Brasil GM

GM vai consertar todos os respiradores quebrados no Brasil

GM vai consertar todos os respiradores quebrados no Brasil

A GM (General Motors) anunciou nesta quarta-feira, 25 de março, que irá ajudar o Brasil no combate ao novo coronavírus COVID-19. O grupo informou que irá consertar todos os respiradores que estão com defeito no país através da Iniciativa + Manutenção de Respiradores.


Além da General Motors, a iniciativa conta com a ajuda do SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), Abeclin (Associação Brasileira de Engenharia Clínica) e do Ministério da Economia. A GM informou ainda que outras montadoras estão envolvidas na força-tarefa, mas não mencionou quais.

A notícia do conserto dos respiradores chega em boa hora, uma vez que o país tem registrado mais de dois mil casos confirmados de coronavírus COVID-19. Além disso, o presidente Bolsonaro vem mostrando resistência em adotar medidas para frear o avanço do vírus.

GM vai consertar todos os respiradores quebrados no Brasil

“Colocamos a nossa expertise, instalações e força de trabalho voluntário técnico à disposição das autoridades. Este é o momento de usarmos todas as armas que temos contra este vírus e a GM fará tudo o que está ao seu alcance para ajudar o Brasil e o mundo a passarem por este momento difícil”, disse Carlos Zarlenga, presidente da GM América do Sul.

A GM e as outras organizações envolvidas já conseguiram localizar mais de três mil aparelhos respiradores que estão parados. Segundo a fabricante, o número pode ser ainda maior.

GM vai consertar todos os respiradores quebrados no Brasil

A montadora explica que pretende reparar todos os aparelhos. Ela também ficará responsável por buscar os equipamentos nas unidades de saúde, enviar até uma fábrica e devolver para o hospital. O conserto será feito pela equipe de voluntários do SENAI.

“Neste momento, em paralelo ao levantamento que está sendo feito do número, localização e modelo dos equipamentos parados, estamos treinando virtualmente nosso corpo técnico voluntário e preparando salas nas operações da GM no Brasil para realizarmos os reparos na semana que vem”, declarou Dr. Carlos Sakuramoto, gerente de inovação da GM.

[Fonte: General Motors]

Darlan Helder

Darlan Helder

Natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011

  • Pablo Henrique

    Poderiam colocar o filtro de ar-condicionado de fábrica também, já que se preocupam tanto com o sistema respiratório dos brasileiros. Antes que me chamem de hater, tenho um Prisma.

    • Eduardo 1981

      Boa, hahahaha !

    • Jonny Henrique

      Sério que o Prisma não tem? Corte de custo safado kkkkkkk
      Até Corsa e Celta (carro mais barato da linha gm) tinham

      • Paulo Lustosa

        Prisma antigo tinha

    • MarcioMaster

      O assunto não é esse

  • CanalhaRS

    Legal a atitude, parabéns aos envolvidos.

  • Edinaldo_Tapica

    É o marketing inteligente. Dou o maior valor

  • Fabio Marquez

    É esse tipo de ação que as pessoas devem dar valor… A marca trabalhando para logo voltar a produzir, mas com seus colaboradores e clientes vivos.

    • Tosca16

      VW já respondeu o marketing, digo ajuda da GM, emprestando 100 carros e doando 2 mil máscaras. Agora vamos esperar a FIAT.

      • Rogério Scudeler

        Algo de plástico. Ainda não comunicaram, mas não foge disso.

        • Selsu Brass

          Ao menos a Palio Adventure virá com um pouco menos de plásticos em roda heheheh.

  • Teo Vilas

    Parabéns para a GM. Entretanto o autor presta um desserviço quando afirma: “Além disso, o presidente Bolsonaro vem mostrando resistência em adotar medidas para frear o avanço do vírus.” O é uma falsidade desnecessária.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email