Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

A Frontier 2015 foi um dos últimos modelos da antiga geração no Brasil, num período em que já havia grande expectativa sobre a chegada da nova Frontier por aqui.


Mesmo antes de sua renovação, a picape da Nissan ainda mostrava boas qualidades, como seu visual robusto, preço competitivo e uma boa dose de equipamentos, incluindo algumas novidades que apareceram nesse ano.

Confira todos os detalhes da Frontier 2015!

Mantendo o mesmo visual dos anos anteriores, a Frontier 2015 ganhou novos itens de tecnologia e uma nova versão, a SV Attack 4×4, tudo isso para tentar se igualar às líderes de mercado em seu segmento.

Frontier 2015 – detalhes

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

A dianteira da Frontier 2015 sempre teve um visual bem robusto, o que era muito apreciado na época mesmo já mostrando sinais de atraso em relação à concorrência. Os faróis quadrados invadiam levemente as laterais, onde apareciam os piscas.

A grade era dividida em três partes, separadas por uma moldura que poderia aparecer em diferentes acabamentos, com o cromado sendo reservado para a versão mais cara. Ao centro ela tinha o formato colmeia e o logo da marca como destaque.

O para-choque dianteiro reforçava a imagem de robustez da Frontier 2015, com a parte superior bem pronunciada e a inferior com uma proteção em plástico na cor chumbo. O mesmo detalhe aparecia nas laterais, no contorno dos faróis de neblina.

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Um aspecto interessante no visual da picape da Nissan era a continuidade do para-choque nas laterais, especificamente nas caixas de roda. Olhando a picape na diagonal, a Frontier 2015 dava a impressão de uma linha contínua do para-choque dianteiro até a caixa de roda traseira.

O capô tinha dois vincos simples e o teto normalmente apresentava um rack. Todo esse visual “quadradão” da Frontier 2015 pode não parecer tão moderno, especialmente pelo desenho atual das picapes, mas além da robustez ele permitia uma área envidraçada maior do que em modelos concorrentes.

Voltando para a lateral da Frontier 2015, nada de vincos nas portas ou qualquer outro detalhe chamativo. Os espelhos tinham um acabamento cinza ou cromado (igual ao da grade), as maçanetas nem sempre eram pintadas na cor da carroceria e as rodas poderiam ser de 16 ou 18 polegadas.

O estribo era outro item que sempre aparecia na picape japonesa.

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Finalmente chegando à traseira, a Frontier 2015 reforçava ainda mais seu aspecto simples, porém funcional.

As lanternas eram mais compridas e estavam numa posição vertical, também invadindo levemente a lateral, assim como os faróis. A tampa da caçamba não tinha qualquer vinco, com a maçaneta e o logo da marca posicionados ao centro, numa altura superior.

O para-choque cromado conferia mais sofisticação à Frontier 2015 e o vidro traseiro também dava uma boa área de visão ao motorista.

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Em seu interior, a picape tinha alguns aspectos ainda mais simples, como o volante sem nenhum comando nas versões de acesso ou o rádio simples (a opção de entrada nem isso tinha), sem as telas que estamos acostumados a ver atualmente.

Mesmo assim, o acabamento e o encaixe das peças eram bons na Frontier 2015, mostrando que a picape era mesmo feita para o trabalho pesado. Com cores sóbrias predominando no ambiente e o extenso uso de plástico, pelo menos a limpeza era mais fácil.

Mesmo nas versões intermediárias, a Frontier 2015 tinha comandos simples de ar-condicionado e um painel de instrumentos apenas com as informações necessárias, como velocímetro, tacômetro e dois marcadores menores nas laterais, indicando nível de combustível e temperatura do motor.

Além disso, dentro de cada mostrador maior havia uma pequena tela.

A vida a bordo da picape não gerava grandes reclamações, como acontecia com outros aspectos da picape. Os bancos eram confortáveis, especialmente na primeira fileira, tendo acabamento em tecido ou couro.

O apoio de braço, entre o motorista e o passageiro, e os vários porta-objetos também eram pontos positivos, especialmente em viagens mais longas.

Mais equipamentos e nova versão automática

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

A Frontier 2015 não mudou seu visual, mas ganhou mais equipamentos de tecnologia, conectividade e conforto, além de uma nova versão intermediária. Entre essas novidades, a picape passou a oferecer uma inédita central multimídia.

O equipamento apareceu inicialmente apenas na versão topo de linha SL. Ele tinha uma tela colorida de 6,2 polegadas e agregava as funções de DVD player, câmera de ré, sistema de navegação por satélite (GPS) e Bluetooth, além de reproduzir áudio e vídeo pelas conexões USB, CD, DVD e iPod.

Já durante o ano de 2015, a Nissan também anunciou que a Frontier poderia ter esse item como opcional para as outras versões (S e SV), ao preço de R$ 3.175.

O equipamento ainda passou a ter TV digital, câmera de ré com visão noturna e conexão Plug and Play, que dispensava adaptações ao trazer todos os conectores originais do veículo. Ao usá-la com iPod ou iPhone, o controle era feito direto na tela do aparelho.

A outra grande novidade para esse ano foi a chegada de uma nova versão para a Frontier 2015, a SV Attack 4×4. Essa configuração chegava com a comodidade do câmbio automático, algo que antes estava limitado à versão topo de linha SL.

O preço inicial no lançamento era de R$ 114.790, o que a colocava como uma das opções mais baratas do segmento com esse câmbio, que tinha cinco velocidades e a função overdrive (que atuava como sobremarcha).

Derrapando em busca da liderança

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Em agosto de 2015, a Nissan divulgou um aumento de preços que afetou a Frontier e o Versa. No caso da picape, o reajuste foi direcionado apenas para a versão Frontier S 4×4 com Pack Rodas, que passou a custar R$ 112.990.

Já no segundo semestre, a Frontier 2015 tentava melhorar seus resultados, já que na primeira metade do ano ela ficou longe das líderes. Nos primeiros seis meses do ano, a picape da Nissan acumulou 2.633 unidades, o que a deixou na 6ª posição do seu segmento e na 13ª entre todos os comerciais leves.

A liderança continuava nas mãos da Chevrolet S10, que brigava em outro patamar com a Toyota Hilux 2015. A primeira fechou junho com um acumulado de 19.023 emplacamentos, enquanto a segunda ficou com 16.611 modelos vendidos. Ford Ranger, Mitsubishi L200 e Volkswagen Amarok também haviam vendido mais que a Frontier 2015.

Depois de suas novidades chegarem ao mercado, a Frontier não conseguiu mudar sua posição ao final de 2015. Ela fechou o ano exatamente na mesma posição, com 5.778 unidades. Aliás, todas as picapes citadas acima mantiveram sua posição, com a líder S10 emplacando 33.330 modelos.

Enquanto a mais vendida detinha 27,72% de participação no segmento, o modelo da Nissan ficou com apenas 4,81%.

Mesmo sem a pretensão de liderar entre as picapes no Brasil, a Frontier 2015 mantinha sua legião de fãs, que encaravam a picape como uma das mais fortes para o trabalho pesado (ou que apenas gostavam de seu visual robusto).

Cadê a nova geração?

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

A expectativa em relação ao lançamento da Nova Nissan Frontier era muito grande no Brasil. Um dos motivos era o visual externo e interno defasado do modelo oferecido por aqui, apesar de suas boas qualidades.

Além disso, a nova picape passou a ser flagrada em diversos países, tendo seu lançamento na Europa ocorrido no segundo semestre de 2015. Por lá, a Frontier (ou Navara, como é vendida nesse continente) apareceu pela primeira vez no Salão de Frankfurt, mostrando o mesmo visual visto anteriormente na Ásia e na América do Sul (na Argentina ela chegou antes).

O visual mostrava linhas muito mais modernas, sem perder tanto da robustez da geração anterior como alguns temiam. Além disso, a nova Frontier ficou mais tecnológica e segura, avançando e muito quando comparada com sua antecessora ao apresentar luzes de LED, frenagem de emergência, sistema de auxílio em aclives e declives, entre outros.

Outra grande novidade foi a chegada do novo motor 2.3 biturbo diesel, com 160 ou 190 cavalos e câmbio manual de seis marchas ou automático de sete velocidades.

Frontier 2015 – versões

  • Frontier S 2.5 4×2 MT CD 2015
  • Frontier SV Attack 2.5 4×2 MT CD 2015
  • Frontier S 2.5 4×4 MT CD 2015
  • Frontier SV Attack 2.5 4×4 MT CD 2015
  • Frontier SV Attack 2.5 4×4 AT CD 2015
  • Frontier SL 2.5 4×4 AT CD 2015

Cores disponíveis: Branco Glacial (sólida); Preto Premium, Verde Army, Cinza Steel e Prata Breeze (metálicas); Vermelho Flame (perolizada).

Frontier 2015 – equipamentos

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Frontier S 2.5 4×2 MT CD 2015 – motor 2.5 de 163 cv e 41,1 kgfm de torque, com câmbio manual de seis marchas.

ITENS DE SÉRIE: Grade frontal, maçanetas e retrovisores externos na cor do veículo, Pára-barro rígido nas rodas dianteiras e traseiras, Pára-choque dianteiro na cor do veículo e traseiro cromado, Ar-condicionado manual, Banco do motorista com regulagem de altura, Chave com telecomando para abertura e fechamento das portas, Computador de bordo com medições de distância percorrida, velocidade média, consumo médio de combustível e tempo de viagem, Console central com tampa, três porta-objetos, dois porta-copos e apoio de braço, Desembaçador do vidro traseiro com temporizador, Direção hidráulica com ajuste de altura do volante, Limpador do para-brisa com controle intermitente ajustável, Retrovisores externos com regulagem elétrica, Trava elétrica com acionamento por controle remoto, Travas e vidros elétricos, Airbags frontais para motorista e passageiro, Bloqueio de ignição através de imobilizador do motor, Freios ABS com Distribuição Eletrônica de Frenagem (EBD), Preparação para áudio com antena, fiação e 4 alto-falantes, entre outros.

OPCIONAIS: Santantônio, Estribos Laterais, Capota marítima, Protetor de caçamba, Rack de teto, Sensor de estacionamento traseiro, Frisos laterais, Engate de reboque, Tapete em borracha e Tapete em carpete.

Frontier SV Attack 2.5 4×2 MT CD 2015 – motor 2.5 de 163 cv e 41,1 kgfm de torque, com câmbio manual de seis marchas.

ITENS DE SÉRIE: itens acima + Adesivo ATTACK, Estribos Laterais e Rack de teto com adesivo “FRONTIER”, Faróis de neblina, Faróis com máscara negra, Grade frontal, maçanetas e retrovisores externos na cor Titanium, Manopla do câmbio com revestimento em couro, Bancos com revestimento em tecido nas cores preto/cinza, Alarme com acionamento por controle remoto, Rádio AM/FM/CD com MP3, 4 alto-falantes e entrada auxiliar e para SD Card, entre outros.

OPCIONAIS: Santantônio, Capota marítima, Protetor de caçamba, Sensor de estacionamento traseiro, Frisos laterais, Engate de reboque, Tapete em borracha e Tapete em carpete.

Frontier S 2.5 4×4 MT CD 2015 – motor 2.5 de 190 cv e 45,8 kgfm de torque, com câmbio manual de seis marchas.

ITENS DE SÉRIE: mesmos itens da versão S 4×2.

OPCIONAIS: mesmos itens da versão S 4×2.

Frontier SV Attack 2.5 4×4 MT CD 2015 – motor 2.5 de 190 cv e 45,8 kgfm de torque, com câmbio manual de seis marchas.

ITENS DE SÉRIE: mesmos itens da versão SV Attack 4×2 + tração 4×4.

OPCIONAIS: mesmos itens da versão SV Attack 4×2.

Frontier SV Attack 2.5 4×4 AT CD 2015 – motor 2.5 de 190 cv e 45,8 kgfm de torque, com câmbio automático de cinco marchas.

ITENS DE SÉRIE: mesmos itens da versão SV Attack 4×4 + câmbio automático.

OPCIONAIS: mesmos itens da versão SV Attack 4×4.

Frontier SL 2.5 4×4 AT CD 2015 – motor 2.5 de 190 cv e 45,8 kgfm de torque, com câmbio automático de cinco marchas.

ITENS DE SÉRIE: Grade frontal e retrovisores externos cromados, Ar-condicionado digital dual zone automático, Bancos com revestimento em couro, Câmera traseira com imagem integrada ao display do rádio, Chave inteligente presencial (I-Key), Comandos de áudio e telefone no volante, Piloto automático com controle no volante, Regulagem de altura dos faróis, Bancos com revestimento em couro e relevo “FRONTIER”, Controle de estabilidade (VDC – Vehicle Dinamic Control), Antilock Braking Limited Slip – ABLS, Controle de Tração (TCS), Rádio CD/DVD Player com navegador função MP3, entrada auxiliar, conexão USB, WVGA Digital com painel LCD de 6,2” e 6 alto-falantes, entre outros.

OPCIONAIS: Santantônio, Capota marítima, Protetor de caçamba, Sensor de estacionamento traseiro, Frisos laterais, Engate de reboque, Tapete em borracha e Tapete em carpete.

Frontier 2015 – preços

  • Frontier S 2.5 4×2 MT CD 2015 – R$ 94.990
  • Frontier SV Attack 2.5 4×2 MT CD 2015 – R$ 101.990
  • Frontier S 2.5 4×4 MT CD 2015 – R$ 104.990
  • Frontier SV Attack 2.5 4×4 MT CD 2015 – R$ 108.990
  • Frontier SV Attack 2.5 4×4 AT CD 2015 – R$ 114.790
  • Frontier SL 2.5 4×4 AT CD 2015 – R$ 134.490

Frontier 2015 – motor

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

A Frontier 2015 manteve no mercado brasileiro apenas um motor, que era movido a diesel, mas que vinha com diferentes números dependendo da versão. Esse propulsor era elogiado por ser valente no trabalho pesado e econômico, tanto no uso urbano como na estrada (algo importante para muitos consumidores que passaram a comprar picapes apenas para o lazer).

As duas configurações mais baratas da Frontier 2015, S e SV Attack, tinham a tração 4×2 e o motor 2.5 com menos potência e torque mais baixo. Esse motor tinha disposição longitudinal, turbocompressor e injeção direta, além de comando duplo de válvulas no cabeçote.

Ele entregava 163 cavalos a 3.600 rotações por minuto e 41,1 kgfm de torque máximo a 2.000 rpm. Nessas versões ele estava sempre ligado ao câmbio manual de seis marchas.

A partir da versão S com tração 4×4, esse mesmo motor passava a entregar 190 cavalos a 3.600 giros de motor e 45,8 kgfm de torque a 2.000 rotações por minuto.

A versão S 4×4 mantinha o câmbio manual, enquanto a SV Attack poderia vir também com o câmbio automático de cinco velocidades e overdrive. Já a topo de linha SL só aparecia com a transmissão automática.

Frontier 2015 – desempenho

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Os números de desempenho da Frontier 2015 ficavam dentro do esperado para o seu segmento. Apenas como comparação, a líder de vendas Chevrolet S10 tinha o motor 2.8 turbodiesel, que levava 10,3 segundos para atingir os 100 km/h e tinha uma velocidade máxima de 180 km/h.

Confira os números da Frontier 2015 na aceleração de 0 a 100 km/h e na velocidade máxima:

  • Frontier 2.5 4×2 MT – 12 segundos e 161 km/h
  • Frontier 2.5 4×4 MT – 11 segundos e 180 km/h
  • Frontier 2.5 4×4 AT – 11 segundos e 170 km/h

Frontier 2015 – consumo

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

Assim como ocorria com o desempenho, os números de consumo da Frontier 2015 não ficavam longe do que a concorrência oferecia. Novamente usando a Chevrolet S10 como referência, sua versão 2.8 diesel com câmbio manual fazia 8,9 km/l na cidade e 11,5 km/l na estrada, enquanto a opção automática tinha um consumo de 8,6 km/l e 11,2 km/l, respectivamente.

Nesse comparativo vemos que apenas o consumo urbano se destacava no caso da picape da Frontier, o que poderia ser uma vantagem interessante sobre sua grande rival.

Veja os números de consumo de todas as versões da Frontier 2015, em trechos urbanos e rodoviários:

CONSUMO CIDADE:

  • Frontier 2.5 4×2 MT – 10,5 km/l
  • Frontier 2.5 4×4 MT – 10,5 km/l
  • Frontier 2.5 4×4 AT – 10,5 km/l

CONSUMO ESTRADA:

  • Frontier 2.5 4×2 MT – 12,5 km/l
  • Frontier 2.5 4×4 MT – 12,5 km/l
  • Frontier 2.5 4×4 AT – 12,5 km/l

Frontier 2015 – manutenção e revisão

Frontier 2015: equipamentos, versões, motor, consumo e fotos

A garantia oferecida pela Nissan para a Frontier 2015 era de 3 anos, respeitando suas revisões periódicas. Essas paradas deveriam ser feitas a cada 10.000 km ou 12 meses, o que ocorresse primeiro.

Os valores eram quase iguais para os modelos 4×2 ou 4×4, sendo que a única exceção era a parada dos 40 mil km.

O valor total para a picape com tração traseira era de R$ 6.497, enquanto que a versão com tração integral chegava a R$ 6.649.

Revisão

Custo

Custo

Quilometragem

Preços 4×2

Preços 4×4

10.000 km

R$ 840

R$ 840

20.000 km

R$ 1.229

R$ 1.229

30.000 km

R$ 840

R$ 840

40.000 km

R$ 1.519

R$ 1.671

50.000 km

R$ 840

R$ 840

60.000 km

R$ 1.229

R$ 1.229

Frontier 2015 – ficha técnica

Motor

2.5 4×2

2.5 4×4

Tipo

Dianteiro, longitudinal e diesel

Dianteiro, longitudinal e diesel

Número de cilindros

4 em linha

4 em linha

Cilindrada em cm3

2488

2488

Válvulas

16

16

Taxa de compressão

15:1

15:1

Injeção eletrônica de combustível

Direta

Direta

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Diesel: 163 cv a 3600 rpm

Diesel: 190 cv a 3600 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484) 

Diesel: 41,1 kgfm a 2000 rpm

Diesel: 45,8 kgfm a 2000 rpm

Transmissão

Tipo

Manual de 6 marchas

Manual de 6 marchas / Automática de 5 marchas

Tração

Tipo

Traseira

Integral

Freios

Tipo

Disco ventilado / Tambor

Disco ventilado / Tambor

Direção

Tipo

Hidráulica

Hidráulica

Suspensão

Dianteira

Independente, braços sobrepostos

Independente, braços sobrepostos

Traseira

Eixo rígido

Eixo rígido

Rodas e Pneus

Rodas

Liga leve 16 polegadas

Liga leve 16 ou 18 polegadas

Pneus

255/70 R16

255/70 R16 ou 255/60 R18

Dimensões

Comprimento total (mm)

5230

5230

Largura sem retrovisores (mm)

1850

1850

Altura (mm)

1780

1780

Distância entre os eixos (mm)

3200

3200

Capacidades

Porta-malas (litros)

1012

1012

Tanque (litros)

80

80

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

1030

1030 (MT) 1000 (AT)

Peso em ordem de marcha (kg)

1960

2000 (MT) 2066 (AT)

Vão livre (mm)

220

220

Frontier 2015 – fotos

https://www.youtube.com/watch?v=MqLB_bKHZZc&ab_channel=Not%C3%ADciasAutomotivas

Viny Furlani

Formado em Gestão de Negócios, trabalha no segmento automotivo há mais de 17 anos. Em 2009, passou a escrever avaliações e notícias sobre carros, totalizando mais de 2.000 artigos, em vários sites. Além das matérias escritas para o NA, também cuida das mídias sociais do site.