Governamental/Legal Motos Segurança

Motos: a partir de quinta-feira (04) terão de usar antenas contra cerol e “mata-cachorro”

moto-frete Motos: a partir de quinta-feira (04) terão de usar antenas contra cerol e "mata-cachorro"

A partir de quinta-feira (04), motofretistas e mototaxistas serão obrigados a utilizar dois novos equipamentos de segurança em suas motocicletas.



A Denatran decidiu que as motos de uso profissional deverão portar antena aparadora de linha de pipa, que contém o perigoso “cerol”. Além disso, o protetor de pernas apelidado de “mata-cachorro” também deverá ser usado.

No entanto, os Estados estão pedindo um prazo maior ao Denatran para se adequar às novas regras para os trabalhadores que usam motos.

A principal regra reivindicada pelos Estados é a formação dos condutores de motos profissionais, que prevê um novo curso de 30 horas com gestão de risco de acidentes, ética e cidadania.

Na semana que vem o Denatran deve anunciar uma nova data para prorrogação dos pedidos de adiamento das novas regras.

[Fonte: G1]

  • PEREIRA_

    acho mais interessante obrigar os fabricantes a equipar as motinhos com ABS do que os condutores a terem "mata cachorro" e principalmente formar melhor essa turma que muitas vezes compra a carta pra ir trabalhar e se tornam suicidas em potencial….

    • Alex_JW

      Concordo.

      Sou motociclista e diariamente, ao menos aqui no Rio, vejo a rapaziada abusando demais. Claro que também há muitos (MUITOS MESMO) motoristas de carros sem a menor noção de como se deva dirigir.

      A falta de respeito é mútua, da parte dos motociclistas e motoristas, só que quem anda de moto não tem air-bag, mas se ao menos tivesse ABS… (entendo como equipamento obrigatório).

      Se obrigassem as montadoras (motos) a instalarem ABS em seus modelos, pela quantidade de modelos contemplados, o equipamento certamente se tornaria mais barato (maior escala) e o custo de repasse nos preços não seria tão alto.

      Por outro lado, tirar carteira (CNH – Carta em Sampa…) no Brasil é fácil demais, e tanto para carros como para motos, a exigência técnica deveria ser MUITO maior….

      É por aí….

      • dark_sat

        Eu não acho que ABS seja um item de relevância numa motocicleta.

        Eu acho que o ítem mais importante é a formação do condutor. Por mais que existam N's motoristas de veículos que "compraram a carteira", acho que falta muito discernimento por parte de diversos motociclistas ao simplesmente ignorarem o fato de que a vida deles está em jogo quando circulam imprudentemente pelas vias deste país.

        Seja por velocidade, furando o sinal ou "costurando" pelo trânsito. Não acho que ABS salvaria mais vidas do que uma formação melhor.

        • evtdesign

          Salvaria em ambas proporções, ou você acha que mesmo o motociclista respeitando as leis nunca irá entrar em situação de risco?
          Tá cheio de barbeiragem por aí, buracos e mais buracos, vias mal sinalizadas, trechos em obras sem a devida identificação e bloqueio da via, tem muita coisa que se evitaria pelo uso do ABS.
          Já passou da hora de ser item obrigatório, assim como a boa formação dos condutores também.

          • Alex_JW

            Perfeito.

            Se o ABS é importante para o carro, pq não o seria para moto?

            Moto é menos veículo de transporte do que carro? A verdade é que se tivéssemos menos carros e mais motos na rua, teriamos muito mais mobilidade.

            Os motoristas de carro são mais educados e conscientes que os motociclistas? Vejo erros de ambas as partes.

            Enfim, prossegue o puro preconceito com os motociclistas, não dá pra se julgar todos por alguns.

            Vida que segue.

        • Vc tem que pensar em todos. Não adianta, mesmo em um povo que é mais controlado, respeitado, sempre tem as ovelhas negras ou então as "maças podres". E nesse caso a adoção do ABS seria uma proteção a mais. Mas claro que tentar educar é sempre importante.

      • Bem, no Rio o maior problema é em grandes avenidas por diversas vezes presenciar a falta de faixas de sinalização. Não tem jeito, brasileiro NÃO SABE guiar automovel sem faixa.

        No Rio é uma confusão só, tanto que motoqueiro não tem vez. (se um carro fechar o motoqueiro, o motoqueiro tira retrovisor e se o motorista reagir vários motoqueiros vão para cima). Já no Rio o motoqueiro toma fechada, carro entra sem dar seta, é um inferno. Eu teria MUITO medo de ter moto no Rio. Pensei em adquirir, mas confesso que dirigir de moto no Rio é para quem é corajoso e experiente, pois é complicado.

        Outro problema que vejo no Rio, é o fato de poder em diversas grandes avenidas ter uma velocidade maior. Para efeito de fluxo isso ajuda, mas para efeito de individualidade é ruim. Muitos motoristas por exemplo na linha amarela ao fazer uma curva a 90km/h por questão de falta de experiencia tem o costume de jogar o carro (pelo menos parte dele) para a faixa vizinha, atrapalhando e podendo dar um acidente por um erro idiota. Taxi mesmo faz mto isso para manter velocidade. Não digo que o rio é o pior lugar do mundo, só estou fazendo uma analise daquilo que tenho visto que onde pode prejudicar demais a vidad e um motoqueiro.

        • Alex_JW

          Edson,

          Já ando há mais de 10 anos de moto no Rio e posso lhe assegurar, pilotando com uma margem de segurança, as possibilidades de acidente ficam bem reduzidas.

          Nesses mais de 10 anos me acidentei "apenas" duas vezes, ambas em baixa velocidade e quando estava começando a andar de moto ainda, ou seja, sem experiência. Ficaram somente os danos materiais.

          O trânsito no Rio é caótico sim, por vários motivos, e os dois principais para mim são a completa falta de educação da maioria que dirige diariamente no Rio, e a quase inexistente fiscalização das autoridades competentes.

          Eu sigo andando de moto de 2ª a 6ª e de carro (ou metrô) nos finais de semana (aí com a família), sem problemas.

          abçs

    • CRW_09

      O problema é que motoboy não é uma categoria regulamentada, então muitos trabalham por conta própria. Se existem aqueles que diminuem até a largura do guidão pra passar entre os carros, até parece mesmo que vão fazer cursinho de pilotagem.

  • jnasser

    nem deveria ter que obrigar, já deveriam ter colocado por iniciativa…..

    • Leandro1978

      Mas é caríssimo colocar uma haste de metal em uma moto, é igual a colocar abs em carro, é caro e pesa, o que aumenta o consumo…rs… Estou sendo sarcástico para os que possuem dificuldades em entender…Agora, falando sério, é incrível como na maioria dos casos é feito pedido para adiamento das regras, já estou achando que a lei que obriga abs e air bag duplo em carros também será adiada.

      • pablo

        Já foi, era em 2012, agora é 14.

        • Alex_JW

          Adivinha quem pressionou pra isso acontecer?

        • Castle_Bravo

          em 2012 adiarão para 2016…

          • Alex_JW

            No caso Castle, em 2014 para 2016!

            Puxa a vinheta, Galvão… BRAZIL-IL-IL-IL!

  • Malbert24

    mais dinheiro que deverà ser gasto! Não concordo minimamente com essa historia do curso, somente para favorecer uma corporação que já está muito bem favorecida (com esta absurdidade de refazer a CNH periodicamente, pagando, naturalmente). Os cursos são caros e francamente INUTEIS. O problema maior do mau uso de meios de transportes, não so motos, é a FALTA DE EDUCAÇÃO. O problema portanto è cultural e esses tais de cursos pouco pdem se o candidato não é pessoa educada e tem uma atitude inadequada para compartilhar o transito com os demais. Voce poderá ter ABS, airgbags e outras carisissimos agregados em seu veiculo (moto, carro, caminhão, onibus etc) mas se não tiver CONCIENCIA, os accidentes continuarão acontecendo. Começemos a dirigir pensando nos outros, evitando de incomodar com nosso som e nossas luzes desnecessarias, ao ver alguem entrar na pista, caso estejamos em uma com duas, deixemos ele entrar, passando na pista mais á esquerda, etc etc.

    • Alex_JW

      É verdade, o principal problema do trânsito brasileiro é a COMPLETA falta de educação do brasileiro ao volante.

      Parece que negozin acha que trânsito é competição….

      Isso é secular, como costumo falar, tá no DNA e sem punição, não há luz no fim do túnel….

      … um exemplo: dirigir pelo acostamento (ultrapassar) deveria ser motivo para CANCELAR a carteira/carta do cidadão na hora, mas não, o sujeitin dá cinquenta real pro seu guarda, e tá tudo em casa.

  • GAbRieLGUIMA

    LUCRO BRASIL!

    O governo e o fabricante da "anteninha mata-cahorro" se divertem $$$$$$$$$$$$$$$$

    Enquanto isso as mortes dos cachorros loucos e o prejuízo dos motoristas com retrovisor quebrado só aumentam!!!

    • Tripa-Seca

      Dizem que toda generalização é burra, mas…
      O dia que eu encontrar 1, mas só um motoqueiro consciente, eu deixarei de concordar com você…

      • luidhi

        Me apresentando, se quiser apresento mais.

        Isso é típico comentário de quem não sabe nem engatar as marchas de uma moto.

        Você não precisa gostar de ninguém que ande em duas rodas, mas é sua obrigação respeitá-los.

        • Não sei onde vc mora, mas um lugar mesmo que conheço o que é "civilização" é em São José dos Campos.

          Infelizmente por não conhecer a geografia da cidade, acabei por diversas vezes fechando motoqueiro e ao pedir desculpa… o cara vinha e dizia:
          "Tudo bem, só toma mais cuidado, fica com Deus e boa viagem".

          Ou seja, existe sim motoqueiro consciente sim. Eu disse em uma cidade que há um numero maior de motoqueiros educados que andam em suas faixas. Mas em SP eu presencio muito sim principalmente na Av. Bandeirantes onde alguns motoqueiros inclusive partilham o transito ficam na faixa onde lhe pertece.

          E esses muitos só pegam o corredor quando o transito está bem parado para ele abrir fluxo para ele. (de acordo com a lei isso é valido e ele pode desde que não cause problemas aos demais condutores).

          Pois eu sei sim e entendo também os motoqueiros vidaloka que são folgados, mas não podemos dizer que são todos e eu tenho sim respeito por quem me respeita. (e os que não respeitam, só digo para ir com Deus, afinal, sendo um doido em um veiculo de 2 rodas ou 4 rodas, vai se matar por culpa dele…. mas o problema é que quase sempre ele acaba ferrando quem não tem nada a ver com a loucura dele).

          • Alex_JW

            É isso aí, teoria da reciprocidade.

            Respeito a quem me respeita, e o outro lado da moeda também.

            Mas existe um grande preconceito contra os motociclistas ainda. Outro dia esbarrei (barbeiragem minha) no retrovisor de um taxista no trânsito. Não quebrou, nem danificou, mas mesmo assim parei para pedir desculpas, emparelhei com o cara e, mesmo assim, ele queria briga.

            Como não dou ouvido pra maluco, segui na fé.

            Por outro lado, quando tomo fechada no trânsito, sigo consciente que a pessoa não fez por mal, e nem paro para discutir. Quanto menos se fala no trânsito, melhor.

      • evtdesign

        Não conhece 1? Santa generalização e ignorância!
        Mas se quer encontrar alguns de nós, vá este próximo domingo ao mega encontro que vai rolar no 'Domingo Aéreo da FAB' em Pirassununga, que você vai conhecer no mínimo uns 1.000.
        Ahh, e pode ir de carro, o evento é aberto à toda a população, vale a visita que terá shows da esquadrilha da fumaça, malabarismos em cima de avião, supersônicos e muito mais.

      • Tripa-Seca

        Bom, acho que não me fiz entender. Em primeiro lugar, respeito muito os motoqueiros, independente de ser respeitado ou não. Eu ERA um dos idiotas que acham que existe uma divisão entre motoristas e motoqueiros. Aí, um primo meu se tornou motoqueiro. Passei a tratar melhor esses motoristas. Mas de qualquer forma, nunca faltei com respeito contra nenhum. Peço desculpas se essa foi a impressão.
        Sou de Campinas, e trabalho em São Paulo. Duas cidades onde respeito de motoqueiros não são a tônica. Todo mundo se distrai e fecha alguém, ou é traído por um ponto cego, acaba ultrapassando o limite em uma avenida que cabia 100 por hora, mas o pessoal coloca 60 para arrecadar e você passa a 80, que é abaixo da velocidade natural da via…Isso acontece (Não que devia acontecer, mas acontece). Agora, quando eu falo de consciência, falo de consciência plena. Principalmente, no maior problema que eu vejo com os motoqueiros, que é respeitar a ultrapassagem pela esquerda. As vezes, chego a duvidar que o pessoal conheça a lei.

    • EuMeSmObYmYsElF

      anteninha E "mata-cachorro".. são coisas diferentes

    • RafaelRabeloo

      Cara você falou tudo so recheando o comentario no minimo deve ter um dos deputado, senadores seja lá o que for deve ter uma fabrica disso e esta querendo lucrar ; O dinheiro no bolso deles é que ta bom , não tao nem ai se tao morrendo ou não eles querem é o dinheiro msm.

    • Mjscaruaru

      anteninha mata cachorro, me c*guei de rir………………… é muito perigoso um cachorro pegando no pescoço do motociclista, hahahah.

      • hugogyn94

        pq inventa nome ridiculo "mata-cachorro" coidato ,deveria colocar "antena anticerol" ou "contra cerol" ai tudo bem mas mata cachorro? aff esse politico deveria tirar nota zero por ter nome mais ridiculo

        • menaceb

          Antena e Mata Cachorro são 2 coisas diferentes.

          A Antena é contra o Cerol
          o Mata Cachorro é isso: http://www.motoboysdobrasil.com.br/site1/wp-conte… E esse é nome.. não foi um político que inventou.

          • hugogyn94

            valeu menaceb eu entendi essa segurança,foi quem entao inventou esse nome so pode ser tiririca

            • german&chinesehater

              Isso vem do portugues da idade média, onde o Mata-Cão, uma estrutura de defesa das muralhas que evitava a subida de invasores com escadas…

          • Duvida, eu sei que isso pode evitar o choque entre o animal e a moto. Mas o mata-cachorro, se refere a quais tipos de proteção do condutor ? (sou leigo nesse assunto, por isso faço a pergunta por vc entender)

            • menaceb

              Retirado de um forum de motos.

              Mas atenção: o mata cachorro pode não ter a função que você pensa.

              Ele serve para:

              – proteger a pintura da moto, quando ela cai para o lado, estando parada.

              – proteger o conjunto do motor, em certas situações.

              – proteger suas pernas, numa queda em baixa velocidade (lowside ou deslizamento na chuva).

              – apoiar os pés em viagens.

              – instalar acessórios como: piscas extras, faróis, etc.

        • pablo

          E quem disse que é algum político que criou esse nome. Ler é tão dificil?

    • kikofar

      O mais engraçado (pra não dizer trágico): alguma "otoridade" aí deve ser "sócia" numa fábriqueta de antena anti-cerol ou de mata-cachorro… daqui há alguns meses, será uma empresa milionária, igual a do extintor e daquele kit ridículo para primeiros socorros!

  • AndersonPuff

    Pra que mais segurança pra esses animais?? O que falta é educação pra esses "motoqueiros"..

    • Alex_JW

      Sem generalizar brother, por favor.

    • Wikle

      Há motociclistas que não respeitam as regras de trânsito.Mas também há motoristas que não respeitam as mesmas regras. Não generalize.

      Além disso os motoboys são pressionados para cumprirem metas ("entregamos em qualquer lugar da capital em 10 minutos").
      O que deveria haver era uma preocupação maior com a regulamentação da profissão de motoboy.

      • Wikle, existe já uma lei ativa que na teoria, o funcionário que reclamasse junto ao ministério do trabalho o "abuso" de força-lo a correr por ai, ganha um valor de multa que a empresa tem que pagar, justamente por colocar em risco a vida do motoqueiro.

        Mas sejamos realistas, se vc fizer isso, quem vai lhe manter? Infelizmente eu sinto pena de motoboy por esse motivo. E por esse mesmo motivo temos um transito horrivel de tanto motoboy que infelizmente fica buzinando para não estrupiar, mas ao mesmo tempo o motorista de carro estressado entrando com tudo na frente do motoqueiro, e importante, entrando com tudo sem dar seta.

    • evtdesign

      Por que os animais que sentam no banco de um carro podem ter de Air Bag à ABS e os motociclistas não?

      • Alex_JW

        Todos realmente devem ter acesso a itens de segurança, os motociclistas ainda mais, pois o para-choques deles é a testa (sei disso bem….rs…).

  • NatalRN

    Como se um mata-cachorro fosse deixar a moto mais segura. Para diminuir os acidentes eles tem é que melhorar as ruas, formar melhor os condutores e mandar o Inmetro fazer teste de segurança nas motos vendidas no Brasil.

  • EuMeSmObYmYsElF

    de que adianta isso? esse povo quando não anda sem ter carteira, anda com uma comprada ou tira uma rapidinho (no teste pratico da categoria A mal se passa da primeira marcha…)

  • Romis_gtr

    ABS é fundamental em motos, até porque o principal motivo de quedas é o poder de boa frenagem nas mesmas……freou demais, o pneu da bichinha trava, aew já viu…é chão na certa!

    Antena contra cerol e Mata-cachorro, normal, boa idéia, já deveria ter sido implantada há alguns anos!

  • FAELTIMAO

    Ajuda mais não resolve….a iniciativa tente a começar pelo proprio condutor para se ter um transito em harmonia com os automoveis….comoeçando a respeitar e parar com essa "costura" que os motoboys fazem..principlamente em semaforos….

  • Eduardo Costa

    O governo deveria é dar isenção de imposto para equipamentos de segurança. Mata cachorro, eu já ví foi o cara fazer um L com a canela depois de bater na traseira de um carro parado.

  • RafaelPimenta

    se os motoqueiros tivesse mais respeito no transito. mas nao vou dizer q sao só os motoqueiros nao. os motoristas tmb sao bem abusados as vezes. mas nao adianta que nao tem como aumentar a segurança em moto. pra andar de moto tem que ter SORTE kkkk só isso

    • Alex_JW

      Rafael,

      A falta de respeito no trânsito é mútua, como você observou. Por parte dos motociclistas e dos condutores de autos.

      Acho que para se ter uma visão mais ampla e isenta, a pessoa deveria sentir na pele nos dois lados, ou seja, dirigir carro e moto, que é o meu caso.

      Antes de eu andar de moto, eu tinha um putza preconceito com quem andava de moto, mas depois que passei a tocar moto também, minha opinião mudou.

      Vou te falar que além da sorte, o motociclista deve andar sempre com uma margem de segurança nas manobras, pois o seu para-choques é a própria testa…rs… e é isso que faço diariamente, não saio cortando feito um louco, ando em baixas velocidades no corredor, ando sempre de farol ligado… enfim, não procuro acidentes a toa.

      ABS seria sim muito importante para todas as motos no Brasil, diria que obrigatório.

      • evtdesign

        Concordo plenamente! Motoristas deveriam também saber o que é ser motociclista, por pelo menos uma semaninha que já iria ajudar muito!
        Eu tenho carro e moto, moto para trabalho e lazer, carro hoje em dia virou só lazer por conta do trânsito.
        Mas a visão de quem pilota os dois é bem melhor e com muito mais tolência ao próximo no caótico transito das nossas capitais.

        • RafaelPimenta

          eu sei mto bem disso vejo as manobras de muitos motoristas que muitas vezes acabam ferindo o motoqueiro que andava tranquilamente. na vdd os motoristas nao tem respeito com ninguem. os motoristas de onibus entao Putz esses sao os piores. acho que o brasileiro deveria ter uma reeducaçao no transito

  • andre_0102

    Desculpe a minha ignorância, mas cerol não é um problema local , nunca ouvi falar deste tipo de problema na minha cidade, mesmo no estado deve ser um numero mínimo de casos, mas se entendi certo as motos do país todo serão adaptadas?
    Agora achar que politico, vai lucrar c/ anteninha e mata cachorro p/ moto é muita paranoia. Politico vai atras de cachorro bem maior. kkkk

    • E. Ferreira

      Os caras não deixam escapar nada, meu amigo.
      Sabe aqueles adesivos de identificação de porta de escritório. Aquele negócio de gabinete do Dr. Fulano de Tal ou Departamento de Qualquer Coisa, que fixam na porta das salas das repartições públicas. Pois bem, já vi Secretaria de Estado que mudava essas placas mensalmente.
      E o lance era simples, o filho de um Deputado Estadual, amigo do Secretário tinha uma fabrica destas coisas. Aí já viu, entra um dindin extra.
      É de grão em grão que a galinha enche o papo.
      E ainda por cima não chama tanto a atenção.

    • André, só para citar, no apartamento onde moro, tinha um garoto empinando pipa. Com isso, foi passar um motoqueiro que não viu a linha e cortou o pescoço. Foi por muito pouco que essa linha não deu em uma morte.

      Sobre as motos, creio que o intuito foi para instituir fazer as motos que não possuem tais itens, colocarem por obrigação e as que vão ser produzidas já vir com os dois itens.

    • André, só para citar, no apartamento onde moro, tinha um garoto empinando pipa. Com isso, foi passar um motoqueiro que não viu a linha e cortou o pescoço. Foi por muito pouco que essa linha não deu em uma morte.

  • Mak73

    Andar de motocicleta tô fora!basta olhar pela cidade ver a quantidade de pessoas com a perna amputada.
    A maioria são rapazes jovens e algumas mulheres e senhores,99% são todos por acidentes de motocicleta.
    A minha perna não tem preço,procuro outro emprego mas não fico fico rodando de moto para cima para baixo.
    Uma rapaz que tem perna amputada me falou que quando trabalhava de moto pensava que não iria acontecer nada com ele,mas aconteceu! e se arrepende por não ter procurado outro tipo de emprego.

  • mbgregol

    Não é apenas problema localizado é falta de polícia localizada. Pegam um problema de segurança pública e transformam em um acessório obrigatório. Logo logo devido a bueiros que explodem e balas achadas vão determinar que tudo que se move seja blindado, convenhamos vão colocar segurança nas ruas que tudo isso acaba.

    • Uber

      Impressionante como neste país não se enfrenta os problemas!
      Preferem sempre a solução defensiva! Não querem ter trabalho!
      Foi a mesma coisa na época em que ocorriam sequestros-relâmpago nos caixas 24h.
      Qual foi a solução? Mais polícia na rua? Não! Simplesmente limitaram o horário de funcionamento dos caixas!
      É ridículo!

      • Alex_JW

        Pois é, o Brasil é um país onde a banana é quem come o macaco…

      • dcc00756

        É aquele velho esquema de combater a doença e não a causa.

  • Eddu13

    A prefeitura tem é que passar nas ruas com a carroçinha e levar a cachorrada.

  • AlexandreCE

    O Estados querem promover cursinho… será que para arrecadar? Será que eles estão vendo que a fatia vai toda para os vendedores de mata-cachorro e haste de metal enquanto o Poder Público nada vai lucrar com a medida?

    País seboso!!!

  • luidhi

    A antena de cerol eu concordo. Agora o mata-cachorro mais prejudica do que ajuda, pois ele dobrado pode prender a perna de um motociclista, sem falar no perigo para os pedestres.

    Seria melhor obrigar os motofrentistas a andarem bem equipados, com botas, calças resistentes (cordura ou couro), jaquetas e luvas.

    A maioria anda com um capacete apenas por força da lei. A maioria dos capacetes não protegem nem uma pedra jogada contra a cabeça dos motociclistas, sem falar nas viseiras, que obrigam os mesmos a andarem sempre abertas para enchergar alguma coisa.

  • AF1979

    Do jeito que está o título dessa notícia, fiquei aqui imaginando uma Ninja ou uma Hayabusa com antena anticerol e mata-cachorro…

  • Castle_Bravo

    O legal é que os deputados tem tanto tempo livre para para decidir e votar uma lei que é simplesmente o básico de segurança para o motoqueiro, e não se aplica a todas as regiões.

    Se o cara vive numa região onde tem isso, precisa duma lei para obrigar ele a instalar a segurança na moto?

    E aqui no RS eu nunca tinha ouvido falar na expressão "cerol" até não muito tempo atrás, e sequer sabia o que era, bem como nunca ouvi falar de um motoqueiro que tenha sido degolado dessa forma, mas isso não importa, importa é que que agora todos terão que ter uma antena ou haste ou seja o que for, para cortar as cordas.

  • ACR

    Sabe, tem algumas coisas que eu fico doido:

    1 – eu não posso transportar Gás de cozinha no meu carro, mas um motoqueiro pode;
    2 – pra fazer uso de reboque ou carretinha tenho que ter carteira com categoria diferente, motoqueiro não;
    3 – no meu caminhão se colocar mais peso do que o permitido sou multado, mas o motoqueiro pode carregar 5 galões de 20L na boa;

    Agora pra obrigar a colocar antena os cara são bons, quero ver obrigar a todos o motoqueiros a usar Botas, Calça e Jaquetas de couro, tendo que as maiores internações são por queimaduras abrasivas do que por cerol e isso detona o sistema hospitalar de todo o País.

    • akrobatos

      O transporte de GLP por motos eu acho o fim da picada. Principalmente porque as garrafas ficam penduras e numa colisão podem sair voando e virar granadas de impacto. Outra coisa rídicula foi a legalização da profissão de moto-táxi. Desde quando é serviço público permitir que o cidadão se arrisque?

      Mas um esclarecimento, para fazer uso de reboque no seu automóvel você só é obrigado a ter habilitação E se o PBT combinado dos dois veículos ultrapassar 3.500 Kg. E se for trailer turístico, ele pode ter pbt até 6 mil kg. O problema é que os agentes de trânsito, primeiros que deveriam conhecer a lei, não sabem de nada.

  • akrobatos

    Entendo a utilidade da antena, mas acho que deveria ser exigida das fábricas.Não percebo a utilidade do mata-cachorro. Além dessa crueldade esse equipamento serve para quê? Ele não pode colaborar para acidente em vez de evitar?

  • granrs78

    O que a maioria dos motociclistas deveriam ter é mais educação e respeito no transito, pois o que eu vejo diariamente nas ruas é um pessoal sem amor próprio e muito menos nos outros. Teria que ter mais fiscalização e multas para os irresponsaveis.

  • Luciano

    Sou motociclista e moro em Macaé, aqui esta acontecendo que o DETRAN não estar sabendo o que estar ocorrendo na lei que é para moto-frentista e taxista, e não para geral e com isso não estão fazendo vistória nas motos que não presta esse tipo de serviço, e para completar os POLICIAIS estão aproveitando também para prender as motos no deposito para ganhar os dias que ficam presas no deposito e com isso o documento da moto estando tudo correto. Eu acho isso um absurdo, por que os dois profisonais são do governo e não sabem o que estar ocorrendo na lei onde trabalham.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend