Avaliações Hatches Populares Volkswagen

Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

volkswagen-gol-power-fotos-3-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

O ano de 2012 foi movimentado para os hatches compactos. Novos concorrentes como Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e Toyota Etios foram alguns que entraram na briga. A Volkswagen, líder do segmento, achou melhor não ficar só olhando a movimentação dos adversários. Lançou em julho a primeira reestilização da atual geração do Gol – apresentada em 2008 – exatamente para combater essa nova investida.



Além de uma versão de duas portas – ainda inédita na atual fase do modelo – para encarar os modelos de entrada, o hatch também incorporou novos equipamentos para tentar ganhar competitividade também na parte superior da gama. Na versão Power 1.6, airbag duplo e ABS viraram itens de série e entre os opcionais aparecem um rádio mais completo, sensor de ré e até revestimento parcial dos bancos em couro.

Tudo isso ajudou na tarefa do Gol em se manter o carro mais vendido do país pelo 26º ano consecutivo. Algo importante quando se leva em conta que a concorrência aumentou – o que significa que o volume total de modelos vendidos foi dividido entre mais “players”. E ainda serviu para aumentar a média mensal de vendas do compacto. Antes da reestilização, até julho, o Gol vendia 22.300 unidades por mês. A partir de agosto, o número subiu para 26.600 exemplares, um acréscimo de quase 20% nas vendas. O face-lift ainda teve a sorte de vir na mesma época em que o mercado como um todo foi aquecido com as ações do Governo.

volkswagen-gol-power-fotos-1-620x933 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

Para conseguir esse expressiva aumento nas vendas, a Volkswagen foi discreta na reestilização do Gol. Bem no estilo “time que está ganhando não se mexe”, a marca alemã apenas atualizou o seu representante para uma briga que ganhou rivais bem modernos no último ano. Nos motores, por exemplo, mudanças – ainda que pequenas – só no 1.0. Ganhou novas válvulas e pistões, que ficaram mais leves e diminuiram o atrito interno.

A central eletrônica também é nova e aumenta o torque em giros médios. Apesar disso, os valores máximos de potência e torque continuam em 76 cv e 10,6 kgfm. No 1.6, tudo igual. Ou seja, 104 cv de potência a 5.250 rpm e 15,6 kgfm a 2.500 giros. A transmissão também é a mesma manual de cinco marchas – há ainda a opção do automatizado I-Motion, que também não recebeu alterações.

No visual, a Volks tinha que trazer o Gol à atual identidade visual da marca – não dava para manter justamente o campeão de vendas com uma “cara” diferente do resto da gama. Por isso, o compacto ganhou as tais linhas retas que estão desde o Fox até o Passat. Os faróis ficaram bem semelhantes ao já usado pelo Fox, enquanto as maiores inovações foram restritas à traseira, que ficou com ares do Polo europeu.

volkswagen-gol-power-fotos-2-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

Por dentro, o hatch também teve algumas melhorias. Caso do novo painel de instrumentos com iluminação branca, novos comandos e saídas de ar e reposicionamento dos botões da iluminação externa, que saíram da alavanca atrás do volante para o console – lugar padrão dos Volkswagen.

Nesta versão Power, airbag duplo e ABS já se tornaram itens de série. Mas o ar-condicionado ainda está na lista de opcionais – junto com rodas de liga leve, rádio, sensores de estacionamento, volante multifuncional e vidros traseiros elétricos. De fábrica, além dos itens de segurança, o hatch vem com direção hidráulica, faróis de neblina, banco do motorista com regulagem de altura e volante com ajustes de altura e profundidade.

Básico, o Gol Power custa R$ 39.150, conta que atinge R$ 47.888 com todos os opcionais. Os principais concorrentes são a nova leva de compactos que chegou nos últimos meses. Além do frescor da novidade, eles também conseguem até ser mais baratos que o hatch da Volkswagen. Mas o Gol conta com outros “trunfos” além dos óbvios em um automóvel.

volkswagen-gol-power-fotos-4-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

A imensa quantidade de concessionárias – são 619 lojas, a maior rede do país –, a alta capacidade produtiva da fábrica de Taubaté, em São Paulo, e a longa experiência de vendas no segmento – essencial na relação direta com o cliente – são detalhes que se mostram importantes na ferrenha briga dos compactos brasileiros. E que ajudam a explicar a ainda tranquila liderança do Gol.

Ponto a ponto

Desempenho – O motor 1.6 do Gol nem tem tanta potência assim, mas se dá bem pela oferta de torque em baixos giros. Já em 2.500 rpm o propulsor entrega sua força máxima, o que deixa o convívio mais amigável na cidade. Quando “cutucado”, o motor 1.6 também não se economiza no trabalho. Gira até rotações altas sem reclamar e tem comportamento suave, algo raro no segmento. O câmbio de cinco marchas da Volkswagen oferece engates suaves e precisos. Nota 8.

Estabilidade – O Gol é um carro com bom equilíbrio dinâmico e, dentro do seu segmento, é um dos mais acertados. A suspensão é mais voltada para a rigidez, o que significa que a carroceria rola pouco nas curvas e mantém o veículo sempre com boa estabilidade. Outro ponto positivo são os pneus 195/55, que dão aderência suficiente para um hatch compacto. Nota 8.

Interatividade – Talvez seja o quesito em que o Gol mais evoluiu na discreta reestilização do meio do ano passado. Os comandos do ar-condicionado ficaram mais fáceis de serem usados, assim como o comutador dos faróis, que foi para o painel em lugar bem prático. O quadro de instrumentos continua claro. A manopla do câmbio é nova e a transmissão manteve os engates corretos. A visibilidade também é satisfatória. A versão Power, a topo de linha da gama, ainda tem como opcional o novo rádio com simulação visual do sensor de estacionamento, algo que tem lá sua utilidade. Nota 8.

Consumo – O InMetro deu nota “B” para o Gol Power 1.6. De acordo com os dados do instituto, o compacto anotou média de 10,7 km/l na cidade e 13,7 km/h na estrada quando abastecido com gasolina. O computador de bordo foi mais “pessimista” e apontou 9,3 km/l e 11,2 km/l, respectivamente. Nota 7.

Conforto – O Gol não é dos carros mais espaçosos do segmento. Atrás, três adultos vão bem apertados em quase todas as dimensões. A suspensão também não ajuda muito na sensação geral de conforto. A escolha da Volks geralmente é por um acerto mais rígido, que privilegia a estabilidade, mas prejudica na hora de superar a buraqueira. Não chega a ser um conjunto desconfortável, mas também não permite ao motorista relaxar no cada vez mais caótico trânsito urbano. Nota 6.

volkswagen-gol-power-fotos-5-620x933 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

Tecnologia – Falta à lista de equipamentos de série um ar-condicionado, item esperado para um carro de mais de R$ 40 mil. No resto, o Gol Power 1.6 vai bem. A plataforma é de 2008 e traz boa rigidez, apesar de o habitáculo não oferecer muito espaço. O motor, mesmo sendo relativamente antigo, tem um desempenho que ainda agrada bastante. Nota 7.

Habitabilidade – Entrar e sair do Gol é uma tarefa simples. Lá dentro, o hatch também trata bem os ocupantes. O design interno “cria” muitos espaços para porta-objetos, principalmente na área à frente da alavanca de câmbio onde existem três espaços de tamanho considerável. O porta-malas leva 285 litros, volume bem de acordo com o que o segmento oferece. Nota 7.

Acabamento – Os encaixes na cabine do Gol até são bem feitos, sem rebarbas aparentes. Mas a sensação de extrema simplicidade aparece em muitos detalhes. O console central tem um visual um tanto banal e antiquado. Até existem elementos interessantes no acabamento, como o uso de tecido nas portas, o volante multifuncional e a inserção de black piano em volta do rádio. Nada que chegue realmente a conferir requinte. Nota 6.

