Europa Ford Mercado SUVs

Ford Kuga de sete lugares vai substituir Edge na Europa

Ford Kuga de sete lugares vai substituir Edge na Europa

A Ford vai seguir o mesmo caminho de Volkswagen, Seat e Skoda no mercado europeu e – muito importante nesse caso – no internacional com uma oferta de SUV médio com sete lugares. Segundo relatórios europeus, a marca americana está trabalhando para mudar totalmente o portfólio de utilitários esportivos no velho continente.


Nesse caso, a Ford quer produtos mais orientados para a região e o Edge não se encaixa bem nessa estratégia, pois é um crossover pensado para o mercado americano. Assim, a próxima geração do Kuga, que nos EUA é chamado de Escape, terá uma variante de sete lugares na Europa.

O modelo seguirá o modelo do Tiguan, que tem duas carrocerias diferentes para o modelo alemão (menor) e o mexicano (maior). Nos EUA, a nova geração do Escape já foi está sendo vista com as duas carrocerias propostas, sendo a menor, mais próxima de um cupê e a maior, mais tradicional e espaçosa.

Ford Kuga de sete lugares vai substituir Edge na Europa


A saída do Edge da Ford Europa, reforça a posição do Kuga, que assim poderá bater com mais força no trio da VW e de outras marcas. A Ford também prepara o Novo EcoSport para ser a porta de acesso do segmento no continente europeu, enquanto um crossover elétrico e de foco mais esportivo está confirmado para ocupar o lugar acima do Kuga de sete assentos, sendo este inspirado no Mustang.

Com estes três modelos, a Ford Europa espera reverter os prejuízos em vendas mais rentáveis. O Novo EcoSport deve continuar sendo feito no leste europeu (Romênia), enquanto o Novo Kuga obviamente será centrado na Espanha. Já o crossover elétrico inspirado no Mustang, será mexicano, o que significa um custo menor do que se fosse feito na Europa.

Aliás, este último chama atenção porque pode chegar ao mercado brasileiro sem o pagamento de imposto de importação, especialmente por causa de sua propulsão, podendo assim ter um preço melhor.

[Fonte: Auto News Europe]

Ford Kuga de sete lugares vai substituir Edge na Europa
Nota média 3.3 de 7 votos

  • th!nk.t4nk

    Pra isso o Kuga/Escape teria de renascer do zero. O modelo atual não tem condiçoes de encarar o Tiguan, que dirá pra substituir o Edge. Enfim, é mais uma atitude desesperada da Ford pra cortar gastos e tentar sobreviver, mas vai jogar o lineup um degrau pra baixo.

    • Henrique Guedes da Silva

      Não mesmo a Ford não altera emissão combustível kkkkk

      • th!nk.t4nk

        A Ford adulterou o software de suas pick-ups F-250 e F-350 pra passar em testes de emissoes. Aliás, pouquíssimas montadoras não participavam do esquema. A VW foi só a primeira a ser descoberta.

        • Henrique Guedes da Silva

          Então VW não é ban ban ban

          • th!nk.t4nk

            Ban ban ban é o barulho que o PowerShift faz :)

        • FocusmanBA

          A Ford não fez isso não. A Ford todos anos ganha premios como companhia idonea.

    • passis

      A Escape 2020 será apresentada muito em breve, acredita-se março. Um carro totalmente novo, na plataforma C2. Deve, como a Tiguan e 3008/5008, ter versões 5 e 7 lugares. Esse novo veículo é que pode substituir o Edge.

    • Vinícius Sza

      Você leu todo o texto ? Interpretou que é a próxima geração ?

  • R. Rover

    A Ford tem de bater em retirada e passar a fabricar apenas picapes nos EUA.
    Caso contrário, não sobreviverá.

  • Vitor

    bem q a ford poderia trocar a ecosport pelo ford escape.

  • Stunt

    É uma estratégia de risco, pois nunca se sabe se o novo será aceito. A favor ela tem que o Kuga/Escape já é um modelo consolidado, bem aceito e o mercado europeu é bem receptivo às inovações.

  • Hodney Fortuna

    Sinceramente, pessoalmente falando não vejo mais vantagem importação e exportação para o México nos próximos anos. Recentemente o país elegeu mais um cucaracha estilo bolivariano que quer queiram ou não vai afundar o México numa crise sem precendentes! Basta ver o tipo de presidente que recentemente venceu as eleições, um cara bem anti empreendedorismo, amigo de traficante e que foi um dos que reconheceram o ditador venezuelano como “legitimo” presidente. Diante disso não tenho bons prognósticos econômicos com o México. O Brasil vai precisar se aproximar mais de países que tenham uma ótica de mercado bem diferente!
    Penso que a Ford no futuro possa até tomar uma decisão drástica quando vir que o mercado lá esbarrar em breve!

    • cepereira2006

      Agora entendo o desespero do Trump para construir o muro kkkk

      • Hodney Fortuna

        A questão do Muro é outra coisa! Nada de importação e exportação! É uma coisa que ele combate que se chama Pacto Global da Emigração, uma política globalista defendida pela ONU onde derruba culturas e religiões visando substituir por uma única cultura e religião.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email