*Featured Avaliações Jeep SUVs

Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

jeep-renegade-impressões-NA-16-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Resgatando o clássico Jeep, que inclusive foi fabricado pela extinta Willys em Jaboatão dos Guararapes/PE, o Jeep Renegade chega remetendo ao passado mas com olhos no futuro e na liderança do segmento. O jipinho brasileiro, igualmente feito em Pernambuco, promete bater de frente não só com os SUV compactos, mas também com os utilitários esportivos diesel mais baratos.



Em realidade, o Jeep Renegade 2.0 Turbo 4×4 começa em R$ 99.900, sendo assim o mais barato em sua categoria. Na versão Longitude, avaliada pela segunda vez pelo NA, agora por um período maior, o preço pula para R$ 109.900. Completo, incluindo o teto móvel My Sky, o veículo chega a R$ 142.900 com pintura sólida. O valor é alto e se distancia muito da proposta da versão 1.8 Flex, que parte de R$ 69.900.

Apesar de ser o mesmo carro, a proposta de ambos é bem diferente e no caso do diesel, haverá muito mais chances do proprietário enveredar por estradas de terra bem ruins do que aquele que vai de Flex, cuja tração é somente nas rodas dianteiras (Confira novamente os detalhes de cada versão). Robusto e potente, o Renegade 2.0 Turbo 4×4 tem um conjunto de dar inveja em muito SUV diesel bem mais caro, embalado em um pacote muito compacto.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-44-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Por fora…

Bem pequeno. O utilitário esportivo feito em Goiana/PE é bem pequeno, porém, com carroceria volumosa e quadrada. Ele mede 4,24 m de comprimento e de fora nem dá para imaginar o espaço que ele oferece por dentro. O estilo é totalmente inspirado no clássico CJ, ainda popular entre os aventureiros de hoje, embora muito mais para nossos pais e avós.

A frente é troncuda e tem nas grades com barras verticais a reprodução daquelas vistas no combatente da Segunda Guerra. Os faróis redondos também não poderiam ficar de fora, bem como o “X” alusivo ao galão de gasolina do “Jeep”, presente também nas lanternas traseiras, quadradas e bem posicionadas.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-47-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Para-brisa e teto reto só reforçam a impressão real de robustez, bem como as grossas colunas C. As portas traseiras são pequenas e é aí que o “jipe” parece ser ainda menor. Mas como dizem, tamanho não é documento. No teto, as duas tampas do My Sky são feitas em poliuretano e se parecem com fibra de carbono.

A dianteira tem acionamento elétrico, mas ambas podem ser removidas através de uma chave metálica com o formato da frente do carro. Ela fica junto ao ferramental para troca de pneu. Além disso, uma bolsa enorme fica no porta-malas para acomodar os dois tetos. As rodas de liga leve aro 18 polegadas com pneus 225/55 R18 são atraentes. Para-choques, saias de rodas e saias laterais são envolvidas por um revestimento em plástico preto, enquanto no teto, duas barras longitudinais apenas parecem decorativos. Há vários acessórios da Jeep que se integram perfeitamente a elas.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-13-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Por dentro…

Compacto por fora, grande por dentro. Esse já foi o lema de muitos modelos vendidos por aí e também se aplica ao Renegade. O modelo tem um interior amplo e teto alto, embora com espaço apenas mediano no banco traseiro. De qualquer forma, não dá para fazer milagre. O porta-malas é o calcanhar-de-aquiles. Tem apenas 260 litros e com a bolsa do My Sky, perde um pouco mais de espaço. No entanto, o estepe é igual ao conjunto rodante.

O painel tem aspecto moderno, nota-se o emprego de materiais que aparentam boa resistência, bem como um visual que remete ao off-road, destacando-se os tapetes de borracha e a alça frontal no lado do passageiro. O cluster com display multifuncional em TFT chama atenção e faz o jipinho parecer um carro muito mais caro.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-19-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Ele apresenta informações de mídia, telefonia, navegação, serviço, configuração, entre outros. O conjunto de instrumentos é muito completo e é mais do que suficiente. A multimídia Uconnect também é outro item muito bom. Tem navegador, Bluetooth, câmera de ré e reconhecimento de voz. Completo, ele também tem entrada e partida sem uso de chave e sensores de chuva e crepuscular.

Há muito mais na versão Longitude com pacote completo, incluindo sistema de som Beats com 8 alto-falantes, incluindo um subwoofer no porta-malas. Há lanterna de LED no bagageiro, ar condicionado dual zone, tomada de 127V, painel com material emborrachado, bancos em couro, volante multifuncional completo e com paddle shifts. No entanto, o que não agradou foram os botões de volume e seleção de mídia logo abaixo das borboletas.

jeep-renegade-impressões-NA-116-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Gostamos da posição da alavanca da transmissão e dos porta-copos, bem como a oferta de luzes internas nas laterais traseiras e os detalhes do acabamento, recheado de referências à marca Jeep (os chamados Easter Eggs). O Renegade é cheio deles, por dentro e por fora.

É fácil encontra-los sob a tampa do porta-malas, nos alto-falantes das portas, acima da multimídia (since 1941), na vigia da tampa traseira (há alguma coisa andando por lá…), no lado direito do para-brisa (desenho do modelo clássico), dentro do porta-objetos central e no bocal do tanque, por exemplo, onde uma simpática aranha manda seu recado: “ciao baby”.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-51-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Por ruas e estradas…

Pesado. Essa é a primeira impressão ao sair andando com esse jipe diesel que logo desaparece diante da agilidade apresentada. Mas ele realmente anda com uns quilinhos a mais, pesando 1.636 kg nesta versão Longitude, mas ainda mais na Trailhawk, a topo de linha. A vibração característica do motor diesel não é um incomodo, mas um aviso: ele não está para brincar.

O motor 2.0 Multijet tem 16v, turbocompressor, injeção direta e intercooler. Com 170 cv a 3.750 rpm e 35,7 kgfm a partir de 1.750 rpm, ele entrega muita disposição no dia a dia e puxa bem o pequeno peso pesado. A transmissão ZF 9HP pode não ter se dado bem com o Tigershark 2.4, mas neste Fiat ela casou bem.

As mudanças de marcha são bastante suaves, mas em marcha lenta, redução para primeira e na ré, o condutor sente levemente um tranco. Fica a impressão de que você está realmente em um Jeep com foco na robustez. Não há nada de feixes de molas ou três diferenciais como antigamente.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-40-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

A suspensão é independente nas quatro rodas e o sistema de tração permanente vem com quadro modos de operação: Auto, Mud, Sand e Snow. No Trailhawk ainda tem o Rock. Isso sem contar controle de descida, 4×4 permanente e 4×4 reduzido. Ou seja, nada que passe a impressão de baixo custo tecnológico. Isso sem contar TCS, ESP, assistente de partida em rampa, freio de estacionamento eletrônico, entre outros.

A posição de dirigir é muito boa e o para-brisa reto fica bem distante do condutor, assim como as grossas colunas A. A impressão geral é de segurança antes do conforto, fato reforçado pelas cinco estrelas no Latin NCAP. Saídas rápidas e retomadas podem surpreender os passageiros. A sensação de solidez estrutural é grande e o veículo fica sempre à mão.

Jeep_Renegade_Trailhawk-NA-25-700x465 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

A direção elétrica não é muito leve, mas atende bem à proposta do veículo, assim como os freios. A suspensão tem um bom ajuste, é firme. Em ruas de asfalto ruim, bloquetes e paralelepípedos, sentimos um pouco as imperfeições por conta dos pneus de perfil baixo.

O condutor pode ainda explorar a transmissão de nove marchas (com motor diesel até parece um caminhão…) mudando as posições na alavanca ou nas borboletas atrás do volante. O nível de ruído é condizente com a proposta do carro.
Na estrada, o Renegade se comporta bem, mas seu formato se faz ouvir junto das colunas A, dada a turbulência gerada pelo vento. Rodando a 110 km/h, ele gira a 1.700 rpm, garantindo menor ruído do motor e alguma economia. Esperamos mais frugalidade do modelo, pois conseguimos 13,4 km/litro na estrada. Na cidade, o melhor foi 9,5 km/litro.

jeep-renegade-impressões-NA-18-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

No fora de estrada…

O novo SUV da Jeep se mostra muito valente no off-road. Mesmo com pneus inapropriados para aventuras mais ousadas, o 4×4 da marca americana entra com tudo e não pede para sair. Com 4×4 acionado, assim como o modo Sand (lama), entramos num lamaçal fundo. O Renegade passou sem exigir nada mais do que uma leve e constante aceleração.

O sistema de tração nas quatro rodas modula de forma perfeita a força em cada roda em várias situações, com o condutor escolhendo entre três opções de atuação no fora de estrada. O motor tem muita força em baixa e ajuda bastante quando se exige mais disposição, bem como o câmbio, reduzido e pronto para subir ou descer ladeiras com eficiência, ainda mais com o controle de descida, que dispensa o uso do freio.

jeep-renegade-impressões-NA-37-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Os bons ângulos de entrada e saída do Renegade favorecem a condução em locais com obstáculos grandes, tais como transposição de riachos, valetas, barrancos e trechos com muitas pedras grandes pelo caminho, entre outros. Sem dúvida, com bons pneus lameiros ou mesmo aqueles de uso misto, o Jeep Renegade 2.0 vai ser um bom companheiro em aventuras mais radicais pelo país a fora.

Jeep_Renegade_Longitude_NA-43-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Por você…

Dois pesos e duas medidas. Como já comentamos acima, o Jeep Renegade é um carro com duas propostas bem distintas. Essa do Longitude 2.0 Turbo 4×4 é focada em quem vai mesmo usar o carro no fora de estrada, seja por diversão ou necessidade, lembrando que muitas “BRs” da vida ainda exigem um bom 4×4 nos veículos que tentam trafegar por elas.

A questão não é só em termos de motor, transmissão e tração. O pacote agregado ao carro é muito generoso e digno de SUV de luxo, apesar do ambiente interno remeter mais à robustez do que à sofisticação. Não é um utilitário premium, mas tem um conjunto parecido.

jeep-renegade-impressões-NA-13-700x466 Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbodiesel enfrenta bem o que vier pela frente

Na realidade brasileira, o preço de R$ 109.900 não deve ser comparado com os demais SUV compactos, muito menos com o carro completo. Ou seja, o Renegade diesel é para um público de maior poder aquisitivo e com espírito aventureiro, acima de tudo. Ele pode ficar ainda mais caro com os muitos acessórios disponíveis e exige R$ 6.429 em revisões até 120.000 km, sendo necessária apenas uma por ano.

Até 60.000 km, o proprietário gastará R$ 2.748, valor correspondente ao de muitos compactos de entrada. As revisões são feitas a cada 20.000 km e em apenas seis visitas, o veículo já estará com seis anos de uso. E então? Diante de tudo isso, o Jeep Renegade 2.0 Turbo 4×4 se converte em uma opção muito boa no segmento de SUV diesel. Para suas pretensões, vale a pena sim.

Medidas e números…

Ficha Técnica do Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbo 4×4

Motor/Transmissão
Número de cilindros – 4 em linha, turbo
Cilindrada – 1956 cm³
Potência – 170 cv a 3.750 rpm (diesel)
Torque – 35,7 kgfm a 1.750 rpm
Transmissão – Automática de nove velocidades e mudanças manuais na alavanca ou paddle shifts
Tração – Nas quatro rodas com reduzida e bloqueio do diferencial

Desempenho
Aceleração de 0 a 100 km/h – 9,9 segundos
Velocidade máxima – 190 km/h
Rotação a 110 km/h – 1.700 rpm
Consumo urbano – 9,5 km/litro
Consumo rodoviário – 13,4 km/litro

Suspensão/Direção
Dianteira – McPherson/Traseira – Multilink
Elétrica

Freios
Discos dianteiros e traseiros com ABS e EDB

Rodas/Pneus
Liga leve aro 18 com pneus 225/55 R18

Dimensões/Pesos/Capacidades
Comprimento – 4.242 mm
Largura – 1.798 mm (sem retrovisores)
Altura – 1.716 mm
Entre-eixos – 2.570 mm
Peso em ordem de marcha – 1.636 kg
Tanque – 60 litros
Porta-malas – 260 litros
Preço: R$ 109.900 (preço básico) /R$ 142.900 (completo)

Galeria de fotos do Jeep Renegade Longitude 2.0 Turbo 4×4:

5.0

  • zeuslinux

    Do jeito que os preços estão hoje, acho muito mais negócio comprar esse Renegade diesel por 100/110 mil do que comprar um HR-V ou mesmo o Renegade Flex por 80-90 mil.

    • Thiago C

      Principalmente comparando o hrv exl de 90 com o renegade diesel de 100. Mesmo com menos equipamentos, o renegade parece ser uma compra que você está levando realmente um veículo diferenciado.

      • zeuslinux

        O meu carro anterior era um crossover médio 4×2 (Captiva), que nunca foi um SUV de verdade (no sentido de off-road) por ser 4×2, como HR-V, Renegade flex, Duster 4×2 e Ecosport 4×2, mas penso que se voltar um dia a comprar um jipe ou SUV, comprarei um 4×4 e com motor diesel, porque cheguei à conclusão de que SUVs-fake não valem a pena, pelo menos não com o sobrepreço de hoje só porque são vendidos como SUVs.

        Os SUVs-fake (falsos) só podem andar nols lugares onde qualquer carro normal anda (asfalto e estradas de terra conservadas), custam bem mais caro (porque estão na moda), gastam mais combustível e andam menos por serem mais pesadas, com área maior frontal e geralmente com motores inadequados para o peso. Por isso voltei para os sedãs médios.

        • Brenno Fernandes

          Só um detalhe, gastam mais combustivel

          • zeuslinux

            Obrigado, já consertei o texto

            • Darwin Luis Hardt

              revisoes a cada 20 mil km do diesel? vc vai andar 120 mil km em 6 anos entao?

              o tanque é 60L? eu achei que fosse 70

              • Deadlock

                É louvável a Jeep fazer revisões a cada ano ou 20 mil km. Confiança no produto. Enquanto a marca do vc conhece vc confia, as revisões são de 6 em 6 meses (contradição com a propaganda) ou 10 mil km, coisa ridícula pois é a única marca com essa periodicidade. E ainda têm muitos defensores, não dá pra entender.

                • Baetatrip

                  Sempre fiz revisoes em 4 meses (que completava 10mkm) e fazia na CSS…. Nenhum problema!
                  Revisoes e peças trocadas tambem…!

              • Baetatrip

                O meu tem quase 118mkm em menos de 5 anos….. Esta na oficina, ajeitando para passar adiante!

                • Darwin Luis Hardt

                  que carro vc tem?

                  • Baetatrip

                    Tiguan 2.0 TSI 2010/2011… Peguei 0km

        • zeuslinux

          Só para fazer o papel de advogado do diabo, apesar dos problemas que citei, gostei de modo geral de dirigir numa posição mais alta, especialmente na cidade, do bom aproveitamento de espaço das cabines de SUVs em geral (por ter tetos mais altos e poder rebater os bancos como nos hatches). A questão do centro de gravidade mais alto pode ser compensada parcialmente por controle de estabilidade e suspensões mais rígidas, o que significa que SUVs decentes tendem a ser ainda mais caros.

          Mas não teria nenhum SUV pequeno demais (por causa do espaço e conforto para os passageiros no banco de trás) e nem com motorização fraca (na realidade precisa de motores mais fortes do que os hatches e sedãs do segmento equivalente por causa do peso maior e aerodinâmica pior).

          • Darwin Luis Hardt

            diz uma coisa, é verdade mesmo que por causa da coluna A a 110km/h se ouve o barulho do vento? tipo vidro aberto?

            porque eu andei no duster do meu cunhado e detestei esse barulho chato que tem no duster… eu ia comprar um jeep mas se tiver isso, vai saber se vale a pena ainda

            • ALVIN_1982

              Mete um som que vc não escuta vento nenhum… isso é frescura demais… “Aiiii, barulhinho de ventinho no meu ouvidinho sensívelzinho”, aaaaa peraí… ta tirando mesmo…

        • Gustavo Vasconcelos

          Boa análise

        • Darwin Luis Hardt

          apesar da versao flex do renegade ser meio lento, acho que ainda dá pra considerar ele como um SUV que nao seja fake, pela suspensao independente que é muito macia e por ser monobloco, ja ganha dos concorrentes. fora o acabamento todo emborrachado de ótima qualidade (que é o que os sedans médios do mesmo preço dele tem)

        • GPE

          Pensamento correto. Entregam menos por mais. Tem menos equipamentos, acabamento piorado, menos itens de segurança (às vezes), andam menos, consomem mais e geralmente tem manutenção mais cara.

        • Max

          Disse tudo! Se for para ser um SUV, que seja de verdade.

        • Baetatrip

          Pois e….
          Tenho o mesmo raciocinio que vc
          Como pego muita estrada e terra, sempre tive 4×4 que me de seguranca,
          Estou voltando para GV 4×4, Pois exploro muito pelo brasil, nao importa a estrada estou encarando com louvor
          Tiguan foi testado aprovado, porem muita eletronica para aporrinhar, estou desfazendo…
          esse Tucson..IX35…. GLA sao bostamente 4×2 que e usado em mulheres em rodar no shopp ou fissurada estar no “alto”
          Uso o carro mesmo…. Sem do de frescurite
          Antes de TIG eu tive 1 GV diesel 2001…. Extremo economico
          Qnd comprei a VW…. Fiz os 1% teriam coragem de fazer…. Logo que peguei… Fui para fazenda,num fds chuvoso e tinha lama no caminho e encarei mesmo….. Brincou…. Comprei o carro para ser usado e nao ficar de viadice!

    • Martini Stripes

      Não é atoa que o Diesel tem 90 dias e o Flex tem pronta entrega (e, algumas versoes)

    • Freaky Boss

      concordo, mas isso se você tiver 20mil a mais para queimar. Muitas vezes o caboclo já vai no 90mil e está no limite do limite, aí é batente.

      • zeuslinux

        Sim, mas se pensar que esses SUVinhos também tem um sobrepreço da ordem de 15, 20 mil em relação ao preço do carro compacto equivalente (que divide a mesma platafoma ou que tem porte semelhante), é mais negócio andar de carro normal (não SUV mesmo).

        Como eu disse, gosto de algumas das vantagens dos SUVs, mas é preciso gastar bem mais para ter um SUV que realmente possa exercer as suas principais vantagens de ser um SUV (supõe-se mais robustez e maior capaciade off-road) e unir desempenho bom. Uma SUV p.ex. como uma Land Rover Evoque ou uma Cherokee são SUVs que unem luxo, bom desempenho e capacidade off-road de verdade. Mas paga-se um preço alto por isso. É só ver que um Fusion 2.0 turbo tem o mesmo motor de uma Evoque e é muito mais barato.

    • Bruno

      acho o contrário, visto que o diesel esta quase o preço da gasolina e que ambos fazem quase a mesma média, o flex acaba saindo na vantagem. sem contar manutenção e ipva mais em conta.

      • Lucas

        Se o Flex andasse, mas do jeito que é manco, sem dúvidas só o diesel vale a pena.

        • Bruno

          o diesel hoje vale a pena para quem viaja o tempo todo, mas para andar na cidade, ir no supermercado, levar os filhos na escola e dar umas voltinhas, o flex compensa mais. pois para você gastar a diferença do valor a mais do diesel leva bem mais tempo.

          • Darwin Luis Hardt

            pelos meus cálculos, a comparaçao entre o longitude flex e o sport diesel, ao longo dos anos, abastecendo, pagando ipva e seguro, o diesel ainda fica 7 mil reais mais caro no final. Entao se eu fosse comprar, pegaria o flex. Gosto de viajar, mas hoje em dia todo lugar é duplicado, nao tem porque ficar pisando feito louco pra ultrapassar, se nao der pra passar, espero

            • Sergio Kraemer

              Não são para o mesmo público, o Diesel é 4×4.

            • fopf

              Motor fraco em carro(desse preço) pesado não funciona, uma hora vc precisa e não terá resposta, tipo carregado na estrada ar ligado…esse motor fiat 1.8 é bem defasado, fora o tanquinho de partida a frio…lançar um carro desse com isso é ridiculo

              • Darwin Luis Hardt

                o que quer dizer esse negócio de partida a frio? como funciona exatamente?

                • fopf

                  os carros mais novos e lançamentos não tem mais aquele tanquinho de por gasolina(carros flex) para facilitar as partidas em dias frios

                  • Darwin Luis Hardt

                    mas entao nao seria bom o jeep ter o tanquinho? se facilita em dias frios?

                    • Julian Scherer

                      Não é só pela economia de combustível, o diesel além de ter a 4×4 é bem mais forte.

      • Angelo Lucca

        IPVA do Diesel não é mais barato? Pelo menos aqui em SP creio que seja… Corrijam se eu estiver enganado… Além do que o motor diesel tem muito mais força em baixos giros, principalmente comparando com o E-Torq.

        • Bruno

          negativo Angelo, no diesel tudo fica mais caro, seguro, manutenção e até o próprio documento.

          • wagner

            IPVA de veículos a DIESEL aqui em São Paulo/SP é menos caro que os demais veículos movidos a outros combustíveis.
            A alíquota atual é de 2% para Diesel (Ônibus, Microônibus e Utilitários), 4% para Gasolina e flex, 3% para Álcool, Elétrico e GNV, 1,5% para Caminhões (Diesel e Álcool). Sim a Scania fabrica um modelo de caminhão movido a álcool no Brasil…

            • Bruno

              mas isso muda de estado para estado. onde moro o diesel paga mais caro.

      • Ernesto

        Sem contar que o seguro da versão diesel deve ser bem mais caro que a flex.

    • Deadlock

      Eu também. Só me falta a grana, o resto está ok.

  • Pedro Rocha

    “Com 4×4 acionado, assim como o modo Sand (lama), entramos num lamaçal fundo.”
    Sand = lama?

    Fora o detalhe acima (sand = areia, mud = lama), parabéns pela matéria. Só falta agora a Jeep vender essa versão, que ainda está indisponível no site.

    • BillyTheKid

      Outro detalhe é a foto do painel de instrumentos. A não ser que o motor diesel gire até 8000 RPM.

      • what_the_hell??

        Acho que está certo, o vitara a gasoilna tb tem RPM até 8.000

        • Pedro Brayner

          Motores movidos a Diesel tem faixa de rotação abaixo dos movidos a gasolina. O renegade diesel vai ate 6000rpm

  • Alvaro Guatura

    Uma pena que não tenho dinheiro, esse carrinho é a minha cara.

  • General Lee

    Parabéns pela matéria, NA, tirou todas as minhas duvidas que tinha sobre esse carro.

  • Rodrigo

    Eu tenho um Longitude 1.8 e já acho uma maravilha!
    O Diesel seria muito melhor!
    Pena ser tão mais caro e também ter seguro mais caro…

    • General Lee

      Rodrigo, e o Jeep pra andar, é mais firme com um utilitário ou mais macio com um carro de passeio?

      • Rodrigo

        Minha esposa já me disse que é um carro “de menino”.
        Ela disse que se sente em um tanque, pela posição alta e pela largura do carro.
        Mas ela adora! Tanto que já quer tomar o carro de mim!
        Ele roda macio em estrada, e nos bons pavimentos da cidade.
        Em estradas mais acidentadas, terra ou esburacadas, manda bem. Claro que não abusei ao extremo, mas se saiu muito bem!
        Mantém conforto e robustez na medida!

        • BlueGopher

          Rodrigo, qual o consumo de combustível que você está conseguindo? Já ouvi opiniões contraditórias a este respeito.

          • BlueGopher

            Ôpa, já respondido abaixo…

        • Darwin Luis Hardt

          show de bola cara, fiz um test drive e senti o mesmo, minha mulher ta querendo o jeep mais que eu ainda. E roda super macio em estrada ruim. Agora do consumo médio ali ser 12km/l fiquei impressionado, achei que ele faria 10km/l

          • Lucas

            Se for comprar compra manual, o automático, só se vc não ultrapassa os 60km/h, pq o desempenho do AT é muito ruim.

            • Darwin Luis Hardt

              sério? pq ruim depois dos 60km/l? nao é depois que engrenou que ele vai melhor? segundo as matérias por aí…

              e mesmo eu que dirijo bem tranquilo deveria nao pegar um AT?

              • Rodrigo

                Não dê atenção… O rapazinho ali é hater que tem se esforçado para reclamar porque não gostou do test drive… Repetiu em alguns posts, sempre com a mesma ladainha!
                Faça test drive no HRV, EcoSport e 2008 para comparar!
                No meu caso, acabei ficando com o Renegade e estou curtindo até!

                • Ernesto

                  Exatamente isso que deve ser feito! Test drive nos carros e optar o que achar melhor para suas necessidades! Parabéns pelo carro! Eu optaria pelo HR-V (maior porta-malas que é importante para mim) mas o Renegade também é um belo carro.

                • Lucas

                  Não tem que dar atenção pra vc que comprou o carro e quer defender a compra. Carro vai de 0 a 100 em + de 14 segundos, Toma pau de carro 1.0 tranquilamente. Mas boa compra aí, é um carro muito bom pra andar na cidade, ir no shopping, etc.

                  • Rodrigo

                    Blá… Blá… Blá….

              • Lucas

                Sim sim, eu sou um rapazinho hater msmo. Vai no blog do bestcar e veja vc mesmo a avaliação do jeep flex. 0 a 100 em + de 14 segundos, Desempenho de carro 1.0 por mais de 80mil reais. Topzão

    • Hugosw

      Olá, onde você mora e qual é a média que está conseguindo fazer com sua Renegade?
      Estou muito interessando no mesmo modelo da sua….

      • Rodrigo

        Moro em Salvador.
        Rodei 3000 km com gasolina e as médias que tirei dele ficaram entre 12,0 e 12,5 km/L.
        Estou no primeiro tanque com álcool. Ainda não sei o que vai dar!
        Estou gostando bastante do carro! Bonito, confortável, completo e seguroi!

        • gveralonso

          Por sinal, muito boas as médias com gasolina.

          • Rodrigo

            Achei também, esperava um consumo pior depois de tanto falatório aqui no NA!
            Mas você deve leevar em consideração que eu utilizo sempre o consumo instantâneo do carro para medir a pisada e sempre que possível utilizo o cruise control, além de que não faço estripulias, não ligo se me passam e não forço arrancadas nem nada.
            Mas utilizo AC ligado 100% do tempo.
            Nunca desliguei, pra falar a verdade! hehehe

            • gveralonso

              kkkk AC liga… Mas, também uso o consumo instantâneo no meu Fox 1.6 8v e não passa de 11 km/l de média, com AC desligado. Bem pior que o Renê né.

              • Ernesto

                Esse motor 1.6 8v da VW é realmente beberrão, principalmente com álcool. Minha esposa tem exatamente um Fox igual ao seu.

        • Neto ®

          12 km/l !! Tá BOM de mais esse consumo hein! Pelo menos pensando no peso do carro! Tá melhor que muito 1.0 por ai!!

        • Sem tempo para xaropes.

          Se tivesse a flex 4×4 eu até cogitava pegar uma. Tenho uma Sorento diesel AT e consigo tirar 13km/l na estrada, andando de boa. Mas não poupo nas arrancadas.

          • Rodrigo

            Rapaz! Excelente consumo!
            Eu adoro a Sorento! Queria pegar uma 7 lugares!
            Mas o cash não deu ainda!
            Quem sabe um dia! Muito bom o seu carro!

    • Lucas

      Manual ou Automático?

      • Rodrigo

        Longitude só tem automático!

        • Lucas

          Então não sei qual teu parâmetro de comparação, pq o Renegade Automático é muito fraco de desempenho. Talvez para suas necessidades e seu estilo seja bom, mas pra mim, achei lamentável.

          • Rodrigo

            Independente do meu parâmetro, creio que minha opinião sobre este carro valha muito mais do que a sua.
            Eu o utilizo todos os dias, há 40 dias. Já rodei quase 4000km com ele, pegando estrada para viajar com a família, utilizando no perímetro urbano e na estrada para trabalhar.
            Você fez apenas um test drive e pegou raiva do carro!
            Já comentou em alguns posts a mesma história e disseminando sua decepção com o veículo, visando apenas macular a imagem dele!
            Não quero convencer ninguém a comprá-lo, mas também não dá pra ignorar os ataques desnecessários!
            Quer discutir, discuta! Mas com embasamento e informação concreta!
            Criticar por criticar parece inveja!

            • Lucas

              Verdade, morro de inveja do renegade, quando passo com meu fusion titanium zero km do lado de um eu até choro.

              Como eu falei, para as suas necessidades o carro pode servir, não recomendo a ninguém que compre sem fazer o test-drive pq a relação cambio x motor é xoxa demais, se para o cara isso não for fazer diferença, afinal, tem muita gente que só anda em carro com motor peba, quando pega outro carro com motor peba, acha que tá bom. Eu não estou acostumado, então estranhei muito.

              • Guilherme Teixeira

                fake fake fake !

                • Lucas

                  Vc me conhece? Se eu provar agora que tenho um Fusion titanium placa NES 3899 vc vai me dar oq? Vai pagar o meu seguro do próximo ano? Ta vencendo daqui uns 4 meses.

                  • Guilherme Teixeira

                    fakes forjam até o nome quanto mais placas.
                    Você é um fake, pode ter o que carro que for, mas o assunto é fake, sem credibilidade, já foi desmoralizado por outros usuários.

                    E daí se você tem um fussion ? Isso não faz de você alguém real, continua sendo um fake e ainda por cima um perfeito ignorante babaca que acha que pelo fato de ter um carro é alguém superior e mais importante que os outros. Acha que um carro que é usado por entregador de pizza na América te da o status de ser fodão? Preço do Fusion é o que eu gasto com minha família em férias. Acorda meu jovem, não faça papel de palhaço, seu carro aqui na florida custa U$23.000 com impostos e ninguém quer. Quer tirar onda de servidor público no Brasil ? kkkkkkk

                    Se fosse um gerente que realmente trabalha e saiba administrar e comandar empresas em 4 cantos do mundo hablando no mínimo 3 idiomas fluentes teria muito mais respeito do que um mero servidor público de Brasil. Também já fui servidor público e é uma bosta, quem produz não produz por falta de recursos e nenhum setor público deste pais chamado Brasil que graças a deus estou estou deixando aos poucos. Setor publico que não funcionam como deveriam funcionar e demora anos e anos para resolver simples tarefas que qualquer empresa privada faz em minutos.

                    Meu jovem, um dia você vira homem ok ?
                    Atenciosamente.

                    • Banido por chamar o outro leitor de ignorante e babaca.

                    • Lucas

                      Engraçado como todo mundo pra falar mal de alguém aqui no Brasil já chega falando que mora nos Estados Unidos e que tem uma vida de bacana por lá. Pouca me importa se Fusion é carro de entregador de pizza nos Estados Unidos. Não moro lá, moro no Brasil, e aqui é um carro pra quem tem um poder aquisitivo um pouco melhor, o que é fruto do meu trabalho e estudo. Então é uma coisa simples, se vc mora nos Estados Unidos e tem um fusion, sendo entregar de pizza, você é um derrotado, se vc mora no Brasil e tem um Fusion, tem um bom emprego, formado, pós-graduado e cheio de cursos, você venceu na vida.
                      Bem, infelizmente sei que vc não vai responder isso pq vi que vc foi banido por ser ofensivo comigo, não me acho melhor que ninguém por ter um Fusion, só o falei pq o cara me chamou de invejoso por causa do Jeep Renegade dele, só pq falei uma verdade sobre o desempenho do carro. Ouça que não chamei ele de burro por comprar o carro nem nada, só disse que o carro tem um desempenho fraco, desempenho não é a necessidade de cada um, a dele não era então comprou o carro. Fui respeitoso, me atendo somente a discussões sobre carro, mas na internet toda discussão acaba em “vc é invejoso e bla bla bla” ou “você é petista e bla bla bla” ou “eu moro nos Estados Unidos e vivo uma vida muito melhor que a sua bla bla bla”….
                      No mais, passar bem, espero que não chegue o dia que vou virar “homem” como você acha que é.

            • PEDAORM

              Rodrigo, o 1.8 AT (só andei no carona) de fato me pareceu ter aceleração fraca, o manual tem números um pouco melhores pelo que eu tenho lido, mas ai vai da necessidade e escolha de cada um, pagar mais por mais conforto, ou pagar menos por desempenho um pouco melhor, porém em detrimento do conforto…

  • Freaky Boss

    Vou falar o óbvio mas às vezes o óbvio tem que ser dito: Esse carro versão DIESEL é ótimo, nunca duvidei disso. Problema é o preço!!
    Vai explorar o nicho de compradores de troller (que também é caro): pessoas que geralmente (e realmente) fazem umas trilhas para diversão. Para ser o carro de uso cotidiano ou mesmo de viagem, tem que ser solteiro ou casal sem filhos, por conta de espaço para bagagem. E solteiro com $. Isso restringe bastante o uso do carro “como veículo único da casa” e limita compra.
    Essa versão vai vender pouco, portanto. Carro de nicho.

    • Andre Studart

      Olha, eu achava também, mas do jeito que nosso mercado ta, o renegade diesel por 100mil ta um negócio legal, bem completo e é diesel, não tem concorrente.. o que chega mais perto em termos de equipamento é o asx awd, mas não é diesel

      • Freaky Boss

        OK, mas o ASX tem espaço e porta malas que permite viagem de uma família com 2 filhos, por exemplo, e o renegade não.

        • Andre Studart

          O espaço interno do renegade não é ruim não, tenho 1,87 e me coube relativamente bem, mas concordo que ai depende do uso também de cada um, mas eu veria ele com muito cuidaso

          • Darwin Luis Hardt

            ele se refere a bagagem pra toda a familía, aí fica difícil mesmo, a nao ser que use aquelas caixas que vao no hack

            • Freaky Boss

              é isso mesmo Darwin (nome de craque, só que da ciência)

            • Rodrigo

              É… Tem que ter uma bagagem bem enxuta!
              Ou pedir pra mulher não levar a casa junto! Pelo menos é o que rolar em casa! Hehehe

              • Ernesto

                KKKKK!!! Sua mulher é uma exceção, então! Toda mulher quer “fazer mudança” quando vai viajar!

                • Rodrigo

                  hahahaha!
                  Ela não é exceção não! Ela quer levar a casa! Eu é que tento deixar a bagagem mais enxuta! :p

          • Lucas

            Cara, vc poderia ter 2,10m e ia caber relativamente bem, A questão é, vc com 1,87, sua esposa e dois filhos adolescentes cabem?

            • filipe santos

              Vou responder pelo amigo, não!

              O tamanho lembra um pouco do Punto… Quem vai na frente vai sorrindo, quem vai atras vai de ladinho rs

              É um otimo carro, para um solteiro ou casado a pouco tempo como eu… quando viaja sao poucas malas, entao nao e complicado!
              Tanto que atualmente eu estou de Punto… e nao reclamo ( tanto ) do porta malas ridiculo que o carro tem.

              Mas o Renegade para mim, pode ser meu proximo carro! Gostei do carro e acabamento e tem tudo e por um preço ” acessivel “

              • Rodrigo

                Não vi problemas no banco traseiro do meu.
                Viajei com minha esposa, meus sogros e meu filho.
                Ninguém passou aperto. Ficou justo, porém confortável!

                • filipe santos

                  Fiz um teste com um, me lembrou muito ou ate DEMAIS o tamanho do Punto…. Tenho 1,95, e as pessoas que vao atras vao ” bem ” apertadas !

                  Sorte do vao no banco para caber parte das pernas!

                  • Rodrigo

                    É preciso mesmo avaliar a necessidade de cada um para escolher o carro!
                    Você poderia checar o HRv, pois tem um entre-eixos um pouco maior!
                    Quem sabe este atenda a este ponto que se apresentou deficiente para você no Renegade!

                    • filipe santos

                      Eu ate compreendo vc, e hoje repenso em muitas coisas… Acho o Renegade um dos mais bacanas que se pode comprar, mas a familia e algo que se deve levar muito em conta!

                      HRV – Ja tive um Honda Fit, e sei bem o que e espaço! Mas passei para o punto por apenas um motivo… altura! ( Claro que neste momento de instabilidade financeira nao vou poder me arriscar comprando e ficar trocando carro ) Sai com coração partido e fui para o punto. Mas ainda estou bastante pensativo em quando ” for trocar o carro ” que ver no que vou ter de opções, desde os usados até os novos! Uma pedida bem bacana é o ASX… Mesmo tendo um consumo um pouco mais alto que o Renegade, ele vai me agradar pelo espaço e porta malas ( que ateh entao, a caixa de fosforo do punto resolve ) enquanto ainda nao tenho filhos!

                      Renegade, para mim um dos melhores… Duster e parrudo, mas estou em analise, Logo vai vir a Oroch, mas a ausencia do porta malas para ter um carroceria nao seria e ou melhor nao valeria tanto apena assim.

                      Ainda estou apenas observando a movimentação no mercado… Até a Lifan X60, vejo com bons olhos, e alem dela a conterranea Tiggo!

                      Mas claro, mecanicamente, fico bastante balançado! Mas por isto, apenas estou aguardando a hora de entrar para pegar um carrinho e com isso desfrutar passeios com a familia em fazendas que e onde vou mais. QUe por este motivo, sai de um Fit AT para um Punto…

                      Mas cada caso é um caso, e concerteza, logo vamos ver mais opções no mercado!

                    • Darwin Luis Hardt

                      pq ta falando em melhor opçao o ASX e desconsiderando o HR-V que é mais barato e que até acho que tem mair porta-malas que o ASX?

                      e vira o olho pra chinês, a chery pelo menos tá bem mal das pernas, fecharam concessionárias em porto alegre, em joinville/SC deixaram o pessoal na mão também, melhor nao arriscar mesmo

                  • Lucas

                    Com certeza o cara não tem 1,90 e a mulher 1,80 e o sogrão 1,80.

              • Lucas

                O renegade é um ótimo carro, eu gostei mesmo, se você for comprar o manual até recomendo. Mas o automático sugiro que faça um test-drive, pq a relação cambio x motor ficou muito fraca, se vc anda num Punto manual 1.8 Etorq e for pegar o Renegade AT vai sentir muito a diferença.

            • Rodrigo

              Cabem

              • Lucas

                Cabem, conjugação do verbo caber.

                • Rodrigo

                  ConjuLgação é dose…

                  • Lucas

                    Agora sim errei, mas a conjugação do verbo não errei.

                  • Lucas

                    Mas eae, vamos conversar sobre o seu jeep renegade automático que faz de 0 a 100 em 15 segundos, que até com meu Fiesta Rocam dou um pau nele. O carro sem dúvidas é seguro, bonito, com muitos itens, agora não seja leviano pq o carro tem um desempenho fraco, não tente justificar sua compra achando que o carro é mais do que é pq não rola, o carro é fraco. Fraquinho. Fraco. Mas tudo certo, vc precisava de um altinho e não tinha grana pro diesel, eu tbm não tinha grana pro diesel agora por isso comprei outro altinho pra mim. Quem sabe no futuro eu compre o diesel.

                    • Rodrigo

                      Nunca tive dinheiro pra comprar o Diesel, por isso comprei o Flex!
                      E é bom sim, achei na medida! Se não gostou, não tem problema.
                      Mas agora fiquei confuso… tem post onde você afirma não ter dinheiro pra esse carro, em outro disse que tem um Fusion, agora diz que tem um Fiesta Rocam… e emendou dizendo que comprou outro altinho…
                      Crediilidade zero!

                    • Lucas

                      Tenho um Fiesta Rocam 09/09 que minha esposa usa no batente, como tá dando muito trabalho, compramos um hb20x pra ela usar no batente. Temos ainda um Fusion titanium 14/14. Chora vai…

                    • Rodrigo

                      Esqueceu do “altinho” que disse ter comprado! Uma frota e tanto!

                    • what_the_hell??

                      Seria o HB20x

                    • Leandro

                      Mentira tem perna curta.. o cara tem uma frota de quatro carros em casa, tá certo!!

                    • Guilherme Teixeira

                      fake fake fake ! vai mentir lá em cuba !

                    • Lucas

                      Cara, vai vender chapéu vai, filhão. Pior do que gente invejosa, é gente que não aceita o que os outros tem.

                    • Guilherme Teixeira

                      fake fake fake !

                    • Darwin Luis Hardt

                      tenho um fit CVT 1.5, praticamente é 1.6 com o câmbio mais ágil do mercado. Fiz um test drive no renegade 1.8, senti o peso do motor fraco, eu acho que é assim que as pessoas se sentem num celta 1.0 haha, mas mesmo assim compraria. Por causa da incrível maciez da suspensao, acabamento interno e do capozão quadradão

                    • Guilherme Teixeira

                      0-100 em 15s ?
                      https://www.youtube.com/watch?v=KHuhEzu4p8s

                      nem na gasolina com ar ligado chegou perto disso.

  • Brasileiro

    Realmente é muito mais negocio pagar 100 mil no Renegade a Diesel 4×4 turbo do que em um Fit Altinho com medo de buracos por 90 ml

    • ObservadorCWB

      Cuidado…os fãs vão dizer que não…que JEEP = FIAT, que Honda nunca quebra e é dinheiro na mão…rsrsrs

      • General Lee

        Bem observado, Observador…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • what_the_hell??

        Acho bacana esse carro, mas o espaço do porta-malas é absurdamente pequeno! Se fosse comprar, tentaria a versão diesel, que se mostra outro carro! Mas o fator porta-malas me impediria de cogitá-lo

        • Guilherme Teixeira

          absurdamente pequeno é fiat 500.
          Cabe coisa d+ no renegade que você nunca vai usar nem a metade. Essa de porta malas não cola.

          • Darwin Luis Hardt

            porta-malas tem 130L a menos que o honda fit primeira geraçao, mas é só economizar na bagagem tambem, nao é nada impossível fazer isso

        • Darwin Luis Hardt

          compra na jeep aquele caixote que vai em cima do carro, pra bagagens e pronto haha

      • filipe santos

        Jeep veio para mudar, e nao para ser o mesmo! Acho que os preços da Jeep vao continuar ao menos o mercado ainda esta aquecido com a novidade… Diferente da EcoSport… HRV sao para aqueles que vivem na cidade, shopping, escola e viagens … quem tem o minimo de conhecimento e gosta de uma viagem diferenciada… vai de Jeep… pelo nome e conteudo!

        Duster sempre vai ser agora um Coadjuvante…. Ainda mais agora com a Oroch

  • birchip

    Jeep Renegade bem superior ao Ford EcoSport e Renault Duster por fora e por dentro.

    • Wally

      No shit sherlock.

      Tudo começa pela ideologia.. O Renegade foi pensando para europa ocidental e EUA.

      EcoSport e Duster foram pensados 3º mundo e leste europeu respectivamente.

      Acabamento, construção, projeto, tudo foi, obviamente, superior.

  • Martini Stripes

    Quero

  • zekinha71

    E agora com 5 estrelinhas.

  • Max

    A partir de amanhã o Renegade será o líder de vendas no segmento no mês de julho. Fechará a primeira quinzena no top!

    • gveralonso

      Já viu os números hoje? Ontem estava a apenas 105 unidades do HR-V (antes estava a mais de 300), amanhã ele deve passar e fechar na ponta.

      • Max

        Os números fenabrave de hoje indicam o Renegade com apenas 19 unidades atrás do HR-V. Dessa forma, se seguir o padrão de emplacamentos dos últimos dias, amanhã ele assumirá a liderança do mês.

  • XXRS

    ¯ _ (ツ) _ / ¯

    • Rodrigo R

      5×5 , ÚNICO DO BRASIL !

  • Maycon Farias

    Enfrenta tudo mesmo… até o líder de vendas. Vi hoje que falta pouco menos de 20 unidades para assumir o posto do Hr-v, o Duster também está muito bem colocado logo atrás. Gostei muito desse jeep. Aqui na cidade tem muitos já.

    • zekinha71

      Agora faltam 19.

      • Felipe Meyer

        Aonde vocês conseguem ver isso?

        • zekinha71
        • what_the_hell??

          Interessante que no mesmo período o 2008 vendeu apenas 300 carros!
          Tá difícil a vida pra peugeot! Pagando pelos erros cometidos (pós-venda péssimo + carro lançado em 2015 com câmbio aut de 4 marchas e THP sem versão automática).
          Pega o percentual de Hr-v manuais vendidos (quase nada, segundo a Honda) pra ver como é importante o câmbio automático nessa categoria!

      • what_the_hell??

        Mas vi que na verdade não foi o Jeep que vendeu mais que antes; foi o Hr-v que vendeu bem menos que nos meses anteriores (vinha vendendo na faixa de 5mil por mês e nessa quinzena de julho vendeu apenas 1.600, ou seja, venderia 3200 no mês).
        Talvez tenha havido algum problema na distribuição do Hr-v, pois procura não falta pelas filas de espera nas lojas (dependendo da cor/modelo não se consegue mais Hr-v pra esse ano!!!).
        As vendas do renegade estão no mesmo nível de junho, na faixa de 3.000 mensais, o que é algo bom se considerarmos que está brigando de igual pra igual com eco e duster.

        • Ernesto

          Isso é estranho mesmo, afinal, se havia fila de espera, onde estão essas vendas? Provavelmente é o que você comentou, que teve algum problema na distribuição dos carros.

          • Guilherme Teixeira

            muita gente pode ter cancelado a compra por causa de fila e mudado de opção já que a dona Honda vem cobrando muito pelo seu brinquedinho aventureiro. Filas de espera não quer dizer que esteja vendendo bem, todo carro tem.

            • Ernesto

              Todo carro tem fila de espera? Me fale então quais carros mesmo têm fila de espera nessa crise. Você acha que Gol tem fila? Ecosport tem fila? Bravo tem fila? 2008 tem fila?

    • gveralonso

      Menos de 20 unidades? Que isso, ontem faltavam 105, que dizer que vendeu 85 unidades a mais que o HR-V? Moro no interior, só o vi uma vez quando fui ao RJ, andei no 1.8 e gostei muito do carro, anda como um Cruze. Moro num lugar que a concessionária mais próxima é a mais de 300 km, então vai demorar ter por aqui…

      • ricardo

        so no piaui uns dos estados mais pobre venderam 120 no mes passado ..
        o povo n gosto no começo depois q vc anda nele se apx
        é bom e o preço mais ou menos mas da pra levar pra ksa

    • Lord Saboteaur

      no meu condominio tem 2 renegade (branco e vermelho), ainda nao vi nenhum na cor preta (minha preferencia)

      • Rodrigo

        Eu já vi um preto! É bonito!

  • Ricardo Menezes

    Tivesse esse Jeep um porta-malas de pelo menos 360L e um preço um pouco mais amigável (tipo o Longitude 4×4 por 99 mil, com certeza o compraria pra mantê-lo em minha garagem por uns 15 anos! Quem sabe a Jeep não dá uma espichada na carroceria em uma reestilização futura.

    • Freaky Boss

      pensei o mesmo Ricardo

      • what_the_hell??

        É uma pena!!! Eu topava até uma versão com pneu fora de fosse pra ele ter um porta-malas de verdade (e não um porta-trecos)

  • Andres Francisco

    Já está a venda as versões Sport e Longitude a Diesel? Pois até dia desses, no site da marca, constava a msg ‘versão ainda não disponível’ pra elas duas. A única versão Diesel a venda é a top Trailhawk. E outra: Já que ele vai ganhar uma nova versão Flex de entrada, poderia ganhar a mesma versão a Diesel, custando uns R$89.000 mais ou menos. Muita gente ficou interessada na versão a Diesel, mas ficou frustrada com o preço.

    • Angelo Lucca

      Longe de criticar seu comentário, de forma alguma!
      Mas como pessoas ficam frustradas no preço desse carro à Diesel e “aceitam” um HRV custando 90 mil? Eu (se gostasse de seguimento de carro) não pensaria 2X em comprar um desse! Apertava um pouquinho e 10mil a mais nesse patamar de valor não é muita coisa não… Sei lá, isso é minha opinião…

      • Andres Francisco

        Era isso que eu queria entender tb.

      • Sem tempo para xaropes.

        Tem gente que compra marca….Tem um colega de trabalho que ficou fascinado com o HR-V…que isto…que aquilo…Daí tu começa a mostra que tem coisa melhor pelo mesmo preço e ficam sem resposta.

      • Ernesto

        Como alguns aqui já comentaram, inclusive eu, porta-malas é importante. No meu caso, viajo bastante e sempre levo bastante bagagem por causa de minha mulher (qual mulher não leva bagagem em excesso, não?), por isso optaria pelo HR-V. Não que o Renegade seja uma má escolha (gostei bastante dele!), mas por este detalhe, do pequeno porta-malas, ele não é a minha primeira opção. Ps: nunca tive Honda, então não me chame de fã-boy ou coisa parecida. E não compraria a versão EXL, compraria a intermediária EX.

        • Angelo Lucca

          Pois é, existem casos e casos… no seu, seria necessário um porta-malas maior, mas a grande maioria passa dias sem abrir a tampa traseira, se as pessoas analisassem as compras que fazem num modo geral com 70% razão x 30% emoção, garanto que todos ficariam mais felizes com suas aquisições, isso em qualquer seguimento…

          • what_the_hell??

            Eu realmente passo dias sem abrir a tampa do porta-malas. Mas uma vez por mês (mais ou menos) preciso abrir a tampa traseira, e aí fica bem difícil com esse porta-trecos! Não digo que ele teria de ser enorme, mas acho que deveria ter um mínimo aceitável (350/360l, por exemplo…).
            Mas para um cara solteiro, ou casado que não quer ter filhos, acho ele uma ótima opção, sobretudo na Diesel!

            • Guilherme Teixeira

              No geral brasileiro usa porta malas de verdade 1 ou 2 vezes por ano, é muito pouco para colocar porta malas como diferencial na compra de um carro. Eu por exemplo fui nos EUA mês passado, fiquei 20 dias, fui com 2 malas de 35kg e voltei com 4 malas de 35kg fora as de mão. Fui com meu fiat punto velho para deixar no aeroporto que tem porta malas de 250 litros e não tive nenhum problema com malas, basta tirar o tampão do porta malas e tudo resolvido, coloca um mala em cima da outra e vaza fora com 4 pessoas. Quanto mais porta malas melhor, mas acima de 300 litros você nunca vai usar só se for levar a casa inteira, neste caso você não vai viajar e sim fazer mudança que neste caso chama logo um caminhão que resolve. No mais estes porta malas são fundos e tem muita altura para colocar as coisas, da para colocar coisa d+ basta ter um pouco de inteligência e saber aproveitar os espaços, mas tem gente que não pensa muito e coloca de qualquer jeito e acha que não cabe nada então paciencia. Porta malas do tamanho do renegade pra mim é mais do que suficiente.

              Jamais abriria mão de um carro que tem um projeto muito melhor, uma construção muito melhor, uma plataforma com estrutura melhor, suspensão melhor, segurança melhor para pegar um carro que tem porta malas 30 a 50 litros a mais que é um projeto feito em cima de um carro popular com suspensão mais elevada. Se um dia acontecer alguma coisa e você sofrer um tipo de acidente toda estrutura do carro e segurança passam valer 10000000000000000x mais do que um carro menos seguro. Nem opção de 6 airbags tem o hr-v no brasil, isso é uma vergonha para quem preza segurança ainda mais com um transito louco cheio de ignorantes e idiotas.

    • Darwin Rigamonti

      Já está disponível, comprei o meu Diesel Longitude a pronta entrega em Valparaiso do goiás, pois em brasília estava demorando muito. A vendedora me disse que estão esta semana tem mais 2 diesel pronta entrega. 06181311348 (fala que fui eu quem passou o telefone dela.) Boa sorte.

    • Darwin Rigamonti

      Acabei de olhar, ela tem um Vermelho sport 99mil, um branco e um trailhawk preto.

  • Arthur Lima

    As fotos da traseira me lembram o Nissan Cube.
    É sério que isso aí pode custar 143 MIL REAIS???

    • gveralonso

      O Trailhawk pode custar mais de R$ 150 mil

      • Rodrigo R

        E o up pode custar 50 mil !

        E ai, qual é o desonesto ?

        • Baralho

          Matou a cobra e mostrou o pau!!!!!!
          Kkkkkkkkkkk

        • gveralonso

          O Uno, que pode custar mais de 50 mil.

    • Lucas

      Sim, com sistema que estaciona sozinho, teto solar panorâmico, faróis de xenon, 7 airbags e os caracuteco tudo. Nao precisa colocar todos esses opcionais, a maioria nem importa tanto, acho que a única coisa que vale a pena é 7 airbags e bancos de couro, se for usar no mato, é mais fácil de limpar um banco de couro sujo de barro ^^

      • Rodrigo R

        Com 2 air bags já levou 5 estrelas, com 7 air bags vai levar a Via Láctea toda !

  • Guilherme Teixeira

    Está ai um carro seguro de uma marca muito bem conceituada nos EUA (estive de férias lá quase 1 mês e os proprietários falam maravilhas da marca).

    Mas no Brasil começou uma série de críticas de blogs e hondeiros lovers criticando o motor “fiat” e desempenho. Pois bem, Jeep é um Fiat, e Fiat é da Jeep.

    Teve blog dizendo que o modelo flex tem desempenho de carro 1.0. Será mesmo ?
    https://www.youtube.com/watch?v=KHuhEzu4p8s

    Isso porque acelerou com gasolina e ar condicionado ligado.
    Conclusão: Desempenho está na média, é até bom pelo peso do carro. Longe do que dizem por ai.

    • th!nk.t4nk

      Cara, isso é a aceleração do Vectra antigo, e NINGUÉM tinha coragem de dizer que o carro era fraco. Colocando tudo na balança, até mesmo o consumo está bem aceitável. Podia ter um motor melhor? Com certeza. Mas daí a comparar com 1.0 é estupidez (e pra quem não se lembra, diziam o mesmo do Golf 1.6 no lançamento).

      • Fabricio Conchon

        eu tive um vectra, e achava bem suficiente a tocada… claro que não é um esportivo… mas essa nunca foi sua pretenção.. e nem é a do jeep…
        quem fez essas comparações malucas deve ter sido a galerinha do Up… famosos por suas medições mirabolantes e comparações maravilhosas….

      • what_the_hell??

        Interessante o vídeo!
        Mas o que ele não enfatiza é que esse é o manual (dá pra ver o motorista passando as marchas)
        Se for levar pro automático, certamente levará entre 13 e 14 segundos, o que é desempenho ruim frente a concorrência sim!
        E mesmo nesse manual, dá pra ver que quando ele passa a terceira marcha (36s do vídeo) o carro dá trabalho pra subir das 4mil rpm e chegar nos 100km/h!
        Ou seja, na MINHA opinião, o Renegade flex automático, com 4 pessoas e malas deve sofrer bastante pra andar numa tocada razoável!
        Em outras palavras, se eu não precisasse de porta-malas eu compraria um, sem dúvidas, mas a Diesel! Na versão flex EU não iria!
        Acho que a FIAT/Jeep fez o mesmo sistema 8 ou 80 que adotaram na dupla Freemont/Journey: o motor da Freemont é fraco demais enquanto o da Journey até sobra (é quase o dobro da cavalaria e um absurdo de torque a mais).
        No renegade tb, fizeram um motor muito bom (o Diesel, casado com o ótimo câmbio de 9 marchas) e outro que deixou o carro “manco” (flex, que na minha opinião não dá conta dos mais de 1.600kg).
        Acho que eles não conhecem a expressão “meio-termo”!!

        • Guilherme Teixeira

          Esse é o automático, veja o painel mostrando o número das marchas, ele conduziu o carro trocando manualmente pois no modo automático passa marcha marcha em 5500rpm e no modo manual você pode levar até 6500rpm. Veja o painel mostrando o número das marchas vai até a 6 no final, o manual são 5 velocidades. Ou seja, está de muito bom tamanho.

      • Guilherme Teixeira

        pois é, no dia a dia, viagens e etc, você nunca utiliza isso, o carro não é mais rápido não pelo motor e sim pela estrutura, mas é mais do que suficiente para o transito do dia a dia e péssimas rodovias que o pais oferece.

    • Marcelo Ceno Dutra

      A aceleração dele é bem semelhante ao sportage, CR-V, eu mesmo era um critico fervoroso mas andei no carro e mudei de opinião. Parte do meu preconceito começou quando descobrir que o motor era o mesmo do punto e bravo.

      • Lucas

        Andou no Manual né? Pq o automático é lamentável.

        • Marcelo Ceno Dutra

          automático, compraria um ? não só se fosse diesel. Se for pra ter um carro alto e só, prefiro um golf ou focus.

          • Lucas

            Eu achei muito fraco o desempenho, o consumo é exagerado. Se eu fosse bem mais velho e só rodasse na cidade até seria uma compra positiva, mas com 25 anos e pegando estrada, não que eu ande a 200 por hora na estrada, mas me sinto engessado num carro com motor fraco.

            • Marcelo Ceno Dutra

              Concordo contigo. Meu pai não liga pra isso, no meu caso sim. Carro NO MEU CASO tem que ter um pouco de folga no motor.

            • what_the_hell??

              Exato! A questão de ter um motor razoável não é pra andar a 200km/h, mas sim para poder fazer uma ultrapassagem com mais segurança!

        • Guilherme Teixeira

          Automático é o do vídeo.
          está de bom tamanho.

          • Lucas

            Pra quem é acostumado com 1.0 é ^^

    • Lucas

      Não cara, o desempenho é horrível. Nos Estados Unidos ele usa o motor 1.4 turbo, eu já testei o carro e é horrível mesmo. Desempenho de Sportage é melhor sim, principalmente em retomadas. Estou falando do Automático e não do Manual.

      • Guilherme Teixeira

        o vídeo é um automático.

      • Guilherme B.

        tu só entra aqui para reclamar?

        • Lucas

          Não. Entro tbm pra falar bem de carros quando merecem. O Jeep Renegade Flex é um ótimo carro, mas o desempenho é sofrível. O Diesel é um carro MUITO bom. O problema está no motor Flex com o Câmbio Automático, o mesmo motor com câmbio manual ainda consegue ser bem superior em termos de desempenho.

      • Guilherme B.

        A proposta do carro é essa! afinal tu quer correr compra um Q3 2.0 turbo,
        quanto faz o HRV no 0-100, e o duster? e o ecosport? e 2008 4 marchas? vai ganhar 1 segundo? blah blah

        • Lucas

          A proposta do carro é ser lerdo? me poupa né? Dá pra ver que tu manja muito de carro.
          1 segundo? A diferença entre o Renegade AT pra outros carros com motoração similar passa de 5 segundos, principalmente nas retomadas. Isso também significa segurança filho, vc conseguir ultrapassar um caminhão na estrada sem precisar passar por mals bocados.

    • Rodrigo

      Geralmente, quem não tem o carro, gosta de falar mal.

    • Rafael

      Pelo vídeo foi satisfatório mesmo.

      • what_the_hell??

        Não achei satisfatório 12.5 no manual! No automático isso deve passar de 13.5s!

        • Guilherme Teixeira

          Tem gente comentando que esse vídeo é o manual. Não é o manual, é o automático, reparem no painel que ele utiliza da 1 marcha até a 6 marcha. O equipado com cambio manual são 5 marchas.

          Detalhe, usando gasolina e ar condicionado ligado, ou seja, da para melhorar isso aí. O desempenho não é ruim como muita gente fala, é satisfatório para o carro.

  • beto

    Quando tantas qualidades vai ser líder em pouco tempo.

  • Guilherme Teixeira

    Bom saber que o renegade tem quase 10% desconto para produtor rural e cnpj. Já um Honda não. Essa é uma das vantagens da FIAT, todos carros no Brasil tem descontos muito interessantes para produtor rural e cnpj. Um carro de 80.000 vira R$72500

    • Fabricio Conchon

      boa tarde Guilherme. Essa informação eu não sabia. E os 10% são lineares? diesel e gasolina? (porque em algumas montadoras varia muito.. inclusive varia mês a mês)

      • Guilherme Teixeira

        que eu saiba somente o flex.
        na versão a diesel não me passaram. Talvez por ter motor importado o desconto acaba.

        • Fabricio Conchon

          Valeu. Vou me informar… no momento prefiro o gasolina mesmo. Uso bem urbano.

  • Carlos Negri

    Pena que o 1.8 de 130cv da Fiat é fraco para empurrar todo o peso desde carro. O Diesel apesar de ser um canhão, é bem mais caro, e fora da realidade para muita gente. Se a Fiat colocasse um motor melhor na versão de entrada na casa dos 150cv seria um grande candidato a minha garagem.

    • Lucas

      Sim, daqui um pouco vem uns criticarem, sem nunca ter feito nem o teste. Eu mesmo defendia muito, até fazer o test drive e ver que o Flex é horrível, fraco demais, é carro só pra ir no shopping mesmo. Pegar uma estrada nele é ficar na pista da direita e dar passagem até pros Fiat 147.

      • Rodrigo

        Diga logo que não tinha como comprar um!

        • Lucas

          Meu amigo, minha renda bruta com a de minha esposa é quase 30mil por mês, se eu vender um terreno que eu tenho compro a vista esse carro. Então não fique falando merda não.

          • Rodrigo

            Claro, claro…

            • Lucas

              Se quiser mando cópia do meu contracheque aí pra ti. Estava falando do desempenho do carro. Dai vc vem com idiotisse falando “não tem grana pra comprar” e apontando qualquer erro de português. Isso é coisa de manezão, que não aguenta ver ninguém falar mal do seu carro. Eu não vejo problema, pode aí falar mal horrores do fusion, eu comprei pq quis mesmo, não vai mudar minha opinião. Agora se vc fica abalado quando vê alguém falando que o motor e câmbio do seu carro são fracos e aí tem que mudar o foco da questão para “é inveja” “não tem grana” “escreveu tal palavra errada”, então daí já tiro o nível que tu és.

              • Rodrigo

                Não precisa mandar não… só pelo “idiotisse” já confirmou!
                Curta seu Fusion! Pegou um 2006? É um carrão!

                • Lucas

                  2014/2014 titanium awd. Não compro carro usado não.

                  • Rodrigo

                    Aham…

                    • Lucas

                      Sim, tenho eu e minha esposa um Fiesta Rocam que ela usa no trabalho dela como oficial de justiça, agora ela comprou um HB20X para cumprir diligência, depois vendemos o Rocam. E eu vou pro trabalho no Fusion. Quer mesmo que eu mande minha declaração de imposto de renda do ano passado? Só de retido na fonte foram 40mil, daí tu já tira.

                    • Rodrigo

                      Com 25 anos… só se é dependente da “esposa”!
                      Ou é do papai mesmo!
                      Ou é tudo mentira!
                      rsrsrsrs

                    • Lucas

                      Tenho 25 anos e minha esposa 27, sou servidor público idai cara? Se vc demorou mais na vida para conseguir comprar um carro de 80mil reais não é problema meu. pesquisa aí no sinesp NES3899 e para de encher o saco. Vc é o típico brasileiro cabeça de merda, acha que ninguém pode ter algo melhor que vc ou ser mais que você se não é dinheiro roubado ou é do papai. Tenho colegas que com 25 anos já passaram pra concursos mais concorridos e melhor remunerados que o meu. Aqui onde trabalho tem Juiz de 26 anos que ganha seus 30 mil por mês, e ai, se ele comprar um Camaro pra ele, com o dinheiro do esforço dele, vem um cabeça chata como vc falar que o cara ou é corrupto ou ganhou do papai? Se toca, vai trabalhar, se quer ganhar mais, vai trabalhar mais ou se especializa, estuda. Não fique aí passando a vida toda chorando e reclamando que os outros tem as coisas e vc não.

                    • Rodrigo

                      Passou em concurso escrevendo “idiotisse” e “conjulgar”?
                      Poxa! estou perdendo tempo!

                    • Lucas

                      idiotisse tem o mesmo significado de idiotice. Ambas estão corretas na linguagem informal. E sim, passei em concurso público escrevendo assim, viu como não é difícil? Só estudar um pouquinho ^^

                    • Lucas

                      E só para constar, passei no concurso com 20 anos, fui chamado com 22, já estou a 3 anos e meio trabalhando ^^ vlws, flws, curta ai seu único carro para vc, sua mulher e filhos, vou curtir meus 3 carros com minha esposa e sem filhos. Vlws, flws, quem sabe a gente não se veja em porto de galinhas, se vc tiver dinheiro pra passar férias por lá. abs

                    • Darwin Luis Hardt

                      esse argumento venceu o lucas em quaquer round hahaha

                    • Lucas

                      Tu começou falando que era inveja minha do seu “Super Renegade” agora eu que falo, é inveja sua. Se não quiser acreditar não acredite. Se pesquisar no meu face, a foto da capa já vai me ver dirigindo um porshe cayman, aí acho que tu tens um infarto né?

                    • Rodrigo

                      Sim! infartei e morri!
                      See ya

                    • what_the_hell??

                      Complicado quem compra o carro e não admite que ninguém fale de algum eventual defeito do mesmo! Fica parecendo torcida de time de futebol!
                      Já tive vários carros, de várias marcas, e sempre reconheci qualidades e defeitos dos mesmos, nunca me importei se alguém falasse algo dele, muitas vezes concordava!
                      Até acho o Renegade uma boa opção pra quem é solteiro ou não quer ter filhos (pelo diminuto porta-malas), mas sempre na versão diesel! A flex EU dirigi e achei insuficiente para os mais de 1.600kg do carro!
                      MAS, isso é só a minha opinião!

                    • Rodrigo

                      Sim! Você deu um depoimento embasado! Não chegou falando que é uma merda e pronto.
                      Debater não é torcida! Ainda mais porque meu sonho não é ver todo mundo com o mesmo carro!
                      Abç

                    • Guilherme Teixeira

                      deve ser funcionário da honda kkkkkkkkkkkk

                    • Assuero Queiroz

                      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
                      ri muito aqui

                • Guilherme B.

                  nem leio mais os comentarios do lucas ( amante da honda) pois afinal, a proposta do carro não é para quem tem pressa, é curtir a vida, passear em segurança, ir a praia, passar por buracos, e não o 0-100, afinal o HRV duster, ecosport e 2008 todos tem desempenho muito parecido!

  • Carlos Gonzales

    e cabe um sujeito de dois metros nesse bichinho!!!! isso é muito bom, para os altos que curtem esse tipo de carro

    • Gustavo Vasconcelos

      Tenho perto de 2 metros e realmente o espaço na frente é muito bom mas atrás…muito pequeno o espaço. De fora você tem uma impressão muito diferente. Não gostei da proposta de um carro tão caro e com pouco espaço no banco traseiro e mala pequena.

      • Carlos Gonzales

        concordo com voce, mas pra mim, que tbm estou nesse limiar, o fato de poder entrar no carro já conta! não que eu ache o preço dele justo!

  • Matheus Nogueira

    Só acho que o público do HRV é diferente do público do Renegade. Mesmo na mesma categoria, o Renê tem uma pegada mais offroad, e HRV botique de cidade. No fim das contas os dois são carros que vieram pra elevar esse segmento trash onde eu não acredito q até hje era dominado por ECO e DUSTER kkkkkkk comédia!!

  • ricardo

    renegade vem pra ser lider … cade a turma q metia o pau nele ??
    tem gnt aki q n sabe oq é carro so olha o exterior do carro ai mete o pau no carro ..
    vai entender de carro 1, mercado, segmento e categoria depois vem falar ..

    • Lucas

      O Flex é uma merda em desempenho. Uma merda mesmo.

      • Rodrigo R

        é um cocozão 5 estrelas em segurança para o cocozão Pai e 5 para o cocozinho filho.

        • Lucas

          Falei segurança? Falei desempenho. Vc sabe ler?

      • ricardo

        compra carro por outros motivos n so por desempenho e ja andei em um ne tao ruim como dizem n

        • Lucas

          Aí vai do costume de cada um, quem está acostumado com 1.0 ou 1.4 vai achar uma maravilha mesmo o Jeep.

  • Lucas

    Sério, como o pessoal fala que o desempenho do Flex Automático é bom? Ele é horrível gente. Eu fiz o test-drive e o carro é pesado demais, tem que levar pra umas 4~5mil rotações pro carro desenvolver. Eu já dirigi uma porrada de carro diferente e pra mim foi um dos desempenhos mais fracos que já vi num motor acima de 1.8. E olha que desse Etorq eu conheço bem pq já tive Punto e Bravo, mas ambos manuais.

    • Rodrigo R

      ” tem que levar pra umas 4~5mil rotações pro carro desenvolver.”

      Não inventa.

      • Lucas

        Tu já fez o teste no carro? Me poupa, o carro faz de 0 a 100 em quase 15 segundos no automático. O carro é muito bom sim, confortável, seguro, tem um ótimo CxB, agora o motor x câmbio automático deixa o carro com desempenho muito ruim. Se meu bravo que era manual eu tinha que jogar pra 3mil rotações pra ter desempenho bom, imagina o renegade automático. EU FIZ O TEST no carro e minha esposa fez o teste no carro e forçamos bastante no Teste e atestamos que o motor é fraco. Se vc só roda em cidade, anda devagar e tals, blz, compre. Agora se vc pega estrada, precisa fazer ultrapassagens, teste nessas circunstâncias e veja se acha que dá pra garantir.

        • Darwin Luis Hardt

          no vídeo do cara ali ele fez em 12,5s (é automático mas da pra passar marcha manualmente com toque no cambio ou volante se for longitude com paddle shift). 12,5s é a mesma coisa quase que o HR-V que faz 11,9s, no fim os dois sao mancos. De repente o melhor automático seja o ecosport 2.0 mesmo

    • Rodrigo

      Eu tenho um Longitude.
      Nunca tive que sair com 5000rpm de giro.
      A não ser que eu queira fazer competição de arrancada.
      Mas não existe razão para eu fazê-lo!

      • Rafael

        O seu é automático? Da para encarar uma estrada numa boa sem aquela irritação típica de carro 1.0? Moro em Minas, e estradas por aqui tem muita serra.

        • Rodrigo

          Eu já viajei 1600km com ele no interior da Bahia e Aracaju. Não tive problemas.
          Mas saliento que eu não faço ultrapassagens arriscadas, somente com visão total e pista limpa.
          Se quer performance acima da média, não é o carro pra você!

          • Rafael

            Eu tive um Civic 1.8 AT e passei um pouco de raiva com a falta de torque na estrada. Qualquer subida ele reduzia pata terceira e subia lá prós 5000 rpms.. aí andava bem. Mas esse comportamento me irritou muito.

            • Junio Tavares Silva

              o cruze é mesma coisa, talvez pior, se voce pisar fundo cai de sexta pra terceira, o ruido é alto e bebe mais que eu

  • Gian

    É… quase 36kgmf de torque a 1750 é força pra ninguém botar defeito.

  • Junior_Gyn

    Vejo o Renegade a Diesel só pra quem for “necessitar” de um veiculo digno de Off Road, útil pra que tem chácara ou sitio com estradas bem ruins.
    Pelo preço que se paga a mais pela motorização a Diesel (20 a 30 mil) e visto que a diferença hoje em dia do Diesel S10 pra gasolina está bem próxima, coisa de 20 máximo 30 centavos, não compensa.

    Pena mesmo é a versão Flex que tem um motor fraco pra proposta do veiculo. Mas ao que parece a JEEP ( Fiat) vai corrigir colocando o 2.0 Tigershark. Só não sabemos qdo isso ocorrerá.

    • Sem tempo para xaropes.

      A questão não se resume apenas na diferença entre o preço do diesel e da gasolina, mas tem que levar em conta o consumo (geralmente melhor no diesel) e a condução bem melhor pelo fato de ser um motor com mais torque. Porém concordo que a flex é fraca demais….se fosse um pouco melhor e igualmente 4×4, já tiraria um pouco da vantagem da versão diesel.

      • Junior_Gyn

        Mas o quanto a “mais” o Diesel faz em relação ao Flex?? 2 km/l
        E a diferença de 20 a 30 mil a mais pra passar pro Diesel. Pense nisso, vc compra quase 1000 L de Gasolina pra andar com essa diferença.

        • Sem tempo para xaropes.

          E quando eu for vender, a versão diesel vai ter maior valor de revenda. Esta conta do quanto dá pra comprar de combustível com a diferença valeria se eu fosse usar o carro até se desintegrar. E são 2km/l mais a diferença de valor do litro. Já tive carros iguais um gasolina e outro diesel. É muito mais vantajoso o Diesel. E não perde o valor como perde o flex.

        • what_the_hell??

          Veja bem que não é 20/30mil a mais só por ser a Diesel, pq além de ser Diesel ele só vem em 4×4 (no vitara, por exemplo, só isso já daria uma diferença de 10mil) e tb com um câmbio bem mais moderno (ZF de 9 marchas, salvo engano).
          Então, acho que a diferença de 25mil até se justifica, pra quem pode pagar a diferença e precisa de um 4×4!
          Tem tb a difrença de consumo, preço de revenda e durabilidade do motor a Diesel, que geralmente dura o dobro de um a gasolina!
          Mas isso tem o custo: seguro e manutenção são mais salgados!

  • Sem tempo para xaropes.

    Se a versão flex também tivesse 4×4…eu até não levaria tanto em conta o tamanho do porta malas…

  • Offline_Mode

    @automotivas as concessionárias não estão mais vendendo o Trailhawk com o pacote de tecnologia 3. O que vem com o Star Stop. Só pra avisar mesmo

  • Marcos Wild

    Matéria parece que foi paga, não lembraram que o banco traseiro é apertado pra quem vai atrás e que o porta malas é menor que o do Fiat Uno.

    E sem contar que pelo valor da versão a diesel se compra um SUV maior como CR-V, Freemont, ou um Tiguan 4×4 de 200 CV e até uma picape cabine dupla a diesel.

    • Rodrigo

      Escreve mais uma vez sua reclamação, quem sabe alguém te dá atenção!

  • Marcos Wild

    Matéria parece que foi paga, não lembraram que o banco traseiro é apertado pra quem vai atrás e que o porta malas é menor que o do Fiat Uno.

    E sem contar que pelo valor da versão a diesel se compra um SUV maior como CR-V, Freemont, ou um Tiguan 4×4 de 200 CV e até uma picape cabine dupla a diesel

    • Sem tempo para xaropes.

      Compara o CR-V e o Freemont com as versões flex. São dois SUV de shopping.

  • 1945_DE

    Na minha opinião, carro excelente. Se tivesse uma versão com câmbio manual 6 marchas 4×4 e reduzida, por R$90.000,00, ia fazer sucesso no fora de estrada.

    • Darwin Luis Hardt

      devia era ter umas 8 versoes, pra todo mundo comprar só o jeep daí, hehe
      4×4 1.8, auto e manual, diesel manual ou auto sem ser 4×4, etc

  • Marcos Silva

    Eu queria muito, mas o nosso desgoverno não permite que o trabalhador de classe média compre um carro de desses.

  • Discovery ™

    Só o Sand (lama) que não ficou legal nessa matéria…

  • carlos rodrigues

    Ótima opção para se adquirir semi novo, dada a confiabilidade mecânica e estrutural do veículo.

  • Marco Douglas de Paula

    O modo para lama é o mud (Auto, Mud, Sand e Snow) e não sand!
    kkkkkk
    “Com 4×4 acionado, assim como o modo Sand (lama), entramos num lamaçal fundo”
    huauhahuauhauhauhauh

  • Lucas Mendanha

    Sand = Lama???

  • bruce mclaren mclaren

    Eu tenho a versão manual, sai de um Sedan, o carro e macio, engates precisos, não é lerdo como Dizem, ando de Boa, mas que impressiona mesmo é a suspenção, macia, claro fiz o test Drive, entre ele e o Hrv, aqui na minha cidade o de calota cobra 75,900, façam o Test drive, vai ajudar muito, eu coloquei ele em todo tipo de buraco no Test drive, e passa de Boa, acabamento emborrachado,
    Bem eu estou Gostando, minha esposa nem se fala, Mas vai de gosto cada um tem o seu,Estou Feliz com o meu.

    • Darwin Luis Hardt

      tb fiz o test drive num automático longitude, a maciez é incomparável, e a acústica também. pegarei o renegade, certeza, mas só ano que vem hehe

  • fopf

    Entre 100 e 140 mil tem muita opção. Tem que querer muito pra comprar esse carro. O fato é que não da pra ter tudo num mesmo carro nessa faixa de preço. Sempre falta algo. Não gosto muito, prefiro uma picape.

  • Samuel

    Tenho uma Pajero TR4 Top de linha 2015 Automática, com 7 mil km, estou
    pensando em trocar no JEEP Renegede longitude AT 2.0 2016 o que vocês
    me diz… Galera

    Grato

  • Robson de Carvalho

    Moçada do NA, muito boa a matéria. Só tem um porém: das fotos, anunciadas como sendo do 2.0 4×4, apenas as seis do vermelho e as seis do verde são do modelo correto. Todas as do BRANCO são do 1.8 (veja o parachoque dianteiro e a ausência do emblema “4×4 Diesel” no canto inferior direito da tampa do porta-malas). As fotos do interior também não são do modelo Diesel pois não tem o seletor de terrenos.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend