América Latina Chevrolet Hatches Segredos-Flagras

GM testa Novo Onix RS na Colômbia

GM testa Novo Onix RS na Colômbia

O Novo Onix RS já está rodando, mas na Colômbia. O hatch compacto da Chevrolet foi flagrado no país vizinho com apenas os logotipos cobertos por adesivos pretos. A versão de proposta esportiva do compacto é surge com faróis escurecidos e rodas de liga leve escurecidas.


Além disso, dá para ver que o Novo Onix RS terá ainda difusor de ar traseiro, bem como defletor de ar no teto com elemento vazado, diferente do potencial rival Renault Sandero RS. Ele vem montado sobre a tampa e pode vir um acessório na rede Chevrolet. Outro item que chama atenção é o teto preto, assim como saias laterais.

GM testa Novo Onix RS na Colômbia

Na mecânica, à princípio, o Novo Onix RS deve chegar com motor 1.0 Ecotec Turbo de 116 cavalos e até 16,8 kgfm, porém, por ser uma opção de proposta esportiva, não seria ruim se o mesmo trocasse este pelo 1.2 Ecotec Turbo de 132 cavalos e 19,5 kgfm do Onix Plus mexicano. Aliás, este motor deverá ser usado também no Novo Tracker.

Se for focado mesmo em apenas aparentar esportividade, então o conjunto já oferecido nas demais versões, é aceitável. Ainda mais com câmbio manual de seis marchas. O Onix RS, contudo, pode ainda dispor de opção automática.

GM testa Novo Onix RS na Colômbia

Com rodas aro 16, saias, defletores, aerofólio e teto preto, vendidos como pacote de personalização, também pode ganhar muitos donos de outras versões. De série com seis airbags, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, direção elétrica e ar condicionado, o Novo Onix vem com uma receita para manter a liderança de mercado.

Em 2019, na maior parte dos meses com a geração anterior, o Onix vendeu 241.214 unidades, um volume que foi maior que o total de vendas da Renault, a quarta marca mais vendida no país durante o período. Por ora, o modelo é oferecido nas versões de acesso, LT, LTZ e Premier, tendo motor 1.0 12V de até 82 cavalos (entrada e LT), além do turbinado.

[Fonte: El Carro Colombiano]

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • 1945_DE

    Não deu para entender esse aerofólio na tampa traseira. Jeitão de gambiarra.

  • Hugo Leonardo Dos Santos

    Tá estranho, num outro flagra esses tempos o Onix RS de teste tinha ponteira dupla de escape, o carro já está no mercado com esse motor e estão fazendo testes do que? Fora esses emblemas tapados.. Ou é um blefe ou esse motor 1.0 turbo está mais nervoso.

    • Ric53

      É blefe kkkk

  • Jhon

    Parece que só colocaram um kit da TG Poli que não encaixou muito bem com o design do carro. Espero que a versão final lançada no Brasil seja mais harmonica.

  • Victor

    Eu acho que essa traseira parece do Kwid.

  • FREDRED

    Se vier com a opção de manual de 6 marchas e motor 1.2 com remap de fábrica (igual ao sandero rs) tenho interesse.

    • Rogério R.

      Se o Onix RS vier com o 1.2 T manual, o Sandero RS terá um baita concorrente. Na velocidade máxima o Sandero RS levaria a melhor devido a sua maior potência máxima, apesar que até a 6ª dele é curta, então fico na dúvida, mas de 1ª a 4ª marchas no arranque a briga seria bonita de ver.

  • Rogério R.

    O Onix hatch sendo testado na Colômbia já mostra a importância do carro no país vizinho, pois segundo o Andemos o Onix(Onix + Onix Plus) foi o Chevrolet mais vendido da Colômbia superando os Chevrolet produzidos pela GM-Colmotores Colômbia: Spark, Beat e Sail. Pelo que já andei lendo o Sail deixou de ser produzido lá, então não duvido muito que o Onix seja o próximo Chevrolet feito lá. Apesar que a GM-Colmotores também produz caminhões e ônibus Chevrolet com tecnologia Isuzu.
    [CURIOSIDADE] Já viram um ônibus com a gravatinha Chevrolet? Visitem o site da Chevrolet Colombia no link “Buses y Camiones”. Já digo que é algo bem inusitado para nós brasileiros, principalmente os da linha LV de grande porte.
    Voltando ao Onix. acho uma boa iniciativa da GM em lançar o Onix esportivado, pois existem muitos consumidores que gostam de carros com estilo esportivo, mas que não tem grana para comprar um carro realmente esportivo. Para mim a Renault está perdendo em não relançar o Sandero GT Line 1.6.

    • Luís Paulo

      Bem feios os ônibus dessa linha LV!!

      • Rogério R.

        A GM só fabrica os chassis e como aqui lá existem as fábricas encarroçadoras, as mais famosas são a Superpolo(Marcopolo) e a Busscar, essa carroceria do ônibus LV da foto no site da GM-Colmotores, eu também não conhecia, então pesquisei e descobri que é da Autobuses AGA.

  • Matafuego

    A Chevrolet BR está se esforçando para acabar com as siglas esportivas. Acabou com a SS na época de Corsa, Meriva e Astra e agora vai tentar fazer o mesmo com a RS. Quanto custa colocar o 1.4T do Cruze p/ fazer um esportivo de verdade?

    • Hugo Leonardo Dos Santos

      Custa bastante, não é só motor

    • Paulo Lustosa

      RS na GM nunca sequer foi sigla pra esportivo.

      • Matafuego

        Eu não disse que a GM já tinha usado a sigla, disse que ela estava se esforçando para acabar com as siglas esportivas.

        • Paulo Lustosa

          As siglas realmente esportivas da GM sempre começaram com a letra Z, portanto, ela não está matando a sigla SS e não está matando a sigla RS, até porque a sigla RS dentro da General Motors desde quando foi implementado em 1967 no primeiro Camaro, sempre foi um package visual que se aplicava desde o Camaro mais simples com motor 4.1L igual ao que equipava o Opala até o Camaro SS, que tinha várias opções de motor V8 assim como o Camaro mais simples. O Esportivo de fato era o Z/28, que tinha mecânica puramente de competição, freios e suspensão, o que hoje complementa com o ZL-1, assim como existe o Z06 e ZR1 para o Corvette e ZR-2 para as picapes. A sigla SS na grande maioria das vezes foi usada para um carro mais potente da mesma linha com alguns adereços esportivados e sem nenhuma modificação em escalonamento de transmissão, relação de diferencial, freios e suspensão, e isso se aplica ao Camaro, Chevelle, El Camino, Opala, Corsa, Astra, Impala, Chevy II, Nova, Monte Carlo e outros, sendo os únicos SS realmente esportivos por terem mudanças em suspensão, freios e transmissão, além do motor mais potente, o Cobalt, HHR e Trailblazer.

      • Gabriel

        No EUA tinha o Sonic RS com o 1.4T resultando em um conjunto bem legal.

        • Paulo Lustosa

          Que não passava de um Sonic LTZ com roupagem esportiva no início, sendo transformado em package visual desde o Sonic mais simples até o Premier.

          • Gabriel

            Mas com uma motorização digna.

            • Paulo Lustosa

              mesma motorização e suspensão do restante da linha, ou seja, esportivado igual ao onix rs e polo gts, mesmo esse ultimo tendo motor mais forte

  • Júnior Nascimento

    Se vier abaixo de 70k, com o 1.2turbo, suspensão recalibrada, mata o Sandero RS

    • Hugo Leonardo Dos Santos

      Premier tá 70 mil, não tem como fazer um esportivo nesse valor. Se custasse 80 mil ainda estaria barato perto do polo GTS

      • Tosca16

        Neste caso o importante mesmo seria se o GM benga ou não benga, e sabendo dos preços VW, mesmo se empurrarem o motor do Cruze, o Onix RS seria mais barato que Polo GTS.

        • Hugo Leonardo Dos Santos

          Esse negócio de benga ou não benga só serve pra dois públicos: que participam de campeonato ou os que querem alimentar o ego. Pra mim o que importa é o CxB

          • Tosca16

            Se fosse olhar custo benefício ninguém pegaria GTS de mais de 100 mil feito na base do Polo; o público quer desempenho, visual e abre aspas, exclusividade/status.

            • Hugo Leonardo Dos Santos

              Mas polo GTS não vai vender muito não, nesse valor com mesmo motor olha pro lado e leva Jetta Comfortline.

              • Tosca16

                Lucratividade por unidade, e se duvidar, o pouco não é tão pouco assim.

    • Tosca16

      Sandero RS nunca foi sucesso, e a culpa está em nosso mercado, pois reclamamos dos ditos “esportivos de adesivo” e quando temos um projeto realmente esportivo, com bons ajustes, motorização mais forte, e preço condizente, não compramos.

      • Rogério R.

        Segundo o site M1 no comparativo Civic Si x Sandero RS, o hatch esportivo está vendendo cerca de 250 unidades por mês.

      • Gran RS 78

        O maior problema do Sandero RS é não ter uma opção com cambio automático, pois muitos clientes querem esse item, mesmo em modelo esportivo.

        • Tosca16

          Aí é culpa do consumidor, hehe; é fogo isso, daqui a pouco , vamos ver esportivos com CVT kkk.

          • Gabriel

            Tem o Subaro wrx (se não me engano) que é um canhão e tem versão manual e CVT, porem é o melhor e mais divertido CVT que ja foi feito

  • Tosca16

    Faz tipo Polo GTS, pega um projeto barato, empurra um motor mais potente, e vende por 100 mil bozos… Vw matou o Golf, GM só tem o Sport6, que é líder dos hatchs médio porque o mercado não tem concorrentes hoje.

    • Teria de fazer o msm que a VW, e matar o Cruze, pq na prática muita gente compraria esse Onix 1.4T.

      • Tosca16

        E com um modelo baseado no Onix a esse preço de Cruze, é muito mais lucrativo pra GM.

        • Edson Fernandes

          Eu nunca teria um Onix RS 1.4 turbo ao contrário do Cruze 1.4 T….

          • Tosca16

            Mas infelizmente o consumidor pagaria os mesmos 100 mil num Onix RS mas não se tem a mesma atratividade no Cruze Sport6.

            • Edson Fernandes

              Justamente por isso que nõa teria o Onix…rs

              Já o Cruze sim.

  • Wallison Dos Santos Lemos

    Eles teriam de colocar o 1.4 do Cruze nesse carro. Ficaria um foguete.

  • Henrique12

    Se alguém quer um visual exclusivo e comprou um Onix, já começou errado.

  • Ric53

    Galera o último esportivo nacional da Chevrolet com motor mais nervoso que a versão convencional foi o Astra GSI e isso já faz uns 20 anos então não esperem absolutamente nada!

  • FocusMan

    Gostei muito desse Onix novo. Certamente essa versão deverá chegar alguma hora ao Brasil. Deve ser novidade para a linha 2021.

  • Gustavo Oliveira

    Qual a razão de se comprar esse carro? Só pagar mais caro pelo Seguro? Carro para pegar desinformado… se vier o 1.2 retiro o q disse.

  • Peter Bishop

    Sem o 1.2 esse RS será de risos…

  • Gran RS 78

    Faltou uma saída de escape aparente, para completar o visual esportivo dele.

  • Alvarenga

    Uau, que motor esportivo !!!!! Vai “empurrar” até Kwid na descida.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email