Crossovers Hyundai Preços

Hyundai Creta para PCD retorna custando R$ 69.990

Hyundai Creta para PCD retorna custando R$ 69.990

Após alguns meses fora do catálogo da Hyundai, o Creta específico para clientes PCD retorna ao mercado com preço sugerido de R$ 69.990 sem incentivos, como isenção de ICMS, IPI e IOF. Baseado na versão Attitude 1.6, o modelo vem com a necessária transmissão automática de seis marchas.


O propulsor Gamma 1.6 16V Flex entrega 123 cavalos na gasolina e 130 cavalos no etanol, bem como 16,0/16,5 kgfm, respectivamente, permitindo ao crossover ir de 0 a 100 km/h em 12 segundos e com máxima de 172 km/h. Com 4,270 m de comprimento, 1,780 m de largura, 1,635 m de altura e 2,590 m de entre eixos, o Creta tem bom espaço e 431 litros no bagageiro.

Hyundai Creta para PCD retorna custando R$ 69.990

Nessa versão 1.6 automática para PCD, o Hyundai Creta já vem com ar condicionado, direção elétrica, vidros elétricos, travamento central elétrico, rodas de aço aro 16 polegadas com calotas integrais, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, Isofix, Start&Stop, monitoramento de pressão dos pneus, alarme, chave canivete, entre outros.


O Creta atualmente parte de R$ 78.990 na versão Attitude com transmissão manual e mesmo motor 1.6. Além disso, o crossover da Hyundai vem nas versões Smart e Pulse Plus, ambas com motor 1.6 e câmbio automático, além de Sport e Prestige, ambas com motor Nu 2.0 Flex de 156 cavalos na gasolina e 166 cavalos no etanol, tendo 19,1/20,5 kgfm de torque, fora o câmbio automático de seis marchas.

Hyundai Creta para PCD retorna custando R$ 69.990

Com a oferta do PCD, o Creta volta a ser opção neste importante mercado, que respondeu com o maior crescimento nas vendas em 2018, já que muitos consumidores agora estão mais esclarecidos quanto aos benefícios a que tem direito na aquisição de carro para portadores de deficiência e condutores que os auxiliam no dia a dia.

Mesmo assim, a fila de espera para certos modelos é enorme, geralmente girando em torno de cinco meses para os mais preferidos. No entanto, é possível encontrar opções de pronta entrega para modelos de menor procura.

[Imagens ilustrativas]

Hyundai Creta para PCD retorna custando R$ 69.990
Nota média 3.2 de 13 votos

  • Domenico Monteleone

    Na versão anterior a Hyundai tinha cortado até o tampão do porta-malas dessa versão, mas agora ao menos mantiveram o esp.

  • th!nk.t4nk

    Caramba, esse Creta chega a ser mais lento que o Renegade 1.8, é isso mesmo?

    • Léo Dalzochio

      Desses SUVinhos pro público PCD, o mais ágil/eficiente é o Ecosport 1.5, com o Peugeot 2008/C4 Cactus na sequencia. O restante está tudo no mesmo patamar: lerdos e beberrões.

      • Fabio Gambela

        Kicks não é lerdo e muito menos beberrão.

        • Vinícius

          Verdade… Kicks é o mais econômico tanto em combustível como manutenção da categoria.

      • TijucaBH

        São justamente os que tem menos carroceria pra puxar. Ganha -se um pouco em desempenho e perde -se em espaço. Aí a escolha é de acordo com a prioridade de cada um…

    • Marcelo Alves

      Motor 1.6 nesses carros é sofrível mesmo com o carro vazio, imagina carregado…

    • Vinícius

      Não, pois o Renegade é mto mais pesado. Porem devem ter desempenho semelhante.

  • Mr Tony

    Sobrou produção, volta o PCD….

    • Compay Fernando

      As vendas destinadas aos PCDs, foram as responsáveis pelo excelente desempenho do Creta no volume de vendas em 2018. Mas o conjunto mecânico dessa versão,
      é um dos piores no segmento dos SUVs compactos.

      • Mr Tony

        É bem por ai. Fui tirar um carro pra minha esposa dentro do limite de R$ 70.000,00 (prótese total de quadril, antes que venha o mi mi mi) e por eliminação a melhor escolha foi o C4 Cactus. POR SORTE pegamos na primeira semana de lançamento, com todos os opcionais possíveis. Pra mim hoje o primeiro quesito num carro é eficiência energética, e isso o Creta passa longe. Pode ser durável, mas o desempenho…

        • Edson Fernandes

          Vc teve sorte pq é de longe o mais completo. Pois agora, tudo ficou quase por igual.

    • TijucaBH

      Não é isso, pelo contrário, estão direcionando parte da produção pra PCD, assim que receberem pedidos suficiente para volume programado pro ano, suspende de novo a producao como ocorreu ano passado. Anota aí na sua agenda que você vai ver que no fim de setembro já terão atingido essa cota e suspenderao recebimento de novos pedidos.
      Fábrica de Piracicaba está no limite da capacidade produtiva, não tem sobra de produção.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Há tanta gente assim nesse mercado PCD, porque isso de repente virou um filão para as montadoras.

    • TijucaBH

      Virou a nova carteirinha de estudante. Acho estranho esse volume tão grande de vendas pra PCD sendo que nos shoppings, supermercados, etc raramente vejo uma vaga pra PCD ocupada. Pra mim tem 2 situações: 1estao usando o benefício de um parente que é pcd mas que não quer comprar carro é com isso quem de fato usa o carro é um nao-pcd.
      2-a pessoa realmente tem uma deficiência deve, quase imperceptivel e aproveita o benefício, mas não quer mostrar pra sociedade que possui essa deficiência andando como carro arriscado e estacionando na vaga especial.

      • Daniel

        “andando como carro arriscado”… traduz, por favor.

        • TijucaBH

          Era adesivado maldito corretor kkkk

      • Vinícius

        Eu acho que a 2 é mais provável… Muitas doenças não perceptíveis já fazem parte dos benefícios PCD, uma delas é a diabetes. Agora me diga, seria justo uma pessoa que tem diabetes estacionar na vaga para deficiente? As vagas são principalmente para deficientes físicos e não para qualquer um que tenha veículo para PCD.

        • TijucaBH

          Sim, se ela comprou o carro como pcd é porque ela é pcd e deve usar essa vaga.

          • Edson Fernandes

            Não necessariamente. Para isso vc tem que comprovar. Desde que comprovado, vc pode usar.

            E para isso as vezes como em São Bernardo, não basta ter PCD no documento, vc precisa de autorização e carta da prefeitura para que possa parar em vagas para deficiente.

        • Mr Tony

          O cartão da vaga de deficiente só sai para quem tem problemas nas pernas. Quem tira a carta PCD por problemas no braço por exemplo não tem direito a essas vagas.

        • Vitor Meireles

          O processo de compra de PCD e o processo do cartão de deficiente são coisas diferentes. Na compra do veículo PCD há uma lista grande de doenças que se enquadram, mas para o cartão de deficiente a Resolução 304 do Contran fala somente de pessoas com deficiências físicas (e dificuldade de locomoção) ou visuais e o órgão que emite faz uma perícia própria.

      • felippe

        Tenho espondelite anquilosante!!!! Tenho direito ao PCD!!! Mais não uso a vaga de deficiente pois para mim aquela vaga é para pessoas quem tem problemas de locomoção ” cadeirante e etc”!! Quem me olha me ver como uma pessoa normal!!! Mais tenho q tomar um remédio a cada 2 meses para manter a doença controlada!!! E tenho minhas limitações ” nada de impacto”!!! Deixem de falar o q vcs não sabem!!!! Queria não ter esse direito e ter uma saude plena!!!!

        • TijucaBH

          Você consegue dirigir um carro sem qualquer tipo de adaptação e com câmbio mecânico?

          • felippe

            Conseguir eu consigo!!!! Mais se passar muito tempo usando o pedal da embreagem meu quadril inflama!!!!!! Tanto q perdi minha habilitação de moto!!! Pelo impacto q a moto faz na minha coluna!!!!

            • TijucaBH

              Tudo bem, seu caso justifica por ser algo mais simples mas que em uso contínuo do carro acarreta problemas, mas infelizmente casos como o seu são exceção. Em SP até unha encravada consegue comprar como PCD. Em Minas o governo percebeu que em muitos casos estava havendo abuso e fechou o cerco dificultando a isenção de ICMS. Cercou demais e acabou prejudicando quem realmente necessitava, agora já estão adequando essa questão.

      • Davi

        Mas é isso mesmo amigo que está acontecendo. Quase todos que usam o carro PCD não usam a vaga de deficientes, pois eu tenho problema na coluna e por isso obtive o carro PCD, mas não me acho no direito de usar a vaga de cadeirante, mesmo com o cartão havwria polêmicas e como o rapaz comentou abaixo, seria complicado sair do carro andando novamente e usando essa vaga. Mas só quem te conhece bem pra saber que vc tem tais problemas de saúde.

    • invalid_pilot

      Lógico que não, é o brasileiro querendo tirar vantagem e reclamando de político que rouba

  • Tárcio André Pereira Costa Tar

    O melhor disparado é o Jeep Renegade, oferece mais aos clientes PCD, excelente carro.

    • DevXav

      Sim, de quebra o cliente PCD já vira sócio de um posto de gasolina na compra dessa tranqueira.

    • Claro que não. O Renegade PCD é o mais pelado da linha Jeep, sem nada, aliado a motor manco e beberrão. Kicks PCD, Cactus PCD, Tiggo2 PCD, Captur, Creta PCD e Ecosport PCD são melhores em equipamentos. Creta e Captur são os maiores.

      • Edson Fernandes

        E o Captur andou perdendo itens de série, pois era bem equipado.

      • beto

        Renegade é suv os outros são só altinhos.

        • Renegade é SUV monobloco igual os outros, e para piorar é um dos piores em ângulos de ataque e saída, bem como tem dificuldade em passar sobre vias alagadas. De todos, é um dos que menos tem aptidão ao off-road, que é a proposta original de um SUV.

      • Vitor Meireles

        Tô analisando essa categoria dos SUVs compactos. Por fora o Captur aparenta ser (e é, de fato) o maior, mas esse espaço não se reflete internamente. Foi decepcionante.

    • Mr Tony

      Pra mim, ainda que tiraram bastante coisa, é o C4 Cactus.

  • Fabio Batz

    Acho engraçada a discussão do direito ao PCD… Existe uma lei, o cidadão se enquadra dentro do que a lei pede, o que há de errado nisso??? Errado é pagarmos $70 mil em carros super faturados e super taxados, pois apesar da isenção dos impostos que o comprador tem direito, o carro e muito muito caro!!! So por a cabeça para pensar um pouco…. Quem tem 90 mil para pagar em um top desses modelos, poderia e deveria estar andando em super super carro. Mas… Existe a lei, a pessoa se enquadra, tem todo direito.

  • Fabio Batz

    Outro absurdo e depenar o veículo. Quanto custa para a indústria apenas a central multimidia?? A pessoa paga $70 mil e não tem a multimidia, enquanto outro comprador paga $50 mil no HB20 e está equipado com o mesmo aparelho que deveria estar nesse carro. E isso ocorre com todas as marcas!
    Na minha opinião, humildade e sincera certos equipamentos deveriam ser de série a partir de determinados valores, ou seja, qualquer veículo, qualquer modelo, acima dos $45 mil deveria vir com multimidia, mas não, vc paga $55 mil no HB20 e vem equipado, para ter isso no Creta precisa pagar $80 mil para vir de série, ou deixa um rim para ser instalado no modelo que não o contempla.

  • hanindya

    veja * -Doragon bôru chô: Burorî – Dragon Ball Super: Broly- * apenas neste site! Clique para abrir ou copiar o link …MOVIESTURBO7.BLOGSPOT.COM

  • Pretty

    ver “Glass” no site? junte-se aqui! copie o link ou clique em reproduzir …%MOVIESHEROES46.BLOGSPOT.COM% …

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email