_Featured JAC Motors Lançamentos SUVs Test Drive

JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

jac-t6-NA-47-700x465 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

A JAC Motors lançou oficialmente o modelo T6, um utilitário esportivo de porte médio, que tem como principal diferencial um preço equivalente ao de um SUV compacto. Custando entre R$ 69.990 e R$ 75.670, o produto chega importado da China e vem com bom pacote de equipamentos, embora alguns sejam opcionais.



Medindo 4,47 m de comprimento, 1,84 de largura, 1,67 de altura e 2,64 de entre-eixos, o JAC T6 é do mesmo porte que Hyundai ix35, Kia Sportage, Mitsubishi ASX, entre outros. Além do grande espaço interno, o modelo também oferece um generoso porta-malas com 610 litros. Outro destaque é a motorização 2.0 16V JetFlex com pré-aquecimento de combustível, bem como transmissão manual de cinco marchas.

O JAC T6 de série já vem bem recheado, tendo freios a disco nas quatro rodas, suspensão traseira multilink, trio elétrico, faróis com regulagem de altura, faróis de neblina, rodas de liga leve aro 17 com pneus 225/60 R17, lanternas traseiras em LED, retrovisores com repetidores de direção, sistema de áudio com CD/MP3/USB/Bluetooth/auxiliar, 2 fontes 12V, ar condicionado e direção elétrica.

jac-t6-NA-46-700x465 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

Há também regulagens de altura do banco do motorista, da coluna de direção e dos cintos de segurança dianteiros. O banco traseiro é bipartido e possui Isofix para cadeiras infantis. Há três apoios de cabeça, apoio de braço central com porta-copos e cinto central de três pontos. No teto, luzes de leitura, para-sóis iluminados e porta-óculos, rede no porta-malas, airbag duplo, ABS com EDB, alarme, sensor de estacionamento, entre outros.

Como opcional no Pack 1, o JAC T6 adiciona barras longitudinais no teto, retrovisores na cor da carroceria, frisos laterais e maçanetas cromadas e retrovisores com rebatimento elétrico. O preço, nesse caso, sobe para R$ 71.990. No caso do Pack 2, o SUV passa a acrescentar câmera de ré e multimídia com espelhamento Mirror Link.

jac-t6-NA-12-700x466 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

Esta multimídia é fornecida pela Foxconn e permite a reprodução (espelhamento) da tela do smartphone no display central. No caso do Android, as funcionalidades podem ser operadas diretamente na tela maior, enquanto no iPhone é necessário manusear o aparelho. Não há integração com Windows Phone.

Além disso, vem com entradas HDMI e USB no porta-luvas, bem como cabos adicionais para conexão. Há também entrada SD Card, outra porta USB, bem como auxiliar. Bluetooth e tela sensível ao toque de 7 polegadas fazem parte do pacote. A imagem da câmera de ré é reproduzida no mesmo monitor.

jac-t6-impressões-NA-1-700x466 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

Impressões ao dirigir

O JAC T6 tem bom aspecto visual. O estilo lembra bastante o Hyundai ix35 e chegamos a confundir alguns exemplares de mesma cor na estrada, dada a semelhança. Ainda assim, a frente tem aparência mais agressiva – típica dos carros chineses – enquanto a traseira é mais comportada.

Por dentro, o aspecto geral é bom se levarmos em consideração o preço. O ambiente é revestido de materiais escuros, notadamente de cor preta e com detalhes brilhantes levemente imitando madeira. O ar sóbrio é reforçado ainda por bancos em tecido ou couro negro, bem como pelos vidros escurecidos.

O volante é o mesmo dos demais modelos da marca, mas sua posição está bem mais adequada em relação aos irmãos, cuja coluna é bastante avançada. O quadro de instrumentos é semelhante ao da J6, mas sua iluminação é muito melhor, facilitando a visualização das informações. Inclusive o computador de bordo finalmente funciona de forma plena e objetiva. Pena que não há comando no volante.

jac-t6-impressões-NA-25-700x467 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

A multimídia com Mirror Link é o grande destaque do JAC T6, mas infelizmente não conseguimos parear essa funcionalidade em nosso aparelho móvel, embora a conexão Bluetooth tenha funcionado perfeitamente. A ergonomia é razoável, sendo ruim a posição do comando dos retrovisores.

A posição de dirigir é boa e a direção elétrica é bastante leve em manobras e progressiva em velocidades mais altas. A embreagem é macia e bem ajustada, mas a alavanca de câmbio tem engates curtos e justos, mas duros. Um ruído de engate na base incomoda um pouco.

O JAC T6 vem com motor 2.0 16V JetFlex com 155/160 cv a 6.000 rpm e 20,3/20,6 kgfm a partir de 3.000 rpm, respectivamente com gasolina e etanol, mantendo-se plano até 4.500 rpm. O propulsor apresenta pouca disposição em rotações mais baixas, conseguindo despertar a partir de 3.000 rpm, quando a condução fica mais prazerosa.

jac-t6-impressões-NA-42-700x466 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

São 1.460 kg para um 2.0 Flex, então já seria de esperar uma reação dessa forma. As relações de marcha se mostraram adequadas e privilegiam mais a economia. Rodando a 110 km/h, o motor gira a 2.900 rpm e o consumo – medido pelo computador de bordo – ficou em 10,4 km/litro na estrada. Há um indicador de troca de marcha no painel.

Nas retomadas, o 2.0 precisa ser exigido um pouco mais e o nível de ruído aumenta bastante, incomodando. De forma geral, esse ponto ficou um pouco acima do esperado. A suspensão tem ajuste mais voltado para o conforto, mas carroceria tende a rolar pouco em curvas mais fechadas. O ESP da versão chinesa seria bem-vindo.

Com pneus 225/60 R17, o modelo se mostrou comportado em estabilidade, mas muito melhor em termos de absorção de buracos, imperfeições do asfalto e outros detalhes que geralmente os ocupantes acabam sentido em nossas ruas e estradas. Os freios tiveram atuação adequada, não surpreendendo.

jac-t6-NA-36-700x467 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

Conclusão

Voltado para o asfalto, fato enfatizado pela JAC Motors, o T6 se mostra bem acertado para a realidade brasileira e oferece um bom comportamento. O espaço geral é muito bom, especialmente atrás, onde os joelhos não encostam nos bancos dianteiros e também um porta-malas grande.

O pacote de equipamentos é de forma geral adequado à proposta. Poderia sim incluir ESP, TCS, assistente de partida em rampa, piloto automático e até mesmo preservar o controle de descida, visto na versão chinesa. No entanto, sabemos que isso e outros detalhes geram um custo maior, que a JAC Motors evidentemente não vai querer arcar na atual situação do mercado.

Uma versão automática seria interessante, mas não vem, por enquanto. Agora, com motor 2.0 Turbo e câmbio de dupla embreagem (na verdade somente com o 1.5 Turbo), o T6 sem dúvida iria se juntar aos “irmãos” do segmento médio em termos de preço, perdendo assim sua principal vantagem.

jac-t6-comparativo-1-700x467 JAC T6: Impressões do SUV médio que tem preço de utilitário compacto

Para 2015, a JAC Motors espera emplacar 3.600 unidades do T6 (90% do mix para a versão completa), que infelizmente não tem previsão para ser produzido no Brasil. A marca chinesa ainda vai reforçar o time de utilitários com o T5 no final do ano, que terá a desejada versão automática (CVT). Para o ano que vem, ela também trará o T3, crossover que será fabricado no país ao lado do sucessor do J3, que é sua versão hatchback. Confira como eles são em nossa matéria com os preços do JAC T6, publicada mais cedo.

Durante a apresentação do JAC T6, o presidente da JAC Motors Sérgio Habib, fez um comparativo do modelo com utilitários esportivos dos segmentos compacto e médio, bem como traçou um perfil para o mercado atual e projeções para os próximos anos. Você confere essas informações nas imagens que estão em nossa galeria logo abaixo.

Galeria de fotos do JAC T6:

 

Evento a convite da JAC Motors.

4.0

  • Tosca16

    No papel e nos testes o T6 é superior ou no mínimo igual aos concorrentes na sua faixa de preço; entretanto o pessoal é preconceituoso ou conservador demais e nem ao menos irá por o T6 numa possível lista de compra … mesmo não oferecendo câmbio automático já traz bons equipamentos de série e preço abaixo da sua real categoria .

    • Gustavo73

      Olha que levando em consideração a categoria e alguns concorrentes. Não está ruim. O IX35 custa quase 30 mil a mais, e oferece de diferente o câmbio automático.

      • Tosca16

        depois desse slide e comparação de preços, o JAC tá bem demais . Se não fosse chinesa teria filas nas revendas .

        • Video é show, nisso a JAC continua boa.

          https://www.youtube.com/watch?v=EyMkP_RUlZo

        • Gustavo73

          Olha além da origem, existe o fato de não termos garantia a longo prazo sobre acesso a peças e assistência técnica. Os coreanos já sofreram isso também. Não é algo que suma do dia para a noite. A Fiat já foi olhada de lado também no passado. Eu mesmo não sei se entraria nessa. Ad chinesas terão que pelejar para superar essa fase.

          • Tosca16

            por mais que seja uma marca de origem Chinesa tem concorrentes como esse Tucson que já eram para sair do mercado faz tempo, e mesmo assim com toda essa defasagem olhe só o valor que a Hyundai cobra por um modelo tão antiquado como esse . Então no quesito preço e sabendo que aqui é Brasil a JAC já fez muito, resta agora comprovar a qualidade do modelo e não pecar com a assistência técnica .

            • Davi Millan

              Eu vejo esse Jac T6 como uma boa opção também. Eu teria (voltaria a ter um Jac) um se essa frase do texto não existisse e tivéssemos esses itens. “Poderia sim incluir ESP, TCS, assistente de partida em rampa, piloto automático…” E a diferença da versão mais completa para o 2008 (por mais que sejam de categorias diferentes) fará com quem quer um carro nessa faixa de preço e não precise de tanto espaço prefira o francês. Mesmo assim, quanto mais opções melhor.

              • Tosca16

                Entendo mas sabe como são as coisas, o pessoal mesmo sabendo que o JAC é de outra categoria já cismou com os preços, fez piadinhas com a origem e falam aos montes que será um mico um chinês por 70 mil e tal. Imagino seriamente se tivesse tudo o quanto fora retirado e até mesmo a tão falada versão turbo com câmbio automático. Se fosse esse modelo uns 5 ou 10 mil mais caro, com tudo isso que falaram será que venderiam ? A receita é pelar, oferecer menos e tentar ao máximo diminuir o preço final e mesmo com tais medidas o JAC ainda tem bem mais conteúdo que muitos custando bem menos … Então seriamente eu penso num chinês hoje não olhando o “recheio” e sim a qualidade construtiva, é tanto que falo que prefiro um Celer Look “pelado” com dois alto falantes só, rodas de ferro e etc que a versão atual chinesa “completa” se este tiver bom acerto mecânico, de suspensão e isolamento acústico .

              • AndreiVieira

                é oi? 2008? Nem vendedor da Peugeot compra Peugeot!!!

                • Davi Millan

                  Se fosse assim aqui em Floripa não estaria abarrotado de Peugeot, Renault e Citroen.

        • Thiago Pereira

          Concordo. Esse comparativo com a Tucson é o mais bizarro. Enfim. Acho que aparentemente o T6 ganha desde a Tucson, passando pelo Ecosport até chegar aos novos HRV e 2008. Mas quando a comparação não é pela faixa de preço, mas sim por porte e outros quesito a briga com os maiores fica mais complicada pro T6. Mas aí é que tá, com a diferença de preço se compra um popular.

      • Junoba

        Tem concorrentes mais caros. A RAV4 custa 120k, e tem os mesmos equipamentos e motorização do T6. São incríveis R$50 mil de diferença.

    • Pedro Henrique

      legal é no mapa de segmento, o Renegade indo ao infinito e além!!!!

      • johnnyburanelo

        renegade completo mais caro que a glk ou que a x1, só aqui mesmo hahah

    • Léo Hung

      Isso se resolve com a JAC fazendo propaganda agressiva utilizando os modelos da concorrência com seu preço e lista de equipamentos.

      Educar é difícil, mas vale a pena. :)

      • Rafael Yashiro

        Não dá para fazer isso, pois a Jac sente até hoje a facada do Innovar Auto, que nada mais é que um cartel legalizado contra carros importados, por que acha que a Jac não investe mais em propaganda como fez quando começou. aqui? Por que se mostra de mais o carro, vai ter que ter carro para suprir a demanda e com as limitações por causa das cotas de importação, não vai atender a demanda.

    • johnnyburanelo

      estou bem inclinado em pegar um deste preto, ou prata, ou mesmo o branco, gostei mesmo do carro, estou doido para fazer test drive,
      mas aguardarei a crise piorar, pra entrar em promoção e ganhar o gps pagando o preço da versao de entrada, com juros zero hahah

      • oscar.fr

        Se a crise piorar, o carro ficará ainda mais caro. Nunca em uma crise os preços de carro baixaram no Brasil. Pode ver que o único período bom para comprar carro foi o de crescimento no final do segundo governo Lula, quando estava todo mundo em um estado de paz e amor. Fora disso, foi sempre uma m* e não vejo porque mudaria agora.

      • Thiago Pereira

        O preto é lindo. Nem precisa esperar crise. Eles querem bater a meta. Mesmo agora antes de chegar voce já consegue um bom desconto. Eu consegui.

        • Antonio Bazzari

          Você pegou um T6 ou outro carro?

    • Rafael Yashiro

      Vamos agir como adultos e analisar de perto o T6.
      Entre os seus concorrentes diretos de PREÇO, ele é a melhor opção, não há o que discutir, oferece o mesmo e um pouco mais pelo mesmo preço.
      Porém há o fato de que alguns lugares por ai já estarem sem concessionárias, pois como citei mais em baixo, há o problema das baixas vendas devido ao Inovar Auto, então muita concessionária fechou e outras tem um péssimo pós venda.
      O T6 passa de longe os outros JAC’s em qualidade, mas a JAC precisa melhorar e muito o seu pós venda para agradar e o principal, terminar a sua fábrica, pois só assim para fugir das cotas do Inovar.

      • Tosca16

        sim, os problemas com peças e assistência são similares aos já ocorridos no passado com as coreanos por exemplo. Entretanto mesmo assim não deixa de ser ao menos uma opção, o importante agora é analisarmos o produto sem a prerrogativa que chinês não tem qualidades, semelhante a um jornalista que falava isso do novo Celer ” ao menos vá lá e faça o teste drive ” … se mesmo com tamanhas qualidades por N motivos não for ainda sua compra futura é natural, mas não vejamos o T6 caro como alguns ousam dizer bem como seus concorrentes também não são lá muito baratos ou em tudo superiores . Vejamos bem, eu se morasse em SP capital entre um Tucson e esse T6 iria sem dúvidas pelo que já ví do modelo no T6, entretanto morando em Sergipe sem concessionárias iria num destes outros concorrentes por questões óbvias . Temos que ponderar N fatores e não somente o valor de revenda como muitos frisam em dizer, e por aí vai .

        • Rafael Yashiro

          Exatamente, existem N fatores na hora de se comprar um carro, mas no caso dos JAC’s o principal é se levar em conta o pós venda, que em algumas regiões é horrível, já em outras não, há caso e há casos, pelo menos aqui na região, tem bastante jacs pela rua, já até vi um T8 andando.

          • Tosca16

            já aqui a Chery faz um bom trabalho, e outras marcas menos conhecidas até como a que infelizmente saiu Mahindra tinham boas vendas e assistência …

  • GPE

    Passo…

    • Junoba

      Qual a sua justificativa ( uma válida, e sem ´´achismos“), para não comprar o T6 ?

      • GPE

        Carro chinês ainda não é confiável, seja em motorização, parte elétrica, segurança e até mesmo no pós-venda (a Lifan deixou o pessoal sem assistência recentemente). E, por último, não sou doido de investir dinheiro em algo que quase ninguém quer como usado e quado aceita, quer pagar metade do preço que teoricamente era pra valer. Se carro por si só já desvaloriza, um chinês desvaloriza muito mais, ainda mais num preço desse

        • Junoba

          No caso da Lifan, os veículos deles usam motores da Toyota e Mitsubishi. Os chineses mesmos produzem. Tanto que a Lifan é o maior fabricantes de motores do mundo.

          No caso da Lifan, que fato é esse que deixaram sem assistência ?

        • Magnus Lincoln

          Acabei de falar com meu pai ai no Brasil . . . . . ele mora em São Paulo capital e tem um cobalt 2012 . . . . GM , Chevrolet , confiável . . . . . não sei como mas quebrou o engate da mangueira de retorno que vai na bomba de combustível , o carro tá na CSS desde sexta passada pq a Chevrolet NÃO TEM A PEÇA , ESTÁ EM FALTA .

          Um amigo meu ai no BR tem um Lifan 620 2011 , tá com 120 mil km e ele nunca teve problema com falta de peça . . . .que coisa não????

          • MaCaRyS

            aaaaah mas é chevrolet ‘mano’, e as chevetera, os monza e os opalão ?? da pra perdoar huehuehue Banânia mode ON.

      • cepereira2006

        Também acho fora de questão. Muito caro para um carro chinês com câmbio manual, sem ESP, só air bag básico (duplo), feito com mão de obra escrava. Já imaginou dar azar e pegar o último veículo do dia, onde os trabalhadores estão a 12, 14 horas trabalhando sem ou quase sem intervalo?

        • Junoba

          Porque tu não diz isso na Apple, que obriga os funcionários a morarem na fábrica e assinar um termo para não se suicidarem ?

          • cepereira2006

            A Apple deve ter uma linha de produção mais automatizada, não tão dependente de mão de obra especializada ao contrário do que é uma montadora de veículos. Imagine a complexidade de se montar um motor, por exemplo. Mas é claro que tudo depende de sorte, pois se tem até Land Rover zero bichado…

            • Magnus Lincoln

              Vai sonhando . . .

  • Darlon Anacleto

    O ix 35 sempre teve um visual enjoativo, mas enfim, os emergentes adoraram e aí, todo mundo resolveu copiar o estilo. Agora que já enjoou até aqueles que um dia gostaram, chega a imitação. Tarde demais, JAC.

    • gveralonso

      Nunca gostei do ix35, sempre achei sem graça, feio. Agora esse T6 já acho mais bonito na dianteira e, mesmo bonita, é pouco sem sal a traseira. Faltou um câmbio AT.

  • Diogo Vasconcelos da Silva

    Eu penso da seguinte forma…não basta ser bonito, potente e equipado para um chines vender bem aqui…Entao eu no lugar deles começaria a “dar” para empresas brasileiras fabricarem peças de reposição aqui no Brasil…Por exemplo…A Cofap fazer os amortecedores…ou a MTE fazer os sensores…a Arteb fazer os farois e etc…Assim teriamos peças “paralelas” com qualidade de originais…com preços razoaveis e sem ter que esperar dias

    • Tosca16

      não precisa a fabricante ir atrás, se a mesma tiver muita vendagem em alguns modelos as próprias fabricantes locais lançarão seus produtos … Me recordo do Tiggo da Chery, que demorou muito para ter simples acessórios e hoje já se encontram fáceis até em algumas capitais, além do mais que com os anos de mercado muitos já sabem peças similares ou até mesmo paralelas feitas para o modelo .

  • Vattt

    Sem AT, fica complicad agregar valor ao carro! Mas entre um Duster 1.6 ou uma Tucson manual o T6 é mais atraente. Agora quanto os outro não tem vez.

  • Alvaro Guatura

    Não está barato…
    o grande problema é a ausencia da transmissao automatica, imperdoavel

    • Junoba

      E se tivesse câmbio AUT, qual seria a próxima desculpa ? O retrovisores que não possuem pintura ?….

  • nightnx

    Se as marcas chinesas não fossem mal vistas aqui e tivesse uma fábrica da JAC, venderia que nem água com toda certeza. A falta de câmbio automático também prejudica um pouco, já que muitos que compram carros desse segmento preferem o conforto de um AT (vide pessoas que ainda compram Tucson que não tem controles no volante e tem um câmbio automático de 4 marchas).

  • Matheus

    Se comparassem a de R$75.000 com a 2008 THP (R$79.190) acho que a JAC não seria superior, e a diferença de um pouco mais de R$4.000, não é muito..

    • Thiago Pereira

      Depende do perfil do comprador Matheus. Fiz um TD nesse 2008 THP que inclusive é manual de 6 marchar, não 5. Mas tirando isso. Não me impressionei com o resto. Embora seja muito bonito, por dentro parece um hatch um pouco elevado. Falo em questão as dimensões, conforto, enfim. Fiquei 1 ano esperando o 2008 chegar pra adquirir meu primeiro SUV e me deparei com um carro que ta mais pra concorrente do Palio Weekend. Enfim… Acho que valeria a pena se custasse até 65mil completo. Mas essa versão THP tá quase 90 mil.

      • Gustavo73

        90 mil? Só se tiverem cobrando 10 mil de ágio.

      • Rodrigo

        Eu também não me impressionei com o 2008… esperava mais!
        Deu a impressão de ser uma SW pequena!

      • Fernando Bento Chaves Santana

        Acho que o 2008 será o patinho feio da atual safra de SUV no brasil

      • Matheus

        Sim, depende muito do comprador, só que R$65.000 tá o 208 GRIFFE,então. Comentei isso, pois prefiro desempenho, estilo e consumo.

  • Gio

    Na ficha técnica realmente o carro é bom. Mas carro não é só ficha técnica e eu teria vários exemplos de carros que grandes e/ou mais potentes, mas não necessariamente melhores. O fato é que todas as marcas tem este tipo de slide convencendo o comprador de que seu produto é superior, independente de qual seja..

    Em relação ao design, acredito que a JAC ainda vá evoluir e ter alma própria, por enquanto estas ligações de outros carros que vejo nele (lateral de IX35, lanterna de Audi Q5, volante de GM) me dão a impressão de algo sem personalidade e com menor credibilidade.. Prefiro quando são originais, como alguns outros modelos já são, e será ainda melhor quando a fábrica tiver uma identidade própria..

    Só o tempo vai dizer se fará sucesso. A JAC, para mim, ainda é uma incógnita, e eu dou aquela fábrica nacional deles como tudo menos certa. Se este carro fracassar (e a possibilidade existe), com a quantidade que os outros JAC tem vendido, não duvido que não consigam se sustentar..

    Ps.: Este Sergio Habib me passa uma impressão de “amadorismo” e “informalidade” impressionante.. Os slides me lembram os que eu fazia na adolescência, aprendendo a mexer no Powerpoint..
    Mas admito que não tenho boa imagem desta pessoa desde que ele comandou (muito mal) a Citroen por aqui.. Para quem se interessa no tipo de assunto, vale a leitura.

    • _William

      Eles tinham que ter chamado um cara que manjasse bastante de Powerpoint, tipo o Eike Batista. Aí eles iam enganar, ops, convencer bem mais pessoas de que o carro é bom mesmo!

  • Thiago Pereira

    Já encomendei o meu T6 (ou a minha T6 como eles nas concessionárias). Vou dar u voto de confiança. Tenho um 208 e meu principal interesse era no 2008. Pois gosto muito do 208 Griffe que eu tenho. Mas ao fazer o test drive no 2008 me decepcionei, pois é idêntico ao 208, apenas um pouco mais alto. A diferença mesmo fica pra quem vê do lado de fora. Coisa que o próprio vendedor comentou durante o TD, vendo minha total falta de ânimo. O HR-V tem uma fila imensa pra chegada. Na Jeep eu fui mal atendido já pelo telefone, ouvindo uma voz ríspida dizendo que não tinha nem test-drive por enquanto. Daí fui numa concessionária da Jac. Lá a ordem é vender então só faltam por um tapete vermelho. Não que isso me impressione. Apenas estou relatando as diferenças. Fiz o TD dentro das ruas do estacionamento de um grande shopping. O carro é excelente, aparentemente. Veja, estou falando pelo meu olhar totalmente voltado pra design, acabamento, conforto. Não entendo de motorização. É o meu perfil. Pode não ser o mais correto, mas é o meu perfil. Gostei na tela 7″ e do espaço interno. Essa vantagem deve-se mesmo ao preço x porte do carro. Enfim, é um incógnita e não é muito inteligente comprar um lançamento, seja ele qual for, pois não sabemos como vai se comportar. Mas quem disse que somos totalmente racionais na hora de comprar um carro?

    • _William

      Quando você comprou o vendedor deve ter soltado fogos de artifício, nessa época em que as atenções estão voltadas para o HR-V, 2008 e Renegade é um grande feito. Uma curiosidade, nesse test drive não podia ir pra rua não?

      • Thiago Pereira

        Acho que sim, afinal as vendas não estão fáceis nem pros tradicionais, quanto mais pros Chinas que enfrentam o “fator preconceito”. Acho um pouco injusto. Mas não adianta, quando se fala em Made In China já relacionamos com algo de baixa qualidade. Mas meu telefone da Apple é montado todo na China. E é de excelente qualidade, enfim. É controverso. Várias empresas utilizam mão de obra barata de lá. Acho que não se pode generalizar. Ainda não comprei de fato, mas deixei o sinal. Eles prometeram entregar até 15 de maio. Fui bem claro que se não faturarem até sete dias antes essa data vou desfazer a encomenda. Na verdade o TD foi feito numas ruas que são usadas pelo Detran, dentro de um Shopping onde tem AutoShopping e um Detran. Tinhas muitas subidas e descidas e as ruas estavam vazias, deu pra sentir o carro. Mas eu só ficava preocupado em olhar a beleza interna, nem reparei se o cambio tinha engates precisos ou coisas desse tipo. Não sei ver essas coisas. Pra quem nunca tinha dirigido um SUV achei o máximo.

        • Léo Hung

          POSTE UM RELATO ASSIM QUE CHEGAR! :)

          Tenho interesse em comprar. Quase comprei um J3 alguns anos atrás, mas não curti o comportamento dele na rua quando fiz o teste drive (meio molenga, tipo Palio, um estilo de direção que não gosto).

          Estou tentado a pegar um carro chinês e apostar.

          • Thiago Pereira

            Pode deixar!

        • Rafael_Rec

          Seu iphone é montado na China com o controle de qualidade da Apple, enquanto que o T6 é montado na China com o controle de qualidade Jac. Esse detalhe faz uma diferença absurda na hora de comparar as coisas, afinal a mesma China que faz o iphone faz o descartável hiphone, Quanto ao carro, o que importa é você estar satisfeito com o que ele lhe oferece.

          • Triton

            Correção: o I-Phone é montado na China com o controle de qualidade da Foxconn. Nenhum funcionário da Apple fica dentro das fábricas da Hon Hai Precision controlando nada. Isso não existe, é apenas uma invenção de ocidentais.
            Se você quiser contratar a Foxconn para fabricar um celular porcaria, ela faz. Se você também quiser contratar a mesma Foxconn para fabricar o melhor celular do mundo, ela também faz. Tudo depende da quantidade de dinheiro que você quiser gastar. Simples.

          • Thiago Pereira

            Você tem razão quando fala do controle de qualidade.

        • Deadlock

          Depois poste suas impressões no Opinião do Dono.

    • zeuslinux

      ” Fiz o TD dentro das ruas do estacionamento de um grande shopping. O carro é excelente, aparentemente.”

      Cara, exija fazer um test drive mais longo e em ruas externas (de preferência que misturem trânsito e vias rápidas) para ver como o carro realmente se comporta em termos de aceleração, retomadas, frenagem, etc.

      Já deixei de fazer TD uma vez e me arrependi seriamente. Hoje nem continuo a negociação se não puder fazer um TD externo. E antes de fechar mesmo a compra, exijo outro TD mais longo para ter certeza de que não estou comprando enganado.

  • Chega_de_Ignorância

    Vai atingir a meta tranquilo
    Mas manual por manual, eu iria de Renegade manual, mesmo sendo menor e mais básico

    • Impressionante é que a meta do JAC T6 pro ano inteiro de 2015 é o mesmo da Honda HR-V pra 3 semanas.

      • Chega_de_Ignorância

        Loucura né
        o HR-V é uma máquina de fazer dinheiro pra Honda
        Os caras acertaram na loteria

        • Hiboria

          Os caras realmente trabalharam o mercado, os estudos, planejamento, avaliações…. fizeram o dever de casa direitinho e faturarão muito com isso. Parabéns para a Honda que com o mercado uma merd@ consegue subir suas vendas.

    • Supernescau

      Eu não acredito que vão vender 3600 unidades do T6 em 2015. Na verdade não acredito que seja nem metade disso. Apenas para deixar claro: não estou falando das qualidades/defeitos do carro, concorrentes, posicionamento, etc. Estou falando apenas de quantidade.

    • Antonio De Julio

      Ouso a dizer que são propostas diferentes, a começar pelo porta-malas. 600 litros do Jac contra 350 do Jeep

  • Cyro

    Queria ver o test crash
    Se fosse aprovado, entrava na minha lista de compras

  • Bruno

    ainda vou de ASX.

  • Gustavogm

    Na China: Modelo já reestilizado.

    E pro Brasil? As sobras da versão antiga!

    Assim não dá pra ti levar a sério Jac…

    • _William

      Tinham que arrumar alguma roça para jogar o que sobrou…mas aí não dá pra culpar só a JAC pq todas praticamente fazem isso, triste. Esse modelo novo é mais bonito pelo menos?

      • Gustavogm

        Nem os chinas respeitam nois! hahaha

        Triste fim do Brasil…

      • Junoba

        O modelo reestilizado na China ficou com o estilo da dianteira inferior. Não gostei.

    • cepereira2006

      E o detalhe: ainda foi capado, tiraram o ESP, controle de descida, câmbio AT… A fábrica tinha até motor 1.5 turbo, que casaria muito melhor com o carro e nada. Trouxeram uma carroça com tela de 7″ para ver se cola.

  • Alessandro Rodrigues

    Essas saídas traseiras embelezam o carro, mas são broxantes se vistas por baixo. Parece ter um carro interessante. Esperando o review por vídeo

  • Wagner Lopes

    70K e sem ESP ??? Passa longe aqui de casa!

    • Igor

      Nenhum dos concorrentes tem ESP nessa faixa de preço

      • Wagner Lopes

        Pois é Igor, meu 407 de menos de 30K tem. Tem também air bags laterais e de cortina bem como carroceria 5 estrelas EuroNcap.

        • Debraido

          Qual o ano do se 407? É concorrente?

          • Wagner Lopes

            2009. Pra mim é pois todos tem rodas, motor e nos transportam de um ponto A para um ponto B. Sem falar que o dinheiro é um só também.

      • tjbuenf

        Renegade e HR-V tem ESP de série…

  • Joaquim Grillo

    1000x ele do que uma spacefox

  • Rafael Jandre

    Por que alguém que tem dinheiro para investir em IX35, Sportage ou CR-V cogitaria um T6??? Pronto, aí você vê que ele não é concorrência para os SUV médios.

    • Marcos Lopes

      ele concorre com o tiggo e lifan .

    • Hiboria

      Por que quem tem 69K não tem como comprar IX35, Sportage ou CRV, que estão na faixa de 90K ou mais. Acho que é isso.

      • Rafael Jandre

        Mas aí com 69K surgem opções como HR-V, 2008 e Renegade. Cara é complicado, o preço tinha que ser mais competitivo. Nessa faixa e com a confiança que a marca tem, as vendas serão bem tímidas, bem mais tímidas do que a marca projeta.

        • Hiboria

          Rafael, mas essa é a proposta, pegar um SUV médio e colocar para concorrer com compactos, assim tentar agregar algum valor para apresentar a marca. Não que eu defenda a marca, nem mesmo conheço pessoalmente, mas entendi a lógica. Por enquanto eles venderão esse T6 para concorrer com pequenos, mas quando chegar o T5 tenha certeza que esse T6 irá subir de patamar para acomodar o menor e também irá agregar mais valor (opcionais, qualidade e conforto). Essa é minha avaliação profissional e não de amante de veículos, caso estivesse fornecendo uma consultoria para eles.
          Lembro que a honda fazia muito isso na década de 90, quando comprei meu primeiro Civic meu vizinho riu da minha cara, pois tinha comprado um Vectra por nada menos de 20% a mais na época. Não sei se o caminho será o mesmo para Jac, nem se será rápido quanto, mas eles estão se planejando para isso.

          • Rafael Jandre

            Entendo. Mas ainda acho que para ser competitivo deveria custar menos. A marca deveria reduzir sua margem de lucro e assim tentar alavancar suas vendas. E a Jac ainda precisa melhorar muito seu pós-venda.

  • Rodrigo

    Eu não fui muito com o T6 no test drive. Achei bem fraco, na minha opinião.
    Espero que o T5 seja melhor!
    Mas os chineses estão melhorando, e rápido.
    Não demora para atingirem nível de Kia e Hyundai e tornarem-se sonhos de consumo.
    No passado as pessoas riam da Hyundai! Lembro muito bem disso!

    • Rafael Yashiro

      Fraco em que? Acelerações? Retomadas?

      • Rodrigo

        Fraco em acabamento, câmbio, qualidade, integração (digo sistema muiltimídia que não funcionou no test drive, apresentando também respostas lentas aos comandos do volante), preço…
        E pra quem quer tirar racha ou ser o campeão da avenida, não vai agradar também. Motorzinho mediano.

  • Renato Alves

    Pq não teve comparação com outros chineses como o Cherry Tiggo e o Lifan X60? Que serão os reais competidores dele.

  • zeuslinux

    Eu acho que esse T6 pode ser uma boa compra para quem estava pensando comprar um Ecosport ou Duster manuais com motor 1.6, mas não conseguirá atrair quem faz questão de câmbio AT ou que estava disposto a pegar as versões 2.0 deles (ou 1.8 no caso do Honda).

    Quanto ao Tucson, o T6 ganha pelo visual mais moderno, porém até a CAOA tem mais credibilidade no mercado do que a JAC.

    Mas os carros chineses estão evoluindo rápido. Achei que foi mancada da JAC não ter trazido logo esses carros com câmbio AT e uso de motores turbo.

  • Gian

    Infelizmente o preço praticado no concessionário é mais de R$10.000,00 que o anunciado nos comercias. Carro muito bom, fiz test drive, tenho uma Duster e o acabamento da JAC está melhor que o da Renault.

  • saulo

    Apesar de ser maior, com esse preço nao da pra competir com Honda HR-V e Jeep Renagade (os de entrada claro), nao tem comparação na construção do carro, nos materiais, na confiabilidade, na pós venda, enfim, em nada

  • Tiago

    O custo benefício é interessante.
    Duas coisas me chamaram a atenção:
    1) não tem saída de ar para os passageiros do banco de trás.
    2) o câmbio de 5 podia ser 6 marchas.

    No geral o carro é bonito e bem acabado.

  • johnnyburanelo

    top
    adoro este T6, é na faixa de preço do meu proximo veículo, confesso que estou inclinado a comprar este hehe
    se as taxas forem boas, e forem bem de negócio na hora de pegar meu carro usado, vira viu

  • JCosta

    Alguém sabe o intervalo das revisões? Se for igual ao J3, de 5 em 5…

  • oscar.fr

    “O 208 pertence a um segmento inferior” JACA, o dia que vocês fizerem um carro que chegue aos pés da qualidade do 208, um carro que possa ser campeão de vendas na Europa, a gente conversa. Até lá, podem fazer um carro 300% maior em volume que será só papo furado.

    • Tosoobservando

      208 ou 2008? Nao estavam falando da base do carro ser em cima de um hatch, como é o Ecosport no do Fiesta e o Duster no Sandero? Isso é verdade.

      • oscar.fr

        Sim, de fato foi isso. Mas poderiam ter dito “outro segmento”. Mas claro o negocio deles é vender, apresentar o carro deles como o melhor. O que sabemos que uma vez saído do papel isso não é verdade. SUVs originadas de compactos como Fit, 208 ou Fiesta ainda tem um conjunto melhor que essa chinesa.

  • Heisenberg

    Continuo achando uma loucura(no sentido ruim da palavra) esse carro…e o que estou vendo nas ruas é muito HRV mesmo com ágio de ate 9 mil…No brasil só tem doidão. kkk

    • Antonio De Julio

      Aqui em SP achei concessionárias que estão cobrando os preços divulgados no NA, sem ágio. Tem fila de espera, mas sem ágio. Só pesquisar. Única “pegadinha” é que eles mostram nas lojas apenas os modelos mais caros e se fazem de bobos quando se mencionam modelos de entrada.

  • PEDRO CUNHA

    Quanto tempo será que leva para se desintegrar? Se levar mais de 3 anos já tá no ganho, bem acima da média de seus conterrâneos.

    • Triton

      Aqui no Brasil existem carros de passeio chineses ano 2007 em bom estado. Esse negócio de desintegrar é uma falácia maldosa.

      EFFA M100 (Changhe Ideal), ano 2007, 70 mil Km:

      • Junoba

        Lembrando que a Effa está em uma situação péssima no Brasil, em relação as vendas. A empresa chegou a ter cerca de 70 lojas pelo Brasil, e atualmente possuem apenas 5 revendas. Esse ano foram vendidos apenas 38 veículos ( não estou contando so caminhões. Ano passado foram 188, e em 2011 foram incríveis 9.133 vendidos. Atualmente só vendem as picapes Start nas carrocerias simples e dupla, que são feitas em Manaus.

        • Triton

          Falei só pra ilustrar que carro chines não desintegra com o tempo, como muitos dizem aqui. Citei o M100 porque é o carro chines de passeio mais antigo no Brasil. Aliás, existem vários M100 ano 2007 à venda em ótimo estado. No mais, a empresa por trás da comercialização do carro (EFFA) teve uma atuação muito amadora por aqui.

  • shdn2010

    Muito interessante este carro, só acho que peca em não oferecer cambio automatico, e talvez um motor mais forte.

  • Gran RS 78

    No minimo vale o test drive, pois mesmo custando caro, como todos os carros vendidos no Brasil, se compararmos com os suvs médios, até que os preços estão dentro do esperado. O que mais irá fazer falta é o cambio automático, que para 99% dos clientes de suv médios, é o item mais importante.

    • Junoba

      Comparando com a RAV4, o T6 é R$50 mil mais barato. É quase a metade de preço.

      • Gran RS 78

        Verdade. Espero que a Jac tenha êxito com as vendas desse modelo.

  • Cesar A

    Ok, gostei do porta malas e do espaço do banco traseiro. Não gostei: todo o resto. Que cluster medonho é aquele? E o motorzinho? Ah vá…. T6 de respeito mesmo é de outra montadora…

  • Alberto

    A uns anos tras carro com cambio at era chamados de carro de aleijado,,tanto que carro at era desvalorizado,Hoje reclamam de controle de estabilidade,e o carro mais vendido no Brasil e o palio e o gol, vai entender o pensamento tupininquim.so uma dica,quando for compra um carro da jeep, esses ai do momento,verifiquem o preço do disco do freio, ai vejam se vale a pena ,abraço a todos

  • V12 for life

    Pelo porte, e tudo oque oferece, seria minha primeira opção se não tivesse trocado de carro a pouco tempo, embora que por ser chines e com o limite de cotas, será apenas um figurante.

  • mjprio

    Pelas fotos me pareceu ter boa qualidade construtiva, não vi ao vivo. O motor me parece adequado, pois as vezes me parece que o pessoal quer andar de SUV como se anda de Golf. Talvez com um AT necessite ter mais potência, ou um motor turbo. Talvez com uma fábrica brasileira e a incessante busca por mais qualidade a exemplo dos japoneses e coreanos possa trazer sucesso a marca. Mudando de assunto a central multimídia é show, tem até espelhamento ( que custa uns 700 reais o mais barato no mercado paralelo e muitas vezes não permite acessar os apps pela tela), mas faltou a TV

  • Anderson

    no slide do 2008 o estagiário esqueceu de colocar o nome e manteve o HRV da Honda kkkkk

  • Netovski

    Vai ser o usado do momento daqui a uns 2 anos quando estiverem torrando a 30k.

  • Diego Mello

    Com certeza o melhor carro chines no mercado brasileiro.

  • Deadlock

    Gostei do IX-35 genérico. Mas, prefiro o original.

  • Heitor Borba

    essa boca ‘storm tropper’ a la star wars no para-choque da frente, hein tia JAC?medonho… mas a traseira está linda, lembra utilitários da Audi, não sou contra a copia desde que o façam com harmonia.

  • ep2014

    O preço no geral, está razoável, mais não oferecer câmbio automático, principalmente nesse segmento, é uma decisão de amadores, não tem justificativa.

  • Eduardo

    Ops, o slide abaixo não procede, o Lifan X60 é equipado de série com a tal regulagem elétrica de farol, mais uma mentirinha da JAC, eles não podem afirmar “ÚNICO DA CATEGORIA COM TAL EQUIPAMENTO”

  • Fat Jack

    “…A multimídia com Mirror Link é o grande destaque do JAC
    T6…”
    Desculpem-me a sinceridade mas fico desconsertado ao ler isso…, um carro novo, bonito (porque não dizer?), com algumas boas soluções (como a suspensão traseira e o pré-aquecimento dos bicos injetores), uma motorização digamos, no mesmo nível geral dos seus concorrentes, relativamente bem equipado, a um preço interessante (haja visto os valores da concorrência), que vai atuar numa das categoria mais disputadas atualmente do mercado o grande destaque é a central multimídia???
    Ou o carro não conseguiu se destacar (positiva ou negativamente diga-se de passagem) em mais nada – não me parece ser o caso – ou realmente a avaliação da “conectividade” está mais importante na avaliação que o próprio carro em si.
    – Bom…independentemente disso, acho que a JAC é uma empresa que tem se esforçado pra agradar aos brasileiros (e se não fosse o “Taxaço” instituído pelo governo seus preços estaria aproximadamente 10/12% abaixo), como por exemplo as modificações implementadas na linha J3 (design interior e exterior), acredito que o T6 tem alguma chance no mercado principalmente se conseguirem apresentar um bom pós venda (é algo que o público alvo deste carro exige), boas marcas nos testes tipo Latin NCAP também seriam extremamente bem vindos, haja visto ser uma das principais desconfianças que ainda pairam sobre a linha J3…

  • Roger Bersch

    Eu ri do comparativo do Duster, mais fatos impossível, Um Dacia Sanderão.

  • Wally

    Muito bonito(mais bonito que o ix35), muito bem acabado.

    Mas cadê a coragem pra comprar ??? A jac não consegue nem começar a fábrica que ela prometeu a tanto tempo, como é que vou dar voto de confiança nesses caras?

  • Yusks

    Gostaria de saber porque não compararam com o LIFAN X60 ???

  • Diego

    esse slide este uma bagunça! preço e foto de um, comentários de outro. ficou confuso… mas…

  • Fabiano Oliveira

    Estes carros começam a descascar e enferrujar com pouco mais de 1 ano, vejo esles na rua e não entendo porque não fazem carros para durar mais?

  • vidgal

    Única coisa que chinês sabe fazer é copiar e comer cachorro!!
    Se você deixar seu cachorrinho solto na rua e ele sumir; com certeza vai virar carne de pastel, como aconteceu em São Paulo nos bares dos chineses…cadeia neles!!!
    Comprar um carro chinês hoje, vende-se pela metade do preço na semana seguinte. Isso se tiver um corajoso pra comprar!

    • Tosoobservando

      Comer carne de cachorro é crime?

  • Rodrigo Correia

    Eu esperava uma reportagem um pouco mais isenta. Parece infomercial…. A apresentação em powerpoint é amadora, e as previsões de venda parecem pouco realistas.

  • Lucas Irrthum

    O carro até pode ser bom, ter um custo x benefício excelente, mas aí eu pergunto: e na hora da revenda? Você usa o carro por 2 anos, e depois anuncia por 10 mil kkkkkkkk

  • Gabriel Boscatto

    Se ele é do porte da Sportage é um SUV compacto. SUV médio seria do porte da Sorento,

  • Vattt

    Vi esse carro ao vivo e a principio pensei numa nova versão do iX35, quando vi o logotipo lembrei do Jac. Mas com o cambio manual, não vai passar de uma cópia mais barata do Hyundai! Ou seja, é bonito e vai tirar alguns compradores de Duster e Ecosport de entrada..

  • 1945_DE

    A preço de HR-V manual, só louco para comprar isto. Eu fiz teste drive nesse carro e eu garanto para vocês. Tudo nele é sofrível. Não compensa. Vou de Honda HR-V manual.

    • cepereira2006

      Cara, pensa bem, abre a mão e leva um CVT. A economia não compensa. Boa parte do brilho do HR-V está no câmbio. Se hoje em dia ninguém mais quer carro manual, basicão, imagina daqui a 5 anos, quando você for vender. Seu carro vai ser um mico. O valor de revenda vai pro pau. SUV com câmbio manual é um baita mico HOJE, na minha opinião. Imagina no futuro. Mas logicamente o dinheiro é seu e vc faz o que quiser. Só estou tentando te abrir os olhos. Se realmente for isso que você quer, vai fundo e seja feliz. Um abraço.

  • PAULO ROBERTO DOS SANTOS

    QUEM SERÁ O LOUCO,CAPAZ DE PAGAR R$ 70.000,00 OU MAIS EM UM CHING LING ?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend