Argentina Hyundai Mercado Montadoras/Fábricas Pickups

Hyundai indica na Argentina que nova picape está próxima

hyundai-creta-stc-concept-1-1024x696

Guillermo Artagaveytía é presidente da Hyundai Argentina, sendo empresário importador da marca sul-coreana no país por 25 anos. O executivo revelou na cidade de Córdoba que em breve o mercado local receberá uma inédita picape. Segundo ele, existe a “confiança em ter uma picape que ninguém viu ainda”.


Tratando-se de Argentina, uma declaração como essa tem um peso maior do que em outros mercados da região sul-americana, pois o país vizinho tem tradição na fabricação de picapes com várias plantas produzindo para exportação e abastecimento nacional, nessa ordem. Mas será que isso significa produção local?

Artagaveytía fala sobre o assunto: “Sabemos que a Hyundai quer ser uma das cinco maiores marcas do mundo e, para isso, deve ter uma forte presença no Mercosul, o que implica uma perna na Argentina. Temos dito isso para a Hyundai por 25 anos, acho que eles virão, mas os tempos dessas empresas não são nossos”, citando uma referência à Kia Motors.

Esta outra declaração do importador argentino parece corroborar as suspeitas de que a Hyundai quer mesmo construir uma fábrica no país vizinho para dar suporte à operação brasileira após uma eventual saída da CAOA, fortalecendo assim sua posição no Mercosul e desafogando a planta de Piracicaba-SP, que opera com volume máximo.


hyundai-creta-stc-concept-1024x683

Nesse caso, ter uma picape feita na Argentina seria reforçar a posição da Hyundai por lá e ainda sustentar o crescimento necessário no Brasil, estagnado pela limitação da HMB. E que modelo seria este? A Hyundai já mostrou duas picapes leves recentemente. Uma delas foi o conceito STC no Salão do Automóvel de 2016, nitidamente um modelo baseado no Creta. Artagaveytía acredita que será algo que ninguém viu antes. A Santa Cruz é outra picape, mas orientada para o mercado americano e dificilmente virá.

Por ora, não se tem conhecimento de detalhes sobre algum projeto de picape média da Hyundai ou Kia, visto que os sul-coreanos são bem reservados quanto ao segmento, sendo uma das poucas marcas – tirando as luxuosas – que não possuem qualquer picape em sua gama de produtos. Com um pensamento mais lógico e focado na região, como o HB20, por exemplo, a montadora poderia lançar essa STC com produção na Argentina e de quebra levar para lá a fabricação do Creta.

Quem agradece? O HB20, é claro. Sem o SUV compacto, a Hyundai poderia retomar o ritmo original em Piracicaba e despejar mais unidades do hatch e do sedã no mercado nacional e ainda ampliar as exportações, especialmente para o país vizinho, que assim trocaria os volumes com Creta e STC. Com cabine dupla, o modelo poderia buscar a Fiat Toro e brigar com a Renault Oroch, sem contar as futuras rivais de VW e GM. Ou seja, um produto de volume para disputar a ponta por aqui.

[Fonte: CarsDrive]

COMPARTILHAR:
  • Tosca16

    Algo no estilo da Toro poderia ser sucesso nas mãos da HMB, algo acima disso, hoje não sei… Apesar que no passado os coreanos se notabilizaram por veículos de trabalho, quem não se recorda das antigas vans da Kia e Hyundai?

    • V12 for life

      Não precisa ir longe, basta olhar o sucesso da HR, a Hyundai conseguiu entender o mercado e vai vender bem o que quiser, já ser líder é outra história.

      • Tosca16

        Mas o HR é um nicho que hoje praticamente não tem concorrentes, fora o irmão Kia 2500 tem alguns chineses da Foton e talvez a nova linha Delivery chegue a esse peso bruto total do HR… Hoje Hyundai é tida como marca de qualidade, mas com foco em veículos de passeio, creio que algo monobloco ao estilo Toro faria sucesso, raiz com chassi e caçamba separada, sei não rsrs.

        • Unknown

          Concordo! Ela não tem tradição neste segmento, na verdade não tem experiência nenhum, e entrar assim, de repente, no mercado, seria um grande risco. Mas uma hora eles tem que começar, né.

    • Unknown

      Mas vans não têm nada a ver com pick ups.

      • Tosca16

        Diesel, mercado com foco em frotistas… é um veículo comercial, bom.

  • Xandy Paiva

    Eu que não gosto muito de picapes achei linda…

  • ObservadorCWB

    Os caras podem fabricar o que quiserem…de alfinetes a transatlânticos. Esperar para ver. Tomara que não esqueçam da agressividade na disputa pelo mercado. Quem aqui ainda lembra de Azera a preço de Civic/Corola ?

  • Cardoso (não aquele)

    Se a planta deles no Brasil está tão afogada assim, não vale a pena ampliar ou construir mais uma?

    • Unknown

      Se for vantajoso financeiramente, vale. Mas será que é?

  • th!nk.t4nk

    Normalmente no Brasil se é bonito, vende. O povo valoriza muito mais o visual do que a qualidade de projeto (é só ler os comentários aqui). Mas vamos ver, a Hyundai tem competência pra fazer algo bom sim, e o Brasil tá precisando de mais pickups monobloco.

    • Xandy Paiva

      Na verdade aqui reclamam de tudo né, se vende porque é bonito reclamam, se vende porque é feio, mas é bom reclamam, se não vende reclamam, se é caro reclamam pois o preço é absurdo, se e barato não presta….vai entender esse pessoal.
      Querem um carro perfeito e de graça…… Mas aí vão desconfiar de algo…..

  • PedroHenriqueSousa1111@gmail.c

    A Hyundai não querem ficar pra tras mas como a Fiat fez com Toro,a marca já desvalorizada bora ver se sobe

  • Carlos Sá

    Se for o que realmente dizem, que o Creta foi desenvolvido em cima da base do Elantra. Essa fábrica argentina poderia ficar com os três produtos: Creta, STC e Elantra. Melhorando volume, versões e preços do sedan. Bem como o pós venda (seguro, peças).

  • Alvarenga

    Belo design. Logo de cara da pra dizer que as rodas reais não poderão ser assim e a caçamba parece muito pequena, mas tem que esperar pra ver.

  • Samluzbh

    Se vier como nas fotos a Toro vai sofrer.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email