Europa Ford Montadoras/Fábricas

Ford: Na Alemanha, 5 mil pessoas vão para a rua em reestruturação

Ford: Na Alemanha, 5 mil pessoas vão para a rua em reestruturação

Não é apenas no ABC que a Ford anda chamando atenção de forma negativa. Na Alemanha, país altamente dependente da indústria automobilística, a divisão europeia iniciou o processo de demissão de mais de 5 mil pessoas. A montadora americana revelou um plano de reestruturação de suas operações no velho continente e isso inclui dispensas.


Além de já ter fechado uma planta de produção de transmissões na França, agora os cortes chegam à Alemanha, que concentra a maioria das operações da Ford no continente. A empresa também anunciou que mudará toda a estrutura administrativa na divisão Europa, a fim de reduzir custos e burocracia.

Em comunicado, a Ford Europa disse: “Por meio desses programas e outras iniciativas, a Ford da Alemanha espera reduzir seu quadro de funcionários em mais de 5.000 empregos, incluindo o pessoal temporário”.

Ford: Na Alemanha, 5 mil pessoas vão para a rua em reestruturação


A companhia também adiantou que a decisão sobre os cortes que serão feitos no Reino Unido ainda não foi tomada, mas deve ocorrer, visto que o Brexit está levando o setor automotivo britânico quase à extinção. Nos planos da Ford Europa, existirá apenas três divisões internas: automóveis, comerciais leves e importados.

Todos os processos serão alterados para que a Ford Europa possa alcançar margem de lucro em torno de 6%, algo muito bom se comparado à Volkswagen, que atualmente caiu de 4,2% para 3,8%. No México, a Ford está esvaziando sua operação, mas não de todo, pois produzirá um crossover elétrico inspirado no Mustang e manterá alguns produtos por lá.

No Brasil, a Ford fecha Taboão (existem 3 interessados na fábrica, entre eles a CAOA) e exclui a divisão de caminhões e o New Fiesta, enquanto na Argentina, os modelos Focus e Focus Fastback se despedirão em maio, deixando por lá apenas a picape Ranger. Na China, a marca teve que recorrer à Changan para lançar um novo SUV, o Territory, que essencialmente é um projeto da sócia local e até foi mostrado por aqui.

[Fonte: Carscoops]

Ford: Na Alemanha, 5 mil pessoas vão para a rua em reestruturação
Nota média 4.2 de 5 votos

  • 4lex5andro

    Governo germânico correndo atrás da montadora via incentivos, via ”benefícios” fiscais…

    Please wait…

    ..

    .

    • Jr

      ..

      .

      Ford still waiting

      ..

      .

    • Stella

      se você quiser ver o filme “Captain Marvel” da mais alta qualidade (1080p HD 2019)
      todos os filmes disponíveis neste site, completos com a linguagem !!

      copie aqui: MOVIENET.XYZ

    • Millea

      se você quiser ver o filme “Triple Frontier” da mais alta qualidade (1080p HD 2019)
      todos os filmes disponíveis neste site, completos com a linguagem !!

      copie aqui: TOPSERIES01.BLOGSPOT.COM

  • Yuri Lima

    Vão dizer que é culpa do sindicalismo, do governo, bla bla bla…
    Sindicalismo/governo etc não conta nem metade da história. A Ford está fazendo uma reestruturação global. Fim de papo.
    No caso do ABC, a Ford dormiu no ponto. #FATO.
    Produzia lá a linha F (a mesma de 1998) defasada; a linha Cargo (apesar de boa, muito aquém da linha Titan/Constelation/Delivery da VW) e o New Fiesta (que deixou de ser NEW há muito tempo); Com o Fiesta, a Ford errou e insistiu no erro ao continuar com o câmbio PowerSHIT problemático, mesmo depois de aperfeiçoado, sua imagem já estava queimada. Tanto que o Ka utiliza um Aisin.
    Além do mais, a Ford abandonou completamente o Fiesta, deu mais atenção ao irmão menor (Ka), que tem relação custo/benefício, motor, câmbio e desempenho muito melhores que a versão similar do Fiesta.

    • Louis

      Vamos ver se lá o sindicato vai parar a produção em greve e sugerir boicote à marca, como fazem aqui.

      • Antonio

        É porque lá tem outros lugares para trabalhar.
        Aqui, com o desemprego enorme e a crise econômica aumentando, não há outras opções.
        Só em janeiro, a atividade econômica caiu 0,41%.
        E está piorando.

        • Walber Assis

          Que crise?? País ficou farriando 5 dias de carnaval,País em cruse a população não tem nem o quê comer…

          • Miguel

            Sim, não somos uma Venezuela, onde as pessoas não comem.
            Ainda bem que as pessoas ainda conseguem viajar e curtir um carnaval, significa que nosso mercado doméstico ainda tem algum fôlego.
            Isso é bom para os hotéis, comerciantes em geral, e principalmente para os funcionários, que ainda podem manter seu emprego graças à chegada de turistas ou mesmo moradores, que precisam comer e beber.

            • Antonio

              Diria que o Brasil está se tornando uma Argentina e a Argentina se tornando uma Venezuela.
              Próximo passo…….

              • Hodney Fortuna

                Diria se o poste dos tempos passados tivesse vencido a eleição! Estaríamos nesse momento peregrinando por papel higiênico e muitas empresas fechando por aumentos de impostos e redução drástica no movimento. A politica desses caras era de nos tornarmos uma venezuela gigante afim de sermos entregues nossos recursos por inteiros para os chineses.

                • Igor Lima

                  O negócio é entregar para os Americanos! Vende-se Brasil… Apenas 519 anos, barato, parcelado…

                  • Hodney Fortuna

                    Pois e! Quem diria a Russia e China que iriam levar o Brasil por inteiro e de graça se fosse o postinho!

                • R. Rover

                  Com a quantidade de ‘sujeiras’ que o Governo anda fazendo, vai acabar faltando papel higiênico aqui.

                  • Hodney Fortuna

                    Teríamos que exportar muito para o nosso vizinho essa materia prima.

              • Miguel

                O Brasil vai ser sempre isso, o ETERNO país do futuro, vivendo de tropeço em tropeço, alguns anos de crescimento e depois uma outra crise que arrasa com tudo… quando a crise não vem do governo (ou políticos em geral)!

                Ainda teve sorte quando no século XX conseguiu se transformar numa economia industrializada e virou um país rico e pobre (perdoem o trocadilho).

          • Caue Fonseca

            5 dias oficiais de carnaval…

          • Henrique Gouveia

            Em todos os países existem feriados prolongados como o nosso.
            Essa síndrome do cachorro abandonado é complicado.
            Vai falar pra um Chinês que ele não pode ter seu ano novo, onde todo mundo para pra comemorar…

            • Louis

              Mas em nenhum outro país tem tanto dinheiro público indo para o carnaval. Deve ser porquê está sobrando dinheiro. Mas as coisas parecem estar mudando.

      • Luciano

        Rapaz, os sindicatos europeus são duros na queda, pode ter certeza que cada trabalhador alemão demitido receberá muito mais compensações que o brasileiros

    • CanalhaRS

      Outra falha grave da Ford: em plena era dos SUVs, que dão mais lucros, ela não tem produtos! Vive apenas de Ecosport.
      Apostou no Ka, um produto de volume, mas margem de lucro baixa.

      • Alvaro

        Pois é, é irônico pensar que justamente a montadora que “descobriu a fórmula” e inaugurou o segmento dos SUVs compactos com EcoSport, hoje está as moscas nesse segmento.
        Infelizmente, foi bastante comodismo, e bem como você falou, concentrou-se os esforços no Ka.

        • Hodney Fortuna

          Eles poderiam lançar o Escort “chinês” no lugar do Fiesta! Ficaria um modelo para substituir o Fiesta e Focus na linha.

      • Junoba

        Mas Ford tem o Edge e o EcoSport.

        • CanalhaRS

          Que Edge, amigo? R$ 300 mil reais!!! Carro de nicho, que vende quase nada.
          Estou falando de SUVs que todos podem comprar.

          • Junoba

            Acabei de ver no site da Ford USA. Eles tem 6 SUVs. Ecosport, Escape, Edge, Flex, Explorer e Expedition. Mesmo se a Ford trouxesse estes modelos para o Brasil, o preço seria muito alto.

            • CanalhaRS

              Se o mercado quer SUVs ela tem que trazer os seus, ou criar outros modelos por aqui.
              Está ficando para trás por erros primários na direção.

          • Rodrigo Pasini

            300k num edge é uma piada de muito mal gosto. Ele não passa de um suv do fusion.

      • Hodney Fortuna

        Exato! Vive da Ecosport. O segundo SUV, a Edge é modelo para 300 mil reais. Nesse ponto a Ford bateu cabeça! E SUVs é uma categoria que ela se destaca nos EUA, onde oferece a mesma Ecosport, Escape, Flex (misto de SUV com Van), Edge e outros modelos derivados da linha F-Series.

    • Dherik

      Pior que tinham um motor excelente (Ecoboost 1.0) e simplesmente vão parar de ter carros com este motor no brasil

      • David Diniz

        O Motor é bom mas é somente a gasolina e poucos querem saber de mono combustível hoje em dia.

  • leitor

    Segundo algumas notícias, a Ford está se aliando à VW para ter lucros maiores. Então não pode ser concorrente da VW em sua própria terra. E se encontrou nesse negócio uma certa estabilidade, e condições mais seguras, não tem porque sustentar o menos estável assim, ainda mais sendo concorrente de seu novo plano. Deve ter alguma gordura, além de produzir mais, para queimar e se refazer caso algo dê errado depois.

    • th!nk.t4nk

      A Ford já vem mal das pernas na Europa há muitos anos. Eles vendem muito pra frotistas, e com margens ridiculamente baixas. Mesmo assim as vendas continuavam caindo, porque a concorrência ficou muito acirrada nos segmentos em que ela atua. A fama da Ford na Europa é muito ruim também, pra piorar as coisas. Só resta a ela se associar a outras montadoras ou ser vendida.

      • Jr

        Vi que o negócio ficou feio mesmo para a Ford na Europa, depois que a PSA comprou a opel/vauxhall da GM, os lucros da opel/vauxhall dispararam, ela abocanhou justamente o mercado da Ford na Europa

  • JOSE DO EGITO

    Parabens ao governo Alemao; Que se Fo@%a a FORD !!

  • th!nk.t4nk

    A matéria ficou bem sensacionalista. Na realidade a Ford não vai demitir praticamente ninguém. No mesmo anúncio foi dito que a grande maioria dos desligamentos ocorrerão de forma natural nos próximos anos, devido a aposentadorias. A única diferença é que essas posiçoes não serão preenchidas novamente. Mas pra rua de fato, só vão os temporários (que teriam de sair de qualquer forma, já que a Alemanha não permite contrato temporário superior a 2 anos).

    • Vinícius

      Não deixa de ser bastante preocupante uma empresa do porte da Ford, que emprega uma quantidade bastante significativa de pessoas na Alemanha, fechar tantas vagas assim, afinal quantas empresas oferecem mais de 5.000 empregos diretos na Alemanha? Com certeza a geração atual de empregados e futuros empregados sentirão.

      Como foi citado no caso do ABC, isso não interfere somente na vida dos empregados, mas em toda a economia da região que contará com 5.000 menos empregados, menos consumo, menos moradia e que não será substituído de maneira tão rápida.

      • th!nk.t4nk

        Então, a Alemanha tem perdido há continuamente dezenas de milhares de empregos blue-collar todo ano (produção que é transferida pro leste europeu). Mas mesmo assim o desemprego continua caindo (tá na casa dos 3%) porque estão criando mais empregos em outros setores (principalmente em desenvolvimento de produto). É triste que a Ford esteja indo mal, mas não é algo tão grave pro país em si, em vista da situação geral. Eu diria que bem mais problemático é no caso do fechamento de postos de trabalho no Brasil, já que neste caso sim esses empregos dificilmente serão repostos. De qualquer forma eu nao “comemoraria” perda de emprego, do tipo que for, mas os países precisam dar condiçoes pra que outros setores se desenvolvam. Olha a venda da Embraer: uma choradeira, mas nesse meio-tempo deixaram de investir em outras áreas estratégicas. Dormiram em berço esplêndido, agora nao há mais o que fazer.

    • Antonio

      Sim, mas o fato é que empresa está desidratando.
      Ficando cada vez menor, obviamente, tem menos poder de fogo.
      Qual seria o próximo passo dela frente às outras gigantes do mercado?

      • Jr

        É inevitável que a Ford diminua de tamanho, ela precisa de dinheiro para investir em eletrificação e carro autônomo, esse tipo de tecnologia não é barato de se desenvolver, ela esta fazendo isso para não ficar para trás das chinesas que tem investido nessa tecnologia a mais tempo e com forte apoio estatal, coisa que a Ford não tem e nem vai ter. Acho que a Ford meio que já aceitou que ela no futuro será uma empresa menor, mais enxuta e estará presente em menos mercados.

  • Ricardo

    Estranho esse título, pensei que era um protesto de 5 mil pessoas na rua. Haha

    • Marcelo Ecosta

      Pensei a mesma coisa quando bati os olhos rs

  • David Diniz

    Capitalismo é assim mesmo, uma hora a conta chega e é preciso diminuir custos para poder se manter vivo doa a quem doer.

    • Gran RS 78

      Continua sendo muito melhor que o comunismo.

    • Antonio

      Verdade. Tirando o fato que o dono da empresa sai rico e vai morar em Mônaco e o trabalhador sai pobre e vai morar na favela, é isso mesmo que vc falou.

      • th!nk.t4nk

        Bom, na Venezuela a família mais rica é a do finado Hugo Chaves. A filha dele mesmo, mora em NY e é bilionária. Exploração não é coisa só do capitalismo, pode ter certeza.

        • Hodney Fortuna

          A quem diga o Diosdado Cabello que é um dos homens mais ricos do Mundo.

          • R. Rover

            Sim. Dizem até que tem duas mansões em um condomínio de alto luxo na Barra da Tijuca.

        • Marcelo Ecosta

          A Venezuela é um país capitalista, com um governo de viés socialista. Continua tendo propriedade privada dos meios de produção, de imóveis etc.

        • R. Rover

          Sei disso, não. Se são, não ficam saindo do País para esbanjar no exterior como os tupiniquins fazem.

      • Louis

        Tente abrir uma empresa. Depois você volta aqui e conte sua experiência. rsrsrssrsrssrsrsrsrsrs

        • Ernesto

          Esse Antônio jamais fará isso. É só ler os seus comentários contra qualquer tipo de empreendedor. Para ele, todos são exploradores, só o Estado que não é. Rsrsrsrs.

          • R. Rover

            Ernestinhoo do MBL!
            Voltou?
            Está arrependido da asneria que fez?

            • Ernesto

              Arrependido do que, Antônio?
              Vai ver se ainda consegue alguma boquinha num sindicato pois as vagas estão desaparecendo! KKKK!!!

    • Hodney Fortuna

      E como seria com o Socialismo? Só dura enquanto se tem o dinheiro dos outros!

      • Marcelo Ecosta

        Quem são “os outros” no socialismo? Fiquei em dúvida.

        • Ernesto

          Use um pouco o cérebro que você entenderá.

        • Hodney Fortuna

          Dos países capitalistas que compram matéria prima destes! Atualmente a venezuela sobrevivia apenas da exportação de petróleo e o produto não está no seu melhor momento em termos de valor.

          • Marcelo Ecosta

            Então todo país, inclusive os capitalistas, vivem com dinheiro dos outros?

            • Hodney Fortuna

              Os capitalistas é quem fabricam o dinheiro.

              • Marcelo Ecosta

                Países socialistas também tinham seu dinheiro. A desinformação desse povo sobre socialismo, capitalismo e comunismo é gigantesca. Melhor falar sobre carros, assunto do site.

          • R. Rover

            Acho que vc é um dos que têm Fortuna apenas no nome.
            ‘Se orienta’!

            • Hodney Fortuna

              Não Rover! Para quem anda de Trabant e usa Rover no apelido, ainda não saiu da Alemanha Oriental no pensamento!

  • Léo Faria

    Culpa do PT que quebrou a Alemanha.

    • Daytona

      Paloci entregou o deus de vocês hoje de novo…Incrível que após PT endividar o Brasil pra vários trilhões e sumir com o dinheiro ter quem defenda…
      É do nível dos caras da terra plana!

      • R. Rover

        É só pedir desculpas que está safo.

    • rodrod

      petista detected

      nao conseguem responder perguntas como: por que pessoas tentam fugir de Venezuela e Cuba p paises vizinhos e nao o contrario?
      por que o 1° ministro judeu foi o primeiro a chegar p a posse do nazista?
      por que ter bandidos de estimação? p q defender Marielle q ha pouco tempo nem se sabia de sua existencia? PIOR: se ela defendia q bandidos sao vitimas da sociedade, entao p q investigar o caso? pois se achar o culpado entao ele nao deve ser preso, mas sim, solto. (como defendem vcs)

      etc

  • Luis Burro

    Então ñ foi tão ruim a Ford desistir do México por causa do Trump!

  • Luis Burro

    Mas como são mequetrefes estas multinacionais elas preferem vender dois carros por mês a abaixar o valor…tem mais é q falir msmo!

  • Luis Burro

    Transmissões?Deve ter sido o powershift kkkkkkk,bem feito qm fica idiotamente cego pela ganância acaba assim!

  • Chap

    Cortar as gorduras (excesso de contingente) é apenas um dos caminhos a serem tomados pela Ford.
    Há outros problemas, como os altos custos dos produtos que produzem (Focus e Fiesta são mais caros do que a concorrência p/ serem fabricados), e as vendas com descontos agressivos que na Ford eles se tornaram refém disso, pois hoje em dia o cliente já chega na loja achando que “Ford” é sinônimo de descontos generosos, seja na Europa, seja no Brasil.
    Precisam trabalhar fortemente isso, precisam fazer o cliente enxergar valor nos produtos, que são excelentes.

  • Renato Almeida

    Matéria um tanto sensacionalista. A Alemanha não é mais um país “altamente dependente da indústria automotiva”. Note que muitas empresas, como Bosch, estão investindo em outros segmentos. O setor de serviços responde por 70% do PIB alemão. Além disso, na reestruturação alemã, a Ford não vai simplesmente demitir 5.000 pessoas: ela deixará de repor mão de obra aposentada, não renovará contratos temporários, entre outros. Na Alemanha, demissões como vemos no Brasil não é algo simples de ser feito.

  • Alvaro

    Enquanto isso na diretoria da Ford…
    Meu Deus, precisamos re-estruturar a marca, enxugar o line-up, eletrificar a linha, lançar mais SUVs!!


    Brasil: o Ka Urban Warrior é o primeiro sedã off-road brasileiro

  • Hodney Fortuna

    Essa reestruturação na minha opinião é com o tempo encerrar a produção de veículos a combustão na Europa e possivelmente ser vendida para o grupo VW. Creio que as principais montadoras norte americanas tendem acabar com o tempo.

    • Robinho

      “Creio que as principais montadoras norte americanas tendem acabar com o tempo”.= Tai uma coisa que eu duvido, ainda mais se tratando de Norte Americanos e seus egos :/

      • Marcelo Ecosta

        A Chrysler já foi para os italianos. A Ford está nessa situação, só falta a GM.

        • Robinho

          Na verdade a Chrysler ja passou por varios, mas Ford e GM são muito grande, não vejo esta possibilidade, mas enfim, não sou guru do futuro, e outros gigantes ja cairam então melhor esperar e ver…

      • zekinha71

        É só lembrar da Pan Am que era um super ícone americano e da aviação, e virou pó já faz tempo.

      • Hodney Fortuna

        A questão não são os egos, isso hoje está mais para os chineses. Mas que essa reestruturação é posta em duvida da existência dessas montadoras para os próximos anos é até fato. A Ford na minha opinião está tentando enxugar seu portfólio e fábricas. Penso que essa associação que ela está fazendo com a VW seja para assumir a parte de pickups e pequenos caminhões da VW ao passo que a Ford tende a absorver os modelos elétricos de tecnologia da VW.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email