Hatches Lançamentos Mercedes Benz Sedãs

Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition chegam ao mercado brasileiro

Mercedes-Benz-Classe-A-TAG-Heuer Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition chegam ao mercado brasileiro

Além das versões AMG do Classe C Coupé, a Mercedes-Benz anunciou nesta semana a chegada de edições especiais para a linha do hatch Classe A e do sedã Classe C no mercado brasileiro. No primeiro caso, a versão foi desenvolvida em parceria com a TAG Heuer, fabricante suíça de relógios, enquanto o segundo, batizado de “Anniversary Limited Edition”, chega para celebrar os 130 anos da empresa inventora do automóvel.



O novo Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer tem produção limitada a 50 unidades e estará disponível nas concessionárias até o fim de novembro. O Mercedes-Benz C 300 Anniversary Limited Edition, por sua vez, já pode ser encontrado nas revendas e terá produção limitada a 100 exemplares.

Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition – Visual

Por se tratar de edições especiais, os modelos Classe A e Classe C apresentam poucas mudanças visuais em relação as versões de base (A 200 e C 300, respectivamente). No caso do hatchback, a novidade fica por conta apenas da identificação especial da TAG Heuer posicionada no para-lama dianteiro.

Além disso, a variante especial traz as mesmas mudanças aplicadas na linha 2016 do Classe A, lançada no início deste ano. Entre as novidades, o Mercedes ganhou grade frontal redesenhada (tipo diamante), faróis e lanternas de LED com novo layout interno, para-choques reestilizados, rodas de liga-leve com novo desenho, saídas de escape integradas ao para-choque traseiro, entre outros. No acabamento interno, o modelo passou a dispor de detalhes de acabamento galvanizados, sistema multimídia com tela de oito polegadas e recursos Apple CarPlay e Android Auto e painel de instrumentos com novo grafismo.

O Classe C Anniversary Limited Edition, por sua vez, “é destinado a clientes que prezam pela sofisticação, elegância e exclusividade que representam a Mercedes-Benz ao longo da história”. A nova versão especial mantém o mesmo design da atual geração do sedã, com elementos que remetem ao irmão maior Classe S. Entre os diferenciais, há grade frontal tradicional da Mercedes-Benz, acompanhada da estrela posicionada sobre o capô, rodas de liga-leve de 17 polegadas, frisos das janelas em alumínio polido, saias laterais na cor da carroceria com frisos cromados, sistema de escapamento com pontas invisíveis e acabamento cromado e faróis Full LED.

Já o interior dispõe de cores dos revestimentos “escolhidas com o objetivo de oferecer um ambiente sóbrio com contrastes suaves, proporcionando uma sensação única, que vai muito além do interior de um automóvel”. Entre as opções, há cinza/azul escuro (disponível em conjunto com as cores externas Azul Cavansite e Cinza Selenite) ou bege/marrom (disponível em conjunto com as cores externas Branco Polar e Preto Obsidian). A lista inclui também acabamento em madeira clara nas portas e no console central.

“O Classe C é um dos modelos mais bem sucedidos da Mercedes-Benz na história. No Brasil, ele é o maior responsável por termos construído uma relação de paixão pela marca com nossos clientes e admiradores. Por conta disso, o C 300 Anniversary Limited Edition é o modelo ideal para celebrar no País um acontecimento tão marcante para empresa como o aniversário de 130 anos da invenção do primeiro automóvel. Desenvolver um modelo exclusivo para o mercado local é a forma que encontramos para demonstrar que os brasileiros fazem parte da nossa história”, afirma Holger Marquardt, diretor geral Automóveis América Latina e Caribe da Mercedes-Benz do Brasil.

Mercedes-Benz-C-300-Anniversary-Limited-Edition-1-1 Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition chegam ao mercado brasileiro

Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition – Equipamentos

A respeito dos itens de série, o destaque vai para o Classe A TAG Heuer. Cada exemplar do hatch receberá, em conjunto, o icônico relógio TAG Heuer Fórmula 1. O masculino é composto por pulseira de borracha preta, função cronógrafo com taquímetro e bezel em carboneto de titânio preto, enquanto o feminino é caracterizado por uma combinação de aço e cerâmica. Os dois modelos foram inspirados no universo de competição e compartilham o DNA das pistas de corrida de todos os automóveis Mercedes-Benz.

Nos demais equipamentos, há faróis Full LED, sistema de entretenimento com Apple CarPlay e Android Auto, conectividade via Bluetotoh para celular e players de mídia, airbags frontais e laterais, freios ABS com EBD, controle eletrônico de estabilidade, controle de tração, assistente de partida em rampas, bancos esportivos, freio de estacionamento elétrico, Isofix, soleiras das portas com o nome da montadora, entre outros.

Já o Classe C oferece airbags dianteiros, laterais e de cortina, freios ABS com EBD, controle eletrônico de estabilidade, controle de tração, sistema multimídia com Dynamic Select, conectividade via Bluetooth para celular e players de mídia, volante multifuncional esportivo com base achatada de três raios com 12 botões, Isofix, soleira das portas com logomarca “Mercedes-Benz”, entre outros.

Há também o sistema Comand Online, com tela de 21,3 centímetros e cobertura de vidro semelhante à usada em celulares com iPhone, que permite a recepção de rádio, navegação GPS, ponto de acesso para dispositivos WLAN, sistema de controle por voz Linguatronic, conexão Bluetooth, entrada USB, CD e DVD player e Frontbass, sistema acústico que utiliza o espaço existente dentro da haste transversal e a estrutura lateral da carroceria como câmera de ressonância para os alto-falantes, resultando em experiência auditiva quase comparável à de uma sala de concertos, segundo a fabricante.

A lista inclui ainda sistema de freios adaptativos Adaptative Brake (para respostas mais precisas e rápidas, além de estabilidade direcional), luzes de freio adaptativas (em casos de emergência, piscam alternadamente para avisar aos motoristas que vêm atrás, reduzindo o risco de colisão traseira), função Hold (imobiliza o veículo em paradas temporárias, como nos semáforos, sem que o condutor precise manter o pé no pedal do freio, e libera-o assim que o acelerador volta a ser pressionado), frenagem vetorial (distribui a força de frenagem entre as rodas de cada eixo conforme a situação, mantendo a dirigibilidade em curvas fechadas), entre outros.

Há ainda sistema HSA (Hill Start Assistance – assistência de partida em aclives), que mantém o automóvel imobilizado por alguns segundos após o pedal do freio ter sido liberado em inclinações, evitando que o modelo recue antes de arrancar, além de função de secagem dos discos de freio (em caso de chuva, remove a umidade para agilizar a frenagem quando necessário) e função de pré-carga (coloca as pastilhas em contato com o disco automaticamente sempre que o motorista retira rapidamente o pé do acelerador, reduzindo a distância necessária para parar o veículo em emergências).

Mercedes-Benz-C-300-Anniversary-Limited-Edition-2-1 Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition chegam ao mercado brasileiro

Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition – Motorização

Debaixo do capô, o A 200 esconde um motor 1.6 litro turbo de quatro cilindros, que consegue gerar até 156 cavalos de potência, a 5.300 rpm, e torque de 25,5 kgfm, entre 1.250 e 4.000 rpm, associado a uma transmissão automática de sete velocidades e dupla embreagem. Segundo dados da marca, o hatch vai de 0 a 100 km/h em 8,3 segundos e tem velocidade máxima de 224 km/h, limitada eletronicamente.

Já o C 300 usa o mesmo propulsor 2.0 litros turbo de quatro cilindros usado no C 250, que neste caso recebeu um upgrade de 34 cavalos na potência e 2 kgfm no torque, passando a gerar 245 cv, a 5.500 rpm, e 37,7 kgfm, entre 1.300 e 4.000 rpm.

Este bloco é dotado de sistema de injeção direta. A pressão é de até 200 bar, com variação otimizada de acordo com o mapeamento do motor. Injetores piezelétricos permitem uma formação de mistura otimizada, realizando até cinco injeções por ciclo. Esta tecnologia é complementada pela rápida ignição multifaíscas (MIS), que é consegue disparar até quatro vezes em apenas um milésimo de segundo, conforme a necessidade.

A transmissão é a automática 7G-Tronic Plus de sete velocidades. O conjunto inclui ainda o sistema Dynamic Select, que permite ao condutor optar entre diferentes modos de condução (Comfort, Eco, Sport, Sport + e Individual), por meio de um controle posicionado no console central, capazes de alterar as respostas do acelerador, assistência da direção e no sistema de climatização.

