Finanças Governamental/Legal Hyundai Montadoras/Fábricas

Hyundai comenta escândalo em corrupção na diretoria e diz que as ações do presidente serão doadas

O vice-presidente da Hyundai, Lee Jeon-kap, pediu hoje (19), em entrevista coletiva, perdão pelo escândalo de desvio de receitas envolvendo a montadora. O presidente da fabricante coreana, Chung Mong-koo, e seu filho, Chung Eui-sun, que comandam a Kia Motors, são acusados de desviar recursos a fim de subornar empregados do governo coreano, além de operações ilegais para garantir o controle acionário da empresa.

Para compensar os danos, Jeon-kap afirmou que as ações do presidente da montadora assim como as de seu filho (estimadas em US$ 1,1 bilhão) serão doadas para instituições de caridade. (!!!!!!!!!!!!)

Ah, tá! Eu acredito mesmo. Tipo assim: “Ah, já que meu companheiro de trabalho fez essa caquinha eu vo fazer ele doar mais de 1 bilhão de doletas pra caridade! E vai ter que doar senão eu cubro ele na pooooooo-rrada…..” tsc, tsc..

O executivo ainda assegurou que a Hyundai vai colaborar com as investigações da promotoria e assumir a sua responsabilidade perante à sociedade. Blá, blá blá.

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br

Send this to a friend