Europa Mercedes Benz Tecnologia Trânsito Veículos Comerciais

Mercedes-Benz Actros com condução autônoma já roda nas estradas da Europa

mercedes-benz-actros-highway-pilot

A Daimler decidiu colocar seu caminhão Mercedes-Benz Actros com tecnologia de condução autônoma e V2V nas estradas da Europa. O veículo está sendo testado em condições reais e, com ele, mais duas unidades formam um comboio totalmente conectado. O caminhão líder utiliza o Highway Pilot Connect em função de condução autônoma, “puxando” os outros dois através de conexão remota.

O primeiro veículo utiliza câmeras, radar e sensores para detectar o tráfego à frente e manter a velocidade. Para os demais, ele envia ordens através de conexão Wi-Fi, fazendo assim com que os demais rodem da mesma forma. A Mercedes-Benz diz que o Highway Pilot Connect permite redução de até 10% no consumo de combustível, além de menor emissão de CO2.

O tempo de reação é de 0,1 segundos, superior ao 1,4 segundo do ser humano. Os membros do comboio mantêm distância de 15 m entre os veículos. Ainda que a tecnologia seja bastante sofisticada, a Daimler ressalta que o motorista deve sempre ficar atento e atrás do volante. As unidades do Highway Pilot Connect estão rodando da Alemanha para a Holanda.





  • Leonardo M. G.

    Maximum Overdrive. Sem mais.

  • Blessa

    Motorista de caminhão já dorme no volante por natureza, imagina agora com essa tecnologia, brincadeiras a parte logo todos nós seremos apenas passageiros dos veículos, triste para quem gosta de dirigir.

    • V12 for life

      O dia que isso acontecer eu não largo os carros atuais que passarão a ser os antigos.

      • Darwin Luis Hardt

        acho que vai ser um opcional muito caro, por muitos anos, talvez décadas. Assim como o câmbio AT. Compra quem quer. Ainda se vende muito manual no mundo todo.

        • Yan Oliveira

          É, só que hoje em dia, cambio automático (automatizado) em caminhões extrapesados já é uma obrigação. Pode reparar: Quase todo Scania G e Volvo FH pós-2010 já são automáticos (Opticruise e i-shift, na ordem). Os 26.420 da VW já saem VTronic (automatizado) também.

          Daqui 10 anos lá fora já deve ser realidade um sistema desses. Isso, pra quem passa o dia inteiro dentro de um caminhão, é excelente. Diminui bastante inclusive o risco de acidentes.

    • Deadlock

      O dia que esse negócio se tornar mais confiável é o fim do cara atrás do volante, o que será bom pois serão bastantes reduzidos os acidentes, pois não vai haver fadiga. A escala reduzirá os preços e o governo gastará menos com pensões e despesas hospitalares.

    • Leonel

      Se manterem a opção de dirigirmos, não vejo problema. É igual câmbio AT, eu gosto para o trânsito, mas para “sentir” o carro e etc, não tem como o manual.

  • GPE

    Top!

  • Será que a questão do comboio funciona em uma estrada cheia de curvas e de serra? Numa estrada reta e plana como na foto até aparenta ser fácil mas em uma subida de serra onde fatores como ultrapassagem de carros menores dariam problemas.

    • Joao Machado

      Então André, esse teste está sendo feito na Europa… acredito que os caminhões não faram ultrapassagem em rodovias, e os veículos de pequeno porte não vão entrar entre um caminhão e outro… agora referente as serras e montanhas, não a problema de conexão, pois o sinal é transferido entre um caminhão e outro.

  • V12 for life

    A Daimler ressalta que o motorista deve sempre ficar atento e atrás do volante, agora mantenha a concentração na estrada sem absolutamente nada pra fazer.

    • Pois é, uma incoerência mesmo.

    • fbl

      É tipo assim. Ta aí a tecnologia mas a responsabilidade é sua motorista!

    • Pedro Rocha

      Depende. Se for no Brasil e em pista simples, duvido que o motorista vá conseguir dormir com tanta gente fazendo ultrapassagens arriscadas.
      Se isso acontece comigo quando viajo nos bancos mais à frente no ônibus, quanto mais um motorista de veículo autônomo.

  • zekinha71

    Reinventaram o treminhão.

  • fbl

    Imagina um dia no brasil. No meio do comboio entra aquela CG125 costurando e fazendo M. Será que a carreta passa por cima?

    • Marcelo Nascimento

      Com 15m de distância entra é carro no meio!

      • Joao Machado

        15 metros é a distância entre um o 1º caminhão e os demais veículos na sua frente, acredito que a diferença entre os caminhões do comboio seja menor!!!

        • Marcelo Nascimento

          Pode ter sido erro na tradução, mas a notícia diz que “Os membros do comboio mantêm distância de 15 m entre os veículos.”. O que para padrões brasileiros é uma distância enorme, na Europa pode ser ideal…

  • The Monster Man

    Bacana, mas tenho receio, vide os carros da Google.

    • Matheus

      Qual o problema dos carros do Google?
      Rodaram milhões de milhas e houve apenas UM acidente onde a culpa foi do sistema.
      É estatisticamente melhor que um motorista humano.

  • RKK

    Caro moderador, me esclareça: qual o critério do Notíciasautomotivas para classificação/ordenamento dos comentários ?

  • Vicente

    Hahaha! A “pose” do motorista na foto é impagável.

    • 1945_DE

      Provavelmente vai receber uma multa por dirigir sem as mãos no volante. Lá existem câmeras que controlam várias infrações.

  • Felipe

    Falamos sempre aqui do abismo entre alguns veículos vendidos aqui como “populares” e os veículos vendidos como populares em mercados desenvolvidos.
    No entanto esse abismo é colossal quando falamos de veículos de carga (caminhões) e chassis de ônibus.

    Chega a ser irônico um país movido a L1113 (hahahahah)… ver uma notícia como essa! Sendo como o país é, por aqui essa tecnologia vai demorar muito a pegar.

    • Zetros1833

      Por incrível que pareça, no segmento de caminhões e ônibus, a diferença entre o Brasil e a Europa é pequena.

      Com relação a essa tecnlogia, se até na Europa ainda é novidade, duvido muito que chegue ao Brasil, pelo alto preço que seria cobrado..

      • Felipe

        Pelo Brasil, qualquer trecho de rodovia que se pegue é comum ver caminhões da década de 60/70/80. Não sei se vc conhece a Europa, mas isso lá é bem difícil. Bem mesmo!

        • Zetros1833

          Aqui pela BR-324, eu vejo ainda alguns caminhões antigos, geralmente puxando containers, pq é o que eles ainda aguentam puxar, rs.

          Mas eu me refiro aos caminhões novos e modernos fabricados aqui com relação aos modelos novos europeus.

          • Felipe

            Compreendi seu ponto de vista. Os fabricantes tem um lineup no Brasil bem próximo do lineup europeu. A diferença colossal a qual me referi está no que de fato circula nas estradas.

            • Zetros1833

              Mas tem muito caminhão moderno circulando tbm. Canso de ver Mercedes Axor e Actros, Volvo FH, Scania R, Iveco Strallis, VW Constellation e MAN, etc.. Acredito que a parcela de caminhões velhos que ainda circulam nas estradas seja menor que as de caminhões novos

              As transportadoras não operam com caminhões velhos, tanto que eu vi uma reportagem na tv, que elas estão com dificuldade de contratar motoristas, exatamente pela tecnologia dos caminhões.

              • Felipe

                Sim, existem muitos caminhões mais novos circulando. Isso varia de região para região. As mais industriais por exemplo, concentram um número de caminhões velhos muito grande. Digo isso, por que passo diariamente em um distrito industrial da região metropolitana de Belo Horizonte e há muitos caminhões velhos. Muitos.
                A situação se repete em São Paulo. Viajo frequentemente pra lá e, na maior parte da rodovia, os caminhões mais novos são mais frequentes… Em contrapartida, chegando na região metropolitana de São Paulo, lá estão eles… Os velhos caminhões poluindo e se arrastando por toda parte!

  • edilson

    Isso vai tirar o emprego de muita gente!

  • espionagemamericana

    Gof GTI ta 120 mil reais vc viu na car blog?

    • contravotoobrigatorio

      fiat Strada mais de 70 mil reais

  • espionagemamericana

    A GM não coloca os preços dos carros no seu site kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    eu não achei,verdade

    • contravotoobrigatorio

      Ford Fusion 150 mil reais o mais barato

  • Renan

    Teste de verdade é descer a 376 Curitiba – Litoral SC. Rsss

    • João Cagnoni

      Já ouvi falar dessa região… É uma serra perigosa, né?

      • Renan

        Acredito que existam piores, mas como estou sempre na região a conheço bem. Não é incomum acontecer grandes acidentes com caminhões. Estrada mal projetada, curvas que empurram pra fora, buracos, má qualidade do asfalto e pouco espaço.

  • DiMais

    faz isso rodar na Transamazônica!

  • Retrato do Papai

    lembrei na hora de um episódio de os simpsons no qual o homer vira caminhoneiro e descobre por acaso que existe um equipamento secreto que conduz o caminhão de forma automática, existindo inclusive um complô entre os caminhoneiros para que o assunto não se torne público (afinal eles receberiam “bem” para apenas sentar e apreciar a viagem)



Send this to friend