Europa Ford Lançamentos SUVs

Ford Kuga ganha versão à gasolina

ford-kuga-ganha-versao-a-gasolina-1 Ford Kuga ganha versão à gasolina







A Ford Europa, acaba de anunciar que o Ford Kuga, utilitário esportivo da marca produzido para aquele mercado, terá uma versão à gasolina a partir de Outubro.

ford-kuga-ganha-versao-a-gasolina-2 Ford Kuga ganha versão à gasolina

A nova versão será bem mais potente que o atual turbo-diesel utilizado pelo modelo, tendo 200cv contra 136 da versão diesel do Kuga. O motor 2.5 com turbo compressor é o mesmo utilizado no Focus ST, mas com 25cv a menos de potência.

ford-kuga-ganha-versao-a-gasolina-3 Ford Kuga ganha versão à gasolina

Mesmo assim, o Kuga acelera de 0 a 100km/h em 8,5 segundos e alcança os 208km/h. Nada mau! Já no consumo de gasolina, o Kuga atinge média de 10,1km/litro. Bom, para um SUV com 200cv, não acham?

ford-kuga-ganha-versao-a-gasolina-4 Ford Kuga ganha versão à gasolina

O Ford Kuga foi lançado na Europa, mas aqui a Ford nem cogita tal modelo. Poderia vir para cá? Claro que sim. Com o nova globalização da Ford, o modelo poderia ser feito no Mercosul e concorrer com modelos como o Hyundai Tucson, o atual líder do segmento por aqui.

ford-kuga-ganha-versao-a-gasolina-5 Ford Kuga ganha versão à gasolina

Evidente que o motor teria de ser o 2.0 litros do Novo Focus para equilibrar a disputa, além de poder ficar num espaço de preço entre o Ecosport e o Edge. Sem dúvida, seria uma ótima opção de utilitário esportivo para o nosso mercado.

Fonte: Ford Europa.



  • Gian

    seria interessante o Kuga sendo feito na Argentina pra atender a America do Sul e concorreria com Tucson,Captiva,Sportage e etc.
    resta saber se a Ford pense o mesmo,podiam lançar o Kuga como tbm a Focus Wagon

    não sei se o carro seria pesado pro 2.0 Duratec,mas que caso esse lindo modelo viesse mesmo sendo produzido aqui poderia vir o 2.3 Duratec usado no Fusion,seria legal :cool:

  • Fafner

    Motor a gasolina e não à gasolina.

  • huahuahua

    Tiguan e Kuga, para competirem com Tucson seria uma boa, a VW e a Ford poderiam importar… são tão bonitos… :cool:

  • luiz_2008

    Pra que a Ford traria o Kuga pra cá se temos aqui o belo, robusto e possante Ecosport???

  • luiz_2008

    [Comentario #100764 sera citado aqui]

    É com crase sim

  • LF_pitico

    Seria ótimo ter 3 SUV’s na linha Ford…
    EcoSport… entrada
    Kuga… intermediário
    Edge… topo…

    citei todos como SUV, mas acham q são Crossover neh?

  • Rafael FM

    BELO CARRO >> :rayban:

  • DarK_FlooD

    [Comentario #100775 sera citado aqui]

    Claro que é crase.. a = artigo.

  • Gian

    [Comentario #100774 sera citado aqui]

    ahahahahahaha,essa foi uma piada engraçada :clown:

  • IGAUM

    Se esse Kuga viesse pra cá e custasse 90 cruzeiros…

    Ia vender igual agua no deserto…

    Mas… como conhecemos bem a Ford… q vende o Novo Focus Ghia a 45mil reais na Argentina, e com imposto simbolico de importação de 1%, vai trazer o carro pra cá por 75mil…

    Não espero nada de bom dessa marca… :bate:

  • Fafner

    Lamento pelos que discordaram mas aí não há crase. Do mesmo modo que a loja tal funciona de 2ª a 6ª feira e não de 2ª à 6ª feira.
    Como não é do espírito do blog, mas apenas para tentar evitar a popularização de um erro contumaz, não vou esmiuçar as razões.
    Já agora, outros exemplos de erros comuns:
    Lombada à 100 metros; Sorocaba à 10 Km, etc.
    Por outro lado é correto: próxima curva à direita, vou à padaria, etc.

  • Vickad

    ao fafner…
    shaushaushaushau
    masssss
    carro bonito
    =]

  • Gian

    se venderem no Brasil não vai ter aquela tela LCD no painel :clown:

  • rafaelphanton

    O comentário 4 foi infeliz.Não sei pq falam tanto mal do Ecosport.Apesar de ter seus defeitos, não cobra absurdo(a nível Brasil).
    Gostei do Kuga, e achei econômico pelo motor que oferece, lindo carro.

    Gente, tem crase onde eu escrevi “a nivel Brasil”???

  • Claudio

    Tem cada comentário aqui de dar dó!
    Os caras falando de Kuga, e um cidadão vem por Ecosport no meio da conversa! Se não tem o que falar, fica queto!
    Todo mundo sabe que a Ford pretende trazer o Edge, ai sim da para conversar, apezar que eu prefiro este Kuga que é bem mais atual e faria sucesso por aqui!

  • thalles_lopes

    [Comentario #100775 sera citado aqui]

    [Comentario #100792 sera citado aqui]

    é SEM crase mesmo
    a crase num é feita pra diferenciar artigo de preposição não

    a crase é um sinal que indica que ali ouve uma junção de dois a (um artigo e outro preposição).

    ao invés de dizer vou levá-la a a escola
    vc escreve vou levá-la à escola.

    fica mais claro qnd vc troca escola por uma palavra no masculino.

    vou leva-la ao medico por exemplo

    ficou claro ai a junção da preprosição A com o artigo O.

    mas no caso do titulo da materia vc nunca diria por exemplo motor AO diesel. ou diria?

    portanto tb n diria motor a a gasolina.

    nesse caso não tem artigo
    só a preposição mesmo, por isso fica motor A gasolina, sem crase.

  • thalles_lopes

    [Comentario #100838 sera citado aqui]

    Houve*

  • Gian

    [Comentario #100835 sera citado aqui]

    o cidadão que fez o comentario do EcoSport foi ironico,se a Ford fosse esperta trazia o Kuga e colocava o Edge num segmento superior

  • luky

    Se a Ford fosse esperta…. nem trazia o EDGE (que só uma meia dúzia de abastados financeiramente vai comprar).

    Agora um Ford Kuga, na faixa dos R$ 85.000,00 iria vender muuuuuitoooo….

  • Luis.J.R.

    O edge pode até ser bonito, mais esse kuga é mais
    ainda?A ford poderia mesmo trazer o kuga para cá,
    venderia muito.Ou produzilo pelo menos na
    argentina,mesmo com os motores 2.0 do focus e com um preço razoavel. :cool:

  • luiz_2008

    sei que aqui não é lugar pra dar aula de português, mas vamos esclarecer. motor à gasolina leva crase SIM. basta dar uma olhada no google.
    Expressões adverbiais

    4. EXPRESSÕES ADVERBIAIS
    4.1 Masculinas. Não se emprega acento grave com expressões adverbiais masculinas.

    Exemplos:
    Matou a sangue-frio.
    Navio a vapor.
    Ando a pé.
    Ando a cavalo.
    Carro a gás.
    Escrever a lápis.
    Vendas a prazo.

    4.2 Femininas. É de tradição acentuar-se a “a” nas locuções femininas.

    Exemplos:
    Bater à máquina.
    Escrever à mão.
    Trancar à chave.
    Colocar à venda.
    Venda à vista.
    Cortar à espada.

    MOTOR À GASOLINA

  • Fafner

    Errar é humano, persistir no erro é… burrice.
    Em vez de consultar o Google, que tal consultar a gramática? Pode ser a da escola primária.
    Para não me alongar e explicar o que não deveria ser necessário, dir-lhe-ei apenas que em todos os exemplos que deu com crase no gênero feminino pode pressupor-se uma preposição que iria juntar-se a um artigo definido feminino singular.
    Tal não ocorre nas expressões “motores a gasolina” e “motores a diesel”, estas sim, as grafias corretas.
    Fui

  • luiz_2008

    entao cita a gramática que vc consultou, prof. Pasquale!

  • thalles_lopes

    [Comentario #100892 sera citado aqui]

    qualquer gramatica
    huiahuiahiuhai

    [Comentario #100881 sera citado aqui]

    agora me diga só uma coisa
    onde tu visse que A GASOLINA é uma locução adverbial?
    vê só
    se tu der uma olhadinha em faraco & moura por exemplo tu vai ver que adverbio é a palavra que modifica um verbo, um adjetivo ou outro adverbio.

    então me diga, motor é verbo?

    motor é um substantivo, logo a gasolina não é adverbio.

    esse a é uma preposição
    e a crase só ocorre qnd um A artigo se junta a um A preposição ou um pronome demostrativo (a = aquela).

    como nessa caso não cabe um artigo em motor “ao” diesel, tambem não cabe um artigo em motor “à” gasolina.

    logo o correto é MOTOR A GASOLINA sem crase.

  • Leopoldo Motta

    Essa discutição está sendo regada à gasolina.

    *antes que alguém “digite”, discutição também é uma palavra aceita.

  • camundongson

    Esse Ford Kuga é incrível. Um carro desses no mercado brasileiro custando uns R$ 90 mil levaria os coreanos à falência, com crase e tudo.

  • Gustavo Miranda

    Infelizmente é difícil de a Ford traser esse Kuga para o Brasil, a situação dele é a mesma que do Mondeo, muitos impostos para poder vendê-lo por aqui. Já os carros americanos populares, possuem um projeto barato, mais espartano e com poucos mimos comuns para eles, mas que para nós já é pra lá de suficiente para definir um carro de luxo ou executivo, assim carros pops como o Fusion ou o Edge são viáveis de se vender por aqui. Essa diferença de custos x tamanho do carro também faz com que seja inviável que a Ford venda o Kuga ou um Fiesta nos EUA com o mesmo nível de equipamentos e tecnologia dos modelos europeus. Talvez se ou quando a Ford pretender fazer um Kuga americano (mais despojado, com menos peças internas e materias mais baratos, suspensão mais simples) aí sim as chances dele vir para cá serão maiores.

  • V8

    é um carro diferente e muito bonito :clapp:
    só podiam ter posto uma corzinha mais bonitinha!! :hauhau:

  • luiz_2008

    [Comentario #100904 sera citado aqui]

    Nem sei por que vou responder mais uma vez a esse tópico. Deve ser porque gosto da língua portuguesa. Ao contrário de você, que citou a gramática sem ter consultado uma, eu me dei ao trabalho de pesquisar o Manual de Redação da Presidência da República. Está lá, na p. 44 da versão em pdf disponível no site da Presidência: “Emprega-se o acento grave, ainda, para diferenciar a preposição ‘a’ do artigo feminino singular ‘a’ em locuções como à caneta, à máquina”
    Sei que a dica do “à/ao” que a sua professora lhe ensinou na escola é muito útil e, realmente, funciona, mas apenas em 95% dos casos. Por exemplo, está errado dizer “escrevi ao lápis”. Mas está certo dizer “escrevi à caneta”, porque, se não for utilizada a crase, o leitor pode entender que a caneta foi escrita, que ela é objeto direto de escrever. O mesmo ocorre com motor à gasolina, que é sim uma locução adverbial, pois está implícito “motor (movido/propulsionado) à gasolina”.


Send this to a friend