Crossovers Elétricos Híbridos Nissan Sedãs

Kicks e-Power pode chegar em 2019 e ter a companhia do Novo Sentra

Kicks e-Power pode chegar em 2019 e ter a companhia do Novo Sentra

A Nissan já iniciou o processo de eletrificação para o Brasil. A marca japonesa revelou no último Salão do Automóvel o hatch médio elétrico Leaf, agora em segunda geração e com preço de pré-venda de R$ 178.400. Fora isso, o estande na mostra paulistana ainda tinha o SUV híbrido X-Trail.


Mas, o que se espera com expectativa mesmo é o Kicks e-Power. A versão eletrificada do crossover feito em Resende-RJ deverá chegar entre 2019 e 2020. Ao contrário de Leaf e X-Trail Hybrid, este modelo terá uma tecnologia que permite ao motor de três cilindros carregar as baterias de íons de lítio, movendo assim o carro apenas com energia.

Lá fora, este extensor de alcance é um 1.2 movido apenas por gasolina. Aqui, espera-se que utilize o mesmo 1.0 de três cilindros e tecnologia flex, usado nos modelos March e Versa. Com isso, a Nissan une a tecnologia importada do Japão com a opção bicombustível, que torna o crossover mais versátil nesse caso.

Kicks e-Power pode chegar em 2019 e ter a companhia do Novo Sentra


Com médias de consumo de 25 km/l no etanol e 36 km/l na gasolina, o Nissan Kicks e-Power conseguirá autonomia bem maior e com baixíssima emissão de CO2. Como produto mais vendido da marca, o SUV compacto servirá como destaque do fabricante para o segmento, devendo ser o mais barato nesse caso.

Outra novidade que pode pintar ainda em 2019 é o Novo Sentra, que deverá estrear no mercado americano em 2019, talvez já no primeiro semestre. Importado do México, o sedã médio da Nissan pode ainda chegar com propulsão híbrida semelhante à do X-Trail Hybrid, ou seja, mantendo o motor 2.0 (nesse caso com tecnologia Flex).

Com essa opção, o Novo Sentra poderia bater de frente com o Corolla Hybrid, assim como com um eventual Civic Hybrid nacional. Dessa forma, a Nissan teria em 2019, três tipos distintos de propulsão eletrificada, podendo somar até quatro modelos nesse segmento.

[Fonte: Com informações de Fernando Calmon]

Kicks e-Power pode chegar em 2019 e ter a companhia do Novo Sentra
Nota média 4.7 de 9 votos

  • Raimundo A.

    2019 seria um prazo muito otimista para um fabricante que promete, mas na prática….

    Kicks híbrido se nem por aqui estaria em testes e algo mais simples com as modificações visuais do Kicks americana a marca não mostrou, usando o dito na matéria, meados de 2020 seria mais sensato.

    Também não adianta falar em novo Sentra a ser mostrado em 2019 nos EUA se os produtos necessariamente não chegam ao mesmo tempo e o novo sedã já foi visto por aqui em testes sem ser híbrido?

    O X-Trail híbrido é outra pérola. A marca com o excelente Quashqai opta passa a direcionar para o X-Trail que retornaria como híbrido para ser um diferencial no mercado, só que neste caso as vendas tendem a ser mais restritas porque híbrido não é baratinho.

    Tirando o Leaf, a Nissan deveria cuidar de fazer logo upgrade no March e no Versa porque os compactos com apelo premium estão bombando. Os SUV também estão, mas exceto o Kicks, o que ela pensa fazer talvez fosse melhor trabalhar na produção do SUV derivado da Frontier ao menos para fazer cócegas na Hilux SW4. A Frontier voltou a cair na graça do consumidor e penso que o SUV derivado teria boa receptividade.

    • sigma7777777

      O Civic Touring custa $27 mil nos EUA, e chega aqui por menos de R$ 130 mil. Já o X-Trail hybrid, que se chama Rogue nos EUA, parte dos mesmos $ 27 mil, mas como talvez venha em uma versão mais completa, com 4×4 e ACC, que é obviamente mais cara, deve custar cerca de R$ 150 mil.

      • Raimundo A.

        Estimativa boa esse preço, mas se tem SUV q não e híbrido e esta por esse valor sendo feito aqui no país…

        • sigma7777777

          Mas agora tem o Rota 2030. Observe o Prius, híbrido, importado, e que após a aprovação desse incentivo baixou de preço. Deve ser por isso que a Nissan agora fala de trazer o híbrido, sendo que no início do ano os jornalistas apontavam a vinda da versão a combustão. De modo geral vários importados estão chegando a preços competitivos, como Tiguan e Equinox, provavelmente advindo de outro incentivo, que seria o acordo com o México.

          • Good Doctor

            Boa notícia, baixou de quanto pra quanto?

            • sigma7777777

              Apenas R$ 1 mil e foi antes do Rota ser aprovado, por volta de julho, mas vale lembrar que o dólar estava em alta e a tendência seria aumentar o preço, tal como ocorreu com alguns veículos de outras montadoras, como o Civic Touring.

  • afonso200

    se a nissan demorou 4 anos pra trazer o cambio AT ou CVT para March e Versa,, o que esperar dos hibridos kicks e sentra….. pelo menos uns 4 anos

    • sigma7777777

      A Nissan é muito lenta mesmo. Deveria ter aproveitado o visual do Kicks no March e Versa, o que já teria ajudado bastante nas vendas. Eu não vejo mais ninguém comprando estes dois.

      • hinotory O

        Mais lenta que a Nissan são os carros que ela fabrica. O Kicks é péssimo.

  • sigma7777777

    Ótimas notícias. As montadoras japonesas estão largando na frente, mas a Honda e Mitsubishi parecem um pouco atrasadas, embora também tenham respectivamente o Insight e Outlander PHEV. Com esta baita economia eu ficarei tentado a ter um Nissan Kicks, mas seria interessante detalhar a economia na cidade e na estrada, que é onde mais ando. Posso estar enganado, mas duvido que na estrada ele mantenha uma velocidade alta ou este consumo, mas espero realmente estar enganado. Está difícil encontrar uma matéria que explique o consumo e velocidade máxima nas duas situações.

    • MonHoe

      A Mitsubishi vende (vendia) o Outlander PHEV no Brasil

      • sigma7777777

        Sim, bem lembrado. Somente a Toyota está mantendo regularidade na oferta do Prius.

  • Paulo

    As montadoras deveriam focar nos híbridos aqui antes dos elétricos. Mais baratos e muito mais funcionais. Não existe estrutura nenhuma para carro elétrico, tirando algumas poucas vagas em shoppings e prédios comerciais. Mais marketing que realmente algo lógico.

    • Ricardo

      Dependendo do seu uso, essa infra para elétricos é desnecessária. Eu carrego o meu em uma tomada de 20A na minha garagem. Uma carga me dá autonomia para 2 dias considerando o meu uso diário. Nunca deixo a bateria se esgotar. Sempre que chego, a carrego na tomada. Leva umas 4h/5h para repor o que foi usado.

    • Marcos

      O E-Power da Nissan é uma alternativa diferente dos hibridos e que tem pontos mais atraentes que os hibridos.

    • FrankTesl

      Nesse aspecto, o e-Power da Nissan seria bem interessante, pois não é um híbrido paralelo (motor à combustão e elétrico trabalhando juntos), mas sim motorização elétrica pura e simples para a tração, e um gerador integrado para recarregar “on demand” a bateria bem menor e mais leve que a de um carro elétrico puro.

      Na prática, as pessoas usariam carros com motores totalmente elétricos, mas reabasteceriam nos mesmos postos de combustíveis atuais os tanques de seus geradores integrados, só que rendendo 30 km/l.

      Como aqui no Brasil muita gente tem “medinhos & nojinhos” de carro elétrico, seria excelente para ir matando aos poucos os preconceitos contra a motorização elétrica, a “ansiedade por autonomia” “o medo de não ter uma tomada em cada esquina”, até que o mundo civilizado pesquise e produza baterias baterias leves, baratas que equipem carros elétricos capazes de ir do oiapoque ao chuí (por se um carro não fizer isso com uma só carga, não presta, mesmo que a pessoa só ande 30 km por dia).

  • Louis

    Se a Nissan conseguisse trazer o Kicks e-power por um preço semelhante ao do Prius, tem bastante chance de ser sucesso.

  • Paulo

    Torcer pra vir logo, mas desde que não venham a preço de Lexus.
    A montadora que primeiro lançar carros híbridos acessíveis vai ter um destaque muuito grande no mercado. Só o tempo dirá quem será.

  • Mr Tony

    Espero que pelo menos ESSA versão venha com um piloto automático. 25km/l no Etanol, gasolina pra quê?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email