Ford Mercado SUVs

Ford já coloca o Territory como próximo lançamento em seu site

Ford já coloca o Territory como próximo lançamento em seu site

Importado da China, o Ford Territory deve dar as caras no mercado brasileiro já em 2020. O SUV médio da marca americana já está disponível no site brasileiro, mas ainda como próximo lançamento.


Na página dedicada ao utilitário esportivo derivado do chinês Yusheng S330, a Ford dá alguns detalhes sobre o Territory que será vendido aqui. Um dos itens será o carregamento indutivo de smartphone.

Outro destaque do modelo serão as duas telas de 10 polegadas do cluster e da multimídia, que aqui deverá ser a SYNC 3 com Google Android Auto e Apple Car Play. Sabe-se que na China ele possui monitoramento em 360 graus.

Ford já coloca o Territory como próximo lançamento em seu site


A Ford também diz que o Territory terá um app dedicado para que se possa dar partida, travar e destacar o carro, localizar e ativar funcionalidades de forma remota, usando o smartphone. É possível inclusive ter dados de telemetria do veículo.

Ainda com aba sem mais detalhes, a página reforça a ideia de que o Territory não vai demorar muito a chegar. Na China, ele emprega um motor que coincidentemente tem a mesma designação que um motor da Mitsubishi, mas em realidade não é.

Desenvolvido pela JMC e AVL, da Áustria, o propulsor é também chamado de EcoBoost, mas não é. Com três cilindros, o 1.5 tem 1.490 cm3 e vem com turbocompressor com intercooler e injeção direta de combustível.

Ford já coloca o Territory como próximo lançamento em seu site

Para fazer a diferença, provavelmente o Ford Territory importado terá potência e torque semelhante ao do S330, que tem 163 cavalos entre 5.400 rpm e 5.700 rpm, além de 25,5 kgfm de 1.500 rpm até 3.500 rpm.

Por lá, o modelo da Ford tem somente 140 cavalos e 22,9 kgfm, além de CVT com cinco posições de marcha. Aqui, essa transmissão pode ter seis ou sete marchas virtuais.

Ford já coloca o Territory como próximo lançamento em seu site

Com o fim do Focus não muito longe, o Ford pode usar o Territory para trazer uma tecnologia que ainda não oferece aqui, o sistema híbrido leve de 48 volts, disponível naquele país. Lá também existe a versão elétrica com autonomia de 360 km, mas no ciclo NEDC, o que deve dar pouco mais de 250 km.

Ford Territory – Galeria de fotos

 

Ford já coloca o Territory como próximo lançamento em seu site
Nota média 4.3 de 3 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • jvfig

    Será que vai ter muito desavisado pra comprar essa tranqueira chinesa?

    • th!nk.t4nk

      Ah vai. O povo nem sabe que é um carro chinês remarcado. Vão olhar só o design e itens de série. Com o logotipo de uma empresa ocidental ali na frente, vende tranquilo (se nao forem gananciosos demais no preço).

      • Sino Weibo

        As pessoas chamarem esse carro de tranqueira chinesa é pq tem coisa muito melhor aqui no mesmo valor…ops, não tem kkk Os brasileiros realmente precisam conhecer as “tranqueiras” que os chineses estão fazendo hoje.

        • João Senff

          Quer coisa melhor ? 3008 em motor da um banho até a propia Tiguan e Equinox . Acabamento ? Um dos melhores é o da Compass. Esse vai ser tão sofrível quanto o acabamento da Equinox. Esse china aí vai vim em um nível de Kia Sportage / New Tucson . Aceitável mas nada de mais. Agora para de defender os chinas que tá feio pra vc já. Que tal deixar pra defender quando o carro chegar. Junta o pós venda da Ford que praticamente não existe com projeto chinês “sem peças ” e vc vai ver que coisa linda vai ficar. Aqui em casa nem volvo entra mais por causa da Geely que anda fazendo umas “erradas” nos carros. O problema do chinês é que ele fez muita cópia barata por aí agora querer mudar a ideia vai ser difícil convencer pode até ser um produto razoável mas que vai ser difícil convencer vai. Para dar certo isso na Ford ela deveria fazer igual a Peugeot pedir desculpas pelo pós venda horrível de anos atrás e melhorar a imagem da marca. A mas vc tá criticando carro chinês mas brasileiro não faz nem carro. Mas a questão é que não quero carro chinês nem brasileiro. Quero um carro bom . Não sou apegado a marca e sim a qualidade. Espero que um dia os chinas nos convençam que os carros deles são melhores. Mas hj concerteza eles estão atrás da Hyundai e Kia.

          • Sino Weibo

            Todos os concorrentes que vc.citou sao no mínimo uns 15 a 20 mil mais caros. Querendo ou nao será um Ford, e as pessoas que gostam da marca vão comprar. Vai ser mais em conta.

            • João Senff

              Tá e você está achando que a Ford vai vender esse carro a que preço ? Se tiver 3 versões vai começar em 120 a próxima 140 e a última 160 ou você realmente acha que ela vai vender esse carro a preço de Ecosport ? Quanto custa hoje a Ecosport mais cara ? Eu não faço ideia mas vou chutar uns 100 mil ou seja esse carro vai vim a 120 . Vai vender para os desinformados mas ninguém em sã consciência vai pagar isso em um china sem peças .

              • Eric PB

                Boa observação quanto as peças. Nisso eu não tinha pensado. Porem se formos analisar friamente quase que todos os nossos carros ofertados a nivel nacional ate os 120mil são para paises emergentes. E os que não são (alguns vw) sofrem um sério corte nos custos de padrão de acabamento. Então não podemos julgar que os chinas são inferiores pois são construídos nos mesmos moldes dos carros já ofertados aqui na ultima década.

                • João Senff

                  A Ford já não tem muita peça no estoque vá tentar comprar peças da EDGE que vc vai ver a dificuldade. Agora pense em um carro chinês onde já é complicado fica mais complicado ainda. A Ford vai colocar esse carro no mesmo nível de Kia Sportage ou seja sem pós venda sem peças . A dificuldade vai ser em achar as peças e não a qualidade.

                  • Eric PB

                    Tens razão. A fama da ford não é boa no pos venda e pensando que vão depender de um terceiro na reposição…. e do outro lado do oceano. Vao ter q remar muito assim como na Peugeot esta fazendo.

                • Miguel

                  Eu já acho que aqui a Jeep capricha mais nos seus carros, justamente porque no Brasil ela é percebida como marca premium…

                • Edinaldo_Tapica

                  Tem muito na lista que não é pra mercado emergente. Até R$80k fico calado, mas até 120 tem excelentes opções vendidos (bem) em mercado de primeiro mundo

              • Sino Weibo

                Sem peças? Coisa mais fácil que tem trazer peças, alias a própria Ford com cteza terá estoque.

                • João Senff

                  Sim lógico. Vai lá então e liga na Ford e pede peça da Edge que também é importada e veja se tem em estoque. Pede lá um farol esquerdo ou sei lá algo mais difícil e veja se tá tão fácil assim .

                  • Sino Weibo

                    Edge vem do Canada.

                    • João Senff

                      E ? Mais um motivo para ter peça de fácil aquisição . Se nem do Canadá eles conseguem trazer as peças imagina da china. Peça vai ter lógico ai quanto tempo leva pra chegar é outra história.

                    • Sino Weibo

                      A logística da China é muito mais eficiente, r produtos que vem da China pra ca em menos de um mês. E sao baratas, diferente do que vem de países com o dólar caro.

          • Eric PB

            Vamos aguardar o lançamento do carro para depois julgarmos se o acabamento é isso ou aquilo. Pelo que vi, este carro na versão topo custará 129mil. Se for, há uma diferença de praticamente 40mil reais para o 3008. É muita coisa. E não há como negar que ele esta com um desenho bem resolvido interno e externo.

            • João Senff

              Esse carro já foi apresentado a imprensa nacional e já saiu vídeo deles falando que o acabamento precisa melhorar e a própria Ford falou que alguns detalhes vai mudar. A certeza que não vem a 129 mil na versão topo de linha. Aqui em casa temos uma 3008 2019 Griffe Pack e apostamos na marca pelo programa total Care . Se a Ford mudar o programa de pós venda dela acho que até terá relativo sucesso esse Ford .

              • Eric PB

                A Peugeot chega a ser chata no total care. Minha esposa tem um carro da marca e ligam perguntando se ta tudo ok, após a compra do mesmo vários emails sobre pesquisa de satisfação. Como comparação, na Fiat minha toro não teve essas ligações foi mais o vendedor por zap perguntando se eu estava gostando do carro. Na GM um pos venda um pouco superior em relação a Fiat e o legal q vc pode escolher o mecânico responsável pela revisão do carro (ao menos na css q eu levo). Alguns detalhes na Peugeot encantam como entregar o carro lavado após a revisão e serviço leva e trás.

                • João Senff

                  Nas revisões do 3008 sempre falo não lave o carro eu trago aqui pra revisão e não pra lavar . Pois sou chato com o carro. Pois bem agora na revisão de 20 mil km mesmo eu deixando claro que não era pra lavar lavaram o carro e passaram um cheirinho horrível nele. Resumo estou com uma 3008 zero km peguei ela com 4, km como carro reserva para que eles deem conta de tirar o cheiro horrível que colocaram no meu carro.

                  • Fellipe Z

                    Viadão tu a
                    És

          • Sino Weibo

            A Geely melhorou os Volvo em 100%, principalmente interior. A Geely inclusive é a 4 maior montadora chinesa em vendas e a maior marca privada, junto com a GWM Haval, líder em SUVs la. A China vende 99% dos carros elétricos do mundo, e vc vem me dizer que estão atras de Hyundai e Kia? Sabe a tecnologia por trás de um carro elétrico?

            • Triton

              Na casa dele não entra Volvo por causa da Geely, mas entrou Peugeot mesmo com a DongFeng. Deixa ele…

              • Sino Weibo

                Boa kk pouca gente sabe que a PSA se reergueu em parte por causa da parceira chinesa. Bem lembrado.

              • João Senff

                O dia que a DongFeng colocar o dedo no projeto do 3008 aí conversamos.

            • João Senff

              Que a Geely melhorou a volvo em alguns aspectos isso sim mas em outros piorou. Entre volvo e uma do trio alemão prefiro o trio alemão.

              • Sino Weibo

                Piorou em que? A Volvo cobra mais por menos.

                • João Senff

                  Na qualidade de acabamento entra em um XC40 depois vai em seus concorrentes do trio alemão e me fala qual tem o melhor acabamento. Um ponto que ela melhorou foi no pós venda e com custo das revisões mas dizer que ela é melhor que o trio alemão nos carros de “entrada” aí é forçado
                  . O desing também melhorou e muito mas isso é subjetivo afinal questão de gosto.

                  • Glaydston Emmerick

                    Melhorou nos custos das revisões? Pra quem não roda muito e acaba fazendo as revisões anuais em função do prazo vai pagar mais caro do que nas alemãs. A revisão de 36 meses custa 3.600 reais, um absurdo.

                    • João Senff

                      E isso que melhorou antes não tinha revisão a preço fixo era a cada 6 meses e mega caro
                      .

            • Toyo_Highlander fan

              Infelizmente não existe montadora totalmente privada na China. O governo chinês detêm participação parcial em toda e qualquer empresa instalada na China. O sistema chinês de produção é metacapitalista.

              • Sino Weibo

                Se o governo tem interesse em se tornar partner das suas empresas para ajuda-las a melhorar, a subir, isso é ruim? Ruim é aqui que eles controlam empresas apenas pra gerar corrupção, muitas das vezes as empresas fecham ou ficam com dividas impagaveis. O modelo chinês até o momento se demonstrou eficaz.

                • Fellipe Z

                  Como vc é burro cara. Desde qdo um governo sócio de uma milhão de empresas ajuda elas?

                  • Sino Weibo

                    Quando esse governo é em um país serio onde existe pena de morte pra corrupção, pode saber que funciona kk

          • Triton

            “Aqui em casa nem volvo entra mais” (SNENFF, 2019). Me disseram que na sua casa só entra Caloi agora. É vdd isso? :-o

            • João Senff

              Caloi não mas Btwin acho uma marca legal de acesso das bike. Que a Geely melhorou a volvo em alguns aspectos isso sim mas em outros piorou. Entre volvo e uma do trio alemão prefiro o trio alemão.

          • Edinaldo_Tapica

            Vou lhe responder brevemente: Depois que andei no metrô de Buenos Aires, que é de marca chinesa e vi a qualidade geral do produto, entendi o nível de engenharia que eles já dominam. Procure por COMAC C919 no Google e seja feliz. Tá ficando feio pra você manter o pensamento conservador de que eles só fazem produtos pra loja de R$1,99.

            • João Senff

              Não tenho esse pensamento apenas que para eles chegarem em um nível bom para carros vai demorar. Agora atém gente aí que acha que eles já dominam a arte de fazer carros acham que são os melhores. Os chineses para mim ainda estão atrás da Kia e Hyundai.

          • Toyo_Highlander fan

            João Senff, como vc vê hoje a questão da Peugeot? Será mesmo que ela melhorou o pós-vendas e abriu mais o mercado de suas peças para lojas paralelas? Está valendo a pena agora em comprar um Peugeot?

            • João Senff

              Toyo a princípio nesse 1.5 ano e 20 mil km rodado sim o pós venda mudou e muito. Quanto ao mercado de peças paralela não sei te dizer pois ficamos no máximo 3 anos ou 30 mil km com o carro sempre.

    • Alaor

      Esse carro usado vai ser um king kong nunca antes visto. Pega o pós-venda horrendo da Ford e joga nele um carro que não compartilha NADA com o resto da linha. Vai ser um show de horrores.

      • Leonardo Silvano

        Pensei exatamente nisso.

      • Toyo_Highlander fan

        Rapaz, tenho que concordar com vc. Vai ser um “cavalo de tróia” esse Ford.

    • Mr. Pennybags

      Tb estou esperando comentários do tipo: ” O carro é top, mas ainda não tenho coragem de investir tudo isso num chines”.

    • Piston head

      Tens todo direito de pensar assim, mas quem o vê falando acha que és nativo de um país tradicionalíssimo em se tratando de automóveis.

    • LL

      amo esses comentarios, como se os carros desenvolvidos e montados no Brasil fosse referencia….

      • Eric PB

        chuto que o padrão de qualidade de algumas marcas chinesas nos últimos dois anos são melhores do que de muitos carros aqui ofertados. Aqui a industria brasileira depena até barra de proteção lateral!!! e os caras querendo falar mal de chinês…. ahh parem….

        • Francisco Helio

          Eita, vc se referiu a Peugeot????

    • G E O

      Se tem brasileiro que paga réplica de superesportivos italianos…. claro que vai ter gente comprando isso.

  • Jose Roberto Junior

    A cilada não é só o fato de ser tranqueira chinesa, mas juntando a isso o pós venda terrível da Ford, com um carro que não tem nenhum parafuso em comum com o restante da linha. Tá criado a bomba perfeita… Mas o mais triste é que eu acho ele bonito.

    • RPM

      Kkkkkk….ri com o seu comentário

    • David Diniz

      E qual seria o “pós venda terrível da ford” você diz? Por que tenho um Ford e até o momento não tive dor de cabeça e já precisei usar(recall da bateria)

      • Alaor

        Você usa todas as concessionárias? Então não venha questionar uma coisa geral com sua experiência pontual.
        É de conhecimento público, comprovado em pesquisas de satisfação, a Ford está sempre lá embaixo no ranking. O pós-venda é porco, aliás ultimamente tudo na Ford é porco.

        • Robinho

          ah ta que a montadora tradicional é referencia então? porque ja tive carros de todas e pra é tudo uma m*

      • João Silva

        Em Fpolis por exemplo eu nunca mais compro Ford. Tive um que incomodou um monte na garantia e as concessionárias não davam jeito, acabou a garantia levei num mecânico fora e era somente vela com defeito de fabrica, trocou e acabou…. Ford aqui nunca mais! Incompetência total!

        • David Diniz

          Mas ai não é culpa da Marca ford e sim da concessionária e o mecânico que não sabe fazer diagnóstico…

          • Jose Roberto Junior

            Culpa da Ford, pois as concessionárias são credenciadas e os profissionais treinados pela montadora, e muitas solicitações de assistência técnica só podem ser executadas mediante autorização da fábrica, sem contar que é responsabilidade dela auditar se o trabalho nos concessionários está sendo executado a contento.

          • João Silva

            Se fosse um caso isolado sim, mas não é! São generalizadas as reclamações sobre o pós-venda da Ford.

          • Miguel

            Eu acho que tem a ver com controle de qualidade, que pelo visto não existe!

            A Ford deveria ter relatórios e controle do que acontece numa concessionária da marca. A culpa é dela com certeza, cadê os parâmetros de qualidade no atendimento?
            Pelo visto não existem…

            • David Diniz

              Como se esse tipo de problema só ocorresse na ford…

              • Miguel

                Ninguém é inocente a esse ponto, sabemos que todos tem problemas. Só que existem aqueles que resolvem e aqueles que deixam rolar…

            • Edson Fernandes

              Controle de qualidade se diz a respeito de construção de um produto e não de peças providas por um fornecedor para N veiculos produzidos.

              Nesse caso fica a cargo da concessionaria com o devido teste diagnosticar o problema e resolver sem tanto prejuizo ao consumidor. Dureza é vc ir na concessionaria e ser destratado ou como tenho visto mto ultimamente (não só na Ford vale frisar) é tudo ser caracteristica do produto.(mesmo que seja uma gravissima falha)

              • Miguel

                Sabemos que o cambio automático da Ford não foi uma unanimidade…rs

                Mas eu pergunto com relação ao serviço realizado nas concessionárias, por que ela deixou chegar a esse ponto.

                Sabemos que não é só ela, mas a Ford deveria tomar pra sí esse trabalho de melhorar seu pós venda assim como a Peugeot está tentando fazer.

                • Edson Fernandes

                  Então, a Ford em um momento parece ter deixado de brigar pelo nosso mercado. E qdo digo brigar não se trata de vender super bem, mas deixar os produtos atrativos ao nosso mercado. O proprio Ford Ka andou perdendo itens de série e outros sendo piorado sem motivo algum.

                  Então não é só percepção de concessionaria assim como de produto que faz as pessoas começarem tbm a ficar com o pé atrás. E acho bom que a Ford se ligue nisso pq não só irá reduzir sua participação como pode complicar a vida num geral de uma história gigante em nosso mercado.

    • Sino Weibo

      Cilada é falar mal do carro sem conhecer.

      • Jose Roberto Junior

        Mesmo o que o carro chinês fosse um ponto fora da curva dentro da Ford, em robustez, já tivemos ford em casa e conhecemos várias outras pessoas que tiveram problemas na rede de concessionárias. O carro da minha irmã foi 8 vezes pra concessionária, e no fim, nunca resolveram o problema e até um parabrisa tiveram que trocar depois de muita briga, pois quebraram tentando consertar e não queriam assumir. E contar o problema que inúmeros tiveram com o powershift é chover no molhado, sendo que mais grave não era o problema em si, mas principalmente como a Ford conduziu(ou não) a resolução desses carros.

        • Sino Weibo

          Esses Ford eram importados ou brasileiros? Pq existe diferença. Vc ja viu problemas graves em Fusion? Edge?

          • João Silva

            A questão é que nem sempre são problemas graves. As vezes são questões simples que a incompetência da concessionária Ford não resolve. No meu caso era só vela com defeito de fabricação que me incomodou em todo o período de garantia (diversas visitas na concessionaria) e só foi resolvido depois que acabou a garantia quando levei em uma oficina generalista.

          • Jose Roberto Junior

            Sim, ford fusion, mk1,5 V6 AWD teve vários problemas de transmissão, mesmo tendo projeto mazda, ranger 3.2 5 cilindros com problema de injeção e transmissão, as vendas do edge são tão baixas que fica difícil fazer essa estatística.

    • Mr Tony

      Também não acho ele feio, até chegar naquela aberração que é a janelinha pós-porta do passageiro. Deixa os chinas copiar, mas precisava ser do Agile?

    • Miguel

      Pois é, não tem problema nenhum vir da China, mas a Ford está tomando um caminho que pra ela é mais fácil do que seria se investisse na fabricação dele por aqui.
      O que ela deveria levar em conta é que o carro não vai chegar barato. Vai competir com Compass, a principio parece ter um bom conjunto motriz (único porém do Compass), mas não é fabricado aqui, e como vc falou, com o pós venda horrível e peças importadas…ai, ai.

  • MarcosGojira

    Bonito e robusto (pelo menos por fotos). Tomara que seja o que a Ford precisa para se reerguer

  • Sino Weibo

    Os brasileiros estão nervosinhos pq agora vão engolir guela abaixo modelos chineses, inclusive nas montadoras tradicionais? Bom, quando não se investe em tecnologia, dependendo da dos outros, é isso que ocorre. Eles foram lá, seduziram as multinacionais, com um projeto conhecido por todo mundo mas duvidado por muitos, e hoje estão ae demonstrando que não brincaram no serviço de engenharia reversa. Fizeram escola e agora irão ensinar. O brasileiro vai assistir pianinho, reclamando, óbvio, mas sem produzir um parafuso, e irá comprar pelo preço que eles quiserem.

  • Mr Tony

    Trump dislike this sale… kkkkk

  • Mr Tony

    “Vovozinha, pra que uma alavanca de câmbio tão grande”? “É pra não errar as marchas, minha netinha”… “Mas é um câmbio automático, vovó”! “Não enche o saco, netinha, vai reclamar com os americanos, sorry, chineses”…

    • zekinha71

      É pra aparecer nos xvídeos netinha.

  • Mr. Pennybags

    Adorei esse Yusheng S330!

  • Chap

    O novo EcoSport BX755 terá comprimento de 4,3 metros e ficará próximo do Territory nas dimensões, além do que será um projeto mais novo e teoricamente feito pela própria Ford (ainda que em conjunto com a Mahindra). Então não sei se esse carro Territory terá vida longa por aqui.

  • TchauQueridos

    “Vamos eliminar toda a linha e focar em SUVs”

  • Paulo Lustosa

    Esse carro merecia o Duratec 2.0 Direct Flex de 178 cv ou o 2.5 flex de 173 cv do Fusion e o câmbio automático de seis marchas do Fusion pra compartilhar alguma peça com os Ford

    • Francisco Helio

      A Caoa foi inteligente e só disponibilizou um cambio automatizado e um motor turbo para toda a gama Cherry do Brasil. Golpe de mestre!

      • Edson Fernandes

        Não mesmo. O Arrizo 5 por exemplo é CVT.

  • Paulo César de Carvalho Júnior

    A Ford se preocupa tanto em manter uma identidade, e aí vai trazer um carro que de Ford só tem o símbolo… Não questiono qualidade, mas que o carro é feio é… Traseira de 10 anos atrás.

    • Rodrigo Pasini

      Olhando a foto da frente do carro, se tu colocar um símbolo da kia ele ficará perfeito.

      • Paulo César de Carvalho Júnior

        Olhando bem de perto, é muito feio, e de longe, parece que está perto

  • Luconces

    “Na China, ele emprega um motor que coincidentemente tem a mesma designação que um motor da Mitsubishi, mas em realidade não é.

    Desenvolvido pela JMC e AVL, da Áustria, o propulsor é também chamado de EcoBoost, mas não é.”

    -> No Brasil será vendido como Ford, mas não é.

    • Miguel

      Texto mais esquizofrênico! Kkkk

      • Luconces

        Mas realmente, esse carro não é Ford. De Ford só os emblemas.

        • Miguel

          Sim, sim. Quis dizer exatamente por isso.

  • Eduardo Zacchi

    Acho, só acho que devemos tomar um pouco mais de cuidados com o que receberemos, no nosso mercado quanto ao Territory. Se esse carro for bem no teste de impacto, conseguindo as famosas 10 x estrelas no LatinNCAP (motorista e passageiros) e seu conjunto mecânico for bom, junto com um acabamento mais esmerado (hoje o Ecosport tem um dos melhores acabamentos no segmentos dos SUV’s pequenos), isso pode nos surpreender!!!
    A Ford escorregou no tomate na América Latina, porque nos EUA e na Europa continua com ótimos produtos…

  • Zé Mundico

    O carrinho é engraçadinho mas se a Ford acha que vai incomodar o Jeep Compass com um carro chinês tá muito enganada.
    O problema não é ser chinês pela origem, mas sim pela assistência técnica e pelas peças que serão exclusivas dele e totalmente importadas da…China!! Rapaz, essas peças vão ser caríssimas!!
    Fica a impressão que vai ser um daqueles carros de nicho, direcionado para uma minoria que compra novidades e depois descarta para o próximo otário da fila que vai ficar com o mico na mão.
    Sem falar que as concessionárias Ford não estão com essa bola toda….reduzindo a cada dia.

    • Francisco Helio

      Na boa, a Ford precisa fazer volume com esse carro, se não vai terminar fechando as portas. E eu prefiro varias opções de carros no mercado!

  • Danilo

    Esse modo “híbrido leve” de 48v compensa tanto assim? Na Evoque dizem que a economia chega a 6% em relação ao modelo “comum”, mas compensa o investimento, tecnologia e manutenção pra tão pouca economia?

  • Francisco Helio

    Ou a Ford se reinventa ou fecha as portas no Brasil. Finalmente resolveu se reinventar. E não é demérito lançar um chines. Os chineses sabem fabricar bons produtos, como os Iphones.

  • Felipe Junqueira Netto Branco

    Interessante ,tenho Ford,rodo muito,ou seja,frequento bastante a CSS e nunca tive problemas de pós venda. Realmente um carro chinês tem que chegar primeiro e se provar,mas a princípio não vejo problemas. Até pq ” O melhor carro do mundo” convenceu muita gente…..

  • Toyo_Highlander fan

    Para quem não sabe esse Yusheng S330 empresta a base para o Landwind X7 que é o clone do Range Rover Evoque na China. Enfim um carro que foi lançado em 2016 na China já vai chegar aqui com 3 anos de lançado e apenas emprega os emblemas e a frente padrão dos Fords. Um carro que além de bonito não tem muita identidade com a marca da oval azul. É a mesma coisa do antigo Versailes em relação ao Santana. Um carro bonito, mas sem identidade com a montadora norte americana.

    • Sino Weibo

      Como nao tem identidade se vc acabou de falar que ele compartilhá com o Evoque chines? O Evoque tem DNA da Ford, pois a empresa foi dona do grupo Jaguar-LR e ainda tem participação. O estilo deste modelo nao ta muito longe do Escape.

      • Toyo_Highlander fan

        Vc viu não que o “Evoque” chinês é um clone pirateado, feito sem permissão da montadora e que gerou problemas juridicos até na China?

        • Sino Weibo

          O Evoque é de uma submarca chamada LandWind. E se vc pegar o modelo atual mudaram um pouco. Um carro daquele por R$30 mil na China com motor Mitsubishi de 170cv? Da pra perceber pq o mercado brasileiro é do jeito que é, olha do que vcs tao reclamando.

  • Edson Fernandes

    Se esse carro se provar um “Dacia” da Ford, ele será robusto. Mas creio que se a escolha recaiu sobre ele, é porque o mercado vai aceitar e porque ele será mto interessante ao nosso mercado. Só desejo que venha apenas com o motor 1.5 turbo. Nada do 2.0 de 178cv. Não faz sentido na gama que disputa e será um bom apelo de venda ao meu ver.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email