Ford Hatches

Ford New Fiesta SE 1.6: leitor relata processo de compra e primeiras impressões

new-fiesta-se-branco-3-700x393 Ford New Fiesta SE 1.6: leitor relata processo de compra e primeiras impressões

Olá a todos os leitores! O NA é para mim, assim como para muitos, uma dose diária de alegria e satisfação para aqueles apaixonados por carros, portanto, decidi contribuir com o relato das primeiras impressões sobre um Ford New Fiesta 1.6 SE manual adquirido há pouco tempo.



Antes, algumas breves informações sobre o carro: está atualmente com 750 km rodados, faturado como 2014/2014 e rodo diariamente com ele, tendo utilizado em duas viagens curtas (uma 300 km ida e volta) e outra com 60 km de distância (ida) e o resto em uso urbano. O intuito era versão 1.5 S ou 1.5 SE, mas na hora de conhecer o carro, a emoção e a racionalidade mudaram.

Carros procurados antes da compra

Passei em torno de dois meses estudando as opções, desde usados até 0 km, passando por diversas ideias na cabeça:

Peugeot 208: Cheguei a visitar o carro logo no começo de minha pesquisa, fui muito bem atendido na concessionária de minha cidade, onde todas informações e valores foram repassados corretamente, conforme valor de tabela. Me interessei no Peugeot 208 1.5 com o Active Pack, que inclui a central multimídia, volante revestido em couro, rodas em liga leve e outros. Na época, o valor ofertado foi de R$ 45.990. Achei um pouco alto devido o motor ser pequeno (8v e 95 cv). O carro me agradou muito foi que achei o interior o melhor da categoria, com materiais de boa qualidade ao toque, e bom espaço para todos passageiros, o painel de instrumentos era um show a parte, com suas informações claras e velocímetro digital. Ao ficar meio indeciso em relação ao preço, o vendedor pediu para que eu levasse até ele as melhores ofertas dos concorrentes para ver o que ele poderia fazer por nós. Por que não ele? Bom, sinceramente, o medo de ter um Peugeot (má fama de pós venda) me afastou, e um amigo o qual tem um Peugeot 208 Griffe AT está passando por alguns problemas no carro, após um ano de uso sem defeitos apresentados. Na época o qual fechei negócio no Ford, pediram R$ 47.990 nele (nova tabela de preços), portanto, não cheguei nem a visitar novamente à loja. Descartado.

Citroen C3: Apesar de ter lido ótimas impressões sobre o carro, caiu na mesma do Peugeot, são carros parecidos, e ambos têm a má fama de pós venda e preços caros para o que oferecem, não cheguei a conhecer o carro pessoalmente e nem estudar os seus valores. Descartado.

Hyundai HB20 1.0/1.6: Fomos até a concessionária e fomos muito bem atendidos, melhor atendimento dentre as concessionárias visitadas, nos interessamos na versão 1.0, fomos repassados o valor de R$ 36.900 na época, pela 1.0 top, que já vinha incluso direção hidráulica, ar condicionado, som com Bluetooth e entrada USB, dentre outros. O valor do 1.6 na época fomos repassados de R$ 41.900 ou R$ 42.900, não lembro exatamente o valor, conhecemos os carros e nos interessamos muitos, fizemos test drive apenas na versão 1.0, porém, apesar de ter achado um ótimo carro, achamos que valeria mais a pena os R$ 39.900 do Ford Fiesta 1.5S na época e levar um carro que possuía alguns itens a mais, como direção elétrica e ABS (O HB20 ainda fazia parte do lote que não possuía freios ABS), além de ser um carro estruturalmente superior ao HB20. Descartado.

Ford New Fiesta 1.5/1.6: Liguei para diversas revendas Ford (na época, os valores eram de R$ 39.900 para a versão S), todas repassaram os valores de tabela, escolhemos uma para visitar e fomos fundo (dois meses depois, quando íamos bater o martelo). Conhecemos a versão 1.5 S e a 1.5 SE, e gostamos do que vimos, o interior não era como o do 208, porém o conjunto como um todo agradou, tinha direção elétrica, trio elétrico (versão 1.5 SE), AB2 e ABS. Fomos aos preços, achamos alto o valor cobrado na versão 1.5 SE (R$ 46.900), sendo apenas de R$ 2.000 a diferença entre ela e a 1.6 SE, na qual mudava o painel (SYNC), controle de tração e de estabilidade, ar digital e hill holder. Ficando então entre a dúvida do Fiesta 1.5 S ou 1.6 SE. Pedimos descontos e eles vieram, foram dados R$ 2.000 de desconto na versão 1.5 SE, mais a pintura metálica (que custa R$ 1.090, totalizando R$ 3.000 de desconto), e R$ 1.000 reais na versão 1.6 SE, portanto, R$ 44.900 da versão 1.5 SE contra os R$ 47.900 da versão 1.6 SE. Os 130 cavalos e os itens de segurança eletrônicos, juntamente com o sistema SYNC fizeram toda a diferença, fechamos negócio.

new-fiesta-se-branco-4-700x393 Ford New Fiesta SE 1.6: leitor relata processo de compra e primeiras impressões

Conhecendo o carro

Bom, Antes, alguns detalhes do carro: Seu motor é de 130/125 cv (etanol/gasolina), quanto aos itens, se mostra bem completo, trio elétrico, direção elétrica, ar digital, controle de tração (TCS) e controle de estabilidade (ESP), airbag duplo, freios ABS com EBD, rodas de liga leve 15’’, faróis de neblina, retrovisores com pisca e dentre outros. Irei começar tentando detalhar o máximo possivo sobre o acabamento do carro:

Exterior

A primeira impressão que tive de cara foi que a Ford resolveu os problemas às primeiras unidades do New Fiesta, onde muitos reclamavam da baixa qualidade de pintura (arranhava fácil) e peças (como parachoque traseiro) com pequenos vãos no final da junta. Não encontrei nenhum desses problemas no carro atualmente, a pintura se mostra forte e peças como para-choques, estão todas bem encaixadas.

Interior

O interior do New Fiesta é predominante de plástico, com uma pequena área de tecido na parte de apoio dos braços, no geral, apesar de ser de plástico, é bem montado, sem rebarbas ou peças batendo (pelo menos, por enquanto), O material do painel é rígido, porém os botões são firmes e não apresentam fragilidade, eu, particularmente, gosto muito do desenho do “cockpit”, a área em frente ao volante, até o outro lado, tem um textura diferenciada, também de plástico, mas que quebra um pouco a monotonia de um padrão igual. Não é o interior do 208, mas que são claramente compensadas pelas outras áreas do carro, como comportamento dinâmico e itens de segurança.

new-fiesta-se-branco-1-700x393 Ford New Fiesta SE 1.6: leitor relata processo de compra e primeiras impressões

Desempenho

Como já era de se esperar, o motor 1.6 desenvolve bem, em baixas rotações, no começo, acredito que falta um pouco mais de força (tenho pé pesado), porém após ter rodado (está com 750 km), o carro se mostra mais disposto, mostrando força em baixas rotações. O motor sobe de giro fácil ao ser necessitado, e esse carro quando chega em torno de 4500-5000 rotações, o carro realmente acorda, chegando a ‘’empurrar’’ você um pouco contra o banco, empurra com vigor, retomadas se tornam fácil, e apesar de a direção ser elétrica, mostra-se ser comunicativa e tem peso ideal em baixas e altas velocidades (ela fica mais pesada à medida que a velocidade sobe), o carro se mostra sempre na mão, em uma viagem que fiz (300 km), o carro me impressionou com seu conjunto dinâmico, leve e ágil, e que estabilidade! chega a dar gosto de fazer curvas com ele, com uma suspensão mais firme, apesar de absorver bem nossas ruas lunares, o impacto é relativamente transmitido para a cabine, os bancos possuem bons apoios laterais, é um carro divertido e que trata você bem, me surpreendeu positivamente.

Consumo

O consumo do New Fiesta tem melhorado à medida que ele roda mais, atualmente, considero razoável-bom, ele, na gasolina, começou fazendo 6 km/l e agora está fazendo em torno de 7,5 – 8,5 km/l em trânsito pesado, do tipo anda e para. Abasteci o tanque com 50% etanol e 50% de gasolina, o carro se mostra bem esperto, o consumo ficou em 6,0 – 6,5 km/l. Na estrada, ele já se mostra econômico, nas ambas viagens que tive oportunidade de fazer, ele acusou uma média de 13,9 km/l em uma velocidade em torno de 100 km/h constante e na outra viagem acusou 11,4 km/l, essa foi com o pé pesado, com direito a retomadas fortes, e esticando marchas, sempre mostrando boa disposição com seus engates curtos e precisos. Acredito que a média na cidade ainda vá melhorar no decorrer do tempo, mas estou feliz com a atual média.

Custo/benefício

Acredito que o item mais vantajoso do Fiesta, desde a versão básica, (1.5 S), já vem com um pacote interessante, nessas 1.6 SE manual, já vem com o SYNC, que funciona muito bem, e não tive problemas até agora, apesar da conexão Bluetooth já ter caído uma vez ou outra perdida, e algo que me surpreendeu positivamente, foi o sistema de som, são 6 altos falantes, (2 menores do lado do trinco das portas) e os outros 4 em cada porta, mostra ter uma boa fidelidade em graves e agudos, claro, não é um Bose ou JBL, mas é bem decente o seu som. Além disso, estão presentes ABS com EBD, airbag duplo, trio elétrico, direção elétrica, controle de sons no volante, TCS e ESP, faróis de neblina, roda de liga leve, retrovisores com pisca e dentre outros.

new-fiesta-se-branco-2-700x393 Ford New Fiesta SE 1.6: leitor relata processo de compra e primeiras impressões

Entrega do carro

A entrega foi bem feita, o carro estava todo em ordem, limpo, e com tudo já configurado, o ‘’apresentador’’ do carro explicou bem suas funções (já tinha fuçado antes na internet) e outras coisas pequenas, vamos aprendendo no cotidiano.

Conclusão

O Fiesta tem se mostrado um ótimo carro, com bom desempenho, acabamento razoável, ótimo pacote de itens e um conjunto mecânico/estrutural bem interessante, ótimo atendimento da concessionária. Seu desempenho com uma pegada mais forte, e o seu conjunto como um todo, deixa o carro bem interessante, me fazendo bem feliz com a sua compra e não me arrependendo nem um pouco de não ter olhado outros carros, o seguro ficou cotado em torno de R$ 2.350 reais, sem perfil de condutor. Recomendaria? Muito!

Obs: Frisos das janelas laterais e a antena pequena coloquei após a compra do carro, visto que ele não vinha com esses itens (a antena original é muito grande)

Por AndreSt

4.0

  • Herbet Moreira

    Boa escolha. Ainda mais sendo o único com esse pacote de segurança. Parabéns e divirta-se com o brinquedo!

    • th!nk.t4nk

      Nessas horas vejo como as pessoas são diferentes, ele pagou pra trocar uma antena, porque considerava a original grande demais… Eu quando olho pro Fiesta, a última coisa que percebo é a antena :)

      • Minerius Valioso

        E eu nem sabia que tinha antena.

      • Emanuel

        Até tinha me esquecido que os carros tem antena, caramba. Eu reparava isso quando era criança

      • Andres Francisco

        E acredite, eu acho o modelo antigo(mexicano) mais estiloso que o brasileiro pelo fato da antena ser posicionada próximo ao vidro traseiro e não acima do parabrisa como o Fiesta nacional.

  • Gambaleão O Camaleão Daltônico

    Cada vez que eu vejo esse carro e o 208 me vem à mente que o preço deles deveria flutuar na casa dos 35k.

    Só não custam isso porque Brasil é Brasil.

    • Marcio Santos

      Isso acontece com todos os carros no Brasil, com alguns mais e com outros menos, o importante é que pelo que custa o fiesta 1.6 SE, seja hatch ou sedã, os concorrentes entregam menos.
      No final o carro tem o melhor custo benefício desta faixa de preço.

    • Chicão

      Se pegassem a mecânica/segurança do NF e colocassem no design interno/externo do 208, teríamos disparadamente o melhor carro da categoria.

    • Minerius Valioso

      Esses compactos deveriam estar na faixa dos R$30 a R$40 mil. E olhem que estou sendo bonzinho em relação aos preços. Eu poderia ir muito além.

      • Martini Stripes

        Minerius! Concordei contigo cara!! hahahaha ;)

    • Bruno Bicudo Cortes

      td topico a msm coisa, ja encheu o saco….

      • Gambaleão O Camaleão Daltônico

        Ok, reclamar disso já deu no saco né?Vamos parar de falar sobre o assunto então.

        Como anda o tempo? Tá sol aí?
        Saiu do trabalho já? Tá indo pra casa? Tá preso no trânsito? Ops, trânsito não! Trânsito lembra carro, carro lembra preço alto e a gente quer esquecer isso.

        Essa sua postura explica muita coisa que acontece nesse país nos dias de hoje.

        • Mmaykinho

          Cara, essa doeu até em mim.
          rs

        • FocusMan

          Cara mas isso é chato mesmo. Todos sabemos que as coisas deveriam ser mais baratas, mas para o tipo de mercado que é o Brasil, os preços não estão caros na verdade quando comparados com mercados como a Europa e oceania.

          Comparar preços com EUA não funciona. Nem com nenhum país sulamericano onde a renda é menor que a do Brasil, como a Argentina ou em países onde não existem custos elevados de distribuição como o Chile.

          Já deu isso!

          Trabalho com engenharia automotiva desenvolvendo carros e gosto de postar aqui, e sempre tento explicar que os preços dos carros praticamente são os mesmos há 10 anos, porém o preço das comodities subiram 6X. Acredito que o lucro era grande há 10 anos atrás, mas hoje o lucro é pequeno, tanto que algumas empresas veem amargando prejuízos na america latina.

          Sabe o que podia diminuir? Os impostos sobre os carros, que são caros aqui. Sabe o que poderia diminuir? Os encargos sociais sobre as empresas.

          Queria ver você investir milhões de reais em uma empresa em um país que a economia não tem sinais claros de estabilidade para os próximos anos. Você tem que desenvolver tecnlogias proprias para a região, fabricar ferramentas de produção, levantar instalações fabrís, treinar pessoas e depois ganhar dinheiro nos próximos 3 anos para pagar tudo isso, antes que o país entre na próxima crise e você não perca todo o seu dinheiro.

          Assim funciona o mundo amigo!

          Quer que o preço das coisas abaixe? Ajude a eleger pessoas que estejam comprometidas com a indústria e com o desenvolvimento do país e que encarem a meta de realizar uma reforma fiscal.

          • Guilherme Batista

            Cara, concordo com você em quase tudo, menos sobre os preços serem parecidos com o da Europa, não são e eu explico o porquê.
            Tirando de lado aquela baboseira que todo mundo fica falando por aí, fazendo conversão de moeda e etc. Existe um conceito muito mais fácil de ser comparado do que os valores de câmbio. Esse conceito é chamado valor de trabalho e compara o quanto pessoas com trabalhos e salários parecidos tem que trabalhar para adquirir algo. Darei um exemplo que vivenciei na minha experiência vivendo na França. Lá eu tinha um amigo que trabalhava como analista de sistemas e ganhava cerca de 2800 euros mensais, tenho amigs aqui no Brasil que tem a mesma função e ganha cerca de 3500 reais.

            O amigo francês consegue guardar facilmente cerca de 500 euros por mês, o amigo aqui no Brasil consegue guardar 1200 reais por mês.

            Nesse cenário, o amigo da França levaria 18 meses para comprar um Fiesta básico a vista( O fiesta europeu básico custa cerca de 9 mil euros).
            Já o amigo brasileiro demoraria 35 meses para comprar um Fiesta básico aqui no Brasil.

            Ou seja, o trabalho, ou esforço que temos que fazer pra ter um carro aqui no Brasil é muito maior que lá na Europa, logo os preços não são parecidos.

            De qualquer forma, concordo contigo que ta chato ficar reclamando as mesmas coisas sempre e você também abordou bem os motivos dessa disparidade.

            • FocusMan

              Você falou um ponto interessante realmente. Eu falei em termos absolutos de preço e realmente temos hoje uma grande disparidade. Entretanto faça a mesma conta usando salário de engenheiros. Na Inglaterra um engenheiro ganha em inicio de carreira 1500 libras. Aqui ganha cerca de 6 mil reais. Valores similares. Um Fiesta básico custa 9500 libras e ele vem sem rádio, ar condicionado, vidros elétricos ou travas elétricas. Porém vem com 7 air bags. Air bags custam muito pouco para um fabricante, menos do que ar condicionado e direção assistida. O valor do Fiesta básico nacional é de cerca de 10 mil libras, e ja vem com ar condicionado e vidros elétricos. O custo de vida na inglaterra é maior que no Brasil se você morar em Londres, mas é parecido se morar em Chesire ou algum lugar parecido. A diferença toda vem na qualidade de vida por la, pois os serviços públicos são melhores (nenhuma maravilha como na Suécia), mas monetáriamente não é diferente. No meu time de trabalho tenho alemães, ingleses, franceses e eles gostam de morar no Brasil e dizem que a gente, não fosse a insegurança, teria o melhor pais do mundo, pois o custo aqui é razoável pra o salário que se ganha como engenheiro em uma multinacional. Isso depende de profissão pra profissão, mas na minha realidade, viver aqui ou na europa é bem parecido em termos de custos. Claro que eu adoraria que a Alemanha ficasse no Brasil, mas não conseguiria passar o resto da vida na neve.

              • Guilherme Batista

                É, mas esse salario de 1500 libras é só o inicial né, além de que pelo que entendi esses estrangeiros que trabalham com você ganham salários altos aqui no Brasil. Tem uma pesquisa muito interessante da bbc que faz a comparação de salário em vários países(ver link). Repare que o salário médio anual do brasileiro é de pouco mais de 9 mil dólares, enquanto que dos europeus passam de 40 mil . Repare também que até na África do Sul o salário passa de 300 mil. Acho que só a India que consegue ser pior que o Brasil na lista. Por isso que digo que a disparidade é grande demais, os Europeus ganham mais e ainda gastam menos..

                http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2013/04/130326_wanted_migrants_clickable.shtml

                • FocusMan

                  Não é bem assim não.

                  Os gringos que trabalham aqui comigo ganham o mesmo salário de um brasileiro com o nível de conhecimento deles.

                  O salário médio de um Brasileiro é de 9 mil doláres é uma amostra de quanto temos de desigualdade social. A questão é que na Europa mesmo sendo faxineiro você vai ganhar um salário razoável para viver.

                  O salário médio de um engenheiro na minha área em início de carreira é de 70 mil reais por ano.

                  O custo de vida na Europa é Altíssimo, quem pensa que é barato se engana.

                  • Guilherme Batista

                    Mas o poder aquisitivo você mede é de um pais inteiro mesmo, não só de engenheiro.
                    Sobra a vida lá ser alta, não é. Só é caro pra quem é Turista.
                    Morei na França, em Paris ainda por cima, que é uma das capitais mais caras. Lá eu pagava 350 euros por ano pra usar de maneira ilimitada o transporte público de Paris e ainda por cima, nos fins de semana era gratuito até mesmo para outras cidades. Meu plano de celular era um dos mais caros, pois eu queria um que pudesse ligar para o Brasil. Pagava 39 euros por um plano onde ligava e mandava sms ilimitado pra todo territorio francês, ligava ilimitado para qualquer fixo na América do Sul, América do Norte e países da União Européia, tinha 8GB de limite de internet e a quanto a velocidade, era sempre a mais rápida disponível no local(3G cerca de 12Mbps e 4G 35Mbps). Se eu pagasse mais 19 euros por mês ainda teria direito a TV a Cabo em alta definição. Como trabalho com TI eu precisava de um computador de alto desempenho, então paguei 1 mil euros em um notebook de alto desempenho lá, aqui esse notebook custa cerca de 11 mil reais. Como eu fazia comida o gasto com alimentação era cerca de 110 euros por mês. Nas viagens eu costumava alugar carro e gastava cerca de 20 dólares por dia e os hotéis pagava entre 19 e 50 euros isso incluindo viagens para paises vizinhos. Também já usei trem bala e avião, é comum achar passagens entre 40 a 60 euros, mesmo para outros países. Eu morava em uma rua de comércio, na zona leste de Paris, na época das férias de verão, o comercio da rua fechava e os donos e trabalhadores tiravam férias, só ficava aberto alguns supermercados, bancos e cabeleireiros.
                    A unica coisa que é realmente caro lá é o aluguel que no meu caso, pagava cerca de 700 euros mensais por um quarto com banheiro, mas em compensação eu tinha uma auxilio do governo de cerca de 256 euros para pagar o aluguel. O governo também paga um auxilio para quem tem filhos, o valor depende de cada família.
                    E por fim, as pessoas não precisam se preocupar com escola ou faculdade, pois o ensino publico é bom suficiente

          • Gambaleão O Camaleão Daltônico

            Putz, acho que encontrei o único brasileiro que acreditou que as montadoras lucram 300 reais por carro vendido!!! Prazer em te conhecer, Focusman.

            Do jeito que você falou deu até vontade de escolher uma montadora e doar uma grana porque Criança Esperança é pros fracos.

            Rapaz, se eu me proponho a atravessar uma selva eu não posso reclamar de mordida de mosquito. É difícil montar uma industria de automóveis no Brasil? É, mas ninguém foi obrigado a vir. Vieram porque mesmo com todas as dificuldades viram que poderiam aqui ganhar um bom dinheiro. E estão ganhando! Sabe como eu tenho certeza que estão?

            Porque eu (cliente) estou perdendo.

            E se você quer me ver investir milhões de reais numa economia que não tem sinais claros de estabilização eu te digo que invisto com 1 condição: basta que os políticos que conduzam essa economia desestabilizada estejam todos no meu bolso. Aí eu invisto fácil fácil. Alguma semelhança com o Brasil???

            Mas no final das contas você acaba acertando sem querer: o que resolve isso não é SÓ reclamar na internet, é eleger políticos descentes.

            Mas dizer que está enjoado do assunto é tão construtivo quanto dizer “não aguento mais ter câncer”.

            • FocusMan

              Cara, eu trabalho com isso. Se você não leu o que escrevi, leia de novo. Eu sei o custo de um carro. Se você quer ser revoltadinho, não posso fazer nada, mas pelo amor de Deus! Isso é um forum sobre automóveis, não um fórum sobre depressão!

              • Gambaleão O Camaleão Daltônico

                “Eu trabalho com isso”, revoltadinho, depressão… Parece que acabaram-se os argumentos, não?

                Eu vi que vc disse que trabalha com engenharia automotiva e desenvolvimento de carros. Acredito que vc realmente saiba o custo de alguns componentes, mas é no minimo estranho vc afirmar que sabe o custo de um carro para a montadora.

                Se vc dissesse que trabalha em contabilidade ficaria mais fácil de acreditar.

                Agora deixa eu ir ali doar uma graninha pra GM porque a coitada não ta ganhando quase nada com cada Camaro que vende.

            • Rodrigo

              Aplausos pelo seu comentário (de pé)!

          • Roberto Souza

            Quer ver o teu argumento ir todo por terra? Entremos no sitio do Banco Central e vamos checar como andam as remessas de lucros que essas multinacionais fazem ao exterior todo santo ano. É legal, dá uma olhada lá.

            • FocusMan

              Entra lá e posta aqui. Eu trabalho com isso, sei que estou falando a verdade.

              • Roberto Souza

                Já entrei e vi que você não usa argumentos validos.

                • FocusMan

                  Manda o link pra mim, que assim aprendo também…

                  Pois o relatório que eu li estava escrito números negativos…

    • FocusMan

      Que papo chato cara… .
      Todo tópido nego vem encher o saco com essa história.

      Isso já cansou. Vamos falar sobre o carro e sobre eles serem bons ou ruins.

      Tá caro? Tá… mas quem reclama não é quem está comprando, mas quem não quer comprar. O preço do carro não é caro quando comparado com a Europa

  • Luis Henrique

    Estou estudando pegar ele ou o novo Ka 1.0 SEL. O que mata são os 10k de diferença no preço, mas ainda nem olhei as CSS, se chorando eles melhoram algo.

    • Minerius Valioso

      Eu te indico pegar o Ka com motor 1,5 litro. Embora eu nunca tenha dirigido nenhum destes modelos, com certeza compensa mais levar o motor maior.

      • Darlan Soares Oliveira

        Cara, tenho essa mesma dúvida… Estou me planejando pra comprar um ano que vem e fico com essa mesma dúvida: 1.0 SEL ou + R$ 5k e 1.5 SEL?
        Consumo melhor, ou motor mais forte? Pelo que a mídia fala sobre esse 1.0 tricilíndrico, que é mais econômico, mais potente que os 1.0 do mercado, fico na dúvida…

        • CharlesAle

          Eu escolheria o SEL 1.0,pois o 1.5 tem uma diferença grande de preço,sem contar que o forte das vendas do Ka será o 1.0,o 1.5 será um modelo meio deslocado!A grande vantagem do 1.5 é que será um carro de desempenho empolgante até demais!mas como o foco do Ka será o 1.0,vou nele.Sem contar que há um bochicho que virá forte aumento dos combustíveis pós eleição,principalmente gasolina,como o 1.0 é muito econômico(hoje foi provado comparado a outros carros UP e Fox,em outro blog)o Ka mesmo mais pesado foi só um pouquinho menos econômico…

        • Luis Henrique

          Fui ontem numa CSS aqui em Fortaleza, fui bem atendido e fiz uma simulação de financiamento do SEL 1.0, taxa de 1,37% dando 15k de entrada. Com essa simulação o mito do consórcio foi por água abaixo, no final saiu quase o mesmo valor. Tou 80% decidido no KA com tendência ainda para procurar um Fiesta SE 1.6, porém a avaliar seguro e consumo do KA.
          Quanto ao KA SEL 1.5, eu descartaria, pois por esse valor eu iria logo de cara no Fiesta que citei.

          • Darlan Soares Oliveira

            Legal… Agora, vc fez a simulação pra quantas parcelas do financiamento? Essa taxa de 1,37% não esta tão boa… O mercado esta ruim, logo logo eles fazem uma promoção juros zero…

            • Luis Henrique

              SImulei em 36x e 48x. Preço final ficava na faixa dos 50k, 51k. Pois é, também não gostei muito dessa taxa não. Mas como a pretensão de comprar é para o final do ano eu vou tentando até lá barganhar mais o preço. E também existem outras CSS da Ford aqui que ainda vou visitar e ver o que me oferecem.

      • José Eduardo D’Acampora Guazzi

        Ka 1.5 SEL esta saindo mais de 44mil reais, perto dos 47mil que se consegue o Fiesta 1.6 SE com mesmo pacote de segurança, o Ka não vale a pena. O Ka 1.5 esta deslocado em preço em todas as versões, acabei de tirar um Fiesta 1.5S por 41550 já com Ipva+Emplacamento+pelicula, e um Ka 1.5 SE sai 40390 sem nada para negociar. O Motor 1.5 no Fiesta tambem rende um pouco mais que no Ka, fora o ajuste mais esportivo do Fiesta (isso vai de gosto mas a pegada do Fiesta é melhor).

        • Marcos Souza

          Foi por causa disso que a GM parou de trazer o Sonic…o ônix completo ficava muito perto do Sonic q é bem mais carro… Então melhor tirar o Sonic que o lucro é menor… Acho que ou o fiesta sobe de preço, ou o ka baixa de preço ou um deles vai deixar de vir com o motor 1.5….

    • Martini Stripes

      Não esqueça do seguro e manutenção, dependendo do quanto vc roda e de como roda, o ka pode ser ideal e te atender muito bem.

      • Luis Henrique

        Isso mesmo. 80% decidido no KA, ainda nem avaliei seguro e manutenção, mas acredito que seja mais viável, no meu caso, manter um KA com seguro, manutenção e eventuais despesas que possam acontecer do que o New Fiesta. Consumo eu não posso avaliar ainda porque não temos ainda opinião de alguém já andando no dia e comprovando se o KA consome mesmo o que dizem.

  • João_Paulo.GTI

    Ótima compra

  • dallebu

    Otimo carro, e ótima compra.
    Dinâmica, Segurança e Design pra mim são fatores chaves na compra de uma carro.
    Uma pergunta.
    O New New Fiesta Europeu tem uma tampinha redonda no para-choque dianteiro que esconde a rosca aonde vai parafusado o gancho para o carro ser rebocado.
    No modelo Brasileiro e Americano/Mexicano essa tampinha não existe e não vejo um local aonde se poderia amarrar uma corda ou uma haste rígida para rebocar o carro…
    Gostaria de saber com o autor do texto (ou através de alguém que possui o carro) se no manual tem alguma informação a respeito ou será que o carro perdeu a possibilidade de ser rebocado??

    • Andre Studart

      Não verifiquei, mas amanhã cedo irei dar uma olhada e respondo aqui mesmo!

      • Paulo Salla

        Parabens pelo relato Andre..
        comprei um carro identico ao teu, 1.6 SE manual 2014/14 BRANCO, no mes de maio, paguei 46.500,00
        meu carro ja ta com 8200km, as medias na estrada sao estas mesmas( entre 13 e 14), ja na cidade (como moro numa cidade “pequena” 200mil hab) fica na faixa de 11,5 km/l com transito leve!
        certamente, ao ir amaciando, tuas medias vao melhorando!
        tbm troquei a antena e pus uma curta, e por gostar muito de rodas maiores, coloquei umas 17 polegadas!
        me diz uma coisa, onde comprou e qto pagou nas molduras cromadas dos vidros, quero colocar tbm!

        ate coloquei ai umas 2 fotos pra o pessoal dar uma olhada!

        • Andre Studart

          Então cara, paguei 250 reais pelos frisos laterais, a instalação é bem simples e eu mesmo fiz aqui na garagem.. Eu comprei no mercadolivre, mas acredito que o vendedor tenha encerrado o anuncio, mas vocd continua encontrando os frisos no site ali express! Qualquer coisa, da uma olhada no new Fiesta fórum clube que o pessoal posta com bastante frequência sobre links como a antena curta e os frisos!

          Quantos aos aros, show de bola! Eu acho os originais bem normais, mas trocar jogo de pneu e aros sai caro, ainda mais quando esta tudo novo, quem sabe mais pra frente eu troque também, parabéns! Seu Fiesta ta lindao!!

        • Guilherme Batista

          Só pra efeito de comparação, tenho o modelo 1.5 e o meu faz 8,3 km/l na cidade e 13 km/l no álcool e olha que moro em BH, uma cidade que tem uma altitude elevada. Ainda farei as medidas na gasolina.

          Agora uma dúvida, você está fazendo as medições pelo computador de bordo? Isso porque como você colocou rodas maiores a medição passa a não ser precisa.

          • Paulo Salla

            entao Guilherme..
            essas medias q comentei foram na calculadora…
            mas, tenho q levar em conta q essas rodas maiores fazem o consumo aumentar!!

            • Xandão Teodoro

              errado, a roda maior faz justamente o carro ficar mais econômico pois o eixo gira menos para você andar a mesma distância que com as rodas menores (faça um teste com bicicleta com marcha, mantendo a mesma catraca e mudando apenas a coroa, veja qual você precisa pedalar menos para andar mais), o problema é se você mora numa cidade com muitas subidas, aí sim pode aumentar um pouco o consumo, o mais grave fica por conta dos freios, o povo costuma dizer que ficam cansados, ou algo assim, logo você precisaria pisar mais forte para frear quando colocasse as rodas originais outra vez

    • Guilherme Batista

      Segundo o manual,não tem a opção de rebocar dessa forma, o manual te instrui a chamar um reboque ou o sistema de assistência da Ford

  • Igor Queiroz

    eu tenho um igualzinho ao seu, o consumo tem que melhorar viu, o meu faz mais de 10 na cidade na gasolina..no mais é um excelente carro

    • Gustavo Fortes

      Tb tenho um idêntico, só que preto e já com 14000km. O consumo vai melhorar. O meu tá fazendo 11.2 km/L em São Paulo com ar ligado 70% do tempo. Mas não abuso nas acelerações…

  • Chicão

    Boa compra.
    Mas o seu modelo veio com o famigerado problema no alarme ?

    • Gambaleão O Camaleão Daltônico

      Conte-me mais sobre isso.

      • Chicão

        Saiu matéria aqui no NA. Procure lá ;)
        Mas resumindo. O alarme perimétrico não disparava ao abrir a porta.

        • Gambaleão O Camaleão Daltônico

          Valeu.

    • Guilherme Batista

      Na verdade isso não é um defeito, é característica do carro e infelizmente a Ford ainda se recusa a resolver.

      • ÓQUEI

        Que “problema” é esse? Dispara sozinho, do nada ou algo do tipo?

        • Martini Stripes

          Ao contrario, vc abre a porta e o alarme nao dispara, os ladroes ja sabem disso e o Fiesta virou alvo facil para roubar itens do interior e estepe.
          Mas parece que foram nas primeiras unidades, parece. Tem uma materia no NA que fala disso

      • ViniciusVS

        Você é funcionário da Ford? falou exatamente o que a maioria é treinada a falar “não é defeito, é uma característica do carro”.

        • Guilherme Batista

          Não sou funcionário da Ford, eu falei o que a Ford falou pra mim e pra todos os consumidores que reclamaram. A não ser que você seja engenheiro ou algo do tipo da Ford você não tem argumentos para contestar essa afirmação.

          Além disso esse problema não é só do Fiesta, Peugeot 408, e alguns Toyotas também tem essa característica.

          • ViniciusVS

            Legal essa Característica da Ford, palmas para a Engenharia que cria um Alarme que não dispara, é quase a mesma engenharia utilizada na bola quadrada do Kiko.

            • David Diniz

              hahaha você não merece palmas merece o tocantins inteiro sério.

              Realmente alarme que não dispara é igual a bola quadrada do Kiko

    • Andre Studart

      Então, não testei, mas acredito que tenha sido resolvido, a maioria dos problemas iniciais que vinham no carro foram resolvidos

      • Chicão

        Que bom!

  • Guilherme Batista

    Opa, me interessei por esses frisos e antena ai. Não sei se é permitido aqui nos comentários, mas se for, poderia me falar onde comprou?

    • Andre Studart

      Claro! A antena foi no mercado livre, so fiz botar “antena curta new Fiesta” e o frisos procurei la também, mas acredito que já tenham esgotados, mas ainda estão a venda no aliexpress, da uma olhada no new Fiesta fórum clube que eles vão saber te informar direito!

      • Andres Francisco

        Meu tio comprou um Punto em 2012 e ele tb trocou a antena por uma mais curta, que era oferecida como acessório na concessionária.

      • Alex Dusfri

        Desculpe a pergunta meio boba, mas como foi a instalação dos frisos nos vidros? Teve que retirar as borrachas existentes e substituir ou é colado por cima? Eu acho muito mais bonito com os frisos cromados, pena que só na versão Titanium que vem. Minha irmã está comprando um SE Powershift e lamentou o carro não vir com os frisos, vou aconselhá-la a colocar depois. Só temo pela durabilidade não ser nem perto do original e quando se soltar deixar alguma marca no carro tipo cola ou mancha no lugar.

        • Andre Studart

          Então, a instalação é bem simples, o friso vem com uma borracha dupla face já no verso dele, e acompanha um primer, você limpa a borracha preta com um pano com álcool, tirar impurezas, depois aplica o primer ao longo da borracha preta, espera secar (1hr), tira a película da borracha no verso dos frisos, w vai colando e ajeitando com a mão por cima das borrachas pretas!, achei os frisos muito bem feitos e as partes que ficaram com folga, apliquei uma super bonder e ate agora tudo show!

          • Alex Dusfri

            Legal. Obrigado por responder.

      • Guilherme Batista

        Também estou la no clube do Fiesta e vi o povo falando que comprou no Ali Express, só que não queria esperar esse tempo todo e agora tem muita gente tendo problema com a alfândega. De qualquer forma obrigado!

        • Andre Studart

          Então, demora sim, diria em torno de 30-60 dias, mas chega! Quando cinprei os meus tinha sido repassado pelo vendedor que iria receber uma nova leva no final do ano, época que ele deve reabrir o anuncio novamente, caso não queria pelo ali

    • Paulo Salla

      opa…

      mais um new fiesteiro…
      comprei a minha na ccs da FIAT, isso mesmo, a antena original do punto, eh mais barata e fica perfeita = 42 reais

      • Guilherme Batista

        Ficou muito mais bonita, vou procurar, valeu!

  • Davyson Costa

    Legal o relato, mas acho que o carro rodou muito pouco ainda para falar se os problemas(pintura, barulhos internos, etc) foram realmente resolvidos pela Ford.

    • th!nk.t4nk

      Barulhos internos? Que eu saiba o Fiesta nunca teve isso. Aliás, o silêncio interno é justamente um dos diferenciais do carro. Em contrapartida, o Fox que tive era uma escola de samba desde o primeiro mês.

      • Davyson Costa

        Sim, sim! Barulhos internos, rebarbas de acabamento, plásticos mal encaixados. Basta uma procura rápida na net e você verá. Sugestão: 1 – Entra no grupo do face chamado “New Fiesta Hatch”. 2 – Pesquisa no youtube “New Fiesta problemas” 3 – E uma pesquisa no goolge.
        Aí tem vários relatos. Abs

        • José Eduardo D’Acampora Guazzi

          Peguei a uma semana um 1.5S modelo já 2015, comparei com um 2014 (do inicio do ano 1.6 SE) do meu colega de trabalho e já percebi um melhor cuidado na montagem interna e externa com melhor alinhamento de peças como por exemplo o porta luvas que no meu tem o encaixe alinhado e não caido na esquerda como o dele. Pintura (branca) não notei tons diferentes como alguns relatos. Esta ainda com 600km, assim que completar pelo menos 5000km faço um relato do dono comparando essas pequenas coisas que incomodam donos das primeiras levas de produção.

          • Davyson Costa

            Legal, cara. Tomara que a Ford tenha melhorado a montagem mesmo. 5000km é uma km boa pra ter noção de como o carro está.

            • th!nk.t4nk

              Meu Fiesta é um dos primeiros fabricados no Brasil, e é totalmente livre de ruídos. Andei no de alguns colegas, igualmente silenciosos. Nos fóruns do carro também nunca ouvi reclamações sobre isso. Já rebarbas e desalinhamentos sim haviam muito nos primeiros, mas felizmente corrigiram. Reforço que o Fiesta é um dos modelos mais silenciosos em sua categoria, tanto em ruído baixo do motor, quanto em acabamento.
              edit: reclamavam de barulho do câmbio automático, mas aí é uma situação bem diferente, e mesmo assim é um pouco mais silencioso que o câmbio do Golf.

              • Roberto Souza

                Achei ele tão barulhento quanto um palio que tinhamos em casa antes de adquiri-lo. De qualquer forma, penso que naquela faixa de preço, não existe nada melhor em termos de conjunto motor/câmbio e suspensão. É um dos melhores conjuntos da atualidade. Nisso a FORD está de parabéns.

        • CharlesAle

          Até quando o Fiesta irá ser criticado pelas falhas das primeiras unidades montadas…..

          • Roberto Souza

            A minha mulher pegou um a pouco mais de um mês. Pessoalmente, não achei grande coisa o acabamento. A impressão que dá é que com o tempo, teremos uma orquestra sinfônica dentro do carro.

  • Anderson Trajano

    AndreST parabéns pela aquisição. Tenho um 13/14 1.6 SE Power Shift a 8 meses, e gostei muito do carro. Internamente o acabamento chega a ser pobre comparando com o 208, C3, Punto e HB20, porém, o conjunto de motor, cambio e suspensão é único, pelo menos nessa categoria. Nunca dirigi um carro tão acertado quanto o NF. Ele ainda tem o assistente de partida em rampa (que até ontem era exclusivo se não me engano) e o cambio automatizado de dupla embreagem que na minha opinião, é a evolução dos câmbios automáticos.

    • Andre Studart

      Exatamente! O interior é razoável, e pobre em comparação aos concorrentes, mas no conjunto, não tem carro, na minha opinião, que agrade mais em termo de conjunto estrutural e mecânico pra essa faixa de preço! O hill holder é bônus a parte!

      • O Punto também tem um conjunto muito bom. Dirigibilidade excelente. O motores 1.6, 1.8 são ótimos para o modelo. O 1.4T dispensa comentários. Pena que a Fiat tá pedindo demais neles. O 1.6 devia custar o mesmo que o Fiesta 1.5 e o 1.8 o mesmo que o Fiesta 1.6.

  • Carol Vieira

    Ótimo relato. Boa compra.

  • Cassio

    Parabéns pela escolha e torço para que não seja “premiado” como eu fui…

    O carro é show em termos de estabilidade e o motor é bem esperto (rodei bastante por estradas e os motoristas dos “médios” ficavam “nervosos” quando ficavam pra trás)…

    Mas… estou me desfazendo do meu (um Titanium MT 13/14, com aproximadamente 35000 km; indo para um New Fit EXL). Motivo principal: falta de confiabilidade e insatisfação com o atendimento FORD (o carro precisou ficar na autorizada por 3 vezes aqui em São Paulo, totalizando 2 meses parado em 15 meses de uso). Parece que o processo de montagem aqui não é dos melhores.

    Duas vezes foram por problemas de dreno do ar-condicionado, que encharcou o carpet (trocaram na garantia) e outra vez para troca da polia tensionadora da correia (demoraram 1 semana para decobrir o problema; mais 2,5 semanas aguardando a peça chegar da montadora e 3 dias para regularem o motor depois da troca da peça. Não sou especialista, mas falando de um modelo nacional, é muito tempo, não acha?

    Confesso que sentirei falta do ar digital, da qualidade do som original e das configurações do sync; sem falar dos itens de segurança: controle de estabilidade e tração e 7 AB. O FIT é “pobre” em recursos do gênero, mas deve cumprir o que eu espero: um carro que não me deixe na mão, especialmente na estrada ao final de uma viagem de 700km (quando começou a apresentar falhas em baixas rotações) com um bebê no banco traseiro, e possui serviço de qualidade (já atestada em BH, Curitiba e SP).

    Por ora, é meu terceiro e último FORD. Será meu segundo Honda e se durar igual ao primeiro (modelo EX 07/07 com 7 anos de uso – que é de minha ex-mulher) fico mais tranquilo, gastando basicamente com óleo e filtros. :)

    Sucesso aí!

    • RTEC30

      Tenho receio de que se estes defeitos não forem resolvidos, a Ford deixará muitos outros na mão com os novos Ka.

    • $116649302

      O Fiesta brasileiro é realmente um horror. Você não foi o único premiado, pelo que tenho lido na internet

    • Andre Studart

      Realmente, você aparenta ter pegue uma das famosas unidades premiadas, nessa hora, não tem pos venda que resolva, contudo, melhoras! E o fit é um ótimo carro também!

    • LL

      Carro também é sorte ou azar, infelizmente.
      Esse seu Fit passou por 3 recalls do mesmo problema (curto no sistema do vidro elétrico, que podia fazer o carro pegar fogo, segundo a própria Honda). Nos dois primeiros recalls a Honda só enrolou e empurrou com a barriga, e só no terceiro é que disse que achou o problema em definitivo.
      Todo carro é sujeito a problemas, de todas as marcas.
      Os Hondas no mundo todo estão passando por recall dos air bags, quer caso mais grave do que isso? Air bag falhando é a diferença de estar salvo ou muito machucado/morto.
      Na empresa em que trabalho usamos carros de várias marcas e controlamos manutenção preventiva e eventuais problemas.
      Os Fords não ficam nem acima nem abaixo das boas marcas, tanto que mantemos vários deles em nossa frota.
      E os gerentes não aceitam a troca dos Focus, por exemplo, por nenhum outro sedan da categoria porque o que eles entregam nenhum japonês entrega.

      • th!nk.t4nk

        Eu ia dizer justamente isso. O Fit tem um histórico razoável de problemas, está bem longe de ter essa confiabilidade toda. Essas “verdades universais” repetidas inúmeras vezes acabam iludindo muita gente, como “carro japonês não quebra” e afins.

        • Edu Silva Souza

          Cara ja tive Honda ! troco de carro entre 9 e 15 meses e média e digo todos , todos dao algum tipo de problema (nenhum me deixou na estrada) o importante é a montadora resolver. E a Honda é uma das melhores nisso , sempre atendido rapidamente quase sempre com peças em estoque. A outra que vou falar ninguem espera é a Renault tive um Fluence e precisei deixar o carro na concessionaria no total 15 dias por 3 vezes e todas as vezes me deixaram com um carro reserva sem burocracia. Obvio que se voce comprar um Logan voce nao vai ter esse atendimento que até onde eu sei é esclusivo do Fluence e Duster, mas diante disso não tenho do que reclamar. A Peugeot que é do meu carro atual vejo muitas reclamaçoes na Net por demora em peças e tudo mais porem surpreendentemente das vezes que precisei de peças foram 4 dias até a chegada das mesmas. E mesmo tendo um dos carros top da montadora fiquei sem o carro 2 dias e nao me foi oferecido o carro reserva , porem os valores das revisões é tao barato que acho que se voce fizer o serviço fora da concessionaria sai mais caro. as revisoes giram entre 360 e 700 reais.

          • RyanSX

            Tambem acho a mesma coisa, principalmente sobre a Peugeot e posso afirma que nao tem problemas com peças. No meu caso precisei duas vezes de serviços em garantia, em um delas, uma das peças do eixo traseiro da qual não me lembro o nome tinha quebrado fazendo um barulho terrivel ao passar por lombadas. Prontamente me atenderam e falaram que precisaria desmontar parte do eixo traseiro para substituir a peça, pensei que iria demorar um tempo, mas para minha surpresa o carro ja estava pronto no segundo dia. Recentemente bateram na lateral do carro, nada grave que afetasse a estrutura, apenas o risco bem pronunciado e alguns amassados, porém precisou trocar toda a lateral do motorista incluindo portas, frisos das porta, repetidor do paralama, parachoque traseiro e dianteiro, roda traseira esquerda , paralama dianteiro esquerdo e uma lanterna traseira. Todas as peças chegaram com cerca de uma uma semana á partir da data do pedido (serviço feito pela seguradora) então achei bastante rapido ainda mais porque falam tão mau sobre peças de reposição e sua disponibilidade na Peugeot.

          • th!nk.t4nk

            Nisso 100% de acordo, o atendimento é a maior diferença!

      • CorsarioViajante

        Quem é de SP lembra que era difícil passar com os Fits na inspeção veicular, não lembro exatamente o motivo.

        • Edson Fernandes

          O motor não tinha o acerto esperado pelo controlar. Os donos tinham que atrasar o ponto de ignição para passar.

          • CorsarioViajante

            Sim, algo ligado à borboleta do acelerador…

      • Cassio

        Pois é LL… como comentei, fui premiado. :(

        Não digo que os Honda (Fit… whatever) são isentos de problemas, mas já pude ver a diferença de qualidade dos concessionários no atendimento (em diferentes localidades) e agilidade no diagnóstico e solução de “problemas”.

        Cara… Tive um Focus Sedan 2a geração que me deixa saudades especialmente na confiabilidade, estabilidade e performance (mesmo com o tão criticado câmbio AT de 4 velocidades). Passei pra frente pois, depois de 115.000 Km, iam começar despesas relativamente pesadas (pelo valor atualizado do carro) e buscava algo com mais tecnologia/segurança e economia (daí fui pro New Fiesta).

        Meu plano original era ficar com o New Fiesta por 4 anos (mesmo tempo do Focus), mas não deu… preciso de carro pra me locomover no dia-a-dia e só de aluguel morreu uma grana (mesmo com o desconto generoso da empresa que trabalho).

        Saudações!

    • Martini Stripes

      Vc pegou uma das primeiras né? O maior erro que existe é comprar carro no primeiro ano de série, o projeto ainda está em ajuste e sofrerá com problemas. Sei que parece absurdo dizer isso mas é assim que é. Mas é normal até a linha ficar 100% e os fornecedores pararem com os defeitos de peças.
      Só acho que vc vai pagar caro num carro pobre demais, achei o interior do New Fit pífio, mas aí, cada macaco no seu galho.
      Boa sorte na próxima aquisição.
      Abraço

      • Cassio

        Pois é Luis… Entendo que foi sim das primeiras “fornadas”, pois peguei em Maio/13. Mas acredito mais é na falta de sorte, pois fiz o mesmo tipo de aquisição em 2009 Novo Focus Sedan (condições bem favoráveis) e só me desfiz do carro porque depois de 115.000 km iam começar despesas de manutenção pesadas.

        Sei que sairei “perdendo” no New Fit… Li muito a respeito do preço e afins. Mas carro parado por incompetência em sanar um problema esse tempo todo é dureza. Não digo que o honda é isento de defeitos, mas depois de passar pelo que passei (inclusive a falta de retorno da FORD, através do tal CAF), preferi desistir e passar a bola.

        Muitos “falam” que pelo valor do Fit poderia pegar algo “melhor”, mas já tive um Fit e sei bem da qualidade do serviço, que pra mim, neste momento, é mais importante. Além disso tende a ser econômico, considerando as CNTP (rsrsrs).

        Como dizem por aí… “shit happens”.

        Obrigado e Abraços!

  • LL

    André, parabéns pelo carro que você escolheu, é de longe o melhor dessa categoria.
    Quanto ao consumo, bem… Você não é um motorista econômico…
    Esse carro faz fácil na estrada 17 a 18 km/l com gasolina (sem ar ligado), e 12,5 a 13 km/l com álcool.
    Digo isso porque uso um da frota da empresa, e todos os consumos são rigorosamente controlados.
    Mais uma vez parabéns e boa sorte com o novo carro.

    • Andre Studart

      Valeu LL! A primeira viagem que fiz nele, ele tinha menos de 100km, no começo, o consumo sempre é maior, ele fez 13.9 em torno de 100km/l, tendo oscilações para mais (120) e para menos, (60-80), foto sensores, achei o consumo bom para um carro que nao tinha nem 100km rodados ainda! hoje está mais econômico e ficando cada vez mais, assim como o motor também tem ficado mais esperto!

      • Edu Silva Souza

        Realmente tem que melhorar um carro leve como esse fazer só 13.9 a 100km/h é de doer. Meu carro tem 1500 kg e faço 17.8km/l a 100 km/h a fins de comparação. Mas no seguimento é uma otima compra. So o preconceito de manutençao cara da Peugeot e Citroen que é bobeira ja que a manutençao tem preço tabelado nos 3 anos de garantia e é uma das mais baratas. Apos 3 anos quem e importa ?!? Mesmo assim nao deve ser muito diferente do Fiesta , pois a Ford tb nao tem uma das manutençoes mais baratas do seguimento. Eu teria comprado o Fiesta também pelo motor embora o 208 Griffe tenha um nivel de acabamento muito superior. A Peugeot parece que vai trazer o 208 GTI 165 cv turbo! porem o preço acho que vai ser por volta de 60mil

  • Louis

    Parabéns pelo carro, mas achei beberrão, menos de 14km/l a 100 km/h…

    • LL

      Louis, a 100 km/h esse carro faz 20 km/l (sem ar ligado), eu uso um da frota da empresa e já medi mais de uma vez.
      Pelo jeito o nosso amigo André está pegando pesado demais no acelerador e trocando marchas só no limite…Rs!

      • Zelotes Universal

        Trabalha na ford? Duvido que faça 20km/l.

        • th!nk.t4nk

          Na estrada a 100 km/h faz sim. Se não estiver com pressa, ajuda a economizar um tanto. Esse motor é bem econômico, sendo que eu chutaria que o colega da matéria pode estar usando combustível adulterado (mais comum no interior, mas ocorre nas capitais também) ou forçando bem o motor, pois é bem difícil obter marcas tão ruins assim com o Fiesta.

        • Edu Silva Souza

          Nao duvido é isso que eu esperaria de um carro com 130 cavalos e provavelmnte menos de 1200 kg . As pessoas não sabem dirigir! Serio ja tive um Civic EXS 2010 que todo mundo falava que bebia e a 100 KM hora ele fazia 17.5 . Tenho um crossover de 1500 KG e ele ja fez 17.8 a 100km/h. Na media andando a 110 e 120 km/h ele faz 15 km/l

        • FocusMan

          Meu Focus 2.0 Powershift chega a fazer 17 km/l na estrada andando a 90 de média. Faz sim.

      • Rodando a 100, faz uns 17. Agora 20, eu duvido.

    • Andre Studart

      A primeira viagem que fiz nele, ele tinha menos de 100km, no começo, o consumo sempre é maior, ele fez 13.9 em torno de 100km/l, tendo oscilações para mais (120) e para menos, (60-80), foto sensores, achei o consumo bom para um carro que nao tinha nem 100km rodados ainda! hoje está mais econômico e ficando cada vez mais, assim como o motor também tem ficado mais esperto!

  • Thiago Garcia

    Tenho um 1.6 SE e ja esta com 11.000km, nenhuma reclamação do carro eé é ótimo……..só a “chochidão” antes de 3.000 RPM. E não recomendo levarem para manutenção na concessionária ford de SCS, eles são muito ruins. Com relação ao seguro do rapaz achei meio alto pq a esposa (30 anos,comigo como 2º motorista tb 30 anos) paga pela itau no dela R$ 1.600,00.

    • th!nk.t4nk

      Curiosidade: a versão 1.5 é mais esperta em baixas rotações. Em alta anda um pouco menos, mas de uma forma geral é bem similar, por incrível que pareça. O ponto fraco da versão 1.5 é perder no consumo, coisa de uns 10% pra mais (suficiente pra dar uma diferença considerável pra quem roda muito).

    • Até pouco tempo atrás todo mundo falava que esse motor era ótimo em baixa. Sempre falei que ele exatamente igual ao e-torq nesse quesito. Preguiçoso em baixos giros. Mas isso pra mim nem é defeito, é característica. Só reduzir um marcha e fazer ele subir giros que o motor responde muito bem.

  • Miguel Silva

    Aluguei um modelo desse (Ford New Fiesta 1.6 SE Powershift), carro com menos de 400km e simplesmente as maçanetas internas se soltavam, ocorrendo isso tanto com a porta do motorista quanto a do carona.

    Após a viagem, fui na concessionária ver se isso era um caso isolado ou se era mais comum e descobri que, a depender da velocidade que você puxe a maçaneta, corre o risco dela se soltar sim. (e antes que digam, não. Não ando dando puxões na maçaneta…).

    Acabei trocando meu antigo Honda Fit CVT por um Renault Fluence com cambio CVT e couro e fiquei satisfeito, mas apenas parcialmente, pois o carro nem completou 9.000km e já está com diversos ruídos irritantes. Note-se que o meu Fit era modelo 2007 e apesar de já estar com 130.000km, não fazia ruído algum.

    Pretendo em breve escrever um relato sobre a impressão que estou tendo do Fluence nestes primeiros 10.000km, quilometragem esta feita em 5 meses.

    • LL

      Os carros da empresa onde trabalho são vendidos quando chegam a 120 mil km (coisa de 5 a 6 anos de uso).
      Sempre vendemos para funcionários ou particulares, jamais para lojistas.
      Dois eu ainda acompanho: um Focus Rocam 2005 a gasolina que conta hoje com 175 mil km e que está impecável. O outro um Focus 2.0 Duratec 2002 que está hoje com 150 mil km, comprado por um médico que presta serviço para a empresa, esse está como novo de tão bem cuidado.
      Carro bom com manutenção em dia vai longe.

      • Edson Fernandes

        Só um detalhe: Focus se vc não errou o ano, o 2002 era 2.0 Zetec.

    • Clayton Martins

      Aluguei um Fit nas minhas últimas férias e ao abrir a porta ela caiu! Ao visitar a concessionária da Honda disseram-me que era característica do carro.

      • Miguel Silva

        Sinceramente, só posso acreditar que você escreveu isso como brincadeira… Sendo esse o caso, lamento pela tentativa.

        De todo modo, existem “características de projeto” e “falhas de segurança”.

        Soltar uma maçaneta interna com tamanha facilidade eu considerei uma tremenda falha de segurança, pois numa situação emergencial você simplesmente pode “arrancar” o seu único meio de abrir a porta. Percebi que as presilhas plásticas que seguram toda aquela peça (parte preta e a prateada) são muito ruins.

        Um carro com tantos itens de segurança (na versão titanium) e que tem falhas dessa é no minimo contraditório a meu ver.

        • Clayton Martins

          Eu falei sério, você não?
          Concordo que uma maçaneta soltar é um problema de segurança, mas bem menos grave que uma porta inteira cair.
          A propósito, o carro em questão apresentava folga na caixa de direção e barulho no rolamento traseiro, defeito característico dos Fits desde 2007 e pelo jeito ainda onipresente no projeto atual.

          • Edson Fernandes

            Os demais problemas citados por vc eu confirmo no Fit que o cunhado de minha mulher teve também. Outro problema com ele foi o cambio que fazia ruido entre a terceira e quarta marcha.

      • FabioH

        Porta cair é característica do carro? Eu li isso mesmo?

  • Minerius Valioso

    Só acho que o Fiesta, ainda mais nessa versão e preço, deveria já ter os sete airbags, cinto de três pontos e encosto para todos os ocupantes, como o modelo vendido em outras partes do mundo.

    Lhe desejo sucesso com o bicho.

    • Clayton Martins

      Fico imaginando então o que um Fit deveria ter de série pelo preço que a Honda cobra…

      • Minerius Valioso

        Os mesmos itens que eu exijo, e um preço menor.

  • Informecar

    Que pena, já fiquei decepcionado ao ler o relato quanto aos franceses Peugeot 208 e principalmente ao Citroën C3, um excelente carro que, se tivesse realizado o test-drive seria um importante candidato a hoje estar na sua garagem.

    Esta questão de pós-venda, e principalmente revenda é coisa do passado, um pré-conceito, concebido pelo mercado e que hoje não é mais uma verdade.

    Sem contar que comprar um carro, principalmente 0km, pensando na revenda, já começou comprando errado. Carro é para uso diário e bem estar do proprietário. Não compro carro com o intuito de conservá-lo para um futuro proprietário, isso será nitidamente notado a partir do momento em que eu como proprietário terei todo zelo e cuidado com o veículo, algo que será importante para o meu próprio uso. Francamente!

    • Andre Studart

      Não penso muito no valor de revenda! mas as dores de cabeças que o carro pode me dar no futuro é um caso a se pensar, o 208 eu achei ótimo! mas por pediram 46 mil por um carro com 90cv! e que nao tinha boa parte dos itens que o fiesta entregava, TCS, ESP, etc..

      sua única real vantagem era a central multimídia e o seu interior caprichado, além disso, um amigo que tem um 208 griffe AT, era um show até completar um ano de uso, depois disso, problemas que não acabam mais.. Fizeram que me assustasse e descartasse, cheguei a cogitar mais o 208 que o fiesta uma época..

      • Informecar

        Concordo com a sua desconfiança em relação ao 208 por ter um caso próximo, mas se cogitarmos números expressivos, ou seja, dados estatísticos, ele não fica com tanta desvantagem assim.

        Faltou o C3 que eu citei no comentário anterior, creio que também teria um bom parâmetro de comparação caso fosse pelo menos conhecer e fazer o test drive nesse veículo.

        Mas concordo que fez sim uma boa compra, ainda mais optando por um veículo mais completo, saindo da margem inicial de gastos que tinha, os 39 mil, e principalmente por essa versão integrar os equipamentos de segurança, hoje tão esquecidos pelos consumidores e muito bem lembrados pela Ford nesse veículo.

    • José Eduardo D’Acampora Guazzi

      Apesar de mais econômico que o Fiesta 1.5 e 1.6 o 208 e C3 (1.5)devem muito em desempenho ao Fiesta. Nas versões 1.6 vão bem mas cobram muito pelo motor. O cambio manual do 208 e c3 tambem achei ruins depois do test-drive no Fiesta. Em questão de beleza geral interna concordo que os franceses vão muito bem.

      • Quando se baixa o pé de verdade, esses 1.5 comem poeira.

    • FabioH

      Concordo, eu não tenho problemas no atendimento da Citroen, se não foi nem conhecer o carro, acho que não tinha nem a necessidade de citá-lo no texto, e outra, a Ford nunca foi referência em atendimento, muito pelo contrário aliás.

  • Pedro Pontes

    Disse que fugiu da PSA por conta de medo do pós venda e comprou um Ford? Meu pai tinha um fiesta sedan e o único problema que ele teve com o carro foi justamente o pós vendas. De qualquer maneira, parabéns pelo carro, ele ficou em segundo lugar (New Fiesta Titanium manual) quando estava buscando um carro para trocar o Astra da minha esposa. No final, compramos o 208 Griffe manual e até o momento, estamos satisfeitos. Quanto tiver que passar pela primeira revisão (10.000 km ou 1 ano), posto como foi aqui.

  • mjprio

    eu fiquei tentado a trocar o meu Rocam pro um NF sedan do lote ainda mexicano, mas depois de tanta dor de cabeça com o pós venda Ford e com o preços dos serviços e das peças acho que não colocarei mais um carro dessa montadora na minha garagem

    • Alexandre Maciel

      O sedã ainda é mexicano.

      • mjprio

        Eu sei. é que na verdade eu quis me referir a primeira leva de NF Sedan com a frente antiga e motor de 115HP

    • Zelotes Universal

      Concordo. Ao menos aqui em Porto Alegre, o pôs venda e um lixo. Não compro Ford nunca mais na vida.

  • Guest

    Eu queria ter trocada o meu Ka por este Fiesta mas os aumentos de preço e o aumento da minha família me fizeram optar por um Focus usado. Boa sorte e aproveite o seu carro novo.

  • Caio Brandão

    Cara pra mim esse é a melhor compra da categoria, parabéns, gosto muito desse carro, estou a procura do meu primeiro carro, espero que seje esse, abraço e aproveite o carro !

    • LL

      Caio tem bons New Fiestas usados a venda, caso a grana não dê para um novo.
      Pode comprar que é um senhor carro.

  • Alexandre Maciel

    Se importa pontuar, já fiz percurso de estrada de 200 km com o carro e marcou, com o ar ligado e usando gasolina, 17,5 km/l. Fui andando macio, entre 100 e 110 Km/h. O carro é econômico em geral e o INMETRO atestou isso. Na cidade, obviamente, depende do trânsito. Aqui em Fortaleza é impossível ser econômico.

    Vale lembrar, também, que no dinamômetro esse motor bate 142,5cv/17,4kgfm com o AC desligado e 135,9cv/16,7kgfm com o AC funcionando.

    https://www.youtube.com/watch?v=Wv97QD1hfbQ&list=FL2ddqfQN54l9rEcBDK29fGQ&index=15

    No mais, se serve de comparação o meu veículo anterior, Honda Fit 2009 1.4 (esse que acabou de ser substituído), nas mesmas condições, ficava na casa dos 13 e alguma coisa.

    • Andando a 100 km/h com meu Punto 1.6 já fiz 16,8 km/l.

      • Lucas Kopereck

        Andando a 100 km/h consegui fazer 18,4km/l medido na bomba,Ka+ Sel 1.5 .

  • Edflu

    Temos um NFiesta Titanium na família, cada um tem um ponto de vista e avaliações conforme suas necessidades. Existem 2 pontos em que na minha opinião seriam diferentes:

    – acabamento , existe a dúvida se a Ford melhorou no ano 2014, contudo o da família (15.000) está com sensação de carro mais batido, barulhos acabamentos e suspensão.

    – estabilidade: não sinto segurança em fazer curva em alta com ele, a sensação e de CG maior, repito “impressão”, sensação de que o carro aderna muito. Comparando com um Picanto na mesma velocidade a sensação de segurança e maior.

    Repito cada um tem suas impressões e sensibilidade quanto aos carros, se não fosse assim todo mundo comprava o mesmo carro. Finalizando hj eu não compraria um Fiesta.

    • th!nk.t4nk

      Achou o Fiesta instável, e considera o Picanto mais estável? Caramba. Olha que já dirigi muito carro, e não conheço nenhum compacto do porte do Fiesta (em versão “normal”) que grude tão bem nas curvas. A não ser que “Picanto” seja o nome de algum novo Porsche :D

      • Edflu

        Rsrsr, eu li muito relato sobre a estabilidade do Fiesta, mas não senti essa estabilidade toda. Carro do porte do Fiesta que eu dirigi foi um Punto porém era Sporting e muuuito mais estável que o NFiesta. Minha esposa já teve 2 picantos, o anterior e o novo apesar de serem de categorias diferentes acho mais estáveis. Pode ser que o NFiesta aqui de casa seja um premiado, pq todos aqui em casa não confiamos na estabilidade dele.

        • José Eduardo D’Acampora Guazzi

          Erro comum nos Fiestas tanto ao sair da CC como de alguns donos, por desconfiar do manual hahuah, é colocar pressão errada nos pneus, usando pressão muito maior atras para carro descarregado. Se dirigir o Fiesta sozinho testa o 31 frente, 26 atrás, e vais ter um carro relativamente econômico e grudado em curvas.

        • Olha, o Punto realmente anda nos trilhos. É muito bem acertado o compromisso entre conforto e estabilidade. Pra mim, um dos melhores do mercado junto com o Focus.

      • Edson Fernandes

        Olha, não sei para você, mas tirando o estilo de condução do C3 por exemplo ele é estavel sim. Mas outro carro bem afiadinho de direção é o Polo.

      • Rodrigo

        Ainda no quesito “impressão”, tive a oportunidade de dirigir o NF Titanium PS de uma amiga por cerca de 200 km em estrada sinuosa (Fernão Dias, São Paulo a Bragança Paulista, ida e volta). Notei que o ESP acendia muito cedo, se comparado ao meu Sonic (que, obviamente, não possui tal recurso). Isso em curvas a 100 km/h, sem chuva.
        Não sei se o carro dela tinha algum problema ou fator, mas pra mim ficou claro que o Sonic era mais estável (ainda que seja um pouco mais duro que o NF).

        • th!nk.t4nk

          Já vi comparações da imprensa americana e o Fiesta levou boa vantagem sobre o Sonic. É bem estranho mesmo essa percepção de algumas pessoas. O que acredito que seja, é isso: percepção. O carro sair de fato, não saiu com ninguém. Já vi gente comentar que acha o Focus instável, aqui mesmo no NA!

  • Leandro

    Já pensei em trocar meu Corsa hatch 12/12 por um New Fiesta 1.6 SE, mas tenho medo de trocar o certo pelo duvidoso, principalmente em relação à alguns relatos da baixa qualidade na montagem das peças e esse carro vir a se tornar uma bateria de escola de samba. Porém, em outros parâmetros como estabilidade, conforto, motor e tecnologia está aquém de muitos outros carros da categoria.

    • Caio Brandão

      Cara, isso ai são pessoas que tem probleminhas com o carro e generalizam.. troque ja haha

      • Leandro

        O próprio autor do relato comentou que a montagem das peças melhorou, talvez esse detalhe tenha sido sanado nos modelos 2014.

    • th!nk.t4nk

      Ruído não é problema. Pode vir com alguma peça de acabamento desalinhada, mas barulho não. Mesmo nos fóruns do Fiesta é raríssimo encontrar alguma reclamação sobre isso, o carro é bem silencioso. Até comentei que o Fox que tive foi o contrário: veio tudo alinhadíssimo, mas com grilos desde a saída da concessionária. Isso me irritava demais nele, apesar do interior ser de bom gosto.

    • Guilherme Batista

      Tenho a versão mais básica, o 1.5S e não faz um ruído de acabamento. A qualidade dos materiais usados no painel realmente não é boa, mas no meu não tem nenhuma rebarba também

  • Bruno Bicudo Cortes

    Peguei um 208 griffe manual, e fiz o test drive no fiesta antes. Sinceramente, esse fiesta anda menos, tem interior mais fraco e não tem o teto de vidro q é mto show. Ainda peguei o perolizado que na minha opinião é diferencial.
    O que mais me broxou no fiesta foi o volante fino….

    • Alexandre Maciel

      Com mais de 40cv a mais e mais torque anda menos? Não tem como.

      • th!nk.t4nk

        O Griffe é 1.6 16v de 115 cv, contra 125 cv do Fiesta. Não andei nele, mas talvez tenha relações de marcha mais curtas, quem sabe. Em todo caso o Fiesta já anda muito e é mais econômico. Quanto ao acabamento, claro que o 208 espanca o Fiesta. O volante fino curiosamente é melhor pra manobras rápidas, mas tem pegada menos agradável. Também trocaria pelo volante do 208, fácil.

      • Bruno Bicudo Cortes

        faz um test drive cara…. esse fiesta sei la, nao parece ter 130 cv nao….

        • Alexandre Maciel

          Cara, como proprietário do carro, posso dizer com propriedade que esse 1.6 anda muito bem.

          Não sou do tipo que endeusa o que tem mas, apesar de o carro ter coisas de que não gosto, uma delas com certeza não é o motor.

  • Alexandre Macêdo

    Péssimo português. Mas a compra foi boa.

    • Tygra

      “Pessimo” português. Tá serto!

      • Alex Dusfri

        Kkkk. O feitiço se voltou contra o feiticeiro.

        • Alexandre Macêdo

          Maldito auto-completar do celular.
          Mas todos entenderam que o texto está
          mal escrito.

  • sandro

    este motor do new fiesta 1,6 não foi o mesmo que foi reprovado pela 4 rodas na Ecosport???

  • sandro

    este motor 1.6 do new fiesta não é o mesmo que foi reprovado na ecosport pela 4 rodas?

  • Rodolpho Lopes

    Parabéns pelo carro André!
    E boa sorte com a caranga.
    Cara eu fiz test drive em um 208 AT, quando estava vendo carro para minha namorada, o carro é muito fácil de dirigir, direção levinha e afins…
    Mas o câmbio AT4 é lento demais, esse manual eu não conheço
    Enfim acho o Nf bem completo em itens de segurança.
    O que vem a mais na versão titanium são os bancos em couro e 6 airbags?

    • Andre Studart

      Então, são 7 airbags no total (um para joelho), bancos em couro, sensor de chuva e acendimento automático dos farois, piloto automático e volante parcialmente revestido em couro, é basicamente isso, os airbags sao muito bem vindos! mas achei grande a diferença de preço entre a 1.6 SE e a titanium manual (55,990), nao se justificando..

      Quanto ao 208, o interior do carro é um show a parte! mas 45,990 por um carro com motor de 95cv nao me convenceu e a versão 1,6 achei caro, e faltavam outros itens que no fiesta já possuía (ESP,TCS), mas sem dúvidas, os dois, no meu ver, sao os melhores carros da categoria! o que mata o 208 é esse AT, realmente bem lento e ultrapassado

      • Tygra

        Também possui volante revestido em couro, rodas aro 16, piloto automático, sensor de estacionamento traseiro, espelho retrovisor interno eletrocrômico e acabamento em black piano.

        • Edson Fernandes

          Mas tudo isso tem no 208 não? (exceto o banco de couro)

          • Tygra

            Tudo o que? Eu só completei a lista de equipamentos presentes na versão titanium do New Fiesta que o André Studart tinha relacionado, mas assim como o New Fiesta, o 208 só oferece todos esses recursos na versão Griffe que custa 55.490 reais, enquanto que o New Fiesta Titanium custa 55.590, mas além do banco de couro, ele também oferece ESP/TCS e 7 airbags. Aí vai depender de cada um, o New Fiesta oferece mais segurança e o 208 mais interatividade, já que possui central multimídia.

            • Edson Fernandes

              Sem duvida. Lembrando que o Fiesta tem como acessorio a central multimidia (que infelizmente não é a original dos modelos europeus).

              Tanto que se o 208 ofertasse os itens de segurança da França + o cambio de 6 marchas automatico, creio que poderia incomodar o Fiesta.

              • MauroRF

                Colocamos essa central no nosso Titanium. O áudio não perde qualidade, tem GPS/TV/DVD, só acho ruim de mudar de pasta, aí uso o comando de voz. E perde-se também a opção de desativar o controle de tração/estabilidade, mas a central fica bem legal no painel sim.

                • Edson Fernandes

                  O problema que eu vi, é que essa central é generica, não é original. O fato de ter comandos de voz ou no volante, demonstra a falta de boa vontade da Ford de ter trazido a original que inclusive é da SOny e que preserva os comandos de configuração da central original do carro.

                  Foi mais disso que comento com tristeza da atitude da Ford,

                  • MauroRF

                    Não é original mesmo, é homologada pela Ford e vendida como acessório na concessionária. Agora, o que irrita é que eles têm essa central pro Fiesta e poderiam ofertar pelo menos de série na Titanium. Até o Focus só tem na Titanium. Nisso, eu acho que a Peugeot acerta bem em ofertar a central e em ter um ótimo acabamento no 208. Se o 208 viesse com mais airbags e os controles de tração/estabilidade, ia dar muito trabalho para o Fiesta. Enfim, é isso mesmo, na central genérica do Fiesta, perde-se a opção de desativar os controles de tração e estabilidade. O Sync original está guardado aqui.

                    • Edson Fernandes

                      Além do cambio automatico de 6 velocidades que deixaria o 208 um concorrente de peso para o Fiesta.

  • Diggo

    Só faço uma ressalva a sua escolha. O carro é muito bonito e na categoria é imbatível, mas outra seria outra coisa.

  • cerberosph

    Por esse preço eu peguei um 208 Allure com teto de vidro e na
    cor dark carmim, marron, se fosse o preto conseguia a 44k. O que me fez não
    pegar o Fiesta: acabamento de carro popular 1.0, pagar quase 50k num carro e
    quando entrar nele sentir que esta andando num gol de 30k não dá. Espaço no
    banco traseiro diminuto. Na época as revisões, além de serem mais caras, eram
    de seis em seis messes. O meu 208 no transito pesado, media de 25km/h faz 8,3
    km/l no etanol, se o transito estiver livre mais de 30 km/h de media já fez mais
    de 11km/l no etanol na cidade. (fez durante a greve da PM).

    • RN

      Na minha Opinião o 208 é MUITO mais carro que o new fiesta.

      Infelizmente o new fiesta peca em qualidade de acabamento(principalmente do painel ), bancos muito duros, teto baixo, portas desalinhadas, capo desalinhados ( a ponto da ford fazer a GAMBIARRA de colocar um adesivo para o capo não raspar na caixa de rodas ) .
      A ford tinha um bom produto com o New Fiesta Mexicano , mas deixou metade da qualidade lá no mexico quando passou a fabricar o modelo aqui no Brasil.
      Reconheço as qualidades do modelo frente aos concorrentes como a parte tecnológica e etc.

      Porem EU ficaria com 208 ou com Punto ( Principalmente o Modelo Sporting )

    • TiagoNA

      Embora todas as pessoas tenha suas justificativas para comprar um carro, seja 1.0 ou não.
      Acredito que você tenha feito a escolha certa… 208 gasta menos e não anda menos como citado várias vezes “apenas 95cv” (para o caso do 1.5), estes 95cv tem o melhor aproveitamento que eu já pude ver. E além de tudo, é moderno, não está desvalorizando como os demais veículos que normalmente vemos na peugeot e acredito que seja talvez uma nova era.

  • Thiago Porto

    por 2 segundos achei que tinham re-upado a minha avaliação. kkkk

  • ANA

    OS BANCOS SAO UMA PEDRA, CARRO PEQUENO E EXTREMAMENTE MAL ACABADO.

  • Matheus Lopes

    A minha duvida já é apenas entre New Fiesta 1.6 e 208 1.6 ambos manuais! Mas to tendendo muito para New Fiesta…Pelo jeito é o mais “esportivo” e tem preço melhor(Versão SE) do que o 208 1.6(que só vem na Griffe, o 1.5 nem pela minha cabeça passa.)Fora que tenho medo da fama da Peugeot…Antes o Sonic tava na lista, mas como tem manutenção meio cara e é importado já estava mais para trás, agora saindo do mercado saiu da lista tbm(uma pena pq adorava o carro).Talvez no fim do ano vou já ver os 2…

  • Hernan Carlos Granda

    Na Argentina desde a versao incial S temos motor 1.6, 1.5 nao existe na argentina

    • FabioH

      O Fiesta vendido na argentina é importado?

  • TiagoNA

    Meu caro, parabéns!

    Todos tem suas justificativas… Mas se você for honestamente comparar o 208 de 95cv… Vai ver que não é ruim assim. Não são “só 95cv”, são 95 poneis com o melhor custo-beneficio. O carro anda o máximo que pode com os poneis, mas gasta muito menos. E além disto, o comportamento não é inferior ao New Fiesta. O espaço do 208 é um pouco melhor, a revenda não é nada diferente da revenda do New Fiesta (ford não é tão boa de revenda, e Peugeot é ruim, mas o 208 e o New Fiesta são carros do momento na categoria). O seu carro é uma boa escolha.

    E me explicando, gastar menos não significa andar menos.. Significa que quem tem o 208 vai andar a 120km/h e vai fazer 15km/l. Enquanto quem tem no New Fiesta talvez arranque mais, mas na prática vai andar a 100km/h para talvez fazer 14km/l.
    Então.. acho que se você deixasse de comprar um bom carro, ia comprar outro bom carro hehe…

    • th!nk.t4nk

      Na realidade o Fiesta é mais econômico. Informem-se galera.

      • TiagoNA

        Negativo rapaz… me informar? Eu não estou indo contra o Fiesta, mas o que falei foi baseado no que eu vi e em todos os sites que você olhar. Acho que você deve ser dono de um New Fiesta. E se for, nada contra, mas o 208 é mais economico com toda a certeza e informação.

    • weilerd1 .

      Alem da questão do preço do seguro, no 208 eu paguei R$ 1.200, para rodar em Porto Alegre. Achei caro demais esse seguro do New Fiesta.

    • Deivid

      Rapaz, que desculpinha esfarrapada pra defender o ‘pejô’, credo!
      São 35, TRINTA E CINCO CAVALOS DE DIFERENÇA!
      Potência 27% menor, não existe essa história de ‘anda o máximo que pode com menos cv’

      • TiagoNA

        É meu caro.. você está certo. Na teoria isso não faz o menor sentido. Mas eu me expliquei e falei sobre a prática.

        Você não vai andar com o motor cortando giro durante 500km. Eu não estou falando somente de economia, mas o fato é que se vc viajar você vai gastar menos e chegar no mesmo tempo que um fiesta com tranquilidade (na cidade nem se fala).

        Eu não tenho um Peugeot e não é desculpazinha esfarrapada. Podemos fazer um teste prático.

        Me perdoe de verdade, mas acredito que essa seja a maneira inteligente de fazer comparativo.

  • $116649302

    Só brasuca desinformado chama de “New” um carro apresentado em 2007 que começou a ser fabricado em 2008

  • Martini Stripes

    Há pouco mais de um ano atrás minha noiva optou por um March 1.6, devido a diferença de preço e condição de financiamento. Mas confesso que preferiria que ela tivesse gastado um pouco a mais e comprado o 1.5SE que estava sendo vendido a preço de 1.5S, mas agora já foi, parabéns pelo carro! Acho muito bonito, e como disse, pecam apenas em nao ter um painel com materias melhores e mais bonitos.

  • Santos

    Pior carro que adquiri nos últimos dez anos, a sorte que me livrei deste pesadelo, pintura cheia de impurezas e frágil, desalinhamento que nem carro chines tem, pós venda negligente, ford nunca mais.

  • rcostaramos

    Carro muito bom, ja tive a oportunidade de testar um SE Powershift de um tio meu, e achei o carrinho muito bom, com pegada de acordo com seu porte e categoria. Acho que é um carro que se pode dizer sim “COMPLETO”, não esses ai fora que falam que é completo mas nao tem nem um tipo de “TCS”, por mais que os preços sempre aumentem no mercado; é um carro que eu compraria para um filho meu ou indicaria a alguém solteiro.

  • Até que enfim um relato sensato do consumo desse carro. Dentro da realidade.

  • fellipealo

    Parabéns pela compra e valeu ao NA por disponibilizar mas este belo review.

  • Diogo

    Lá em casa tem um SE 1.5. Eu, como gosto de dirigir, vejo da direção elétrica desse carro, posição de dirigir e comportamento dinâmico como exemplo para muitos carros que temos no nosso mercado, principalmente os da fiat. É muito gostoso de dirigir e os bancos e a coluna de diração te dá muita amplitude pra achar a meho posição, coloco o banco o mais baixo possível, e é bem baixo mesmo, pra mim fica muito bom.
    O câmbio é bom mas so perde pro MQ200 da VW que “chupa” as marchas…em compensação o do Fiesta não tem trava de ré, então é melhor pra manobrar do que o da VW.
    O acabamento é na média mas gosto do painel envolvente e de tom escuro. Na minha opinião painel claro ou prateado, enfim….é enfeite pra atrair brasileiro…..
    Num percurso de 390km entre Imperatriz e Balsas me esforcei para manter em 120 km/h para ver como ficava e tiva a grata surpresa de 12,1 km por Lt….com gasolina Shell….
    A suspensão tem mais compromisso com o desempenho do que conforto, por isso bate um pouco em asfalto irregulares mas nada que chame atenção negativamente, logo se percebe q é característica do veículo (suspensão firme) e pronto…..A recompensa vem no asfalto liso, parece q anda sobre trilhos (talvez um pouco de exagero aqui…rsrs)…mas enfim, eu, que adoro dirigir, esse carro é show de bola, não tenho tenho muita experiência com hatch médio, mas na categoria do Fiesta pra baixo, acredito q seja o melhor…
    Por fim, está com 15 mil km e apresentou problemas só na abertura do capô, que a concessionária resolveu fácil…
    Abraço!

  • Danilo

    Essa mendigagem de likes pra ler as matérias é um pé no saco.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend