*Destaque Europa Jeep SUVs

Jeep Renegade 2019: turbinados 1.0 e 1.3 terão até 180 cavalos

Jeep Renegade 2019: turbinados 1.0 e 1.3 terão até 180 cavalos

No próximo dia 6 de junho, a FCA apresenta no Salão de Turim 2018 o Jeep Renegade 2019. O SUV compacto da marca americana terá uma importante novidade para o mercado europeu, a nova família de motores GSE turbinados com unidades de três e quatro cilindros, sendo que o 1.0 MultiAir II Turbo entregará 120 cavalos de potência e 19,3 kgfm de torque. Além disso, de acordo com o fabricante, o utilitário esportivo terá ainda na versão 1.3 (de quatro cilindros) com 150 ou 180 cavalos, este último com 27,5 kgfm de torque.


Chamados internamente de T3 e T4, estes novos motores “MultiAir II Turbo” são versões mais poderosas de nossos conhecidos GSE Firefly, que dentro da FCA são chamados de N3 e N4, por serem naturalmente aspirados. Com o mesmo diâmetro (70 mm) x curso (86,5 mm) dos motores usados pela Fiat aqui, os propulsores mais recentes terão taxa de compressão de 10,5:1 e tem como diferencial o uso de cabeçote de duplo comando de válvulas variável, além de injeção eletrônica indireta e turbocompressor com intercooler.

Jeep Renegade 2019: turbinados 1.0 e 1.3 terão até 180 cavalos

Os melhoramentos poderão fazer com que os novos “MultiAir II Turbo” tenham ciclos Miller e Atkinson, além de funcionar também com outros combustíveis, como gás natural e provavelmente etanol. Além disso, serão integrados aos sistemas micro-híbrido de 48 volts e plug-in. A princípio, a alteração no grupo propulsor do Jeep Renegade na Europa muda completamente a oferta da gama atual, que inclui o 1.4 MultiAir Turbo com 140 ou 170 cavalos, além do brasileiro E.torQ Evo 1.6 com 110 cavalos, que provavelmente serão eliminados. Há também opções diesel Multijet II 1.6 com 95, 105 ou 120 cavalos, além do 2.0 de 140 ou 170 cavalos.


O 1.0 pesa 91 kg e o 1.3 tem 110 kg. Estes deverão ser integrados às caixas de câmbio manual de cinco ou seis marchas, além das automáticas de seis ou nove velocidades, bem como na de dupla embreagem TCT de seis marchas, movendo assim variantes de tração 4×2 ou 4×4. Dessa forma, a tendência no Jeep Renegade 2019 será a redução de oferta de motores aspirados a gasolina e turbo diesel, que hoje representa a maior parte das opções. Espera-se que a alteração mecânica seja estendida brevemente ao Compass, que pode se beneficiar do 1.3 MultiAir II Turbo com 150 e 180 cavalos, embora no âmbito da Europa, possa mesmo ostentar o 1.0 de 120 cavalos.

E aqui? O uso do motor 1.3 MultiAir Turbo de 150 cavalos faria um bem enorme ao Renegade nacional, que logo receberá as mesmas alterações de estilo que a Jeep vai implementar na Europa, onde até agora mostrou oficialmente somente a lanterna traseira atualizada. O fim do uso do E.torQ Evo 1.8 será fundamental para que o produto tem vendas ainda melhores no mercado, podendo até mesmo ganhar a versão de 180 cavalos na Trailhawk e/ou Limited. Vamos aguardar.

Jeep Renegade 2019: turbinados 1.0 e 1.3 terão até 180 cavalos
Nota média 4.3 de 12 votos

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email