*Destaque *Featured Cupês Mercedes Benz Preços

Mercedes-Benz CLA 180 chega com motor 1.6 de 122 cv a partir de R$ 137.900

mb-cla-180-1 Mercedes-Benz CLA 180 chega com motor 1.6 de 122 cv a partir de R$ 137.900

O Mercedes-Benz CLA 180 2018 agora faz parte do portfólio da marca de luxo alemã no Brasil. Importado da Europa, o cupê quatro portas feito sobre a plataforma modular MFA, chega com uma proposta de se aproximar de novos clientes com uma versão mais acessível, que chega pelo preço sugerido de R$ 137.900.



Com forte apelo jovem, o Mercedes-Benz CLA 180 2018 chega com motor 1.6 Turbo de 122 cv e 20,4 kgfm entre 1.250 e 4.000 rpm, menos que os 156 cv e 25,5 kgfm oferecidos pela versão CLA 200. Além disso, traz a transmissão automatizada de dupla embreagem 7G-DCT de sete marchas, tendo tração dianteira.

Mesmo sendo o menos potente da gama, que conta com as versões CLA 200, CLA 250 Sport 4Matic e CLA 45 AMG, o Mercedes-Benz CLA 180 2018 vai de 0 a 100 km/h em 8,7 segundos e atinge máxima de 210 km/h, deslocando 1.430 kg de peso. Além disso, o CLA mede 4,64 m de comprimento, 2,03 m de largura (com retrovisores), 1,43 m de altura e 2,70 m de entre eixos, oferecendo ainda 470 litros no porta-malas.

mb-cla-180-1 Mercedes-Benz CLA 180 chega com motor 1.6 de 122 cv a partir de R$ 137.900

De série, o Mercedes-Benz CLA 180 2018 traz rodas de liga leve aro 17 polegadas com pneus 225/45 R17, faróis de LED, LEDs diurnos, lanternas em LED, câmera de ré, entre outros. O cupê tem cinco opções de cores, sendo as metálicas azul cavansite, cinza montanha, marrom oriente, prata polar e preto cosmos), enquanto há três sólidas como opção: branco, preto noite e vermelho júpiter.

O acabamento interno vem nas cores em preto e cinza cristal, o modelo também tem bancos em couro Artico e tecido Coari, painel com revestimento honeycomb, sete airbags, direção elétrica adaptativa, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, ar-condicionado automático, trio elétrico, sistema de áudio com Bluetooth, USB e auxiliar, multimídia com tela de 7 polegadas, entre outros.

Com coeficiente aerodinâmico de 0,26, o Mercedes-Benz CLA 180 2018 te um estilo bem individual. O cupê reforça sua proposta com ausência de molduras nas janelas, teto bem curvado e linhas sinuosas que descem pela traseira. Dotado de personalidade própria, o CLA chama atenção pelo conjunto ótico de LED High Performance, que consiste em feixes de luz bem concentrados e de alta impressão visual.

Além do friso cromado único na grade, o Mercedes-Benz CLA 180 2018 incorpora também um para-choque com linhas fluídas e mais cromado, assim como visto no entorno das janelas. Por dentro, o ambiente tem uma boa impressão visual de qualidade e luxo, mesmo sendo uma opção mais simples dentro da gama. Apesar disso, espaço e altura são limitados por conta de seu estilo peculiar. De acordo com a Fenabrave, somente o CLA 200 vendeu 493 exemplares em 2017.

COMPARTILHAR:
  • Matthew

    Barbaridade. Carro 1.6 a R$ 138.000,00, e com potência de motor aspirado ainda por cima. 0-100 km/h em 8,7 s tá bastante otimista, ou o valor de potência tá muito abaixo do real. Será que já chegamos na parte em que dobramos a meta?

    • Detalhe: são quase 1500kg!

      • Pedro Cunha

        Apesar do torque acima dos 20kgfm em baixa rotação e da “provável esperteza” do câmbio, esse 0-100 tá tipo os “140cv” do veloster.

      • th!nk.t4nk

        Respondendo: faz esse tempo sim, na pista aqui na Alemanha pelo menos (nas avaliaçoes aqui fica nessa faixa mesmo). Com gasolina brasileira, aí já é outra história. É um 1.6 turbo bem fortinho, que deixa pra trás qualquer 2.0 aspirado vendido no Brasil (além de ser estupidamente econômico!). Dito isso, o CLA é um coupê de entrada, não é carrão e nem tem obrigação de ser. É um modelo pra quem curte um visual mais jovial, compacto, com bom acabamento, mecânica robusta e preço baixo (29 mil € aqui na EU). Se chega caro no Brasil e o povo quer ostentar, infelizmente é um problema regional.

        • Filipo

          Será que deixa para trás o Sandero RS?

          • cepereira2006

            Acho que come pó. Tem o mesmo torque do Polo 1.0 TSi em uma barca de 4,64 m. É só para mostrar a estrela para o vizinho.

            • th!nk.t4nk

              Mas de onde vocês estao tirando que o CLA de entrada é concorrente de Sandero RS e de Up TSI? Lógico que tá cheio de carrinho mais simples que anda mais, sempre foi assim. Mas o CLA 180 mira em economia, nao em desempenho. E mesmo assim faz 0 a 100 km/h em 9,0 s, o que está excelente pra sua proposta.

              • Filipo

                Eu só citei o Sandero porque você disse que ele deixa para trás qualquer 2L aspirado vendido no Brasil. Hehe..

              • FocusMan

                Você disse que daria pau em qualquer 2.0 aspirado do país.

          • FocusMan

            Nem a pau.

        • Alexandre

          Eu acho que deve cravar no 9s… Muito peso pra esse carro. Acho impressionante como a MB cobra caro pelos carros e oferecendo menos. BM e Audi em mecanica (pelo mesmo valor) estao bem a frente.

          • FocusMan

            Pode ser que faça sim esse número, com muito torque em baixa e um cambio de 8 velocidades, fica mais fácil.

        • FocusMan

          Não deixa nenhum 2.0 aspirado para trás com 122 CV. Esse carro deve ser igual a um motor Diesel. Torque abundante em baixa rotação e nada de potência em alta. Deve ser um porre de andar se você gosta de carros. Alias, deve parecer um carro elétrico…

          Os motores turbo com cerca de 150 CV não deixam para trás o Focus 2.0 apos os 100 km por hora. (Não vou citar a marca para não causar tumulto)

    • PEDAORM

      Potência de motor aspirado, mas torque em baixa dos motores turbo. Aceleração deve ser razoável.

    • Leandro

      Ta estranho mesmo esse número…

      • André Luis Versiani

        HB20 hatch 1.6 manual com 128 Cv no álcool acho dificil conseguir este número, exagerado isso aí mesmo, a Hyundai comprou a Mercedes?kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        • Gutto Morais

          A Mercedes tem 5 kgfm de torque a mais que o Hyundai e em baixa rpm o que da uma diferença monstruosa mesmo assim o Mercedes é 400 quilos mais pesado. Não sei se faz isso que a Mercedes diz, acho que não.

          • Cláudio Modesto

            O câmbio de dupla embreagem tmb ajuda.

        • Ferrari

          Tá, vc tá comparando a potência de pico. A potência desde a marcha lenta até os 5000RPM, advinha quem ganha?

          • André Luis Versiani

            Não comparei curva de potência em hora nenhuma e sim peso/potência HB20 hatch muito mais leve, é Mercedes mas apanha sim do Hyundai Hahahaha.

            • Ferrari

              Sério? Já colocou um do lado do outro?

              Posta o vídeo aí para a gente ver!

        • Ademir Junior

          Ou a CAOA esta divulgando os produtos da estrela germanica agora!!! hehehhehehe

    • Peuooo

      alem de ser turbo, o torque é alto tb, será que isso não ajuda?

      • André Luis Versiani

        Ajuda muito, mas e o peso absurdo de SUV que ele tem…

      • cepereira2006

        Alto? É o torque do Polo 1.0T da VW. Esse deve ser o motor projetado pelo estagiário da Mercedes.

    • Wellington Myph13

      1.6, turbo né.
      138mil é etiqueta Mercedes, nesse país, nenhuma surpresa aí.
      8,7s não é otimista, ainda mais com DCT… Com essa reduzida na potência pode ver que o torque começa nos 1250RPM, nem colocou o pé no acelerador já tem 20kgfm de torque…
      Galera se prende demais a potência. Faz diferença sim, óbvio, mas o Turbo faz o torque chegar mais cedo, entregando a potência antes… Os 1.4 da Audi com 122cv faziam a mesma coisa no A1 e A3…
      Exemplo simples são os 1.6 8v da VW que tem torque máximo aos 2500RPM, deixando o carro super ágil na cidade, forte, dando sensação de que anda demais, mas chegou nos 5000rpm ele morre, porque não tem potência. Arranca forte, e morre no fim…

      • Matthew

        Ok, tem todos esses fatores que você falou, o turbo deve ser do tipo twin scroll e tudo o mais. Porém estamos falando de um carro de quase 1500 quilos. O torque é importante na arrancada, mas depois a potência se faz necessária também. É que nem motor Diesel que tem um torque absurdo em baixa e potência específica baixa se comparado a um equivalente à gasolina. Portanto, acho que esses 8,7 segundos declarados são otimistas, sim. A não ser que tenha alguma função overboost. Chutaria 9 alto.

        • Wellington Myph13

          É um carro que certamente chega muito rápido até seus 140km/h, e dali pra frente já começa a mostrar a potência baixa…
          Só um teste real poderia nos provar algo diferente. Eu não fico surpreso, o motor Turbo faz estrago, especialmente com DCT…

        • Miguel

          Eu quero um teste com esse sedã carregado com quatro adultos mais bagagem, aí veremos se anda ou se arrasta nas estradas, isso sem falar no consumo.

          • FocusMan

            Torque ele tem para andar bem com peso.

        • FocusMan

          O cambio de 8 velocidades tem papel importante nesse tempo.

      • Redrum

        Dirigi um desses A3 Sportback de 122cv s-tronic… Tinha um CIVIC 8 (1.8, 140cv na época, automático). Era nítido que o Audi andava muito mais… Os números da Mercedes costumam ser mais otimistas que os da Audi e da BMW, mas menos de 10s esse carro faz…

        • André Luis Versiani

          Menos de 10s acredito que sim mesmo, mas com este peso fico receoso, os Audi andam muito mesmo, porém são bem mais leves, o A1 é do porte de um Ka hatch.

        • FocusMan

          Acho que o Audi te enganou pelo torque em baixa rotação.

      • Pedro Cunha

        Explanação correta.
        Mas quase 140k só pra dizer que “comprou um mercedes”… É demais.
        Até o prius tá valendo, haja vista a vantagem no consumo em km/l, “excentricidade” do modelo e descompromisso com performance.

        • Wellington Myph13

          Ah, eu iria de MB ao invés de um Prius se eu pudesse pagar.
          Independente de uma revisão ser 2500 na MB e ser só 500 na Toyota, eu não gastaria 130mil pela economia… Tem muito carro mais barato, com bom conforto, que pode compensar toda diferença de investimento em um Prius pelo seu consumo…

          • FocusMan

            Boa resposta. Quem quer economia compra um Onix.

        • Junio Tavares Silva

          Pensar em consumo num carro de 140k, se não for por consciência ecológica não justifica, haja visto que só desvalorização e seguro fazem com que o consumo em excesso seja o menor dos seus problemas

        • FocusMan

          Mas Um honda Civic custa quase igual a isso.

      • FocusMan

        Sinceramente qual o espanto do preço mesmo? Um Civic custa quase isso hoje em dia.

    • André Luis Versiani

      Que milagre este cambio Mercedes proporciona não sabemos, ou a física de inércia é desconsiderada, carro pesadão andar isso tudo achei meio exagerado, mas aguardar testes reais dele.

    • ObservadorCWB

      OS caras trazem para a Banânia os números lá de fora. As Mercedes continuam carrões. Mas no Brasil os modelos de entrada só possuem a mais que os táxis na Europa as rodas. Por incrível que pareça se vende Mercedes com calota na Alemanha. Daí o cara compra a casca da Mercedes com o motor do “Veloster”, coloca a Mijolina da Merdobrás e acha “estranho que o carro não anda”. PS: Já chegaram as Mercedes 450AMG. SONHO de carro.

    • Guilherme Batista

      Eu achei bem inovador a Mercedes lançar o primeiro motor Diesel movido a gasolina do Brasil.

      Brincadeiras a parte , a não ser que esse motor tenha um consumo excepcional, é bem vergonhoso essa potência, mesmo com torque alto, deve ser bem sem sal esse carro.

      • FocusMan

        kkkk me acabei de rir aqui.

    • Ferrari

      Potência média… O carro já desenvolve torque máximo a 1250RPM. Isso dá uma boa ideia do quanto de potência esse carro tem em baixa.

      E não é só questão de motor. Ande neste carro e você perceberá o tempo todo que está um carro excelente. Para quem tem essa grana, certeza que vale (eu não tenho e ando de March mesmo)

      • FocusMan

        é, igualzinho a um carro a Diesel. No final das contas se você quiser sentir alguma emoção ele só fará barulho berrando…

        • Ferrari

          Bom, não falarei de um carro que não dirigi.
          Duvido que esse Mercedes seja ruim ou parecido com um carro a Diesel. Mas o pessoal daqui do site é muito bom, olha uma ficha técnica e já sabe tudo sobre o carro. Só me resta ler e aprender com a genialidade de todos.

          • FocusMan

            Quem disse que carro a Diesel é ruim?

            Eu disse que parece carro a Diesel. Eu já achava isso de pequenos motores 1.4 TSi e do 1.6 Ecoboost.

            Nas chances que tive de dirigir os carros eu senti que eles pareciam maratonistas asmáticos.

            Mas vai de cada um, minha vivencia com carros é muito maior do que a da maioria das pessoas que acha que um carro com 200 cv é esportivo.

            • Ferrari

              Mano, o carro tem torque máximo de 1250 – 4000 RPM e pico de potência em 5000 RPM.
              Carro Diesel onde ???

              • FocusMan

                Falo de sensação. Mas deixa pra lá eu não dirijo jogando supertrunfo

                • Ferrari

                  Então conte para nós como foi a experiência dirigindo o CLA 180

                  • FocusMan

                    Ainda não dirigi. Mas certamente n será muito interessante dirigir um carro igual basicamente igual ao A160 que dirigi na Europa. Mesmo motor porém ainda mais raquítico com apenas 101 HP. Como o peso dele é cerca de 120 kg a menos que o CLA, a relação peso potência são semelhantes.
                    Isso é opinião minha não gosto da familia A mercedes nessa geração (e nem em nenhuma). A Mercedes ainda n aprendeu a fazer carro de tração dianteira e o Classe A sofre desse mau. A suspensão não é chega aos pés do compromisso com o conforto do Golf, Focus e 308 e não consegue ser cativante como um BMW serie 1. O interior e simples demais para um carro premium, a direção eletrica é pouco comunicativa e ruidosa, sofrendo de “clatter noise” mesmo nas otimas estradas europeias.

                    Não gostei, mas como eu disse, tenho uma certa vivência com carros que me permite opinar.

                    • Ferrari

                      Pouts, que pena que o carro é tão morno assim.

                      Aluguei um A3 nestes dias e achei o carro tão fantástico, apesar de ser o 1,4 TFSI de 150cv, que achei mesmo que o Mercedes seria tão impressionante quanto.

                    • FocusMan

                      O Mercedes de 156 CV que é a versão CLA200 é bem legal. Apesar de não andar muito mais do que carro aspirado com 180 cv. Já esse CLA 160 que andei era bem ruim… mas tinha 101 cv apenas e visava economia. Se você for ver ele é um motor 1.6 turbo, com potencia de motor 1.6 aspirado 8v e antigo.

                    • Ferrari

                      Para ser 1,6T e ter tão pouca potência em alta, imagino que ele deve usar um comando super manso e ter potência recheadíssima em baixa rotação.

                    • FocusMan

                      Ele usa Ciclo Atkinson praticamente…

  • Gran RS 78

    Caríssimo. Os carros da Mercedes tinham preços que poderiam até ser considerados agressivos em relação aos concorrentes como Audi e BMW, mas de uns tempos para cá estão completamente fora da realidade, especialmente a GLA, que depois da reestilização ficou com preços salgados demais, o que refletiu em uma queda acentuada nas vendas, inclusive o C180, que vendeu apenas 240 unidades em dezembro e perdeu o posto de sedan premium mais vendido para o BMW 320. Tbm o GLA básico custa 150 mil reais e o C180 está por 170 mil, valores absurdos especialmente levando-se em conta que utilizam motores 1.6.

    • Redrum

      Vamos pensar pelo outro lado… custa R$12.000 a mais que um CIVIC com CVT… CIVIC… Carro popular em qualquer lugar do mundo…

      • Gran RS 78

        O Civic ou Corolla não são parâmetros para nenhum modelo. Mas o Civic ou Corolla que mais vendem custam entre 100 e 105 mil reais, portanto é uma diferença significativa de 38 mil reais.

      • ObservadorCWB

        Você já viu o que é uma Mercedes deste “nível” na Alemanha ? É o “táxi da rodoviária”. Aqui é que vira supra-sumo de qualquer coisa.

        • FocusMan

          Pior, na Alemanha o taxi é um Classe E.

        • Ferrari

          É, talvez o dia que tivermos uma renda per capita próximo a alemã, vire taxi aqui também.
          Por enquanto vamos andar de Siena 1,0 Fire.

    • Vinícius

      Com esses dados enviesados não dá, amigo. O Classe C foi o sedan médio premium mais vendido de 2017.

      • Gran RS 78

        Foi o mais vendido antes de ter os preços aumentados, veja que em vários meses perto do final de 2017, o BMW 320 vendeu mais que o C180, mesmo sendo uma geração mais antiga que o Mercedes.

        • Vinícius

          Promoção também, assim como fez a MB na metade do ano. Mas o que importa, se é pra comparar vendas e tirar alguma conclusão daí, são os dados agregados de 2017. Vou facilitar pra vc:
          Classe C: 4883
          Série 3: 3396

          Ah, em 2016 o Classe C tb foi o mais vendido.

          • Gran RS 78

            Obrigado pelos dados, mas eu já tinha visto esses números. Foi como eu disse anteriormente, a C180 e GLA vendiam bem antes da Mercedes aumentar demais os preços deles, pois quando tinham preços menores ou promoções vendiam mais que os concorrentes, mas isso acabou à alguns meses, e os modelos perderam as respectivas lideranças para a X1 e 320.

    • Marcos Vinicius Bittencourt

      Um HRVde 100mil é muito mais bonito que um GLA de 150mil. Aqueles bancos de tecidos são dignos de carro popular.

      • FocusMan

        Lembram os do Celta 1.4

    • cepereira2006

      Fora que essa frente feiosa e padronizada está para lá de batida. Passou da hora de mudarem para uma coisa melhor. Mexam-se.

  • Emanuel

    Duvido demais desses números. Demais. E por esse preço o carro não só merece como DEVE mais. Triste de ver toda essa falta de respeito com o consumidor brasileiro. Não tem uma que se salve.

  • igomd

    A Central multimídia ainda é aquele não touchscreen e nada intuitiva da C180?

    • PEDAORM

      É pior que a da c180, o Comand da 180 é mais completo.

  • Vítor Vilela

    Preço bem alto pelo que ela oferece. Se viesse por R$ 119.000, venderia muito.

    • syfus

      Venderia nda…. brasileiro só pensa em 3 coisas…. Economia, Manutenção e Revenda…. E carros premiuns nao sao para pessoas com esse perfil…

  • PEDAORM

    Motor do Polo rende mais…

    • Cláudio Modesto

      Cara, o pior é que anda perto mesmo.

    • cepereira2006

      Mesmíssimo torque. Comentei acima isso, torque de motor 1.0T. Deve ser o motor projetado pelo estagiário da MB.

      • PEDAORM

        O motor é até razoável, o problema é que foi detuned para essa configuração 180.

  • Carlos

    210 km/h num carro de 1.450 kg e motor de 122cv???

    • É Mercedes. Foi construído com carbono vindo de profundezas aquecidas dos alpes Suíços e esmerado pelas mais belas Alemãs de Stuttgart com seus seios desnudos.

    • Filipe Augustus

      Esse carro tem o record de coeficiente aerodinâmico mais baixo de produção atualmente, um Cx de 0,22!

    • th!nk.t4nk

      Eu juro que nao entendo o choque dos brasileiros com os 122 cv. Talvez porque estejam comparando com os motores 1.6 disponíveis no Brasil. Tem dezenas de fatores e tecnologias que influenciam no comportamento do carro, e o povo se apega a 1 número específico pra dizer “nao acredito”. Tem maluco aí fazendo comparação com modelos da Peugeot e o venerado THP. Pelo amor, esse povo nao gosta de carro de fato, nao é possível.

      • Miguel

        Eu entendo seu ponto de vista, e acho que ter torque é muito importante, mas minha única dúvida é sobre o comportamento e consumo de um carro de quase 1.500 kg com 4 adultos e mais bagagem.
        Tudo bem, é um Mercedes, mas a gente sabe que um carro desses aqui no Brasil não faz milagre…

        • ObservadorCWB

          Você escreveu quase TUDO. Vou fugir um pouco. Mas na família temos TIGUAN (2017) e VERACRUZ (2012). Na subida de Camboriú para Curitiba pegamos a Serra do Mar. Como a TIG sofre mesmo com os dois tios. A VC vem lotada, as vezes com até 6 passageiros e ninguém segura. O pessoal pega os números de um PILOTO, em pista, a acha ótimo, fantástico. Daí no Brasil com mijolina e aclives é que sentem falta. É todo um CONJUNTO de fatores que torna um carro mais esperto. PS: a TIG fica mais econômica, este é o ponto positivo. Voltando a Mercedes. Não gosto também da falta de potência, mas que é um carro REFINADO e DURADOURO não há que se contestar.

          • th!nk.t4nk

            Cara, mas aí que tá. Quem sobe serra com certa frequencia jamais compraria um CLA 180. Nao tem lógica, já que é um carro feito pra ser econômico acima de tudo. É uma mera opçao no mercado, nao é pra bater de frente com modelos mais espaçosos ou que andam mais. Tem inúmeros outros produtos da Mercedes que atenderiam melhor nesse caso. Cobram mais obviamente, natural, os caras chegam a investir 10x mais em P&D comparado com Ford, Opel, Peugeot, etc. É um mercado mais específico, pra quem valoriza detalhes, qualidade construtiva, um projeto mais esmerado. O triste nessa história toda é que custam tão caro no Brasil que até o Mercedinho mais popular, como é o caso da Série A, vira “carro de luxo” e rotulado “carro pra mostrar pro vizinho”.

      • FocusMan

        Os números desse motor são dignos de um motor Diesel, esse é o problema.

        É papo para mesa de bar no final das contas, quando eu digo que sinto mais prazer no meu atual Focus 1.6 manual do que no meu antigo 2.0 Powershift apenas porque de primeira e segunda marcha ele anda mais e eu posso trocar as marchas na alavanca, tem gente que fala que sou louco que prefiro um carro com 40 cavalos a menos.

        No final, para mim carro é muito mais do que torque X potencia.

        O Classe A e esse GLA para mim tem outros problemas que os fazem carros apenas bonitos (para quem acha), porém pouco atrativos.

        • Ferrari

          Bom, louco você não é.
          Pois o Focus é um baita de um carro, mesmo com motor 1,0 e freio de mão puxado.

      • Ferrari

        É assim, o pessoal esquece que um motor desenvolve potência da marcha lenta até a rotação máxima.
        Dai pegam a potência de pico para ficar pilotando ficha técnica. A porcaria do motor desenvolve 20kgfm de torque desde 1250 RPM e vem nego comparar com motor 1,6 de HB20…………….

  • Peugeot com 1.6 de 122cv é aberração.

    Mas Mercedes com os mesmos 122cv 1.6 turbo ainda e obesos 1.500kg vale, afinal, é o refinamento Mercedes. Na verdade, só pelo refinamento, deveria custar 200mil.

    • Hoffmann

      Falou tudo.

    • Daniel

      Mas o peugeot com 122cv não faz o 0-100 em 8,7s e nem alcança os 210km/h de maxima! hehehe

      • Fabio Marquez

        Duvido muito que alcance isso tudo que é divulgado, a física é cruel mesmo com muita eficiência, a não ser que marca tenha abrido mão de ter um carro econômico.

        • Daniel

          pois é… os numeros são estranhos. Mas, até provarem o contrario, temos que acreditar neles.. hehe

          Dependendo do consumo que esse carro fizer, pode entrar na minha listinha de troca mais pro fim do ano…

          • Victorio Lopes

            Dificil acreditar nesse 0-100 mesmo.
            tenho uma mercedes também, mas, mais antiguinha hahah, com 181hp, 30kg mais pesada que essa, e tem o mesmo 0-100 divulgado por essa ai, com quase 60hp a menos, ta estranho

            • Daniel

              A sua é turbo tbm?
              O DCT 7 marchas ajuda… mas, será que faz esse milagre todo?

            • Cláudio Modesto

              Câmbio Top das galáxias, faz uma diferença monstra.

              • Daniel

                Vou tentar fazer um test drive, só de curiosidade.

      • Isso é o que a Mercedes diz. Agora na prática…

        Pois a baleinha com 1500kg, 122 pôneis e 20kgfm de torque, me diz que algo de errado não está certo.

        • Daniel

          Mas, temos que concordar que é uma bela baleinha! hahaha… Nesse Azul escuro da foto então…

  • Japa palio adventure

    Minha palio adventure anda mais que esse aí

    • Adrian

      Nos seus sonhos né.

  • Bruno N

    Ridiculo esse motor, tenho uma a200. O motor 1.6T dela é um bom motor, que aliado ao câmbio, possui boas respostas,, mas nada espetacular. Fico imaginando essa banheira com esse motor de Up

    • Raimundo A.

      Se existe essa configuração, há demanda. O problema é que aqui o povo é apressado e veículo caro tem que ter uma baita potência.
      Ele é bastante completo, é um sedã coupé, é um MB, e as críticas estão no motor para com o preço.
      Quem tiver dinheiro, porque muitos criticam e nem podem comprar, há outras ofertas no mercado.

      • FocusMan

        Nem sempre. As vezes esse carro é o que tinha para trazer, já pronto na prateleira.

    • th!nk.t4nk

      Cara, mas o CLA é um compacto. Banheira onde? E se você tem um Classe A (de 2012 pra cá), sabe que ele pesa nessa faixa também (1400-1500). Os motores evoluíram pra caramba nesse meio tempo, a ponto desse 1.6 ter virado um enorme sucesso aqui na Alemanha justamente porque oferece desempenho superior aos 2.0 de alguns anos atrás, com um consumo ridiculamente baixo (o que é o grande ponto forte dele na verdade). É um modelo de entrada, relativamente barato, perfeito pra cidade mas que também te poe a 200 km/h na Autobahn com segurança e confiabilidade. Tá cheio de sedã badalado do Brasil nessa mesma faixa de preço que eu sei que tem qualidade de rodagem bem abaixo do que o CLA, mas que o povo endeusa.

      • Bruno N

        A a200 que eu tenho é 2016, compartilha o mesmo motor da cla 200/gla/c180. 1.6 T 156cv com 26 kgfm de torque. Eu te digo pq tenho o carro!ele anda, mas sem emoção! É pesado demais esse cla180, ultrapassa do peso do civic e do corolla, por isso o termo banheira!!esse 0-100 nao tem como acreditar! Vai contra os números. Infelizmente , a mercedes nao colocou esse motor pq ele e melhor , mais moderno e econômico, apenas para reduzir os custos, o que é de se esperar em um país emergente.

        • th!nk.t4nk

          Cara, aqui na Alemanha essa mesma versão é bem vendida, e ninguém se espanta com desempenho por uma simples razão: o cara sabe muito bem o que tá levando pra casa. Quem quer andar mais rápido, pega outras versoes, outros modelos. Eu mesmo tenho um C200D, poderia ter optado por algo mais forte ou mais fraco, mas optei pela motorizaçao que melhor me atendia (desempenho satisfatório com alta economia). A impressao que tenho é que no Brasil o cara olha pra grana e diz “é isso o que tenho, agora quero que todas as montadoras tenham o produto ideal pra mim por este valor”. A Mercedes sempre cobrou a mais por produtos equivalentes, pelo esmero construtivo, pelos investimentos em P&D, pela qualidade geral dos carros. Quando nao cabe no bolso, tem inúmeras outras opçoes no mercado.

        • FocusMan

          Anda menos que Focus 2.0 aspirado o CLA 200. E bebe igual. Qual a vantagem

  • Filipo

    Esse é o Mercedes pra madame desfilar..
    Não tem motor decente, e, se duvidar, é mais lento que um Polo TSi.

    • Louis

      Qualquer Mercedes é para desfilar, mesmo os mais potentes. Quem compra um carro desses também quer status.

      • th!nk.t4nk

        Depende de onde. O que mais conheço são velhinhos aqui na Alemanha que só compram Mercedes há décadas. É uma marca de carro normal, acessível pra classe média aqui. O povo vê os Mercedes acima de tudo como carros robustos e confiáveis. Mais de 90% dos táxis são Mercedes, e ninguém está ostentando ao andar de táxi, certamente. Quem compra carros da marca busca acima de tudo confiabilidade, um projeto mecânico decente e bem executado. Triste que no Brasil o povo só veja carros bons como algo pra ostentar.

        • Louis

          Alemanha não conta hehehehe Falo de Banânia, onde para manter um MB sem ter um rombo no orçamento, é coisa para rico.

        • Cláudio Modesto

          Realmente, quem fica deslumbrado com espelhinho, colarzinho dourado e qq bugiganga , são os índios brasileiros. Os alemãs (europeus em geral) estão acostumados com coisas boas e de qualidade.
          Temos um longo caminho pela frente.

          • Alessandro Araujo

            Fale por você mesmo.

        • FocusMan

          Desculpe, mas até na alemanha Mercedes, BMW e Audi são carros premium. Famílias da alta Classe média a tem Mercedes na Alemanha. Quando não são, ou são senhores aposentados sem filhos ou jovens sem familia.

    • Guedes

      Não acho 0 a 100 km/h em 8,7 segundos tal mal tempo assim.
      o UP TSI que arranca sorrisos na arrancada, faz em 9,1 segundos…

      • Filipo

        Você acredita mesmo que tal veículo com cerca de 1.400 kg, menos de 130 cv e menos de 21 kgfm faça o 0-100 abaixo de 9?
        Eu não.

        • Guedes

          De fato, é difícil de acreditar, mas vamos ver… De repente tem mais CVs do que o divulgado, não sei rsrsr

        • Gu92

          Ladeira a baixo e com vento a favor consegue sim kkk

  • Maycon Farias

    Belíssimo caro. Amo essa inclinação das janelas do meio para trás nos Mercedes. O preço por um Mercedes está ótimo em um lugar que populares alcançam 80 mil.

    • Francisco Helio

      Verdade, basta olhar também quanto pedem por um iPhone ou um litro de gasolina, chega a ser um assalto das empresas e governos federal, Municipal e estadual. :/

  • Ricardo

    Só 122 cv num 1.6 turbo!!?? Algo está errado aí!

    • Gu92

      Também achei que algo de errado não está certo nesse motor kkk é potência de HB20 1.6 aspirado!

      • th!nk.t4nk

        Galera, é turbo. Nao comparem os números de potência diretamente. Um turbo sempre anda muito mais que um aspirado de mesma cavalaria, pois o torque vem bem cedo e se mantém quase linear.

        • Gu92

          Se for para comparar potência de motor turbo eu falo do 1.2 puretech da PSA que possui 130 cv e 25 kgfm de torque ou o 0.9 TCe da Renault que consegue 110 cv e 17 kgfm ou seja, o 1.6 da Mercedes continua sendo fraco, pois sendo turbo deveria chegar a uns 160 cv no minimo, comparando aos propulsores de menor deslocamento que conseguem uma potência semelhante ou superior e não ter apenas 122 cv que é potência de 1.6 aspirado!!

          • th!nk.t4nk

            Gu92, a propaganda desse 1.6 aqui na Alemanha é de ser um dos motores mais econômicos do mundo. Eu acho que no Brasil as pessoas nao entenderam a proposta. A cavalaria é totalmente limitada, pra manter o consumo baixo, mas o truque é que esse motor entrega praticamente toda sua força já a mínimas rpm. Quem compra um modelo com esse motor, te garanto que está pensando em economia acima de tudo.

            Edit: lembra do THP? A BMW chegou a usar esse motor com menos de 100 cv no Série 1, como opçao econômica. O carrinho vendeu muito bem pra frotistas, que priorizam o consumo baixo, mas fazem questao de ter um carro estiloso pra representar a marca junto a seus clientes.

            • Gu92

              Eu te entendo sim, só penso que com toda tecnologia atual a Mercedes não precisaria “capar” tanto a potência desse motor podendo manter uns 140/150 cv, até porque quem compra um Mercedes de quase 140 mil não está tão preocupado assim com consumo, mas sim com o pseudo statos que um Mercedes deste modelo oferta!

              • FocusMan

                O problema é que a GLA 200 tem 156 cv.

        • Cláudio Modesto

          1.4 TSI chega a 140 cv. Esse mercedes podia ter uns 150, não?

          • cepereira2006

            É que ele tem pôneis malditos.

          • th!nk.t4nk

            Cláudio aí o consumo nao seria tão baixo. Como falei, o apelo é maior junto a frotistas. Eles sao meio que obrigados a oferecerem uma versão bem econômica pra atenderem esse mercado. O problema é que no Brasil as pessoas vêem como um carrão, é uma visao distorcida da proposta do modelo.

        • FocusMan

          Ele cai depois de 4500 mil rpms na maioria dos turbos. Se for pisar a vera, a vantagem nem sempre aparece.

  • Wellington Myph13

    Galera do super trunfo em peso aqui…

    • Filipo

      Não acho que seja questão de ST. Penso que como aqui no BR os carros são muito caros, e obviamente uma Mercedes ainda mais, mesmo uma Mercedes (que não é a mais barata da linha, pois existe a Classe A) que seja de acesso, não deveria oferecer uma motorização que não fizesse jus à marca, ou pelo menos a seu preço, já que é premium. Fosse uma marca generalista a oferecer menos que deveria, seria ruim, mas aceitável, já uma premium, para mim, é inaceitável.
      Veja um exemplo de que o dado técnico da Mercedes não condiz com a realidade: O C180, que tem o mesmo motor de 1,6L da CLA 180, só que com maior potência e torque e que segundo os dados, faz o 0-100 em 8,5s, foi bem mais lento que o Cruze, que é mais fraco.
      https://youtu.be/eG6wFvKsxz4

      • Wellington Myph13

        Lá fora tem MB, BMW e Audi de entrada com motores mais fracos que isso, e ainda assim são mais caros que as outras marcas. O que pesa é a obra geral, a montagem, atenção nos detalhes, testes e etc…
        Estamos igualando aos poucos ao mercado lá fora. Se um dia o mercado ficar tão bom, poderemos ter a diversidade que eles têm lá fora, de poder comprar um Golf com rodas aro 15, vidros traseiros a manivela mas com CMM, 7 airbags e ESP… Daí o dia que isso acontecer, o povo vai cair matando falando que é absurdo oferecer tal coisa e talz…
        Um Corolla 2.0 com 148cv e mais leve anda menos que essa C180, então não vejo assim como um absurdo.

        Outro ponto, que não podemos negar, mas tem muita gente que se deu bem na vida, tem grana, mas não sabe fazer uma escolha qualquer, então vê uma “oferta” dessas de ter uma MB por 140k, nem faz ideia de comparar com outras marcas, equipamentos, nem nada, o que importa é o desejo de ter uma MB…

        • Filipo

          Sim, sei que lá fora tem carros premium com motores fracos. Mas a questão é qur proporcionalmente estes carros são mais caros por aqui. Por isso minha indignação. Se não fosse o custo final altíssimo, não teria nada contra.

    • Cláudio Modesto

      kkkk, boa.

  • Razzo

    De R$ 173 mil para R$ 138 mil (r$ 35 mil de redução) é até aceitável perder 34 cv e 5,1 kgfm. Lembrando que na Alemanha o CLA parte de R$ 116 mil.

  • Hoffmann

    É preciso ser muito fã da Mercedes para se sujeitar a levar um CLA nessas condições por esse valor.

  • saulo

    O problema nao é um carro 1.6 de 122cv fazer de 0-100 em 8.7seg, o problema é esse motor empurrar quase 1500kg nesse tempo, ae vou ter que dar uma de Sao Tomé, é ver para crer…

  • William W.

    1 -Essa versão está uns 4 anos atrasada. Logo, logo teremos nova geração.
    2 – Praticamente só a configuração do motor mudou e o preço ficou desse jeito?
    3 – Que opções limitadas de cores!
    4 – Só porque é Mercedes precisa fazer 0 a 100 em 5s e máxima de 250 km/h – quanta ignorância.
    5 – As montadoras lançam uma nota e toda mídia apenas repassa as informações. Da onde vem esse carro? É flex? O que tornou possível essa redução de preço?
    Vamos lá…

    • Marcos Vinicius Bittencourt

      “O cupê tem cinco opções de cores, sendo as metálicas azul cavansite, cinza montanha, marrom oriente, prata polar e preto cosmos), enquanto há três sólidas como opção: branco, preto noite e vermelho júpiter.”

      Faltou qual cor? Amarelo, roxo?

  • Dudu Pimentel

    120 cv e 20 Kgfm é o rende hj um bom 1.0 turbo.

  • No_Name

    Caraca, que motorzinho de dentista esse aí! 1,6 turbo era pra ter no mínimo 180 cv. O Fiesta ST tinha 200 cv com o Sigma 1,6 turbo.

    • th!nk.t4nk

      A cavalaria é limitada intencionalmente. Essa é a versao pra quem busca máxima economia de combustível. Particularmente frotistas compram muito o 1.6 (afinal, a grana do combustível está saindo do bolso do dono da empresa). BMW, Audi e outras também oferecem opçoes semelhantes (turbo com potência bem limitada).

      • No_Name

        Será que só reprogramação da ECU já libera os pocótos?

        • Ferrari

          Certeza. Carro turbo é “fácil” de liberar pocotós.

  • mjprio

    Sei que e um excelente motor e bem avançado, mas achei otimistas esses dados. Mas de repente com um chip da pra recuperar esses cavalinhos perdidos sem gastar muito. O problema é a garantia( se bem essee chips sao normalmente plug and play e da pra retirar fácil )

  • Louis

    Queria ser “otário” e ter quase 140k pra pagar sorrindo em um MB.

  • André Luis Versiani
  • Lucas086

    Acredite, eu gosto mais da classe C anterior, a que tinha os leds no para choque, esse geração nova não me agrada em nada.

  • José Júnior

    Roda “pequena” e sem teto solar, não vende!

  • Romulo’

    AHAHAH duvido esse 8,7s.
    Ou não tem 122cv com este torque, ou então testaram ele num tubo à vácuo.

  • Evandro

    Pelo amor, com toda tecnologia alemã, e lançam um carro 1.6 turbo que tem apenas 122cv? Se bobear tem carrinho aspirado 1.6 que tem mais que isso, ou até mesmo o 1.0tsi do golf ou do polo se bobear tem mais que isso…..

  • Renato Shalom

    1.6 turbo com 122cv apenas?? Tem muito 1.6 de outras marcas por aí sem ser turbo com potência maior!

  • Investiria fácil uns reais a mais numa CLA 180 ao invés de um Civic Turbo.

  • FocusMan

    Esse carro deve ser aquela coisa gostosa de andar! Igual a um caminhão Diesel sem turbo kkkk.

    Vem aquele torque ambundante durante micro-segundos e ai já era…. acaba o motor.

  • Bryan Silva

    Agora que o UP Tsi será o rei das pistas! Rsss!

  • Depois reclamam do motor do Cerato, parece que foi emprestado pra esse Mercedes.

  • George George

    Motor de mobilete!!!!!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email

receber-noticias Notícias por email