Comprando e Vendendo Mercado Minivans Sedãs

Minivan x Sedan Compacto: O processo de escolha de um veículo novo (usado)

Nissan-Livina-2012-1 Minivan x Sedan Compacto: O processo de escolha de um veículo novo (usado)

A busca por um carro novo envolve fatores que vão muito além de escolher a categoria ou a faixa de preço mais adequada. Não é a intenção desse texto detalhar cada um desses fatores, mas sim, analisar como dois carros aparentemente distintos podem ser considerados como as melhores opções em vista para a substituição de outro veículo. E de repente estimular um debate aqui: “qual carro escolher diante desses fatores?”



Minha família tem um Corolla Xei 2.0 AT 2012, comprado zero em março daquele ano, numa época em que a marca andava dando bons descontos no veículo, de forma que pagamos 10k a menos do que o preço da tabela. Vindo de vários Hondas e Toyotas, aquele Corolla zero parecia uma escolha natural, norteada pela confiabilidade na marca, algo que hoje, 2 anos depois e 50 mil km rodados, não decepcionou.

Mas chega uma hora que a necessidade financeira ou o custo alto do combustível torna necessário vender o veículo, que, qualidade a parte, bebe bastante, o que torna as visitas nos postos de combustível frequente. Além disso, há o desejo de comprar um novo imóvel. Assim, decide-se vender o carro. Mas, o que comprar no lugar?

Hoje, um Corolla equivalente custa mais de R$ 80 mil, e no mercado de usado um modelo igual a esse, Xei 2012, sai em torno de R$ 55-60 mil, o que facilitaria na aquisição do imóvel. Depois de diversos cálculos, ficou estabelecido que o ideal é aproveitar uma reserva financeira no valor de R$ 30 mil e completar com R$ 10 mil, destinando a maior parte do montante obtido na venda do Corolla para a aquisição desse imóvel e comprando um novo carro na faixa dos R$ 40 mil.

Retornando a pergunta já feita, mas então, o que comprar no lugar por R$ 40 mil? Em primeiro lugar, é preciso definir quais são os critérios exigidos: um carro automático, bom para viagens, com amplo porta-mala, mais econômico que o Corolla e com boa confiabilidade mecânica. E, pela preferência da família, sedan.

Dá para comprar algo zero que se encaixa em todos esses critérios? Uma rápida pesquisa nos sites das montadoras atestam que não. Na VW, um Voyage Confortline 1.6 iMotion sai por R$ 45 mil e seus concorrentes estão todos nessa faixa de preço. Embora dentro da faixa dos R$ 40-50 mil, esses veículos tem poucos cavalos, não transmitindo segurança para viagens, além de parecerem caros demais para o que custam. E em sua maioria são veículos com desenho duvidoso, como o Cobalt LTZ 1.8 AT (R$ 52 mil). Ainda na Chevrolet, o Prisma AT custa mais ou menos a mesma coisa e os pocotós também não agradam.

fiat-grand-siena-sublime-fotos-avaliacao-2-700x468 Minivan x Sedan Compacto: O processo de escolha de um veículo novo (usado)

Já que os sedans compactos realmente bons estão muitos caros (como New Fiesta Sedan), o jeito é direcionar o olhar para o mercado de usado. Estabelecendo como filtro carros de 2013 para cima custando até R$ 40 mil (com tolerância máxima de R$ 5 mil se o veículo estiver realmente bom), obteve-se, dente os resultados, alguns interessantes: Polo Sedan 1.6 imotion, Grand Siena Essence 1.6 Dualogic, Peugeot 207 Passion, Sonic Sedan LTZ. Apareceram também alguns hatchs médios, como C4, Tiida e Bravo Dualogic. Mas o grande destaque na busca acabou sendo um veículo inesperado: Nissan Livina SL 1.8 AT.

Como se vê, enquanto as opções no mercado de zero são rasas, no de usado elas transbordam, tendo modelos para todos os gostos. Na preferência familiar e seus critérios personalizados, os modelos foram sendo analisados e descartados um a um. Os Peugeot e Citroen por problemas de confiança na marca (já tivemos veículos delas e foram trajetórias complicadas), o Polo por ser um projeto defasado (em 2004 quase compramos um zero que muda pouco perto do 2014), o Bravo por ser beberrão e o Tiida por questões estéticas.

Mas questões estéticas também fariam a Livina SL 1.8 AT ser descartada. Além de ela ser uma minivan, longe do conceito de um sedan, o seu desenho é careta, sem graça mesmo. Mas, como nesse caso beleza não põe mesa, uma pesquisa junto a proprietários revelou um trunfo nesse carro: o seu consumo, o melhor dentre as opções analisadas. Com bom espaço para bagagens e proposta familiar, ele também é compacto.
E, por mais que eu particularmente não sinta muita confiança no câmbio Dualogic, o Grand Siena Essence 1.6 Dualogic também acaba entrando na lista de possibilidades. O site da fiat promete um consumo tão bom que penso se a marca não está sendo otimista demais.

Então, entre uma minivan e um sedan compacto, qual carro escolher que se enquadraria de forma mais precisa nos critérios estabelecidos anteriormente? O Siena se encaixa melhor na proposta (sedan familiar) e na faixa de preço (abaixo dos R$ 40 mil), a Livina sai na frente quando a questão é economia e desempenho, mas é prejudicada pelo preço ultrapassar um pouco os 40 e pelas peças mais caras. Ambos podem ser encontrados poucos rodados e ainda na garantia.

Diante de tudo que foi exposto, deixo a escolha feita em aberto e lanço a bola: qual seria a escolha que vocês fariam para substituir um Corolla 2012? Que outros carros vocês considerariam, levando em conta que é essencial ser 2013, compacto (até 4,25m), com bom porta-mala e com motor adequado para viagens semanais?

Por Rodrigo.

  • João Paulo

    A minha opinião é nenhum nem outro! Continua com o Corolla, muito melhor que todos nessa lista e investe esses 40 mil no imovel.. acabou o problema!

    • André Francisco Leite

      Por 10 mil reais, ficaria de Corolla também!

    • Matheus Cavalheiro

      Concordo. Não vi sentido em ainda adicionar esses R$ 10mil. Portanto, fica com o Corolla (não estou escolhendo o carro em si, mas olhando pelo lado financeiro).

      • Silvio Brito

        Exatamente o que eu percebi na metade do texto.
        Trocar um carro q e seu desde zero por um outro usado por uma diferença de 15 mil (isto na melhor hipótese) e loucura.
        Não vale o risco.
        Se vc estivesse falando em pegar um carro de 25 td bem.
        Se vc olhar o mercado automotivo em si, hj vc tem um carro com boa revenda, ai vc pega um livina q ruim de loja. E que provavelmente muda nos próximos 2 anos, ou seja em 3 anos vc terá praticamente metade do q esta pagando nela hj.
        O caminho não e este amigo!!!

    • EduBH

      O que eu ia dizer. Sem lógica nenhuma o que o cidadão da reportagem quer fazer! Isso é desculpa para trocar de carro.

    • Guilherme Rezende

      também acho q por essa diferença,é melhor ficar com o Corolla,mas se fosse pra comprar um carro bom pelos 40 mil reais,diria que as melhores opções seriam Civic 2010,Focus 2012(apesar de manter o alto consumo),Versa e Etios(apesar dos designs)

    • zeuslinux

      Também acho.

      Como o preço dos imóveis está absurdamente caro, não vai ser o valor do Corolla que vai reduzir tanto assim o financiamento do restante do imóvel.

      Se você quer mesmo economizar para comprar um imóvel, a forma mais rápida seria abrir mão de carro por algum tempo. Eu já fiz isso e você não imagina o que se pode economizar deixando de pagar IPVA, seguro, deixando de gastar com a depreciação do carro, gasolina, pneus, etc. Se pagar garagem para guardar o carro então é melhor ainda.

      E é um carro que você sabe a origem porque comprou 0 km. Além disso, mesmo rodando muito por ano e estando com 50 mil km, o carro tem apenas 2 anos de uso. Muitas peças dão problema não só pela quilometragem, mas pelo tempo de fabricação, como borrachas, juntas em geral, bateria, etc.

  • JCosta

    Livina…

  • José Henrique

    Também ficaria com o Corolla mesmo. Vale a pena continuar com ele, já que esses dois vão beber a mesma coisa ou mais e desvalorizar mais também. Por uma diferença de R$ 15 mil (entre o valor do seu Corolla e do outro pretendido), é preferível tentar parcelar esta diferença com o dono do imóvel pretendido.

  • gustavo

    Livina

  • victor

    Olha, sei que vão me xingar… mas da uma olhada com carinho pro Etios… tem bons descontos na concessionária… Sou dono de um Corolla e meu pai tem um Etios… é confortável, motor/cambio muito bons, barato de manter, economico… só é feio…

    • João Guilherme Fiuza Lima

      Mas ele quer um carro automático e, por mancada da Toyota, o Etios não oferece essa opção.

  • Marcelo

    Realmente esse motor da Nissan é econômico mesmo, tenho um Tiida automatico que é a mesma mecânica, a 80km/k no plano chegou a fazer 18 km/l.
    O segredo é ser 1.8 e só ter 125 cv, bloco de aluminio, comando de valvula variavel e direção eletrica.
    Outra coisa que você não considerou foi a qualidade de peças , carros da Fiat e Franceses tem um acabamento melhor que da concorrência mas suas peças são frágeis. Carro Japoneses, VW e GM tem peças bem mais robustas. Da Nissan mesmo acho impressionante, pelo menos no Tiida que é feito no Mexico para mercado americano, as peças são muito resistentes.
    Já dei uma olhada na Livina na concessionaria e parece que tem muitas peças iguais do Tiida e parece de boa qualidade, acabamento inferior mas satisfatório. Como você esta saindo de carro japonês não dá nem para comparar Livina com Grand Siena, da só uma olhada nos botoes do vidro eletrico de cada modelo que vc vai entender. Outra coisa interessante no Livina são acessorios como banco de couro , chave presensial e ar digital, geralmente somente os tops dos tops das outras tem isso. Acho que a vantagem de carro da Fiat fica em seguro , suspensão e pouca desvalorização, mas o seguro do Livina tambem é barato

    • Wally

      Eu tinha um Tiida 1.8 AT também, gostava muito do arranque dele.. Tem muito torque em baixa. Disposição enorme para rodar na cidade.. E outra coisa.. Neguinho fica falando mal de cambio AT 4, é porque não conheceram o cambio da Nissan.

      • Marcelo

        Na cidade esse AT 4 ate que vai bem , problema mais é arrancar de 80 a 120, não tem marcha, cai na 2 e berra. Agora de 120 a 140 é um foguete, realmente o motor é muito possante. Tem um colega que diz que as medidas de potencia da Nissan são diferente, e quando se faz usando as abordagens das outras acaba dando mais potencia e não acho dificil. Esse 1.8 da Nissan que nos numeros são 125 na pratica ate parece uns 140 como das outras. Ate o Versa testasto aqui no NA fez o jornalista se espantar de ter só 111 cv, parecia ter mais, tudo isso leva a crer que meu colega esta correto.

        Aproveitando acabei de achar esse video só para confimar a confiança mecanica da Nissan :https://www.youtube.com/watch?v=p2-XJ9kxW8M

  • honerb

    Livina! Carro compacto e quase indestrutível, sem ruidos comuns ao siena e, a todo fiat, econômico, enfim, negociqndo vc consegue boas pechinchas no mercado de usados e essa barreira dos 40k caem para baixo.

  • Victor

    Livina certeza

  • Leandro1978

    Bem, só andando em cada um e ver o que melhor lhe agrada e atenda às necessidades. Pessoalmente não gosto muito da Livina, um chefe teve uma X-Gear e nas vezes em que andei (fiz duas viagens a trabalho), a achei meio desconfortável, com a suspensão e bancos duros. O acabamento me pareceu no nível daqueles sedans compactos que vc citou, embora o isolamento acústico seja fraco. Ela também tinha um barulho na suspensão dianteira que nunca foi resolvido. O Siena tem uma avaliação de um colega feita há pouco tempo, talvez ajude. Mas, de qualquer forma, repito, ande com estes modelos, veja como são, quais atendem às suas necessidades.

  • BlueGopher

    Uma vez que a prioridade é o imóvel (aliás, excelente decisão, que muitos acabam ignorando, deslumbrados por algum novo modelo de carro), por que não ficar com o Corolla?
    Não dá mesmo?
    Vantagens de não trocar de carro:
    – Trocar o conhecido por um desconhecido cuja história real é uma black box, pode custar caro.
    – As despesas de documentação da transferência podem ser evitadas.
    – Corolla ainda me parece melhor que as outras opções.
    – Livina pode sair de linha, vai desvalorizar.
    – Dualogic? Você acha mesmo que é uma boa opção?

    • Se me permite adicionar outros dois itens…

      – O Corolla é super confiável, apesar do gasto maior com combustível, existe economia na manutenção (e as vezes até com o seguro que é menor).
      – Carro novo desvaloriza mais! E desvalorização também é gasto.

      • Bruno Duarte

        Qual o problema dos brasileiros com desvalorização?? Nunca vai, comprando já pensando em vender…

        • Thales Sobral

          Bruno, concordo que não se deve olhar desvalorização somente, mas como o texto fala em vender um carro pra comprar outro e economizar dinheiro, aí tem de se pensar em todos esses aspectos.

        • visanpai

          Vou resumir, de maneira bem grosseira, a preocupação dos brasileiros com desvalorização:
          EUA – Sedan por U$18.390,00 – Mínimo 7,25/h -> R$1.595/mês = 11,5 meses pra comprar
          BRA – Sedan por R$75.000,00 – Mínimo R$724 = 103,5 meses pra comprar
          Enquanto lá fora compram um bem de consumo, aqui compramos analogicamente o equivalente a um imóvel!

  • Louis

    Tenho uma Livina SL AT, pontos fortes são:
    -motor 1.8 anda forte, a sensação é que anda tanto quanto um Civic 1.8.
    -espaço interno. Se tirar a cobertura do porta-malas, cabe muuuuita bagagem.
    -acabamento, apesar de simples, tudo é bem robusto por dentro, pouco barulho interno mesmo com mais de 100 mil km.
    -cambio automático, apesar de 4 marchas, conversei com um especialista em cambios AT em que troquei o fluido, ele disse que este cambio do Nissan quase não dá problema, é raro.
    -motor usa corrente e não correia (menos manutenção)

    pontos negativos:
    -suspensão realmente é dura, em lombadas você sente um tranco, quem está acostumado com Corolla vai sentir muito.
    -falta simples regulagem da altura do cinto, e do banco do motorista.
    -não possui computador de bordo.
    -revenda é difícil.

    Sobre o consumo, é relativo, só utilizei gasolina até agora, na estrada chego a fazer 14 km/l mas andando sossegado, média de 100 km/l. Na cidade não medi porque minha esposa que usa, mas se tiver pé meio pesado o ponteiro do combustível abaixa rápido. É um carro robusto, mas sem mimos. O custo de peças na concessionária é meio alto, pelas pastilhas dianteiras me cobraram R$ 400 pilas só o valor das peças.

    Entre esses 2, eu iria de Livina, ainda não confio muito em cambio automatizado, ainda mais monoembreagem.

    Mas concordo com alguns colegas acima, melhor fazer um esforço e tentar ficar com o Corolla.

    • Wally

      OS 124cv do motor MR18DE da Nissan falam igual aos 140cv da Honda. O torque em baixa é animal. Lógico que na estrada, para conseguir velocidade final, aí sim os 140cv da honda vão fazer a diferença. Como eu uso carro 100% do tempo na cidade, esse motor era espetacular. Já vendi meu Tiida depois de 6 anos com ele. Comprei em 2008 e vendi agora em Fevereiro. O carro nunca deu nenhuma manutenção.. Nunca visitou oficina ou concessionária(só as revisões).

  • MMM

    A melhor opção é continuar com o Corolla. Vc tem o carro desde 0km, sabe como foi feita a manutencao e ja pagou a maior desvalorizacao. Fora que não vejo grande diferenca na economia de combustivel na comparacao com os outros carro.

    Correr o risco de pegar uma bomba relogio usada, pode trazer um gasto similar a diferenca entre os carros. Somo-se a isso o calculo de seguro. Nao sei exatament da Livina mas meu Tiida tinha seguro mais caro que meu C4, por exemplo.

    No meu ponto de vista vale mais a pena juntar mais esses 10 mil e entao partir para o novo imovel.

  • Sergio Vilaça

    HB20 Sedã 2013, falam bem dele!

  • RAFAEL C.

    Acredito que consumo não vá melhorar muito, a diferença é pequena, agora se só falta essa diferença para a aquisição do imóvel, seria uma boa mesmo, eu iria de Grand Siena, com desvalorização bem menor.

  • edgar__rj

    Logan Exp. 1.6 Okm R$37.000,00, privilege, 41.000,00

  • Vagnerclp

    Eu ficaria com o corolla mesmo.

  • Rodrigo K

    Tiida, com certeza (se for a versão SL é claro)
    As “questões estéticas” conforme escrito no texto, caem por água quando vc dirigir um. Mesmo porque essa é uma questão pessoal de cada um. Não existe um consenso.
    Mas o carro é muito confortável, espaçoso, e com acabamento muito superior ao dos carros citados.
    É ficar uma semana com um, que irá achá-lo lindo…

  • gveralonso

    Continua com o Corolla.

  • pedro rt

    quem tem um corolla ja tem oq ha de melhor entre os sedans medios, pega outro corolla mais novo ou entao um civic

  • Felipe Lange

    Realmente, o mercado de usados é cheio de opções diversas.

    Se quer um Corolla menos gastão, pegue a versão 1.8. O Logan é uma boa opção de sedã compacto, eu prefiro as versões mais novas pois as posições dos vidros elétricos são melhores, e dizem que melhoraram o isolamento acústico. E também menos feio. O que peca é a falta dos piscas laterais, que existem no Sandero…

  • Antonio Pacheco

    Amigo meu acabou de vender um Livina 1.8S que tirou 0 km em 2010 e já estava com aproximadamente 70 mil km sem nenhum problema. Voto na Livina.

  • COMENTARISTA MEDÍOCRE.

    Resumindo: “Quero vender meu carro para comprar uma casa”. Sendo assim, já que está claro que o problema é financeiro, venda seu carro compre um popular mais ou menos.

  • Marco Toledo

    Livina, sem dúvida nenhuma! Você já dirigiu carro com câmbio Dualogic? Eu fiz um test drive num Punto, há uns dois anos, e não gostei. Como você está acostumado com câmbio automático, tenho certeza que não vai gostar do Dualogic.

  • Fernando Tadeu

    Minha mãe já teve vários Corollas e sei que é um carro excelente! Porém eu ano passado estava na mesma duvida que vc com relação a que carro seminovo comprar, ia trocar minha Strada adventura 09/10 e teria que ser um carro compacto/médio com câmbio automático e bem econômico, ai me veio na cabeça um amigo que tem um Livina e é apaixonado pelo carro, dirigi o carro dele por 1 semana numa viagem que ele ficou fora do país, e não tive dúvidas, era esse o carro. Moro em Salvador, cidade cheia de ladeiras e engarrafamentos, e o Livina 1.8 SL automático, fez comigo que não tenho o pé leve, e com o ar ligado o tempo todo ( em Salvador é impossível andar sem ar) a média de 10, 2 km/L com gasolina. A minha estrada manual 1.8 8v adventure fazia 7,5 a 8,0 no máximo, fiquei encantado com o consumo do carro, e também com os outros predicados, como o câmbio automático que apesar de ser só de 4 marchas, sempre reduza e responde aos nossos comandos do acelerador, a estabilidade, o Livina faz curva como Hatch médio, e ao amplo espaço, ar digital, bancos de couro, i-key system, direção elética, air bag duplo, abs com EDB e BAS, enfim… O design nunca achei feio, mas nunca achei lindo, mas com o tempo me acostumei, e lhe digo de olhos fechados, só saio de um Nissan, para outro Nissan. Adoro o meu carro. E olhe que nem preciso de tanto espaço, sou solteiro, tenho 30 anos. Mas adoro carros confortáveis e que cabem os amigos e as tralhas numa viagem. Enfim, fica a dica, Vá de Livina que vc não irá se arrepender!

  • GPE

    Eu não trocaria o Corolla. Dificilmente vc vende ele acima de 55mil. Com o carro novo custando mais de 40mil, além dos impostos, tu vai vender um carro bom pra pegar um inferior, pra levantar apenas um valor que vai ficar entre 10 e 12mil, o que não vai influenciar muito na compra do imóvel. E os juros do financiamento imobiliário são menores do que o automotivo. Estou numa situação similar e optei por ficar com meu carro.

  • Bruno Wendel Marcolino

    se der, fique com o Corolla. Senão certamente o Livina, Grand Siena só o manual, automatizado nao da.

    Mas eu pensaria no Etios Sedan XLS com um ano de uso, quer baixo custo, compre ele. Revisões baratas, econômico e bem bom de dirigir, eu gostei pelo menos. Único defeito que vi foi o marcados de combustível minusculo. No mais, em poucos minutos já me acostumei com o painel no meio.

  • Vitão

    Ficaria com o Corolla…. Mas se não tiver jeito, escolheria o Nissan Livina….

  • Boris

    Sedans ou Minivans? Na época das peruas a dúvida era diferente. ooooo Saudade.

    Ps. Corolla 2012 ? Se voce for louco de vender, vende pra mim!!!

  • Renan

    Olha, se o que você quer é comprar um carro 2013, seus padrões de qualidade estão meio altos demais pra se sair bem num negócio assim. Cuidado!
    O corolla é um ótimo carro. A longo prazo, o melhor, financeiramente falando, é continuar com ele por uns 10 anos pelo menos. Você se aperta um pouco agora, mas depois o dinheiro compensa.
    Se realmente você quer trocar de carro para arrumar só 10 mil reais para comprar um imóvel (piada! aqui no Rio, 10 mil não compra nem o cheiro do imóvel…), é melhor você comprar um popular mais velho. Outra sugestão é um Honda Fit, por volta de uns 5 anos de idade.
    Trocar por um 2013 vai significar uma imensa regressão na qualidade do carro, e você vai assumir uma desvalorização ainda grande nos próximos anos. A longo prazo isso me parece ser uma burrada.
    É tão necessário assim levantar 10 mil reais imediatamente? Não pode esperar alguns meses?

    Relembrando: falo isso tudo porque aqui no Rio imóvel tá tão caro que ter 10 mil reais na mão faria muito pouca diferença, podendo ser facilmente diluído nas parcelas de um financiamento.

    • zeuslinux

      10 mil aqui no Rio de janeiro não paga nem o ITBI…

  • Felipe Lange
  • Felipe Coelho

    Corolla 2012 tá zero! Pra q descapitalizar? Use seu dinheiro para o imóvel e fique com o melhor carro q é o q vc já tem!

  • A melhor escolha, ao meu ponto de vista, seria uma Perua! É o melhor de dois mundos, tendo a dirigibilidade de um sedã e o espaço de sobra para tralhas. Infelizmente hoje não temos muitas opções de peruas para comprar, as boas opções são geralmente modelos meio “exclusivos” que só são acessíveis sobre encomenda. Spacefox e a perua Palio são muito ruins e ficam fora de cogitação.

    Você teria boas opções de peruas no mercados do usado… Megane GT, 307 sw, 207 sw, Susuki Sx4…

  • Matthew

    Essa discussão sobre consumo de combustível é complicada, pois depende
    de diversas variáveis (modo de condução, topografia, qualidade do
    combustível etc). Eu tenho um Corsa 1.4 Econo.Flex e não consigo fazer
    mais do que 10,5 km/l de gasolina na cidade com ele, sendo 50% do tempo
    em trânsito pesado e 50% do tempo em trânsito normal. E eu nem tenho o
    pé muito pesado. Um amigo que mora na mesma cidade tem um Corolla Altis
    com o mesmo motor 2.0 e diz que faz uns 8,5~9,0 km/l, então eu não sei
    se a diferença é tão grande assim. Só não acredito nos que falam em
    valores absurdos, tal como um outro amigo que diz que o Versa do pai faz
    mais de 12 km/l no álcool em trajeto misto (cidade/estrada). Se fosse
    na gasolina, até acreditaria, mas no álcool tá forçado.

    • JPaulo10

      Em relação ao consumo do Versa, tem os videos de teste do NA que falam sobre o consumo.
      Se eu não visse, também não acreditaria. Como vi …

  • Georges Zouein

    Já que vai sair do sedan pra entrar na minivan, não compensa comprar um 2013. Compre um zero, com taxa zero, dando o mínimo possível de entrada e amortizando ao máximo seu imóvel. Com taxa zero, pague suas prestações por uns 3 anos (pegue um com garantida de 3 anos) que serão fixas, menores que as do imóvel. E já que mudou de carroceria, pegue um FIT. A Livina é econômica porque o motor é Renault (desculpe se falei bobagem)…

    • Marcelo

      O motor 1.8 é Nissan, o 1.6 acho que sim é Renault, mas o os Versas e March 1.6 tambem são motor Nissan. A grande diferença é o bloco ser de aluminio e ter comando de valvula variavel, da Renault é de ferro e não a variação das valvulas.

  • Félix

    Se a questão é economizar o negócio é não vender o Corolla. E vender um usado não tá nada fácil tbem…. mesmo um Corolla.

  • francis

    investe esse dinheiro na manutenção do seu corolla, poe gasolina aditivada…..enfim… dá pra ficar mais tempo com ele sim……….. ou então , vê essa oferta de carro espaçoso pra viagens kkkkkkk http://carro.mercadolivre.com.br/MLB-542035593-dkw-vemaguette-1967-_JM

  • André

    A Livina tem melhor espaço interno, porta-malas mais versátil (pois é uma minivan) e o desempenho do motor 1,8 é muito bom, além de o seguro ser barato. Pode levar sossegado.

  • Marco Antonio

    Tenho um Livina SL AT 1.8 2013 bancos em couro ,seguro baixo R$ 1.400,00, revisões em torno de R$ 350,00 porta malas espaçoso câmbio AT4 sabendo pisar no acelerador responde bem com economia, viajo bastante e disseram de suspensão dura, acho que ajuda bastante para fazer curvas, olhando o manual de revisões só troca velas com 100 mil km confirmados na concessionária, chave inteligente ( ligo,desligo,abro e travo portas com a chave no bolso), acho que só peca pela falta de computador de bordo com velocidade de cruzeiro, mas a confiabilidade nissan torna o custo benefício para a realidade brasileira bem intessante nesta faixa de 40, 50 k

  • AndreiVieira

    Entrei para escrever o mesmo q a maioria… Porque diabos não fica com o Corolla? E os 40 mil compra o imóvel/ financia o resto.

  • Rude Voleur

    Continua com o Corolla por mais um tempo, cara. Trocar de carro com apenas dois anos não é tão vantajoso e vc pode desfrutar de um excelente carro. Agora, se a questão do consumo realmente lhe incomoda, eu sugiro um Honda Fit – não tem quem fale mal desse carro.

  • Antonio Carneiro

    Estou tendo este mesmo “problema”, vou vender meu carro, abrir margem de crédito, pegar a grana e comprar uma carro mais barato. A outra parte vou continuar a aplicação que faço em um investimento imobiliário. Estava vendo um Clio duas portas ou um Fire, ambos na casa dos R$ 28.000. Mas aí… estou apaixonado por um 407 2009 (R$ 29.000). Tô ferrado!!!! rsrsrs!!!!!! Amigão, dentre estes eu iria de Livina, até por que já fui dono de um Nissan (Tiida) e este motor 1.8 (versão SL) é uma delícia, muito potente e econômico. Acho que a RenaultNissan não deveria deixar um propulsor com tantas qualidades “morrer”… com 127cv e 17,5 de torque (em qualquer um dos combustíveis) acredito que seria um opção razoavelmente interessante para carregar outros carros destas marcas, como, por exemplo, o futuro “Fluence Hatch”. Adaptando-o ao quesito preço e diferenciação ao sedan. Abraços!

    • Thiago Sousa

      Se não me engano esse motor é o mesmo do novo Sentra, lá fora é exatamente o mesmo. Aqui foi apenas adaptado pra virar 2.0. Abs

      • Antonio Carneiro

        Acho que sim!

  • Jorge

    Continuar com o Corolla parece ser a melhor opção

  • Matheus

    Se é para ficar com tão pouco dinheiro no bolso, ficaria com o corolla também. Agora se for para pegar um carro de até 30 mil, ai pode ser. Mas não troco meu polo por um livina nem a pau! O polo foi feito primeiramente para a europa, e muito além no seu tempo, com tecnlogia de construção superior. Além disso, é muito mais bonito e confiável, muito semelhante ao corolla nesse quesito. É espaçoso, ótimo de dirigir e viajar, além de andar bem sendo econômico.

    • andre oliveira

      Concordo acho engraçado as pessoas o chamarem de defasado sendo que ele ainda hoje é melhor que muitos carros ditos atuais do mercado, não tenho um mas, sou entusiasta do modelo.

  • alvaro lara

    Honda City ou Sentra

  • Herbet Moreira

    Um Linea T-Jet 2009 com menos de 60 mil km é encontrado por R$ 33 mil.

  • Junoba

    Realmente o mercado de usados é a melhor opção para muita gente. Um dia eu fui em uma feira de carros usados, e encontrei um Effa m100 2009, por R$10.500. Realmente o preço estava muito bom, e ainda ele é completo. Mas as pessoas não confiam em marcas chinesas.

  • Danilo Bod@o

    41 e meio comprava um logan intermediário com pacote multimídia…

  • João Carlos

    Quinta porta tem muita utilidade e praticidade, por isso não gosto de sedã.

  • João Cagnoni

    Fica com o Corolla, aproveita a boa procedência de terem comprado 0km.

  • Alex RB

    Acho desnecessário vender o Corolla mas tentando te ajudar: aqui em casa temos um Livina S 1.6 2012 o carro tem quase 50 mil km e até hoje só óleo agua e filtros, para uma familia é um carro espaçoso confortavel com som e ar bem bons, assim como o resto do carro. Nada na Livina vai te impressionar de primeira, mas conforme o uso você vai gostando e vendo que é um bom carro para família.

  • Carlos André Nunes

    Na minha opniao eu ficaria com o corolla, mas tenho um Tiida, super espaçoso e economico, ja fiz 18km/l sem passar de 100km/h. cidade faz 10km/l com muito engarafamento sempre com AC ligado. mecanica é a mesma no Livina AT. olharia com bons olhos um Focus 2012/2013.

  • Carlos André Nunes

    ahh, meu voto vai no Livina!

  • Darwin Luis Hardt

    sem dúvida eu iria de Livina, carro feio desgraçado mesmo mas é a melhor opção, AT motor 1.8, carro espaçoso por dentro, lembra o corolla 2006 do meu pai por dentro, não teria dúvida na hora da escolha…

    mas antes disso manteria o corolla, não acho que bebe tanto, do meu pai é o XEI AT 2012 também, comprado em janeiro de 2012 e faz 11km/l média, tá louco de bom para o veículo que tem.

  • Rafael Araújo

    Não entendi porque descartar o Voyage por falta de cavalos e aprovar o Polo.

  • Otávio Sampaio

    Da uma olhada em focus sedan GLX 2.0 ou 1.6

    Nessa faixa de 40mil tem muitos e até por menos.

  • Otávio Sampaio

    Outra opção seria um voyage confortline 2013 na faixa de 40mil

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend