Moto mais rápida do mundo: veja qual é

A moto mais rápida do mundo não só é a mais veloz, como também é a mais cara, estamos falando da Dodge Tomahawk.

Com design completamente fora do comum, esse modelo ganhou destaque a partir de 2003 quando a Chrysler a apresentou ao mundo.


Não era o objetivo da montadora norte americana comercializar a Tomahawk, porém, ela chamou tanto a atenção de apaixonados por duas rodas e da imprensa que a Chrysler acabou decidindo por produzi-la em série, mas em quantidade super limitada.

Ela é equipada com o enorme motor do Dodge Viper: V10 de 8.3 litros SRT10.

Com ele, a super motor pode fazer de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos e a velocidade máxima é de incríveis 680 km/h. É importante ressaltar que, devido à questões de segurança, a Dodge resolveu reduzir essa velocidade.

A quantidade de cavalos chega a impressionar também, são 512! A distribuição de peso contribui para que ela possa obter resultados interessantes em altas velocidades. A montadora resolveu dividir 51% na parte dianteira e 49% na traseira.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

A robustez também está nos pneus, são quatro, que para alguns pode fazer com que a Dodge Tomahawk seja considerada um carro e não uma moto.

Segundo a montadora, para que a Tomahawk pudesse atingir 100 km/h em menos de 3 segundos, a acelerasse a velocidades a partir de 470 km/h, seria necessário os quatro pneus.

O preço é extremamente alto, e por isso até 2007 apenas 9 unidades foram comercializadas.

O preço deste brinquedo na época: US$ 550 mil, mais de 2 milhões de reais. Atualmente seu valor de mercado gira em torno de 700.000 reais e não há registros de unidades da Dodge Tomahawk no Brasil.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

O projeto chegou a ser até miniatura da marca de carrinhos Hot Wheels.

Segundo os projetistas da Chrysler, a Dodge Tomahawk é o resultado de criatividade sem limites. Convenhamos que eles têm razão.

Outra curiosidade é que a moto é semelhante à utilizada pelo Batman (batmóvel) na última trilogia Cavaleiro das Trevas.

Outras motos mais velozes do mundo

É claro que Dodge Tomahawk não é uma moto comum e comercializada em qualquer lugar, por isso, apresentamo-lhes agora outras motocicletas mais potentes do mundo, sendo estas as “mais acessíveis”.

Falaremos a seguir de algumas das maravilhas do motociclismo mundial: Suzuki Hayabusa e MTT Turbine.

A Suzuki Hayabusa GSX-1300R é, com certeza, uma das mais famosas do mundo, até mesmo pela sua potência. O principal objetivo da GSX-1300R era ser a mais rápida do mundo, entregando ao seu proprietário uma motorização super potente e aerodinâmica bem trabalhada.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

A primeira versão da Hayabusa GSX-1300R tinha capacidade para alcançar 318 km/h com 194 cv de potência máxima. Com o passar dos anos a Suzuki foi aperfeiçoando, evoluindo e, consequentemente, ganhando melhorias com mais cilindrada, potências e ajustes. Conheça a histórias e todos os detalhes da lendária superesportiva: Hayabusa.

Um brinquedo de gente grande, assim é a MTT Turbine Superbike Y2K que também é conhecida como SUPERBIKE ou Y2K Turbine Superbike.

Ela ganha o título de segunda moto com tração e motor de turbina do planeta. A empresa Ted McIntyre da Marine Turbine Technologies Inc. é a responsável pela criação desta máquina.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

É claro que ela não veio para brincadeira, graças a motorização de turbina Rolls-Royce 250-C20, a MTT Turbine Superbike Y2K conquistou um Guinness World Records, o livro dos recordes, de moto mais potente do mundo.

Segundo a organização do Guinness, essa é a moto “mais poderosa” e “a moto mais cara em produção.”

Falando em velocidade, ela produz 320 cv de potência, proporcionando alcançar 365 km/h.

A Y2K chama atenção não só pela velocidade, mas por outras inovações e sofisticação que faz o seu dono admirá-la ainda mais. Entre os seus equipamentos estão assento para o passageiro (opcional), inteligência para detectar radares, câmera com tela LCD e muito mais.

Lançada em 2000, para ter uma Turbine Superbike Y2K é preciso desembolsar 150 mil dólares, cerca de 335 mil reais (sem impostos). Aqui, a venda também é limitada em cinco unidades por ano, apenas.

A Kawasaki também não quer perder uma fatia de bolo. A montadora japonesa apresentou a Ninja H2R no Salão Duas Rodas 2015, em São Paulo, sendo a moto mais cara do Brasil, na época R$ 350 mil.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

Com potência superior a de carros esportivos como Porsche Boxter e Mercedes-Benz SLK 250 Turbo, a Kawasaki Ninja H2R entrega motor com supercharger e incríveis 326 cavalos, atingindo a velocidade máxima de 357 km/h.

As vendas são hiper limitadas, em apenas uma unidade por país, ou seja, só existe uma Ninja H2R no Brasil.

O Notícias Automotivas não encontrou a disponibilidade da moto no site da Kawasaki Brasil. Uma notícia triste para os interessados é que a H2R não está homologada para andar nas ruas brasileiras.

Sempre com propostas diferenciadas ainda mais por ter uma fábrica pequena, o que faz da marca ser mais preocupada em questões técnicas e pessoais, a italiana MV Agusta, apresentou em 2007 a F4 R312, sendo considerada a moto mais rápida do mundo em série.

O 312 ganhou destaque pela velocidade máxima, que é de 312 km/h.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

Não podemos esquecer da lendária Ducati, pertencente ao grupo Volkswagen desde 2012 quando a Audi adquiriu a montadora de motos. A Ducati 1199 Panigale R foi lançada em 2013 e chegando no Brasil custando R$ 114.900.

A 1199 Panigale R chegou com uma proposta totalmente diferenciada porque foi criada com a ajuda de feedbacks dos engenheiros italianos e de clientes com o objetivo de realmente criar um produto diferenciado.

A superesportiva é equipada com motor de 195 cavalos a 10.750 rpm. Com ela em pista, já conseguiram passar dos 210 km/h. O modelo ainda oferece freios ABS, controle de tração, ride-by-wire, dentre outros itens eletrônicos.

BMW S1000RR com 193 cavalos, MV Agusta F4 1000 RR de 183 cv, Kawasaki Ninja ZX-11/ZZ-R1100, Ducati 1098s e Honda CBR1100XX Blackbird são algumas das outras motos mais potentes do mundo.

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

Bônus: Lista das motos mais caras do Brasil em 2020

Moto mais rápida do mundo: veja qual é

Veja abaixo uma lista com as 10 motos mais caras (vendidas no Brasil) que os apaixonados por duas rodas podem comprar. Lembrando que listamos apenas uma moto por família.

  1. Ducati Superleggera V4 – R$ 700.000
  2. BMW HP4 Race – R$ 495.000**
  3. Kawasaki Ninja H2R – R$ 357.000**
  4. Ducati Panigale V4 R – R$ 250.000
  5. Harley-Davidson CVO Limited – R$ 172.900
  6. Honda GL 1800 Gold Wing Tour – R$ 156.550
  7. BMW K 1600 GTL – R$ 151.500
  8. Kawasaki Ninja H2 SX SE – R$ 129.900
  9. Harley-Davidson Ultra Limited Touring – R$ 103.900
  10. Ducati Multistrada Enduro LE – R$ 97.900

    **Feita apenas para rodar em circuitos.

Darlan Helder

Natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011