Ford Maverick não vai para Europa – América Latina aguarda

Ford Maverick não vai para Europa - América Latina aguarda

A Ford Maverick chegou ao mercado americano, mas causando impacto também fora do CONUS, dado seu potencial de vendas e ineditismo no portfólio da marca de Dearborn.


Ainda que alguns torçam o nariz para o nome ou por seu visual, a picape da Ford está produzindo aquilo que a marca quer, ou seja, quanto mais repercussão, maior o interesse por ela.

Mas, enquanto alguns aguardam sua chegada, outros nem poderão pensar muito nela, como os europeus. De acordo com o Auto News Europe, a Ford Europa já adiantou que não venderá a picape monobloco no continente.

Ford Maverick não vai para Europa - América Latina aguarda

O motivo é a baixa demanda na região, onde a Ranger lidera com 44% das vendas, que no primeiro trimestre foram de somente 12.000 unidades. Ou seja, com esse market share, é um segmento muito pequeno por lá.

Tanto é que a Nissan abandonou as vendas da Navara (Frontier) na Europa, encerrando também sua produção. Renault e Mercedes-Benz também já haviam feito e esperamos o mesmo da Volkswagen com sua Amarok (produção), que será feita na África do Sul em segunda geração com a Ford.

Ford Maverick não vai para Europa - América Latina aguarda

Dessa forma, a Maverick ficará centrada nas Américas, onde o México receberá sua versão local em outubro, mas apenas com propulsão híbrida 2.5 de 194 cavalos e somente nas versões XLT e Lariat. Por aí, já temos uma ideia de como a Ford pretende apresentar sua picape fora dos states.

O motivo é a Ranger, amplamente vendida na América Latina, a picape média segue sendo um player de peso e ainda mais com a nova geração sendo feita na Argentina.

Ford Maverick não vai para Europa - América Latina aguarda

Como aqui ela parte da casa dos R$ 175 mil, ter a Maverick nos mesmos termos implicaria em fogo amigo. Isso deve acontecer também nos países vizinhos.

Por isso, o híbrido com CVT e tudo, seria um diferencial que os consumidores tradicionais de picapes evitariam, menos aqueles que andam bem longe da zona rural.

Ford Maverick não vai para Europa - América Latina aguarda

Nos states, a Ford busca consumidores de sedãs médios, compradores jovens, em especial mulheres, bem como aqueles que ficariam entre um crossover e uma picape média.

Com consumo médio de 17 km/l de gasolina (com 805 km de autonomia) e opção de rodagem sem emissão, a Ford Maverick Hybrid acaba sendo algo novo, que pode atrair quem quer inovar. O problema é que a marca cobrará por essa ousadia…

Ford Maverick não vai para Europa - América Latina aguarda

Nos EUA, assim, ela parte de US$ 19.995, mas numa realidade americana. Convertendo direto, sairia por módicos R$ 101 mil, mas sabemos bem que, na prática, mesmo vindo do México, a Maverick Hybrid não produzirá um milagre…

Ford Maverick 2022 – Galeria de fotos

[Fonte: Auto News Europe]

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.