Combustíveis Finanças Governamental/Legal Mercado

IPVA menor para carros GNV é o que pedem as distribuidoras de SP

opel-adam-ecoflex-3-1-620x412 IPVA menor para carros GNV é o que pedem as distribuidoras de SP

“Comprar carro a gás? Não, obrigado.” É isso o que os consumidores estão respondendo sobre a aquisição de carros movidos por GNV no estado mais rico do Brasil. A falta de incentivos e a competição do etanol, jogaram o consumo de gás veicular para baixo.



O volume caiu 56% e está em 741 mil m3 diários, enquanto o número de veículos emplacados despencou de 2,3 mil mensais para míseros 141 exemplares, praticamente todos táxis. Com apenas 25% de desconto no IPVA e mais a burocracia que envolve ter um veículo GNV, o consumidor paulista simplesmente perdeu gás…

Diante da baixa demanda, muitos postos simplesmente deixaram de oferecer GNV e em algumas regiões, como a Baixada Santista, por exemplo, ter carro a gás só mesmo para quem reside perto de um dos raros postos que ainda trabalham com o produto. Com esse panorama, as distribuidoras de gás encanado em São Paulo estão pleiteando junto ao governo do estado redução no IPVA para incentivar o consumo.

Estados como Rio de Janeiro e Paraná, concedem descontos bem mais generosos de IPVA para carros GNV, sendo 75% e 40%, respectivamente. Em São Paulo, no entanto, a briga será política. O governo não quer perder arrecadação com o já altíssimo IPVA, defendendo que o “gás” já possui carga tributária menor. Atualmente o estado tem, ao lado de Pernambuco, a menor tarifa por m3 do produto, mas 195 mil carros deixaram de rodar o combustível desde 2008.

Uma frente parlamentar estadual encaminhou hoje (27) o pleito para desoneração do IPVA para carros GNV junto à Secretária de Fazenda. Assim, espera-se que o governo atenda à reivindicação a fim de promover essa importante opção para reduzir emissões de CO2 e o consumo de etanol, especialmente na entressafra. Atualmente o km rodado de GNV em custa R$ 0,137 contra R$ 0,270 da gasolina e R$ 0,249 do etanol. Enfim, há combustível barato, mas imposto caro!

[Fonte: Estadão]

  • Juniorfillingam

    não só o IPVA dos carros GNV como tb híbridos e elétricos, um incentivos para produção e compra desses veículos !!

  • Hugo Capeto

    Ouço tanta gente falar bem… Meu amigo que colocou no Astra 16v (já bem rodado e judiadinho, é verdade) fala sempre da economia… Mesmo tendo que retificar esse motor, continua elogiando a economia… Mesmo trocando velas, cabos e bicos (todos caríssimos), continua falando da economia… Mesmo perdendo desempenho no gás e na gasolina ,continua falando da economia… Mesmo perdendo portamalas e ganhando um abismo de desvalorização do Astra GSI, continua falando da economia…
    Parece que ele não sabe fazer conta! Ou quer justificar para si mesmo o investimento que fez (e ainda faz com a manutenção mais cara)

    • CharlesAle

      É verdade,vários postos de instalação de gás já fecharam e carros com gás instalado são bem desvalorizados,justamente porquê o que se economiza de dinheiro com gás gasta-se na manutenção do veículo…….

    • MecanicoDigital

      É o efeito psicológico que decisões erradas causam em certas pessoas. Alguns se recusam a aceitar o erro, então vivem em negação.

    • reuelrp

      Cara… Discordo totalmente. Já tive carro a GNV por muitos anos e realmente a economia compensa a manutenção mais frequente em casos em que a manutenção do carro não é tão cara. Te falar que rodei por 8 anos com GNV e só parei porque já não aguentava mais a aporrinhação do Inmetro todo ano e também que hoje em dia não rodo tanto mais. GNV é pra quem roda muito. Quem roda menos que 50km por dia não compensa mesmo.

    • Tenho GNV e posso falar, é ótimo, rodo 1.500 km mês. Hoje o carro tem 60 mil km. Nunca tive problemas, até hoje troquei 2 vezes cabos e velas ou seja 480 reais.

      • ted

        Trocar velas cabos e alguns elementos periférico e normal em todos carros independente do combustível, o que ocorre é que muita gente acha que velas e cabos são eternos nos carros, e alguns não usa trocar nem óleo do motor, piorou velas então trocar velas e cabos naos são
        custos a mais no carro a gnv, mais sim de tds carros..

    • janduir

      No caso, ele já pegou um carro bichado, junta que instala o gnv numa boca de porco, ai é só prejuízo. No meu caso, venho sempre reinstalando o kit (5ªgeração nos carros que troco), já foram 3 e minha enonomia hoje está em R$14.600 (rodo 20.000km) por ano e em média fico 3 anos com o carro. Nesse valor já tirei os 6000,00 da instalação no 1º carro e também os 800,00 que pago para reinstalar. Mas hoje, quem roda uns 10.000km por ano, demora muito para recuperar e ai acaba não compensando…

    • DCald

      pois é… tenho um amigo querendo colocar gas numa Ecosport novinha…
      A justificativa é que encher o tanque com gasolina é muito caro… dai ele vai gastar 5mil num kit gas de ultima geração pra economizar uns R$ 0,15/km rodado (ou seja, vai precisar rodar cerca de 35mil km pra "pagar" o kit) vai perder a garantia do carro… vai perder portamalas e o carro vai desvalorizar na venda…
      detalhe que, se ele chegar a 10mil km rodados/ano é muito!
      Se colocar o dinheiro na poupança, vale mais a pena!

      • angelo

        O Kit fica com ele uns 10 anos. Se rodasse uns 20.000Km por ano, iri economizar em 200.000 Km. Mas é verdade que só vale para quem roda bastante.

  • schneider1979

    Carro velho não paga IPVA. E polui mais. Carro híbrido não tem incentivo nenhum. Essa história de reduzir emissões não cola; sempre há interesses por trás.

    • Carlsson

      Pois é. Queria um carrinho <85 pra andar no dia a dia, sem ter de pagar IPVA, manutençãozinha meia-boca e barata, deixar que os barbeiros encostem à vontade em todos os cantos…

  • Renato_Dantas

    Gastar menos isso os governantes não fazem, a ânsia de arrecadar mais está acima de qualquer medida que beneficie o consumidor, IPVA MG, RJ e SP são os mais caros do Brasil.

    • jfonts311

      Existe uma pessoa tentando baixar no RJ para 3 ou 2% não lembro.

      • tjbuenf_

        A "Garotinha", filhote dos "Garotinhos". Claro que ela faz isso no Governo de oposição, pq no dos pais, sugeriria até aumentar…

        • Pedro_Rocha

          Sugeriria? Quem implantou o IPVA de 4% e a maldita inspeção veicular anual no Estado do Rio foi o próprio Garotinho e ele agora que vai ser candidato a governador em 2014 quer desfazer o erro para tentar encobrir o telhado de vidro.

          As empresas perdem 1 dia de trabalho de muitos trabalhadores por conta dessa tal inspeção anual, já que a estrutura do DETRAN/RJ é bastante ruim e os processos mal-elaborados.
          http://blogfernandoleite.blogspot.com.br/2013/08/

  • Castle_Bravo

    Beleza, vamos incentivar o Sudeste a queimar mais gás. Enquanto isto, há escassez nos três estados do Sul, com vários pedidos de indústrias sendo negados, por não haver gás suficiente.

    Bem brasileiro, primeiro se incentiva o consumo, depois corremos atrás e vemos se é possível atender a demanda, se não der, danem-se os consumidores, só subir os preços e tá tudo bem.

    • jfonts311

      Que isso cara…

      • Castle_Bravo

        Não entendi, poderia ser mais específico?

        • jfonts311

          Que raiva do sudeste é essa?

          • Castle_Bravo

            Raiva alguma, até reli o que escrevi, dizer que não há condições de atender a demanda instalada e é irresponsável incentivar o consumo em determinado ponto, nada tem a ver com o ponto em si. Não leia nas entrelinhas, quando não existem entrelinhas. ;)

            • jfonts311

              Vixi, quanto ódio.

              • Castle_Bravo

                Tá serto então… muito ódio.

                • thales_sr

                  Esquece esses trolls… Tá na cara que esse rapaz aí só quer causar confusão.

    • CharlesAle

      Pois é exatamente o que o governo lula fez ao incentivar a compra desembestada de veículos,a frota explodiu de tamanho,mas não teve a compensação em gerar mais combustíveis de forma auto-suficiente,resultado,hoje importamos petróleo a rodo e pior,a Petrobrás tem de vender abaixo do que paga para não incentivar a inflação,indo a mesma para o buraco cada dia que passa,ou seja,um populismo irresponsável onde quem só ganhou foram as montadoras,pois nem o consumidor ganhou,pois pagou caro nos carros,caro nos juros e agora,pode ver o preço da gasolina ir lá em cima…………

      • Castle_Bravo

        O problema é que monopoliza-se o setor de energia nas mãos da Petrobrás ou de alguma estatal relacionada a algum setor específico, em teoria, seria mais prático para o Estado controlar, mas sabemos que na prática a máquina estatal é uma lesma e não consegue acompanhar na mesma velocidade a vontade das pessoas.

        Não vejo como problema a venda de carros em si, na verdade há até demanda reprimida pelo que percebemos, mais pessoas querem ou precisam ter carros do que as que conseguem comprar, ou seja, nem é preciso "estimula-las" elas vão comprar assim que conseguirem.

        É irônico sobre a Petrobrás que logo o PT, "defensor" do serviço público e das estatais, acabe por ser o responsável pelo sangramento da empresa, e possível ruína, com a política de controle de preços.

    • ZEKINHA71

      Há escassez porque a PTbras achou caro fazer gasoduto e preferiu queimar milhares de metros cúbicos todo dia, 24 horas nas plataformas. Ou seja sobra gás no mar, então vamos queimar, o país é rico mesmo.

      • Pedro_Rocha

        A queima de gás diminuiu bastante em relação aos sóis artificiais criados pelos flares. O problema do gás é a falta de linhas de distribuição e como é um produto "barato" esse tipo de investimento foi preterido pela Petrossauro por bastante tempo.

  • Franklin

    Já foi arrecadado 1 Trilhão em impostos e ainda acham pouco. Temos o que merecemos. Ou mudamos nossa forma de consumir, votar e pensar ou nunca seremos um pais sem tanta desigualdade.

  • jfonts311

    No RJ isso já é assim a anos.

  • 3ic

    GNV? nunca mais, obrigado….muita manutenção, regulagem o tempo todo ( tempos do carburador) , duas vistorias e dois gastos, reteste de cilindro. troca dos retentores das válvulas ( a partir dai foi a gota de agua)

  • _Adriano__

    Essa economia nao vale a pena, deve ser boa quando vem de fabrica, desenvolvido por verdadeiros engenheiros e nao o mecanico zé da esquina, infelismente o descaso de nosso governo é tremendo em termos de eficiencia energetica, priorizando sempre o lobby petrolifero

  • igorcerino

    Um Siena tetrafuel aqui no Rio compensa pela economia sem a menor sombra de dúvida. Além dos 75% de desconto anuais no IPVA, rodo o dobro, com a mesma quantidade de dinheiro que gastaria com gasolina. Financeiramente falando, é como se fizesse 20 km por litro na cidade e quase 40 na estrada… um híbrido perde.Mais barato pra rodar só um elétrico, mas perde muuuuito em preço de compra. Bem legal!

  • Louis

    Atualmente, meu custo rodado com Etanol está em R$ 0,17 por km.

    • janduir

      A vantagem do gnv para o etanol é que praticamente ele dobra o consumo. Se ele fizer 7km/l cidade, no gnv vai fazer por volta de 14km/l. Tenho um Astra Elite e no alcool o consumo no pc de bordo é de 4.3km/l já no gnv (5ªgeração) faz quase 10km/m… (isso cidade)

  • Bikudin

    Acho q 3% ja estaria muito bom para todos os carros, mas SP quer ganhar muito

  • Essa é a mísera vantagem de estar no RJ. Pagar 600 ao invés de 1400 no ipva é muito bom.

  • Brasilandia

    Esse Governador Geraldo Alckmin e um belo de um FDP.
    Ele nao quer reduzir porque, e o estado que mais arrecada impostos e ele nao quer reduzir IPVA.
    Foi que nem a passagem do onibus, tiraram os 0,20 so que acrescentaram em outro lugar nao adianta, eles tiram de um lugar e jogam no outro e os idiotas acham que o governo esta baixando os impostos, que na realidade so sobe cada dia mais.
    Tem que continuar os protestos porque ate agora eu nao vi mudança nenhuma alguem viu, se alguem viu por favor fale aqui.

  • Rafael_Phanton

    ERRADO ERRADO E INJUSTO:
    O governo não deve mesmo abrir mão do ipva, pra esse caso não.
    O GNV tem que baixar o preço na bomba, não no custo do ipva.
    Tem de custar menos de 1,00 o metro para que incentive os que arriscam, a instalar e compensar todos os custos com manutenção e vistorias.
    É engraçado, somos uma democracia que garante direitos iguais à todos então, se baixar o ipva pra quem coloca o gnv, tem que baixar pra os que não tem também.
    Incentivar esse tipo é alimentar a ganância dos que hoje controlam a distribuição do GNV que, como todo produto, deve obedecer a lei da oferta e procura.Já que a procura caiu, que baixem os preços para retomar as vendas.
    Eu cansei…se chove granizo, eu pago caro nas verduras e frutas, se faz seca, pago caro no leite, se faz frio demais, o boi fica magro e acontece o mesmo quando faz seca, pago mais também pela carne.
    Agora vou ter de pagar mais uma conta?É capaz de baixarem o ipva pra quem tem gnv à 1% e colocarem os que não tem a 6% para compensar ou seja, vamos pagar pra outros se beneficiarem.

    • janduir

      Tenho gas natural em casa aqui em SP, e o metro custa R$3,50 – já para o carro está 1,59, vai entender…Essa comgas é ladrona…

  • Lezão BA

    Aqui em Salvador em 1998 eu via um único posto de abastecimento de GNV na cidade ,com o valor sendo 1/4 da gasolina ,fila enorme e pouquíssima tecnologia no equipamento já que os carros tinhão carburador ,regular o distribuidor pra queimar GNV e gasolina era para poucos ,muitos instaladores iniciantes não tinham a manha de regulagem fazendo os carros bater pino com um ou outro combustível fazendo os motores acabar mais cedo ,via tambem muitos carros velhos que de tão cara que era a gasolina não rodavam mais ,mas com o GNV ganharam novo folego (Opalas ,Maverics ,Rurais) .
    Foi ai que surge a injeção eletrônica e com ela surgem vários componentes eletrônicos de um Sistema GNV (kit gás), dentre eles, o Simulador de Bicos Injetores e o Simulador de Sonda Lambida que têm por finalidade "trabalhar" em sintonia com a ECU (Módulo de Injeção Eletrônica) original do veículo, enviando-lhe comandos quando for mudado o combustível, de Gasolina (Alcool) para o GNV e, tais componentes ao informarem ao Módulo Original da mudança de combustível (GNV), o mesmo irá interpretar e "entender" tais comandos e não "mandará" ascender a Lâmpada de Anomalia do Sistema de Injeção Eletrônica original do veículo.
    Porém, para economizar no custo da instalação, acabam substituindo tais componentes eletrônicos por "RELÊS DE BUZINA" e "DESATIVAM", isto é, CORTAM o fio da Lâmpada de Anomalia do Módulo Original de Injeção Eletrônica que tem por função, avisar ao motorista quando há algum problema no sistema de injeção, isto é, a central (ECU) da injeção por não ser informada pelos Eletrônicos GNV que "está tudo bem" continua enviando e acumulando mensagem de erro trazendo grandes transtornos ao motorista com o decorrer do tempo e, caso haja qualquer problema no motor, rodando com GNV ou combustível original, o proprietário do veículo não será informado pois, a conexão com a luz de Anomalia do sistema de injeção eletrônica foi CORTADA!!!
    Sabia que se colocar um KIT GNV em um carro com 180.000km ele logo pedira uma retífica ! Mas se vc não colocasse o KIT ele tambem iria logo logo pedir uma retífica .
    Tenho carro a GNV a 12 anos e com a tecnologia hoje encontrada nos equipamentos é infinitamente superiores a de 10 anos a traz (Já esta disponível o mesmo kit usado no modelo SIENA TETRA FUEL com perda minima de potência) ,e com cabos e velas NGK a troca é feita com um intervalo bem maior !
    Rodo com minha Doblo Adventure com 8 lugares já autorizado pelo IMETRO e DETRAN de minha cidade (em muitos modelos hoje se coloca os cilindros embaixo do carro ,não perdendo o espaço da mala) , 250km com R$90,00 na estrada ,mas a mesma distância é percorrida com R$27,00 se eu usar o GNV ! E ai ?

    Detallhe ,meu kit é antigo ,fui modernizando de acordo com o que pude e meus cilindros já foram revalidados duas vezes ,fui passando de carro para carro .

    • Angelo

      Mesma situação minha. Tenho a 10 anos, fui passando de um carro para o outro, faço a manutenção do manual e nada mais, meu Astra Sedan 2.0 8V roda, na estrada, 200 Km com R$ 22,00, pisando. Nunca fiz manutenção. Cilindro já foi retestado. Economia pura! Escapamento dura muito mais, óleo fica limpo, não vemos adulteração.

  • angelo

    O IPVA para carros a GNV em SP não é mais 3%, hoje é 4%, pois o carro Flex+GNV paga 4%. O carro a gasolina + GNV paga 3% de IPVA. Ou seja, aumentou o IPVA para carros com GNV.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend