Argentina Mercado Mercedes Benz Montadoras/Fábricas Pickups

Mercedes-Benz Classe X dá adeus antes mesmo de chegar

Mercedes-Benz Classe X dá adeus antes mesmo de chegar

Era uma vez uma picape média de marca de luxo alemã que seria fabricada na Argentina e venderia no Mercosul, sendo vista até sem camuflagem e em lotes numa aparição no Nordeste, que lembrava um test drive de lançamento. Infelizmente, parece que agora ela não vem mesmo.


Antes mesmo de chegar, a Mercedes-Benz Classe X aparentemente dá adeus ao mercado brasileiro, visto que sua produção na Argentina não será mais efetuada, segundo nota oficial da Daimler. O motivo é a crise econômica que se abate sobre o país vizinho, o que teria implicado num aumento dos custos de produção.

Mercedes-Benz Classe X dá adeus antes mesmo de chegar

Estes teriam sido aceitos pela Nissan, o que gerou atrito com a Daimler. Assim, a planta de Córdoba não terá mais a picape da Mercedes-Benz e aguarda suposta produção da Renault Alaskan, que já passou da hora de ser fabricada lá e lançada na região, pairando aí a suspeita de que possa seguir a mesma estrada da Classe X, cujo destino também se mantém na Espanha.


As complicações argentinas parecem apenas mais um dos reflexos da associação entre Renault-Nissan-Mitsubishi e Daimler, cujo novo CEO Ola Källenius parece bem disposto a cancelar a parceria técnica entre as duas empresas. Dessa forma, a Classe X pode eventualmente chegar ao mercado argentino, importada da península ibérica.

Mercedes-Benz Classe X dá adeus antes mesmo de chegar

No caso brasileiro, fica bem difícil trazer uma picape desse porte da Europa, pagando os 35% de imposto de importação, mais a logística entre dois continentes. Ou seja, se os custos eram a maior preocupação da Daimler, uma importação direta da Espanha só traria mais carga tributária sobre a caçamba da Classe X.

Em Córdoba, a situação se complica, pois, das 70.000 unidades por ano de capacidade máxima da planta, 60% seriam da Mercedes-Benz. A Nissan Argentina diz que irá reajustar a produção no norte do país e não comentou a decisão da alemã. Para a marca japonesa, a saída agora – após US$ 600 milhões de investimento – é encontrar novos mercados de exportação. O problema, nesse caso, é o México, um exportador natural e de peso na América Latina.

[Fonte: Autoblog Argentina]

Mercedes-Benz Classe X dá adeus antes mesmo de chegar
Nota média 3.2 de 5 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Rogério R.

    Vou comentar aqui o mesmo que comentei no outro site. Depois dessa notícia estou achando que só a Frontier que será fabricada em Córdoba, é bem capaz da Alaskan vir do México se caso realmente a Renault decidir vendê-la aqui, ainda mais que não há mais cotas de importação. Pelo que já andei lendo ainda bem que o motor 1.3 TCe tem muito mais dedo da Renault do que da MB, pois dessa forma não há perigo da Renault perder o motor e parece que até esse motor a MB poderá deixar de usar. Com o desenrolar dessa história acho que a Classe X não terá uma vida longa nem mesmo na Europa.

    • Eduardo T. Küll

      A questão são os reiterados “lançamentos” da Renault-Nissan que, depois de anunciados, da empresa obter espaço na mídia, vão sendo postergados, até finalmente, NÃO se realizar. Exemplos: Mégane RS, prometido e postergado TRÊS vezes; Koleos, idem; Qashqai/Rogue, uma eterna especulação desde a primeira geração; X-Trail, que volta e maia aparece e aí, de repente, fica caro demai, mesmo com dólar estável, ou vão esperar nova geração, ou mais recentemente, “em estudos”, como híbrido, que não existe hoje, que eu saiba, depois de aparecer no Salão em versão convencional.

      • Junoba

        Dólar estável ? Alcançou 4 Reais esses dias.

        • Eduardo T. Küll

          Mas nos casos do Mégane RS e Koleos esta foi a desculpa e em ao menos três ocasiões dos “lançamentos”, uma para o Mégane e duas para o Koleos, era evidentemente uma mentira, pois o dólar estava paradinho fazia bastante tempo.

        • Louis

          Em 2015 fui para os EUA, Lembro que o dólar estava a R$4 naquela época.

          • Junoba

            Mas durante este período o dólar caiu e subiu novamente, portanto não esta estável.

      • Rogério R.

        No caso do Megane RS não vir pra cá é por causa que o segmento de hatches médios praticamente não vende mais nada aqui, se um Megane normal já seria caro aqui, imagine o RS. Nessa parte acho que a Renault foi realista. Já o Koleos, eu tbém esperava pela vinda dele pra cá, mas acho que a Renault já está preparando o terreno para o Arkana e pelo visto para a Renault não há espaço para os dois aqui. Qto ao Qashqai, eu tbém não entendo porque a Nissan não traz ele pra cá, acho que ele teria espaço aqui.

  • Domenico Monteleone

    Compre uma Nissan, é a mesma coisa. Só não tem o mesmo status.

    • Hugo Soares

      Nem o msm motor v6, nem a suspensão traseira independe, nem o couro, nem a central multimídia, painel, xenon….

      • leomix leo

        A suspensão traseira é five link na Frontier.

        • Matuska

          É a five link com eixo rígido? Se for, não é independente.

          • Hugo Soares

            Independente só na MB

      • MonHoe

        Tem central multimídia, pode não ser uma do nível da MB, mas tem, tem couro, faróis full LED, cameras 360

        • Hugo Soares

          Véi mas é espartano o console. Se evolução do interior passado. Msm problema q a l200 enfrenta… o cobram um preço de luxo q é Não é oferecido. Entra numa ranger, numa hilux, numa high country. O interior das japonesas parece q piorou

          • MonHoe

            Nunca entrei em uma pick-up média que o interior não fosse de plástico duro, nem a maravilhosa Hillux escapa dessa, a Classe X é criticada lá fora exatamente por cobrar mais que as outras e não ser luxuosa como uma MB

      • Paulo Lustosa

        Suspensão é a five link com eixo rígido, não é independente. Tirando design da frente, caçamba, interior e o motor V6, ela não passa de uma Nissan Frontier.

  • Schoenfelder

    Uma Mercedes tem que ter um pouco mais de “Mercedalidade” que esse bastardo aí!

    • Raimundo Nonato

      Não precisamo de Mercedes, a gente tem hailux

      • Dyeimys Aguiar

        Só se vc leva em conta design pq de resto ela é a pior da categoria em tudo

  • Raul Cotrim de Mattos

    Não consigo enxergar uma Mercedes de verdade nesse carro. É de fato um Renault com logo da MB, é como alguns donos faziam nos seus VW antigamente, colocando um logo da Audi em Passat, Gol e cia.

    • ViniciusVS

      Agora os “apzeiros” colocam o logo imaginário em seus Polo e Virtus kkkkk

  • TheuAMG

    A Nissan tomou foi prejuízo, não consegue concorrer com os preços de cada Frontier q é exportada do México. Enfim, acho q no fim desse ano a fábrica na Argentina fecha, e a Frontier volte a vim do país latino.

    • Eduardo T. Küll

      Parece mesmo é que a Renault-Nissan estava querendo “fazer a vida” em cima da Mercedes, esfolar mesmo os alemães por aqui, mas eles caíram fora antes. Esse pessoal “novo” da Renault-Nissan anda metendo os pés pelas mãos.

    • Aristênio Catanduva

      a verdade é que a Nissan não tem tradição na Argentina, combinada com a crise do país as vendas desse veículo estão fadadas ao fracasso

  • Teste de camuflagem?

    Mas esse carro já é comercializado aqui na Austrália desde 2018.

    Ridículo ao cubo. Tudo bem que mercedes geralmente é feia, não tem glamour de porsche ou bm.

    Mas essa ai parece que veio da SsangYong

    • Jr

      Esse troço vende muito ai na Austrália?

      • Aristênio Catanduva

        acho que não, a Hilux vende 4500 und mês a Mercedes com todos os seus veículos somados vende 2500.
        por incrível que pareça a Mitsubishi tem três veículos no top que são Triton, ASX e Outlander em 2018 fechou no 4 lugar

        • Ele fala do mercado exterior (Austrália) e sim, hilux é igual capim aqui, uma a cada esquina, rs.

          • Aristênio Catanduva

            mas é da Austrália mesmo que eu estou me referindo

      • Vende consideravelmente bem. Vejo com facilidade mais de 5 vezes por semana uma diferente (em uma cidade relativamente pequena)

    • Mr Rafael

      Mercedes não tem glamour de bmw ? Tem até mais ! É muito mais aristocrática ! Quando chega em uma te chamam de doutor , de bmw te chamam de playboy …

    • OtarioBrasileiro

      Hahaha onde que BM tem mais glamour que MB? Amigo, vai ler a história das duas marcas antes de falar como um ot@rio brasileiro…

      A MB inventou o automóvel, enquanto a BM quase faliu….

      • Amigo, peço que leia minha resposta acima: Glamour ≠ Status.

        E não moro no Brasil para você comparar minha opinião com a de pessoas que não entendem de carro e sim de ostentação.

        Tenho ambos. E na minha opinião em termos de design e aerodinamismo a bm faz um trabalho milhões de vezes melhor que a sua concorrente.

        De novo, não sou paga pau de nenhuma das duas. Eu gosto de SUV da volvo e porsche. Porém, venho cá trazer uma opinião moderna (e não arcaica) e com a imparcialidade de quem mexe com importados desde novo.

        Beijos e seja menos agressivo. Pois isso o mundo já ta cheio..

        • Jr

          Você foi muito feliz ao citar Glamour ≠ Status no seu comentário, muitas pessoas confundem as duas coisas. No mais, também sou fã da volvo, é uma marca que não tem o mesmo glamour e nem o status das alemãs, mas é um carro muito bom e com preço justo. Quanto a porsche, não tem muito o que falar, até porque não é todo mundo que tem o privilegio de ter um na garagem

          • Olá, Jr. Valeu pelo comentário positivo.

            Exatamente, meu amigo. Difícil a galera entender a diferença entre ambos.

            E quanto a volvo, eu nunca dei muita atenção. Ficava imaginando que era carro de velho para velhos. Já que só tinha em mente aqueles modelos antigos.

            Porém, eu peguei uma XC60 nova por conta de custo/benefício e me surpreendi em ver uma marca que dá mais atenção aos detalhes do que a saudosa mercedes (pelo menos era muito conhecida por conforto e detalhe).

            Pegar como exemplo o tapetinho dos passageiros de trás. Na mercedes eles são solto e não levam o bordado escrito mb. Já volto todos tapetes têm a presilha e ainda escrito XC60, sem contar que na própria roda do meu carro tem XC batizado bem pequeno, parecendo até uma linha M da bmw.

            E se eu for apontar a infinidade de outros detalhes que me conquistaram a lista seria um depoimento de orkut, haha.

            Mas cara, quanto a porsche, não se iluda, é mais pra status e esportividade juntos.

            Se quer luxo, descrição e segurança é sem dúvida Volvo, mesmo. Nem os teslas que dirigi puderam me dar mesma sensação de conforte, esportividade e satisfação quanto a volvo.

            Grande carro!

        • OtarioBrasileiro

          Amigo,

          Muito bom saber que você tem ambos. Eu já tive vários Volvos e hoje tenho um MB no Brasil. Viajo com frequência para EUA e EUR. Tenho familia em ambos lugares… Eles tem MB, Audi, etc… Quando vou para EUA ou EUR pego RR Velar, Volvo XC90, MB GLS ou classe E, BM série 5, etc.. Posso te dizer de carteirinha que a MB é mais tradicional. No Brasil, em uma você é Dr. Nos EUA e Europa vc é mais um classe média. De BM vc é visto como um cara que curte mais esportividade. No Brasil, tem um perfil de compradores mais playbas e ostentação…O cara começa a ganhar dinheiro e logo quer comprar uma BM…rs…. Você que mora fora, deve saber que BM também é middle class nos mercados desenvolvidos…. Quer pagar de bacana? Vá de Bentley, Maybach, Aston Martin, etc… Até Porsche é um carro middle class…

          Quanto à diferenciação entre glamour e status, são conceitos subjetivos. Pra mim, não estou nem aí… Quem compra por glamour ou status é novo rico…. Eu compro os carros que gosto, e espero que cada um faça o mesmo e seja feliz, seja pelo carro, ou pelo “glamour” que ele trará (?) rs

          Beijos!

          • Desculpe a demora. Não tenho recebido mais as notificações do Disqus.

            Ué, respeito sua opinião, por completo. E sim, mercedes e bmws são completamente classe média, tanto no Brasil quanto no exterior (Digo no Brasil porque bm custa pouco mais que um civic, hoje em dia).

            Porém, porsche nunca foi classe média, maninho. Só porque tem gente com cayenne velha de 80 mil não significa que ela é uma marca acessível. Carros que começam na faixa de 400 mil, me desculpe, mas até pra quem tem grana é salgado. Sem contar nas turbos que ultrapassam 1 milhão fácil, fácil. Aqui no exterior mesmo não wh comum vermos porsches, e olha que moro em uma cidade de poder aquisitivo altíssimo onde marcas consideradas luxuosas no Brasil são usadas por gente entre pião e classe média baixa / galera que acabou de tirar a licença.

            Mas concordo que quem tá ganhando seus 20 mil dólares por mês preferem um carro mais autêntico. Porém, aston martin e outros citados não são muito do gosto da massa.

            Pegando como exemplo Austrália (mercado com um dos maiores poderes aquisitivos, muito mais que USA, por exemplo) pessoal aqui faz grana, compra o 4×4 deles (geralmente ou cayenne ou uma land cruiser, sim compram toyota deus me livre), investem num iate ou barco de médio porte. Depois em uma mansão e vivem felizes. Pois não precisam comprar um koinegg pra mostrar que têm dinheiro.

            Aliás, uma coisa ótima que não temos no Brasil é essa liberdade. Ricos andarem descalços no shopping e com roupas aleatórias.

            Acredito que essa mentalidade é voltava mais para mercado americano que é mais abastecido de pessoas frustradas provenientes do exterior e que buscam aceitação social. Austrália, Noruega entre outros países mais desenvolvidos e com mais poder de compras não existe isso.

            E como você falou. Não importa glamour ou status, compre o que lhe agradar. Eu mesmo sigo sua lógica. Não vou comprar algo porque tem desconto. Eu compro porque quero ter não importa o preço (desde que bagunce o planejamento financeiro kk).

            Eu apenas comparei o design da mb com outras concorrentes direta dela, daí o glamour que vem faltando nos últimos lançamentos comparados ao passado.

            Abs

  • Mr Hater

    Quem fere com Saikawa é ferido com Källenius! Os alemães são espertos, pois viram a bucha em que estavam se metendo e fizeram questão de pular fora o quanto antes! Os japoneses derrubaram Carlos Ghosn, que forjou a parceria com a Daimler e agora os alemães estão caindo fora.

  • Alvarenga

    Puxa, que eficiencia !

  • RicLuthor

    No primeiro momento, o grupo Renault-Nissan que trate de colocar seus advogados para acionar a Daimler na justiça e cobrar a multa pela quebra de contrato, no segundo momento, trate de baixar o preço da Frontier e de suas peças que vai vender bastante no Brasil, feito isso, passe a produzir a Alaskan e também cobre menos que a concorrência.

    O mercado era para ser repleto de Duster Oroch, visto que a picape é melhor que Strada e Montana, mas querem que ela enfrente a Toro (mais bonita, melhor acabada, mais segura), aí fica difícil. O mesmo ocorre com a Frontier, não dá para querer competir com Hilux e S10 custando pouca coisa menos, tem que custar muito menos.

    • nbj

      Realmente os carros da Dacia eram para custar muito menos do que custam! A Oroch era para disputar com Saveiro e Strada. Afinal, os Dacias, são projetos de baixíssimos custos que venderiam horrores por aqui se tivessem uma precificação justa.

  • rodrigosr

    Essa aí vai ser um flop do início ao fim.

  • Rodrigo

    Legal mesmo é o nome do CEO:
    Ola Kallenius

    • Vinícius Sza

      Nome de planta

      • Rodrigo

        Marca de camisinha

  • Fanjos

    O Macri que é o Doria da Argentina, prometeu mundos e fundos na eleição e a unica coisa que fez foi o velho e rançoso socialismo fabiano, só diminuiu a velocidade da bancarrota hermana, mas que acabou chegando de qualquer forma, agora no ápice, com congelamento de preços (vai dar certo sim amiguinhos…pode confiar!), já vislumbra ultrapassar o fundo do poço.

    Com as eleições se aproximando e a Kirchner “El Dilma Argentina” com vários processos por corrupção e tudo mais de pobre que pode existir aparece a frente das pesquisas, sendo que a unica coisa que deveria estar à frente da “a louca” seria as grades de uma boa cela.

    Então se ela ganhar, será provavelmente o fim definitivo de um país que já agoniza a muito tempo, e vai certamente trilhar o caminho da Venezuela. E pensar que assim como essa, a Argentina já foi um país rico, considerada “a Europa Sul Americana” agora respira por aparelhos aguardando a morte cerebral para finalizar de uma vez o país que “quiere ser hardcore y su mamá no lo deja”!

    Que o exemplo da Argentina, sirva de aviso para que os Huezeiros não se esqueçam nas próximas eleições

    • Junoba

      Mas eu pensei que a direita iria salvar a América Latina ! Foi isso que uns youtubers bolsominions disseram, astrólogos… kkkkkk

      • Fanjos

        É só os esquerdosos do congresso pararem de atrapalhar e votarem logo o que precisa que ai quem sabe não começa a melhorar um pouco né?
        Bolsonaro não é um ditador (diferente do Maduro e do Miguel Díaz-Canel), então esta de mãos atadas pelos ratos que ainda se elegeram no congresso e só se importam com tome lá da cá e nos próprios interesses.

        • MonHoe

          A própria incompetência dele de fazer política (dialogar com os outros partidos) faz ele ficar de mãos atadas, não consegue expor suas propostas para os congressistas, agora fica de briguinha com os filhos e o vice presidente no Twitter, quem leva a serio? Esse presidente parece a Dilma de calças, não escuta ninguém e vai acabar caindo igual ela por ser prepotente

          • Louis

            O que seria negociar com o congresso? Distribuir dinheiro público? Comprar votos com diretorias em estatais? Ou o congresso é um bando de criancinhas que precisa ser convencida de que a reforma é necessária? Acho que todos ali deveriam votar conforme o que realmente acham que é melhor para a população, e não ficar esperando coisa em troca dos seus votos.

            • MonHoe

              “O que seria negociar com o congresso? Distribuir dinheiro público? Comprar votos com diretorias em estatais?” É exatamente isso que ele vai fazer, dar 40 milhões em emendas pra cada um que votar a favor (comprando votos), isso pq é um país quebrado, com essa reforma eu não concordo, as altas aposentadorias do judiciário, dos deputados, militares de alta patente não vai ser mexida, só de novo no lombo do trabalhador comum e tem gente achando isso correto, cada vez mais eu começo a achar que o país não ta nessa calamidade toda e a classe política só quer nosso dinheiro e aumentar seus privilégios

        • Junoba

          Tipo a Reforma da Previdência? Que vai aposentar o povo com 65 anos ? Porque ele não colocou 65 anos para os militares também ? Porque ele vai dar mais gratificação pra Oficial das FFAA ?

          • Louis

            Se a população está vivendo mais, tem que trabalhar mais. Outro agravante é que o sistema previdenciário foi desenhado em forma de pirâmide financeira, quem se aposenta é bancado pelos que estão trabalhando, e a quantidade de jovens está diminuindo. Não há mágica.

      • Louis

        Vai pra Venezuela. Você merece construir uma família em um país socialista. Se prepare para ver seus filhos passarem fome.

        • Junoba

          Pra início de conversa, eu votei no Bolsonaro. Estou criticando esses direitistas malucos que defendem o presidente e outros integrantes do govenro por puro fanatismo. A Reforma da Previdência vem ai, trabalhador vai se aposentar com 65 anos. Como você é “El Patron”, não deve conhecer na pele a dura realidade da população pobre. Os maiores bandidos deste país usam terno e gravata, usa caneta e possui autoridade do Estado para executar oque deseja.

          • Louis

            Ou se faz reforma da previdência, ou se faz. Não tem outra opção, é uma pirâmide financeira. Os maiores afetados pela reforma serão justamente os que hoje se aposentam com salários de marajá, principalmente na elite do funcionalismo público.

            • Junoba

              Quem é trabalhador braçal não vai aguentar até os 65 anos. Que empresa vai querer alguém nesta idade ? E porque não colocou 65 para os militares também ? E tem outra, porque mulher tem que se aposentar nais cedo, sendo que as mulheres vivem muito mais que os homens??

    • Samuel Jesus de Sousa

      Rapaz, acredita que no facebook e na terra da lacração chamada twitter, dizem que o CONTROLE DE PREÇOS foi uma medida neoliberal de MACRI? KKKKKKKKKKKKKKKKKK Esse povo não tem noção do que é liberalismo.

      • Fanjos

        Esquerdismo é doença mesmo

    • Louis

      Não acompanho de perto o que o Macri andou fazendo, mas certamente lá o congresso também deve estar infestado de esquerdistas-saffados. O congelamento de preços é uma atitude desesperada que já sabemos que não vai dar certo. Mas não devemos esquecer que os maiores culpados são os Kirchners, que quebraram o país.

      • Fanjos

        A Argentina sempre foi esquerdista até a raiz, tem até ônibus com a cara do vagabundo do Che Guevara

    • Jamilton Junior

      A Argentina começou a se destruir quando Peron se tornou presidente da Argentina, depois disso só desastre atras de desastre ocorre na Argentina.

  • Ricardo Blume

    A Argentina e sua eterna crise econômica. Como é duro ser país latino. Chega ao ponto que, sem esforço algum, alguma merd@ acontece neste lado do planeta.

  • Hernan Carlos Granda

    quando se devalua uma moneda os costos baixan nao suben, por isso a explicacao da terminal nao é creivel. Na argentina hoje se fala de que Nissan aumento o preco de 26 mil uss para 37 sem dar ninhuna explicacao por isso se cancela

  • Marcus Vinicius

    Uma produção no Brasil em CKD da Classe X em uma das fábricas da Mercedes seja em Iracemápolis ou São Bernardo do Campo em SP viria a calhar !

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email