Brasil Híbridos Mercado

Híbrido seria solução brasileira enquanto elétrico não emplaca, segundo instituto

novo-toyota-prius-2016-3 Híbrido seria solução brasileira enquanto elétrico não emplaca, segundo instituto

O carro híbrido deve ser a solução brasileira enquanto o elétrico não emplaca no país, segundo o Instituto Mauá de Tecnologia. Como o Brasil tem o etanol como alternativa em combustíveis para reduzir as emissões de CO2, diferentemente da Europa, o carro híbrido se torna mais viável que o puramente elétrico.



Para Renato Romio, chefe da Divisão de Motores e Veículos do Centro de Pesquisas do Instituto Mauá, o velho continente não tem um combustível renovável, por isso é obrigado a investir no elétrico, dando inclusive subsídios para sua introdução no mercado. Para o pesquisador, cada país precisa buscar suas próprias soluções e, no caso do Brasil, o investimento deveria ser no carro híbrido, que funcionaria com etanol.

Como o combustível vegetal já possui uma cadeia de produção instalada no país, ficaria mais fácil seu uso em veículos de propulsão mista (motores de combustão interna e elétrico). No caso do álcool, Romio diz que o derivado da cana é menos poluente que um carro alimentado por eletricidade na Europa, por conta das matrizes energéticas.

ford-fusion-hybrid-2017-NA-6 Híbrido seria solução brasileira enquanto elétrico não emplaca, segundo instituto

No caso brasileiro, o CO2 produzido pelo veículo é absorvido pelo cultivo da cana. Ainda assim, temos que levar em consideração também a queimada para o cultivo, que emite uma quantidade monstruosa de gás carbônico. Romio também fala na vantagem do híbrido diante do elétrico em termos de custo de produção e manutenção, já que nos elétricos a maioria das peças seria importada.

Além disso, a falta de infraestrutura para recargas contribuiu para um cenário melhor para os híbridos sem plug-in. A questão da segurança também é mencionada, embora o nível de proteção das baterias de alta voltagem nos carros elétricos estejam avançando rápido.

De acordo com a Bloomberg, a frota de carros elétricos em todo o mundo será de um terço do total, com um boom ocorrendo entre 2025 e 2029. Na Europa, 67% das vendas serão de elétricos, enquanto EUA e China terão 58% do total. A Índia e outros países terão 100% do mercado dominado por veículos impulsionados por energia elétrica.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend