Ecologia Europa Governamental/Legal

Hamburgo é a primeira cidade alemã contra os carros diesel

Hamburgo é a primeira cidade alemã contra os carros diesel

Com 1,75 milhão de habitantes, a importante cidade portuária alemã, Hamburgo, se torna a primeira à barrar a entrada de carros diesel no país. Após o tribunal federal ter aprovado uma lei que autoriza as metrópoles e demais municípios da Alemanha à impedir a circulação de automóveis movidos por óleo diesel, a região norte dá início a esse tipo de restrição.


Segunda maior cidade germânica, Hamburgo iniciou uma ofensiva contra o óleo combustível, mas não será inicialmente em 100% da cidade. Em realidade, apenas os carros diesel até 2014 (Euro 5) estão proibidos de circular em dois trechos da metrópole alemã nas vias Max-Brauer-Allee (580 m de extensão) e Stresemannstraße (1,7 km). Quem violar a restrição, deverá pagar multas de 25 a 75 euros.

Mas, para facilitar a fiscalização, Hamburgo e outras cidades alemãs classificarão os automóveis diesel conforme seu nível de emissão de poluentes. Nesse caso, o sistema utilizará cores, sendo que o verde é para carros mais limpos, amarelo para veículos com contaminação mediana e vermelho para os mais poluentes. Assim, placas de sinalização deverão indicar aos motoristas desses carros quais áreas poderão ou não circular.

Hamburgo é a primeira cidade alemã contra os carros diesel


A medida deve impactar diretamente a vida das 15 milhões de pessoas que possuem carros diesel na Alemanha. Desse total, 2,7 milhões de automóveis possuem níveis de emissão elevados. Mas, isso não se restringe apenas ao país. A Europa registrou no começou de 2018 queda de 43,8% nas vendas de automóveis abastecidos com esse tipo de combustível. Porém, o país que tem a sede da maior montadora do continente possui 70 cidades com níveis de emissão de NOx acima do limite estipulado pela União Europeia, que é de 40 mg/m3 de ar.

Assim, os alemães correm para barrar o avanço do óxido de nitrogênio em suas cidades, atingindo diretamente o mercado automotivo local, onde montadoras como Volkswagen, BMW e Mercedes-Benz tentam manter o diesel como forma de baixar as emissões de CO2 até 2021. As duas primeiras, por exemplo, começaram campanhas de recompra de automóveis mais antigos em substituição por novos, que atendem ao padrão Euro 6 ou 6.2. Essa é uma forma paliativa de tentar evitar que os consumidores mudem sua decisão de compra e deixem de lado esse tipo de combustível.

Ainda assim, mais dinheiro será colocado nos carros diesel na Alemanha, sendo que 3 bilhões de euros já estão reservados para o desenvolvido de motores mais limpos e eficientes nos próximos anos. Para muitos deles, a única saída é a hibridização, mas com custo elevado de implementação.

[Fonte: Foro Coches Eléctricos]

Hamburgo é a primeira cidade alemã contra os carros diesel
Este texto lhe foi útil??

  • Louis

    País civilizado é outra coisa, onde a maioria se sacrifica de alguma forma em prol do bem comum.
    Aqui, já começaria o quebra-quebra, fechamento de vias, queima de pneus…

    • vicegag

      Civilizado e com acesso a bens de consumo duráveis, diferente daqui, lá grande parte da população não precisa pagar um fortuna na compra do auto novo e outra após.

      • Filipe Augustus

        Lá o cara vai trocar a Mercedes E300 D 2013 por uma E350 bluetec hybrid 2018 e já era e pagar uma diferença com valor razoável e o governo ainda vai ajudar o cara no troca. Se fosse aqui o cara era obrigado trocar a Mercedes diesel dele 1995 com 60 mil km rodados único dono por um Celta 2010! Aí é de matar! Essa já é uma diferença fundamental que não daria certo aqui!

      • Luis Burro

        É,mas lá o povo ñ fica de braços cruzados,eles já são acostumados desde pequenos a fazer daquela maneira.
        No Brasil se perdeu muito disto.

    • Antonio_Brust

      Na verdade, aqui iriam falar que essa proibição é “coisa de governo esquerdista interferindo no livre arbítrio do cidadão” e/ou que algum político estaria lucrando com essa proibição.

      • danlaradd .

        Mas não proibiram todo carro a diesel, e sim aqueles antes com motores antes do Euro V. Uma atitude dessas no Brasil, HOJE, é sim, irresponsável e prejudicial à população que possui esse tipo de veículo, em geral caminhões antigos. Nossa frota possui carros antigos em circulação, a troca por um novo é quase que proibitiva visto os custos para se adquirir. Existem mil fatores que a gente deveria se preocupar ambientalmente antes de propor uma lei como essa. Exemplos: desperdício na distribuição da água, hoje em torno de 30-50% (ou seja, não é sua torneira pingando que vai fazer a água do brasil acabar), falta de tratamento de esgoto, qualidade dos nossos rios cada vez piores. Você vai em Munich na mesma Alemanha, e o rio que corta o centro da cidade as pessoas utilizam até para esportes náuticos, já aqui….

        • Luis Burro

          Sim,tem q começar em todas as frentes,mas fazer.

      • Nicolas_RS

        Já deu para perceber que politica não é o ser forte…

    • Ricardo

      No Brasil sacrificam 99% da população para beneficiar os 1% de grandes empresários e das máfias do petróleo, do concreto, dos agrotóxicos, etc.

      • Luis Burro

        A população permite,ñ é um q determina.
        Cada um só quer saber do seu umbigo,no máximo olha pra um parente.
        O humano é assim,só q somos seres sociais e vivemos assim tbm.E isto tende a piorar cada vz mais pq a população só cresce,vai aumentar a violência e mortes até q algm se canse disto e resolva.

        • Luis Burro

          Enqnto as pessoas ñ entenderem q ao fazerem estarão garantido o futuro delas msmas ñ vai pra frente.

          • Luis Burro

            Aí se vê qm é preguiçoso e qm ñ é!No Brasil parece q o povo tem q ganhar a mais além do ganho pra superar a preguiça de fazer algo em beneficio dele próprio.

    • Nicolas_RS

      Me diz o que tem de revolucionário nisso?

    • Uranium

      Se você estiver se referindo à greve dos caminhoneiros com sua última frase, achei simplesmente patética a afirmativa.
      Quando ocorrem medidas de austeridade dos governos, não tem quebra-quebra na Europa? Você acha que europeu protesta jogando flores na polícia? Ou pior, você acha que o diesel tem que subir mesmo, pra cobrir ladroagem e dane-se o povo?

      Se o seu comentário não for sobre esta greve, desconsidere.

      • Nicolas_RS

        Perdeu a oportunidade de ficar calado, coisa mais nojenta de pessoas como você, que acham que todos os países de primeiro mundo são “anjos”, e cagam ouro. Na Europa existem muitos protestos igual no Brasil, que são vândalos, tem exceções, mas muitos são vag4bund0s! Se não me engano foi no pais de Singapura, no ano de 2015, viviam um situação muito parecido com o do Brasil, “Mulher Sapiens” na presidência, partido vermelho, e cheios de escândalos! O Povo perdeu a paciência e cercou a capital, a policia foi “rendida”, foi dado uma flor para cada um e mandaram para a casa, em uma semana o governo caiu! Não foi noticiado no Brasil pq o PT compra a mídia, mas procurarei o vídeo de um Brasileiro que vive lá e passou por isso, além de confirma o ano e país exatamente.

        • Uranium

          Acho que você queria responder o cidadão ali em cima, que deu a entender que europeu não faz protesto, que isto é coisa de baderneiro de 3o mundo. Esta é, como eu disse, uma afirmativa patética e cuja ignorância (absoluta) me surpreendeu. A França tem quebra-quebra uma vez por mês, pelo menos.

          • Nicolas_RS

            O que me mais raiva é que quando tem protesto, sempre tem um sindicato no meio, o governo senta com os sindicalistas, molham a mão de cada um, e no dia posterior acaba a greve.

      • Louis

        Brasileiro quer impostos baixos na marra, mas é contra qualquer tipo de medida impopular do governo para baixar gastos. Tem a visão muito limitada das coisas. Acha que para ficar rico, basta imprimir dinheiro.
        Sobre a greve dos caminhoneiros, não sou contra porque eles não estão fechando totalmente rodovias e porque eu também acho a carga tributária abusiva. Mas o que as pessoas precisam entender é que para baixar impostos, há que diminuir o tamanho do estado antes.

        • Luis Burro

          Acho q ele podem fazer greve.
          É meio vergonhoso existir este acontecimento só pelo fato de ter q fazê lo pra algm dar devida importância à categoria e q ela é imprescindível à sociedade.Credo!
          As pessoas deveriam saber q em sociedade todos tem seu papel e q todos são importante pra ela existir e continuar funcionando.
          Só ñ acho q eles tenham direito de obrigar qm ñ quer participar ou de fechar qlqr acesso impedindo o trânsito.
          Só deles ficarem de braços cruzados já estarão ganhando pq o desabastecimento será rápido.
          Agora imagine se todo mundo fizesse radicalmente como eles.
          Morreria um monte de gente nas greves dos médicos.Um monte passaria fome nas greves dos cozinheiros,entre outros.Mas ñ é assim,nem todos aderem e estes tbm tem o direito de ñ aderirem.

          • Louis

            O que eu acho engraçado é a visão limitada das coisas.
            Quando o governo gastou Bilhões com copa e olimpíadas, ninguém reclamou. Quando a conta tem que ser paga, todo mundo reclama.
            E neste caso, param o país por conta da oscilação da cotação internacional do petróleo…

            • Luis Burro

              Nd a ver,eu e um monte foi contra a copa,mas vc acha q isto ia mudar algo se uma parte fizesse um protesto contra?
              A copa ñ deixa de ser um negócio,com a crise de 2008 nem Europa e nem EUA queriam nem saber nem de copa nem de Olimpíadas,ñ achou estranho q foi na África do Sul e depois já no Brasil,é pq ngm mais ia aceitar a ñ ser a Rússia q tbm faz parte do Brics.

  • Danilo

    Já está na hora de lugares com alta densidade populacional começarem a se mexer pra melhorarem a qualidade de vida em que estão inseridas, e uma delas é o ar respirado. Os automóveis elétricos e híbridos já deveriam ser maioria em lugares assim, ou até mesmo em um período de mudança, o uso de etanol pra poder “balancear” as emissões de carbono. O mundo está muito atrasado quanto a isso e as mudanças ainda estão tímidas.

    • Nicolas_RS

      Isso espertão, até pq o ar ruim das cidades é por causa das industrias e não dos carros.

      • Danilo

        Amigo, já fui gerente de indústria e sei o quanto são enjoados os órgãos ambientais com os limites de tolerância de emissões, é análise de emissão de particulado, de emissões de gases nocivos, etc. E mais, baseado em que você fala isso? Será que você está certo e as cidades que estão cortando até carros diesel (como diz na reportagem) estão erradas? Estão tirando isso de trás da orelha? Estão todas as montadoras estudando a eletrificação ou até os carros híbridos por questão de modinha? É cada coisa.

        • Nicolas_RS

          Mano…Tu misturo as coisas bateu e jogou pra mim… Eu falei que a poluição das cidades em sua maioria é causada pela indústria e não pelos carros como MUITO gente acredita!
          Não sei qual é o problema de gente como você, que acha empresas bilionárias ou governos tem o cajado da verdade e nunca erram…Me diz uma coisa? Dinheiro da inteligência? GM quase faliu, está se reerguendo! Agora imagina, antes da crise da GM, alguém criticar as atitudes dela, e alguém com seu discurso.

          Trocar Motores a Combustão por Baterias é 6 por 4, pq é pior na verdade.

          • Danilo

            Amigo, você já ouviu falar que a taxa de conversão energética de combustível pra carro é extremamente baixa? Sabia que se o mesmo combustível fosse utilizado em modernas usinas de geração de energia se conseguiria utilizar muito menos combustível para se andar os mesmos Km que o carro anda? Lógico que isso não é interessante pras grandes petroleiras e por governos sustentados por elas (Petrobras e governo Brasileiro por exemplo). E falei combustível gerando energia elétrica, algo bem atrasado já, agora imagina energia solar, eólica, hidroelétrica, biomassa, etc… coisas mais limpas, além de novas tecnologias como o carro a hidrogênio que pode suprir a necessidade elétrica de uma casa ao ficar parado na garagem, e por aí vai. Estamos sim acomodados e esperando uma cena como a que está acontecendo hoje (greve dos caminhoneiros) pra percebermos o quanto estamos reféns do petróleo. Energia elétrica chega a sua e a minha residência por cabos e não por rodovias, seria além de mais limpo, mais autônomo pra gente. Países sérios estão com essa revolução em andamento, no japão por exemplo já se vende carro a hidrogênio, na inglaterra o uso de carro elétrico é altamente incentivado, nos países nórdicos nosso etanol movimenta os onibus, e por aí vai. Concluindo, temos que tomar um rumo diferente, o petróleo deveria ser uma ponte pro nosso futuro e não simplesmente o sustento dele.

            • Nicolas_RS

              NÃO! Eu disse que a autonomia dos carros elétricos é MUITO MENOR que as do carros a combustão! Outra falácia é falar que a energia elétrico é limpa, na maioria dos países se predomina usina de termoelétrica e hidrelétrica, isso no Brasil, EUA e China! Países como France e Austrália começaram a rejeitar painéis solares e aerogeradores! São caros e ineficientes se comparado ao preço, exemplo, se eu colocasse um painel na minha casa, demoraria mais de 10 anos para ter retorno e teria o risco de ficar alguns dias sem energia, se fosse para garantir 30 dias com energia, demoraria mais 5 anos pelo menos para ter retorno.

      • th!nk.t4nk

        Pior que nao. Antigamente as indústrias eram de fato o maior componente na poluiçao das grandes cidades, mas já faz tempo que os carros dominam no mix (principalmente os à diesel, que emitem grande quantidade de particulados). Claro que em cidades específicas onde a indústria ainda é a maior poluidora (ex: Vitória-ES), mas no geral a situaçao já se inverteu faz tempo.

        • Nicolas_RS

          A poluição da China chega aos EUA, se fosse os carros que poluíssem tanto era para os EUA estar no topo do país que mais polui, já que os EUA tem mais carros que a China.

      • Luis Burro

        90 %causada pelos carros,foi um estudo da ONU acho.

        • Nicolas_RS

          ONU? Não tem fonte melhor não?

          • Luis Burro

            Bom,é um órgão q ñ tem nd a perder,então ñ vejo pq não seja confiável!

            • Nicolas_RS

              Se informe melhor ONU é tipo os direitos humanos do Brasil!

              • Luis Burro

                Ela mais aconselha,mas na h de por em prática tem pouco poder,tanto q ngm respeita.

  • marcelo ortega batista

    Primeiro mundo, parabéns

  • Piston head

    Os governos tem informações privilegiadas (E alarmantes) a respeito da saúde terráquea, pq a rápida mudança especialmente no cenário automotivo, montadoras anunciando o fim das pesquisas em torno de motores à combustão agora essa iminente proibição ao Diesel na Europa me parecem fatos marcantes para a história.

  • th!nk.t4nk

    Só lembrando que nos últimos 5 anos todos os carros a diesel produzidos já eram Euro 6, e mesmo antes disso muitos já atendiam a norma. Adicione o fato de que não estão banindo na cidade toda, mas apenas em algumas vias. Não é esse apocalipse todo que a imprensa tem divulgado. Prefeitura nenhuma vai banir totalmente o diesel tão cedo, ninguém é louco de fazer isso.

    • É que aí gera menos views. Colocar “Hamburgo proíbe circulação parcial de carros diesel com mais de 5 anos” é muito mainstream.

  • Airplane

    É o começo do fim do diesel em carros de passeio … RIP !

  • Maycon Farias

    Tenho que ficar de pé e aplaudir essa maravilhosa noticia.

  • zekinha71

    Os caras são atrasados, aqui já são 4 décadas que é proibido carros a Diesel.

    • Joel Silva dos Anjos

      Por motivos totalmente diferentes. Aqui o governo subsidia o Diesel pra melhorar os custos do transporte quase totalmente rodoviário. Não daria pra fazer isso se os carros a Diesel fossem permitidos ou todos iriam migrar para o Diesel e o subsidio não faria mais sentido.

      • Ubiratã Muniz Silva

        acho que a intenção do comentário do zekinha foi fazer ironia.

        • zekinha71

          Acertou.

    • Lucas MTB

      Ironia pero no mucho

    • Leonardo

      Hahahaha
      Foi tipo um vesgo atirando mas, que por um acaso, acabou acertando o alvo.

  • Filipo

    Duas perguntas: e os veículos a diesel anteriores a 2015 que já cumprem com a norma Euro VI? E como vão identificar veículos Euro V?
    Penso existirem muitos assim. Carros 2012, com motores já regulados para cumprir o Euro VI, por exemplo.

    • Racer

      Euro IV começou em 2008, se não me engano.

    • th!nk.t4nk

      Alguns já cumpriam sim. Identifica por um adesivo no vidro. Se tiver suspeita de fraude os Polizei param e o cara se ferra legal. Na Alemanha nao dá pra brincar com esse tipo de coisa, a justiça geralmente é feita e ninguém escapa.

  • Nicolas_RS

    Serio isso? E chama de pioneiro?

  • daneloi

    Não seria mais barato adaptar os motores diesel para rodar com etanol em ciclo otto?
    Será que não sairia mais barato que focar em híbridos diesel ou aumentar muito a complexidade/ recursos para tornar o diesel menos poluente?

    • Claudia Aparecida

      Kkkk quero ver ligar um carro a etanol a -10graus debaixo de nevasca… nem com todo aparato eletronico funcionaria rsss. Alem de eles terem apenas etanol de batata e nao de cana, oq leva a um custo alto. Cana la nao nasce nem com reza braba

      • daneloi

        É viável com E85 dependendo do clima. No frio usando nos EUA e Europa o E75/ E70, chamada de “E85 de inverno”, já ouviu falar?

  • Luis Burro

    É mas com a saúde ñ se brinca,depois de morto ñ adianta nd.
    Esta organização alemã é um dos exemplos q mais falta ao Brasil,ñ é a toa q muita gente sente vontade em morar pra lá!

  • marcelo ortega batista

    Diesel não cabe mais em grandes centros , hoje diesel e sinônimo de atraso.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email