De acordo com informações do fabricante, o sedã especial acelera de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos e tem velocidade máxima de 250 km/h, também limitada eletronicamente.

O aparato do Classe C oferece também suspensão comfort, que de acordo com Mercedes-Benz “proporciona reações ágeis e diretas, tornando a condução em estradas sinuosas mais agradáveis”. Ela é dotada de eixo dianteiro com quatro braços e sistema traseiro independente com cinco braços.

Na estrutura interna, o foco do modelo é a segurança. O carro utiliza chapas de aço de alta e ultra-alta resistência, além de painéis com espessura graduada, projetados para suportar forças localizadas específicas, e zonas de deformação desenvolvidas para absorver a energia em caso de colisão.

Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition – Preços

Confira abaixo os preços dos modelos especiais:

Mercedes-Benz A 200 TAG Heuer: R$ 139.900
Mercedes-Benz C 300 Anniversary Limited Edition: R$ 249.900

A edição especial do Classe A estará disponível nas concessionarias até o fim do mês de novembro. Já o Classe C especial já está sendo oferecido nas cores Azul Cavansite, Branco Polar, Cinza Selenite e Preto Obsidian.

Mercedes-Benz Classe A TAG Heuer e C300 Anniversary Limited Edition – Ficha técnica

Mercedes-Benz
C 300 Anniversary Limited Edition
Cilindrada1.991 cm³
Cilindros4 em linha
Potência245 cv a 5.500 rpm
Torque máximo37,7 kgfm entre 1.300 e 4.000 rpm
Aceleração 0-100 km/h (s)5,9 s
Velocidade máxima250 km/h*
Peso (kg)1.530
Pneus225/50 R17 (dianteiros e traseiros)
Capacidade do porta-malas (L)480
Tanque de combustível (L)66/7
Dimensões (mm)
Comprimento
Largura
Altura
4.6862.020
1.447
Mercedes-Benz  A 200
Cilindrada1.595 cm³
Cilindros4 em linha
Potência156 cv a 5.300 rpm
Torque máximo25,5 kgfm entre 1.250 e 4.000 rpm
Aceleração 0-100 km/h (s)8,3 s
Velocidade máxima224 km/h*
Peso (kg)1.395
Pneus225/45 R17 (dianteiros e traseiros)
Capacidade do porta-malas (L)341
Tanque de combustível (L)50/6
Dimensões (mm)
Comprimento
Largura
Altura
4.292
2.022
1.434

* limitada eletronicamente

COMPARTILHAR:
  • Breno Zanatta

    Talvez… Se você tivesse lido a matéria!

  • what_the_hell??

    Pelo que vi a versão TAG custa 3k a mais que a “normal”, que é um pouco menos q o valor de um TAG formula 1 Cronógrafo.
    Deveria, sim, era vir com um relógio interno (analógico) da marca no painel do carro!

  • Gran RS 78

    Entrei em um site de uma concessionária Mercedes de Sp e fiquei chocado com os preços bem mais alto que anteriormente. Exemplos: GLA 200 style por 140 mil reais, essa versão não tem xenon, nem leds, vem com banco de veludo e com ar condicionado analógico, lembrando que esse carro chegou custando 115 mil reais. O Classe C por 154 mil reais, e tbm não tem leds, xenon, e nem mesmo uma câmera de ré ou sensores de aproximação. Achei ridículo esses preços, lembrando que esse carro chegou custando 118 mil reais e vinha da Alemanha.

    • Edson Fernandes

      Na verdade eu tenho relativamente acompanhado esse mercado e te digo sem medo de errar: Os médios do passado eram mais recheados que os atuais. Exceto o 320i, o restante realmente ficou mais pobre.

      • Andre L. A. Melo

        Dependem de quais médios vc está falando. Se forem dos alemães premium , a Classe C está bem mais equipada do que a geração anterior, o Novo A4 idem, além de ter o novo inglês Jaguar XE , que é bem mais equipada do que a antiga geração de médios da Jaguar, que foi descontinuada, que era baseada no Ford Mondeo, se eu não estou enganado. Quanto a 320, concordo plenamente com vc.

    • Andre L. A. Melo

      Realmente o preço do Classe A está irreal, inclusive dentre os preços da MB.Tenho um amigo que tinha um Cruze, foi ver a versão top do mesmo, a “módicos” 125 mil, por curiosidade foi fazer um test drive na C180, a 139 mil , resultado , ficou com a C180, sem sombras de dúvida , como ele disse. Agora o Classe A custar o mesmo do que esta C180, sendo maior , mais equipada, luxuosa, com tração traseira…, realmente não dá… Obs. A versão dele tem Farol de xenônio, GPS, além de todos terem LEDS, NÃO EXISTE MODELO NOVO DA MERCEDES SEM LEDS etc.., aliás, não conheço nenhum classe C novo sem estes equipamentos, este valor que vc passou deve ser o valor cheio, eles estão vendendo a partir de R$ 139 mil.

      • Cyro

        ja vi varios classe c nem os filetes de leds, e sem os farois.
        foram substituidos por lampada normal e 2 pingos de led.

      • Gran RS 78

        Existe sim uma versão do Classe C sem leds e xenon, é a versão “básica”, inclusive nem sensor de estacionamento ou câmera de ré esse modelo possui. Esse valor que eu passei está sendo anunciado em uma concessionária Mercedes de São Paulo. Entre no site e veja vc mesmo: http://www.comark.com.br

    • Thiago

      O GLA 200 style foi lançado por R$128.900,00. Em relação à versão advanced, os bancos são em veludo e normais (não são esportivos, com o encosto junto como é visto nas outras versões), não há frisos cromados no teto, nas janelas e também não há escape duplo atrás. Os faróis são halógenos sem DRL (na advanced é bi-xenon com DRL). Não há sensores de estacionamento na frente e atrás e parktronic (assistente de estacionamento), presente na advanced. Quanto ao ar condicionado é igual à advanced com controle de temperatura a cada 1/2 grau não digital mono zona (não há diferença prática nenhuma nisso porque a temperatura do ar aparece na tela multimídia). Somente na versão vision, hoje enduro, há ar digital dual zone.
      Nunca teve GLA por esse preço, somente A.

  • oloko

    Sistema linguatronic, que coisa ein! E a A200 vem só com 4 airbags? Pensei que viria com pelo menos 6

    • Andre L. A. Melo

      Não, todos os classe A , CLA e Classe C (modelos novos) , vem no mínimo 7 air bags. Fiz inclusive um comentário sobre isto. Um abraço.

  • XandeeM

    Ia compra um TAG Heuer mas nem precisa,compro um Classe A desses só pra ganhar um!

  • Andre L. A. Melo

    Este texto está ERRADO,ao contrário do que o nosso amigo falou, todos os Classe A e C tem no mínimo 7 air bags. A não ser que o catálogo da Mercedes esteja errado, ou que o classe A que eu fiz um test drive e o que um amigo comprou, tenha sido montado por engano errado. Tenho inclusive uma CLA (basicamente um Classe A esticado e tem 7 air bags). Até onde eu saiba , dos alemães premium (falo dos modelos novos) , o único que tem 4 air bags é a versão de entrada do A3, aliás, sendo que o A1 não posso opinar, apesar de ter um colega de trabalho que tem o mesmo.

    • Não está, o editor que fez a reportagem entrou em contato com a MB e recebeu a informação de 4 airbags.

  • Roger Abdulack

    pessoal falando dos valores da Mercedes, como se os nacionais não tivessem tido um aumento grande também! Depois que fiz o test drive na C 250 e GLE 350 confirmei o que já achava, os carros da Mercedes estão um nível superior!!!

  • OtarioBrasileiro

    A MB tinha que trazer regularmente o classe C com a icônica grade cromada com a tradicional estrela sobre o caput! Maior elegância, não há!

  • Lógico que torcemos para termos sempre produtos bons e o mais baratos possíveis, mas é óbvio que se os sedans médios “populares” já estão chegando a 125k, não tem como um sedan médio premium continuar no mesmo patamar de preço de antes. Se um Civic chega a custar 125k, uma Classe C (ou uma 320i, um A4, etc) tem mais é que custar no mínimo 50k a mais mesmo.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email