Ford Hatches Peugeot

Leitor que comprou um Peugeot 208 o defende perante o New Fiesta

peugeot-208-fotos-avaliacao-na-5-620x412 Leitor que comprou um Peugeot 208 o defende perante o New Fiesta

Eu sou leitor assíduo do site e tenho visto, principalmente entre os comentários dos meus colegas leitores, muita gente dizendo que o New Fiesta é de longe a melhor opção no segmento. Mas ele entre a versão mais barata e a mais cara tem uma variação de preço de aproximadamente R$ 15.000 que podem fazer essa afirmação não soar tão firme.



Como sou proprietário do Peugeot 208, vim aqui defender minha aquisição e mostrar que há faixas de preços em que o Peugeot é uma escolha mais racional, principalmente por não ser trucidado pelo câmbio, controle de estabilidade e mais de meia dúzia de airbags dos New Fiestas mais caros.

De antemão peço desculpa por algum erro que possa ter passado despercebido em relação aos equipamentos e peço que, se alguém constatar a falta de um equipamento, me avise nos comentários. Para começar a conversa, chamo atenção para as revisões do New Fiesta: elas são a cada 10 mil km ou a cada semestre. No caso do 208, elas são a cada 10 mil km ou anuais. Além disso, segundo o site Carros na Web, até os 60 mil km as revisões do New Fiesta custam R$ 2.720,00 e as do Peugeot R$ 2.350,00.

No consumo das versões 1.5 dados pelo Inmetro, o 208 leva vantagem: com gasolina, faz 11.6 km/l na cidade e 14.3 km/l nas rodovias; enquanto o Ford faz respectivamente com o mesmo combustível 10.8 km/l e 13.7 km/l. Além disso, o 208 tem um tanque de 55 litros contra 51 do rival.

Já quanto ao desempenho, o Peugeot continua levando vantagem nas versões 1.5, pois faz de 0 a 100 em 10.7s e vai até 181 km/h, enquanto o Ford guarda como marcas 12.2s e 180 km/h. Em matéria de espaço interno o Peugeot continua na vantagem: são 2.54 metros de entre eixo, o que é 5 cm a mais do que o New Fiesta e no porta-malas tem 285 litros do francês contra 281 do Ford.

Ainda aproveito a oportunidade para lembrar que o interior do 208 é mais charmoso com seu painel bicolor e volante achatado de diâmetro reduzido. Ademais, o design felino ainda é mais novo que o do New Fiesta. (Apesar de, na minha opinião, se equivalerem em beleza exterior).

Comparando as versões de entrada dos dois (todas com 2 air bags, direção elétrica, ar condicionado, ABS e vidros elétricos apenas na frente), o New Fiesta S traz como vantagem o alarme perimétrico e o som com Bluetooth, enquanto que o 208 Active tem a mais que o NF apenas o porta-luvas refrigerado e os LEDs na lanterna traseira e nos faróis. Nessa configuração o francês custa R$ 39.990, que são exatos 100 reais mais caros que a versão equivalente do norte-americano.

Antes de analisar a próxima versão, questiono: o som do New Fiesta com Bluetooth, compensa o desempenho, consumo, manutenção e espaço interno do 208?

Na versão seguinte o 208 simplesmente massacra o New Fiesta: o New Fiesta SE custa R$ 42.590 e adiciona em relação a versão de entrada as rodas de liga leve de aro 15. Enquanto isso, o 208 Active Pack por R$ 42.990 traz também as rodas de liga leve de aro 15 e adiciona a central multimídia com tela touch screen de 7 polegadas, GPS e som com Bluetooth.

ford-new-fiesta-titanium-2014-fotos-2-620x412 Leitor que comprou um Peugeot 208 o defende perante o New Fiesta

Nas versões seguintes, infelizmente o 208 começa a pecar em segurança frente ao New Fiesta, pois por R$ 45.990 (versão Allure, que continua 1.5) adiciona somente o teto panorâmico em relação a versão imediatamente mais em conta, enquanto que a Ford por R$ 46.340 oferta o New Fiesta Titanium 1.6 com assistente de partida em rampa e controle de estabilidade, coisas que nenhuma versão do 208 tem.

Aqui o francês começa a perder o combate e a coisa fica cada vez mais feia em face dos 7 airbags e do câmbio automatizado de 6 marchas e dupla embreagem. A favor do 208 nas versões mais caras eu só posso alegar que o desempenho mesmo com um câmbio de 4 marchas continua melhor do que o do New Fiesta. Como segurança para mim é o ponto mais importante de um carro, eu me rendo e admito que, se eu fosse comprar um carro de 50 mil, teria comprado um New Fiesta PowerShift.

E vocês, concordam comigo: o 208 é melhor compra até o limite de R$ 43.000?

Por Janilson Alves

  • shdn2010

    Nunca vai existir o melhor e o pior, o que conta é o gosto pessoal e a própria satisfação. O que é bom para alguns é ruim para outros e vice-versa.

    • paulohnf

      No mundo automotivo, é melhor ser feliz do que ter a razão!

      • Magnus Cordeiro

        Tenho que concordar plenamente com os seus dizeres!!!!!

      • hendelmarques

        Você disse tudo. Eu participo de blogs, foruns e acompanho sites. Nunca compraria um citroen, por exemplo. minha mãe me chega em casa um C3 exclusive automatico por modicos 55 mil. Pergunte pra ela o que é "compra racional"? Que nada! Ela tá adorando o carrinho novo dela. Se ela pôde pagar por ele e tá feliz com o carro, tá valendo!

      • CyborgPilot

        Um dos comentários mais tops que eu já li por aqui desde que acompanho este blog. Parabéns mesmo! : )

      • bedotRJ

        Podendo ser feliz e ainda tendo razão, tanto melhor, não concorda?

        • Davy

          Discordo. Isso me remonta ao problema grave dos Renault Sandero no quesito segurança, já que obteve as piores notas no crash test promovido pela Latin Ncap e continua sendo vendido.
          Alguns acéfalos tentaram desqualificar o argumento de que o carro é inseguro. No entanto a metodologia da avaliadora prevaleceu, e provou, mais uma vez se tratar de um veículo com pobre performance tanto em segurança ativa quanto passiva.

          • bedotRJ

            Bom, não sei o que tem a ver lé com cré, já que o assunto em pauta, genérico, não guarda qualquer relação com o episódio específico do Sandero no crash test. Mas vou assumir que vc está querendo me trollar porque eu cheguei a afirmar em diversas oportunidades que o Latin Ncap foi injusto com a Renault ao deixar de testar a versão com airbag – não sejamos ingênuos que vc tentou, do nada, conectar assuntos tão díspares, beleza?

            Afirmo categoricamente: acéfalo é quem não consegue entender uma explicação tão cristalina. Ninguém, em nenhum momento, contestou tecnicamente o resultado POBRE do Sandero na avaliação. O que se contestou, e eu ainda não vi nenhuma refutação razoável a essa questão, foi o porquê dele não ter sido testado com airbag, uma vez que seus concorrentes, que dispunham de menos versões com airbag OPCIONAL na época do teste, o foram.

            Em complemento, houve uma RELATIVIZAÇÃO que também faz sentido e que também não foi refutada: o Sandero é TÃO POBRE quanto qualquer concorrente, nem mais, nem menos. Portanto, tirá-lo para Geni nesse contexto é postura de 'hater' ou de desonesto intelectual, o que invalida a argumentação do indivíduo. Assim como compactuar com a metodologia da Latin Ncap para esse caso, claramente parcial e prejudicial à imagem do carro da Renault.

            Podemos agora voltar ao assunto em pauta no tópico ou vai precisar de um desenho prá entender a questão?

            • PortoWF

              Rapaz tem estado complicado discutir aqui no N.A, se eu pudesse realizar um desejo quanto a organização do Blog somente permitiria comentários de pessoas cadastradas.
              Pq esse comentaristas eventuais estão contaminando o espaço.
              Desculpe se pareci arrogante com comentário acima, mas é que o nivel intelectual de alguns comentários tem caído substancialmente e parece q tem gente q aparece aqui só pra criar confusão.

              • bedotRJ

                Concordo contigo. Também não curto afetar arrogância ou usar antiguidade no fórum como argumento de autoridade, pois sempre há novos comentaristas com grande qualidade e grande capacidade de contribuição. Mas facilitar em demasia o acesso à área de comentários, como permitem essas ferramentas de twitter e facebook, acaba atraindo a presença de trolls em excesso, o que, a longo prazo, é a sentença de morte da área de comentários. O cidadão acima, o do comentário do Sandero, nitidamente está a fim de polemizar comigo – já o marquei nesse comentário e em outra resposta mais abaixo a um comentário que faço sobre o tópico. Nada contra, desde que esteja bem embasado (o que não é o caso) e que não tenha o chamado "animus provocandi", que é facilmente perceptível pela forma como ele me contesta.

              • expresso222

                Apoiado PortoWF. Se não controlarem isto, o NA vai ficar igual ao que se vê em muitos blogs. Uma profusão de haters se digladiando, abaixando o nível, tornando o que seria um debate instrutivo em uma zorra.

              • Sias

                E antes era só pelo Intense Debate. Porque foi aberto?

                • PortoWF

                  Acho q é uma forma de ganhar novo seguidores.
                  Não vejo problema quanto a diversificação, meu problema é com o Anonimato e a covardia.

                  • Sias

                    Só que esta abertura baixou o nível dos comentários, infelizmente.

                    • PortoWF

                      concordo!

        • Sias

          Mas a razão é que nem gosto: cada um acha que está com ela. Então é melhor fazer a própria analise e se atirar no que vai te deixar mais feliz.

          • bedotRJ

            No fim das contas, é isso mesmo que acontece. O problema é que se formos levar esse ponto de vista a ferro e fogo, tomaremos qualquer situação como aceitável por mais esdrúxula que seja. Coisas estranhas como, por exemplo, comprar um Chery QuQu a R$ 35mil poderão ser defensáveis, vistas como normais ou ser classificadas apenas como uma questão de gosto e não como a burrice que é. Por isso que eu não curto muito o tipo de argumentação apresentada pelo colega mais acima, já que a "felicidade" é pau prá toda obra.

            • Sias

              E está cheio deste erro pelas ruas. Dificil dizer o motivo da compra…se foi pela razão ou pela felicidade…

      • Chatt08

        Concordo! Em todos os mundos, na verdade!

      • Sias

        Parabéns. Seria bom que todos pensassem assim.

    • PortoWF

      concordo cara, eu mesmo sendo proprietário de um Fiesta já afirmei q entre ele e o 208 as diferenças se dão muito mais na questão de gosto pessoal.
      Ambos tem vantagens e desvantagens, cabe a cada um avaliar o que lhe é mais atrativo.

    • wislenramos

      Racionalmente falando, tem sim melhor e pior.

      Mas a escolha de um carro é algo que vai além da razão, pelo menos para a maioria de nós que gostamos de carros.

      O mais importante nessas horas é colocar os modelos desejados na 'balança' e escolher aquele que te deixará mais satisfeito por mais tempo.

      • silvio_Brito

        Verdade. Uma coisa e fator racional na compra de um carro outra coisa o emocional.

    • Que resposta mais genérica shdn2010

    • LTD1976

      Parabéns pelo comentário lúcido e sensato no meio de tantos haters que habitam por esses lados.

    • Roney

      Falou tudo.

  • TacodeSinuca

    Como não me interesso muito pelas versões de entrada, na minha opinião em termos de acabamento e estilo o 208 massacra o Fiesta, mas na parte mecânica e segurança, é ponto pacifico que o Fiesta é melhor, vai das prioridades de cada um, eu priorizo mais a segurança.
    Mas sim até os 43 mil o Peugeot é pário para o Fiesta tranquilamente, mas lembrando que ate pouco tempo atras não havia a versão Active, e o Fiesta de entrada era mais barato, depois que ele encareceu e o Peugeot barateou eles passaram a concorrer de igual para igual, agora ó falta a Peugeot tomar vergonha na cara e colocar os itens de segurança na versão acima de 46 mil

    • Thiago_NCO

      Nas versões de entrada é completamente defensável a compra do 208 em detrimento do NF. Principalmente pra quem vai rodar diariamente no "anda-e-para" dos semáforos e engarrafamentos das metrópoles, situação na qual itens de segurança tem utilidade reduzida.
      No mais, descartar de cara o 208 nas versões inferiores não passa de haterismo (e também pesa o fato do NF ser o carro modinha da vez).
      Isso claro, falando do produto em si. Se adicionarmos a rede, pós venda, etc, a situação pende favoravelmente para o NF.

      • TacodeSinuca

        Se o 208 top de linha tivesse os mesmo itens de segurança do Fiesta eu não pensaria duas vezes em compra-lo. Pois acho ele lindão, mas como a Peugeot não ligou para um publico como eu, então deixei para lá, as versões de entrada não me chama a atenção, aliais eu deixei para lá os compactos e agora vou escolher um médio.
        Ate o final do mês, vou fechar, vai ficar entre o Golf e o Cruze, já que o Focus Hatch a Ford esta de palhaçada para lançar esse carro de 3 anos atras e não vou ficar esperando a boa vontade dela

      • FlavioBlom

        Olha, já tive 206 e estou com um Focus. Sobre o pós-venda, o da Peugeot não é das melhores, mas o da Ford também não é bom. Assim, pra mim, neste caso, pós-venda não seria um fator decisivo.
        E gostei muito do carro, até compraria um, mas só se os itens de segurança fossem melhorados (e o câmbio automático também poderia ser melhor, né?!).

      • marciors01

        Não é necessário odiar o 208 para dispensar, o fiesta é 1.4s mais rápido no 0 a 100 e tem alarme perimétrico, som com bluetooth e espelhos elétricos, ainda assim a diferença existe.
        O acabamento do 208 é superior mas o estilo não, os dois carros são muito bonitos e preferir um ou outro é questão de gosto pessoal.
        A versão active pack é interessante mas custa apenas 3k a menos do que o fiesta 1.6s e oferece muito menos, considerando a diferença nos equipamentos e desempenho, que é brutal, ele deveria custar pelo menos 4k a menos.

  • interessante o comparativo, ressaltou pontos bem importantes, mas eu ainda ficaria com o NF.

    • Sand

      Também concordo. Excelente texto. Mas ainda sim, ficaria com o New fiesta. Faltou ver o preço dos seguros!

  • Antoniokings1

    Não sei quanto à questão da mecânica (também depende de cada um) mas na minha opinião o Peugeot é bem mais bonito. Sem contar que normalmente o acabamento e o design do interior dos carros da Peugeot são bem superiores. Para mim, interior é que conta.

    • Claudio

      Concordo contigo…motor e INTERIOR…afinal, vc, proprietário, goza o carro por dentro…beleza por fora é para os outros, e eu quero mais é que os outros se #@$I&

  • Gustavo

    Olha eu ja tive um 207 e digo, o carro dá muito problema, além do que as concessionárias são horriveis, sempre tentando empurrar coisas a mais para fazer (inclusive sem perguntar!!). Eu fujo de Citroen e Peugeot… acho melhor JAC e Cherry!!

    • oscar_fr

      Na última linha de seu comentário percebemos o quão entendido de automóveis o senhor é.

      • CharlesAle

        Creio que ele foi irônico…..

      • wow

        não há como não concordar

        • Magnus Cordeiro

          Tive 4 Peugeot e só tive alegria(206,306,406 e 307)

          • oscar_fr

            Mas como não ser feliz com um 406. Meu carro favorito.

    • Rafael_rec

      A última afirmação matou todo o bom comentário anterior.

    • Thiago_NCO

      JAC e Cherry?
      Foi ironia ou haterismo?

    • wislenramos

      Já tivemos 206 e hoje também temos um 207 em casa. Nenhum dos dois apresentou se quer um problema, basta fazer todas as revisões e as manutenções preventivas periodicamente.

      Tem gente que compra carro e esquece desse detalhe, se não cuidar, qualquer carro irá apresentar muitos problemas.

    • Rodi

      É tem razão, você acha que nenhuma montadora pode errar em algum carro? Não terá mais chance de melhorar? Você preferia ter um fiesta motor endura? Ou um gol 1.0 16V ou uma parati 1.0 turbo, palio 1.3 16v? Tudo lixo só dão prejuiso aos seus donos Os piores carros que já fabricado. E você vem criticar um carro novo.

    • Junior

      Olha, hoje em dia não existe concessionária boazinha, comprei um Foz Prime 1.6 zero e em toda revisão a concessionária também queria empurrar um mote de coisas, sendo que numa revisão que deveria sair por no máximo R$400, eles pediam R$1000, eu tinha que imprimir os preços do site e ainda "brigar" com o atendente. Sobre o Foz ainda, o carro é até legal, mas deu problema nas portas, vazamento na junta do cabeçote (ao 30 mil km) e diversos barulhos internos. O cúmulo foi quando quebrou o farol de neblina, liguei e o cara da concessionária me disse que custava R$600,00, isso mesmo, ABSURDO, comprei da Arteb por R$90 numa loja da internet e eu mesmo troquei. Por isso digo, toda montadora quer é lucro, não sejam tontos de defender uma ou outra.

  • ARISTEU

    Só o New Fiesta tem ESP, carro sem ESP não é seguro, logo New Fiesta é melhor!
    Comprar um carro sem ESP é loucura, é por a vida em risco.

    • TacodeSinuca

      O 500 custa 38 mil reais na loja e também tem ESP e ASR e ai /comofas ?
      Tambem não é bem assim, até uns 3 anos atras ESP era só em carro de luxo.
      O ESP é um item de segurança importantíssimo, mas ninguém vai morrer automaticamente se não tiver ele, nenhum dos meus carros aqui do Brasil já teve esse item, mas o próximo vai ter porque agora é possivel comprar um carro com o item sem ter que vender o figado.
      Então eu acho importante sim, mas também não é tão desesperador o fato de não ter, se fosse assim a Toyota BrBrBr HueHueHue não venderia mais nada e teria os piores carros do Brasil em termos de custo beneficio……Ohhh wait! xD

      • nanico_04

        cara, não consigo justificar a compra de corolla.
        não faz sentido na minha cabeça.

        • TacodeSinuca

          Claro que faz puxa… ele é feito com couro de dinossauro e tem o melhor cambio automático de 4 marchas DO MUNDO!!…..

          não…espera….propaganda errada…

          • ARISTEU

            pra andar junto com focus 2.0 manual, ruim que não é
            além disso, ter mais marchas não significa ser melhor!

            • Edson Roberto

              Eu acho que o que é melhor é quando se faz um conjunto que é muito bom.

              A variante de "andar mais" ou "ser economico" vai muito além de ter um cambio de 4 ou mais marchas. Entretanto, o problema é ter modelos que ofertam mais por menos em outras coisas…. e é por isso que nem sempre é compativel considerar a compra de um Corolla.

              Mas… ele tem os atributos que agradam muita gente e isso é a questão.

      • Sias

        E a neurose por itens de segurança segue forte. Dizer que é loucura comprar um carro sem ESP…É forçar demais. Parece que o cidadão não sabe dirigir e só garante com os auxilios eletrônicos.

        • Edson Roberto

          E mesmo assim… o ESP não é um dispositivo para ser usado para dar estabilidade…. é para ser usado em emergencia!

          Se o cidadão achar que tem ESP e forçar o carro para acima do limite do mesmo, vai acontecer uma tragedia. Ele pode ajudar a tentar minimizar, mas se for proposital querer forçar acima do limite do carro, ele vai ceder.

          • Fábio

            Justo. Tenho um Cruze e ando com ele a um ano e meio. Eu nunca vi a luz do ESP acender, ou seja, eu nunca o utilizei. E olha que já puxei muito ele em rodovia mas nunca surgiu uma emergencia para tal.

            O ESP é muito importante sim, o valorizo muito. Mas ele é um "seguro" e como tal não foi feito para ficar sendo utilizado normalmente. É igual aos airbags, muito importantes e todos devem ter mas ninguem quer vê-los sendo acionados porque significa acidente no minimo.

    • rpasini1

      Eu já vi esse tipo de afirmação em um forum…. adrenaline?

    • erickluuh

      Entao ta cheio de carro inseguro por ai, rsrs

    • O_Corsario

      "Comprar um carro sem ESP é loucura, é por a vida em risco"
      Milagre que alguém tenha sobrevivido até a invenção do ESP então!

      • Leandro1978

        Me pergunto como meus avós e pais sobreviveram a Corcéis, Opalas, Fuscas, etc sem tais equipamentos… rs… O negócio é que alguns estão vendo os equipamentos de segurança, como abs, esp, bolsas infláveis, etc, como "anjos da guarda" que os salvarão de qualquer coisa. Assim se veem como "imortais" que podem tudo. Não é porque o seu carro tem esp, que você vai entrar numa curva de 60 km/h a 100 km/h. Aí, meu amigo, não tem jeito, vão te pegar no barranco lá embaixo. Nossos pais e avós faziam aquela curva a 60 km/h com seus Corcéis e Opalas sem problemas, isto é, respeitavam os limites de seus carros e dirigiam com uma certa margem de segurança. Agora, o cara pega um carro com 10 air bags e acha que pode tudo, não é por aí… Lembra daquele crash test de um Focus a 180 km/h? Então…

        • bedotRJ

          ESP: melhor tê-lo do que não tê-lo. Entretanto, considero um exagero a forma como o equipamento tem sido tratado. Para carros naturalmente menos instáveis, com centro de gravidade elevado (crossovers, SUVs e picapes), o equipamento é MUITO importante. Para hatches e sedans normais, não é tão importante assim. No limite, fará diferença apenas para motoristas extremamente irresponsáveis ou extremamente imperitos, duas categorias que sequer deveriam receber autorização para dirigir.

          • é verdade se o carro esta dentro do seu envelope de segurança o fato de ter ou não o ESP não se torna tão importante.

          • lucianorj

            Cautela no trânsito diminui mais acidentes do que qualquer equipamento. ESP e ABS ajudam a evitar acidentes quando a cautela não é suficiente; airbags e a estrutura do carro salvam vidas e diminuem a gravidade de lesões quando o acidente ocorre.

          • FlavioBlom

            Entendi… você quis dizer que só fala que é indispensável quem é braço demais….
            Brincadeira, pessoal… é que as pessoas falam tanto de siglas e não vejo um comentário sobre direção defensiva, condições físicas (doença, fadiga) do motorista…

            • bedotRJ

              hehehe…. Não foi bem isso, mas vc captou o ponto de vista.

              Eu complementaria com o seguinte argumento: se há dois carros virtualmente idênticos, com as mesmas qualidades, os mesmos defeitos, um com ESP e outro sem, custando ambos o mesmo preço, só uma anta deixaria de comprar o carro com ESP. Ocorre que isso é impossível na prática. Um carro com ESP poderá ter diversas desvantagens objetivas que transformem a alternativa sem ESP em absolutamente factível. Meu caso, por exemplo: eu jamais deixaria de comprar um médio de entrada (308, Bravo, Focus, Sentra etc) para comprar um compacto "premium" pelo mesmo preço, caso do New Fiesta, ainda que aqueles não tenham ESP e este sim. Para mim, o peso, o conforto, a dirigibilidade de um carro médio são aspectos que fazem toda diferença, ainda mais porque confio na minha "pilota" (muitos anos de carteira e apenas uma colisão, que não foi culpa minha) e sou suficientemente responsável para saber que não chegarei ao limite em que o ESP possa fazer diferença.

              • FlavioBlom

                Tem toda razão, penso a mesma coisa.

          • saosao

            Concordo em partes. Ex: sempre prezei pela segurança na condução. Meu carro é um Cívico 2004 com 2air bags e Abs. Carro com centro de gravidade de carro de passeio e não tão pesado. Conheço seus limites muito bem, porém desde que troquei os pneus de preliminar P6000 para Maxxis, ele não pode ver uma curva na chuva que por vezes escapa de traseira, e o que é pior, escapa de frente, coisa que nunca aconteceu antes inclusive em situações piores. Ou seja, há uma serie de fatores que comprometem a estabilidade de um carro. Não me considero irresponsável nem imperito, no máximo ingênuo por achar que pneu barato tem a mesma qualidade.

        • O_Corsario

          Acho que vc já deve ter lido, mas vale a dica: http://autoentusiastas.blogspot.com.br/2013/08/as

          • marciors01

            Corsário, este auto entusiastas é um site escroto, eles tiveram a capacidade de defender os carros nacionais contra as notas baixíssimas dos crash testes, este site está claramente trabalham para as montadoras e contra a população.
            Eles estão agindo como criminosos ao defender carros inseguros estruturalmente e fazer pouco caso dos equipamentos de segurança.

            • Edson Roberto

              Entretanto, sobre a parte de segurança que air bags e ESP podem dar, isso é uma realidade muito bem escrita lá. Eu particularmente não frequento tal site, mas depois que recebi a parte 2 dessa noticia, li a 1 pois foi de encontro ao que penso.

              As vezes, muitos aqui falam para ter uma BMW sendo que as condições financeiras de momento da pessoa mal dariam para cuidar de um Celta. Então fica dificil também por vezes agradar a todos. Mas acredito que o bom senso em ler aquilo que vale a pena refletir e ficar, é bom, como temos que defender quando é injusto.

              Ou seja, eu acho que o texto desse site (em especifico este) correto.

              • O_Corsario

                Leia o AE, é muito bom, especialmente pois tem gente lá como o Bob Sharp que não tem medo de ir contra o senso comum. E ler não é concordar, ao contrário, mas sempre ajuda a refletir.

                • Leandro1978

                  É isso que muitos aqui não entendem. Eles leem e não interpretam, daí vem falando que tal site, pessoa ou revista são comprados. Não conseguem interpretar. Algumas coisas que o Bob cita, eu não concordo, como sobre a obrigatoriedade dos ABS (ele fala que aqui não tem neve, então não seria tão necessário, o que discordo completamente). Outra coisa que ele fala é sobre plataformas, que na prática, para o consumidor, pouco importa. No começo torci o nariz, mas depois entendi, principalmente quando os que criticavam determinado carro por ter plataforma "desatualizada", concordariam com a chegada de modelos novos sobre a mesma plataforma… Então, é questão de ler e refletir, então concordar ou não com o que escrevem. Aqui mesmo, no NA, tem muitas coisas que não concordo, mas não é motivo para sair falando que são "comprados".

                  • O_Corsario

                    Exatamente.
                    Lógico que não concordo com tudo que ele faz ou fala, até pq o Bob Sharp tem um celta! rs
                    MAs tem opiniões com argumentos, e argumento se responde com argumento, não com insinuação ou xingamento.

            • O_Corsario

              Não é bem assim. Você leu o texto inteiro? Ele problematiza a questão, saindo do senso comum, com muito embasamento aliás.
              Veja e conheça o currículo dos caras que escrevem no AE. Vc vai entender melhor.
              Agora, cada site tem seu perfil. O perfil do AE não é MESMO de histéricos pela segurança, pois eles defendem, com razão, que a maior segurança é a ativa, ou seja, a que vem das atitudes dos motoristas.

              • marciors01

                Kkkkkkkkk, histéricos pela segurança, hilário…
                Tu é o consumidor dos sonhos de qualquer montadora e estás indo atrás daquele site vendido chamado auto entusiastas, que está claramente trabalhando para as montadoras desde que o lncap chegou por aqui.
                Na Europa quando foi criado o euroncap as montadoras utilizaram este mesmo expediente, tentaram desacreditar o tópico "segurança automotiva", lá eles fracassaram mas dado o nível de ignorância do brasileiro não duvido nada.

                E por favor, não desvirtue o texto escrito pelo Janilson, em nenhum momento ele fez pouco dos equipamentos de segurança existentes no fiesta.

                • O_Corsario

                  Consumidor dos sonhos das fabricantes (e não montadoras) é aquele que acha que tem que necessariamente trocar de carro pq tem uma nova sigla ou um novo equipamento de segurança que, na vida real, terá nenhuma ou praticamente nenhuma relevância num acidente de verdade. Ou vc acha que sete airbags num Fiesta vão fazer a diferença numa batida frontal a 120km/h? Lembrando que a maior causa de acidentes fatais no Brasil é essa, colisão frontal em estrada.
                  Ou seja, a histeria pela segurança, assim como a histeria ecológica, tem uma grande motivação: alavancar vendas, fazer vc sentir que se não troca seu carro corre PERIGO MORTAL. No Brasil isso pode parecer doidice, vide que até vidro elétrico é luxo, mas na Europa é um dos principais itens para fazer o cara que tem um golf 5 trocar por um golf 7, alguns airbags a mais, uma sigla aqui, outra ali…
                  Veja que falo isso sendo um cara que fez questão de comprar um carro com ABS e AB2 em 2009, quando isso era palavrão em concessionária. E fiz a cabeça de minha mãe para comprar com estes equipamentos tbm, pois por ela e meu pai iriam sem.
                  Ou seja, equipamentos de segurança passiva são importantes e queira Deus cada vez mais comuns por aqui. Eu mesmo só troco de carro quando tiver opção de comprar algo com mais do que os simples dois Airbags e ABS que tem.
                  Mas até lá, sem paranóia ou histeria, se fosse tão mortal assim ninguém teria sobrevivido aos anos 70 e seus muscles… rs
                  Agora, chamar os que pensam de forma diferente de vendidos é fácil. Difícil é argumentar contra um artigo altamente técnico como o link que postei.

                  • marciors01

                    Cara tu te perdeu totalmente neste post, ONDE EU DISSE QUE TU DEVE TROCAR DE CARRO?
                    Estamos comentando em todo este tópico sobre escolher ENTRE DOIS CARROS DE PREÇOS EQUIVALENTES quando um deles oferece esp na versão intermediária e sete airbags na top, quando o outro não oferece nada disso, E NÃO CUSTA MAIS BARATO.
                    Não viaja, como disse tu é o consumidor dos sonhos das montadoras, se ofereceram um celta bonito e cheio de frufrus tu compra porque querer um carro seguro estruturalmente é histeria, querer esp é histeria e querer seis ou sete airbags é histeria.
                    E somente para constar, se tu estiveres andando na velocidade limite da vai dificilmente tu vai bater a 120, certamente tu vai frear o carro assim como o outro motorista.
                    Mas na verdade é ate bom que muitos achem que seja histeria, continuarão a comprar latas de sardinha e se um destes bater no meu carro vou ter maior chance de sair vivo porque o outro carro vai virar um monte de ferro retorcido.

                    O problema é que vocês distorcem tudo, muitas pessoas sobreviveram aos muscle cars e muitas morreram, morreram quando hoje não teriam morrido.
                    http://g1.globo.com/carros/noticia/2013/05/indice
                    Dá uma lida nisso, percentualmente a taxa de mortes em acidentes no Brasil é 4x maior do que nos EUA, isso porque lá o cara bate e o carro protege, aqui bate e o cara morre, em muitos casos ele não morreu porque é acidente e deveria morrer, morreu porque o carro não ofereceu proteção suficiente.

                    • O_Corsario

                      Não se exalte. Estou debatendo idéias, não batendo nas idéias.
                      Não estou falando aqui só de "fiesta x 208". Estou falando de uma busca pelo impossível, que é ter "segurança absoluta". Isso não existe.
                      Mas concordo que temos vários níveis de segurança, e que os carros no Brasil deixam muito a desejar, seja pela sua construção, seja pelos seus equipamentos.
                      Porém, o buraco é mais fundo.
                      A taxa de mortes é 4x maior em relação aos EUA mas não apenas por isso, embora por isso também. Compare as estradas daqui e as de lá. Compare os motoristas. Compare a fiscalização.
                      É muito mais fácil culpar o "carro" como responsável pela morte do que culpar o governo que faz estradas de pista simples, do que culpar o cara que ultrapassa sem condições de visibilidade, do que culpar a PR que não faz nada, que culpar a falta de sinalização, etc etc. Ou seja, o que causa mortes no trânsito são vários fatores, e os airbags e a qualidade de fabricação fazem sim parte destes fatores, mas não são os únicos. POr isso digo que existe uma histeria. Porque tem gente olhando obsessivamente apenas estes equipamentos e esquecendo todo o resto.

                    • marciors01

                      Acho que não compreendeste bem a colocação.
                      A taxa é 4x maior não em números absolutos, é um percentual, digamos, para cada 10 pessoas acidentadas um número X morre, não tem nada a ver com aqui no Brasil aconteceram 80 acidentes e lá 20 acidentes.
                      Se aqui a cada dez acidentados 4 morrem lá morre 1, é um percentual e não números totais, isso significa que aqui as pessoas morrem porque o carro não protege do acidente.
                      E isso é algo óbvio, lá não existe para vender carros com a estrutura frágil dos nossos gol, palio, clio, sandero, agile e classic (entre vários outros) que são carros do tipo bateu morreu.
                      Lá os modelos mais simples são quatro ou cinco estrelas, o sonic é um carro básico por lá, acho que o mais barato da gm, na ford é o new fiesta, então é algo lógico, se a maior parte da nossa frota é composta por carros absolutamente inseguros quando o cara bate tem muito maior chance de morrer do que em um carro seguro.

                      Eu me exaltei porque eu escrevi algo e tu respondeu como se eu houvesse escrito outra coisa, em nenhum momento comentei que alguém deve trocar de carro, apenas disse que quando temos várias opções dentro de uma mesma faixa de preço não tem lógica optar por um modelo inseguro, somente porque ele é mais bonitinho.

        • marciors01

          Só acha exagero esta exigência do esp quem não tem noção do que está comentando, se procurasse videos e informações sobre o assunto saberia que é importantíssimo, e para quem acha que serve apenas para quem quer banca o piloto digo que precisas de informar.
          O esp pode te ajudar em caso de aquaplanagem, sujeira na pista e até mesmo a desviar de um obstáculo, te ajudar a evitar um acidente.
          Sempre é necessário ter cautela mas não adianta cautela se o outro errar, se o outro motorista provocar um acidente, para estas situações inevitáveis existem abs, airbags e esp.

          • Leandro1978

            Marcio, ou vc não entendeu o que eu falei ou sou eu que não entendi o que falou. Não estou falando que é exagero a presença do esp nos carros, mas condenando a atitude das pessoas que acham que, por ter tal equipamento, pode-se tudo. Aí, meu amigo, pode o carro pode ter "n" airbags e o alfabeto em equipamentos de segurança, que não vai se salvar. Tem dois artigos sobre isso, é só procurar: "as falsas sensações de risco"

            • marciors01

              Leandro, esta estória de que os sistema de segurança vão passar uma falsa sensação de segurança é balela, o motorista imprudente é e sempre será imprudente não importa com qual carro, esta é uma idéia que vem sendo divulgada em alguns poucos sites por algum motivo que desconheço.
              Costumeiramente sou ultrapassado na estrada por gol 1.0 e uno mille a 150km/h, estes carros não tem a menor condição de rodar nesta velocidade e estes carros tem zero de segurança, mesmo assim nada impede de que o motorista ande voando pelas estradas.

              E ainda existe outro ponto, considerando que determinado motorista seja imprudente, ande rápido demais e faça curvas em velocidades excessivas, o esp estará lá para ajudar o inconsequente a não perder o controle do carro e bater no teu carro que está vindo no sentido contrário.

              Carros com abs e esp protegem não apenas o motorista do carro mas todos os outros motoristas que estão trafegando na estrada, seja por conta de imprudência, erro ou fatalidade ele irá ajudar este motorista a não perder o controle do carro.

              • Edson Roberto

                Esse é o problema Marcio.

                Se você for ultrapassado em reta por um Gol ou Mille nessa velocidade é uma coisa, agora, ele está pondo em perigo outras pessoas que estão andando no limite estabelecido pela via (ainda que exista aquela velha discussão sobre rodovias que ofertam possibilidades de maior velocidade), entretanto, se essa mesma pessoa fizer curvas a 150km/h onde há um aviso de 60km/h (ou seja, curva perigosa), pode ter certeza, ter ESP ou ABS em nada irá lhe ajudar a faze-la em 150km/h. Essa pessoa vai beijar qualquer barreira que estiver pela frente.

                O que o ESP pode fazer é, se a pessoa estiver em uma determinada velocidade que seja compativel com a via, algo aconteça que ela possa perder a estabilidade, ela acaba por compensar através dos freios e ser feita a correção a tempo.

                Ou seja, era algo que o limite do carro conseguiria controlar, ao contrário da imprudencia.

                • marciors01

                  Edson, veja os videos que postei abaixo.
                  Claro que existe limite para a atuação do esp e possivelmente um gol a 150 em uma curva de 60 não fosse controlável, mas eu não sei se estas pessoa que me ultrapassagem mantivessem esta velocidade nas curtas eu teria visto um acidente, certamente eles diminuem.
                  Um argumento muito usado contra o esp é que a sua atuação é limitada, que se o carro estiver muito rápido ele não atua, mas roberto, veja os videos que postei, o esp controlou um carro a 112km/h NO GELO, ou seja, a margem de atuação do esp é bem larga, ou seja, se tu entrar em uma curva 40km/h acima do limite ele irá controlar o carro.
                  Além disso, novamente (e novamente,e novamente) o esp não foi feito somente para segurar um carro que esteja em excesso de velocidade, ele ajuda em casos de aquaplanagem, sujeira na pista e te ajuda a desviar de um obstáculo, te ajuda a iniciar e a completar uma manobra de emergência, assista aos videos.

              • Leandro1978

                Você ainda não entendeu o que estou falando. Não estou condenando os equipamentos de segurança. Muito pelo contrário. Por mim, seriam todos obrigatórios. O que condeno é a atitude do motorista. Eu possuo dois carros, um 1998, sem nenhum destes equipamentos. Outro, 2012, com abs, ebd, airbags, esp, hill holder. Quando estou com o mais velho, tenho um comportamento que me dá uma margem de segurança para, em caso de alguma necessidade, conseguir desviar ou parar a tempo de evitar uma colisão. Com o 2012, é o mesmo, claro que, sendo mais moderno, tendo uma suspensão e freios mais eficientes,ele vai me dar uma maior margem de segurança, mas isso não fazer com que eu a ultrapasse. Outro exemplo, uns dez anos atrás, tinha um Corsa Sedan, em uma viagem pela Rodovia dos Bandeirantes, peguei uma chuva torrencial, que me fez diminuir para algo em torno dos 60 km/h. Foi o que fiz, fiquei na faixa centra e andei de forma cautelosa. De repente passa um Vectra bem acima dos 100 km/h. Não deu outra, não andei dois minutos e o cara estava rodado no canteiro central. Ok, se ele tivesse esp, abs etc (naquela época eram raros) poderia não ter rodado. Agora te pergunto, por que o cara não andou numa velocidade compatível com as condições daquele momento? Eu, com um carro inferior cheguei em casa são e salvo, sem problema algum. O cara, com um "carão", teve problemas. Está vendo a diferença no comportamento? Então, mais uma vez, eu acho que os equipamentos de segurança devem ser obrigatórios. Mas o comportamento do motorista deve ser responsável também.

                • marciors01

                  Eu já penso que o cara passou voando não porque estava em um vectra, mas porque é um irresponsável, quando chove e reduzo a velocidade sou ultrapassado por todos os tipos de carro, deste carros caros até gol 1.0, ou classic.
                  Eu não acho que o tipo de carro influencie, o motorista brasileiro é na sua média inconsequente, acha que pode fazer as próprias regras, mas o brasileiro médio se comporta desta maneira em praticamente todas as suas atividades, de onde tu achas que saem os políticos corruptos? Sai do povo, ele apenas conseguiu uma posição que forneceu poder e possibilidades para ser corrupto.
                  Agora somente porque o motorista brasileiro é irresponsável não precisamos nos preocupar com a segurança do carro? Claro que sim, um carro com esp e abs pode te permitir escapar do acidente provocado pelo imprudente, é assim que eu penso.

            • marciors01

              Este outro video é ainda mais impressionante, o teste do esp começa em aproximadamente 6min e 20seg, é possivel ver que o esp mantém sob controle um carro a 112km/h NO GELO, não neve mas GELO.

              [youtube j-hHWSQhKuc http://www.youtube.com/watch?v=j-hHWSQhKuc youtube]

            • marciors01

              Estes outros dois videos também são interessantes, um é um teste prático com motoristas comuns e o outro uma explicação de como funciona o sistema.

              [youtube akiyRph7ubY http://www.youtube.com/watch?v=akiyRph7ubY youtube]

              [youtube HWR79x1KW1A http://www.youtube.com/watch?v=HWR79x1KW1A youtube]

              • dougkmt

                Muito interessante e didático o vídeo, Márcio. Bela contribuição pros motoristas e leitores!

                Por estes motivos, farei questão de comprar os próximos carros com ESP! ;)

        • Sias

          Neurose….alguns casos precisam de tratamento.

    • thales_sr

      Pois é. Esses dias fui dar partida num carro sem ESP e ele explodiu! Hoje em dia, carro só com ESP, pois mesmo parado um carro sem ESP pode derrapar e ser atraído por um poste.

      • CyborgPilot

        KKKKKkkk. Não faz isso, quase engasguei almoçando aqui.

      • Juniorfillingam

        essa foi d+, cara essa foi boa !!!

      • sheldonmendes

        heuaheuaheuahue, me convenceu, meu próximo carro vai ter ESP!

    • Magnus Cordeiro

      Andei a vida toda com carro sem ESP e nunca coloquei minha vida em risco , já até tive carros com ESP(Classe A 190) . . . . hoje meu carro tem mais de 350hp , 4 airbags , abs . . . . mas não tem ESP por ser um auto mais antigo e mesmo assim me sinto muito seguro nele , não acho que minha vida está em risco . . . . carro sem ESP só é risco para a vida dos nó cegos que não conseguem ter o controle sobre uma máquina e precisam de um computador pra fazer isso por eles . . .me desculpe , eu sou de uma época em que carro de macho se chamava cadeira elétrica , a gente acelerava , tirava racha , preparava motor na raça . Eu capotei um escort XR3 1.8 turbo em 1995 na marginal tietê a mais de 180km/h e to aqui vivo sem nenhuma sequela . . . . . . esse negócio de ESP ai é ótimo , mas não é desculpa . . . . .

      • jaozinho

        Tem cada um por ai que meu deus.
        Melhor nem contestar, vai que é doença.

      • netovski

        É só respeitar os limites das vias e dirigir direitinho que dificilmente você vai precisar de ESP.

        Airbags, principalmente os de cortina, esses sim não dependem de você. Maluco e bêbado furando cruzamento é o que não falta.

        • marciors01

          Novamente, só afirma este tipo de coisa quem não tem noção do que está falando.
          Sujeira em uma curva é suficiente para o carro perder o controle, água na pista também, o esp é útil também para evitar um acidente, desviar de um obstáculo, seja um animal ou até de outro carro que tenha perdido o controle.
          Ninguém está livre destas situações, ter o esp pode ser a diferença entre escapar destas situações ou não.

          • Sias

            Não quero criar polêmica, mas quanto tempo tu tens de carteira?

            • marciors01

              Tu parece ser o típico motorista ignorante que imagina estar sempre no controle, possivelmente nunca tenhas passado por uma real situação de emergência e percebido que nestas situações muitas vezes o carro simplesmente não responde.
              No momento que os pneus perdem tração, seja por sujeira, água ou em uma manobra de emergência não importa que tu saibas o que o carro deve fazer, ele não faz, e é exatamente por este conta deste tipo de motorista excessivamente autoconfiante que ocorrem muitos dos acidentes.
              Tu acha que é o cara, bom motorista e resolve qualquer pepino e um belo dia te estrepa, dá uma olhada nos videos sobre esp que postei.

              • Sias

                Pra começar: o ignorante é tu que não sabe responder uma simples pergunta.

                Segundo: não respondeu quanto tempo tem de CNH. Será que tem?

                Ignorância é ficar bitolado em certas idéias, desmerecendo o que pensam os demais. E sim, tenho muita confiança no meu braço. Já dirigi carros que muitos nunca viram ao vivo, pois nem nascidos eram. Tem motorista que se largar um carro sem câmbio AT e direção hidráulica, não sai do lugar.

                • marciors01

                  Ficou muito óbvio a tua pergunta sobre o meu tempo de cnh, não é preciso ser nenhum gênio para perceber qual era a tua intenção.

                  • Sias

                    Por mais que tu ache o contrário, quero entender o porque tu acha que ESP é indispensável. Já te acidentou porque não tinha este item? Já se livrou de cidente por causa dele?

                    Não estou nenhum pouco afim de arrumar discussão desnecessária, mas a discussão no sentido conversar, sobre os motivos de se ter determinada posição….é o que se tenta por aqui.

                    Eu….eu….nunca passei por situação que ele fizesse falta, nem como motorista, nem como passageiro. Levo em consideração que, quanto mais seguro um carro for, melhor e prezo pela abundância de itens, mas não seria suficiente pra desistir da compra.

                    • dougkmt

                      O lance é respeitar a opinião alheia. Não digo que algum de vcs desrespeitou, pelo contrário, estão expondo os cenários pra cada um. Mas eu, particularmente, farei questão de ter ESP nos próximos carros, mesmo andando de boa, pegando trânsito em SP, e nunca ter passado por colisões graves ou gravíssimas.

                      Especificamente a esta matéria e na faixa dos 50k, fica difícil escolher pra mim, pois gostei bem mais do acabamento e visual do 208, mas o New Fiesta é muito mais equipado e condizente com os preços cobrados (longe de ser o justo pro mercado). Por isso, se fosse pra escolher um deles, levaria o New Fiesta Titanium, tanto MT ou PS, comparando com o MT ou AT do 208 Griffe. Mas pelo valor cobrado, a situação mais óbvia pra mim é partir pros médios, o que acaba elevando a conta se eu quiser realmente no mínimo 4AB e ESP. Tá complicado, viu, rs!!

                    • Edson Roberto

                      O problema é que a noticia inteira trata das versões em que o208 está em pé de igualdade ao Fiesta….. (1.5 S)

                      E então, vemos aqui falando de que, quem compra carro sem ESP é um maluco disposto a morrer por causa disso. Então nesse ponto, eu discordo. Ter ESP é algo que eu desejo em meu proximo carro, mas não uma necessidade porque eu morreria se naõ tivesse. Nesses casos de exagero em pensar em segurança, eu nem vou por materia de segurança, vou mesmo pensando em nossos pais com carros que sequer tinham itens de comodidade (pelo menos o meu pai que durante muito tempo só tinha condições de ter Fusca).

                      Então é assim, legal pensar em segurança, mas conforme a noticia eu iria de 208. O proprio dono do 208 comenta que, caso fosse pagar mais, iria pesnar melhor, já que nesse caso o Fiesta é superior em equipamentos. Eu gostaria e quase comprei um Fiesta Titanium Powershift. O que me fez voltar atrás é entender que ele é novo no mercado, tem diversas reclamações de acabamento e lataria, o que faz eu pensar esperar esse inicio para talvez quem sabe, adquiri-lo depois.

                • JPaulo10

                  Sias, assino embaixo seu comentário, embora quase dois meses atrasado.

          • thales_sr

            Não quero criar polêmica, mas quanto tempo tu tens de carteira? [2]

      • Eugenio C.

        Olha, coloca um adesivo com seu nick bem grande na lataria do seu carro, please? Vou ficar torcendo pela próxima capotagem a 180km/h…

        (ainda mais que um amigo de infância morreu numa capotagem em um Escort XR3, em 1997, quando perdeu o controle em uma curva numa rodovia a menos de 100km/h numa noite chuvosa, possivelmente vencido pela fadiga)

      • CelKitem

        Levando em conta o que vc mesmo disse … carro sem ESP só é risco para a vida dos nó cegos que não conseguem ter o controle sobre uma máquina .. entao vc eh um desses "nó cegos" que capota a 180km/h e um ESP pode ajudar vc sim.

        • Edson Roberto

          DU-VI-DO.

          Estar a 180km/h com ESP não ajuda muito se o carro não for preparado para lidar com esta velocidade. E não, o Escort não tem preparação para isso.

    • Thiago_NCO

      Discordo totalmente. O maior e mais importante item de segurança é o MOTORISTA.
      E outra, pra quem vai passar 95% do tempo nos semáforos e engarrafamentos de Sampa, diz aí, qual a utilidade do ESP?

      (Não estou ignorando a utilidade do ESP, mas descartar de cara o 208 por isso é muita falta de informação)

      • FlavioBlom

        A questão é: se um carro custa um valor parecido e oferece o item, talvez valha a pena conhecê-lo melhor.

      • marciors01

        Na verdade a falta de informação é achar que equipamentos como esp e multiplos airbags são dispensáveis, é triste ver alguém com este tipo de mentalidade.

      • Edson Roberto

        Thiago, vou além.;….

        O cara justificou a compra do 208 que em vista de preço, entre o Fiesta e o 208 AMBOS não possuem nas configurações citadas, o ESP.

        Portanto, realmente é mais um motivo pelo qual essa discussão de ESP me parece um tanto estranha.

    • eric

      ESP não salva vidas, se tu andar rápido e com imprudência tu pode morrer num carro com 10 airbags e com todos os sistemas de segurança. O mais importante é o motorista.

      • marciors01

        Este tipo de pensamento de que o mais importante é o motorista não passa de uma ilusão, o que o esp pode fazer para controlar o carro ninguém pode.
        Por conta destes tipo de ignorância é que eu agradeço pela obrigatoriedade dos airbags e abs, se fosse por conta do brasileiro os carros nunca teriam abs e airbag.

    • Rmonteggia

      Tu leu o que o cara escreveu?? Nas versões até 42 mil nem um dos dois tem ESP, logo o New Fiesta não é melhor!

    • toledo121

      já sofri dois acidentes de carros. um deles bem grave. se nos acidentes tivesse esp poderia ter evitado. agora já acho loucura o carro não ter esp!

      • Eugenio C.

        Como foram esses acidentes, e como o ESP poderia tê-los evitado? Fico curioso por saber a história, pois nunca vejo relatos sobre acidentes sofridos pelos leitores e como os equipamentos de segurança ajudaram (o único que me lembro foi o do leitor que tinha uma Mégane GT e bateu de frente com um hintelijente sóbrio demais que entrou na contra mão).

        • Edson Roberto

          Eu vou dizer o meu caso: Estava na Via Anchieta a 90km/h (limite da via) e veio um cara com um Corsa C costurando, eu estava na direita qdo ele entra na minha frente e freia, conclusão: Ao tentar freiar, o piso estava escorregadio (estava chuviscando) e ao tentar desviar, levei o carro a mureta lateral que levantou meu carro e acionou os dois air bags frontais.

          Como era a parte de junção das pistas da marginal e expressa (eu estava na expressa), "só" atravessei 5 faixas de uma vez só após a batida.

          Se eu tivesse naquele momento o ESP, ele teria equilibrado com o controle para que eu pudesse corrigir.

          Além disso, eu creio que sinceramente, um ABS com EBD já teria tido esse feito.

    • Carlsson

      "Comprar um carro sem ESP é loucura, é por a vida em risco."
      Se te derem uma moto 1000cc então vc se borra todo antes mesmo de ouvir o forte ronco do escapamento? O que dirá andar nela…

      • marciors01

        Nos dias de hoje o cara que sobe em uma moto sabe que está arriscando a vida, isso é ponto pacífico, se anda de moto por motivos financeiros ok mas se for por escolha o cara não passa de um suicida em potencial.

        • Edson Roberto

          Todo mundo que anda em qualquer veiculo automotor, está arriscado a sofrer acidente e, qualquer pode colocar sua vida ou a dos outros em risco em qualquer carro.

          O ESP por si só não garante sobrevivencia para imprudencia não.

          • marciors01

            Garantir não garanta, mas ajuda demais, e pelos teus comentários vejo que ajuda bem mais do que tu imagina.
            Pelo que posso ver tu é adepto da idéia de que "estou num carro então posso morrer, é normal"
            O cara presencia um acidente e assiste a um uno ficar desmanchado, todos mortes, e pensa "é normal, foi um acidente" ao invés de pensar que se estas pessoas não estivessem em uma lata de sardinha talvez estivessem vivas".

        • macumba_online

          Agora você falou a maior bobagem da sua vida. Ando de moto e não é por questões financeiras, e me considero mais seguro na minha moto do que de carona num carro com alguém com uma mentalidade dessas…. "nos dias de hoje" nada mudou… Trouxas sempre existiram, estradas ruins e boas sempre existiram… outros motoristas sempre existiram…. Acidentes sempre existiram e existirão. Andar de moto não é pra qualquer um não meu amigo…. E te garanto que não há nada de suicida nisso.

          • marciors01

            Falei bobagem nenhuma, andando de moto o parachoques é a tua cabeça, tu pode tomar todo cuidado do mundo mas de nada adianta se um barbeiro atravessa na tua frente ou bate na moto, já era.

            • macumba_online

              Se vc tá convicto de que é assim que funciona, não vou nem discutir… Só toma cuidado que vc pode estar andando certinho, na boa, a pé mesmo, e vir um barbeiro e……

              • marciors01

                Na verdade é o que sempre vi acontecer, amigos ou conhecidos que não são irresponsáveis, se cuidam e não conseguiram evitar acidentes, alguns com consequências séries e outros não.

    • saosao

      Em 1920 sofri um acidente com meu Ford T, desde então vim reclamando que eu só iria comprar carro quando inventassem algo que eu denominei ESP. Hoje ele já existe, agora posso comprar meu carro!

  • Renato_Dantas

    Neste caso já perguntei e não consigo entender a Ford com sua revisão a cada 6 meses que sempre vence primeiro que os 10.000 km, e no caso do pós venda quem leva vantagem?, a Peugeot consegue ser pior que a Ford?, ou as duas pelos relatos são de doer., quem desvaloriza mais?, ouvi no posto de gasolina que o sujeito pagou R$ 30.000,00 no 208 e 2 anos depois a ccs só pagava R$12.000,00 na troca por outro, resumindo gosto é igual a bumbum cada um tem a sua.

    • Rafael_rec

      30.000,00 num 208? Diz onde fica essa concessionária que eu vou buscar o meu hoje e volto dirigindo.

      • thales_sr

        E perceba a sutileza, como ele tentou vender 2 anos depois, o cara comprou o 208 em 2011, pelo menos. Acho que por isso que ele não conseguiu muito preço, comprou um 208 protótipo de fábrica ainda…. rs

        • Leandro1978

          Ah, vai que ele era o Marty McFly ou o Doc Brown…rs…

          • Edson Roberto

            Nada… lembra que era para existir o "Back to the Future 4"? Então… está ai em prototipo e não sabemos ainda…rs

            Falando sério… se o cara pagou no 207 R$30000 e vendeu por R$12000, é culpa dele. Queriam me dar no meu C3 R$14000… e nem por isso vendi. O carro vale R$22000!!! rs

    • ZEKINHA71

      Nossa já tem no Brasil 208 com dois anos de uso, sendo que ele só existe no mundo há um ano.

    • gustinu

      Foda é o cara que consegue comprar um carro mesmo antes do seu lançamento.

    • eric

      Nem mesmo na Europa o 208 tem 2 anos, como ele comprou um 208 a 2 anos atrás. Talvez tu ta falando do 207, só que isso é papo, eu tive um 207 XRS, comprei em 2009 0Km paguei 39 mil, troquei por um 208 Griffe em abril me pagaram 25 mil por ele. Venderam ele (207) em dois dias.

      • Eugenio C.

        Penso que deve ser um 206, esse sim tem muita loja oferecendo menos de 13 mil por ele…

        • Edson Roberto

          Deve ter sido um 207 mesmo. A versão X-Line ou de entrada da epoca.

    • ttdark

      Cara, mas isso é muito relativo, eu tava conversando com um cara num rodeio, e ele disse que o primo dele comprou um new fiesta em 2009 por 27 mil reais e na hora de vender, um ano depois, na css não quiseram dar mais que 5 mil, isso na troca de um fusion hybrid…

  • Robson

    Concordo com o que você disse. Mas o 208 só passou a ser melhor compra a partir dessa "nova" versão que a Peugeot lançou, antes não era. O buraco era grande demais da versão inicial para a próxima. E ai o New Fiesta dava uma lavada, pois pelo valor do 208 com o teto, já dava quase pra pegar o NF 1.6 SE

    • netovski

      Essa nova versão que nem existe mais no configurador da Pug. Agora é só active normal e allure.

      • eric

        Entra no configurador seleciona Active, ai seleciona Opcionais, vai ta lá o opcional Pack que custa 3000 reais e adiciona Faróis de neblina dianteiros + Rodas de liga-leve 15" + Volante em couro + Central multimídia touchscreen de 7" e GPS + Rádio MP3 + Comandos no volante + Bluetooth + 4 alto falantes e 2 Tweeters + Entrada USB e auxiliar + Retrovisores externos elétricos.

        • netovski

          Opa fechou apareceu certinho 3000 reais valeu!

  • Jorge

    Eu adicionaria uma outra variável a existência de concessionária. Em muitas cidades do interior a Peugeot não está presente.
    E concordo com a avaliação do autor, até 43 mil o 208 é superior ao Fiesta

    • netovski

      Nos 39 mil, o fiesta S é mais interessante que o 208 Active. É com a central integrada de 7 polegadas e (discutivelmente) o teto panorâmico que o 208 começa a ficar mais interessante.

  • Metallica88

    Para mim todos os pontos positivos que o autor citou sobre o 208 são insignifcantes, como por exemplo o consumo, os 4 litros do tanque, 4 litros do porta malas e 5cm do entreeixo e os R$400 de diferença da manutenção, eu nunca mudaria de idéia entre dois modelos apenas por estes itens, mas mudaria de idéia sim pelos 7 airbags, esp, som etc… Mas não condeno o autor ter comprado o 208, cada um tem o seu gosto, mas falar que o 208 ganha por estes itens que o autor citou eu discordo.

    • O_Corsario

      Até pq isso é relativo, se o cara roda 10.000km por mês, uma diferença pequena no consumo já faz diferença, e 4 litros de gasolina no tanque representam uma autonomia a mais, por exemplo.

    • oscar_fr

      Mas nem todas versões do Fiesta tem 7 airbags, por exemplo.

    • Thiago_NCO

      Vou bater nesta tecla novamente:
      7 air bags e ESP perdem importância quando você adquire o carro para ficar preso nos engarrafamentos das metrópoles, para ir todo dia no trajeto casa-trabalho-casa, para ser carro de rodizio, etc.
      Ou seja: o 208 pode sim ser uma excelente compra, dependendo do uso destinado.

    • netovski

      Os demais itens que você destacou até que não mas o entre-eixo que se reflete em espaço para o banco traseiro é relevante sim pra quem anda com pessoas atrás.

      Se não leva gente atrás vai querer 4 portas pra quê então?

      Os itens de segurança aparecem na Titanium, antes dos 50k em termos de itens de segurança os dois estão no mesmo nível.

      • thales_sr

        Rapaz, eu quero 4 portas pra poder jogar meu baixo no banco do fundo… Mas não costumo carregar gente no banco de trás.

    • Rmonteggia

      Se tu rodas pouco no 208 vai fazer uma revisão ao ano no Fiesta 2 ai vai aumentar muito a diferença dos 400 reais que é só a soma das 6 primeiras revisões.

      • dougkmt

        Sim! Ele esqueceu de pensar nessa situação. Pro cara que roda 5.000km por ano faz muita diferença, caindo pela metade o valor das revisões, já que o 208 estaria na 3ª revisão e a do New Fiesta na 6ª revisão, com os mesmos 30.000km.

        • macumba_online

          o possível ganho nas revisões provavelmente desaparecerá quando da venda, já que o 208 (novamente provavelmente) desvalorizará mais que o New Fiesta. Pelo menos é isso que vejo em cidades pequenas e médias aqui do Sul…

  • Fábio

    Nas versões 1.5 o 208 leva vantagem. O desempenho dos dois nem é tão distante assim um do outro no dia-a-dia, agora o acabamento…

    • marciors01

      Fábio, o fiesta 1.5 faz 0 a 100 em 11s e o 208 1.5 em 12.4s, não são números de fabrica mas dos testes, a diferença é bem grande.

      • Claudio

        Marcio, o 1.5 faz 0-100 em menos de 11…acho que 10,5…são 2 segundos mais rápido que o fiesta 1.5…peugeot é mais leve, as marchas são mais curtas, os engates curtíssimos e precisos, e um "pentelhésimo" a mais de torque…no dia-a-dia, essa força no arranque faz falta…

  • O_Corsario

    Interessante pelo ponto de vista de equipamentos e itens de série. Por este prisma, o 208 leva a melhor nas versões básicas e o Fiesta nas versões mais equipadas.
    Mas eu levo mais em consideração a dinâmica do carro, e depois disso vejo qual a melhor versão que posso comprar.

    • marciors01

      Corsário, ele se equivocou em muitas colocações, o fiesta 1.5 é muito mais rápido e a diferença nos equipamentos das versões básicas é maior, ele esqueceu de incluir espelhos elétricos do fiesta, e convenhamos, desde quando led's são importantes?
      Prefiro som com bluetooth, alarme e espelhos elétricos.

      • PortoWF

        Led é importante para quem se preocupa com estética.

        • O_Corsario

          Cá entre nós: acho LED o negócio mais hiper-valorizado do mundo. COisa de quem gosta mais de acessório do que de carro.

          • PortoWF

            Totalmente fora da realidade, até pq o LED em sí é uma tecnologia que barateia e melhora e eficiência da iluminação comum, mas , como tudo no Brasil, ganhou ares de Item de Luxo e jogaram o preço lá em cima.
            Imagine a margem de lucro desses caras?

            • O_Corsario

              Mesmo lá fora o LED ainda é um negócio de luxo e diferenciado, até entendo ser caro por ser tecnologia nova e tudo o mais, mas é um item que não é minimamente prioritário para mim.

              • PortoWF

                Ahh eu tb não dou a minima pra isso, mas tem gente que quando vê, brilha os olhinhos! rs

                Lembrei agora da preocupação estética do Dudu com o Golf versão de entrada que tinha faróis tradicionais, sem led, sem xenon.
                Perguntei pra ele se quando ele acelerasse o carro se ele ia lembrar qual era o tipo de farol equipado? kkk

                • O_Corsario

                  Pois é, aliás a maior crítica da galera em relação à VW é essa, "ah vão me confundir com um carro barato", ou seja, no fim todo mundo fala, fala, mas morre no desejo do status do mesmo jeito.
                  Lógico, se eu achar feio e me incomodar é uma coisa, mas entrar na onda só para os outros acharem bonito? Se eu olhar o carro sem LED e achar que ficou feião e me incomodar tudo bem.

                  • PortoWF

                    Ou do contrario tb, será que salvariam o Agile e o Etios se colocassem Led? kkkkkk

                    • Edson Roberto

                      Para alguns? Salvaria! rs

      • Hofmann

        A afirmação dos LEDs do 208 também estão equivocadas, por sinal. LED nos faróis, somente na versão Griffe 1.6 (que também tem projetor elipsoidal no farol baixo). As outras versões tem luz diurna de lâmpada comum.

      • O_Corsario

        Pode ser. Mas repito, tudo isso é acessório, eu andaria nos dois e veria qual me agradava mais, isso é o mais importante.

        • marciors01

          Mas é claro, estamos falando de pouca coisa como cd player e espelhos elétricos, não é o mesmo caso das versões mais caras onde a diferença é bem maior.
          Eu fiz o test drive e também gostei mais de dirigir o fiesta, apesar de o interior do 208 ser bem mais agradável.
          Achei o fiesta superior em desempenho, suspensão e câmbio, mesmo no câmbio manual o fiesta ainda é superior, no automático a diferença aumenta bastante.

          • O_Corsario

            Pois é, eu penso que depois de escolher o conjunto que me agrada, aí vejo qual a melhor opção para mim de equipamentos que aquele modelo oferece.

            • marciors01

              Eu penso um pouco diferente, considerando que são dois bons carros e não ficaria infeliz com nenhum deles, opto pelo que me oferece mais, primeiro em segurança e depois em conforto e desempenho.
              Claro que não escolheria um carro que me oferecesse o conforto de um uno mille, mas tanto fiesta quanto 208 são bons carros, são bonitos e confortáveis, nesta situação minha decisão é mais pragmática.

              • O_Corsario

                Pois é, não posso falar pois nunca experimentei o painel elevado do 208, não sei gostaria embora me pareça interessante.
                O que me chama a atenção é a desproporção nas versões mais recheadas, seja nas soluções técnicas como câmbio e motor, seja na segurança, onde o Fiesta oferece muito mais.

                • marciors01

                  Corsário, eu gostei muito desta posição mais baixa do volante, os ombros ficam mais relaxados, possivelmente até canse menos em viagens.

  • Fabio_RJ

    Por que as pessoas continuam argumentando que o New Fiesta é melhor por ter 7 airbags? O autor já declarou que também acha isso e está comparando as versões de entrada e intermediárias QUE NÃO TÊM 7 AIRBAGS. Eu particularmente não volto pra Ford por causa das revisões a cada 6 meses. O mesmo vale pra VW. Cada revisão é mais uma chance pros "mexânicos" estragarem o carro.

    • AlessandroSr

      Revisão VW do Spacefox daqui até hoje não sabia que um barulho que o carro fazia era o amortecedor dianteiro….e olha que loja está a anos no mercado…

      Em compensação fui em concessionária da Peugeot e da Citroen….fomos bem atendidos (do Leão fomos muito bem mesmo), na da GM….deu até nojo, amigo meu (no qual que fui nessas concessionarias) foi na ford e tbm foi super bem atendido….as da GM perto daqui parece que gostam de "tiozão"….não é atoa que meu amigo tem um Ford…

      E sim fiquei apaixonado pelo 208….mas o fiesta…ah o fiesta…amigo meu está nesse dilema, mas já convenci ele aguardar mais, pelo focus….

    • marciors01

      A versão intermediária do fiesta não tem sete airbags mas tem ar digital, vidros elétricos traseiros, controle de tração, controle de estabilidade e um desempenho infinitamente melhor, são 130cv contra 93cv.
      Esta versão intermediária do fiesta bate de frente até com a active pack do 208 que custa apenas 3k a menos, a diferença de equipamentos e desempenho é tão grande que estes 3k não compensam.

  • rubensvillaca

    Confesso que sou apaixonado pelo new fiesta, acho muito bonito e completo, mas o acabamento interno do PUG tá matando a pau!

  • Anderson_sp

    Tá mais pra papo de vendedor do que de comprador.

    • HFritz

      Até cheguei a procurar o selo de propaganda.

      • eumenespq

        kkkkkkkkkkkkk

  • Marcus

    Meu .. porque toda vez que se fala em New fiesta ou 208 o pessoal fala, isso é popular, não existe compacto Premium, eles vieram para substituir o antigo bla bla bla

    O punto veio para substituir o Palio .. e…. é compacto Premium
    O polo veio para substituir o Gol ….e ….. é compacto Premium…

    Então se o carro se posicionou como Premium, (mesmo que não pareça) vamos para com isso pois é chato ler toda vez a mesma ladainha dos defensores de VW que andam com seus volantes tortos e FIAT (feito no inferno andando na terra)

  • HFritz

    Tenho pesadelos de saber que alguém compra um carro com motor 1.5 (89 pôneis) 8v dos anos 90 pelo preço que está sendo cobrado.

    • ARISTEU

      prova de que o motor é bom né

      • Dragoniten

        Prova de que o consumidor brasileiro não entende nada de nada.

      • shemhazai

        muito bom, 0-100 com tempo melhor que muito medio de motor 2.0

        • marciors01

          shemhazai, errado, aquele é o tempo declarado pela peugeot, em todos os teste ele leva mais de 12s até 100km/h, na QR 12.4s contra 11s do fiesta 1.5.

          • shemhazai

            12.4? Mais rápido que o velóóóster kkkkk!

        • MM_

          0-100 de muito carro pequeno é rápido por conta de marcha muito curtas, o q faz o carro se esguelar em altas velocidades.

          Prefiro qqr médio 1 segundo mais lento no 0-100 do q essas cadeiras eletricas.

    • luiz felipe

      prefiro o new fiesta 1.5 tem 111 cavalos (etanol)
      e o 208 1.5 tem 93 cavalos sem comparação

      • ARISTEU

        em potência sim, mas em desempenho são equivalentes

        • marciors01

          Aristeu, não são, veja todos os testes de revistas e a tua opinião muda, por exemplo, na QR o fiesta levou 11s no 0 a 100 e o 208 12.4s, o fiesta 1.5 é muito mais rápido.

          • Waribanan

            Cara, vc já dirigiu os 2 carros? Se sim, por acaso vc sai do semáforo esticando as marchas até o pico de potência frequentemente?
            Apesar da menor potência, o 1.5 do 208 tem um pouco mais de torque e aparece bem mais cedo. No dia a dia, o desempenho é bem semelhante sim.

            • marciors01

              WARIBAN, sim já dirigi os dois carros e posso te dizer que o 208 acompanha o fiesta até 2500rpm mais ou menos, já nesta faixa o fiesta começa a ficar mais rápido.
              O ponto é que o fiesta tem agilidade mais do que suficiente para rodar na cidade, em NENHUM momento ele vai parecer lerdo, agora na estrada o 208 fica devendo, no momento em que se eleva o giro para uma ultrapassagem o fiesta vai embora e o 208 não.

              • Hofmann

                Chega-se, portanto, à conclusão de que o 208 1.5 é um bom carro, se o uso dele for predominantemente urbano (que é a lógica pra um carro desse segmento). Além do mais, o 208 1.5 é mais econômico que o Fiesta 1.5, isso é determinante pra quem quer um carro urbano. Quanto ao desempenho na estrada, já parto do pressuposto de que a pessoa que compra qualquer carro desse segmento com o propósito de rodar em estrada já errou na hora de escolher o carro. Se for pegar estrada vez ou outra, aí já não vejo problema nenhum, afinal muita gente viaja de carro 1.0 de 65~80cv e 8~10kgfm e não morreu por isso… Carros 1.0 estes que povoam a garagem de 70% dos brasileiros (infelizmente).

                Esse negócio de crucificar o carro e chamar de lixo porque ele "só" tem 93cv é coisa de piá de prédio, que assina Quatro Rodas e nunca dirigiu um carro na vida. É um carro urbano, tem consumo melhor que o concorrente e o desempenho na cidade é muito semelhante entre os dois. Na estrada a diferença é enorme, mas se a pessoa compra o carro para usar do jeito que um compacto com motor pequeno deve ser usado (na cidade), isso não faz a menor diferença.

                A compra do 208, na minha opinião, é justificável na versão de entrada Active (apesar do Fiesta S ser melhor equipado e no geral, ter melhor custo-benefício) e considero a versão Active Pack a melhor opção do segmento em versões intermediárias (levaria ela em vez do Fiesta SE 1.5 e C3 Tendance). Fora essa versão intermediária do 208, acho o Fiesta a melhor opção do segmento, olhando apenas o carro em si.

                Se colocarmos a questão das revisões semestrais do Fiesta, para quem roda pouco a diferença em favor do 208 vai ser imensa no valor gasto com manutenção, pois elas serão feitas apenas por tempo. Logo, a curto prazo a relativa falta de equipamentos do 208 acaba sendo compensada. Já para quem roda mais com o carro (os 20mil km por ano da matéria, 60mil em 3 anos), os R$400 de diferença no gasto total das revisões dos dois carros não vai afetar em nada a escolha, aí acaba sendo ponto para o Fiesta, pois a principal vantagem do 208 é quase anulada. Como se pode ver, ser "melhor compra" é extremamente relativo.

                • Sias

                  Não Hofmann, chegasse a conclusão que o pessoal compra carro por causa do 0 à 100….pra andar competindo nos semáforos.

                  • Hofmann

                    Pessoal aqui acha que comprar carro é igual jogar Super-Trunfo, rs.

                  • marciors01

                    Não sias, por qual motivo receber menos pagando o mesmo?
                    O 208 1.5 é um motor suficiente somente para a cidade, 90% das pessoas compra o carro para usar tanto na cidade quanto na estrada, quem tem o privilégio de comprar um carro apenas para a cidade até pode pensar no 208 como boa opção.
                    Mas ainda assim na versão básica abriria mão do alarme original e dos espelhos elétricos, que até na cidade são equipamentos muito úteis.

                    • Sias

                      É que acho que uma diferença de 1s é muito pequena pra se levar em conta. Os dois tem seus atrativos e defeitos. Não ter vidro elétrico nas 4 portas, desde a versão básica é um defeito que não aceito. Ficar fechando vidro quando alguém abre (e que nunca fecham)….ou meu caso, que tenho dois filhos pequenos….eu é que comando os vidros. Entre 1s e um melhor consumo, ficaria no melhor consumo.

                    • marciors01

                      A diferença de consumo é pequena e estes consumo é feito pelo inmetro em condições controladas, em situação real de trânsito esta diferença pode aumentar ou até no final o consumo ser igual.
                      No caso do desempenho a diferença é 1.4s, e acredite, é bastante, por exemplo, é maior do que a diferença de desempenho entre o peugeot 208 1.5 e o march 1.0 que fica na casa de 1s, dependendo do teste 1.2s.
                      Outro exemplo, todos elogiam como o civic 2.0 ficou mais rápido do que o civic 1.8, pois bem, na versão automática a diferença de desempenho entre os dois é menor do que 1s, algo como 0.6s.

                    • Sias

                      Acho que isto é mais sensacionalismo de revistas pra poderem elogiar (ou depreciar) um carro. 1s é muito pouco tempo mesmo. O consumo do Inmetro, em condições controladas, é outro que só serve de base, acredito mais no que quem tem divulga.

                      Já os 1.0 nem levo em consideração pois até podem acelerar junto com outro mais potente, mas isto descarregado. Colocou alguma coisa dentro…ligou o ar…tu está sem motor.

                    • marciors01

                      1s não é pouco e 1.4s é mais ainda, o problema é que tu não tem noção exata do que representa 1s, ou 1.4s.
                      Faça o teste, dirija um march vazio e depois dirija o 208 vazio, tu vai perceber claramente a diferença no desempenho, e a diferença do fiesta para o 208 1.5 é ainda maior.
                      O que me parece é que tu é um teórico, não não experimenta, não faz test drives e não tem base para comparar, estás indo pelo que a tua cabeça imagina e apenas desconfiando as revistas porque fazem sensacionalismo, mas tu não foi lá comprovar para saber se é sensacionalismo.

                    • Sias

                      Acreditar cegamente em testes de revistas já foi comprovado que não dá….já foi motivo de muita discussão por aqui.

                      Faço test drive nos carros que me interessam…não vivo dentro de ccs sem necessidade….e nem por isto sou um "teórico". Conheço bem mais do assunto do que parece. E novamente: tecer comentários pessoais só leva a discussões desnecessárias.

                    • marciors01

                      Eu gosto de carros, e isso indepente da faixa de preço, se algo realmente interessante chega no mercado eu quero conhecer, mesmo que custa menos ou mais do que as minhas possibilidades permitem.
                      Na minha opinião com isso ficamos com um conhecimento maior e uma melhor capacidade até mesmo para decidir sobre a compra de um carro.
                      Eu já conhecia bem o civic 1.8 porque um amigo possui, fiz o test drive do 2.0 para também conhecer o carro.
                      Mesmo que não tivesse outra referência para fazer o comentário, apenas baseado nestes dois test drives tenho como te dizer que o 2.0 é bem mais rápido, e ainda assim leva apenas 0.6s a menos no 0 a 100.
                      Agora, baseado nesta informação e no test drive que fiz do fiesta e do 208, posso te afirmar que estes 1.4s no 0 a 100 fazem muita diferença, o fiesta é muito mais rápido.
                      Tenho a base para afirmar isso e também a experiência prática dos test drives feitos no fiesta e no 208.
                      Acho que com isso também derrubo o teu comentário desnecessário sobre acreditar cegamente em revistas.

                    • Sias

                      Tu pensa assim…eu penso diferente. Test drive não dá nem metade da idéia de como se comporta um carro….mas….

                      E muito mais rápido. 0,6s…. Desnecessários são teus comentários pessoais, que tentam levar a discussão para o lado pessoal, atacando a pessoa e não o assunto. E sim, muitos são conhecedores de carros só por revistas e acreditam cegamente nelas.

                    • marciors01

                      Quem primeiro me atacou foi tu, eu apenas segui sendo grosseiro como tu foi comigo, nada de anormal.

                    • Sias

                      Se tu achou um ataque te perguntar quanto tempo tens de CNH….Não posso fazer nada.

                      Dá uma lida nas diversas respostas que tu postou (copiou e colou) para diversos usuários, "defendendo" tua opinião e vê quem foi grosseiro.

                    • marciors01

                      Apenas respondendo na mesma moeda, e eu sei muito bem o que pretendias com esta pergunta, ficou bem claro.

                • marciors01

                  Hoffman, no teu primeiro parágrafo chegamos ao ponto, o fiesta 1.5 tem desempenho mais do que suficiente para fazer uma viagem segura, é um carro que pode tranquilamente ser utilizado na estrada segundo os teus conceitos, a aceleração dele é igual a do cruze 1.8 manual e é mais rápido do que o cruze automático, o 208 1.5 segundo o teu critério é um carro somente para a cidade.

                  Outro ponto, quem chamou de lixo? É um carro urbano, ok, mas se pelo mesmo preço pode-se comprar um carro melhor equipado e bem mais rápido fica claro qual o melhor negócio.

                  Na verdade de entrada como comentei é justificável, eu sei que o interior além de ter design mais bonito é também mais espaçoso, mas ainda assim é preciso abrir mão de equipamentos e bastante desempenho, se o carro for utilizado na cidade exclusivamente é aceitável.

                  O problema a active pack é que ainda assim custa apenas 3k a menos do que a 1.6s do fiesta, se não houver forma de gastar estes 3k fica-se com a active pack mas a diferença de desempenho é brutal e a lista de equipamentos a mais pelos 3k é enorme, o fiesta tem a mais ar digital, vidros elétricos traseiros, hill holder, controle de estabilidade, controle de tração e um motor apenas 43cv mais forte, é 505 a mais de potência.
                  Ainda precisamos levar em consideração os melhores câmbio (manual e automático) e suspensão do fiesta.

                  Eu não acho que a falta de equipamentos é compensa com quem roda pouco, tudo depende, por exemplo este gasto a mais com as revisões na minha opinião nunca compensaria a falta de equipamentos de segurança, mas é questão de prioridades.

                  • Sias

                    Hoje olhei os sites destas duas marcas e também cheguei a conclusão que, teoricamente, o Fiesta é melhor opção….mas nas versões intermediárias. Não olhei as básicas nem as top pois não é o que quero: uma simples demais…a outra cara demais.

                    Se o Fiesta mantém o mesmo consumo do importado….melhor ainda. Uma colega de trabalho tem um mexicano e ela consegue 11km/l na cidade.

                  • Hofmann

                    Chamaram o carro de lixo ali em cima, falaram que o motor é uma desgraça, mas enfim… Cada um com seu ponto de vista, só acho que tem uns aqui que comentam pra descontar as frustrações do dia-a-dia e acaba saindo só m.erda e desrespeito mesmo…

                    Mas não entendi porque você acha que a Active Pack não vale a pena, só porque tem o Fiesta SE 1.6 custando R$3mil a mais… Você comparou laranjas com bananas. Primeiramente ressalto que o Active Pack faz par é com o Fiesta SE 1.5, que custa a mesma coisa e vem menos equipado. Em segundo lugar, R$3mil nessa faixa de preço entre 40 e 46mil faz uma enorme diferença – geralmente a pessoa compra a versão de R$43mil já apertando o orçamento, não tendo condições de levar a de R$46mil, por isso não dá pra comparar.

                    Se você olhar as listas de equipamentos, dá pra ver o por que do 208 só valer a pena nas versões de entrada. Compare: 208 Active 1.5 com Fiesta S 1.5 /// Active Pack 1.5 com SE 1.5 /// Allure 1.5 com SE 1.6 /// Griffe 1.6 com Titanium 1.6

                    O 208 que deveria ser equivalente ao Fiesta SE 1.6 que você citou é a versão Allure, o problema dessa versão é que enquanto vem com GPS, tela touch, acabamento melhor que o do Fiesta e teto panorâmico, ao mesmo tempo faltam coisas simples como vidros elétricos traseiros, itens importantes como o ESP (que tem no Fiesta SE 1.6 e não existe no projeto do 208 fabricado aqui), além do motor ainda ser o apenas suficiente 1.5 das versões de entrada. Nesse caso, não tem nem como defender o 208.

    • oscar_fr

      Não precisa ter pesadelos não viu Fritz. Estou é muito feliz com o carro já que tu te preocupado tanto. E olha não estou nem tendo pesadelos pelo teu Mille. Abraços.

  • oscar_fr

    Quando li o título até pensei será que eu escrevi o texto e nem me lembrava pois também estou sempre aqui protegendo meu 208 :D O carrinho é fantástico, não merece tantos comentários negativos que recebe por aqui.

    • Lucas

      Não vejo comentários negativos direcionados ao 208
      O que vejo são comparações diretas ao New Fiesta, falando exatamente que ele: ganha em acabamento e mimos tecnológicos; e perde em mecânica e segurança.

      • marciors01

        Também não acho que ganhe e mimos tecnológicos, o que ele tem a mais se resume ao sistema de áudio com gps, no restante ele não tem nada que o fiesta também não tenha.

  • ctnmartins

    Apenas para complementar o bom texto:
    Itens de série no NF não citados no texto mas que deveria ser padrão em todos os concorrentes (alguns desses itens tb são de série no 208):
    * Abertura e fechamento das portas com controle remoto integrado na chave;
    * Abertura elétrica da tampa do combustível;
    * Abertura elétrica do porta-malas;
    * Acendimento automático das luzes de emergência após frenagem brusca;
    * Ajuste de altura e profundidade da coluna de direção;
    * Alarme volumétrico (ao contrário do que foi citado no texto);
    * Chave canivete c/ função keyless (acionamento de alarme e travas elétricas);
    * Direção elétrica;
    * Espelhos retrovisores externos com comando elétrico;
    * Espelhos retrovisores externos na cor do veículo;
    * Fixadores laterais traseiros (2 posições) para cadeiras de crianças (ISOFIX);
    * Inexistência de tanquinho de partida a frio;
    Quanto ao motor, o NF é bem melhor que o 208 no 0 a 100km/h, segundo testes realizados por revistas especializadas, mas o 208 disponibiliza o torque máximo em faixa de rotação menor, garantindo melhores retomadas. Na cidade ambos tem bom desempenho, mas na estrada o NF tende a render melhor.

    Eu particularmente não tenho preferência por nenhum dos dois. Se eu fosse optar por um deles, partiria para ver quem me oferecesse melhores condições de compra. Do mais, acredito que sejam dois ótimos produtos.
    Parabéns pelo texto!

    • netovski

      E querendo ou não um melhor desempenho do motor, mesmo que pequeno, acaba de alguma forma traduzindo-se em mais segurança em cruzamentos e ultrapassagens em rodovias. É mais um ponto para o New Fiesta em segurança.

      • thales_sr

        Mas o Fiesta (1.5) não anda mais que o 208 (1.5)?

        • HFritz

          Na hora que eu li achei que ele se referia ao motor do 208 e que por ser fraco era mais seguro. Mas reli e eu vi que fiu infeliz na interpretação hehe.

        • Dragoniten

          Sim, mas sabe como é né: Analfabetismo digital ataca novamente, rs.

        • marciors01

          Thales, sim o fiesta anda mais.

      • RafaPinheiro

        De acordo com um teste de outro site o fiesta 1.5 só ganha do pegeout no 0-100 por uma diference de 1 segundo enquanto nas retomadas de 40-100 e 80-120 o pegeout ganha por uma boa margem.

        • bedotRJ

          Verdade, mas eles utilizaram nas retomadas a mesma metodologia que a 4 Rodas utiliza há 40 anos: fazem as retomadas sem troca de marchas. Isso jamais configurará uma situação real de uso. Serve apenas para avaliar a elasticidade das marchas, ou seja, não serve prá nada.

          • PortoWF

            Serve sim, é a simulação de condição de uso dos Velhinhos(as) no Transito!!kkk
            Eles não reduzem marcha, simplesmente enfiam o pé no acelerador e esperam, de forma que, o Pug 208 é um carro recomendado para pessoas Idosas!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
            [piada gente , sem pedras por favor]

        • netovski

          Realmente até no comparativo que o pessoal de outro blog fez o 208 ganhava em arrancadas, invalidando o que eu acabei de dizer.

          Bom, o NF é mais seguro só em ultrapassagens então.

          • marciors01

            Segundo a QR o 208 1.5 faz 0 a 100 em 12.4s e o fiesta 1.5 em 11s, ou seja, no momento que o motorista reduz marchas o fiesta anda muito mais, a diferença é bem grande.
            Estes teste de retomada com rotações baixas servem apenas para carros 8v, o carro 16v deve ter sua marcha reduzida para render bem, e nestas condições o 208 leva uma surra.

        • ctnmartins

          Também li essa mesma reportagem, mas é necessário fazer algumas ponderações:
          1- Tanto a retomada de 40-100 km/h quanto a de 80-120km/h foram executadas em 3ª e 4ª marchas, respectivamente, em ambos os carros;
          2- Para se obter o melhor desempenho do Ford seria necessário fazer as mesmas provas em 2ª e 3ª marchas, respectivamente, de modo a se atingir os 4250RPM, ponto em que se atinge o torque máximo do motor Sigma. Como o Peugeot tem torque máximo já aos 3000RPM, este não necessita esticar tanto as marchas para se obter o máximo desempenho. Isso explica o porque o Peugeot ter obtidos melhores números. Essa informação é ratificada no trecho em que o jornalista diz " O hatch do oval azul só pulará na frente se o motorista acelerar tudo."
          3 – Os testes foram realizados com alcool, onde o NF tem 15kgfm de torque e o 208 14,2kgfm (diferença de 0,8kgfm). Na hipótese de uso de gasolina, o NF tem 14,8kgfm enquanto o Peugeot apenas 13,5 kgfm. (diferença de 1,3kgfm! a favor do NF). Fica claro que o 208 perde torque significativo quando utilizando o combustível mais consumido no país, a gasolina. Quem mora em cidades onde o valor do álcool é desvantojoso terá que optar por queimar dinheiro com álcóol ou amargar o uso de um carro mais xoxo, ao contrário do Ford;
          4- Rodando na cidade ambos são muito bons de dirigir (fiz test drives em ambos) mas na estrada o Ford se sobressai, principalmente acima dos 100km/h;
          5- O câmbio da Ford é superior ao Peugeot em todos os sentidos, tornando a condução mais agradável.

  • netovski

    Entendo quem vá de NF, tem motor superior é mais bonito e oferece a opção de AB6 (esse é o maior diferencial pra mim) além de ter uma maior rede de concessionárias. É um ótimo produto que a Ford tem no mercado.

    Mas ano que vem vou de 208. Mesmo sem opção de AB6 a visibilidade e o layout da cabine oferecem segurança no sentido de desviar o mínimo possível a atenção do condutor da estrada, evitando acidentes. Gostaria de um 208 access 1.0 VTi 2 portas sem ar condiconado mas com AB6 e ESP de série como o que é oferecido na França em opção de entrada mas o brasileiro infelizmente não é tão racional.

    • CyborgPilot

      Essa versão francesa que vc citou aí é 1.0 mesmo? Não seria 1.2?

      • netovski

        É 1.0 VTi 68 cv de injeção direta que tem média declarada de 23 km/L (com a gasolina européia, claro).

        Lá a PSA não tem essa palhaçada de cobrar pelo branco mas é a única cor sólida disponível. Na versão básica 2 portas com calotas e cor sólida ele fica em 12.250 euros.

      • bedotRJ

        É 1.0 mesmo, com 68 cavalos. Com 6 airbags e ESP de série, conforme o colega informou.

    • Gustavo Pimenta

      Só para constar, o NF possiu 7 AB e não 6 como você citou. Há o AB de joelhos para o motorista também. Sinceramente, o design do 208 interior é mais bonito, os faróis com leds dão um grande diferencial também. Teria que dirigir os dois carro para ponderar de forma correta, afinal toda compra tem o seu lado passional. Talvez ficaria com NF pela maior facilidade de encontrar peças e pela menor desvalorização. Quanto ao desempenho, acho que qualquer carro 1.5/1.6 não tem um bom desempenho, nesse quesito os dois carros ficam devendo, acabaria levando o punto T-jet pelo preço das versões mais caras.

  • chicojose

    Cara, nao me leva a mal, mas teu texto ficou otimo p comparar as versoes entre os carros. Mas quando vc coloca sua opinião de dono do 208, fica parecendo que é mais pra defender a compra do que por realmente achar o 208 melhor.
    Vejo mt isso em foruns de tecnologia.
    Quanto ao 208: – já resolveram o problema da "escola de samba" que vinha com o 206, 207?
    – As peças ainda demoram muito pra chegar??
    Se eu fosse comprar um new fiesta, compraria a versão SE powershift. Acho ela muito melhor que qualquer versão do 208.

    • Thiagusss

      foi exatamente o que o cara disse no texto, se fosse pra levar o NF teria que ser a versão top…

  • #CJ#

    Já tive pelo menos 10 peugeot, quase que consecutivos. Relato que 70% do comentários sobre franceses são puro mito. Tive 206 e 207. Quando lançou o 208, me interessei em pegar o 208, pois achei espetacular (o design então nem se fala). Mas esperei pelo lançamento do NF. Fiz o certo, pois o NF é sim superior ao 208, pelo menos por enquanto. No texto, percebe-se nitidamente que o cara ama 208 e é todo construído por caráter passional e não racional. O texto só serviu pra constatar o que eu pensava. Não existe argumentos, que atualmente, possa preferir o 208 em prol do NF a não ser o passional (ou gosto como queira).
    OBS.: Prefiro 100% o design do 208 em relação ao NF tanto interior quanto exterior, mas para mim carro está longe de se limitar a isso.

  • ctnmartins

    Como assim? O motor 1.5 do NF é inferior aos concorrentes?

    • HFritz

      Provável que se confundiu e quis dizer do 208, pois é um lixo de motor ou ele tem 206 1.4 e quer proteger essa marca meia boca. Até 1.4 dos anos 80 da GM é melhor em tudo.

      • Claudio

        "ate 1.4 dos anos 80 da GM é melhor em tudo"…..putz, fanboys haters…lamentável…

  • zeuslinux

    Eu concordo com o artigo. Muita gente fica comparando os carros usando dados das versões mais caras e comparando puramente se o concorrente tem ou não tem aquele item. Fica parecendo jogo de trunfo.

    Os dois carros tem um espectro bem grande de versões e de preços. Sem dúvida o New Fiesta tem a seu favor a possibilidade de um melhor câmbio AT mas isso não afeta quem vai comprar um carro com câmbio manual p.ex.

    Muita gente também compra carro sem fazer test drive. É preciso fazer e decidir se gosta ou não. Ainda me lembro quando deixei de comprar um Peugeot 206 zero km muitos anos atrás porque detestei o câmbio manual dele e o achei apertado, embora achasse o design dele lindo. Acabei levando um hatch médio também com câmbio manual (mas bem melhor) e com mais motor e espacço, pagando muito pouca coisa a mais.

    • thales_sr

      Cá pra nós, gostei mais do câmbio manual do Fiesta também… Achei a alavanca do 208 muito bamba…. Achei os engates do 207 melhores, até.

      • Janilson

        Meu carro antigo era um 207 passion, e eu acho os engates do 208 mais precisos, embora sejam mais longos.
        Já o NF eu ainda não dirigi

    • rogerrosato

      O câmbio do Fiesta não é AT e sim DCT.

  • Focusman

    Tenho um Carro da PSA e digo a vocês que é um martírio quando ele começa a ficar velho.

    • HFritz

      Sorte sua pois tem gente que já começa quando compra.

    • João bom senso

      Meu avo quando ficou velho tornou-se tambem um martirio

  • Fudencio

    Quem disse que o desempenho do New fiesta é pior que o do 208? Já foram testados por várias revistas e sempre o NF ficou a frente, tanto o 1.5, como o 1.6.

    Deve estar pegando os dados de fábrica.
    O motor do NF é muito mais moderno, sem falar que o cambio aut. ajuda muito! O 208 tem um cambio ridículo, que prende o carro e o faz beber muito!

  • Marcus

    Meu .. porque toda vez que se fala em New fiesta ou 208 o pessoal fala, isso é popular, não existe compacto Premium, eles vieram para substituir o antigo bla bla bla

  • Leandro

    Acho no minimo descabido a Peugeot, Citroen e Hyundai oferecer cambio automatico de 4 velocidades, eu andei em todas opcoes de cambio automatico do mercado (carros de entrada, menos Onix) e sinceramente o New Fiesta eh muito melhor que qualquer outro, ainda assim prefiro os Dualogic do que cambio com redutor de torque de quatro marchas. Quanto ao Fiesta apesar do conjunto motor e cambio serem otimos, eu fiquei extremamente desapontado com a qualidade e acabamento do interior, sendo que nesse caso as opcoes da PSA sao muito melhores. Eu ainda nao achei o melhor conjunto para minha compra, mas ateh o momento tenho achado o Fiat Punto o mais equilibrado.

    • sheldonmendes

      Redutor de torque? Não seria conversor?

  • thales_sr

    O motor do Fiesta consegue ser pior que o 1.5 do Peugeot? Achei ele (1.5 Pug) manquíssimo, se o Fiesta for pior que ele então melhor jogar no lixo… Embora tenha minhas dúvidas que esse 1.5 da Ford seja ruim desse jeito.

  • Martico

    concordo!

  • Dragoniten

    Sigma 1.5 é o calcanhar de aquiles do NF? Nem comento.

  • Antonio_Brust

    A única CSS Peugeot da minha cidade fechou, a Le Pont… está complicadíssimo dar revisão agora nos Pug's… tem que ir até o RJ.

  • CharlesAle

    Painel do 208 mais barato :<img src="http://www.meucarronovo.com.br/static/img/veic/rev/18/18063/5854588/g3.jpg&quot; =="">nem som tem!além da simplicidade do acabamento. <img src="https://www.noticiasautomotivas.com.br/images/img/f/fiesta-s-2014-interior-1.jpg&quot; =="">já o fiesta mais barato,mesmo com a simplicidade total,me parece um painel melhor….

    • Fernando

      Olha, não tinha visto ainda, mas está do mesmo nível do NF S.

      • bedotRJ

        Cara, não tá não. A foto só foca design. Mas ao vivo, no tato, percebe-se o maior esmero na construção do Peugeot, tanto na montagem quanto na qualidade dos materiais. Tecido dos bancos, plásticos do painel, área de contato na porta, tudo é mais caprichado no 208 (e também no irmão C3) do que no New Fiesta nacional.

    • bedotRJ

      Ao menos aqui no Rio, as concessionárias Peugeot estão dando som de brinde prá compensar essa desvantagem.

      Considero o retrovisor elétrico, exclusivo do New Fiesta, uma vantagem mais objetiva.

    • Waribanan

      Cara, vc tá comparando apenas fotos. Te aconselho a entrar nos 2 carros pra vc sentir a diferença.

    • Anderson_sp

      Bem mais feio que o do Fiesta, e o povo quando compara gosta de colocar aquele que tem a central integrada do 208 com o da versão simples do Fiesta pra justificar a inferioridade, este painel do 208 é tão pobre quanto do Onix 1.0.

      • oscar_fr

        Não pode pois se fosse invalidava todo o restante de seu comentário. O painel do Active é o mesmo do Allure apenas mudando que a última tem a central multimídia e volante de couro.

  • bedotRJ

    Há uma série de pequenos erros e algumas omissões no texto, mas a conclusão final é válida. De fato, nas versões abaixo de R$ 43mil, a opção pelo 208 é PLENAMENTE justificável, com diversas vantagens. A partir daí, o Fiesta possui atributos exclusivos que a Peugeot, para igualar, terá que modificar aspectos importantes na gama do 208. Poderia começar trocando o motor 1.5 pelo 1.6 na versão Allure e metendo 6 airbags de série a nas versões Allure e Griffe, sem aumento de preços. Essas são medidas que podem ser tomadas agora mesmo, sem qualquer dificuldade técnica. Mais prá frente, o ESP e, principalmente, o câmbio AT de 6 marchas como opcional para as versões Allure e Griffe. Aí não vai ter para o Fiesta.

    • Janilson

      Eu agradeceria se vc apontasse os erros…

      • bedotRJ

        ERRO: Já quanto ao desempenho, o Peugeot continua levando vantagem nas versões 1.5, pois faz de 0 a 100 em 10.7s e vai até 181 km/h, enquanto o Ford guarda como marcas 12.2s e 180 km/h.

        COMENTÁRIO: nenhum teste especializado encontrou vantagem do Peugeot em desempenho. O máximo que se falou foi em diferenças irrelevantes nos regimes baixos de rotação, fruto da curva de torque favorável a veículos de 8v. Não sei se vc utilizou números de fábrica, mas não deveria.

        OMISSÃO: Comparando as versões de entrada dos dois (todas com 2 air bags, direção elétrica, ar condicionado, ABS e vidros elétricos apenas na frente), o New Fiesta S traz como vantagem o alarme perimétrico e o som com Bluetooth, enquanto que o 208 Active tem a mais que o NF apenas o porta-luvas refrigerado e os LEDs na lanterna traseira e nos faróis.

        COMENTÁRIO: o New Fiesta traz de série, desde a versão de entrada, um importante equipamento de conforto, os retrovisores elétricos, relevante para veículos que são conduzidos por mais de um motorista (ex.: casal, pais e filhos).

        DESVIO DE OPINIÃO / SOFISMA: Antes de analisar a próxima versão, questiono: o som do New Fiesta com Bluetooth, compensa o desempenho, consumo, manutenção e espaço interno do 208?

        COMENTÁRIO: se o desempenho do 208 não é melhor do que o do New Fiesta, como opinar que ele compensa a vantagem do som com Bluetooth que o New Fiesta tem? No máximo, cabe a observação que fiz junto ao comentário imediatamente acima deste: há concessionárias Peugeot que estão fornecendo o som incluído no preço, embora isso apenas relativize a vantagem do New Fiesta nesse ponto, já que não se trata de item de fábrica.

        CONCLUSÃO: não sei vc reparou, mas eu concordo com seu diagnóstico de que o 208, nas versões abaixo de R$ 43mil, é plenamente justificável em relação ao New Fiesta (sem hipérboles como dizer que um "arrasa" o outro). E acho que vc fez um relato honesto, sem deixar de mencionar situações claras em que o seu carro tem desvantagem. Nem por isso, o texto está imune a erros ou não é passível de contestações. Tente entender isso como normal e não fique chateado. Falo com a experiência de quem mandou um texto relatando e compreendendo a escolha que uma amiga fez pela compra do carro mais trollado de todos os fóruns, o Etios – imagine se eu fosse me chatear com todas as bombas que o texto recebeu, rs.

    • Davy

      Não vejo nenhuma omissão ou erro gritante que venha causar gravame à matéria explicitada. O autor do texto foi muito conciso e expressou sua opinião de forma bem clara. O fez de forma honesta, apontando claramente a posição defendida.

  • Janilson

    Galera, fui eu quem escreveu o texto, o gostaria de antecipar que não sou vendedor: sou mero estudante universitário.
    Eu ainda vou ver se dá para fazer um relato do meu carro para enviar aqui para o site. Minha namorada tá pensando em comprar um carro na faixa de preço de 50 mil e eu vou ver se vou com ela fazer test drive nos carros do segmento.
    Depois disso eu vejo o que posso fazer.
    Obrigado pela participação de todos, é bom ver que tem quem discorde e tem quem concorde comigo

    • eumenespq

      Você está feliz com seu 208, então pra que tentar provar para os outros que você fez a melhor escolha possível?

      Só perdeu seu tempo, todos seus argumentos foram fracos, o 208 é sim inferior ao New Fiesta!

      • Eugenio C.

        E você perdeu seu tempo comentando… muita gente aqui concordou com ele, hehehehe.

      • Waribanan

        E os seus argumentos? É só dizer que é inferior e pronto?

      • PortoWF

        não é!

      • Thiagusss

        não achei que o cara tentou provar nada…apenas relatou e colocou algumas opiniões…tanto que em determinado ponto, o NF é melhor que o 208…

    • cepereira2006

      Parabéns pelo texto, são as opiniões dos usuários as que mais enobrecem este espaço. Continue a colaborar, pois todos só tem a ganhar.

    • marciors01

      Janilson, aqui vai a minha opinião sobre o comparativo que fizeste dos dois carros.

      JANILSON, o problema é que tu te perdeu em algumas informações equivocadas.
      Em primeiro lugar o desempenho do fiesta 1.5 não é inferior ao do 208 1.5, ninguém explica estes dados fornecidos pela ford mas o new fiesta 1.5 foi testado e faz 0 a 100 em 11s, ele é mais rápido do que o 208 1.6 que leva 11.5s aproximadamente, o 208 1.5 é ainda mais lento, nos números reais leva mais de 12s até chegar aos 100km/h
      Caso tenhas dúvida confira neste comparativo da QR, 0 a 100 do fiesta 1.5 11s, já o 0 a 100 do 208 1.5 12.4s http://quatrorodas.abril.com.br/galerias/imagens/
      O consumo podemos considerar que esteja correto, mas serve como base apenas e se os números são próximos devemos considerar empate técnico, no dia a dia muitas vezes os números do inmetro não se confirmam, as condições mudam e o comportamento do motor também.
      Outro equivoco está nos equipamentos das versões básicas, além do desempenho do fiesta que é muito melhor o fiesta tem som com bluetooth , alarme perimétrico e espelhos elétricos, led’s são inúteis e o ar é pouco para compensar todos estes equipamentos E o desempenho.
      Nesta versão talvez eu optasse pelo 208, mesmo menos equipado e andando bem menos como comentaste, tem melhor espaço e é muito bonito por dentro, não há dúvidas, mas som, espelhos elétricos e um desempenho bem superior pesam bastante.
      Quando passamos para a active pack 1.5 realmente é interessante e se compararmos ao fiesta 1.5SE realmente é bem superior, mas existe o outro lado.
      O 208 active pack apenas custa 3k mais barato do que o fiesta 1.6 mas a diferença entre os carros é tão grande que estes 3k não compensam.
      Veja, agora estamos comparando o motor 1.6 de 130cv contra o 1.56 de 93cv, além disso o fiesta oferece ar digital, vidros elétricos traseiros, controles de estabilidade e tração, hill holder, por 3k a mais o fiesta massacra o 208.
      A versão allure 1.5 do 208 não vale a pena comentar, perde feio para o fiesta e ainda traz o teto panorâmico que limite o banco traseiro a pessoas de menos de 1.7m, tenho 1.75 e para sentar ali precisei dobrar a cabeç a até o queixo encostar no peito.
      Então, finalizando, não concordo, o 208 pode ser considerando somente na versão básica, e mesmo assim é preciso abrir mão de desempenho e equipamentos em troca apenas de um interior mais bonito.

    • Waribanan

      Janilson, eu também estava com uma dúvida enorme entre os 2.
      O que pesou bastante foi o desconto que consegui na Peugeot. Consegui a versão Allure por R$ 43.000,00, já com a pintura metálica. Não consegui desconto em nenhuma concessionária da Ford. Considerando o NF, apenas pegaria da versão 1.6 SE pra cima, pois realmente não tem comparação. Mas extrapolaria demais meu orçamento.

  • dudupruvinelli

    Concordo sim, senhor. Uma correção: as luzes diurnas, por incrível que pareça, do 208 na versão de entrada não são de LEDS. Se a peugeot quisesse passar o NF era só colocar os 6 airbags em todas as versões juntamente com o ESP (que podia ser destaque no comercial aos 0:45 do vídeo) e vendê-lo a partir de 35 mil rais ou menos (preço que o 208 active já foi vendido em promoção aqui em Porto Alegre).

    [youtube 9lHYkj8Nt3Q http://www.youtube.com/watch?v=9lHYkj8Nt3Q youtube]

    • dudupruvinelli

      Ah, e o câmbio aisin 6 obviamente.

      • TacodeSinuca

        ESP como já foi falado não faz parte do projeto do 208 Hue Hue Hue Br Br? mas os 6AB sim, como a versão especial vinha de serie, não há motivos para não oferecer.

    • oscar_fr

      Desculpe Dudu mas é impossível sonhar que um carro nesse nivel seja vendido por R$35.000. Ao menos que ocorra toda a reestruturação do mercado sobre a qual tu mesmo escreveu por aqui, é loucura cobrar que a Peugeot venda o 208 por R$35.000. O que podia ser feito é vender a versão Active, de entrada, por R$38.000 já com um som (mesmo as CSS dando o equipamento, assusta vê-lo sem o mesmo).

  • gusgm

    Só eu acho que a Peugeot devia matar a versão ALLURE 1.5 e substituir por uma Allure 1.6 mantendo o preço de R$ 45.990?

    Outra coisa para um carro desse preço Alarme, vidros traseiro elétrico e rodas de liga leve deviam vir de série.

    • netovski

      Nem tudo são flores o 1.5 é mais econômico tanto na cidade quanto na estrada.

    • oscar_fr

      Há que considerar que a Peugeot deixou uma margem para uma eventual restruturação da linha quando da restilização daqui 4-5 anos.

  • leo_bsb

    só considero as "vantagens" apontadas como irrelevantes.
    – desempenho em carros populares 1.5 não tem importância, estando na mesma faixa está ótimo. Seria importante se o fiesta fosse muito mais lento, porém meio segundo é aceitável.
    – preço de revisão não mostra preço das peças.
    – espaço interno e portamalas são praticamente idênticos, 4 litros a mais não te dará mais uma mala. Mais importante que isso é facilidade de acesso. O interior também, não há diferença notável no dia a dia.

    portanto não dá para dizer que o 208 é vantajoso no conjunto, na verdade eles se equivalem. Tradicionalmente os carros franceses tem peças mais caras que da ford, portanto eu faria uma escolha racional pelo fiesta. Escolha de satisfação pessoal é para qualquer um dos dois.

    • O_Corsario

      POis é, isso fica um negócio meio "super-trunfo", onde o carro "X" é melhor porque faz 0-100km/h em 0.01 segundo a menos.

    • jpcasella

      Se for levar em conta o valor das revisões, o New Fiesta acaba saindo bem mais barata, pois como ele mesmo frisou, do NF é a cada 6 meses e do PUG a cada 1 ano, porém do NF tem um valor um pouco maior, não sendo tão grande a diferença.
      Isso é um ponto positivo para o NF.
      Outro problema é na hora da re-venda, o PUG vc precisa implorar para alguém ficar com ele…

  • pegadasdamarcha

    até 43 mil reais tem concessionária Fiat em Sao Paulo vendendo Punto 1.6 Dualogic Plus.

    Para quem vive no trânsito paulistano, é a melhor opção.

    • mauricar23

      Eu já vi a versão Essence 1.6 manual por 41 mil com um kit que já tem rodas de liga 16 e outras coisas. Muito melhor que esses dois 1.5.

      E não venham me dizer em termos de acabamento, pq a versão do Punto Essence 1.6 dá de 10 a 0 nos Fiesta e 208 1.5.

      Pra mim, a compra mais racional.

    • Luiz Prestes

      Bem colocado, apesar de achar ele um pouco defasado com relação ao NF/208 no quesito design.
      Porem compensa na manutenção,peças, e no preço de revenda que é sensacional o carro não desvaloriza quase nada.

    • Luiz

      Punto MANCOlogic Plus!

  • gustinu

    Um hatch "premium" por 46 mil ou um Fluence de entrrada com 2 anos de uso pelo mesmo preço?

    • Brunocarro1998

      Ou melhor, um Rolls Royce de 1800.

  • marciotb13

    Diante de seus argumentos, sem dúvida nenhuma minha decisão também seria pelo 208. Só faço um questionamento sobre um tem ao qual sou insistente: este modelo traz o controle de temperatura da água de arrefecimento do motor?´
    Vou trocar meu carro fim do ano e este seria um provável candidato se vier com este equipamento que as montadoras estão achando dispensável.

  • Anderson_sp

    Se o motor do Fiesta que é mais moderno que o 208 (uma gambiarra do 1.4) você acha ruim, quem dirá o da concorrência 1.4.

  • Viníciusk

    Até R$ 43 mil ainda ficaria com o New Fiesta porque a rede de concessionárias da Peugeot não é muito grande e não conta com uma reputação das melhores.

  • LFCruz

    kkkk engraçado ia ser se o cara q comprou o carro (e podia ter comprado o outro) escrevesse algo para valorizar outro q não o adquirido. E mais engraçado ainda é o NA publicar um texto desse.

    • Nelson

      Então eu sou esse engraçado, pois comprei um Fiesta 1.5 e não vi até agora na história da indústria automobilística um carro tão mal feito e omitido por uma montadora….sem dúvida o 208 é a melhor opção…

  • Dirceu

    C3 custa o mesmo do 208 e tem parabrisas zenith e vidros traseiros eletricos, pelo mesmo preço.

    • Janilson

      o peugeot contra-ataca com teto panorâmico (pra mim tem efeito visual melhor) e central multimidia

  • gustinu

    Pq meus comentários não aparecem?

  • Bruno Alves

    Mesmo abaixo de 43 mil, eu ainda acho um New Fiesta 1.5 uma compra melhor.

  • Lanpenn

    Escolheria o 208, tem visual mais acertado, acabamento e interior melhores e ainda tem encostos e cintos de 3 pontos para todos os ocupantes desde a versão de entrada.

  • Juniorfillingam

    o Leão não está nem nós top 20 do mês, vendendo menos que o Etios e aumenta em 1000 reais os valores do 208 querem matar a marca de fez no Brasil. Sucesso mesmo só na Argentina. Vai entender mercado.

  • geoshina

    Nas versões mais básicas, eu realmente acho que os dois carros são iguais.

    Agora nas versões mais caras, o automatizado Powershift realmente é melhor do que o automático de 4 marchas da Peugeot. Vamos ver se o grupo PSA não irá adotar o automático de 6 marchas, que equipa o 408 e o C4, no 208 e no C3.
    Ah… também falta mais air-bags, controle de tração e de estabilidade!

    • Também quando ele tiver tudo isso, ainda vai ter teto panorâmico e central multimídia com GPS, que o NF não tem

  • eduardo866

    Eu sempre achei que a Peugeot tem um design incrível, só que a desvalorização e valor de peças é absurdo.

    Já tive um, e acho que nunca mais entro nessa.

    • eu tive um 207 passion e um mille way antes do 208 e a desvalorização deles foi mais ou menos proporcional. As revisões também acabaram custando a mesma coisa e eu nunca precisei comprar peça.

  • paulistadalapa

    O texto começou dando a entender que o 208 seria disparado melhor negócio, depois no final o autor se rendeu ao New Fiesta.. não entendo

  • Antonio

    Qual a versão que vc adquiriu?

    • Janilson

      Adquiri a Allure, agora eu fiz isso pq quando eu comprei o new fiesta ainda era o velho new fiesta

  • Nascimento

    A Galera esta ocm dificuldade para interpretar o texto.
    O Autor foi bem corente, ele informa, até as versoes R$ 43,000,00 1.5, o 208 é mais vantajoso que o NF, após essa versão o NF é muito mais completo e seguro.

    Agora, comparando as versoes ESPECIFICADAS pelo autor o 208 é sim melhor CXB que o NF.

    Antes que alguem critique, nao sou fan de nenhum dos dois carros e nem das marcas e nao me interesso por nenhum dos dois carros, pois pra mim , nada mais são que carros de entrada.
    Que por esperteza da montadoras são "colocados" como premium para que as mesmas possam cobrar os preços abusivos cobrados.
    Mas de premium esses carros nao tem nada.
    Um fiestao e um 208 não valem 50 mil reais….

  • LuccasVillela

    De entrada, por 39.990, prefiro o New Fiesta.
    Depois, por 42.900, prefiro o 208.
    Depois, sempre o New Fiesta.

    • CharlesAle

      Sim,também concordo,a versão de entrada do 208 é muito sem graça,aquele painel só fica legal completo,básico como está fica muito feio,foi isso que quis demonstrar nas fotos acima….

  • julio

    Revisão da Ford de 6 em 6 meses. Ninguém merece! Agendar, levar o carro, faltar o serviço, pegar um taxi para apanhá-lo, correr o risco dos mecânicos cometerem algum erro na Mnt. Tudo isso tem um custo. Não compro carro Ford por isso!

  • Robson

    Complementando o que postei anteriormente. Concordo com o autor que o 208 é uma boa opção e em termos de equipamentos de "perfumaria", até ganha do NF, e confesso q estou entre a compra dos 2 carros para o próximo ano, e a escolha será decidida pelo comportamento dinamico dos dois. O NF já dirigi e gostei muito, achei o motor 1.5 adequado ao carro e bom boas respostas, em breve tentarei testar o 208.

  • lucca

    Sim, concordo com você, até R$4 3000 iria de 208, acima disso já pensaria num Fiesta. E acrescento mais, acima de R$ 48000 já pensaria num médio.

  • Pil

    Prezado Janilson,

    os dados dinâmicos publicados por você são de ficha técnica ou do Inmetro (que na verdade são de laboratório, não casando com a realidade).

    Nos testes reais realizados por várias revistas e sites o New Fiesta 1,5 se mostrou mais rápido e mais econômico.

    No quesito dirigibilidade todos foram unânimes em exaltar as qualidades superiores do New Fiesta.

    Respeito quem gosta e prefere o 208 de entrada ou a versão do segundo código ambas 1,5, mas na prática, no dia a dia, o New Fiesta 1,5 é mais carro.

    • Pil

      Já ia esquecendo, as revisões do New Fiesta até 60 mil km, tem descontos progressivos a partir da revisão de 30 mil (5%). Na de 40 mil km são 10%, na de 50 mil km são 15% e na de 60 mil km são 20%, totalizando R$ 2.442,00.

      Lembrando, também, que o seguro do New Fiesta é mais em conta que o do 208.

      • A peugeot tem um banco que assegura para qualquer perfil um seguro no valor de 5% do carro, pelo que tenho lido. Mas eu preferi fazer o meu com o Banco do Brasil, ficou 1400 reais pra versão Allure

  • Eduardo Vicente Galdieri

    PSA Citroen nem de graça, já tive um 206 zero pra nunca mais. JAC Motors é do Sergio Habib responsável por trazer Citroen Jaguar e Aston Martin para o Brasil. Lembro me do Collor que dizia, "carro brasileiro é tudo carroça"

  • shemhazai

    Na minha opinião eu escolheria o 208 active packna faixa de 43k
    Iria de NF somente na faixa de 55k ( titanium powershift 7AB)

  • Adriano

    Carro pequeno pelo preço de Médio naum dá Este Fiesta top de linha da pra comprar quase C4 LONGE BÁSICO! Fiz o teste drive do Fiesta Top powershift e mais que posso dizer que não é lá estas coisas!
    Minha Irmã tem este New Fiesta top quando vinha do México! O acabamento é muito melhor que o nacional!

  • malatha

    R$ 46.340 (NF) em relação aos R$ 42.590 são 10% de diferença. Esta diferença (R$ 3.750) dá para diluir nas parcelas do financiamento .
    Além do 1.6 com mais pôneis, muito mais segurança.
    Não vejo masacre nenhum!
    Se já passou dos R$ 40.000 por um compacto, então é a emoção que está mandando na razão. Neste caso não faz sentido pensar em economizar tão pouco para deixar de adiquirir um veículo com nível de segurança e dirigibilidade superior.
    208 é beleza e equipamentos que enche os olhos, mas NF é mais máquina.
    Imagine a possibilidade de dirigir com vendas nos olhos os dois carros, qual realmente a maioria, estatisticamente, iria escolher?

    • _oliveira

      Eu escolheria o 208.. sem dúvidas.. ehehhe
      Peugeot é bom demais de dirigir.. e o conforto dos bancos também acho melhor..

  • fpfor

    Concordo em tudo! Pegaria o New Fiesta somente se fosse titanium e/ou titanium powershift
    E provavelmente na versão de entrada eu teria uma terceira opção: C3 (as concessionárias estão com o preço de 38,890 se não me engano e na que fui ver, oferecia de "presente" rodas de liga leve padrão da versão top)

  • marciors01

    JANILSON, o problema é que tu te perdeu com algumas informações equivocadas.
    Em primeiro lugar o desempenho do fiesta 1.5 não é inferior ao do 208 1.5, ninguém explica estes dados fornecidos pela ford mas o new fiesta 1.5 foi testado e faz 0 a 100 em 11s, ele é mais rápido do que o 208 1.6 que leva 11.5s aproximadamente, o 208 1.5 é ainda mais lento, nos números reais leva mais de 12s até chegar aos 100km/h
    Caso tenhas dúvida confira neste comparativo da QR, 0 a 100 do fiesta 1.5 11s, já o 0 a 100 do 208 1.5 12.4s
    http://quatrorodas.abril.com.br/galerias/imagens/
    O consumo podemos considerar que esteja correto, mas serve como base apenas e se os números são próximos devemos considerar empate técnico, no dia a dia muitas vezes os números do inmetro não se confirmam, as condições mudam e o comportamento do motor também.
    Outro equivoco está nos equipamentos das versões básicas, além do desempenho do fiesta que é muito melhor o fiesta tem som com bluetooth , alarme perimétrico e espelhos elétricos, led’s são inúteis e o ar é pouco para compensar todos estes equipamentos E o desempenho.
    Nesta versão talvez eu optasse pelo 208, mesmo menos equipado e andando bem menos como comentaste, tem melhor espaço e é muito bonito por dentro, não há dúvidas, mas som, espelhos elétricos e um desempenho bem superior pesam bastante.
    Quando passamos para a active pack 1.5 realmente é interessante e se compararmos ao fiesta 1.5SE realmente é bem superior, mas existe o outro lado.
    O 208 active pack apenas custa 3k mais barato do que o fiesta 1.6 mas a diferença entre os carros é tão grande que estes 3k não compensam.
    Veja, agora estamos comparando o motor 1.6 de 130cv contra o 1.56 de 93cv, além disso o fiesta oferece ar digital, vidros elétricos traseiros, controles de estabilidade e tração, hill holder, por 3k a mais o fiesta massacra o 208.
    A versão allure 1.5 do 208 não vale a pena comentar, perde feio para o fiesta e ainda traz o teto panorâmico que limite o banco traseiro a pessoas de menos de 1.7m, tenho 1.75 e para sentar ali precisei dobrar a cabeç a até o queixo encostar no peito.
    Então, finalizando, não concordo, o 208 pode ser considerando somente na versão básica, e mesmo assim é preciso abrir mão de desempenho e equipamentos em troca apenas de um interior mais bonito.

    • Ainda que esses testes da Quatro Rodas sejam verdadeiros, meio segundo não faz tanta diferença na aceleração.
      Além disso, a gente tem que lembrar da Central Multimídia do 208, há quem prefira uma central ao controle de estabilidade (eu acredito que seja a maioria)
      Eu também prefiro não me pegar muito com a potência, haja vista que o que vale realmente é o torque, que pico é de 15 para o NF e 14.2 para o 208 e o do peugeot chega primeiro.
      Meu ponto era só mostrar que o NF não é tão melhor que todos os concorrentes, há versões do 208 que fazem frente à versão respectiva do NF.

  • Runner81

    Pelo valor de R$ 43.000,00 a melhor compra hoje em dia seria o primo do 208, o c3 que teve seu preço reduzido em R$ 3000,00 recentemente.

  • Cassio Candiotto

    Uma amiga comprou um 208 Top com cambio manual e ficou muito satisfeita. Só tem estranhado o barulho da ventoinha quando estaciona após ter rodado em perímetro urbano.

  • Fabio_RJ

    Janilson, se vc me permite queria te dar um conselho. Em 2009 comprei um Golf GT, sempre gostei do carro e o pacote estava com um bom preço quando negociei. Não comprei pela "esportividade" mas pelo motor 2.0 que era bem melhor q o 1.6. Eu queria o Golf, não me importavam os outros carros. Passei 2 anos com ele lendo críticas fortes, pessoas chamando os donos de burros etc e tal. Cara, toda vez que dirigia o carro a sensação era ótima. Eu simplesmente não conseguia ver defeitos nele, mesmo ciente da defasagem tecnológica, q o motor era mais fraco q o dos concorrentes e todas as desvantagens q já sabemos. Eu não conseguia pensar nisso, eu adorava o carro. Mas ficar lendo tantos comentários negativos começou a me incomodar. Por algum motivo comecei a me sentir uma besta, mesmo tendo comprado um carro ciente de suas desvantagens e estando muito feliz com ele. Em 2011 comprei um Focus Titanium hatch manual, q todo mundo elogiava e era "o carro" nesta categoria. Cara, larguei meu Golf q eu adorava e depois de uma semana com o Focus eu só tentava achar defeito. Não estava mais feliz. Um abismo tecnológico entre os 2 e eu simplesmente sentia falta do meu Golf… As pessoas enaltecendo o Focus e eu não conseguia me sentir bem com o carro, algo inexplicável. E olha q eu n~ao tive nenhum problema s'erio com ele. Com o Golf eu arranjava motivo pra sair com o carro toda hora, já com o Focus eu não tava nem aí… Dois anos desse jeito, sem entender o q estava errado.

    O q estava errado é q comprei um carro baseado no q os outros queriam q eu comprasse, ao invés daquele q "mexeu" comigo. Quando tinha o Golf ninguém me parava na rua pra xingar de burro ou rir da minha cara. Mas com o Focus também ninguém me parou pra dar parabéns, entende? Vendi o Focus e peguei um 308 THP no início do ano… Comprei pq quando fiz um test drive senti a mesma coisa de quando peguei o Golf. Gostei do carro de verdade, mesmo com os defeitos, as críticas a Peugeot e o q for. Hoje eu "namoro" o carro, fico feliz quando dirijo. Sei q tem outros melhores, mas e daí? Veja quanta gente elogia o Golf novo hoje e daqui a alguns meses vai ter gente falando q é uma droga, q o novo Focus é melhor (já tem, não é mesmo?).

    Meu ponto é: seu texto eh legal para informar as pessoas interessadas no 208 ou no Fiesta, mas não fique comparando para provar para os outros q vc fez uma boa escolha (ou pra vc mesmo!). Curta seu carro, senão vc nunca vai ficar feliz com nada. Sempre vai ter gente criticando, falando q tem outro melhor, blablabla. Use sites como esse aqui para saber detalhes do carro e, ciente das vantagens e desvantagens, tome a decisão q lhe parecer melhor. Seja feliz ou passe a vida triste tentando agradar os outros… Pra mim deu certo. Abraco

    • Valeu pelos conselhos, cara.
      Eu só escrevi porque tou de férias, gosto de escrever e adoro carro.
      Vi aqui uma oportunidade de tentar desmistificar o mito inabalável do NF.
      Por mim o 208 é mais bonito e chamativo com seu teto panorâmico, com o volante reduzido e com o teto de vidro, sem contar que quando eu comprei o allure o preço do new fiesta mexicano era um estupro.
      Além disso, eu não estava disposto a pagar mais por um carro automatico/automatizado e eu nunca precisei nem de airbag de joelho e nem de esp (sem menosprezar a importância desses itens, espero nunca precisar deles), já minha central multimídia e meu teto panorâmico eu uso todo dia.

    • Rodrigo Monteiro

      Toma meu joinha!

      Iria de 208 em quase todas versões, só o POWERSHIFT que me deixa em cima do muro…

    • YoOdEx

      Tive um Tiida SL, e muita gente perguntava "Porque não comprou um Punto, Golf, Bravo, etc…" Era cada pergunta incoerente. Mas vou te contar.. oh carrinho que me dava prazer de dirigir! Era um carro com um motor muito esperto.. me deixou saudade. Bati, e tive que comprar outro. Hoje tenho um Civic que todo mundo fala "ahh, assim quero bater também, melhorou muito".. que nada.. oh saudade do meu Tiida. Coitado do Civic perto do Tiida.. me sinto dirigindo um carro 1.4 com consumo de V6 que não tem uma porcaria de um item de séria, só o básico… Só confirmo o que você disse.. o que é bom para "todos" não é bom para você. Claro que o Civic é um bom carro, mas fica no chinelo pro Tiida.. Só tem uma vantagem no Civic, suspensão mais esportiva e estabilidade.. só isso.. de resto (até no conforto) o Tiida é superior!

      PS.: antes que alguem pergunte.. "então porque comprou o Civic?" Resumindo, oportunidade excelente. Fui extremamente racional.

    • Excelente comentário, Fabio. Seja qual o for o carro que você comprar, vai ter gente criticando nos forums. Tem aqueles que odeiam a marca que você escolheu, tem aqueles que odeiam qualquer coisa que não seja da marca preferida deles e tem também sempre uma especie de "queridinho" em cada segmento – quem não optar por ele é automaticamente azucrinado. Se for sempre levar em conta as opiniões dos outros a gente não compra nada.

      É evidente que existem opiniões embasadas, de gente que entende da coisa, que conhece o carro ou ao menos fez um test drive (aqui mesmo no NA tem varios leitores que são ótimos avaliadores). Essas pessoas normalmente tem suas posições mas sabem respeitar a decisão dos outros. Por outro lado, existe também muita opinião sem nenhum respaldo técnico, sem base em nenhuma experiencia real com o carro em questão, opiniões carregadas de "achismos". Muitas pessoas que emitem essas pérolas são normalmente agressivas quando alguém discorda delas ou faz uma escolha diferente. O negócio é saber filtrar, aproveitar as informações valiosas e descartar aquilo que é apenas ruído sem sentido.

      No meu modo de ver, se você fez o test drive, gostou do carro, ele atende as suas necessidades e inclui os equipamentos que você julga importantes, ótimo! A melhor escolha é aquela que atende as suas expectativas e lhe satisfaz. Aquilo que é importante para mim pode ser irrelevante para o outro e isso não significa que alguém esteja errado. Viva a liberdade de escolha!

    • _oliveira

      Falou e disse.

  • PAULO

    meus 2 primeiros carros 0km foram peugeot.
    1 206 feline 1.4 (versao top na sua motorização)paguei 37 mil
    2 207 xs 1.6 (versão top na sua motorização) paguei 39 mil
    estava esperando o 208, fique xonado no qdo vi no salão de Paris e SP, mas quando vi o preço….desanimei total!
    nem a versão de entrada custa menos que eu paguei, e isso nao faz muito tempo!
    só com 207 tive problemas sérios, de parar o carro no meio da rua! o seguro era um absurdo! e a desvalorização que tive…putz…nem se fala!
    ia esperar o new fiesta, mas tive que vender meu 207, estava cansado de chamar o guincho, o carro ja subia sozinho no caminhao…..entao comprei um punto 1.6 dual, queria o sporting, mas nao tinha em nenhuma concessionaria. Estou muito satisfeito com o carro, mesmo com o cambio que todos reclamam. Nao usei o serviço fiat, mas pelo que percebi todos sao farinha do mesmo saco!

  • Jorge Mendes

    Não foi falado hora nenhuma do atendimento no pós-venda, o item mais importante de um carro, pelo menos pra mim.

    Comprar um carro na Ford e saber que ela depois não quer nem ver sua cara quando você vai reclamar de um problema, elimina qualquer chance de eu comprar algum produto dessa marca, eu não compraria nem uma cadeira da Ford se ela vendesse, ela não quer saber, simplesmente vende e se depois apresentar problemas, que se dane companheiro, comprou porque quis.

  • Adilson

    Sou ex-proprietario de um Peugeot 206, depois de um 207, depois de um New Fiesta 1.6 SE (intermediário) e por fim de um 208 (não vejo a hora de vender o 208 e voltar ao NFIesta)

    Porta malas do NFiesta é maior.
    Potencia.. nem se fala.. ele é muito mais potente, tem arrancada incrível e retomada perfeita.
    Painel do NFiesta é de material bem mais resistente e muito mais ergonômico
    Bancos do NFiesta, são padrão americano, do peugeot, parece que vai rasgar a cada sentada
    Pneus do Peugeot são horríveis, feios e desgastam rapidamente
    Ruído interno do NFiesta é bem menor que do Peugeot.. O NFiesta é muito mais lacrado
    Forrações de porta do NFiesta são melhores acabadas do que as do 208
    (a porta do 208 parece de papel)…
    Custo de manutenção do NFiesta é muitooooo menor
    Seguro do NFiesta, bem mais barato
    O NFiesta 1.6 faz froxo 13.5 na cidade e até 17 na BR andando á 120 Kmh
    NFIesta tem cintos de 3 pontos para o terceiro passageiro
    NFiesta tem garantia contra corrosão
    NFiesta tem vidro dianteiro acústico
    NFiesta foi considerado o carro com menor custo de manutenção do mundo
    NFiesta foi premiado com 4 estrelas no CrashTest da NCAP

    O NFiesta está tão a frente do seu tempo, que seu DESIGN foi concebido em 2007, nomeado VERVE e foi quem introduziu o Design Kinect, que depois a HIUNDAY e outras montadoras vieram á copiar.

    E FORD, sabe como é… ainda se vê del rey e corcel II inteiro por aí, mas não se vê mais Peugeots 306 por aí.

  • zeferreira

    Antes de comprarem um NOVO FIESTA se é que tem alguma importância, sentem no banco traseiro o espaço interno deste carro é ridículo.

  • YoOdEx

    São dois carros ótimos… Mas se for "automático" não dá nem pra pensar no francês..

  • Froid_Dalton

    A PSA perde tempo e dinheiro insistindo no câmbio AT de 4 marchas no 208. Se oferecesse a caixa de 6 marchas o carro ficaria bem mais competitivo.

    Quanto ao comparativo……sou mais o 208. Na minha opinião, ele é mais bonito por dentro e por fora, o acabamento é superior(o Ford peca e muito nisso), a confiabilidade é maior(Ford, junto com VW, é campeã de reclamações sobre defeitos e baixo nível de qualidade. É só garimpar na internet pra comprovar) e o Peugeot tem itens mais bacanas como a central multimídia, o teto panorâmico, o volante único na categoria e o painel mais interessante.

    Creio que a dirigibilidade do Fiesta seja superior, pois a Ford é referência absoluta nisto(supera inclusive carros da Honda) e que o motor Sigma dê um pau no TU3 atualizado do Pug, mas as qualidades do Peugeot são muitas e ele deve ser uma delícia de guiar também.

    Fama de carro frágil e problemático de Peugeot e Citroën é coisa do passado(eu diria, de uns 10 anos atrás, quando eles realmente davam problemas). Hoje em dia eu os considero tão ou mais confiáveis que carros da GM, pra citar uma marca que conheço bem(já tive 3 carros da marca). Tenho um C3 no qual só fiz a manutenção preventiva até hoje.

    • oscar_fr

      Em relação a dirigibilidade, se tu fala em termos de motor ok, mas a posição de dirigir do 208 com o volante menor e instrumentos por cima dele é fantástica.

  • Marcelo – Baixada

    Prezados, sou um proprietário do Peugeot 208 Active Pack Cinza Alumínio 2014. Li todos os comentários aqui até o momento. Minha primeira opção era o New Fiesta1.6 SE. Após cotar os 2 carros em SP e Baixada Santista, cotei seguro, no meu perfil e bônus, cotei o valor dos acessórios que iria colocar, calculei a documentação, considerei as revisões de ambos, sendo R$ 810,00 a do PUG ao final dos 3 anos contra os R$ 2.720,00 contra as semestrais do NF. Meu seguro na Porto Seguro ficou R$ 1.460,00, tenho 42 anos, carro fica em garagem coberta, privativa, não uso para trabalho, contra R$ 1.750,00 do NF, ambos com franquia reduzida. Todos aqui se baseiam no valor de tabela, ou seja 43K. Eu paguei 41.180,00 na pintura metálica, ou seja, 1.800 reais a menos e peguei o carro em 5 dias (Alpes Peugeot de SBC). Já o NF em São Paulo e Santos, não tinha pronta entrega, demora entre 30 a 45 dias! Não tinha a cor que queria, não davam nem de brinde um mero tapete, pois o carro vende 15 mil mensais contra 2.500 do PUG, pois a Porto Real, fábrica da Peugeot, não possui capacidade produtiva pois senão o vendedor disse que estaria vendendo mais. O mesmo ocorre com a Ford, se produzisse mais venderia mais. Pesquisei Blogs, Sites Especializados, Vídeos no Youtube, Reclame.Aqui, entre outros e tudo me dizia que o NF seria uma má aquisição devido o número de problemas no carro. Baseando nisto vi que o 208 era o melhor para mim. Mesmo o Pós Venda da PUG sendo duramente criticado, vi que o da Ford não fica atrás. No total (carro mais acessórios) o 208 + acessórios ficou em 44.300,00 sendo que eu coloquei Bancos em Couro, Alarme Original de Fábrica, Frisos Esportivos, Ponteira de Alumínio Esportiva, Antena Esportiva de Alumínio, Insulfilm, Tapete Original com Presilhas (brinde), Apoio de Braço Central (ebay), Pedaleira de Aço Escovado (eBay), Capas das Maçanetas Cromadas (eBay), entre outros detalhes que personalizam o carro (valve caps, etc). O carro + acessórios + revisões deu um custo de 45.310,00. Já o NF o menor preço do 1.6 SE Manual foi 46.500,00 + acessórios (eu colocaria bancos em couro + volante de couro) + frisos + insulfilm + tapetes + ponteira + pedaleiras) + os 2.720 de 3 anos de revisão ou 60 mil km daria um total de 53k, ou seja, uma diferença de R$ 7.690,00. Portanto, SIM, pesquisei, dou valor ao meu dinheiro, compro carro pensando no meu bem estar e satisfação pessoal e não só em revenda como a maioria. Se forem comparar como o NF 1.5 SE, comparem os preços reais, computem seguro, acessórios, o que irão conseguir de brindes na negociação, valor de revisão, etc. Na minha comparação se eu optasse pelo NF 1.5 SE a diferença cairia para 5.800,00. Com este dinheiro eu paguei minha documentação, seguro e ainda fiquei com dinheiro na conta o equivalente pagar pagar o IPVA e Seguro de 2014! Cabe a cada um analisar suas condições financeiras, colocar numa planilha, pesquisar muito, não só tecnicamente mas sim financeiramente também. De que adianta ter um carro que depois não vão conseguir sustentar. Espero ter ajudado alguém que busca a compra de um carro O km e que tem dúvidas entre ambos, que são excelentes produtos, cada um tem suas qualidades e defeitos, custos distintos, entregas distintas, o que determinará a compra é o gosto e posses de cada um. Abraços.

    • Nelson

      Falou tudo o Peugot é um carro com melhor custo-benefício-qualidade de projeto…palavra de quem comprou um Fiesta e se arrependeu amargamente…

    • gustinu

      A manutenção do 208 até o final da garantia é só 810?
      Inacreditável.

      • Marcelo

        Sim, é fixa.

  • Sias

    Antes de acessar o site, estava justamente falando com minha esposa sobre estes dois carros. No final de semana quero ir nas ccs para vê-los, mas em suas versões intermediárias e de preferência 1.6…O que pega no Fiesta é o espaço minúsculo no banco traseiro.

  • carroca_br

    Pela faixa de 43 mil tem o Fiat 500 que em termos de equipamentos de segurança, conforto e conveniência acaba tendo melhor custoXbenefício pra solteiros e casais, quiçá com um filho ainda rola um 500, pois convenhamos o custoXbenefício do pequeno da Fiat é muito bom frente ao que entrega a concorrência.

  • lexbh

    Nao entendo o porque de puxar sardinha só pq comprou o carro! Só pq vc comprou tem que ser o melhor? Voce nao pode comprar emocionalmente e nao racionalmente? Temos carros e carros. O que parece bom pra mim pode nao parecer a você e vice-versa. Nao to direcionando ao autor do texto porém fica no ar aeee.

  • TotallyForget
  • oscar_fr

    Acho engraçado que até ontem apenas carros de luxo tinham airbags e ABS e agora tem mané (essa é a palavra) afirmando com CAPS LOCK que carro com apenas air bag duplo é mortal, não é seguro, etc. Número de air bags é, por vezes, chamariz. Por exemplo alguém acha que um QQ com airbag duplo é tão seguro quanto um 208 com airbag duplo?

    • O_Corsario

      "Segurança" é um termo muito relativo, portanto o setor de marketing adora, pois pode fazer terrorismo.
      QUando vc vai num "auto-center" da vida, que argumento eles vão usar para condenar seu carro inteiro? Segurança.
      O Pneu pode estourar, a suspensão pode arriar, o motor vai morrer no meio da estrada, tudo vai acontecer para vc morrer a menos que troque todas as peças. E a pessoa, especialmente se for leiga, fica amendrontada, como se de repente o carro tivesse virado uma armadilha mortal, e autoriza todos os serviços, gastando uma nota.
      Os fabricantes aprenderam rápido.

  • Guilherme

    Revisões do New Fiesta a cada 6 meses?

    Brasileiro gosta de ser feito de otário mesmo!

    O carro é elogiado pela crítica por ter um bom motor, câmbio automatizado e itens de segurança, mas isso só é encontrado nas versões top, onde o preço é alto.

    Parabéns pelo lúcido comparativo!

  • Marcosb

    O 208 SOMENTE é melhor opção em relação ao FIESTA 1.5 SE, sendo o Active Pack seu rival, onde este leva larga vantagem pelo KIT multi-mídia!

  • De Vieira

    Acho que para quem procura um carro novo por que não quer ter "despesa" é uma tolice achar que vale a pena pagar 43K num Peugeot 208…
    É estilosinho? sem dúvida. Tem alguns recursos bacanas de interatividade? Beleza. É um carro bacaninha pra quem não é racional. Sinto muito! Peugeot e Citroën são incapazes de fazer carros que valham a pena o dinheiro gasto… Tenho contato com franceses eles mesmos riem da desgraça de se ter um carro do grupo PSA por lá. As marcas merecem aplausos pelos belos carros, boa ergonomia, tecnologia e segurança! Com certeza!
    Mas os carros sinceramente caem aos pedaços dentro de pouco tempo de uso e isso não é só no nosso mercado. Na Europa os carros franceses, já incluindo a Renault, tem a má fama pela durabilidade e pela desvalorização.
    Digo tudo isso por experiência.
    Não é por nada não, colega defensor do Peugeot 208, mas logo as dores de cabeça irão começar.
    Se tem conhecimento de línguas, leia o que os europeus (Europa um mercado exigente) acham dessas marcas.
    43K? Por que eu comprar um zero neste valor quando eu posso comprar carros excelentes no mercado de usados… Claro, isso depende da sua conta bancária. Afinal, comprar carro é fácil, difícil é manter.
    Leia-se Boa Sorte!

  • atsocovatsug

    O New FIesta é o melhor no segmento se voce considerar as versões 1.6. Se forem comparar as versões 1.5 talvez só a versão S vale a pena, se for pegar um 1.5SE melhor pagar um pouco a mais para ter o 1.6SE que é muito melhor.

    • viniloco1

      exatamente. Essa versão SE 1.5 tem q ser muito burro de comprar . ou vai de versão S ou de SE 1.6.

  • Jose Olimpio

    Engana-se quem diz que o melhor Peugeot é o Allure, faça as contas e veja tudo o que vc tem a mais no Griffe por $ 5.000. Testei ambos tanto 1.5 quanto 1.6 automáticos. O NF é melhor até o 1.5 segunda versão daí prá frente é Peugeot. Vou de 208 Griffe sem vacilar.

  • Pedro Silva

    Bom carro o Peugeout 208, mas ainda assim está aquém do New Fiesta. Entendo a sua defesa, até porque é o seu carro, mas sendo racional ou emocional o Fiesta é a melhor comprar, principalmente pelo pós-venda.

  • vinicius barbosa

    sua analise é perfeita! Eu mesmo ja havia feito analise similar , porem pra mim a versão q destrói o new fiesta é a "active pack" contra a "s" do NF , nas outras versões ja fica mais acirrada a briga.

  • gee6

    resumindo … dentre as versões de cada um ( 208 e NF)
    NF 1.5 S vs 208 active : empate .
    NF 1.5 SE vs 208 active pack :208 com folga
    NF 1.6 SE vs 208 allure : NF por ser muito mais potente e mesmo assim ter bom consumo.
    NF 1.6 Titanium vs 208 griffe: briga acirrada , empate novamente. pq NF é melhor em segurança, mas 208 tem mais tecnologia embarcada

    pra mim é isso, comparando apenas versões mecânicas os dois empatam, a quem diga q o automático de 4 marchas da peugeot mesmo sendo ultrapassado, arcaico anda mais q o power Shift da ford, porem acredito q a diferença no consumo é gritando a favor do NF.

  • adejanio

    se eu falar que o peugeot 208 é bom eu estarei mentindo,pois é otimo ,tenho um 208 allure e o que mais impressiona nesse carro e o design com teto panoramico ,junto com a mecânica muito bem acertada e o valor do seguro desse carro ficou muito barato, pois já tinha feito cotação do N F no meu perfil e ficava praticamente o dobro,porque amigos sem seguro não da pra ficar, o carro é belíssimo chama muita atenção das pessoas e não posso ficar pensando em pós-venda porque não existe carro que não se desvaloriza, tenho que pensar no prazer e no bem estar .

  • Ayrton Senna

    Prefiro meu Uno Sporting…

  • Igor M Pedruzze

    Bons comentários… Hoje estou comprando o 208 griffe automatico 56.000,00 aqui no ES, andei nele no NF, HB20x, ONIX e C3… para mim fio o melhor show… conforto, disigne e acima de tudo tecnologia… eu AMEI mas gosto cada um tem uma… mesmo q o motor da ford falam q é muito melhor a mecanica to tem ai… não viajo e nem roseto o carro meu lance é dia a dia tranquilo na cidade o lance é eu entrar gostar se apaixonar… Abraços

  • Ricardo

    Eu comprei um 208 griffe manual. Estou muito feliz com o carro. Eu fiz apenas uma breve comparação com o new fiesta. Para mim os itens de segurança do 208 são suficientes e se vc entrar no 208 com o teto panorâmico dele e andar a noite por exemplo, garanto que não tem carro que te deixa mais entusiasmado no segmento.

  • Alberto Mattos

    Fui na concessionária disposto a comprar a versão top do carro, que decepção ao saber que não tinha todos os equipamentos do new fiesta. Apenas dois airbags, sem controle de estabilidade e tração, nada de banco de couro, nem como opcional, pena saí sem nada.

  • angelo

    Eu achei bem sensata a comparação. Ta faltando interpretação de texto pro pessoal ai.
    O problema não mencionado da peugeot é a desvalorização e da Ford a qualidade do carro, existem varias reclamações dos consumidores por ai. Mas mesmo assim concordo com a opinião do autor (tirando a aceleração do 208 1.5 vencer o NF 1.5)

    O Allure deveria ser 1.6 c/ vidros elétricos nas portas traseiras, alarme, ESP e custar 45.000,00.

  • Nando

    Texto de vendedor mesmo. basta olhar quantos new fiestas rodando nas ruas pra ver a preferencia da maioria. os Peugeot´s só dão despesa depois de pouco tempo de uso. tenho dois amigos que tem Peugeot e falam que a manutenção é um roubo e que ja colocaram a venda os carros e ninguém quer comprar. comparando o new fiesta ao 208 é claro que o new fiesta é muito mais bonito e de fácio manutenção e revenda. comprar um Peugeot te da 2 alegrias na compra e hora que acha um otário pra comprar.

  • Juraci Neto

    Bem, em beleza o peugeout da uma lavada no Fiesta! A opção da compra vai da prioridade de cada um, A coisa que me atrai mais na Peugeot é que eles demoram bastante para alterar o design do carro, diferente de outras marcas inclusive a Ford, que muda detalhes do design em 2 e 2 anos (como ja fizeram com o próprio new Fiesta). Comprando um Peugeot é mais uma agarantia que rodaremos com o carro com design atualizado poir muito mais tempo.
    Meu voto é o 208!

  • Rafael

    No seu caso eu iria no 208 mesmo, comprei o New Fiesta 2014 1.6 SE, neste caso já prefiro o NF. Esse 1.6 anda igual carro 2.0 e bebe igual 1.0, incrível. Os dados do INMETRO não conferem com o que eu vejo no dia a dia. O meu está fazendo 11km/l com etanol na cidade, sem trânsito, com o ar ligado não muda o consumo. Gostei muito do 208, é um carro que eu teria sem medo também.

  • Juraci Neto

    Pessoal Minha Mãe comprou um NF 1.5 e eu fiquei no Peugeout 208, e reafirmo o que falei – NF só se destaca com relação ao motor (nem tanto), porque acabamento interno e externo o 208 da uma lavada e das grandes. 208 chama muito mais atenção e tem um porte de carro muito maior… Ando com os dois toda semana e para mim entre o 208 Allure e NF 1.5 – O 208 fica muito a frente… Mas é tambem como falei antes vai da prioridade de cada um…
    208 para mim é a melhor escolha visto que a Ford muda o design do carro muito rapido e a peugeout permanece com o mesmo design futurista por muito mais tempo….

  • Juraci Neto

    Pessoal não sei quanto ao NF, mas a Peugeout da 3 anos de garantia, motor e toda a parte eletrica sem contar com o valor das revisões que aqui na Bahia está de 210 reais… Fora o Seguro de 1 ano (extra o seu seguro) para defeitos, reboque (em caso de defeito) Assistencia para Pneu furado na estrada etc…

  • Estava em duvida sobre os dois 208 active ou NF 1,5 s resolvi subir um pouco mais fui para o NF versão se 1.5 R$42,600.00 mais pintura da cor preta 1,300,00 porque falou que não tinha o branco R$ 43.900,00 resolvi voltar na peugeot e falei que se baixar preço do activia + pack eu ficava pois a diferença é muito grande acabamento resolvi fazer o teste e foi amor no ato,,,que carro é esse fora a sensação de segurança conforto qualidade de acabamento 3 anos de garantia não somente de motor e cambio mais de tudo por 3 anos seguro mais barato por 42.700,00 mais frisos a unica coisa que não gostei foi do barulho do cambio é meio barulhento.. …NF fiesta era meu carro mais coloquei na balança a qualidade de acabamento parece que a piãozada tava loucos para comer a ceia de natal kkkkk (tbm sou pião) encaixes mal encaixados nota se de longe plastico muito duro muitas reclamações no facebook a mulher gostou do 208 ai pesou a autorizada fica perdo da minha casa msm..esse vai ser minha maquina…

  • fabio

    208 pode ser melhor. Mas qdo se quer vender, aí é que vem a diferença.

  • José Carlos Rabello

    Acabei de comprar um 208 Active Pack, e o que me decidiu foi o preço. Minha preferência era pelo NF SE, porém o preço ficou R$ 3.500, 00 mais caro aqui em SC (Araranguá) em relação ao 208, e penso ter tido a melhor escolha no quesito custo x benefício.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend