Chevrolet Montadoras/Fábricas

GM anuncia R$ 1,9 bi para produzir novos motores de Onix e Prisma

chevrolet-onix-prisma-2017-NA-70 GM anuncia R$ 1,9 bi para produzir novos motores de Onix e Prisma

A General Motors (GM) anunciou nesta sexta-feira, 2, um investimento de US$ 1,9 bilhão para a fábrica de Joinville, em Santa Catarina. Este montante será utilizado para a instalação de seis novas linhas: duas de usinagem de blocos, duas de cabeçotes, uma linha de sub-montagem de cabeçotes e uma linha de montagem de motores, em um novo prédio de 46,8 mil metros quadrados, ante os 15 mil m² e as três linhas de produção do anterior. Tais linhas serão responsáveis pela produção de uma nova gama de motores para os próximos Chevrolet Onix e Prisma.



“A nova fábrica vai receber novas tecnologias de manufatura inteligente (4.0), incluindo estações robotizadas, sistema autônomo de movimentação de materiais, sistema de monitoramento de processo através de câmeras, testes elétricos dos motores, gerenciamento de estoque e programação através de software conectado com a cadeia de suprimentos, entre outros. Com a introdução dessas novas tecnologias, a produção será monitorada em tempo real, através de sistemas de gerenciamento dos processos acessíveis através de “tablets” e “smartphones”, disse o presidente da GM Mercosul, Carlos Zarlenga.

chevrolet-onix-prisma-2017-NA-70 GM anuncia R$ 1,9 bi para produzir novos motores de Onix e Prisma

Com esta ampliação, a GM deverá ampliar a sua capacidade de produção anual de 120 mil para mais de 420 mil motores, além dos blocos e cabeçotes produzidos. Serão criados ainda cerca de 400 novos empregos diretos e indiretos.

Atualmente, a unidade fabril é responsável pela montagem dos motores 1.0 litro e 1.4 litro flex usados na família Onix e Prisma e também na picape Montana. Já os novos motores (o que deve incluir um inédito 1.0 litro flex de três cilindros) deverão ser uma exclusividade do hatch e do sedã, visto que a picape pode ser descontinuada em breve. A expectativa é que esses novos propulsores sejam produzidos a partir de julho de 2019, para equipar os novos compactos esperados para 2020.

Este novo investimento anunciado pela GM faz parte dos R$ 13 bilhões prometidos em 2014 pela marca, que serão aplicados até 2020. Trata-se do maior plano de investimento da empresa em seus 93 anos de história no País.

COMPARTILHAR:
  • Valdek Waslan

    Sim, mas existe alguma expectativa sobre como serão esses novos motores? Pergunto em relação a força e potência.
    Valeu NA

    • Robert Dniro

      Estranho, só se for turbo com injeção direta pra realmente chamar a atenção, se não é apenas mais um no meio da multidão.

      • Renato Duarte

        o que já é um grande passo quando se trata de substituir os motores de chevette junior presentes desde 1992.

    • V12 for life

      Pouco depois do início do Inovar Auto a GM anunciou que iria produzir uma família de motores inedita, começando pelo 1.0 de 3 cilindros aspirado e indo até um 1.4T com injeção direta, inédita por se tratar de motores totalmente em alumínio sendo que os atuais tem bloco de ferro fundido.

      • Valdek Waslan

        Tudo bem… só que o Inovar Auto é de 2012… será que levaram esse tempo todo ou abandonaram por um tempo?

        • V12 for life

          De 2012 pra cá a incerteza política fez muitas empresas adiarem as coisas, preceba que só tem motores novos nas marcas que estavam tão adiantadas que se adiassem seus lançamentos o prejuízo seria maior.

        • V12 for life

          Lembre-se que de 2012 até agora passamos por uma grande crise política que afetou o tudo no país, normal uma empresa adiar os planos, a VW só lançou os TSI por estarem tão adiantados que o prejuízo seria maior se esperassem.

          • Valdek Waslan

            Então abandonaram por um tempo…

          • Raul Pereira

            Concordo com você. Mas a VW também tem o agravante de ter perdido muitas vendas e muito espaço. O Gol, há 2 gerações já não reina mais soberano por ela ser muquirana nos equipamentos e dar um design pobre e igual para todos os carros. Se ela não trouxesse o Polo, estaria bem mal para os próximos tempos.

            • impostoéroubo

              1.0 carro popular

            • fssantos

              pois é o problema é que sempre que vejo um Polo na rua, pra mim parece mais um “gol mais encorpado” do que um “mini Golf”… dai daqui algum tempo anunciam a nova geração do Gol que na verdade parece muito com a atual,

  • JOSE DO EGITO

    Aproveita e elimina essa porcaria de CORREIA DENTADA !!!!

    • Basil Sandhurst

      Vc não gosta de BMW?

      • João Martini

        Nunca vi ninguém falando mal do Sigma também. Eu não tenho nada contra correias.

        • Rodrigo

          É que nesse motor GM ela é trocada a cada 60 mil km (se me recordo bem). Nos Ecotec de Cruze e Sonic esse prazo aumenta para 120 mil km. Nos turbos eu nem sei, mas deve ser em torno disso também.
          Eu também não vejo mal na correia, mas sim na tecnologia empregada.

        • T1000

          O problema não é a correia em si, o problema é que nem as concessionárias acertam o ponto do motor na hora da troca.

      • D136O

        Pessoal ai simplifica demais as coisas a considerar, ele que compre um fusca então não tem correia dentada nem sistema de arrefecimento nem AC pra ter que trocar fluidos e filtros hahshhahshahhsh

        • Geraldo Xavier

          Tem alguns fucas com ar condicionado aqui no rj. Não sei quem faz a instalação mas já vi uns

          • leomix leo

            Tem um Fusca aqui em minha cidade, tem ar, dr, vidro, travas, Cam de ré, sensor e o diabo aquático, mais o dono tem loja de acessórios e Som automotivo.

            • Eduardo

              gastou 50 mil no fusca…

      • Pedro Henrique

        olha não tenho nada contra correia dentada, mas se puder colocar corrente que dure a vida útil inteira do motor melhor, se for banhada a óleo melhor ainda pra reduzir atrito e ruido…
        mas como o foco do novo motor é eficiência e leveza, dificilmente vai usar corrente, até pra ser barato na montagem e nós sabemos que quando se fala em barato de fazer a gm gosta

      • JOSE DO EGITO

        eu nao gosto é de CORREIA DENTADA

        • Basil Sandhurst

          José, volto a perguntar, então vc não gosta de BMW?

      • Paulo Lustosa

        BMW usa corrente

        • Basil Sandhurst

          Então é um carro ruim?

          • Paulo Lustosa

            O que determina motor ruim ou não é o projeto em si, não as soluções empregadas… do mesmo jeito que a VW tem problemas com o EA-111 16V pelo projeto deficiente de lubrificação, os Renault com os CHT que costuma saltar vareta em alta e a GM com o câmbio que costumava encavalar em segunda, tem motores de 6 cilindros da BMW que sofrem de superaquecimento no HUEzil igual aos Subaru, e ainda reafirmo que na maior parte deles são os donos, e não o projeto em si.

    • Ronald

      Rapaz, mas quanto ódio pela bichinha sorridente…😂

      • JOSE DO EGITO

        se nao fosse a nescessidade da troca ate que eu ia ama-la !

  • Tochio

    Coram para as colinas, a GM vai atualizar seus motores !!!

    • Marcelo Alves

      Sinal dos tempos!!

    • O Apocalipse está chegando…

    • Ronald

      Já estou no meu bunker anti atômico…😂

  • Razzo

    GM do Brasil investindo com um senhor atraso em um motor moderno de entrada. Será no caso o SGE 1.0 12v ?

    • T1000

      Se for 12v sera um milagre, mais provavel ser um 6v com comando fixo e bloco de ferro.

      • Razzo

        Que tristeza…

    • Paulo Lustosa

      O próprio

  • No_Name

    Será o 1,0 3 cilindros que era da Opel? Pessoal lá na Europa elogia bem esse motorzinho, dizem que é um dos modelos de 3 cilindros que menos vibram.

  • Adauto Vieira Dias Júnior

    Ansioso para saber o consumo desses novos motores, principalmente o 1.0 . Espero que o consumo dele fique em volta de 16km/l cidade e 20km/l pista. Por que a GM se não me engano é a única montadora no Brasil que ainda n tem seu 1.0 3 cilindros! Pra compensar essa demora , espero pelo menos isso.

    • Esse consumo urbano só se for em Brasília…

      • Geraldo Xavier

        Tem uns donos de up que juram de pé junto que o deles faz isso na cidade. Em São Paulo ainda por cima. Engraçado que um conhecido do trabalho tem um Fox com o mesmo motor no máximo 11 sem ar na cidade do rj. E olha que ele anda devagar e não estica as marchas

        • Aqui no Sul de Minas não chegava nem perto nem longe disso, mas aqui também é só morro, não dá para usar como base. Creio que a pessoa consegue 16 em SP se rodar mais nas marginais ou nas grandes avenidas, sempre a 60 por hora ou algo parecido, em 5a marcha, aí sim…

          • Geraldo Xavier

            Meu prisma andando na linha vermelha aqui no rj com ar ligado a 80 km e pouco trânsito fez 18,2 no computador de bordo com gasolina e olha que o consumo do comp de bordo dele sempre tem uma pequena diferença pra menos que na bomba.
            Será que posso falar que meu carro faz 18 na cidade?
            Na realidade o consumo é de 11 na cidade e 16 em estrada com ar ligado sempre. Nunca desligo o ar nem no inverno.
            Os vw já são ao contrário o fox do meu amigo na bomba dá diferença de até 2 km/l a mais que na bomba. O computador de bordo dele marca 12 km/l e na bomba dá 10,5

            • Poder falar, pode, é o que esses donos de Up fazem… mas nunca entendi muito quem briga nessa questão, como se fosse um time de futebol. Nada a ver.

          • MauroRF

            E com ar desligado e sem engarrafamentos. Raro esse cenário em SP. Fato é que grandes avenidas/marginais melhoram bem as médias, ao passo que rodar só em rua local faz as médias caírem demais. Se pegar engarrafamento constantemente, pior ainda.

            • Realmente, para andar sem engarrafamento só se a pessoa andar em horário que não é de pico, e isso é fora da realidade para a maior parte dos paulistanos.

        • Samluzbh

          Os donos de Ka também exageram, peguei um uber esses dias o motorista disse que o dele faz 14km/l de álcool em BH.

          • Geraldo Xavier

            Descendo as ladeiras daí sim.

            • Samluzbh

              Acho que nem assim!!

          • Matozao

            Meu carro não tem computador de bordo mas ele mostra o mento do percurso e ele deve está tirando base sobre isso e não do consumo total

            • Samluzbh

              Com certeza ele ta fazendo conta errada, muito errada.

        • Pedro Henrique

          quanto na cidade? 20 com o up? só se ele só rodar aos domingos de madrugada…
          na cidade oque faço de melhor é 16~17, na estrada 18~19…
          porque na cidade joga uma marcha mais altinha e fica só em idling, mas se tiver transito, muita sinaleira, quebra mola, melhor que vai fazer é 15 e beliscar o 16
          gasolina claro.

        • João Martini

          O meu Up fazia entre 10 e 11 no etanol, sem AC, rodando em SP e São Bernardo do campo. Já o Ka 3 cilindros faz perto de 9-9,5.

          • Geraldo Xavier

            Consumo condizente com o local e sem ar condicionado. Com ar o consumo desses motores mpi despenca. Iria para uns 9. Pra medir o consumo real tem que encher 3 tanques e usar até próximo da reserva e depois fazer a média

            • João Martini

              Essas médias não são por computador de bordo. São tanque a tanque, sempre no mesmo posto.
              Eu faço isso com todos os meus carros. O consumo de 2017 inteiro do meu Ka 3 cilindros foi 9,3 km/L de etanol. Se usei ar condicionado em 20% do tempo foi muito.

              • Geraldo Xavier

                Ar condicionado pra mim é indispensável a utilização. Nunca desligo mesmo no inverno. Não tenho nem como saber como meu carro se comporta com o ar desligado

                • João Martini

                  Eu sei como o Ka 3 cilindros se comporta com ele ligado. Puxa o freio de mão do seu carro que terá uma ideia rsrs.
                  Brincadeiras à parte, o ar rouba muita potência do Ka, principalmente em baixos regimes. O pouco de potência que o carro tem até 2000 rpm é 100% consumido pelo AC. Ele só responde porque o compressor desarma na hora que vc acelera. Mas quando ele arma de volta, o carro morre praticamente. Como tenho sinusite acabo usando só em dias de extremo calor e com chuva mesmo.

                  • Geraldo Xavier

                    A gm mesmo com motores arcaicos não sofre muito com ar ligado. O ar do fiat que tive sofria do mesmo armar e desarmar. No trânsito pesado e com calor não gelava. Troquei essa uno que tinha em 2006 ppr um classic 1.0 e o ar raramente desarmava, só quando pisava muito. E o motor quase não perdia muito. Tive um fit 2013 por um curto período até ser roubado e até o ar do classic era melhor que do Honda. Depois do Honda voltei pra gm e o ar dos gm sempre foram excepcionais

                    • João Martini

                      O Ka perde força, mas GELA. Com letras maiúsculas rs.

        • Leonardo M. G.

          Meu irmão tem um Move Up! TSi, e, segundo o computador de bordo dele, ele faz 18 km/l com uso misto (Caxias do Sul – RS). Ele não faz média de bomba, nem pega muita serra. Eu faço 12 km/L na bomba com meu Versa, em uso misto e com trecho de serra percorrido diariamente (descendo, depois subindo).

  • Eduardo Sad

    “Produzidos a partir de julho/2019 para equipar compactos a partir de 2020”. Muito tempo pra apresentar uma evolução tecnológica que já está consolidada no Mercado por outras montadoras…

    • Mr. Pereba

      Pois é mas não dá pra dizer que errou na estratégia, levando em consideração o volume de vendas da dupla Onix/Prisma. Agora ela está apenas ajustando os perigos que ameaçam a sua galinha de ovos de ouro: primeiro corrigiu o problema de ter zerado a nota no crash test, depois vai atualizar os motores provavelmente em conjunto com uma atualização visual que vai se tornar necessária na mesma época (2020).

      • MarcioMaster

        Exato, a estratégia toda deu certo, é lider e tem o carro mais vendido, acho até arriscado trocar os motores, rsss.

    • Matafuego

      Está consolidada pela GM tb – em outros mercados. O Huezil ficou por último.

  • vicegag

    Um novo Monzatech?
    Agora milzinho três xícaras de cafezinho.

  • RRodrigo Souza

    era melhor tacar os ecotech dos cruze só reduzir a potencia

  • 2020 vai ficar interessante, com essa nova geração do Onix, nova motorização da Fiat com Firefly turboflex e ainda quem sabe o Novo Gol tentando retomar a liderança.

  • Tosca16

    Será que agora poderão por a nomenclatura “ECO” sem punições ? rsrsrs.

  • tjbuenf

    Aí quando você vai ver é só mais uma gambiarra no motor do Monza…

    • Gu92

      É capaz da GM pegar o motor F1 4 cilindros, retirar um cilindro e lançar como um novo e revolucionário motor 3 cilindros, olha que do motor F1 e da GM eu não duvido nada kkk

  • Ricardo Blume

    Antes tarde do que nunca mas, entende-se o por que da GM não querer mexer no modelo ao longo de sua vida (vendo do ponto de vista da própria montadora). O Onix é o modelo mais vendido não só do Brasil mas de toda a América do Sul então, por que mudar? Esses novos motores darão um gás necessário a nova linha (agora falando do ponto de vista nosso, o do consumidor).

    • Gu92

      Na Europa o motor SGE 1.0 12v utilizado no Opel Karl desenvolve 75 cv, acredito que no Brasil esse motor possa ter na casa dos 80/85 cv, gasolina/álcool, o que o deixaria no mesmo patamar de potência do motor 1.0 3 cilindros da Ford, que atualmente é o 1.0 aspirado mais potente do mercado!!

      • Ricardo Blume

        Aliás, poderiam trazer o Karl para o Brasil (podendo até chamá-lo de Onix, nós entenderíamos), mudando somente o badge da Opel e já era. É tudo o que precisamos, de um carrinho bem resolvido.

        • Gu92

          É aí que mora o problema, pois que o Karl é um sub compacto que mede apenas 3,67 m de comprimento ou seja é mais curto que um Celta que tinha 3,78 m de comprimento, para efeito de comparação o Onix mede 3,93 m portanto, quase 25 cm a mais, assim fica claro que a GM poderia trazer o Karl para concorrer com o Mobi, Up e Kwid como modelo de entrada, mas nunca para substituir o Onix tendo em vista a grande diferença de dimensões que possuem!!

          • Ricardo Blume

            A GM disse que não haveria substituto para o Celta, tanto que colocou o Onix Joy como o modelo de entrada. Agora não sei como fica com o lançamento de modelos como o Kwid e Mobi pois o segmento está agitado. Vamos aguardar.

          • Matthew

            Na verdade esse Karl é um carro de nicho tal como o Fiat 500, sem nenhuma pretensão de ser um compacto de baixo custo como Mobi, Up e Kwid. Seria mais caro do que o próprio Onix pra um carro menor.

            • Gu92

              Na verdade você está confundindo, pois o carro de imagem da Opel que concorre com o Fiat 500 se chama Opel Adam, sendo o Karl o modelo de entrada da Opel no mercado alemão!!!

              • Matthew

                Verdade! Mas o Karl também está completamente fora da realidade do mercado brasileiro e é um modelo muito mais sofisticados do que Mobi e Kwid. Ele é mais ou menos do mesmo padrão do Picanto que foi relançado recentemente por R$ 60 mil de tabela, pois dizem que tão cobrando ágio nas concessionárias. Portanto, prevalece a minha análise.

                Nos mercados latino americanos em que há um carro menor que Onix, como México e Colômbia, nenhum deles equivale ao Karl. São produtos de origem asiática (sul coreano ou chinês) bem inferior ao modelo europeu.

                • Gu92

                  O carro que a GM vende nesses mercados nada mais é do que o Chevrolet Spark que é nada mais nada menos do que uma versão Chevrolet do Opel Karl, eu penso que a GM brasileira nem tenha porque vender um carro sub compacto por aqui, visto que o Onix mesmo sendo maior está vendendo horrores e um modelo desse segmento além de vender pouco iria canibalizar as vendas do líder Onix gerando assim um “problema” para a GM!!!

                  • Matthew

                    O carro mais barato da GM do México é o Chevy Beats que nada tem que ver com o Spark/Karl. Tem bem cara de projeto de terceiro mundo e nem sei precisar sua origem. De fato o Spark (equivalente americano do Karl) está disponível no lineup da divisão mexicana, mas repare que ele é quase tão caro quanto o Sonic, que por sua vez é mais caro e sofisticado que o nosso Onix. De qualquer das formas seria inviável para o nosso mercado. Teria que ser um projeto local do nível de Mobi e Kwid, do contrário ficaria a preço de Picanto.

                    • Gu92

                      Mas o Chevy Beats também é um Spark, só que da geração passada que é mais simples e ao meu ver mais “feia” que a atual mas é um Spark é como se fosse nosso Onix Joy que manteve o design antigo e é vendido como modelo de entrada da marca no Brasil!!!

                    • Matthew

                      Nem tanto. Onix Joy só tem o visual desatualizado, porém a base é a mesma. O Beats é de algumas gerações passadas do Spark. Tá mais pro que era o Classic do que é o Onix Joy.

                    • Gu92

                      Eu sei bem disso, só usei o Onix Joy pois atualmente ele é o único modelo da nossa Chevrolet oferecido com duas carrocerias distintas, como acontece com o Beats/Spark no México, não me referi a parte mecânica e sim ao visual e pra bem da verdade mesmo a mecânica do Beats mexicano é mais atual que a do Onix, pois já usa um motor 3 cilindros da família Ecotec a anos, enquanto por aqui seguimos usando o motor família 1 com projeto Opel datado de 1982!!!

                    • Matthew

                      Como eu disse, Beat e Spark pertencem a gerações distintas. No México o Beat não usa motor da família Ecotec e tampouco de 3 cilindros. É uma unidade de quatro cilindros 1.2-16v denominada de “TEC-III” e possivelmente de origem asiática. O família I utilizado no Onix estreou em 1993 no Corsa. O F-II que é de 1982.
                      Enfim, entre um Onix e um city car importado da China acho que fica eles por elas.

                    • Gu92

                      Não senhor, o motor GM família 1 foi lançado na Europa como 1.2 junto com o Corsa A “quadrado” que foi lançado em 1982, o Corsa B que foi lançado em 1993 na Europa e em 1994 por aqui foi apenas responsável por trazer o motor F1 para o Brasil, mas ele já existia a 12 anos na Europa e já o motor F2 é derivado do motor do Chevette inclusive o bloco é praticamente o mesmo e foi lançado em 1980 no Opel Ascona, que chegou ao Brasil em 1982 como Chevrolet Monza na versão 1.6!!!

                    • Matthew

                      Mas o ponto era que o Beat mexicano não usa motor Ecotec, independente de quando foi lançado o motor X, Y ou Z, que eu acho uma grande besteira essa discussão toda.

                    • Gu92

                      Também acho besteira, mas o fato é que não podemos omitir os fatos, da mesma forma que você me elucidou a respeito do motor utilizado pelo Beat eu te elucidei sobre o ano real de lançamento dos motores GM F1 e F2, creio que são debates assim que enriquecem os nossos conhecimentos a respeito do mundo automotivo que tanto gostamos de acompanhar!!

                    • Matthew

                      Concordo! obrigado pelas infos.

                    • Gu92

                      O agradecimento é recíproco!!

        • Matafuego

          O Karl agora é da PSA

  • PH Sacchi

    poderiam fazer um 3 cilindros aspirado e outro turbinado para substituir esse 1.4

  • Wagner Lopes

    Mas que bobagem GM, gastar essa grana com novos motores para onix/primas??? Brasileiro não liga pra isso. Veja seus números de vendas destas duas carrocinhas? Olha a grana que vc tá fazendo vendendo essas tranqueiras do jeito que estão…não jogue dinheiro fora!….kkkkkk.

    • Ernesto

      Está corretíssima em querer melhor seus produtos. Ela quer evitar o que aconteceu com a VW em relação ao Gol e a Fiat em relação a Palio.

  • Erick

    1.0 3 cilindros???
    Vai dar mancada igual a dona FIAT…
    Ponto para a Peugeot: 1.2 3 cilindros!!!

  • RIP Brazil

    Ahhh e tem gente que acredita nesse Carlos Zar LENGA LENGA…
    ;)

  • Elder Gonzaga

    Se colocarem um 1.0T e conseguem melhorar a segurança desta projetos será bem interessante

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email

receber-noticias Notícias por email