EUA GM

GM: Redução de marcas e baterias automotivas nos EUA!

gm-reducao-de-marcas-e-baterias-automotivas-nos-eua GM: Redução de marcas e baterias automotivas nos EUA!







Seria isso o começo da tão sonhada reestruturação da GM? Bom, parece que sim, a julgar pela possível redução do número de marcas que hoje fazem parte deste verdadeiro “império automotivo”.

Com a promessa de redução de custos e uma maior eficiência administrativa, a GM pretende focar o mercado internacional com apenas quatro marcas: Buick, Cadillac, Chevrolet e GMC.

Supõe-se então, que as outras marcas, como Saab, Saturn, Hummer e Pontiac, deverão ser vendidas ou fechadas. Mas, parece que essa “tetrarquia” da GM é somente para os EUA.

É bom lembrar, que fora da América do Norte existem outras marcas “regionais”, como Daewoo, Opel e Holden, por exemplo. Essa imagem mais “enxuta” da GM na América, parece apenas para agradar a opinião pública local.

Mesmo assim, alguns movimentos da montadora no sentido de mostrar que dessa vez a marca aprendeu a lição e vai se modernizar, foi o anúncio da primeira fábrica de baterias automotivas dos EUA.

Essa iniciativa será em parceria com a LG Chem, que vai produzir as células das baterias de íon-lítio do sistema híbrido do Chevrolet Volt.

Com este novo panorama na América do Norte, esperamos que a GM também volte seus olhos para os mercado emergentes, onde há lucratividade e crescimento nas vendas.

Fonte: GM.



  • LFSP2

    A Pontiac não deve ser vendida, será marca de nicho, a Saab dá uma boa grana se for vendida, a Hummer Banheiras S/A também, embora em franca queda de vendas, tem muito árabe de olho nela, o problema são as outras marcas fora dos EUA, a GM quer ficar com apenas 4 marcas principais mas em várias mercados a sua amrca principal quase não tem presença, quem a representa são a Opel, Holden, Daewoo, isso é um dilema.


Send this to a friend