*Destaque EUA Jeep Salões do Automóvel SUVs

Jeep Cherokee 2019 ganha motor 2.0 Turbo de 270 cv

Jeep Cherokee 2019 ganha motor 2.0 Turbo de 270 cv

Em dezembro, a FCA liberou as primeiras imagens do Jeep Cherokee 2019, que recebeu uma alteração de estilo para ficar mais tradicional.


No entanto, a principal diferença não está no visual e sim sob o capô. Além das versões de acesso com motor de quatro cilindros Tigershark 2.4 de 182 cv e Pentastar V6 3.2 com 275 cv, agora o SUV da Jeep adiciona um motor igualmente poderoso.

Trata-se do novo motor 2.0 Turbo, que a FCA fez estrear no Jeep Wrangler 2019. O propulsor de quatro cilindros reaparece no Jeep Cherokee 2019, entregando bons 272 cv e bons 40,6 kgfm, mais do que o torque oferecido pelo Pentastar V6 3.2.

E não apenas o motor que chega, o SUV ganha nessa versão o sistema Start&Stop para desligamento automático do motor com o veículo parado e engatado.


Jeep Cherokee 2019 ganha motor 2.0 Turbo de 270 cv

Além disso, para reduzir o consumo de combustível e se adequar aos limites exigidos nos EUA, esse propulsor utiliza também pistões e bielas mais leves, além de injeção direta de gasolina.

Por ora, os números do Jeep Cherokee 2019 ainda não foram divulgados pela EPA.

O SUV americano recebeu uma importante atualização visual, deixando para trás o estilo de conjunto ótico dividido – com repetidores de direção e luzes diurnas elevadas e os faróis rebaixados – para adicionar um estilo mais tradicional, com faróis, repetidores de direção e luzes diurnas em LED em posição padrão.

Jeep Cherokee 2019 ganha motor 2.0 Turbo de 270 cv

O novo pacote visual deixou a frente do Jeep Cherokee 2019 mais limpa, modelando um para-choque mais elevado e grade atualizada, preservando o estilo da marca e adicionando certa semelhança nesse ponto com o Jeep Compass.

Os faróis de neblina foram atualizados na linha 2019.

Além disso, o modelo recebeu cinco novas opções de rodas de liga-leve, enquanto a traseira passa a dispor de suporte de placa posicionado na tampa do porta-malas.

As lanternas permanecem as mesmas, mas o layout da iluminação em LED mudou, assim como o acabamento do para-choque traseiro, que agora apresenta um vistoso cromado.

Na versão Overland, os ganchos para reboque são cromados, enquanto na Trailhawk são vermelhos.

Jeep Cherokee 2019 ganha motor 2.0 Turbo de 270 cv

Por dentro, o ambiente do Jeep Cherokee 2019 é o mesmo, mas há diferenças, entre elas acabamento em preto brilhante no entorno da multimídia e prata fosco inserido nos difusores de ar e volante.

Novo conjunto de fonte de 115 volts e USB foi adicionado. Já no porta-malas, o volume aumentou em volume com a adição de 7,5 cm na largura, graças ao redesenho do compartimento. Com isso, o bagageiro passa a dispor de 765 litros de espaço até o teto.

Esse Cherokee 2.0 Turbo vai vir? Ainda não se sabe, mas seria uma opção melhor que o V6 3.2, sem dúvida.

Jeep Cherokee 2019 ganha motor 2.0 Turbo de 270 cv
Nota média 5 de 1 votos

  • Aristeu Junior

    Terei rs

    • Ⓜ️arcelo

      Talvez seja uma ótima opção, mas vai depender do preço

  • Marcelo Nascimento

    E isso é pra lançar lá pra setembro ou já é agora? Se for agora, não sabia que nos EUA também faziam isso…

  • Allan MB

    Melhorou muito o desenho dos faróis dianteiros e grade em relação a anterior. Agora com motor turbo a coisa fica interessante.

  • Miguel

    Apenas atualizou o que pra mim já era lindo, com um plus de um novo motor turbo.

  • Leonardo azevedo

    Esse Jeep ganhou o que mais precisava um motor que substitui o V6 beberrão por natureza

  • Eduardo Brito

    Seria um bom concorrente para o Equinox, pena que vai ser mais caro

    • Audi a5

      Concorrente do equinoxx é o compass. Seria o caso do compass trazer esse motor, pois o GM já tem um 2.0 turbo com 262 cavalos. Acima do equinoxx, tem o Acádia. Nos eua, é claro, esse sim como concorrente do cherokee.

      • Vitor C

        Na vdd o cherokee é um suv compacto para os padrões americanos, e concorre com equinox, crv e etc. O que acontece é que a jeep tem dois carros nesse segmento.
        Quem concorre com a Acadia é a grand cherokee.

        • Filipe Augustus

          Acredito que o posicionamento da Cherokee deva ser algo semelhante ao Pajero Sport, TrailBlazer e SW4, apesar de um pouco menor e meio mau posicionado dentro da gama!

          • Vitor C

            Lá fora o preço da cherokee é equivalente aos suvs compactos e não aos médios, inclusive quase rodas as comparações são com compactos.
            Por isso falei que nos EUA pelo menos o posicionamento dela é esse. já aqui ….

        • VINÍCIUS FREITAS DE SOUZA

          Não. O Compass é concorrente de Sportage, Rogue Sport, Outlander Sport etc… Os nossos médios são os compactos e os que vc citou são os midsizes (médios) .

  • Lucas086

    Ficou mais bonito e agora um motorzao desse, a Jeep não está para brincadeira mesmo. Só falta olhar para o Brasil também.

  • Juliano Tonet

    Chuto uns 250 mil pra cima.

  • André Luis Versiani

    Já acho o Compass bonito pacas, este aí então, sem palavras…que motor forte hein!

  • José Eduardo D’Acampora Guazzi

    Motor interessante para trazer para cá, por ser 2.0 diminui bem a tributação comparado ao V6.

    • ObservadorCWB

      Também penso assim. mas gostaria de saber se há mais motivos pelos quais o redator escreveu: ” Ainda não se sabe, mas seria uma opção melhor que o V6 3.2, sem dúvida.”….. friso o SEM DÚVIDA….

      • VINÍCIUS FREITAS DE SOUZA

        Consumo elevado (do V6), menor peso, maior potência e torque…

  • Leonel

    40 kgfm de torque? Bom, hein. Esse novo motor deve mover com facilidade esse grandalhão sem penalizar no consumo, creio eu.

  • Lukoh

    Esse motor ficaria bem na Fiat Freemont…

  • yurieu

    Venha motor 2.0 Turbo, beber do nosso álcool!!!!

  • Natán Barreto

    Conseguiram pegar o carro mais feio da linha pra ser o mais bonito. Não entendi a porcaria que ficou o Grand Commander

  • Mario

    Os Jeep estão um mais lindo que o outro. Difícil dizer qual o mais. A FCA acertou em cheio os novos modelos!! Não é a toa o sucesso da marca.

  • Fabio

    Graças a Deus aquele frente ridicula foi embora…Ó Gloria

  • celso

    O Compass é mais bonito, na minha opinião, é claro.

  • Debraido

    É desse motor que a Toro precisa.

    • Emanuel Schott

      Um Firefly 1.3 Turbo já estaria muito bom pra ela. Esse 2.0 turbo deve ficar mais caro que o 2.0 diesel.

  • Dudu Pimentel

    Seria uma resposta à Equinox 2.0 Ecotec turbo e a Ford Kuga (ou Escape, não lembro agora) 2.0 Ecoboost?

    • VINÍCIUS FREITAS DE SOUZA

      Acho que o Cherokee está mais para o Edge

  • Peerre

    Pessoal, sobre esses novos motores turbinados de fábrica, qual é a vantagem ou vantagens que eles tem sobre os motores convencionais?

    Da para dizer que essa é uma tendência que veio para ficar?

    Sempre que posso leio fóruns, blogs e sites sobre carros, e sempre observei uma resistência das pessoas com esses motores turbo.
    Sem falar também dos motores de 3 cilindros, que muitos alegam ser frágil e de longevidade duvidosa.

    Grato pela atenção!

    • Eduardo Andrade

      Os motores turbo em relação aos seus equivalentes em potencia, possuem geralmente mais torque e em menor rotação, podendo assim ser mais economico em condução normal, mas mantendo um consumo equivalente ao se exigir mais do acelerador, alem de tornarem as vezes o conjunto motriz mais leve, o que ajuda tambem a ter um menor consumo e mais desempenho, não vejo diferença em durabilidade, pelo que sei duram da mesma forma, desde que os prazos de manutenção sugeridos pelo manual sejam seguidos, não tem porque durar menos, o que pode acontecer é ter mais tipos de manutenção a serem feitas, por ter novos elementos agregados, esses elementos assim como qualquer coisa vão precisar de manutenção eventualmente e no caso dos tres cilindros aspirado é como qualquer outro motor, a diferença só é mesmo a quantidade de cilindro e noia dos mecanicos com tudo que é diferente do padrão 4 cilindros e 8 valvulas.

      • Handlay P.B.

        De acordo com notícias os motores downsizing que as marcas engendraram poluem mais posto que não queimam a gasolina do mesmo jeito dos motores aspirados comuns o que carrea na emissão de mais partículas cancerígenas e gases tóxicos como o CO.

        • Eduardo Andrade

          Nunca ouvi falar disso, mas se for verdade seria muito estranho, poluir mais gastando menos combustivel, camulflaram no dieselgate, podem ter muito bem camuflado isso tambem vai saber.

        • Peerre

          Intrigante essa informação.
          Já tinha lido em algum lugar que essa injeção direta aliada ao motor menor ajudava numa queima de combustível melhor e que emitia menos gases no ar.

      • th!nk.t4nk

        Há bons anos mais de 90% dos automóveis vendidos aqui na Alemanha são turbo. Consomem bem menos, poluem menos (no geral, embora com a injeção direta emitam um pouco mais de particulados) e a durabilidade é basicamente a mesma. Nas avaliaçoes aqui em que desmontam motores muito rodados, simplesmente não se vê desgaste acima do esperado. Esses motores recebem materiais, revestimentos e tratamentos diferentes pra suportarem maior carga e temperatura. Desde que o dimensionamento tenha sido bem executado, nao existe mesmo razão pro desgaste ser maior em relação a um aspirado.

    • Emanuel Schott

      Sabe quando você assopra a churrasqueira pra poder acender mais rapidamente? Então, o que você faz é na verdade dar mais oxigênio pra combustão.

      O turbo faz o mesmo. Injeta mais oxigênio na câmara de combustão do que na aspiração comum. Nisso queima o combustível de forma mais eficiente. Isso aumenta potência e torque a baixas rotações e diminui o consumo de combustível.

      Sobre o 3 cilindros, esse negócio de que dura menos é coisa de saldosista, que acha que pra prestar precisa ter o 6 canecos do Opala. Usar 3 cilindros ao invés de 4 diminui a área útil que o combustível tem pra dissipar calor, sobrando mais energia pra empurrar o pistão. Isso também favorece torque e consumo.

  • Handlay P.B.

    A dianteira do novel Cherokee ficou meio estranha, mas é até melhor que a frente do anterior cujos faróis divididos pode ser uma moda peremptória. Diante do novo motor 2.0 turbo de 272 cv que a FCA engendrou, o motor 3.2 V6 ficou anacrônico.

  • Sérgio Peixoto

    Acho desonesto a montadora informar a capacidade do porta-malas medida até o teto, já que o condutor que transportar bagagem além do limite do encosto do banco traseiro está sujeito à multa por excesso de carga.

    E o repórter automotivo deveria se recusar a repassar esse tipo de informação.

  • Mauro Banqueiro

    Que bom que corrigiram aqueles dois andares ópticos na dianteira…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email