_Destaque _Featured Crossovers Honda Lançamentos

Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

honda-wr-v-impressões-NA-46 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

Sumaré/SP – O Honda WR-V chega no momento em que os utilitários esportivos, tanto crossovers quanto SUVs, estão em evidência no mercado nacional e mundial. A febre pelos pequenos jipinhos contagiou até a conservadora montadora japonesa, que liberou sua filial brasileira para o desenvolvimento de um irmão menor para o bem-sucedido HR-V.



Utilizando a plataforma do Fit, que emprestou a carroceria, portas, painel, entre outros componentes, o Honda WR-V ganhou bem mais de que uma aparência mais parruda, com capô alto e detalhes estéticos próprios.

honda-wr-v-impressões-NA-4 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

A engenharia da Honda fez bem mais modificações na estrutura do crossover, a fim de buscar mais robustez e uma dinâmica de condução diferenciada em relação ao Fit e até mesmo comparado com o HR-V, algo que só poderemos descobrir quando provarmos o modelo no lançamento nacional, que irá acontecer em março, na cidade de Foz do Iguaçu/PR.

Durante a pré-apresentação na fábrica da Honda em Sumaré/SP, nós pudemos observar alguns detalhes do novo crossover, que deverá ser oferecido em uma faixa de preço abaixo do HR-V. O projeto levou em consideração as péssimas condições de rodagem no Brasil, assim como características de um veiculo mais robusto para o dia a dia.

honda-wr-v-impressões-NA-3 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

Embora muito parecido com o Fit, especialmente por herdar as portas, retrovisores, vincos laterais, janelas, vigias nas colunas A, para-brisa, entre outros, o Honda WR-V apresenta uma personalidade própria quando se observa sua frente. Ela tem um olhar agressivo e exclusivo, que não faz lembrar nem o HR-V e muito menos o Fit.

Já a traseira não agrada tanto visualmente, pois mantém o para-choque bem rente à tampa traseira e tornou o conjunto ótico traseiro um pouco estranho em relação ao Fit, com extensão das lanternas e substituição dos refletores nas laterais da vigia.

honda-wr-v-impressões-NA-15 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

Para-choque com impressão visual mais robusta, suspensão elevada e barras no teto, dão uma cara mais aventureira ao Honda WR-V, algo mais fora da cidade que o HR-V, bem focado no asfalto. As rodas de liga leve aro 16 tem desenho esportivo e atraente, sendo calçadas com largos pneus 195/60.

Em seu habitáculo, a impressão – natural, é claro – é a de se estar a bordo do Fit. A ergonomia é boa e o espaço é generoso. A multimídia chama atenção por apresentar hot spot Wi-Fi e SD Card, além de navegador GPS, câmera de ré, bluetooth, entre outros. Não há HDMI como no irmão maior. O cluster é bem completo e tem luzes indicadoras de eficiência e econômetro.

honda-wr-v-impressões-NA-14 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

O volante revestido em couro é completo, tendo inclusive comandos de computador de bordo, mídia, telefonia e piloto automático. Diferente mesmo é a padronagem de tecido, que apresenta um material navalhado em tonalidade laranja ou prata, ambas mescladas com a cor preta. Os materiais são mais resistentes no Honda WR-V.

Observamos airbags laterais e de cortina nos dois carros apresentados à imprensa especializada, mas não há controle de tração e estabilidade. Em um veículo de teste, durante visita à fábrica, notamos a presença de um rádio simples e ausência das bolsas infláveis nas laterais e no arco do teto, indicando talvez mais de uma versão. A Honda não adianta mais detalhes de versões e muito menos de faixa de preço.

honda-wr-v-impressões-NA-20 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

No restante do interior, a impressão de espaço e conforto é a mesma do Fit, tendo o sistema ULTRa SEAT, que permite colocar objetos altos ou longos de forma muito fácil com o ajuste do banco traseiro. Os encostos dianteiros também se encaixam no assento traseiro. Há Isofix e Top Tether (ancoragem no teto neste caso do WR-V) para cadeiras infantis.

Cinto de segurança de três pontos para o quinto passageiro também está presente. O porta-malas tem 363 litros, um bom volume para suas pretensões. Medindo 4,00 m de comprimento, o Honda WR-V é um pouco maior que o Fit, além de ser mais alto (1,59 m), já que a suspensão foi elevada (17,9 cm e relação ao solo).

honda-wr-v-impressões-NA-32 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

O crossover é 4 cm mais largo que o Fit, graças ao aumento das bitolas. Além disso, seu entre eixos é 2,5 cm maior, embora não seja perceptível visualmente. O acréscimo não alterou a percepção de espaço interno em comparação com o monovolume. A Honda promoveu alterações em vários componentes para aumentar a robustez e ampliar a proteção contra impactos.

Os braços de suspensão na dianteira foram reforçados, assim como o eixo de torção na traseira, que ficou mais espesso em relação ao do Fit. O Honda WR-V ganhou um novo sistema de direção elétrica com resposta mais direta, além de mais bem fixado no subframe.

honda-wr-v-impressões-NA-17 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

Para proteção do assoalho, a Honda introduziu duas barras laterais sob o posto do motorista e passageiro, assim como outra após o tanque que, assim como nos demais Fit/City/HR-V, é central. Os amortecedores possuem batentes hidráulicos e a barra protetora atrás do acabamento do para-choque ficou mais rígida que no Fit.

Na parte mecânica, sem novidades. O propulsor 1.5 i-VTEC FlexOne já é bem conhecido no Brasil por equipar Fit e City, entregando até 116 cv e 15,3 kgfm. A Honda apresenrtou o WR-V apenas com transmissão automática do tipo CVT que, de acordo com um engenheiro da marca, não possui simulação de marchas, diferentemente dos demais. Opção manual não foi comentada.

honda-wr-v-impressões-NA-7 Honda WR-V: Primeiras impressões do novo crossover

Quanto à preço, nem um sinal da Honda. Com objetivo de se tornar uma opção diferenciada, incluindo preço, na comparação com o HR-V, provavelmente deve ficar em torno de R$ 75 mil, nível intermediário entre Fit mais completo e HR-V de acesso. Agora, vamos aguardar as confirmações e a estratégia de mercado para o WR-V, que vem somar ao segmento que será o mais disputado no mercado nacional em 2017.

Novo Honda WR-V – Galeria de fotos

4.0

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend