_Destaque Ford India Mercado Tecnologia

Ford prepara motor de três cilindros 1.2 para seus compactos

ford-15-3c-NA-1 Ford prepara motor de três cilindros 1.2 para seus compactos

Conhecido como Dragon na Índia, o motor 1.5 3C Flex – que no momento é fabricado e importado daquele país – em breve terá um companheiro de tamanho menor. De acordo com a revista Autocar Índia, a Ford prepara um propulsor 1.2 de três cilindros para seus compactos a partir de 2019.



Atualmente, a Ford Índia prepara a introdução do Dragon 1.5 no Novo Ford EcoSport 2018, mas este motor de três cilindros e 12V não terá os mesmos 130 cv com gasolina, vistos por aqui, nem muito menos os 137 cv da versão a etanol. Comenta-se que terá por volta de 122 cv e será usado também em um novo sedã compacto “grande”, que irá rivalizar com o Honda City.

Esse sedã é conhecido pelo codinome B563 e será feito sobre uma nova plataforma, que dará origem aos próximos Figo e Aspire (Ka e Ka+ encurtado), que deverão aparecer por volta de 2019. Comenta-se que o Dragon 1.2 equipará essa nova geração de compactos de entrada da Ford Índia, mas não se sabe os detalhes sobre sua engenharia e performance.

novo-ford-ecosport-2018-impressões-NA-133 Ford prepara motor de três cilindros 1.2 para seus compactos

Pelo que já pode ser visto no 1.5 3C Flex (Dragon brasileiro), os propulsores indianos devem utilizar a mesma tecnologia, tais como coletor de escape integrado ao cabeçote, eixo balanceiro instalado no cárter junto com a bomba de óleo, duplo comando de válvulas variáveis, entre outros. Se de fato o Dragon 1.5 entregar 122 cv, enquanto o 1.2 deve ficar entre 90 cv e 100 cv.

Mas e por aqui? Como já dito acima, o Dragon 1.5 continuará sendo importado para o Novo Ford EcoSport 2018, mas sua produção nacional não deve demorar por conta do aumento da demanda. Ele também deve chegar ao Novo Ford Fiesta 2018, que será uma atualização do New Fiesta oferecido aqui, já que a nova geração europeia será focada no velho continente e deve estar ausente mesmo do mercado americano. O Focus também pode receber o 1.5 3C Flex no lugar do 1.6 Sigma.

Com até 137 cv, o 1.5 3C Flex substitui bem o 1.6 Sigma, mas não o faz em relação ao 1.5 da mesma família. Na Índia, o Dragon 1.2 tem como missão fazer exatamente isso, tirar de cena o velho motor de quatro cilindros, presente também nos Figo e Aspire. Não seria estranho ver esse mesmo propulsor sendo oferecido por aqui como 1.2 3C Flex. Investir no 1.0 EcoBoost parece ser, no momento, inviável para a operação brasileira.

FordFigoAspire-2 Ford prepara motor de três cilindros 1.2 para seus compactos

Assim, ter um Dragon, ou melhor, 1.2 3C Flex no lineup para os Ka e Ka+ seria bem interessante, mesmo que a Ford tenha cumprido sua meta de eficiência energética do Inovar-Auto. Porém, sabe-se que a legislação envolvendo o IPI deverá mudar no Rota 2030 e a tributação tem grandes chances de ser focada na eficiência energética nos próximos 13 anos.

Sem o Sigma 1.5, os próximos Ka e Ka+ ou mesmo a atualização destes – embora os indianos falem em nova geração em 2019 – poderia se beneficiar com um propulsor pequeno e econômico, acima do 1.0 atual. Atualmente o 1.5 Sigma rende 110 cv e 14,8 kgfm a 4.250 rpm. Com um 1.2 3C Flex rendendo os mesmos 110 cv, por exemplo, o propulsor obteria praticamente os mesmos 91,5 cv/litro do 1.5 3C Flex. Se ambos compartilharão muitas peças, ter esse mesmo rendimento traria enormes benefícios.

[Fonte: Autocar Índia]

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend