_Destaque Crossovers Honda Mercado Salões do Automóvel Segredos-Flagras

Honda WR-V é flagrado em testes – Crossover estará no Salão do Automóvel

honda-wr-v-flagra-2

A Honda está preparando um novo modelo de crossover para o mercado brasileiro, que deverá substituir a proposta do antigo Fit Twist. O projeto está sendo tocado pela filial nacional – sediada em Sumaré/SP – mas a produção do novo produto deve ser iniciada na fábrica de Itirapina, mais para dentro do interior paulista, onde a instalação já está pronta e esperando o primeiro modelo a ser feito.

Nestas imagens, o chamado Honda WR-V aparece ainda camuflado, mas seu conteúdo está intimamente ligado ao compacto Fit. Em realidade, trata-se deste último, mas basicamente com a frente modificada. Mais elevada, deverá apresentar linhas mais robustas, tais como para-choque alto, protetores pretos, faróis mais retangulares e lanternas compactas.

honda-wr-v-flagra-1

O Honda WR-V deve chegar também com barras longitudinais no teto, suspensão recalibrada e elevada, novas rodas de liga leve aro 16 polegadas, freios a disco nas quatro rodas, molduras pretas nas saias de rodas e soleiras, para-choque traseiro reforçado, teto solar opcional, leves alterações no painel, bancos diferenciados e itens de segurança mais importantes, como controle de tração e estabilidade (HSA), além de assistente de partida em rampa. Provavelmente o freio de estacionamento será manual.

Com foco maior no segmento aventureiro e, naturalmente, em condução no fora de estrada, o Honda WR-V não terá um motor mais forte, como ocorre com o HR-V. O propulsor esperado para o crossover será o 1.5 i-VTEC Flex de até 116 cv. Além disso, um câmbio manual de cinco marchas e uma opção CVT de sete posições virtuais, deve preencher as ofertas do modelo, cuja presença está garantida para o Salão do Automóvel, que começa em 10 de novembro.

honda-br-v-prototype

SUVs compactos da Honda

A Honda – assim como outros fabricantes – quer elevar as vendas no país, mas para superar a crise que afeta o país como um todo, a montadora japonesa parte para uma solução criativa, aproveitar o Fit e converte-lo em um crossover, que é o segmento que continua crescendo no Brasil.

Essa estratégia não é nova, nem mesmo dentro da Honda, que lançou há pouco tempo atrás o crossover BR-V, derivado da minivan Mobilio e focado nos mercados do Sudeste Asiático. Mas de lá se espera mais, pois já se fala em um utilitário compacto baseado no hatch Brio, vislumbrado no conceito Vision XS-1. Logicamente, ficará restrito à região.

honda-vision-xs-1-1

Com BR-V, WR-V e o tal Brio “crossover”, a Honda regionaliza suas operações em mercados emergentes, enquanto explora de modo global o segmento com o bem-sucedido HR-V. Devemos lembrar que o plano é similar também na China, onde o utilitário esportivo mundial da marca tem um irmão chamado XR-V.

Até a Acura – divisão premium da Honda – está tentando entrar no segmento com o novo CDX, que é menor que o RDX, porém, ainda maior que os SUV compactos conhecidos, ficando mais para o segmento médio que realmente na gama de acesso do mercado. Possivelmente, a luxuosa deverá contar com um irmão menor mais adiante, esse sim, derivado diretamente do HR-V, o que ajudaria a deslanchar as vendas na China e possivelmente nos EUA.

honda-xr-v-14

Por enquanto, para nós, a Honda reservará uma dupla oferta no segmento de utilitários esportivos. Mas e o preço disso? Atualmente o HR-V parte de R$ 79.900. Tendo isso em mente, podemos imaginar o WR-V com duas opções apenas – manual e CVT – começando em R$ 69.900 e terminando em torno de R$ 74.900. Pode ser que a Honda reduza um pouco mais o valor de entrada para R$ 67.900 ou menos, quem sabe. Mas na realidade atual, os preços estimados acima são até um “desconto”.

Galeria de fotos do Honda WR-V:







Send this to friend