Europa Ford Tecnologia

Ford patenteia injeção de água dentro da câmara de combustão

ford-ecoboost1 Ford patenteia injeção de água dentro da câmara de combustão

A Ford Europa, baseada na Alemanha, registrou a patente de um sistema de injeção de água de alta pressão dentro da câmara de combustão, que difere da tecnologia já conhecida, onde água pressurizada é injeção no coletor de admissão para redução da temperatura da combustão, a fim de evitar a detonação.



injeção-de-agua-ford-1 Ford patenteia injeção de água dentro da câmara de combustão

No caso da Ford, a injeção de água é feita através de um novo injetor de combustível de alta pressão na câmara de combustão, possuindo em seu corpo válvulas que permitem a passagem de água sob pressão. Esta injeção pode ser feita ao mesmo tempo em que a injeção de combustível, criando uma capa de água em volta do jato de gasolina.

injeção-de-agua-ford-2 Ford patenteia injeção de água dentro da câmara de combustão

Através da ECU, as duas injeções podem ocorrer ao mesmo tempo ou em momentos diferentes se o gerenciamento eletrônico achar necessário. Com isso, a Ford conseguiria controlar a pré-detonação com temperaturas mais baixas na combustão em motores EcoBoost, reduzindo assim a dependência do sistema de recirculação de gases de escape (EGR) para baixar a emissão de NOx e liberaria mais fluxo de gases para o turbocompressor, aumentando a performance.

injeção-de-agua-ford-3 Ford patenteia injeção de água dentro da câmara de combustão

Além disso, motores EcoBoost com injeção “direta” de água conseguiriam melhor consumo com essas temperaturas mais baixas obtidas na combustão com injeção de água. Como se sabe, a Ford utiliza essa linha de motores desde o 1.0 litro do EcoSport internacional até o V6 3.5 twin-turbo usado na F-150 Raptor.

A adaptação dos motores atuais para essa nova tecnologia não exigiria, teoricamente, grandes modificações. Comenta-se que a água utilizada poderia ser do sistema de refrigeração, condensação do ar-condicionado ou mesmo de captação de chuva. Com essa tecnologia, a Ford garantiria a manutenção de motores downsizing dentro do lineup europeu diante do maior rigor nas regras de emissão de CO2 e NOx.

[Fonte: All Ford Mustangs]

 

 

  • Eng Turbo

    Me lembrei desse caso – Aplicação em aviões na segunda guerra mundial
    http://bestcars.uol.com.br/ct/agua.htm

    • ObservadorCWB

      É EXATAMENTE isto, a FORD NÃO criou nada. Apenas patenteou o “seu sistema”.

    • Dead Lock

      A BMW já usa o sistema, utilizando a água gerada pelo ar-condicionado.

  • Igor G. Gomes

    a chamada da matéria deveria ser: “Ford patenteia o seu novo sistema de injeção de água na câmara de combustão”. Do jeito que está, dá a entender que foi a Ford a inventar em 1ª. mão esse tipo de recurso, do qual já existe há quase 90 anos.

  • Celso

    Em altas cargas, com o ar entrando livremente e enchendo ao máximo a câmara de combustão, os motores só não tem pré-ignição porque há excesso de combustível que resfria a câmara, ou seja, o motor é REFRIGERADO A GASOLINA (ou ÁLCOOL). Nesse sistema, o excesso de combustível é trocado por água. Água misturada com combustível cria chama menos quente, o q diminui NOx, substituindo o EGR (que diminui a temperatura de chama pela diminuição da concentração de oxigênio pelo uso de gases de escape). Acho que para diesel, o ideal é que a água seja injetada já misturada com o diesel, pois é a gotícula de água+diesel q cria chama menos quente.

    • Luis Burro

      Ah,jah ia perguntar se nao era mais facil misturar a agua no combustivel.Mas creio q o tanque teria q ter um misturador pq os combustiveis sao mais leves q a agua e nao se miscegenam muito bem,soh qndo fisicamente mexidos.

      • Celso

        Em motores otto, a água só é necessária em altas cargas, quando haveria pré-ignição se não houvesse excesso de combustível ou injeção de água. Na maior parte do tempo, ou até nunca, a injeção de água não é necessária. Mas para motores diesel, essa pré-mistura diesel+água (com um detergente) já vinda desde a Petrobras talvez seja boa ideia, desde que os motores não tenham dificuldade de partida.

        • KOWALSKI

          Água com Diesel não dá certo. Só faria sentido se a água fosse pulverizada direta ou indiretamente na câmara de combustão.

          • Celso

            Caro Kowalski, é questão de usar detergentes que misturam os dois. Outra coisa que não é óbvia: pensemos na chama que se forma em torno de cada gotícula da mistura água+diesel. Se forem injetados separadamente, teremos gotículas de diesel puro em ambiente de ar+vapor d’água muito dispersado. Se a água já estiver na gotícula, ela vai limitar a temperatura justamente onde precisa, na chama em torno de cada gotícula de água+diesel, diminuindo a produção de NOx e podendo eliminar o EGR. O problema que vejo é que isso dificulta a partida a frio. Tudo de bom a você.

            • KOWALSKI

              Não só a partida a frio mas todo o sistema de injeção de Diesel seria prejudicado se houvesse água no sistema. A água pode ser misturada a um detergente, mas como solvente natural seu estado químico vai ser sempre água, independente da mistura. abs

      • leomix leo

        Gasolina já tive o desprazer de utilizar, acho que dos 27,5% de etanol, mais de 80% era água. Meu carro não queria pegar de jeito algum. Me disseram que era problemas na bateria, mais a bateria era uma óptima Yellow de gel. Retirei metade do combustível e abasteci com uma gasolina Premium em outro posto, o carro voltou ao normal.

    • Daniel

      Sim, os motores são refrigerados também a combustivel liquido. Por esse motivo, carros com GNV tem a vida util do motor reduzida

  • Filipo

    No Brasil essa tecnologia já é bem difundida! E não é necessário a captação de água de chuva, utilização de água condensada do ar-condicionado ou do sistema de refrigeração. Aqui os postos de gasolina abastecem o seu veículo, além de gasolina ou etanol, com água a estes misturada. É o chamado combustível adulterado!
    Triste realidade.. -risos-

    • Luis Burro

      Neste caso o brasil estah na vanguarda,cade os royaltes?

    • Roberto

      Pensa pelo lado positivo: podemos derrubar a patente porque já fazemos isto há anos!

    • ViniciusVS

      Etanol com água de torneira…

      “O combustível completão”

    • Raimundo A.

      Para nós são os piores problemas, pois vai do motor não querer ligar depois, emissão zero, a médio prazo, queimar óleo ou sofrer calço hidráulico se o bloco for de ferro porque este corroeu.
      O silencioso fica enferrujado em função do vapor de água na saída do escape.

  • Luis Burro

    Os resultados obtidos sao reais ou soh suposicao?
    O nox provem da queima do nitrogenio do ar,o q aconteceria se a mistura fosse alimentada por oxigenio puro?

    • Roberto

      Tem a questão da temperatura de trabalho…

    • Celso

      A temperatura de chama seria altíssima e a produção de NOx iria às nuvens. Usa-se oxigênio puro em certos processos de solda justamente para se atingir altas temperaturas. O sistema EGR usa os gases de escape, q tem bem menos oxigênio, justamente para diminuir a concentração de oxigênio do ar, q gera menor temperatura de chama, q gera menor produção de NOx.

  • Alexandre

    “A Ford Europa, baseada na Alemanha…” – Essa frase já diz tudo: Alemães, sempre eles!

  • Celso

    A injeção de água é coisa já bem antiga, o que a Ford está patenteando é um sistema de injeção

  • Marcos

    Isso me lembra do M4 GTS que possui um sistema igual a esse e que tambem usa a agua do ar condicionado, pelo visto essa tecnologia deve ser a próxima a aparecer nos carros em grande escala.

  • Daniel

    Ué… aqui no Brasil já faz tempo que os motores injetam agua na camara de combustão! :P
    Principalmente logo após sair daquele posto “em promoção”!

  • No_Name

    Eles fizeram um investimento de bilhões de dólares para os carros movidos a eletricidade e carros autônomos. Os frutos virão muito em breve.

  • Tiago

    No Brasil basta usar Álcool, que já ta injetando uns 20% de água junto. kkk

  • Sara Louzada

    galera, se alguem puder explicar como fica a questao da compressao, pois de novos, sabem da incompressibilidade deste elemento.

  • Marcos A. Hayttginzer

    aueasahueaashueashue aqui no bR nóz faz isso dimais, so misturar a Roubalina com agua de sageta pros trouxar encher o tangue dos possantes 1.0 superfaturados ..malandro é malando, e mané é mané podes crê q é ;-)

  • Seven23

    Me faz lembrar os tempos da Volkswagen nos anos 80.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend