Fiat Hatches Populares

Maratona de 1.800 quilômetros, para mostrar que o Mille é mesmo econômico

fiat-mille-economy-teste-consumo-1 Maratona de 1.800 quilômetros, para mostrar que o Mille é mesmo econômico

A Fiat liberou hoje para a imprensa um press-release falando de uma maratona de 1.800 quilômetros feita por um piloto/jornalista, Celso Ferlauto. A montadora coloca a maratona como sendo uma iniciativa particular de Ferlauto.

Bom, resumindo, o que interessa para o leitor do NA é saber o consumo conseguido com o Mille Economy nessa maratona. O percurso foi de Betim / MG até Porto Alegre / RS, rodando 1.791 quilômetros.

fiat-mille-economy-teste-consumo-2 Maratona de 1.800 quilômetros, para mostrar que o Mille é mesmo econômico

O carro tinha dois ocupantes e um pouco de bagagem. A velocidade média foi sempre aquela permitida pela rodovia. De Betim até Curitiba foi usado somente álcool. A média foi de 12,26 km/l.

De Curitiba até Porto Alegre foi usado gasolina, e a média foi de 17,84 km/l.

fiat-mille-economy-teste-consumo-3 Maratona de 1.800 quilômetros, para mostrar que o Mille é mesmo econômico

OBS.: Vale a pena lembrar um detalhe: se a maratona fosse de Porto Alegre até Betim, o consumo seria bem pior, pois quando você está indo de Minas para São Paulo pela Fernão Dias, existem grandes trechos de pura descida, contribuindo para melhorar a média, pois do Sul de Minas até Campinas eu mesmo consegui 10,5 km/l com álcool, em um Vectra 2.0.

fiat-mille-economy-teste-consumo-4 Maratona de 1.800 quilômetros, para mostrar que o Mille é mesmo econômico

[Fonte: Fiat]

  • vinisuarez

    kd os 20 km/l que falaram qeu essa caixa de sapato fazia? =P

  • william

    [Comentario #155034 sera citado aqui]¹

    quero ver o que os uneiros da vida vão falar… essa história é igual a do gol g5 que segundo a vw foi de são paulo a brasilia com um só tanque, e nois mais vemos por ai é gente reclamando do consumo dele…

  • guilhermo

    Uma caixa sobre rodas

  • duhs2dany

    Estranho… muito estranho.

    Falam uma coisa… na hora eh outra.

    Iae?

    E outra… ele tava sem a/c ou com ele ligado?

  • duhs2dany

    Estranho… muito estranho.

    Falam uma coisa… na hora eh outra.

    Iae?
    Repare na segunda foto a janela fechada.

    Como dizem… a\c influencia no consumo de carros 1.0
    E outra… ele tava sem a/c ou com ele ligado?

  • X

    e feio pra krai…… :teeth2:

  • duhs2dany

    Desculpe pelo flood. travou e a msg mandou 2 vezes

  • alcantara

    pode fazer até 25km por litro que eu não quero..pagar 25 conto e me sentir num carro dos anos 80??? Melhor pagar mais na gasosa e andar num carro com linhas mais atualizadas, pelo menos é o que eu penso.

  • eduardo82

    Com certeza, foi com o ar desligado – para dar a maior autonomia possível para o carro.
    Prefiro gastar mais e ter conforto e segurança. Passo.

  • pablorocha

    Se custasse menos seria o 1º no ranking…

  • cristiano

    o que precisa agora, é virar carro né, não uma lata de sardinha, sem segurança alguma.
    deveria é substituir os carrinhos bate-bate no parque.
    um lixo!

  • oxley

    Pior que isto, tive um cross fox e um picape v6 os dois faziam 6 km/l, liguei na vw para reclamar do consumo do veiculo, o cara disse-me “Que só Deus”, fala série vendi e nunca mais compro vw.
    Não é coisa somente da Fiat tentar vender um carro dizendo que faz 20 ou 30 km/l e na verdade, na pratica fazer BEM menos.
    E o que me deixou mais p**** que é um carro que custa quase 60k e é 1,6

  • Lo Chun Man

    na Fernao Dias, sentido SP->BH meu carro faz 16km/l se dentro dos limites(100-110km/h) e olha q tenho um 1.8 16v

  • milleflex2006

    Achei o consumo baixo. O meu, um modelo 2006 portanto não é o economic, faz 11 no alcool na cidade andando bém .

    (…pode fazer até 25km por litro que eu não quero..pagar 25 conto e me sentir num carro dos anos 80??? Melhor pagar mais na gasosa e andar num carro com linhas mais atualizadas, pelo menos é o que eu penso…)

    Amigo para quem anda muito faz diferença e muito. Aqui com o alcool a 1,79 andando +- 100k por dia num carro que faça 7 ou 8 km a diferença chega a quase R$ 300,00 por més a mais. Se for contar a manutenção então.

    E eu não trabalho com o carro só vou ao trabalho nele.

  • GUIGANDRA

    12 km/L na estrada no alcool?
    Tá igual meu Focus 1.6 flex (com ar Ligado) pisando moderadamente, é claro.

  • Loxa

    Já fiz 19km/l na gasolina no meu antigo Peugeot 206 Soleil 1.6 16V com 110cv……………. nada demais isso ai…. pura enganação…. :down:

  • fernando.sg1@gmail.com

    fui até buenos aires saindo de juiz de fora e passando por foz do iguaçu de carro, meu carro, um peugeot 206 1.6 16v flex allure 2008 rodando no alcool com 4 pessoas e muita bagagem deu médios 11,5 km/l no alcool radando de 110 a 130 km/h e chegou a dar 17,9 na gasolina rodando na argentina sem passar de 120km/h
    pra mim o kra não sabe muito bem como fazer um carro não beber, já vi muito mille dando 20km/l por ai

  • jean brandini

    belo tiro no pé, doeu até em mim!!! :hauhau: :clown:

  • Luis.J.R.

    E eu pensando que era mais economico!

  • Luiz

    Tá nada econômico isso ae!!! O meu polo 1.6 faz Rio-SP na Dutra respeitando também a velocidade da estrada e com alcool 10,5/11km. Na gasolina eu consigo 14,5/15km.

  • Luiz

    Complementando o meu post…isso com A/C ligado 100% do tempo.

  • Bisinski

    Comportamento influencia muito no consumo, na mesma proporção da capacidade do carro. É só dirigir bem que o consumo do carro não fica baixo.

    Obs: Dirigir bem não é sinonimo de pilotar, especialmente pros playbas e os sem noção.

  • amp

    Primeira vez que eu comento por aqui.

    Eu tenho um Economy e o carro é maravilhoso! É dos anos 80, é quadrado, é feio, a estamparia é péssima mas é o produto de maior eficiência energética, termo tão propalado atualmente.

    O meu faz, seguramente, 140Km com 20 reais, tanto faz se com álcool (10 litros) ou gasolina. O que mais me deixa contente nele é o silêncio interno. Aqui em casa há um siena é muito mais ruidoso, tanto pelo vento tanto pelo ruído dos pneus.

    Não piso muito fundo ao ganhar velocidade, só em quinta elevo a velocidade para a que me agrada. 3ª vou até 60km; 4ª até 80. Há momentos que esqueço da 5ª, pois o motor é muito! silencioso. Viajei pela primeira vez com ele, meio a contragosto, achando que ia penar. Mas a posição de dirigir, com volante avançado e encosto do banco que deixa as costas bem retas, são de uma ergonomia muito agradável. Andei muito bem a 140km/h em pista excelente por 350km. A autonomia dele beira 700km.

    Hoje, fiquei mais contente ainda ao ver o ranking com o Uno Economy em 3º lugar. É um carro com presença forte no mercado e que está no auge da tecnologia possível nesse projeto tão antigo, mas extremamente visionário do Giugiaro! Por não mudar muito, gera tranquilidade em quem o tem, pois não provoca grande oscilação no preço e assim, na cadeia de usados, também. Vejam o que acontece com esses carros caríssimos, onde as concessionárias oferecem 30mil num carro que foi comprando por 50mil reais. Quem concorda com essa prática está assaltando a si próprio.

    Andei no Palio Economy de um amigo e foi decepcionante. Tem 10 cavalos a mais e é mais lento que o meu Uno, que é super ágil no trânsito. Além da direção mecânica desse Palio, extremamente pesada.

    Penso no Novo Gol, que é lindo! mas ao ver que faz 7Km com álcool, desisto. O meu faz 14 com álcool, que é o combustível do futuro. A população mundial exige isso e quem não disponibilizar essa opção comete grande erro estratégico. Penso, também, no Palio cujo preço rivaliza com o Siena EL. Vocês viram a opção do Kit Sensation que fornece um interior lindo, de veludo? E também vem com Direção Hidráulica. Em qual carro por menos de 30mil podemos esperar ter a opção de um interior de veludo?

    O Uno é mais que um carro. É um produto de responsabilidade social, que proporciona aos menos favorecidos a realização do sonho do primeiro carro novo, que é um marco na vida de qualquer pessoa que alcança algum sucesso profissional ao longo da vida, seja jovem ou mais velho.

    Com a determinação da airbag, o Uno não vai poder mais continuar. Mas vai deixar uma multidão, o povão mesmo, realizada.

    O produto oposto a isso, podemos citar o Smart ForTwo por 60mil reais. Gostaria de ver com que cara a Mercedes ficaria se alguém viajasse aos EUA, por exemplo, e comprasse um por lá, por 24 mil reais, pagasse o imposto de importação de 60% e publicasse o preço final na imprensa.

    Nós (Brasil), não somos obrigados e não vamos sustentar os lucros a que se acostumaram os grandes grupos empresariais do 1º mundo.

    Valeu, N.A.!!!!! (Ficou enorme, ninguém vai ler. rsrsrs!!)

  • Eduardo

    Eu tinha um Uno Mille Flex 2006 que chegava a fazer, na estrada, 14 km/l (com álcool), e 20 km/l (com gasolina).

    A forma de se dirigir contribui muito na média de consumo.

  • Eduardo

    O Fiat Uno é um produto antigo e ultrapassado mas que oferece atributos de modernidade, como economia de combustível, baixo custo de manutenção, grande espaço interno, durabilidade, resistência, praticidade, bom desempenho etc.

    Enquanto isso, a concorrência oferece carros que são apresentados como a última palavra em modernidade mas são beberrões, caros, de manutenção dispendiosa, lentos, frágeis e começam a se desmanchar logo que saem das concessionárias.

    São esses carros “modernosos” que garantem o sucesso do Fiat Uno no mercado.

  • rmuller

    [Comentario #155226 sera citado aqui]

    Vou complementar dizendo que o Uno realmente evoluiu durante o tempo, e não tem nada a ver com o carro dos anos 80. Fazia muito tempo que não andava de Uno, e tinha aquele trauma do ronco do motor Fiasa mais a péssima sensação da suspensão do carro.

    Pois bem, andei hoje de taxi em um Mille Fire Flex e realmente estranhei como o carrinho é confortável e tem fôlego! Passei por várias partes da estrada que estavam péssimas e não senti nenhum solavanco… muito confortável, não parecia Uno! Sem falar que o motorzinho 1.0 nesse carro leve faz um ótimo serviço. Mudou meu conceito completamente.

  • Josemar santos

    Meu pai até 2006 tinha um chevette a alcool ano 89 1.6 que fazia de 11 a 13 km/L.
    Ele queria um carro mais leve, um pouco mais novo, mais econômico e manutenção barata com objetivo de suprir as necessidades de locomoção mais na cidade que na estrada, por isso ele adquiriu um Mille a gasolina/GNV ano 2000 4p (perdeu o porta malas, mas em compensação passou rodar muitissimo mais!!!!!).
    Outro fator que ele se deparou foi o comprometimento nas arrancadas, ele adaptou um reparador de ponto onde corrigiu o desempenho, respeitando seus limites ele se adaptou gostando.
    Que adianta sair cantando pneu arrancando na frente dos demais para chegarmos juntos no primeiro semaforo vermelho que aparecer…??? as placas indicam velocidade máxima de 60 e 80 e em alguns Locais 110 km/H então nos consientizamos que não é preciso correr freneticamente.
    Mas se deixar, o mille vai além disso fácil-fácil.
    O danado faz uma média de 17/19 km/mt de gnv na cidade e na estrada faz seguramente 22 a 23 km/mt.
    Com gasosa ele tem uma média de 14 a 15 km/L na cidade e na estrada faz um pouco mais.
    Não tem direção hid. mas é muito confortável a direção, um carro compacto e leve, responde bem dentro de seus limites e estamos satisfeitos.

  • Bruno

    Só um detalhe. Esse carroque ele pegou provavelmente não havia feito amaciamento do motor… Depois de amaciado, o carro sempre dá um consumo melhor.

  • TVB

    Mas que reportagem porca !!!

    Faltando uma série de informações relevantes… Lamentável !!!

    Pô, este tipo de reportagem deve ser melhorado para a divulgação… Caso contrário, não vale a pena dar ibope ….

  • Rodrigo

    Grande coisa, meu Peugeot 206 2002 1.0 16v fez diversas vezes a média de 17,9 km/l no trajeto Foz do Iguaçu > Curitiba…..

  • docs

    Tenho um corolla 2003 com 115mil km rodados…
    vou de floripa pra curitiba, com ar condicionado (média de 100km/h) e faz entre 14,5 e 14,8 km/l… detalhe…tenho de subir a serra do mar pra isso.

  • Ronald

    PERFEITO TIRO NO PÉ!

  • Bruno Augusto

    Tenho um Mille Economy, já com 5500km rodados. Ainda não vi diferença de consumo entre ele e o Mille 05/06 do meu irmão. É econômico, mas nada tão exagerado quanto a Fiat prometia, 20km/l, até agora eu não vi!

  • Enisson Pj

    O cara me diz que ainda é PILOTO.. :teeth2:
    corta essa

  • wotan

    Para fazer essa proeza tem que ir a 60km/h em quinta marcha, antes de chegar um caminhao na régis já passou em ciam dele.
    É suicidio.

  • Rogerio

    tem que se levar em consideração, que deve ter trechos que ele fez a 110, velocidade permitida em várias rodovias, sendo que acima de 90 o Uno já começa a beber mais, outro ponto é que a viagem foi feita totalmente com ar-condicionado ligado pelo que mostra a foto, e se for o uno completo ainda tem o peso e trabalho da direção hidráulica que da uma diferença mínima, mas ajuda no consumo.
    Se comparar com o teste do novo gol que deve ter sido feito com o carro a 60Km/h, da bastante diferença, mas levando em conta que estavam dois passageiros de uns 80Kg cada e mais alguma bagagem, seria uma simulação de carga, sem carga ele fará mais também.

  • Rogerio

    Tinha um Renault Clio 2002 RT, o mais completo, original a gasolina, só troquei a bomba de combustível e rodava no álcool 100%, em uma das minhas viagens de Campo Grande pra Cuiabá, mantendo a máxima permitida de 80Km/h, em alguns trechos de descida que ele ultrapassava a velocidade dos 80 pois pisava na embreagem pra liberar o cambio, ele fez média de 14Km/l de álcool, condições, pneus em bom estado, todos acima de meia vida, calibragem correta dos pneus segundo plaqueta que tem no carro, ar-condicionado desligado, 3 ocupantes mais alguma bagagem que somando dava um peso aproximado de 280Kg.
    Se comparar com essas medições então ainda tem muito pra evoluir os carros flex!!!

  • Reinaldo

    Dizer q o mille fire eh horrivel, um lixo, etc….eh pq nunca experimentaram um plastifox….amo d+ esse carro :heart:

    • Junior

      Concordo plenamente com vc!!!!

  • ghzoch

    COMPRAR CARRO 1.0 PENSANDO EM ECONOMIA DE COMBUSTIVEL, POR MAIS ECONOMY QUE SEJA, É PURA ILUSÃO.
    Me falaram a mesma coisa do mille way..”é um carro firme..com estabildade(até ai é verdade) e bem economico!”
    “huumm..economico qto??”
    Resposta do Gerente da fiat: “faz entre 12 a 16 km/L”

    Porem..fazendo o teste depois de ter comprado o carro..ATÉ HOJE..nao consegui fazer 9 nem na estrada!!

  • Leonardo de Blumenau

    :banana:
    Meu picanto automático na estrada fez 21km/l (trajeto blu-gramado) andando a 85km/h (que é um saco) e sem acelerações bruscas. Isto até vacaria, depois fez 18,5 km/l

  • Marcos

    o tipo de condução influência em muito o consumo.

    Já tive um uno FLEX 2006 que fazia 18 a 19 na na estrada com média de 80 90 K/h sem ar.
    Atualmente, possuo um Focus que faz, 60% estrada e 40% cidade, a média de 14,5 a 15 k com um litro de gasolina. Tô muito satisfeito com esse consumo, considerando que é um carro maior. Detalhe, o carro tem 90 mil k e só troquei as pastilhas e discos e claro os pneus. Melhor carro que já tive (custoxbenefício).
    Voltando ao Uno, considero um páreo duro para o Pálio, pois é mais econômico e a direção não é pesada como a do Pálio e é um carro com manutenção muito barata que é o que interessa a maioria da população assalariada com eu.
    Compraria, sem dúvida, novamente um Uno, pois é um carro gostoso de dirigir, bom de curva, sem frescuras, bom desempenho, com 200 reais vc faz troca todo o embuchamento dianteiro e ele fica silencioso de novo.
    Agora se o objetivo for fazer balaca com as mulheres ou fazer pose para os parentes, realmente, não é a melhor opção.

  • Daniel

    nada contra, mas prefiro meu omega 4.1 da 5/l mas anda pra carai…
    sem falar no conforto.

  • pedro

    tenho uma verdadeira merda na mao só me deu dor de cabeça, comprei um carro 0km e mais parece que ja rodou uns 200.000 kms. Já foi umas 15 vezes na revenda para reparos:

    com 1.000 kms tive que trocar as pastilhas de freio

    com 4.000 kms tive que mandar limpar os bicos injetores ah e o cara da revenda falou que era problema com o alcool disse que eu tinha que usar gasolina e o alcool da esse problema mesmo. Pô com 4.000 kms!!!

    com 7000 kms a maquina do vidro da porta do motorista foi trocada. Quebrou e o cara a revenda disse: É assim mesmo vc usa muito.

    com 9000 kms a mola traseira estava ringindo e o cara da revenda disse: nao coloque mais de 3 passageiros atraz.

    com 10.000 kms começou a bater todas a s portas, sabe o que me disseram na agencia? ” Se voce notar todo barulho que da no uno vc não fica com o carro 6 meses. Legal nè?

    com 15.000 kms por fim a mola esta ringindo>.

    Quem pode me ajudar já que nem o fabricante se interesou por meus problemas?

    Será que a fiat não está nem ai para seus clientes?

    Será que eles querem vender carro 1 vez só pra cada cliente?

    Será que eles querem vender porcaria colocar porcaria no mercado?

    Será que a fiat respeita mesmo seus clientes?

    Por favor fiat não me ofereça mais carro nenhum.

    Nunca tive o prezer de dirigir esse carro quando entro nele só me aborreço.

    Não comprem fiat!!!!!!!!

Send this to a friend