Crossovers Ford Recalls

Ford EcoSport 1.5 é chamado para recall por falha no motor

Ford-EcoSport-FreeStyle-2018-1 Ford EcoSport 1.5 é chamado para recall por falha no motor

A Ford anunciou nesta quarta-feira, 11, um recall para a nova linha do EcoSport em versões equipadas com motor 1.5 litro flex de três cilindros. De acordo com o divulgado, são 21.007 unidades de modelos 2018 e 2019 envolvidas no chamado de segurança. Os exemplares deverão comparecer à rede de concessionárias por conta de uma falha no motor, que pode provocar o desligamento involuntário do conjunto com o carro em movimento.



Foi constatado que o funcionamento do motor do Ford EcoSport 1.5 pode gerar uma ressonância sobre a polia tensionadora da correia de sincronismo da unidade. Esta falha pode provocar a quebra de polia e, consequentemente, perda de sincronismo do motor. Com isso, há a possibilidade de desligamento repentino do motor, impossibilitando uma nova partida e também resultando na perda de aceleração do carro, com riscos de acidentes com possíveis danos físicos aos ocupantes do veículo e a terceiros.

Para reparar o problema, a Ford vai reprogramar o software do módulo de controle do motor (PCM) a fim de eliminar a ressonância sobre a polia da correia. O serviço tem duração estimada de 20 minutos e não irá gerar qualquer custo ao proprietário do EcoSport 1.5.

Ford-EcoSport-FreeStyle-2018-1 Ford EcoSport 1.5 é chamado para recall por falha no motor

As unidades do Ford EcoSport 1.5 2018 envolvidas no recall têm chassis que variam de J8598043 a J8699424. Já no caso do Ford EcoSport 1.5 2019, os chassis vão de K8695003 a K8716214.

Para maiores informações, a Ford coloca à disposição o telefone 0800 703 03673 e o site www.ford.com.br.

Vale ressaltar que o motor 1.5 litro flex de três cilindros equipa as duas versões mais em conta da linha do Ford EcoSport, a SE e a FreeStyle, cujo os preços variam atualmente de R$ 68.690 a R$ 92.790. Há ainda as versões Titanium e Storm AWD equipadas com um propulsor 2.0 litros flex de quatro cilindros, sempre com câmbio automático.

COMPARTILHAR:
  • Vinicius Lima Santos

    Eita… BO no motor é grave.

    • th!nk.t4nk

      Calma, já fizeram uma gambiarra no software pra dar uma piorada no motor e eliminar a vibraçao. Considerando o caso do antigo Ecosport, cujo motor simplesmente caía, até que tá no lucro dessa vez :)

      • vicegag

        Ressonância, motor de três cilindros, tava demorando.

        • JOSE DO EGITO

          É por essas e outras que a TOYOTA é campea de confiabilidade,recall de um AB que nao foi nem ela que fabricou é uma coisa,problemas no motor é outra completamente diferente

          • everton nogueira

            Na boa não sei aonde vc vive, mas não tem nem um mês e a mesma Toyota que vc venerou acima, chamou para um pequeno Recall “alguns” Camry’s para a TROCA DE MOTOR, e todos os Corollas 1.8 fabricados de 2014 até hoje para solucionar um problema na caixa automática dos mesmos. Recall ao meu ver NÃO é feito para denegrir a imagem de uma marca ou outra, mas sim para mostrar que ela se importa com seus clientes.

  • ObservadorCWB

    É um carrinho que na versão TOP passa do 100.000 Temers…….. e com um defeitinho à toa de “brinde”. E vão resolver REPROGRAMANDO…..kkkkk Câmbio Power “Shit” resolveram REPROGRAMANDO. As primeiras Edge e Fusion vinham com CMM com mapas dos EUA e CANADÁ….e NÃO resolveram reprogramando…. ficou por anos como sendo o acessório mais inútil e caro da linha FORD.

    • Ricardo Soares

      Poucos “SUVs” ficam abaixo de 100 na versão top, não é exclusividade da Ford e sim do cartel. PowerShift fizeram a troca do kit, mas inicialmente era esse papo de reprogramar mesmo. Se o objetivo da montadora fosse passar a perna nem precisava anunciar o recall, como fizeram no powershift não é mesmo? Não faz sentido criticar o recall, projetou o carro? entende do problema? Se a própria montadora assumiu, pq raios ela vai enrolar no conserto?

      • Leonardo Balieiro

        Vejo muita reclamação do pessoal aqui no próprio site que foi fazer recall do air bag na Toyota e eles só desligaram o equipamento. Não resolveram de fato.

        • Luiz camurça neto

          Foi verdade. Mas parece que foi só o periodo enquanto não tinha as peças da Takata. parece que agora ta tendo disponibilidade

    • Edson Fernandes

      Apaguei o seu comentário. Os carros estão vindo com cambio automatico convencional.

      • ObservadorCWB

        Nossa. Estranho, meu comentário foi sobre o HISTÓRICO passado da marca com câmbio Power Shift e sua “reprogramação” e sobre a posição absurda com relação ao Edge e Fusion. Quanto aos preços, deveriam ser apagados uns 60% dos comentários postados por todo mundo…kkkkkk. Nunca tive um comentário apagado. Parece algum tipo de proteção à marca Ford. Espero estar enganado. Mas respeito a moderação. Saudações.

        • Ernesto

          Rsrsrsrs

        • Edson Fernandes

          Observador, você sabe que seu comentário anterior não foi só citar os aspectos depreciativos, ali vc agiu com certa ofensa até aos donos. Com “gritos” e tal.

          Se seu primeiro comentário tivesse sido como este, eu não teria apagado, assim como não vou apagar esse comentário…rs

          Abraço!

  • Matthew

    Mais uma da série “nunca compre no lançamento”. Porém, sem essas precipitações de sair condenando o motor. Imagino que ainda não​ houve tempo pra alguma unidade apresentar o problema de fato.

    • ObservadorCWB

      ???? A ressonância FOI constatada. Quanto a quebras…nem a fábrica vai dizer……

  • Francisco Helio

    Ford é complicada!
    Lançam um motor sem fazerem testes adequados e depois tentar consertar os erros, mas nesse caso pode ser fatal para o comprador desavisado.
    Mesma história do powershift…

    • ObservadorCWB

      Eu fiz este mesmo comentário e acrescentei outros erros históricos da Ford. Tive meu comentário APAGADO ……

    • th!nk.t4nk

      Eu que o diga com meu Fusion. Múltiplas falhas na eletrônica, coisa de projeto finalizado às pressas. Pior que de motor ele ia bem (Ecoboost 1.5), fortinho e econômico, além de nunca ter dado nenhuma dor-de-cabeça em quase 2 anos com o carro, mas a parte elétrica/eletrônica me deixou com um pé atrás pra pegar outro carro da marca.

  • Feliphe Santos

    21 mil unidades? Quase todas né…

    • Daniel Astrauskas

      Eu tava na duvida entre a 2008 e a Eco, sorte que peguei a 2008! Podem falar, mais o motor 2008 1.6 16v não da dor de cabeça, e agora com at6 aisin

      • Leonardo Balieiro

        2008 é um projeto novo em tudo se comparado com a Eco. Ótima escolha. Penso em pegar um usado daqui uns anos.

  • Edson Fernandes

    É @leandro, acho que o seu vai nessa leva. MAs se for para melhorar (porque se tem ressonancia, esse ajuste deve melhorar) otimo.

    • leandro

      Ainda não conferi direto na Ford, mas o número do meu chassis está entre esses da matéria caso sejam sequenciais.
      Desde novo acho que a correia canta muito, parecendo apertada demais, mas nunca me importei pois “afinal de contas eles sabem o que fazem” e ela é banhada a óleo então é algo novo pra mim.

      Mas não me importo, sou cliente chato e tenho 4 anos de garantia, o chefe da oficina e as funcionárias da oficina até já me conhecem pelo nome…

      • MauroRF

        Depois que for lá e acertar isso, conta para nós se nota alguma diferença em funcionamento, ruído etc. E a sua 1.5 continua bem econômica?

        • leandro

          Conto sim com certeza. Queria até achar um dinamômetro em BH e fazer um antes e depois do reparo pra saber se vai perder potência.
          Continua muito econômica conforme o pé, ela tende a reduzir marchas com mais ganância que o PowerShift.
          Hoje mesmo fiz trajeto Conselheiro Lafaiete x Viçosa, dá uns 130 km de pista simples, boa e 100% serra, no final da viagem consumo médio de 15.2 km/l na gasolina

          • Uislei

            Consumo bom. A minha Eco 2016 Powershift está fazendo na estrada, no máximo 14 km/L de mijolina.

            • Uislei

              Está com 31 mil km, fará 2 anos no dia 25/04. Nenhuma ocorrência com o câmbio, até o momento.

              • leandro

                O meu rodou 110 mil km e 3 anos sem problema algum

                • EDUARDO HENRIQUE

                  O meu Ecosport 2014/2014, 2.0, com cerca de 42000 Km precisou trocar a embreagem. Na própria concessionária o veículo é bem desvalorizado. Um carro que na FIPE custa R$ 48954,00 (março/2018), na concessionária me ofereceram R$ 37.000,00.

              • MauroRF

                Pelo visto, solucionaram mesmo o problema do câmbio.

            • leandro

              Mas a sua é 1.6 ou 2.0?

              Tive um Fiesta Sedan powerShift e a maior diferença é que a 6° marcha do AT convencional é muito mais longa por isso dependendo do modo de condução e condição da via ele pode ser mais econômica ou não.
              O PowerShift não insiste tanto em reduzir, na AT convencional qualquer pressão no acelerador ela já tá de quinta marcha… Dirigindo no modo motoboy o consumo dela sobe muito

              • Uislei

                Freestyle 1.6

          • MauroRF

            Consumo bom, hein? Se andar a 100 km/h em pista duplicada sem muito desnível, esse consumo deverá ser melhor ainda, eu acho.

            • leandro

              Sim, nessa condição que você citou consegui fazer 16,5 km/l, mas haja paciência

              • MauroRF

                Kkkkkkkkk, é, aí é complicado. Essa marca de 15,2 km/l no trajeto e nas condições que você descreveu acima você andou em qual velocidade, em média?

                • leandro

                  90-95 km/h. Menos que isso ele diminui pra quinta marcha em qualquer morrinho

      • Edson Fernandes

        hehehehe

        Mas está certo. Mas levará um tempinho para esse ajuste que por vc conhecer o pessoal, deve ser rapido.

  • Guilherme Galante

    Sou proprietário de uma Eco Freestyle 2018.
    Acabei de ligar na concessionária e não consta ainda no sistema.
    Pediram para ligar novamente na segunda-feira para ver se já aparece algo por lá.

  • Henrique Alves

    Estou com o meu a 2 semanas e estou gostando bastante do carro (SE AT), um ótimo custo benefício se comparado aos concorrentes kicks, renegade, duster, captur, fiz test drive em todos e achei a Eco a melhor proposta, principalmente no consumo, faço 10,5 na cidade e 15,5 na estrada andando em velocidade de cruzeiro de 100 km. Até o momento nada que desabone o carro.

  • Gu92

    Lembrando que este motor é fabricado na Índia, ou seja assim como as peças do kwid que quebravam toda hora parece que esse motor também foi feito nas coxas em algum fundo de quintal indiano!!

    • No_Name

      Deve melhorar agora com a produção em Taubaté a partir de junho.

      • Gu92

        Assim como a qualidade do Kwid parece ter melhorado depois de várias peças dele serem nacionalizadas, me faço uma pergunta, como será a qualidade da Eco fabricada na Índia e vendida nos Eua??

      • Jlsk

        vai ficar restrito somente a Eco ou vai vim em outros modelos ? Ka e fiesta ?

        • No_Name

          Será aplicado no Ka facelift. O Fiesta continuará com o Sigma.

  • CÁSSIO

    pois dona FORD a qualidade do seu motor indiano não esta muito boa …….

  • MauroRF

    Antes de comprar a Titanium 2018, cheguei a cogitar a compra da Freestyle AT. Mas como a diferença de preço para a Titanium era pouca, fui de Titanium. Eu estava com receio do consumo do 2.0, então, mesmo com a pouca diferença de preço, ainda ficava pensando na Freestyle. Foi quando um primo meu, engenheiro automotivo, falou “pegue a Titanium, já é um motor manjado, vai que esse 1.5 dá alguma coisa, pois é motor novo, acho melhor você arriscar no 2.0”.

    Em relação à Eco Titanium, sem reclamação alguma até o momento. Pelo contrário, é muito confortável e potente.

    • Adriano

      Idem aqui, estou feliz com a minha, rodados quase 10mil km. Titanium também.

      • MauroRF

        Bom saber, Adriano. Seu consumo em cidade/estrada está bom, pelo porte do motor 2.0? E quanto a ruídos internos, surgiu algum? Algum problema “chato”? É que 10 mil km já não é uma quilometragem tão “zero”, digamos. Ainda não consegui pegar estrada desde quando a peguei em janeiro. Tenho trabalhado bastante, então não tem sobrado tempo para viajar. Mas, assim que fizer a primeira viagem, vou ver como ela se comporta na estrada. Na cidade, tenho feito entre 8 e 9 km/l com gasolina, andando na manha, sem andar em horário de pico (ou seja, eu pego um trânsito de cidade grande fluindo normalmente). O tanque está quase na reserva, vou aproveitar para fazer um teste e encher com álcool pela primeira vez para ver como fica, quanto gasta etc.

        • Adriano

          Entre 8~9 km/l dentro da cidade rodando dentro das mesmas condições que você citou, Mauro. Em trânsito mais intenso, entre 6,5~7,5 km/l. Ar-condicionado ligado direto nas duas situações.

          Na estrada, fica entre 13~14 km/l, meia carga, ar-condicionado também ligado.

          Sem ruídos internos ou qualquer problema de acabamento até o presente momento.

          • Tibúrcio

            A versão Titanium ficou muito boa mesmo! O motor é forte (mesmo do Focus, com injeção direta) e não consome em exagero!

      • th!nk.t4nk

        O Eco 2.0 ainda dá aqueles tranquinhos na saída? Ou resolveram? Isso era desagradável.

  • No_Name

    Esse problema eu já tinha escutado de mecânicos na concessionária.
    Mas o que vi mesmo lá foi um EcoSport 1,5 zero com defeitos de luz de injeção acesa e o carro falhando e perdendo força. Estavam quebrando a cabeça lá, pois o scanner não identificava o problema.
    Mecânicos disseram que essa central do novo EcoSport coleta e envia todos os diagnósticos do carro diretamente para a Ford fabricante quando o carro entra dentro da oficina, sem precisar de scanner. Se realmente for assim, deve ajudar bastante na resolução de problemas.

  • EDUARDO HENRIQUE

    E quando a Ford vai convocar um recall para os já conhecidos problemas no cambio powershift? Vai ficar trocando embreagem até quando? Até a garantia estendida acabar? Não vi no site da FORD, se alguém tiver poste aqui por favor, que a Ford já achou a solução definitiva para os problemas dos carros equipados com o cambio powershift.

    • Abdallah

      E tem uns malucos que juram de pé junto que esse cambio não é problemático… vai entender…

      • Uislei

        O meu até agora não deu problema algum. Freestyle 1.6 Powershift 2016.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email

receber-noticias Notícias por email