Mercedes-Benz cortará revendas em prol da venda direta

mercedes benz c300 amg 2022

A Mercedes-Benz Cars & Vans, o novo nome da marca de carros de luxo, agora empresa separada da Daimler Trucks, cortará uma boa parte dos concessionários em todo o mundo.


O foco da empresa será as vendas diretas, assim como maior controle sobre os preços de varejo no mercado mundial.

Stuttgart decidiu cortar de 15% a 20% das concessionárias na Alemanha e 10% da rede em todo o mundo. Para uma marca de alcance global, é um volume considerável.

O foco nas vendas diretas ajudará a marca a reduzir os custos de distribuição e logística, mas a Mercedes-Benz está mesmo de olho em outra coisa, o preço final ao consumidor.

A marca quer ampliar o controle sobre os preços, buscando reduzir os descontos dados pelos revendedores, o que come boa parte das margens de lucro da montadora.

Harald Wilhelm, diretor financeiro da Mercedes-Benz, disse: “Queremos ter mais proximidade com o cliente e, portanto, ter melhor controle sobre os preços”.

Wilhelm comentou: “É por isso que estamos saindo do papel atual de revendedor.”

A Mercedes-Benz quer 80% das vendas europeias por meio desse método até 2025, ampliando ainda de cinco para 20 países os que terão maior ênfase nas vendas diretas.

Pela internet, a marca quer ter 25% das vendas globais até 2025. Isso retira dos revendedores o famoso desconto, especialmente em mercados consolidados, onde a demanda é sempre alta, assim como a concorrência.

Bettina Fetzer, vice-presidente de comunicações e marketing, disse: “Precisamos de menos showrooms grandes em mercados maduros”.

Fetzer comentou: “Vamos nos afastar dos grandes showrooms, principalmente quando passarmos para as vendas diretas.”

Segundo a Mercedes-Benz, existem 1.000 pontos de vendas e serviços Mercedes e Smart na Alemanha e 6.500 revendedores em todo o mundo.

Bettina Fetzer disse mais: “Nossos clientes estão ficando mais jovens, mais ricos e mais digitais”.

Por isso, novos métodos de venda estão sendo considerados para atingir esse público.

[Fonte: Auto News]

Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 26 anos. Há 15 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.