Mitsubishi Eclipse Cross 2023: impressões ao dirigir

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 2

O Mitsubishi Eclipse Cross 2023 chegou ao mercado em março de 2022 a partir de R$ 186.990, trazendo renovação visual e mudanças até estruturais, no caso da tampa traseira.


Com frente também bem distinta, o Eclipse Cross tem um apelo mais esportivo, ainda que sua proposta não seja exatamente essa.

Transitar entre vários mundos é a missão deste crossover, oferecido nas versões GLS, HPE, HPE-S e HPE-S S-AWC, sendo esta última testada pelo NA em viagem de São Paulo à Amparo, no interior do estado.

Equipado com uma nova tampa traseira, que exigiu lanternas modificadas, o Eclipse Cross 2023 – fabricado em Catalão-GO – chama atenção pelas belas rodas aro 18 e teto solar duplo.

Por dentro, o ambiente ainda respira austeridade, não embarcando na digitalização que tomou conta de muitas marcas e modelos, mesmo aqui no Brasil.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 12

Equipado com motor 1.5 Turbo de 165 cavalos e 25,5 kgfm, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 tem câmbio CVT de oito marchas e na versão S-AWC, tem tração nas quatro rodas sob demanda.

Bem equipado, o crossover nipônico também chama atenção por peculiaridades que já deveriam ter sido extintas de sua classe, mas como dissemos, o crossover pratica o autodomínio para não entrar em modismo.

Ainda assim, nem tudo precisa ser ao pé da letra, mas pelo menos que no lhe concerne, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 mantém seu espírito multifacetado, que evidentemente agrada.

Lutando para vencer as dificuldades logísticas criadas pela crise dos chips, o grupo HPE já garantiu um primeiro lote do Eclipse Cross para sua rede de concessionários, hoje em 120 lojas.

Mitsubishi Eclipse Cross 2023 – Impressões visuais

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 3

Apostando no estilo Advanced Dynamic Shield piscas e luzes diurnas em lâminas de LED, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 encapsulou os faróis full LED sob duas molduras cromadas envolventes, sobrepostas em lente única.

As molduras cromadas do “ADS” em forma de arco, sustentam frisos pretos horizontais que quebram com o padrão estético de antes.

Na traseira, as lanternas em LED num formato de bumerangue com extensão sobre a tampa, ajudam a nova vigia – agora em vidro único – e à tampa volumosa, a dar uma encorpada no visual.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 5

Com linha de cintura elevada e colunas C retas, o Eclipse Cross quer enfatizar seu porte e isso também se traduz em retrovisores bem grandes.

Detalhes em preto brilhante nos para-choques também ajudam no belo visual do crossover japonês, com teto solar duplo com vidro integral e abertura apenas no dianteiro.

Por dentro, esqueça cluster digital com tela de 12 polegadas ou multimídia com display de 10 polegadas, por exemplo.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 9

Tudo é muito ainda do que já está saindo de circulação, com instrumentação analógica e infotainment da JBL, bem simples por sinal e com GPS off line, mas aceita Android Auto e CarPlay.

Aliás, esta central ainda tem um corpo atrás, que nos fez lembrar do Ford New Fiesta em seus últimos dias.

Com muitos botões, o Eclipse Cross 2023 é um playground para quem gosta de fazer tudo manualmente, tendo até o computador de bordo com três botões para isso.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 39

Mesmo o retrátil HUD monocromático, também tem três botões. São tantos comandos que até o “sonar” pode ser esquecido entre volante e console central.

Apesar do nome, ele é o sensor de estacionamento, dianteiro e traseiro.

Já que falamos de botões, o crossover ainda usa o one touch apenas para o motorista, algo que já deveria ter sido substituído.

Para um país tropical como o nosso, o aquecimento dos bancos poderia ser trocado por ventilação dos assentos.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 16

Mas, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 agrada mais em seu volante (já datado, porém, bonito) em couro com aplique em preto brilhante e as pás fixas do paddle shifts, comuns à marca.

O ar condicionado automático dual zone é outra boa coisa a bordo, assim como a alavanca tradicional com engates manuais e ao console elevado, que apresenta os modos de condução.

Tendo bons porta-copos e espaços para vários objetos, inclusive com porta-luvas com dois compartimentos, o Eclipse Cross valoriza seus espaços.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 21

Com bancos em revestimento premium e ajustes elétricos para o motorista, o Eclipse Cross poderia ter memória para esta função dado seu preço de R$ 232.990 na versão HPE-S S-AWC.

Nas portas, os comandos de vidros e retrovisores são incômodos, mas freios de estacionamento e Auto Hold estão no lugar certo.

Da mesma forma, o teto solar elétrico com persiana e vidro basculante, que traz mais luz ao ambiente do crossover.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 26

Na traseira, bom espaço para pernas, um bom apoio de braço central com porta-copos e uma exclusividade: persiana elétrica do teto solar traseiro, porém, ele não abre.

Ainda assim, peca-se pela falta de difusores de ar nessa área. Já o porta-malas tem bons 473 litros e estepe fino, com tampa de abertura manual.

Apesar dos detalhes, é um habitáculo agrada e que não cansa a vista, sendo também bem prático.

Mitsubishi Eclipse Cross 2023 – Impressões ao dirigir

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 11

Com motor 1.5 Turbo, este com injeção direta de combustível, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 roda muito bem. O propulsor tem boa disposição para usar sua força como se deve.

Tendo quatro cilindros em linha, o motor do japonês entrega 165 cavalos a 5.500 rpm e 25,5 kgfm a 1.800 rpm.

Garantindo boa força em baixa rotação, ele dá ao crossover uma condução agradável, com ponteiro na casa dos 1.500 rpm e com bom nível de ruído a bordo.

Sem gritar, ele empurra o Eclipse Cross com sua caixa CVT que simula oito marchas. Na cidade, ela é bem agradável e permite boas saídas e retomadas.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 13

Na estrada, sua característica principal não se altera e ela desliza quando se exige, algo esperado num CVT.

O que diferencia das demais é o fato do modo manual permanecer na escolha do motorista até o limite técnico.

Então, as mudanças nos paddle shifts ou na alavanca precisam ser feitos com atenção, pois, o modo automático só entrará para evitar um “stol”.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 25

Não há modo Sport, então, é melhor aproveitar essa característica, que permite tocar os 6.000 rpm ao se esticar o giro. Isso ajuda a obter boas retomadas e ultrapassagens com pouco esforço.

Com bom handling, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 tem um chassi bem equilibrado e mesmo os pneus de uso misto Pirelli Scorpion, não passam ruídos para o habitáculo.

A direção não é tão direta, porém, agradavelmente leve. Os freios atuam bem também e a estabilidade em curvas é exemplar, reforçada ainda pela tração S-AWC que vai dos 100% de força na frente até 50:50.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 6

Tendo suspensão traseira multilink, o Eclipse Cross abraça as curvas e garante conforto. Rodando a 110 km/h, o motor fica nos 2.000 rpm, o que é ótimo.

Saindo do asfalto, o crossover aceita bem os paralelepípedos e suas imperfeições clássicas, evitando mesmo batidas secas, ainda que suas rodas sejam aro 18 e a suspensão não tão alta quando de SUVs da marca.

Isso mostra a boa calibragem do conjunto, que reforça essa impressão na terra, onde o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 faz jus à marca que carrega.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 32

Suportando buracos, valetas, pedras e todo tipo de dificuldade nas estradinhas da vida no campo, com trechos cercados de pedras em Amparo, o japonês se apresenta “na mão”.

Usamos o modo Gravel e ele atuou muito bem, modulando com eficiência a tração. Contudo, deve-se usar o modo manual para deixar o motor mais cheio para melhor desempenho.

Sem medo de ser feliz na terra, o Eclipse Cross 2023 garante bons passeios em roteiros que poucos não querem colocar seus SUVs de shopping.

mitsubishi eclipse cross 2023 impressoes ao dirigir na 43

Entretanto, o crossover não vai além de sua proposta, de dar um pouco de cada coisa ao dono, pois, nem mesmo dispõe de controle de descida, indicando ser melhor buscar um Outlander para algo mais radical.

Assim, o Mitsubishi Eclipse Cross 2023 segue seu curso como uma proposta diferenciada para atender quem vive tanto no caos urbano, quanto na paz do campo. Tudo com sobriedade e eficiência.

Mitsubishi Eclipse Cross 2023 – Galeria de fotos

Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 26 anos. Há 15 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.