73

            Sim, eu acesso quase que exclusivamente no celular e estava ficando complicado. Agora rida lisinho.

      • fredggp

        Parabéns mesmo!!!

      • celso

        O layout ficou 10.
        Mas não querendo ser chato, vocês abusam na quantidade de fotos disponibilizadas.
        Demora bastante pra carregar.

        • Wellington Myph13

          Eu já gostei de entrar aqui e ver muito mais opções de fotos. Claro que poderiam ter cortado algumas…

      • João Cagnoni

        NA entrou na onda das montadoras e vai cobrar pela reestilização do site!

      • Thales Sobral

        Acertaram tanto no visual (pc/mobile) quanto na veiculação dos banners no celular. Ficou MUITO melhor. Estão de parabéns.

    • Racer

      Gostei das cores também, principalmente o azul.

      • Martini Stripes

        Problema é que no Brasil, todo mundo acha bonito, mas pensa na revenda e não compra nada colorido.
        Particularmente gostava muito dos Fit e Civic azuis, mas a Honda tirou de linha.
        O Focus e Fusion em cor azul ficam lindos, mas vejo poucos nas ruas.

        E por aí vai

        • Racer

          Com certeza, tem isto. Porém eu compraria em cores diferentes de preto/prata/branco. Só não gosto é daquelas cores tipo “caneta marca texto”. Mas azul, verde, bordô….tem carro que fica lindo.

          • Daniel

            Também tem o problema do vendedor vir com aquele papo de “ah… essa cor não tenho no estoque… e esse preço que te dei é só pra carro do estoque. Na cor que você quer tem que encomendar e só chega em 637 dias”. Aí o cara desanima e leva qualquer cor do estoque mesmo…

        • Gustavo73

          Pois é acaba virando cor de lançamento mas que não dura muito na linha.

        • automotivo

          Errado! No Brasil, não, no mundo, segundo uma pesquisa os mais comercializados ainda, são preto, prata,branco, e bem depois o vermelho . Não necessariamente na ordem, dependendo do país ou região. Interessante que fatores, climáticos ou até políticos tem influência na escolha. Não lembro bem o nome do Instituto. Então um pouquinho menos de complexo de vira-latas….

          • Martini Stripes

            Vc leu o que escrevi?

            • Ernesto

              Ele interpretou que você disse “somente no Brasil”, sendo que você não escreveu isso…rsrsrs.

        • Luciano Lopes

          Comprei o meu 0km vermelho bordo . Todo mundo curte

      • Marcelo SR

        Esse Uno Sporting azul é muito bonito.

        • Marcelo SR

          O branquinho tb é show.

          • Rodrigo

            O branco é 10!!!! Tomara que tb tenha amarelo. Vermelho é certo.

    • Dudu Pimentel

      O Mobi é mais barato…ele é para quem não liga para motor menor e pensa mais em economia (ok, o motor do Mobi não é tão econômico assim, mas quando ele ganhar o 1.0 GSE, esse cenário deve mudar).

      • Zoran Borut

        O Mobi é para quem tem menos de 1,70m e não tem amigos nem família.

        • Julio Fonseca

          E não tem bagagem!

          • visanpai

            E não liga pra motor!

        • Mardem

          Nem senso estético! Haha

        • Victor Hugo

          E não tem bom gosto, nem amor pela vida!

        • pedro rt

          melhor um mobi por 30mil do q um uno por mais de 45mil pq sinceramente nao vejo vantagem nenhuma pagar mais do q isso num carrinho q ate pouco tempo atras era o carro de entrada da marca, por mais de 45mil prefiro mais um onix ou etios

          • Mardem

            Mas quando você diz que é “melhor um Mobi por 30 mil do que um Uno por 45”, você está dizendo pra Fiat que a estratégia de forçar o consumidor a acreditar que o Mobi de 30 mil é uma pechincha porque o Uno ficou mais caro funcionou! Melhor nem um dos dois! O Mobi de 30 mil é caro porque é um projeto vergonhoso e o Uno é inconcebível porque, na verdade, ele deveria ocupar a faixa de preço do Mobi, já que é isso que o Uno sempre foi: carro de entrada. Essa tentativa de gourmetizar o Uno é muito arriscada. Eu gosto de Fiat pra caramba, mas não dá pra entender o que a marca está fazendo! É um erro atrás do outro num momento em que ela não pode se dar ao luxo de errar! Não vou falar do motor GSE, até porque não o testei, mas esse facelift “controverso” do Uno e o Mobi só mostram que o único acerto da Fiat nesse ano foi a Toro!

            • tiago

              Quem deveria estar recebendo toda essa atenção é o palio, que está abandonado desde seu lançamento (2012).
              O palio tem mais espaço e mais condições de brigar com o onix.

              • Alessandro

                O onix é um verdadeiro lixo, com essa atualização do Uno o mesmo dará conta de bater forte nesse onix… deixa o palio para cachorro grande como new fiesta, 208…

                • tiago

                  Eu discordo, acho que o uno fica devendo pro Onix, principalmente em espaço.

                  • Luciano Lopes

                    Pior q não …UNo tem bom espaço e porta malas , tive um , equivale ao Ônix mesmo

                • T1000

                  Mesmo o Onix a R$38.990? Acho que o pessoal vai continuar preferindo o Onix ao Mobi ou Uno.

                • CharlesAle

                  Palio abandonado desde 2012, e ainda quer que ele concorra com New Fiesta, 208 e C3..”ta serto”..

                  • francis

                    O site da Fiat parece aqueles de anúncios de carros usados….lá vc encontra o Palio 96′,ops Fire, o manso Bravo que nunca incomodou o Golf nem o Focus, tem o Punto que sofre do mesmo problema do Palio, perdeu attractivos** como o teto solar e a versão Tjet (Punto)…., tem o Linea que por ficar na dúvida entre brigar com o City ou o Civic não roubou mercado de nenhum dos 2, até o Siena outrora líder permanece na versão EL que me parece 0km com cara de usado, faltou citar a Weekend Adventure, vulgo Palio Weekend, que foi a pioneira de aventura na cidade, agora tb relegada a terceiro plano….. no quarto plano, as linhas Idea-Doblò-Ducato… mas nada que se compare ao Freemont 2.4 0km 2015……. a Fiat anda meio esquecida mesmo…..

                    • Ricardo Rangel Lirio

                      Fora de plano: Idea, Bravo e Linea. Descontinuados

                • MMM

                  Kkk, isso foi bem engraçado.

                  • Ernesto

                    Concordo com você. Rsrsrs

                • Anderson Lemos

                  O pálio pode até sonhar concorrer com o 208, mas são 2 mundos diferentes. Seria como comparar a Gretchen com a Juliana Paes

              • Mardem

                Concordo. O Palio está largado a própria sorte

          • Zoran Borut

            Pedro, o Mobi de 30 mil é pelado de tudo. Com o mesmo nível de equipamentos, o Mobi Like sai por 37.900,00 e o Uno Attractive sai por 41.890,00 (preços de tabela) – apenas R$ 5 mil de diferença (e não 15 mil como você falsamente sugere) por um carro muito mais espaçoso tanto para motorista, quanto para passageiros e bagagem, além de mais confortável. Diante do Mobi, o Uno continua sendo um excelente negócio, ou talvez seja melhor dizer que diante de tudo que há no mercado o Mobi continue sendo uma coisa incompreensível.

            • Ernesto

              Não são R$5.000,00, são R$4.000,00 de diferença.

          • João Cagnoni

            Isso é verdade… Entre um traveco bonito e uma mulher feia, prefiro o traveco bonito.

        • André Maia

          Kkkkkk

        • Luciano Lopes

          E pra quem não tem amigos nem família pra dar conselho ou falar q tem opção melhor

      • Luciano Lopes

        O Mobi é pra quem NÃO pensa…

        • HugoCT

          E quem não tem grana, que quer um carro pequeno!

      • leomix leo

        Hoje pela tarde fui dar uma olhada na toro com um amigo, aproveitei para ver o Mobi de perto, que carro é esse?! Apertadíssimo para quem vai atrás, na frente quem tem mais de 1.80 e não colocar o banco todo para trás, os joelhos raspam no painel. Horrível, todo de plástico, nem uma almofadinha de pano nas portas.

      • Leandro Balmant

        O Mobi não é só pra quem não liga pra motor (nas versões mais básicas). A maioria que compra é porque não tem muitas opções no mercado. Ou leva o up!, ou o arcaico Clio.
        E não olhei a lista dos mais vendidos, mas vi apenas 2 na rua. Já vi mais Onix reestilizado que o Kinder Ovo da Fiat.

      • Rodrigo

        O Mobi é bacaninha e mais popular. Mas eu prefiro o Up! Ok, é “feio” mas tem melhor conjunto, daí porque um pouco mais caro tb. Com motor 3 cilindros, isso deve mudar

    • Julio Fonseca

      Belas cores! kkkkkkkkkk

    • meneghelli1972

      Gostei desse novo Uno a frente ficou bonita e esse motor parece que ficou legal, parabéns para Fiat.
      Parabéns para o NA pelo novo visual do site até as propagandas sumiram um pouco, aleluia :)

      • Danillo Santos

        Concordo, parece mais equipado que onix e cia… E esse motor 1.3 parece interessante e economico, já o 1.0 dá a impressão de que não compensa. E parabéns ao site também, ficou massa

    • pedro rt

      oq vai levar a comprar o mobi sera o preço ja q ele ta sendo vendido entre 30mil e 38mil ja o uno ficou bem mais caro e passou ate o palio no preço

    • T1000

      tá dando pau, não carrega a discussão no windows mobile 10.

    • Wagner

      Olha amigo eu discordo com relação ao civic, ja vi civic com um azul bem bacana, cor que geralmente nao se ve em outros sedans, mas concordo que no geral faltam-se cores no transito, é td preto, branco ou prata…

      • Ernesto

        Esse Azul se não me engano tem no Civic 2014/15. Mas a Honda a tirou (a cor) de linha nos Civic 2016. Cheguei a ver uma matéria falando disso, aqui na NA ou na Autos Segredos).
        Só editando para falar que eu gostava também desse Azul.

  • Duh

    Os itens importantes que é controle de estabilidade e tração apenas a partir do 1.3 dualogic por 52mil!!! devia ser de série e já ter luzes diurnas. A frente e os bancos ficaram bonitos, só melhoria a traseira, sem graça, e o painel.

    • Artur

      Sim. O duro é ter de encarar o Dualogic se quiser controle de tração e estabilidade de série. Vamos ver se opcionalmente vai estar disponível um pacote de segurança com esses itens para as versões com câmbio manual.

    • Samuel

      Sim, ao menos os equipamentos de segurança deveriam estar como opcionais livres, mas ainda tá melhor que alguns modelos que custam o dobro e não tem isso nem como opcional :(

    • Victor Hugo

      Desculpa, quem compra um uno por 52 mil deixa de comprar um Fox Highiline por esse mesmo valor… é de chorar!

      • pedro rt

        acho q o fox justifica mais pagar 52mil q um uno, mas nao compraria nenhum dos 2 pois prefiro carros de outra marca como o onix ou etios

        • Victor Hugo

          É gosto amigo. Onix tem uma mecânica ultrapassada que não me convence. E o Etios acho apertado, além do painel central ser terrível no meu gosto pessoal. Prefiro a posição e conforto do Fox.

          • Luciano Lopes

            Tive um Fox 1.6, otimo carro.! Sobre preco praticado, a Renault faz o Sandero RS 2.0 a 55 mil….Fiz o test drive, o carro é impressionante, vontade master de ter um.,alem de ser esportivo de verdade ( motor / suspensao / freio ), nao perfumaria igual o Sporting.

      • tiago

        Você quer dizer 62.500,00 né?
        10 mil de diferença.
        Pode defender a sua preferência, quase todo mundo aqui o faz, mas, por favor, sem mentiras.
        https://uploads.disquscdn.com/images/67d369017bff8ee2dff25365319113a410b4171f195c0c1e28bae981a5f63718.png

        • Victor Hugo

          Engraçado que tenho um e comprei por R$ 52 mil, quer nota fiscal? Não preciso mentir. Agora se você colocou nas suas seleções teto solar, midia de mais 4 mil reais e bla´blá blaá… fica nesse preço mesmo. E sem falar que esse preço do site não é o praticado. Me dê seus 52 mil que eu volto com um Highline zero km pra você. Até porque de série já vem com sistema de som Composition Touch, que é bem completinho.

          • Netto

            Preço de tabela é preço de tabela amigo, não vale usar preço de tabela pro Uno e preço promocional para o Fox. O Fox Highline SEM OPCIONAIS custa NA TABELA, R$ 57.760,00 com cambio MANUAL e R$ 61.060,00 para o I-MOTION.

            • Ernesto

              Mas na prática o que vale é quanto ele pagou, oras. Se alguém já comprou esse novo Uno por menos que a tabela, então que fale isso também.

          • tiago

            Não coloquei nada além do kit com ESP. Não dá pra comparar preço de tabela com preço promocional.

            • Victor Hugo

              Como você colocou o kit esp se esse já é de série no Highline?

              • tiago

                Módulo segurança II
                R$ 1.361,00
                “ESC” – Controle eletrônico de estabilidade e “HHC” – Assistente de partida em aclives
                Faróis de neblina com função adicional “Cornering Light” (luz de conversão estática)

                • Victor Hugo

                  Então fiz um o foi ótimo negócio, modéstia a parte. Com os 52 que eu disse veio com tudo isso.

          • MMM

            A velha comparação do preço “que eu paguei” com o preço de tabela do outro…

        • Luciano Lopes

          Sandero RS 2.0, melhor compra ate 60 mil, na minha opiniao ,depois de fazer test drive.Recomendo faze-lo

    • T1000

      controle de tração nesses carros é pra rir, não é? Qual a necessidade?

      • dallebu

        Numa subida de estrada de chão por exemplo, estrada em paralelepípedo íngreme e molhada, etc…

        • T1000

          Cara, morei numa cidade cheia de paralelepípedos e ladeira. Sinceramente? Em dia de chuva é só tratar com carinho a embreagem que vai. Até minha mãe ruim de roda consegue.

      • Zoran Borut

        Por que para rir? Esse recurso é bem vindo em qualquer carro. Para quê você acha que ele serve? Ele evita a perda de tração em uma das rodas, a patinagem, algo que pode ocorrer em diversas situações diferentes, inclusive em curvas. Com isso, ajuda a evitar que o motorista perca o controle do carro e sofra um acidente. Lembre-se que a maior parte dos acidentes acontecem por falha humana, com perda de controle do veículo.

        • T1000

          velho, motor 1.0, 1.3 pra quê essa bagaça, nem potência pra cantar pneu tem direito.
          se vc pegar o uno com o motor fire, acelerar na tabua ou não acelerar dá na mesma, o carro não responde.

          • Zoran Borut

            E controle de tração é só para acelerar?

            Aliás… conhece um tal de up TSI?

      • Luciano Lopes

        Cara, esse Uno precisa e muito , posso falar com propriedade, ele tem umas reacoes que assustam na estrada, tai meu Sporting com 200.000km.

    • Efulefante

      Na verdade está disponível em todas as versões

  • Franco da Silva

    Não tiveram coragem de “subir de categoria” ainda. Que bom. Os preços ficaram dentro da realidade. Com certeza os motores são uma evolução, mas EM NÚMEROS, não são top. Agora é ver os testes reais para saber como ficou o desempenho e o consumo. Outro detalhe é que o 1.3 parece ser bem mais negócio que o 1.0
    P.S. Bonita essa roda do Sporting!

    • Ricardo

      Vc quer dizer, dentro da irrealidade brasileira!

      • Jurandir Filho

        Putz 53000 num Uno??? o Etios 1.3 x automático tá até ficando mais bonito

        • Ricardo

          E reclamam do preço do Up e do Gol.

        • Paulo Henrique

          Bonito mas nao seguro, e muito menos com os itens de conforto desse uno de 53mil, mas pra que ESP neh? Coisa de gente fresca. Um Toyota nao precisa desse equipamento de segurança que é obrigatório nos EUA e europa, se até o Corolla altis de mais de 100 mil nao tem ESP, pra que um Uno pela metade do preço teria? Prova q o Fiat nao presta mesmo. Start/stop pra que tbm neh? Muito menos o hill holder, pra auxiliar nas partidas em rampas. De fato o etios automático é LINDOOOOOOOOOOOOOOO em comparação com esse uno, que é cheio de firulas. Bom mesmo é o velho e simples inquebrável toyota.

          • Jurandir Filho

            Fale o que quiser, mas não daria nunca 53 mil num UNO, quer um compacto seguro?? pega um UP TSi… garanto que não vai baixar o valor da ação da sua amada FIAT

            • pedro rt

              concordo, a melhor opcao ate 50mil e o up! tsi, etios X automatico e o onix 1.4

              • Alessandro

                up tsi com acabamento de fusca 1970?

              • Luciano Lopes

                Fico entre Sandero 1.6 ou Fox 1.6.

            • Jose Silva

              Acho engraçado que vocês compram os preços das versões mais caras que só servem de “grife”
              Uno que vende mesmo é 1.0 pelado ou no máximo com ar, direção, vidros e ar condicionado, o resto esquece. As vezes aparece umas versões sporting mas mesmo assim são as pé de boi. Tem Uno de 52 mil mas não vai vender, que vende são as de entrada 1.0 e 1.3 BÁSICAS ! Vamos ser realistas !

    • Artur

      No 1.0 baixou um pouco a potência na gasolina (72 contra 73 cv do Fire), mas o torque aumentou quase um quilo (de 9,5 para 10,4 kgfm). Acho que compensa mais torque do que potência nesse caso.
      Só resta saber em quais rotações esse torque e potência máximos são atingidos…

      • Schlatter70

        Em outros sites já tem essa informação. Se não me engano li que o torque máximo era a 3500 rpm.

        • Artur

          É um bom número.

          • dallebu

            3.250 no 1.0 e 3.500 no 1.3

    • Alessandro

      Seria melhor se tivesse a versão atractive 1.3. Não gosto dessas papagaiadas de way e sporting….

      • pedro rt

        eu tmb nao gosto de carro com design aventureiro e esportivo

    • Luciano Lopes

      Mas e absurdamente fraca, qualquer buraquinho amassa, de tanto desempenar, passei a ter medo e troquei pela roda de aco para viajar…Uma falta de respeito!

  • Tosoobservando

    Luxo à brasileira ….

    • pedro rt

      daqui ha pouco vai ter novo palio sendo vendido a partir dos 70mil pelo q vejo

      • Jose Silva

        Palio eu não sei, mas Fiesta tem aos rodos !

      • Tosoobservando

        Não da ideia…

  • Maycon Farias

    O Verde way a um quilômetro de distância pode até se passar de Panda. Quanto às tecnologia disponíveis merece até duas palmas e meia. Sucesso para ele.

    • Duh

      O panda apesar de tecnicamente bem superior, ele é feio, o uno é mais bonito.

      • th!nk.t4nk

        Os 2 são feios, mas acho o Panda mais harmônico.

        • Duh

          concordo não hahaha, pode até não achar ele bonito mas tá longe de ser feio como up e etios.

  • CanalhaRS

    Não, obrigado. Próximo…

  • Thiago Maia

    So terá 1.3 Way e Sporting?

  • Pedro Henrique

    um novo motor que já chegou velho…
    nem duplo comando de válvulas tem

    • th!nk.t4nk

      “Ao gosto do brasileiro”.

    • Artur

      Duplo comando de válvulas serve, principalmente, para melhorar o regime de torque e potência em rotações mais baixas, coisa que é realmente útil em carros com 4 válvulas por cilindro. Nesse daí, que é 2 válvulas por cilindro em ambas as versões (1.0 e 1.3), não sei se realmente faria diferença.

      • Pedro Henrique

        4 válvulas por cilindro que é outra coisa que falta nele…
        parece que foi um motor feito nas coxa, sem contar que com esse consumo aí.. mais valia nem ter feito novo motor pra sair isso…

        • tiago

          Na verdade, é um projeto global, o bloco é feito em alumínio e pode receber turbo e injeção direta.
          As 6 válvulas, dizem, fazem sentido pois barateia o custo de produção e entrega o mesmo resultado na maior parte do tempo, ainda segundo a mídia especializada, as 12 válvulas só trariam ganhos significativos em rotações muito elevadas, mas se isso é verdade ou não, só saberemos mais à frente, quando o carro for lançado. Ainda é muito cedo para descer o pau/elogiar.

          • Ramon Grigio

            Não defendendo, mas para uma proposta urbana, um aspirado com 2v por cilindro pode ser mais negócio, pois privilegia o torque em baixas rotações em detrimento de potência em alta. É como falaram, analisaram e verificaram que na maior parte do tempo não se passa de 3000-3500 rpm, logo ter torque cedo pode ser melhor do que render 80-82cv (se fosse 4v por cilindro). Claro, deve morrer bem cedo, assim como o 1.0TEC do meu carro (5000-5500 rpm o motor deixa de existir hehehehe)…

            • Pedro Henrique

              ou ele pode ser igual o meu fire (2v), que até 2 mil é uma caixa de ferramentas, aos 2 mil rpm ele acorda e só se mantem vivo até 3.500 depois só berra…

          • Pedro Henrique

            as 4 válvulas por cilindro (junto do duplo comando variável) ajudam a deixar o motor mais elástico, motor 2 válvulas é bom em baixa, sim é bom em baixa, mas ele é limitado aquilo, depois de uma certa rotação só berra.
            se for só 4 válvulas sem o duplo comando variável, pode se tornar um motor ruim em baixa e bom em alta (o oposto do 2 válvulas)
            lançar um novo motor no mercado [de 3 cilindros, todos TODOS 12v (4 por cilindro) é meio que na contramão das outras] e agora é aquele negócio, você confia mais na fiat? que tem só o multiair ou em todas as outras (ford que é pioneira nesse negócio com o ecoboost, vw com o tsi, até a hyundai…)
            e os 4 válvulas podem ter melhor eficiência térmica.
            -não sou nenhum expert, longe disso mas isso é oque eu penso e vejo das noticias

            • tiago

              Não é porque não seguiu a Ford/VW que é ruim, pelos números, está muito bom. Temos que esperar o lançamento para ver como se comportará.

            • Jose Silva

              Só que tem um detalhe que faz toda diferença, se o motor fire já é de fácil manutenção e baixa manutenção e custo barato, esse novo motor vai ser mais barato ainda pois só de ver não tem correia para trocar, usa corrente no comando de válvulas.

        • Artur

          “Tá serto!”
          Diga-se de passagem que o consumo desse Uno com motor Firefly 1.0 é melhor do que o Up! na versão Take. Não tem nada de ruim, amigo.
          Se for para criticar, traga algo que realmente valha a pena ser criticado.
          Abraço!

        • Murilo Soares de O. Filho

          O que é um motor feito as coxas?

        • Filipo

          Um motor feito com corte de cu$tos! Mas se não fosse assim, não seria um legítimo Fiat. hehe…
          Que venham os “fãboys” chorar e dizer Ferrari, Alfa Romeo e etc..

          • Murilo Soares de O. Filho

            Agora você virou advogado do Pedro Henrique?

            • Pedro Henrique

              kkkkkkkkkkkkkkkkkk
              motor feito nas coxa é com muitos cortes de custo e no fim das contas é feito só pra dizer que é um motor novo… (pega aí de exemplo os chevrolet talvez)

      • dallebu

        Compara esse novo 1.3 com o novo 1.5 16V do Etios 2017 e vai ver que esse novo 1.3 tem mais potência, mais torque e menor consumo, então eu acho que se a Fiat conseguiu isso com 2 válvulas por cilindro, palmas pra ela…

        • Artur

          Com certeza.

    • Alessandro

      e daí meu caro… é um motor inovador que sem as firulas do up mpi consegue os mesmos números….

    • T1000

      Se o carro fosse barato, seria aceitável um motor barato.
      Mas não. É um carro caro. E como tal, deveria ter uma mecânica melhor.

    • dallebu

      Novo motor 1.3 tão velho que já chegou com mais potência, mais torque e menor consumo do que o novo 1.5 16V do Étios 2017…

  • Angelo_RSF

    Só não gosto deste “rasgo” horizontal com três furos, acima da placa e abaixo da grade …..

    • Artur

      Também não curti, mas nas versões Attractive e Sporting. Na Way até que combinou com o parachoque mais “carregado” próprio da versão.

  • Gabrielch

    Seria o Uno Way Dualogic 1.3 2017 por R$ 51.990 com Hill Holder, paddle shifts, ESC (controle
    de estabilidade eletrônica), TC (controle de tração) e ASR (sistema
    antitravamento das rodas em frenagem) o carro mais barato do Brasil com esses itens???

    • Jurandir Filho

      Ford Ka SEL 1.0 por 48990

      • Gabriel Mariano

        Tem câmbio automatizado também?

        • Dudu Pimentel

          Nem automatizado, muito menos automático

          • Paulo Henrique

            E muito menos start/stop, e o motor ainda é mais fraco.

            • Dudu Pimentel

              Sim, mas o Up e o Ka tb não tem…no entanto, o Uno tem.

        • Jurandir Filho

          Graças a Deus não!! Melhor pisar na embreagem do que trancologic

      • Artur

        Mas o Ka não tem câmbio automatizado (e, consequentemente, os paddle shifts), não tem ASR e o motor é 1.0.

      • Paulo Henrique

        Não tem câmbio automatizado e os paddle shifts, além disso o motor é mais fraco e nao oferece alguns itens como o start/stop.

        • Jurandir Filho

          Trancologic, é melhor um manual mesmo…

          • Luciano Lopes

            O mal do câmbio automatizado e q todo mundo quer usar como automatico. Tive um, funciona perfeito no modo manual, um toque, aliviando o pe, troca muito rápido. Auto somente em transito anda para, ainda assim suave, mas quase nunca usava o auto. Esse com paddle shift no volante, acho perfeito., qual o problema de trocar no volante ?

      • pedro rt

        up! e onix sao as melhores opcoes de 1.0, ja testei por 1 semana o ka e nao gostei

        • João Martini

          E tenho ka e Up, os dois são muito parecidos. O Up tem mas pegada em baixa, mas o do Ka nao faz feio não. Melhor que do onix em todas as rotações.

    • Artur

      Sim.

  • Ricardo

    Superbarato também!! Pacaba!

  • Fanjos

    Uno Sporting Dualogic 1.3 2017 – R$ 53.690

    Preço Bãaaooooo em um Unozo !!!

    E esse parachoque traseiro do Fit, ficaram com inveja da feiura daquele parachoque e copiaram para enfeiar um pouco mais o Uno?

    • pedro rt

      por 54mil começo a ver com bons olhos o grand siena 1.6 por 2mil a mais ou ate outro sedan do msm segmento, jamais um uno

      • Luciano Lopes

        Sandero RS 2.0, 58 mil…

  • GPE

    Parabéns pelo ESP, pelo controle de tração e pelo start/stop. Porém, fumou maconha no preço. 35mil tava mt bem pago nesse 1.0.

    Fiat, bora parar de mentir sobre o Start/Stop. No max 3 a 5% de economia. Nunca 20%

    • Rodrigo Alves Buriti

      Chega a 100%, quando você deixa na garagem a noite toda kkkkkkkkkkkkkkk

      • fschulz84

        Exato.

        Com o modo Stop ativado, a redução de consumo é de 100%! :D

      • GPE

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Luciano Lopes

      Start/stop , na pratica, no dia dia…e um saco !

      • GPE

        É legal se vc nao pegar mt trânsito. Tipo, andar a noite e no fds.

  • me parece bem equipado pela categoria, só não entendo o motivo de deixar os ESC, TC, ASR e Hill Holder só no dualogic
    os motores vamos ver na pratica, o 1.3 parece interessante

    • Raimundo A.

      Normalmente, em compactos por aqui, itens relevantes só são disponibilizados em versões mais caras, e no caso do Uno, é com o Dualogic. Ao menos, é opcional para as demais, então quem dá valor, pede o item. Como o brasileiro, na média, não valoriza tanta a segurança, pois se fosse o contrário, teríamos menos centrais multimidia (ontem, vi um Gol G5 com duas – painel e no apoio de cabeça do condutor) e mais air bags por exemplo.

      É uma triste realidade aqui sobre certos itens. Se o cara quer um AT, na maioria dos caros é forçado a migrar de motor, o mais potente comumente, para ter a disposição, como se eu precisasse de mais potência para ter maior comodidade.

      • Zoran Borut

        A tela no encosto do banco geralmente é para entreter os filhos pequenos. Então, olhando por este lado, podemos dizer que talvez a pessoa quisesse dar mais conforto ao filho com o dinheiro que ela podia gastar, não é?

    • Artur

      Provavelmente deve sair um pacote de segurança com os itens mencionados como opcional para as demais versões.

    • Efulefante

      No site da FIAT, é possível colocar esses itens em qualquer versão, até na Attractive.

  • Danilo

    Se o consumo for este mesmo, não houve grande evolução neste sentido. É notável o aumento de potência e torque, más em consumo, os velhos fire não divergem tanto desses números apresentados.

    • dallebu

      Como assim? Ta pau a pau com o Up! MPI, um carro muito economico na vida real.

      Up! Gasolina : 13,5 km/l na cidade e 14,5 km/l na estrada
      Uno Gasolina: 13,1 km/l na cidade e 15.1 km/l na estrada

      Up! Etanol: 9,2 km/l na cidade e 10,2 km/l na estrada
      Uno Etanol: 9,2 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada

      • Danilo

        De novo respondendo, vamos lá. Eu não comparei com o Up!. Em momento nenhum escrevi isso. Comparei com o tão criticado fire antigo. E falo com prioridade pois desde 2007, vira e mexe, compro um carro com este motor, e entendo bem do que estou falando. Quanto a POTÊNCIA E TORQUE, é inegável o avanço, NOVAMENTE FALANDO, comparando Fire com FireFly. Só isso. Me limitei a fazer uma comparação EXCLUSIVAMENTE de consumo entre o sucessor e o sucedido, e não me esqueci de ressaltar os avanços em outros aspectos.

    • Artur

      O consumo do 1.0 ficou, na média, melhor do que o todo poderoso Up!, que consome na versão Take 9,2 e 10,2 km/l de etanol na cidade e estrada, respectivamente, e 13,5 e 14,6 km/l também cidade e estrada na gasolina (Uno: 9,2/10,4 km/l na cidade/estrada com etanol e 13,1/15,1 km/l na cidade/estrada com gasolina).
      Obs.: dados do INMETRO.

      • Danilo

        Ok, más eu não comparei o consumo com o TODO PODEROSO UP!, como você disse. Comparei com o Fire antigo. Como consumidor a anos desse motor, sei bem o que estou falando. É óbvio a melhoria em potência e torque, más o consumo ficou muito próximo ao do fire já datado.

        • Artur

          Mas com muito mais torque (1kg de torque a mais). Ou seja, o carrinho vai andar mais, ser mais econômico (mesmo que a diferença não seja tão grande assim, está melhor que o mais econômico de um segmento inferior ainda – imagina o quanto esse motor seria mais econômico no Mobi, por exemplo) e o Firefly é, de qualquer forma, bem mais moderno que o antigo Fire (bloco de alumínio, corrente dentada, 3 cilindros no 1.0 e etc.).

          • Danilo

            Concordo, más novamente, kkkkkkkk, voltando ao foco do meu comentário, AO SE TRATAR UNICA E EXCLUSIVAMENTE DE CONSUMO, os números dizem que o salto não foi tão grande assim. Lógico que hoje, se eu fosse substituir minha Strada por uma nova, aguardaria o novo motor, até por questões mercadológicas (ficará mais fácil de vende-la futuramente se for com motor mais moderno), más se eu levasse em consideração apenas consumo, e na hora da compra, a versão fire antiga tivesse um bom desconto, sei não o que eu faria.

            • Artur

              Mas não tem muita mágica para se fazer maiores melhorias em termos de consumo.
              Só por ser flex nossos motores consomem cerca de 10% a mais do que um monocombustível por conta da taxa de compressão, que não é variável e tem de ficar num padrão intermediário que não é o ideal nem para o etanol e nem para a gasolina.
              O que quero ressaltar é que, sem dúvidas, a adoção desses novos motores foi uma baita evolução em relação aos defasados Fire.
              A Fiat poderia sim ter colocado muito mais tecnologia para tentar melhorar o consumo (comando variável de válvulas, MultiAir, injeção direta etc.), mas não sei se realmente iria ter uma melhora compatível com o aumento do custo de produção do motor que isso iria gerar (e, consequentemente, aumento do preço final do veículo).
              Um Move Up! TSI por exemplo, consome 9,6 e 11,1 km/l no etanol, na cidade e estrada, e 13,8 e 16,1 km/l na gasolina, na cidade e estrada, segundo o INMETRO. Isso porque tem turbo, comando variável na admissão, injeção direta de combustível e etc. A diferença para o Firefly 1.0 é, portanto, menor que 1 km/l em todas as hipóteses (na verdade, fica em exatos 1 km/l somente no consumo rodoviário na gasolina).

              • Danilo

                Pois é, a tecnologia flex não consegue tirar nem o melhor do álcool, muito menos da gasolina. Acho que pro preço de carro de entrada, ao falar de consumo, chegamos no “osso ” . Não tem muito mais coelhos a serem tiradas da cartola. Minha esperança, novamente falando simplesmente em CONSUMO, era o 0.8 Renault, o qual é notável ter somente esta prioridade, mas pelo visto, está fora de cogitação de produção.
                Concluindo, já q não tivemos melhoria significativa em consumo, vamos comemorar então a potência e o torque.

    • Zoran Borut

      Você está comparando números do Inmetro com números do Inmetro?

  • Hernan Carlos Granda

    Nao gostei nada de esse novo visual frontal. Motor 1.3 pode ser interesante nesse carro

    • Dudu Pimentel

      Concordo totalmente kra.

    • Artur

      Eu achei que ficou melhor que o facelift anterior. Mas a versão original dessa geração (de 2010) era bem mais bonita.

  • mauricio

    jurassico com sempre esses motores fiat, quem troca o 1.0t do up com esse motorzinho fulera.

    • Dudu Pimentel

      Antes do GSE 1.0 ser lançado tava achando que ele seria fraco. Agora que ele foi lançado, confirmou a minha suspeita.

      • Jose Silva

        existe motor 1.0 aspirado forte ?
        eu heim ….

        • Dudu Pimentel

          Existe sim: o 1.0 do Ka tem 85 cv e 10,7 kgfm..para vc ter uma noção, são números próximos aos do 1.4 Evo Fire Flex.

    • tiago

      Quem prefere conforto ao invés de tocada esportiva?
      Ou todo mundo aqui prefere manual?

  • Filipo

    Olha, tenho que reconhecer que a Fiat alcançou bons números de potência e torque com este defasado motor de 1,3L. Os números estão excelentes!
    Mas vi pelo site do Autosegredos, que este motor possui 13,2:1 de taxa de compressão. Sim, é o único jeito de poder extrair mais potência e torque de um motor datado, não há mágica. Uma taxa alta é bom para rodar no etanol, pois aumenta a eficiência da queima ar/combustível. No entanto, com gasolina, o carro fica mais beberrão e letárgico.
    O que a Fiat quis fazer foi duas coisas: 1. Dar maior conforto no anda e para em cidades, por manter motor 8v e priorizar o torque em baixas rotações e; 2. Ao continuar sem utilizar cabeçote de 16v e até mesmo turbo ou injeção direta, continuar com a preferência dos “mexânicos”, por proporcionar peças mais baratas (pela defasagem do projeto do motor e tecnologias igualmente antigas).
    Quanto à segurança, bom que agora pode dispor destes itens, mas não é nada de se louvar, pois já eram pra terem sido disponibilizados há tempos e estes ainda não são de série em todas as versões.

    • Hernan Carlos Granda

      “Os novos motores Firefly 1.0 e 1.3 possuem construção modular e são uma nova gama global da Fiat” alguma coisa nao estou entendendo

      • Filipo

        Isso ai é marketing! Floreios (embromação).

        • dor53

          vai pesquisar um pouco

          • Filipo

            Continue ai defendendo o Firefly de 1,3L contra um EA-211 R3T (vulgo 1.0 TSi)!

            • Schlatter70

              Cara, mas vc está comparando um motor turbo com outro de aspiração natural. Não tem nada a ver.

              • Filipo

                Sim e estou porque são concorrentes. A Fiat não tem motor turbo, porque por algum ou alguns motivos, não quis.
                O Firefly de 1L compete com o EA211 R3 e o Firefly de 1,3L compete com o EA211 R3T. Só ainda não compete com o Ecoboost, pois a Ford até então só o disponibiliza no Fiesta.
                Se ambos têm preços semelhantes, porquê não compará-los? Tudo a ver!

                • Schlatter70

                  Eu também acredito que sejam concorrentes. Em tamanho, preço e proposta de utilização. Acho que inclusive, o Uno é mais concorrente do UP do que o Mobi que é um carro menor. Mas comparar dados de desempenho de um motor turbo com um de aspiração natural não faz sentido. Mesmo que um seja 1.0 e o outro 1.3 O motor turbo poderia ser 0,5 que se quisessem teria mais torque que o 1.3. E em um faixa de giros mais ampla.

                  • Filipo

                    Ok, então Uno 1,3L e Up! TSi não podem ser comparados. Preço, tamanho e categoria são semelhantes. Entendo a injustiça que é ao compara um motor atmosférico a outro turbo. Mas… paciência! São concorrentes em tudo, assim como é concorrente do Onix de 1,4L, do HB20 turbo, etc. Paciência! Problema da Fiat.

                    • Luciano Lopes

                      Podem ser comparados sim ! Inclusive quando esse TSI quebrar a turbina, prepara uns. 15 mil reais a mais de manutencao que no Fiat. Ou vc acha q dura mais de 100.000km esse TSi de injeção direta sem quebra com nossa gasolina ?

                    • Filipo

                      Luciano, motor VW durar menos de 100.000 Km? Não, né!?
                      Vejam quantos Jetta TSi já ultrapassaram esta marca.

                    • Ernesto

                      Sério mesmo que os motores TSI não vão durar 100.000km???? De onde você tirou isso? Qual a fonte??? Ou é simplesmente um “achômetro”?

                  • Filipo

                    Mas ai já é problema da Fiat. Se um Move Up! TSi, por exemplo, custa menos que um Uno Sporting 1,3L, e custa, o que se pode fazer? Eles feliz ou infelizmente serão comparados.

                • Elias Mariano

                  então compara com os dois cilindros da fiat, que lá fora deu pau neste TSI

                  • Filipo

                    O motor 2 cilindros Fiat utilizado no 500 europeu possui 85 cavalos e 900cc. Não dá nem pro cheiro, Elias!
                    Em breve no Brasil (mês que vem, para ser mais exato), ainda teremos uma nova versão do motor 1L TSi, rendendo 125 cv e 20,6 kgfm no Golf.
                    Não tenho um VW, também não tenho um Fiat, mas temos que reconhecer que a VW está a anos luz da Fiat em questão de powertrain (motor + câmbio).
                    Abraço.

                    • Luciano Lopes

                      Em numeros de quebra, realmente esta a anos luz o dinheiro q vc gasta pra arrumar um motor turbo ultramoderno

                    • Filipo

                      Esse motor 0,9L de 2 cilindros da Fiat europa, que o amigo acima trouxe, também se utiliza do turbocompressor.

                    • Luciano Lopes

                      Amigo, se vc precisar de oficina, vai aprender que simplicidade mecanica e o que vira em nosso pais. E a verdadeira economia. So um ex. Acabei de fazer uma revisao no Sandero 1.6 aqui de casa. ,80.000km, Velas + tbi + mao de obra geral 600,00., numa oficina especializada em franceses. Tinha um lindo Peugeot 408 thp ” no cavalete ” , 45.000km, cabecote aberto, limpeza e regulagem de valvulas carbonizadas, entre um monte de coisas, mais de 4000,00. Sou meio cetico com esses avancos com nossa gasolina que tem adulterada aos montes, que acabam com esses motores ,ainda mais com injecao direta.

                    • Filipo

                      Sim, concordo que no nosso país a gasolina seja de baixa qualidade. E concordo também que a simplicidade se faz benéfica. Motores Fiat são reconhecidamente robustos e fáceis de mexer. E isso é ótimo!

                  • Ernesto

                    Em qual País estamos? E esse motor da Fiat nós temos aqui?

            • Jose Silva

              motor turbo só se compara com turbo.

              • Filipo

                Não quando são concorrentes diretos e possuem preços semelhantes. Ou melhor, o Up! TSi é mais barato que o Uno Sporting. Ele é concorrente do Onix 1,4L, HB20 turbo, Ka 1,5L, entre outros, por quê não do Uno Sporting também? O problema é da Fiat em não ter se modernizado!

              • Ernesto

                Se os carros se equivalem em preço, espaço, equipamentos, mesmo tendo motores de concepção diferente, então por que não podem ser comparados?

    • Netto

      Amigo de defasado esse motor não tem nada.

      • Filipo

        Não tem cabeçote multi-válvulas, não tem duplo comando de válvulas, não tem injeção direta, não tem variador de fase para escapamento e parece também que o bloco ainda é de ferro (mas isso ainda tenho que averiguar)>

        • Netto

          E mesmo assim o 1.3 8v Fiat produz mais torque e mais potência que o motor 1.3 16v VVT da Toyota. A construção do firefly e em alumínio é o mesmo possui comando por corrente.

          • Filipo

            Netto, não estou aqui para defender X ou Y. Quem sou eu!?
            E além disso, um motor não é necessariamente melhor que outro, só porque tem um recurso a mais. Um bom motor tem de atender a muitos aspectos (durabilidade, vibração/aspereza, potência, torque, rotações de potência e torque, economia, desempenho, etc).
            Mas uma coisa é certa, não podemos dizer que é um motor moderno, pelo contrário. Não estou aqui dizendo que o motor Fiat é ruim, pois não é, mas moderno tampouco é.
            Já o motor Toyota de 1,3L, apesar de ser muito bom, não é referência no segmento. Compare-o com o EA-211 R3T (vulgo VW 1.0 TSi), por exemplo, e veja que o “Firefly” fica mal na fita. Só não trago o Ecoboost de 1L aui também, pois, apesar de concorrente, só equipa, por enquanto o Fiesta.

            • Zoran Borut

              Filipo, que contradição!

              “um motor não é necessariamente melhor que outro, só porque tem um recurso a mais”

              “Não tem cabeçote multi-válvulas, não tem duplo comando de válvulas, não tem injeção direta, não tem variador de fase para escapamento”

              Ou seja, mesmo sendo um projeto inteiramente novo, você diz que é defasado por não ter recursos a mais, mas ao mesmo tempo diz que ter recursos a mais não torna um motor melhor?

              Além disso, já foi relatado em diversos sites que esse novo motor da Fiat terá versões com cabeçote 16V e provavelmente com turbo e injeção direta também – isso se a Fiat não adotar a tecnologia Multiair ao menos em versões voltadas aos países do norte. Aí como fica? É defasado ou não é? O motor do up! aspirado pode ser considerado defasado por não ter tantas tecnologias como o TSI?

              Não força, amigo. Sejamos realistas, sem fanatismo. A Fiat fez uma escolha racional pela simplicidade mecânica em seus carros de entrada, pode não ser o que agrada a mim ou a você, mas pode ser o que outras pessoas procuram. Isso não torna um projeto novo “defasado”.

              • Filipo

                Acho que você não me compreendeu. Disse que um recurso a mais não torna um motor melhor necessariamente, mas vários, ou um conjunto de recursos, sim. Se esta “nova” família de motores terá, no futuro, recursos contemporâneos, que o torne, de fato, um motor moderno, não quer dizer que seja um projeto moderno. Pode ser um projeto novo, mas não necessariamente moderno.
                O motor EA-211 R3 (VW 1L não turbo) pode não ter turbo e injeção direta, mas todos os outros recursos que o seu semelhante turbo tem. É um projeto realmente moderno, assim como o Ecoboost e o seu semelhante não-turbo (3C, de 3 cc). Recursos como variação de comando para o escapamento, duplo comando de válvulas, cabeçote multi-válvulas (4 válvulas por cilindro), desenho trioval das polias de acionamento dos comandos, árvore de balanceamento, etc…
                Veja bem, em nenhum momento disse que o motor novo é ruim, pelo contrário, eu até parabenizei a Fiat por conseguir atingir ótimos números de potência e torque com este bloco de 1,3L. Mas não é um motor moderno, não posso falar que é.

                • Elias Mariano

                  compara com o dois cilindros da fiat

                  • Ernesto

                    Em qual carro nacional tem esse dois cilindros da Fiat para a gente comparar? Ou mesmo uma revista ou site especializado (brasileiro) fazer a comparação?

            • Retrato do Papai

              apaga que ainda dá tempo

              • Murilo Soares de O. Filho

                kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

            • Jose Silva

              Esse Firefly terá motor turbo, espere ele chegar para comparar.
              Mas que esse firefly 1.0 é muito mais negocio que o up 1.0 é inquestionável. Aquele motor do up 1.0 só a correia dentada custa R$600 e durabilidade de 120.000km é impraticável, na Oficina High Torque tem uns up 1.0 lá nem com 40.000km tendo que trocar correia pq estava contaminada e outro nem com 50.000km, e a troca da correia desse motor é um processo chato muito detalhado… Firefly usa corrente no comando. Quanto a versão turbo, deve ser comparada com versão turbo.

              • Filipo

                Sim, a manutenção VW é mais cara que a média. Em relação à correia, sua troca no Up! de fato é complicada, mas não por falha de projeto, mas por conta do pouco espaço do cofre do motor do Up!, que é diminuto. A VW inclusive só possui motor de 1L (1.000cc) para ele, pois o cofre do motor não possui capacidade para algo maior. Já em relação à durabilidade, lembre-se que o ADG frisa que as trocas de correia devem ser efetuadas antes do tempo recomendado pelos fabricantes em regiões onde há contaminação por minério de ferro no ar, o que é o caso de Belo Horizonte e região. Não é defeito da correia, mas uma característica ruim, pois é um composto de borracha, sujeito as intemperes do tempo, diferentemente da corrente de distribuição. E não é só em correias de motores VW que isso ocorre, mas com todas as marcas.
                Mais uma vez é bom lembrar que nunca disse que motores Fiat são ruins, apenas que não são modernos. O bom do Fiat é justamente a manutenção, fácil e barata!

              • Luciano Lopes

                Isso que falo sempre… Chato, muito detalhado e muito caro. Eu dirigi o UP TSI e fiquei maravilhado, mas como fico com carro 3-4 anos, sei que vai dar BO

            • Netto

              Sério que você esta comparando um motor turbo contra um aspirado? Compare o firefly 1.0 6v com o ea-211 1.0 12v aspirado.

        • Murilo Soares de O. Filho

          Injeção direta, fabricado no Brasil, vamos ver: Up TSI, Cruze novo(argentino), Civic novo (Acho), Focus 2.0, no restante não sei, mas só carros caros…Fiesta Ecoboost, não lembro também.

          • Filipo

            O Move Up! TSi, mais barato que um Uno Sporting 1,3L, possui injeção direta. O Uno era pra ser mais barato!

            • Zoran Borut

              O Chery Celer é maior, tem motor 1.5 de 108cv, e custa 35 mil, era para o up! ser mais barato! Ué.

              • Filipo

                Carro chinês, amigo? Fala sério!

            • Alessandro

              Mas o uno tem muito mais coisa q o Up.. inclusive ESP, multimídia, etc

              • Filipo

                Se for por isso, o Uno tem mais coisa que muito carro! Nem Corolla vem com ESP, TCS, Hill Holder. Mas o Uno só vem estas coisas no modelo topo de linha com câmbio Dualogic, não se iluda.
                O HB20 mesmo, outro exemplo, não tem ESP, TCS e Hill Holder nem como opcional!

          • Elias Mariano

            sói o focus tem mas é argentino

        • Luciano Lopes

          Nao tem nada haver. Importa e eficiencia, nao ficha tecnica. O Motor ecoboost o bloco e de ferro, por ex.

          • Filipo

            Tanto o Ecoboost como o EA211 R3T têm bloco de ferro no Brasil.
            Mas na europa utilizam alumínio.
            Alegam que é para resistir melhor à pancadas.

    • gustavo

      Ja testou o motor ??um projeto em parceria com a BorgWarner e vc acha defasado motor do UP ainda esta na era da correia dentada !! alias toda linha Volks essa linha de motores da FCA vai ser sucesso absoluto.

      • invalid_pilot

        Como se correia dentada fosse algo tão perigoso hoje em dia, só pra quem tem preguiça de dar manutenção.

        • gustavo

          Fala isso pra quem mora em regiões de extração de Minério !!

          • invalid_pilot

            Corrente é menos chance de problema, mas correia hoje com compostos mais evoluídos da bem menos trabalho que antes…
            Agora por conta de meia dúzia de cidades em MG ou no meio do nada que correia dentada não presta mais.

          • Jose Silva

            Não somente minério, brasil é muito sujo, as correias aqui com 30.000km já estão contaminadas com poeira e se desgastam muito.

            • Luciano Lopes

              Claro q nao….Dura o que esta no manual, so seguir

        • Heisenberg

          Ou “mexânico” que não acerta o ponto da correia depois da troca… Cansei de ver a pessoa arrancar o cabelo procurando saber qual o problema do carro, quando a correia tava fora do ponto.

        • Murilo Soares de O. Filho

          Essa história de correia dentada, também acho papo furado, carro bem cuidado não quebra correia.

          • Jose Silva

            Problema que correia é um componente de borracha e outros que se desgasta com temperatura, poeira, pó de minério e etc… Pode ser bem cuidado mas com 30.000km do nada sua correia pode arrebentar ou desfiar e fazer barulho. No caso do UP a correia é cara e a mão de obra para troca mais ainda, é bem complexo a troca da mesma, somente com treinamento e ferramentas especiais do motor. Como esse tipo de público gosta de oficinas acostumadas com motor fire, motor gm e ap que realmente nesse caso são de fácil manutenção e troca, podem ter problemas. Somente a correia do up custa R$600, de um motor GM, FIAT, VW APZAO custa entre R$60 a R$80 e mão de obra maximo R$200. Mão de obra do up passa dos R$400.

            • Luciano Lopes

              E um bloco do motor do UP, que nao da retifica, deve custar 1 zilhao …

        • Jose Silva

          E Brasileiro faz manutenção de carro pequeno ?
          Problema que se você prestar atenção o UP usa uma correia de maior duração, mas ela custa R$600, e a mão de obra é complicada para trocar, não é qualquer oficina. Vi uma troca da correia de up 1.0 normal, precis de ferramentas especiais, é tudo bem apertado, a vw fala que troca correia com 120.000km, mas lá na oficina o carro tinha 40.000 e poucos km e a correia toda cheia de poeira e desfiada fazendo barulho…

          Problema de correia nesse caso é a falta de mão de obra de um serviço bem feito como tem que ser, e no caso do motor do up a correia é cara e mão de obra mais ainda.

          • invalid_pilot

            Correia do Up nao custa 600 reais, ADG como sempre propagando besteira e formando opinião errada…

      • Filipo

        Amigo, a questão da correia/corrente de distribuição não está propriamente ligada à modernidade de projeto. A corrente, de certo, possui uma grande vantagem sobre o uso da correia, que é o fato de não requerer troca. No entanto, o emprego da corrente no projeto de um motor torna-o mais dispendioso para o cliente final, agregando maior custo em seu valor para a compra. Eu, para não ser parcial, te digo que prefiro motores com corrente.
        Mas essa tecnologia não é algo dos dias de hoje, saiba que desde a década de 1960 vem se utilizando correntes na indústria automobilística mundial.
        Um exemplo disso é o motor CHT, Ford, que equipou vários carros Ford nacionais nas décadas de 70, 80 e até 90. Ele já utilizava corrente! A família Zetec, também se utilizava de corrente de distribuição. Também tivemos o Alfa Romeo 2.300 na década de 70, com corrente de distribuição.
        Já os modernos TSi e Ecoboost, estado-da-arte em tecnologia e projeto, se utilizam de correia de distribuição. Veja só!
        Portanto, corrente é uma coisa que não está necessariamente ligada à modernidade de um motor. Mas com certeza, é uma boa coisa.

        • Murilo Soares de O. Filho

          O Ecoboost se não me engano usa bloco de ferro, então ele não seria o estado da arte em tecnologia?

          • Murilo Soares de O. Filho

            Seus argumentos não são muito válidos, mas parei e pensei, porque ficar aqui discutindo…

          • Filipo

            Por conta do bloco apenas? Claro que isso não faz diferença, o Ecoboost é um motor estado-da-arte.

            • Murilo Soares de O. Filho

              VC diz que o Motor Fiat, é defasado só porque não tem dezesseis válvulas e comando duplo varíavel, e o Ecoboost ter bloco de ferro é normal…não faz sentido.

    • Gustavo73

      O motor é realmente novo. A questão é que por aqui ele está sendo oferecido em sua versão mais simples. Ele terá variantes com 4 válvulas por cilindro, comando variável injeção direta e até turbo. Mas devem chegar primeiro na Europa.

      • Filipo

        Certo, Gustavo. Ele é um projeto novo, mas do jeito que está, não é moderno ou dos mais modernos. O que tento explicar por aqui é que não é porque um motor é novo que será necessariamente moderno. Ele pode ser moderno no futuro, mas atualmente, particularmente não acho.

        • automotivo

          É um motor pra ser usados em carros q serão vendidos a rodo, para pessoas que optam por um manutenção mais barata, só isso. 1 ou 2 segundos a mais na aceleração de 0 a 100kmh, ou 5 a 10 por cento na economia de combustível não farão diferença pra grande maioria das pessoas que compram esse produto. Se o up!. com toda modernidade em seu motor não conseguiu descolar nas vendas, paciência, faltou a Volkswagen fazer uma leitura do consumidor.

          • Filipo

            Certamente não foi pelo motor que não “decolou” em vendas.

        • Zoran Borut

          Filipo, qual seria a diferença entre um motor moderno feito com os recursos mais básicos, como 2 válvulas por cilindro, e um motor defasado feito com diversos recursos topo de linha como o 2.0 TSI?

          Você se enrolou todo e deixou a discussão um saco com essa história de “se tem 4 válvulas por cilindro é moderno, se não tem não é”, “se tem recurso x é moderno, se não tem não é” etc.

          Cara, um projeto pode ser de 1875 e receber turbo, 5 válvulas por cilindro, variador de fase do videogame, injeção de nitro por telepatia interestelar, oitocentos e cinquenta motores elétricos auxiliares, cabeçote em adamantium do Wolverine, e nada disso vai fazer o projeto ser recém-saído do forno, Ka Raio!

          Já falei que esse motor GSE vai receber versões com várias válvulas por cilindro, turbo, injeção e o Lamborghini Diablo a 4, e aí? Será um motor com projeto da década de 2010 com os melhores recursos da atualidade, vai continuar sendo defasado por ter uma versão básica bastante simples?

          De boa: você está sendo chato.

          • Filipo

            Você que parece não ter entendido que um motor novo não é necessariamente um motor moderno. Não existe motor moderno feito com “recursos mais básicos”, o que existe é motor novo de concepção antiga. Ou vai me dizer que um motor com 2 válvulas por cilindro, comando único, entre outros é um motor de concepção moderna?
            “2.0 TSi” é um motor defasado? Amigo, paro por aqui. Apenas sugiro que nas horas vagas, procure mais a respeito do EA888.
            Abraço.

            • Zoran Borut

              Tem razão, eu havia confundido o EA888 de dez anos atrás com o EA113 cuja base remonta aos anos 70.

              Mas não dá para discutir com uma pessoa que fica batendo na tecla de que mudanças no cabeçote definem a modernidade ou defasagem de um motor. Enfim, se o FireFly, um projeto modular com bloco e cabeçote em alumínio, bobinas individuais, corrente de comando, pré-aquecimento de combustível e outros conceitos atuais embutidos em sua estrutura (note bem, sem considerar o cabeçote, que pode receber multiválvulas, tecnologia multiair) e já prevendo a adoção de turbo, é defasado, o que eu vou discutir?

        • Luciano Lopes

          O Firefly 1.3 tem 109cv, 14,7kg de torque, usa oleo finissimo 0w20 ….E defasado?

          • Filipo

            São números excelentes e com certeza é um bom motor, mas não é moderno.
            Volto a repetir: não é porque um motor é novo, que ele é moderno. Ele pode vir a ser futuramente, quando eles colocarem tecnologias recentes nele.
            Quanto ao óleo “0w20”, não tem relação. Você e qualquer pessoa pode usar este óleo, mesmo não sendo o mais recomendável para seu motor.
            Sabe o motor de 1,4L da Chevrolet? Sim, o “Eco”, que antes se chamava “SPE4”, derivado do F-I, da década de 80… Pois é, utilizam agora óleo 0w20 também! É o motor de Onix e Prisma.

            • Luciano Lopes

              O GM tem pouca coisa em comum com o F1. Bielas e pistoes mais leves, fraturados, bronzinas e bloco usinados, camara de arrefecimento maiores, e, para usar um oleo tao fino , significa tambem uma construcao milimetrica em seus componentes. Vale para o Firefly. Em 1996, o 1.4 GM tinha 60cv e 11kg de torque. Hoje, chega a 106cv, 15 de torque , gastando e poluindo menos. Nao da pra comparar.

              • Filipo

                Pouca coisa a ver como o F-I? Que isso, amigo!? Parei por aqui!

      • tiago

        Sendo a versão mais simples deve oferecer vantagem econômica ( aquisição/manutenção )

        • Gustavo73

          O custo de manutenção entre um 2 válvulas e 4 válvulas por cilindro não diverge, já que ambos irão trocar óleo, filtros, velas e etc no mesmo tempo. Na verdade mesmo nos turbinados essa variação não é tão grande. Up MPi e Tsi tem custo de manutenção preventiva similares, o Cruze 1.4 T teve custo de manutenção reduzido frente ao 1.8 16v aspirado.

          • tiago

            De fato, a diferença na manutenção de 2 ou 4 válvulas dever ser pífia, quiça inexistente.
            Talvez só de alguma diferença no final da vida do motor, retífica etc.

            • automotivo

              No cabeçote sim , é mais caro, assim como o número de válvulas. Cabeçotes de alumínio dão muito problema de corrosão.
              Fonte: trabalho ja de 25 anos com peças automotivas.

              • Luciano Lopes

                AEEEEEEE…Alguem com propriedade aqui ! Entao responde amigo: Compraria um UP TSI para rodar diariamente, viajar por 3 anos ? Ou fica num aspirado 1.3/1.4/1.6 mesmo ?

            • Jose Silva

              gente
              a fábrica fez o projeto e testou se era melhor fazer com 1, 2, 3, 4, 5 válvulas, chegaram na melhor opção que acharam que atende a necessidade do seu público. Pronto, não tem que ficar discutindo mais nada.

      • Murilo Soares de O. Filho

        Mas os experts de plantão não entendem.

        • Luciano Lopes

          Os pilotos de ficha tecnica, os analistas milimetricos de plastico duro e rebarba, que quando vai trocar oleo do UP TSI chipado-anda mais q Porsche, poe o 20w50 mesmo, nois e quebrado, ai quebra e vao descobrir no bolso como o velho AP 600 era bao ….

      • Elias Mariano

        lá já tem os evoluidos multair, que já anda entre nos com o 500, lá não vai der os tres cilindros porque lá tem os dois cilindros que é bem mas eficiente que este dois juntos.

        • Gustavo73

          O 500 já perdeu o comando MultiAir por aqui já tem um tempo. O Tiwnair é um motor muito interessante, mas que pela arquitetura acabou ficando limitado. Lembrando que o 1.4 MultiAir não é nada além de um 1.4 Fire com o comando MultiAir. Esses motores novos podem sm problema receber um comando MultiAir ou uma evolução dele.

      • Filipo

        Sim, sei que é novo. Mas por enquanto é um motor novo que se utiliza de recursos antiquados.
        Não estou falando que o motor é ruim, longe disso, mas que não necessariamente um motor novo é um motor moderno.
        Eles podem modernizá-lo no futuro e acredito que o farão, mas por enquanto, digamos que ele nasceu defasado, ou para muitos, capado.

        • Gustavo73

          Nesse sentido eu concordo o “bloco” base é novo, mas não trás soluções modernas, pelo contrário no caso do comando de válvulas. A exceção fica para o strat&stop no 1.3. Pelo menos no primeiro momento aqui eles serão simples feijão com arroz.

    • Murilo Soares de O. Filho

      Defasado, parei de ler, tudo bem vc ser fan do UP, mas não fala bobagem…

  • c_eduardo

    Eu achei que ficaria bem mais caro.

  • Rafael Santos

    Tão seguro que não ganha nem 4 estrelas no NCAP

    • Dudu Pimentel

      4 estrelas é nota alta kra (o máximo é 5)…razoável seria 3 estrelas…mas tb acho que mesmo assim ele não consegue.

    • Artur

      Nem Up! ganha 4 estrelas mais. Quiçá 3. Agora para ganhar 4 estrelas tem de ter controle de tração e estabilidade de série na versão mais básica, que normalmente é a testada. Para ganhar 3 estrelas tem de ir bem no teste de impacto lateral, o que necessita de airbags laterais.
      Se esse novo Uno ganhar 2 estrelas já vai sair no lucro. Até a nova Ranger tirou 3 estrelas no Latin NCAP.

      • Gustavo73

        Esp/tc são obrigatórios para 5 estrelas o Up deve ter 3 estrelas no máximo. 2 estrelas tem o 208 e Palio. Mas esse Uno é só um facelift do atual, não há mudanças na estrutura. Faltou o isofix que o a Fiat oferece no Mobi vendido na Argentina. De resto é ver o comportamento dos novos motores.

        • dor53

          se palio de 4 caiu pra 1, pela logica o up vai ter 2

          • Gustavo73

            Ao contrário do Palio o Up já foi testado na colisão lateral contra barreira deformável, situação obrigatória para obter as 5 estrelas. Claro que não houve pontuação mas a estrutura já foi avaliada e aprovada. Assim como a Ranger testada com 3 airbags de série. Mas sem os airbags laterais não podem tirar 4 estrelas.

        • Artur

          Na verdade, estamos ambos errados. Para conseguir 4 estrelas atualmente no Latin NCAP o carro tem de ter, no mínimo, controle de estabilidade e aviso de cinto de segurança para ambos os assentos dianteiros, conforme protocolo de avaliação atual em relação aos ocupantes adultos (“Latin NCAP Adult Occupant Protection Assessment Protocol v3.1– From January 2016”), item 6.2 (tirei print do arquivo original em inglês, em formato PDF):

          https://uploads.disquscdn.com/images/3374f7b09afde075d4df4421d69f42cecf7ebd1f3d983ebcb00ddc06bf9df27b.jpg

          Para conseguir as 5 estrelas é que precisa, além do ESC, um bom resultado no teste de impacto lateral (“Pole Side Impact”).

          Então acho que o Up! realmente conseguiria 3 estrelas conforme protocolo atual.

          • Gustavo73

            Obrigado pela informação/correção Artur. Mas a verdade é que depois que li algumas matérias sobre o custo de airbags esp/tc todos os carros deveriam ter os itens no Brasil de série.

            • Artur

              Opa, por nada. Eu também concordo com você. Acho que deveria ser obrigatório para todos os veículos novos.

  • Compro Vidro de Perfume Vaziou

    Esse Site ficou fenomenal, parabéns Equipe da NA .. Tomei ate um susto no quando clique no link do face e foi pra esse novo site .. Só uma dica eu usava muito uma opção do antigo site, o de pesquisar carros pelos modelos, ajudava bastante para ver noticia antigas quando eu esquecia o titulo e só procurava pela marca ..

    Novo site esta incrível parabéns

    Noticia, Por dentro só mudou oque podia mudar, esse UNO ta velho putz e cada vez mais caro pelo menos tem motor novo o que realmente interessa é essa nova motorização, esperando vídeos e dados sobre consumo

    • Opa amigo, obrigado. Uma dica é agora você pesquisar através da lupa que existe no menu do topo, é só digitar ali o termo e dar um enter.

      • MauroRF

        Éber, o site ficou bem melhor, inclusive a navegação mais leve, abre mais rápido, avançou bem! Está de parabéns.

  • Marcos Villela

    Opa, encosto de cabeça e cinto de 3 pontos pra todos os passageiros! Parabéns, Fiat ! Será que é de série em todas as versões ou só nas mais caras?

    • Dudu Pimentel

      Provavelmente deve vir na mais cara antes da Sporting (Way) e na Sporting

    • Gustavo73

      Já era opcional antes. Talvez continue agora.

    • Elias Mariano

      ei os encosto já era três em 2015, e o cinto tambem, mas brasileiro esquece.

  • Whering Alberto

    “Só” é feio e caro.

  • Rodrigo

    Achei que melhorou o carrinho!
    Só falta aplicar o motor novo no Mobi!
    E o site melhorou bastante!

  • Bourgelat Marinho

    NA,Parabéns pelo nova “roupa”,melhor até pra fazer propaganda rsrsrs

  • Verdades sobre o mercado

    Os novos motores são muito bem vindos, mas o Uno neste preço … tem carro bem melhor com pouco $ a mais

  • Diogo Oliveira

    Olha vou ser sincero, o Novo Uno ficou muito mais equipado, agora que tem Multimídia e ESP de de série (ESP que nem o Corolla de 110 não tem nem como opcional) gostei do novo visual (embora eu prefira o atual) e os motores, apesar de não serem ”Noooosssaa que moderno” são muito melhores que os velhos e ultrapassados Fire, digamos que a versão Sporting ficou bastante equipada, com apenas 2 opcionais (o atual tinha uns 320 opcionais) digamos que virou um carro até razoável nas versões topo de linha, mas nem tudo é um mar de rosas… Esse preço de 41 Mil num Uno ficou absurdo! Sem falar que a versão Sporting deveria ter um 1.3 ou 1.0 GSE Turbo + Injeção direta para competir contra o Up TSI.
    Minha conclusão foi que, melhorou MUITO em relação ao modelo anterior, mas continua com um preço muito caro e abusivo.

    • Gustavo73

      Esp de série infelizmente só a partir da Way Duallogic. Mas não deixa de ser um avanço.

      • Elias Mariano

        avanço aonde amigo, então você não sabe dirigir, não acha.

        • Gustavo73

          Eu sei dirigir e muito bem à w5 anos. O Carro ganhar mais equipamentos de segurança mesmo que não seja de série eu considero um avanço. Agora de você não considera é uma opinião sua.

      • Efulefante

        Olá,
        No site da Fiat, ESP está disponível como opcional em todas versões.

    • Filipo

      Uno Sporting 1,3L mais caro que um Move Up! TSi. Inferior e mais caro. Ridículo!

      • Diogo Oliveira

        Realmente, a Fiat deveria ter pego ou o 1.0 Firefly metido uma injeção direta, um Turbo e 12 válvulas. Mas a Fiat Brasil? Se esforçando pra fazer um motor moderno? Pffff nem f#dendo.

        • Jose Silva

          Já teve, motor do tipo 2.0 16v para sua época, motor do tempra 16v, motor do marea 20v, motor t-jet….
          Mas mudaram suas estratégias…

    • Murilo Soares de O. Filho

      Motores são modernos sim, mas sem os recursos das 16v e comando varíável, mas é um projeto moderno que pode a qualquer momento agregar esses requintes tecnológicos. Caro está sim, mas pelo que vi, a cada renovação e nova geração, os preços tem subido em média 6000 a 10000 mil reias, o que é absurdo.

    • Elias Mariano

      essa multimidia já tinha no uno 2015, você esquece rapido hem

      • Diogo Oliveira

        Eu disse de SÉRIE

  • Alexandre Furtado

    FireFly!!!!!!!!melhor ler isso do ser cego,,,,isso é brincar com ingenuidade alheia

  • Ricardo

    Monstrana, Uno e Versa, os carros mais feios da atualidade no Brasil.

    • Verdades sobre o mercado

      Você esqueceu os.irmãos Etios !

    • Artur

      Eu já acho que o Uno até que é “bonitinho” perto de March, Versa, Etios, Up! e cia.

  • Leo

    Fato, e digo isso com tristeza, mas a FIAT perdeu a mão no design em tudo!

  • Cleidson

    ESP? Um beijo pro Corolla!

    • Elias Mariano

      o que isso significa ESP, sou mais der quatro airbags que o palio tinha que o ESP,

  • Israel Vasconcelos

    10,7kgfm no etanol?? Muito bom hein, vai ser um tratorzinho com seus 900kg!

    Uma coisa estranha é não ter a versão Attractive 1.4, pra quem prefere um visual mais clean.

    Apesar de achar que o modelo 2011 (sem facelift) tem o visual mais equilibrado do que esses novos, considero excelentes as mudanças tanto visuais quanto mecânicas. Vamos ver o desempenho no mercado!

  • Edgar

    Um uno 1.3 custando 48k? E pra ficar ainda mais ridícula a situação, vai vender muito…

    • Zoran Borut

      Que tal pensar: um carro de 109cv custando 48 mil? Ou um de 125 custando 72 mil? Ou um de 150 custando mais de 120 mil?

      Já faz muito tempo que passou da hora de mudar esse pensamento tacanho sobre cilindrada.

      (sem contar que o Etios também é 1.3)

      • Edgar

        Não quis me referir só pela cilindrada do motor e sim pelo conjunto uno, um carro de “entrada” de plataforma “econômica” estar nesse preço.

        • Jose Silva

          custo Brasil, inflação, carga tributária alta, carga trabalhista alta para o empregado, dólar alto, moeda desvalorizada. Fica impossível praticar preços honestos nessas condições. Precisamos de reformas políticas, tributárias e trabalhistas para termos produtos e serviços mais acessíveis livres do absurdo imposto.

          É fácil reclamar dos preços, mas se você somar o que a montadora gasta para produzir o carro somando a % do lucro não chega nem perto do que o governo arrecada com imposto do carro embutido na nota fiscal do carro quando é faturado para o consumidor. Em resumo, a montadora produz, lucra aproximadamente 10 a 15% em cima do que o produz, vem o governo e taxa somente em 54% sobre o valor final que a montadora coloca. Fora as % de impostos nas peças que a montadora tem que comprar de seus fornecedores e as importadas que todo carro tem que se paga em dólar e tributado em praticamente 100% pelo governo.

  • KevinGR

    A dianteira ficou muito carregada, é grade sobre grade sobre grade.

    Os motores foram um bela evolução, não são o topo de linha mas foram inteligentes, podiam colocar 4 valvulas e DVVT mas ai ia encarecer e ter muito mexanico que não saberia fazer manutenção.
    Podiam por só as 4 valvulas, mas ai deixar os motores fracos em baixa e como o motor já é pequeno isso seria péssimo, melhor por só duas mesmo que valoriza o torque em baixa que é muito necessário nesses motores e ainda facilita a manutenção, lembrem-se que são motores para os carros mais baratos da FIAT (cujo os clientes querem custo baixo, durabilidade e mais nada)

  • Paulo Henrique

    Brasileiro é um povo engraçado, pra nao dizer ridículo, e as pessoas que comentam aqui mais ainda. Quando tem alguma matéria falando do Corolla todo mundo mete o pau, porque nem na versão mais cara de mais de 100 mil reais ele oferece um importantíssimo item de segurança, que é o ESP. Ai a Fiat vem e lança um Uno, modelo de entrada, por 53 mil com ESP, e o povo ainda acha ruim. Quero ver qual carro no Brasil oferece tantos itens de segurança e conforto como esse uno por esse preço. Eu nunca pensei que veria um UNO, com ESP, hill holder pra o carro nao descer ladeira a baixo nas partidas em aclives, ASR pra ajudar o carro subir aclives escorregadios, TC e incrivelmente até start/stop, ainda vem com um câmbio automatizado com paddle shifts, que pra muito é um problema, mas tenho um fiat idea dualogic e pra mim, por mais de 75mil km foi só alegrias, e os tais trancos so da se a pessoa nao souber usar o câmbio, em algumas situações como subir ladeiras em baixa velocidade, ai em vez de vc esperar a velocidade reduzir, o carro perder potência, e quando for reduzir dar o tal tranco, basta reduzir a marcha logo que começar a subir a ladeira, o carro nao perde força e nao tem tranco nenhum. Ok que nao está barato, mas para realidade de nosso mercado automotivo, está ótimo esse Uno.

    • Marcelo SR

      Tb acho que o carro melhorou bastante. QUando sair esse novo deverei trocar o meu Sporting 16/16 pelo novo. Mas sempre câmbio mecânico. Já tive Palio Sporting Dualogic e nem eu nem minha esposa gostamos. Câmbio mecânico você tem o carro muito mais “na mão”.

      • Paulo Henrique

        É o carro melhorou bastante, mas somente nas versões com o câmbio dualogic né, porque as outras não tem o ESP, TC, ASR, hill holder e nem o start/stop. É isso mesmo, tanto o dualogic quanto o I-motion tem gente que não gosta do funcionamento. Mas se você nao vai pegar um com dualogic, nao parece ter muita vantagem trocar o seu por outro uno manual, só vai mudsr o motor e a direção. Se bem que eu acho que deva compensar sair de uma direção hidráulica pra uma elétrica. O seu é hidráulico neh?

        • Marcelo SR

          Sim, o meu é direção hidráulica. Mas acho que compensa, heim?!? São 21 cavalos a mais que o meu, rodando com etanol e + a direção elétrica que deve ser bem mais divertida… Acho que vale a pena sim!!!

    • Tosoobservando

      Vc esta comparando Uno com Corolla, pior, vc esta comparando Fiat com Toyota?

      • Zoran Borut

        Ele está comparando as exigências do pessoal que comenta aqui. Por acaso você comenta aqui? hehe

      • automotivo

        Interpretação de texto é legal….

      • Elias Mariano

        as duas andam juntos em fazer caaors velhos com lataria nova, você já viu um corolla por baixo, então comece a ve-lo de 2003 para cá que você vai entender o que falo, toyota tem nome mas projeto de carro velho.

        • Tosoobservando

          Ta bom, vamos comparar entao ja que vc quer, lataria e segurança de um Uno 2017 com um Corolla 1990, quero ver quem ganha ehehhe

    • Elias Mariano

      e voce acha que o uno tem segurança, cadê os airbags laterais que o palio tinha, isto você não mencionou né,
      der estas letrinhas para fora do carro é bom, mas só dois airbags ai não tem segurança né

  • Julio Fonseca

    As rodas do Sporting tinham que ser de 16 polegadas.

  • HugoCT

    Queria ter um sporting, fico bem bonito e interior agradável. O problema é o console, muito pequeno, não tem lugar para deixar carteira e celular, mas de resto curti. E o cambio espero ter evoluido, não curto o cambio molenga da fiat.

    • Marcelo SR

      Eu tenho um Sporting 16/16 e os engates estão muito bons. Pra vc ter uma idéia, já tive um Palio Sporting 2013 mecânico e minha esposa arranhava marcha direto nele. No Uno Sporting isso nunca aconteceu.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Acho a evolução louvável, lógico que não teria potência acima da concorrência, até por usar somente 2 válvulas por cilindro, porém a potência está dentro, importante o torque que realmente é bem melhor. Importante notar que a Fiat enxugou a gama e acessórios. Cada vez mais fica claro a estratégia da Fiat, Uno sobe um pouco abrindo espaço ao Mobi, e Palio e Punto serão um só acima do Uno quando for lançado o projeto X6H, mas ainda vai ficar a lacuna quando o Bravo sair de Linha…esperar novas informações…Injeção direta não foi desta vez…

  • Marcelo SR

    Parece que melhorou bastante em relação ao Uno atual. Eu tenho um Sporting 16/16 e gosto, com exceção das retomadas que são muito lentas devido ao motor 1.4 extremamente fraco.

    • Elias Mariano

      então fica com seu, pois vai trocar seis por meia duzia.

  • Cristian_Dorneles

    Bonitinho (sqn) mas ordinário. hahaha!

  • Hugosw

    Até que enfim a Fiat começou a atualizar os seus motores, agora a dona GM se tornou a única jurássica do BraZil.

    • Elias Mariano

      tá de brincadeira você acredita que esse motor é novo

  • Diego

    Até que ficou legalzinho esse novo Uno, os preços nem tanto, mas é Brasil, então deixa quieto.
    Agora pode ser chamado de Sporting, e ficaria melhor se o preço do dualogic custasse no máximo 49 mil.

  • RKK

    Este motor GSE é uma piada, e de mau gosto !

    • Elias Mariano

      é um fire e não tem assinatura da FPT,

  • Thiago André

    Conclusão mataram o Palio ou o Palio agora vai parti dos 60 mil com motor antigo fire 1.0.
    Namoral, a Fiat retoca dali e daqui, o Uno é muito feio. A solução é renascer… Essa traseira boba do Uno não dá..
    A Fiat esta virando especialista em fazer carros feios, pobres, tocos, caros…

  • Zazula

    O torque é muito bom…acima da concorrência…
    Gostei!
    Parabéns NA…o site ficou show!

  • Rafael

    Amigo meu tem um Uno Sporting 2013 com 100 mil km. O caeeo está bem sólido. Me pareceu muito bem construído. Melhorou a mecânica mas quero ver na prática se houve um salto pois o Fire 1.4 me parece meio áspero que não gosta de giro. Resumindo, é um bom carro que mexeram pouco. Não acredito que será suficiente com esses preços (ok, estão na média da concorrência) melhorar muito em vendas não. Aguardo na prática para criticar ou não a decisão da Fiat pelo motor de concepcao simples.

    • Lucas086

      Tive um 2012 rodei 86 mil km, vendi ano passado para um amigo, hoje está com 108 mil e ele só trocou os amortecedores dianteiros. Galera pensa que esse uno é que nem o mille, eu hoje acho o uno mais bem acabado que o novo palio, por exemplo. O meu 2015 sporting com 32 mil rodados está como novo, muito bom o carrinho.

  • Alessandro Rodrigues

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK SÓ ME RESTA RIR E PENSAR EM QUEM É TÃO DEMENTE A PONTO DE PAGAR ISSO EM UM UNO

  • Tomtilt

    Achei que não viveria pra ver o dia em que o UNO viraria um “compacto premium”…no preço, é claro.

    Ledo engano!

  • Ricardo Santos

    Uno na faixa de 40 a 50k. É o apocalipse.

  • EDU

    Acho o desenho muita informaçao para um carro desse porte.

    • pedro rt

      nao e uma questao de ser muita informacao mas acho esse carro muito “infantil” pra custar mais q 45mil…

  • pedro rt

    por melhor q tenha ficado continuou com aquela impressao de “carrinho de brinquedo feio pra criança” qto ao preço acho q as versoes 1.3 tao quase do msm preço de um grand siena 2017 e na minha opniao e obvio q vale mais levar um grand siena msm com o velho fire 1.4

  • Alexandre

    O visual ficou interessante, não chega a ser uma evolução, mas agrada. Não gosto muito de detalhes excessivos (adesivos, cores diferentes no farol etc) mas a fiat é assim. Obs: só não gosto da versão WAY e os muitos plásticos por fora…
    O maior problema é a versão mais interessante pelos equipamentos só vir equipada com o Dualogic.
    Como fica o Palio?

  • Lucas086

    Caro! Cadê o tsc e esp em todas as versões? Mesmo com novos motores, nunca vale 50 mil em um Uno. Agora, esse parachoque dianteiro ficou poluído demais, e tirou a exclusividade do Sporting, que tinha para choque diferente. As rodas melhoraram 1000% como as faixas. Por dentro, não mudou nada, só um detalhe vermelho na sporting dentro do painel. Enfim, caro.

  • pedro rt

    na minha opniao vai vender muito o uno nas versoes 1.0, ja o 1.3 acho q nao vai vender bem pq de 48mil a 54mil tem coisa melhor no mercado msm oferecendo menos itens de segurança e conforto

  • Austin&Katya

    1.0 vai de 0-100km/h em 12,5 seg
    1.3 vai de 0-100km/h em 9,8 seg

    Gostei dos números rs

  • leomix leo

    Um uno chegar a 53 mil. Não comento mais nada.

  • Vinicius Batista

    Uma pena não oferecer uma versão automática, mesmo o Dualogic vindo reformulado. Tenho um 500 dualogic e a minha ideia agora é trocar por um automático, e estou pensando num March 1.6 CVT.

  • Leonardo Teixeira

    O site ficou maravilhoso, parabéns a equipe. Ficou limpo e intuitivo.

  • Solaire Of Astora

    Finalmente o layout do site melhorou, antes tava impraticável ler uma notícia aqui, parabéns pela inovação 😉

  • tiago

    Parabenizo a equipe NA pelo novo site, gostei do layout e das matérias em destaque.
    Sobre o uno, achei que o design das versões mais caras ficou muito carregado, o preço, como esperado, veio alto, mas na média e faltaram as luzes diurnas.

  • João R

    UNO… Quem te viu e quem te ve? Mais um carrinho ultra low-cost enfeitado na beira dos 50mil… Enfim, nada mais do que plásticos baratos e cores sólidas para chamar a atenção do povo menos exigente em troca de vai saber quanta economía onde ninguém enxerga (chassi, pontos de solda, segurança, suspensões, controle de tração, etc…)… e mesmo assim, olha só: 4 anos atrás, no fim do periodo oba-oba… um frontal pacato, nem abs, nem sist multimidia, nem volante-frontal decente…). Agora na crise-encolhimento da economia… uma tentativa de oferecer veículos mais competitivos??? SQN (um Uno em 2012 na faxa dos 32mil e em 2016 na faxa dos 42mil e em 2-3 anos… 52mil!!!) Fica a dica: Nada como uma bela concorrência revoando por tudo canto e no meio de tudo isso… Bora ver se esse “””novo””” governo faz alguma coisa para otimizar o custo-brasil e deixar a industria-produtos mais competitiva, pois até lá o salário só dando cada vez para menos!!

    • T1000

      o inovar auto trouxe perda de escala para as montadoras que só conseguem vender estas carroças aqui. O resultado: aumento de preços.

  • Elias Mariano

    A Fiat diz que o uno ganhou em segurança, mas tirou do palio os dois airbags laterais, o uno ganhou umas letrinhas para mais caro que o palio, pois acho que este carro não vai vingar, pois já mudaram uma vez e não deu certo, o setor mercadológico da Fiat acha que dona da empresa, pois não vê o que passa no mercado e relançam a mesma coisa e depois faam que é. Novo Uno,

  • Joel Oliveira

    Quem eras tu, Fiat Uno.
    Excelente a troca de motores. Muito bem vinda a adoção da direção elétrica.
    Mas o ONIX Joy ainda continua sendo uma opção considerável (para mim), pois custa uns R$ 38.990,00

  • Junio Tavares Silva

    Conseguiram tirar leite de pedra nesse 1.3 109 cv na cana, so quero ver a que rotação isso acontece e onde o torque é maior.

  • Rodrigo

    ESP e TCS em um Uno é pra aplaudir de pé… Mas quase R$54 mil num Uno (preço base, fora opcionais) é de chorar sangue coagulado.

    • leandro

      Não se iluda, ESP só nos dualogic. O motivo? Pra junto agregar o assistente de partida em rampas (Hill holder) e dar uma melhorada no automatizado pra manobrar no morro…
      Fazer baliza de ré numa ladeira muito íngreme com dualogic dá medo

      • Rodrigo

        Iludir? Essa fase eu já passei (Fui Iludido Agora é Tarde), hehehe

    • Elias Mariano

      você prefere esp e tcs que um projeto novo, é brasileiro.

      • Rodrigo

        Falou o gringo!

  • Aires Jone

    Vida medonha. Noutro post rendia com o amg roadster, mas meu bolso só pode pagar essa bo##a!!!

  • francis

    Uno Way Dualogic 1.3 – R$ 51.990
    Etios X 1.3 16v AT4 – R$ 49.320
    1000 Vezes o Toyota…. até a versão Manual é mais barata >> 44.690 contra 47.640 do Uno Maquiado 1.3 …

  • André Maia

    Até o Uno, quem diria, tem mais segurança ativa que o corola. :p
    Mas que motorzin meia boa heim!?

  • Vanderley Almeida

    Nunca em minha vida imaginei um UNO acima dos 50 mil Temers! Fim dos tempos mesmo!

  • Marcos Drawer

    Boa alteração mecânica etc, mas a frente ficou pesada e cheia de elementos. Na minha modesta opinião, eu teria utilizado a parte dianteira do Panda, mais limpa e que encaixa bem na carroceria do Uno:

    • Lucas086

      Rapaz, prefiro essa frente, esse neblinas mais abaixo do para choque me agrada.

      • Marcos Drawer

        Compreendo, mas eu quis exemplificar que facelifts não precisam ser carregados, encher a frente de tanta dobra, friso, vinco, entradas de ar falsas, etc. A frente do Panda poderia ser uma opção interessante (Pelo exemplo, eu posicionaria de cima para baixo: faróis>DRL>milha/neblina) e que vendo pelo lado do custo, já estava pronta, era só implantar.

        Vamos ver no próximo facelift (se tiver), o que mais vão colocar…

        • Lucas086

          Entendo, eles deviam ter colocado uns drls mesmo, que nem no c3, que fica no para choque e são fortes.

  • Luciano Lopes

    NINGUÉM AINDA FALOU QUE A FIAT FOI HONESTA EM :chamar esse motor de 1.3 não de 1.4

  • Sassá

    Pola, não é 16v? Tá caro então.

  • Elias Mariano

    é brincadeira sem graça, olha o slogan da Fiat
    “muito carro num uno só”

  • Sandro

    Só um otário para pagar de 40 a 50 mil em um Uno com motor 1.0 e 1.3, mas como o Brasil é lotado de otários com certeza veremos várias porcarias dessa emplacados por aí. Se a pessoa quiser e tiver inteligência compra carros infinitamente melhores por esse preço se não fizer questão de andar em carro zero para pagar de “bonzão”.

  • Elias Mariano

    vou mostrar dois painel do uno e fala qual é mais velho.
    um é de 2015 e outro 2017

  • Elias Mariano

    olha que eu achei em 2014, lançamento do
    novo uno daquele ano, vejam como a fiat vez os brasileiros
    ou melhor jornalista de otários hoje ao apresentar um carro sem inovação
    der letrinhas não inovação, tem que der conteudo coisa que a fiat nunca mencionou
    der ESP, TC etc, mas não tem isofix, quatro airbags o que segurança então o novo panda
    que saiu na linha 2017, lá vem em dobro disso e bem mais moderno, agora tambem estaciona sozinho
    aqui só por tem ESP é moderno, acorda brasil.

  • Elias Mariano

    ah a multimidia não é parecido com 2017
    gastaram tempo e dinheiro para fazer as mesmas fotos
    como estas deste site com as do site que mencionei

  • Wellington Myph13

    Legal. Um valor “aceitável” dentro do considerado hoje em dia pra um Compacto AT (Seja qual for). Meu grande pesar fica o fato de não ter a Alavanca, o que incomoda no uso normal.
    Cada um tem sua peculiaridade no uso do dia a dia, e não ter a alavanca, acredite, é ruim… Tem que olhar sempre que for fazer algo, não vira algo automático como alcançar a alavanca, mover pra direita e pra baixo pra dar ré, e só empurrar pra voltar… Tem que olhar, ou ir no tato, mas dizer que vai acertar o botão Certinho, sem olhar e 100% das vezes, é mentira
    O interior da Fiat nesse Uno e Mobi não me agradam, mas gostei bastante da evolução nos itens tecnológicos. Consideraria melhor se tivesse a alavanca do cambio e se o painel me agradasse melhor.
    O Design exterior pra mim é do mesmo nível de Etios Hatch… Não acho bonito, apenas aceitável.

  • Pete Alves

    Esse conceito do “quadrado arredondado” no visual do Uno foi bem marcante quando do lançamento e exatamente por ser tão marcante já cansou e muito,

  • Jose Silva

    Sabe que é engraçado ? O uno que é o carro de entrada da FIAT possui equipamentos que sua linha mediana e até mesmo alta não tem. Uai sô, que coisa louca…. Espero que toda linha ganhe tudo isso e mais que o uno ganhou.

  • João Cagnoni

    Os pneus verdes diminuiram o consumo em 1% e aumentaram em quanto a distância de frenagem? Quem quiser economizar 1% vai ir pro ceú mais cedo a partir de agora.

  • Sílvia

    Bom . . . apenas para polemizar, viu . Por que a Dona Fiat não adapta o kit E-drive ( turbo ) no motor do Móbi ? Assisti a um vídeo da galera da Fullpower , que instalou e o torque do Pálio simplesmente dobrou . Impressionante ! ! !

    • João Cagnoni

      Quais são as emissões do kit e-drive? E a durabilidade do motor?

  • Diego

    O Bom, o mal e o feio…
    O bom – controle de tração, direção elétrica;
    O mal – motor perde um cilindro, mas continua com a msm potência/torque (espero que tenha ficado mais econômico);

    O feio – continua parecendo um Uno e agora com mais plástico…

    Apesar de não gostar muito da Fiat esse me parece o carro mais racional do line-up…

  • Leandro Balmant

    Quando o carro começa a ficar interessante os preços vão lá e estragam tudo. Nunca gastaria R$ 42.000 no Uno, muito menos nas outras versões.
    E muito bacana que tenha ganhado esses itens importantes de segurança, mas uma pena que tenha ficado apenas acompanhadas pelo Dualogic. Quem não gosta desse câmbio não leva o resto.

  • Italo Pereira

    Finalmente (bastante ênfase neste finalmente) podemos dizer que este carro tornou-se uma opção interessante.

  • Paulo Moura

    Poha, baratinho, sempre sonhei em ter um UNO por 50 mil. Agora sim <3

  • DGA

    Duas válvulas por cilindro? É isso mesmo?

  • Elizandro Rarvor

    Dúvida cruel,

    UNO 1,3 Dualogic ou Peugeot 208 Active Pack 1,2 manual?
    UNO 1,3 Dualogic ou Hyundai HB20 1,6 Confort Plus manual?

    Bota ortopédica ou Belo Design ?

  • Emanuel

    Passei apenas pra elogiar o novo visual do blog. Ficou bem melhor!

  • erick

    O carro é bom, Dona FIAT, tem mecanica confiável. Só o preço que tá meio salgado. Não deveria passar de 45 mil na versao mais cara.

  • FrankTesl

    e o preço dos seguros? além de carrinhos 1.0 estarem quase todos na faixa dos 40mil para cima, o seguro deles vai estar cotado nos 2mil, 3 mil. Sem falar em IPVA (4%), que no primeiro ano vai ser mais de R$1.600,00.
    Já passou da hora de liberar importações, essa reserva de mercado disfarçada do inovar auto (35% de IPI, cotas de importação) está dando um espaço tremendo para as montadoras pseudo nacionais abusarem nos preços

  • André Maugeri

    Alguem aí ja fez a conta da relação peso/potência do 1.3 Sporting vs o UP TSI? Briga boa a vista

  • invalid_pilot

    Tenho orçamento de concessionaria antiga aqui da Zona Norte de SP, que inclusive pede o chassis pra cotar as peças corretamente.
    Valores:
    Correia Dentada R$ 230,00
    Tensor R$ 110,00

    Se procurar no ML tem por preço similar aos acima.

    Nao duvido essas lojas meterem a faca graças ao nosso querido ADG falar groselha e ter trouxa que acredite…

  • Tosoobservando

    ESP nao resolve muita coisa num carro como Uno tambem…



Send this to friend