Design – A Volkswagen introduziu sua identidade visual no Gol na última reestilização. Isso significa que o compacto recebeu faróis com contornos retos que terminam na grade com três frisos cromados. Atrás, as linhas redondas também foram abandonadas em favor de cortes mais abruptos. As lanternas ficaram semelhantes às do Polo europeu. O visual não desagrada, mas tamanha homogeneidade do design em todos os modelos da linha acaba se tornando meio “lugar-comum”. Nota 7.

Custo/benefício – O Gol está longe de ser um dos concorrentes mais novos na disputa dos hatches compactos nacionais, mas é dos mais caros. Para ficar bem equipado, o compacto da Volkswagen pula a R$ 47 mil, preço superior às versões “top” com cambio manual de Chevrolet Onix e Hyundai HB20, por exemplo. Apesar disso, mesmo depois de cinco anos, o conjunto do Gol ainda agrada. O motor é competente, assim como o comportamento em curvas. O interior demasiadamente simples e o preço elevado são os “gols contra”. Coisas que, aparentemente, não atrapalham as vendas do modelo. Nota 6.

Total – O Volkswagen Gol Power 1.6 somou 70 pontos em 100 possíveis.

volkswagen-gol-power-fotos-6-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

Impressões ao dirigir – Sem fugir à luta

Utilizar um “family face” em toda uma gama de veículos tem os seus pontos negativos. Claro que todos os carros se tornam fáceis de serem relacionados à sua respectiva marca nas ruas. Mas, ao mesmo tempo, tanta padronização tira a identidade de cada veículo. O Gol é um modelos que sofre disso.

Depois de sua recente reestilização, ele ficou muito parecido com Fox, que por sua vez lembra o Jetta, muito similar ao Voyage, que evoca o Passat, e assim por diante. É até um visual elegante e sóbrio, mas que se torna inexoravelmente “déjà vu” depois de tantas releituras.

volkswagen-gol-power-fotos-7-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

Ao menos, a renovação do Gol preservou seu competente conjunto dinâmico. Na versão Power, por sinal, não existiram alterações. O motor 1.6 agrada principalmente pela entrega de torque em giros médios. A 2.500 rpm, a força máxima do propulsor já está disponível. Isso significa que andar nas cada vez mais engarrafadas cidades, onde raramente se supera as 4 mil rotações, se torna uma tarefa menos entediante.

Outro ponto positivo é a suavidade com que o motor trabalha. Mesmo em regimes altos, próximos à faixa de limite, a vibração do motor não incomoda na cabine e o isolamento acústico também se mostra bastante eficiente. O câmbio manual de cinco marchas é mais um destaque graças às trocas suaves e extremamente precisas.

volkswagen-gol-power-fotos-8-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

O desempenho do hatch quando se encara uma sequência de curvas também agrada. Bem no estilo Volkswagen, a suspensão é ligeiramente rígida, o que diminui as rolagens de carroceria. Outro acerto é na escolha de pneus, item extremamente importante para a aderência. Eles são suficientemente largos para a proposta do carro e realmente favorecem em termos dinâmicos. Mesmo com cinco anos de mercado, o Gol continua como um dos compactos mais bem acertados quando o assunto é dirigibilidade.

Por dentro , o acabamento nem chega a ser dos piores – as peças são bem encaixadas e há até uma tentativa de passar alguma sofisticação com o uso de black piano. A Volkswagen fez pequenas alterações que melhoraram a vida à bordo, como os novos comandos e saídas de ar e comutador de faróis. Nada que mude a sensação de que falta um toque a mais de sofisticação ao interior do compacto.

volkswagen-gol-power-fotos-9-620x411 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

volkswagen-gol-power-fotos-10-620x408 Na versão Power 1.6, Volkswagen Gol mostra que mudanças discretas podem manter interesse frente à nova concorrência

Ficha técnica – Volkswagen Gol Power 1.6

Motor: Bicombustível, 1.598 cm³, dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, duas válvulas por cilindro e comando simples no cabeçote. Injeção multiponto sequencial e acelerador eletrônico.

Transmissão: Câmbio manual com cinco marchas à frente e uma a ré. Tração dianteira.

Potência máxima: 101 cv e 104 cv a 5.250 rpm com gasolina e etanol.

Torque máximo: 15,4 kgfm e 15,6 kgfm a 2.500 rpm com gasolina e etanol.

Aceleração de 0 a 100 km/h: 10,1 e 9,8 segundos com gasolina e etanol.

Velocidade máxima: 188 e 190 km/h com gasolina e etanol.

Diâmetro e curso: 76,5 X 86,9 mm. Taxa de compressão: 12,1:1.

Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson, com braços triangulares transversais, molas helicoidais, amortecedores pressurizados e barra estabilizadora. Traseira interdependente com braços longitudinais, molas helicoidais e amortecedores pressurizados.

Carroceria: Hatch em monobloco com quatro portas e cinco lugares. Com 3,89 metros de comprimento, 1,65 m de largura, 1,46 m de altura e 2,46 m de distância entre-eixos.

Peso: 961 kg.

Capacidade do porta-malas: 285 litros.

Tanque de combustível: 55 litros.

Produção: São Bernardo do Campo/SP.

Lançamento: 2008. Reestilização: 2012

Itens de série: Airbag duplo, ABS, banco do motorista com regulagem de altura, faróis de neblina, vidros dianteiros elétricos e pré-disposição para rádio.

Preço: R$ 39.150.

Opcionais: Volante multifuncional, rádio/CD/MP3/USB/Bluetooth com sensor ótico de estacionamento, ar-condicionado, vidro elétrico nas quatro portas, rodas de liga leve e banco revestido parcialmente em couro.

Preço completo: R$ 47.888.

Por Auto Press

4.0

  • cepereira2006

    Corre, VW, senão o trem te pega.

    • tacio

      é uma carroça deus abençoe o novo hb 20

      • Como pode um caroço desses custar a bagatela de 47mil e ter gente comprando? Fiquei algumas semanas em Miami e San Francisco, e não vi um unico hatch. Muito menos carroças, e nenhum Fiat. O que mais eu vi foi Acura, Infiniti, Lexus, BMW, Mercedez, e Audi. Sei que pra quem ler parece que eu estou forçando, mas JURO que a suprema maioria era dessas marcas, e nao vi um UNICO hatch nas ruas.

        <img src="http://www.mytvlink.de/images/videos/828293.jpg"&gt;

        Por sinal, sei que é polemico, mas o Gol pra mim não é lider em nada. Pra mim vendas pra frotistas nao somam na minha conta de escolha dos consumidores nas CCS, lojas multimarcas. Afinal, a palavra lider em vendas, em primeira mao parece que é o carro preferido dos consumidores, o que pra mim não é. E mesmo se eu somar as vendas dos frotistas, o Gol ainda assim não é lider. Prefiro dizer que o HB20 é o lider absoluto do mercado. Motivo?

        Fenabrave (vendas totais 2013 até hoje)

        GOL = 32600 unidades
        HB20 = 15400 unidades

        Se levar em conta que a Volks tem 619 pontos de vendas, contra a Hyundai com 120 pro HB20, é uma diferença 5 vezes a favor da Volks, portanto se calcular os pontos de vendas pela quantidade de carros vendidos, temos o seguinte calculo:

        GOL = 52 unidades por loja.
        HB20 = 128 unidades por loja.

        Ou seja, o HB20 vende mais que o dobro do Gol, isso somando tambem as vendas da Volks para os frotistas. Portanto para MIM, o Gol não é lider nas escolhas do consumidor. Ele pode ser lider em vendas em si, mas dizer que está na liderança da escolha do povo não é. Falando mais grosso, se tiver 10 lojas de MCdonalds vendendo 1000 lanches por dia, contra uma unica loja do Burger King vendendo 500 lanches, eu posso dizer que o povo gosta mais é do Burger KIng inves do MCdonalds.

        Falando do ponto de vista economico, seria a diferenças entre o PIB e renda per capita.

        • alexhmoraes

          Concordo demais com sua coloação!

        • Pedro_Rocha

          Também acho que a melhor métrica de vendas é a por loja, não a total, já que as 4G são oligopólicas na maior parte do Brasil e muitos os compram não por qualidades, mas por falta de opção.

          Digo até por mim mesmo, já que meu primeiro critério para compra de veículos é a proximidade de css.

        • rdcotta

          concordo perfeitamente, principalmente em relação ao numero de concessionarias. o HB20 ja vende bem mais proporcionalmente, se bobear ate o Onix ja esta colado no Gol.

        • experientdriver

          Lógica totalmente sem sentido.

          Não leva em conta um fator básico: concessionárias concorrem entre si.

          Se uma pessoa está interessada no VW Gol, ela não vai comprar 4 carros só pq existe 4 ccs VW em seu bairro.

    • Pedro_Rocha

      A segunda foto, com aqueles pardieiros ao fundo, manda uma mensagem subliminar acerca da fragilidade do veículo.

      • marcelpo

        Você não leu a reportagem né?

        Você acha que a VW, assim como a Fiat vão ficar só assistindo??? A VW já começou.

        O HB20 não é a ultima coca do deserto… nem ABS de série tem…

        Confiança na marca, rede de assistência, revenda ainda são pontos muito importantes no mercado.

        Essa fabre vai acabar, assim como toda novidade tb enjoa.

      • BlueGopher

        Hatch é carro para o gosto europeu, lá são eles que dominam o mercado.
        Americano gosta de sedans, SUVs e pickup trucks confortáveis e espaçosos.
        Aqui no Brasil não temos as ruas e avenidas largas e as enormes vagas de estacionamento americanas, nossas cidades são de casas "empilhadas" em terrenos pequenos, devido ao gosto da nossa colonização portuguesa e européia.
        Por isso (e pelas condições econômicas dos consumidores, claro) o domínio dos hatches por aqui.

  • Felipe

    Agora é só esperar o gol g7!!

    • alexhmoraes

      Esperar a G7…. puts eu to esperando é sair de linha logo, essa carroça ultrapassada!

      • Felipe

        Tããão ultrapassado que conquistou o título de "Automóvel Mercosul" http://www.vwbr.com.br/BlogdaVolkswagen/post/2013… , o de melhor do Brasil http://www.car.blog.br/2013/01/vw-gol-jetta-e-sav…. E se o gol é ultrapassado imagine os outros carros.Ultrapassado é o uno mille, que tem a mesma carroceria desde que foi lançado, antes de comentar sobre um carro, observe a sua volta quantos carros são piores do que o gol.E como vc diz que tá esperando o gol sair de linha se nem viu como será o g7 , a VW ainda vai surpreender os Brasileiros!E se responder responda usando fatos e respeite a opinião dos outros em sua resposta.

        • Mr. Potato

          Apesar disso não engulo esse Gol por um simples motivo: é duro demais. Não é feito pras ruas brasileiras. Qualquer defeitinho no asfalto é passado pro interior, torna-se irritante e desconfortável. Entre os populares eu riscaria o Gol de cara por isso, realmente incomoda a dureza da suspensão.

          • ismajunior

            Eu gosto.

            • dougkmt

              O ganho não é compensado pela estabilidade em rodovias?

              Já li pessoas reclamando da suspensão dos Palios antigos, sendo muito molenga.

      • fabio_augusto

        G7???? Pelas minhas contas o próximo será G4…

    • Danilo

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      VW não me pega com essa carroça nem com lançamento da geração 15!!!

      • Felipe

        Nossa não sabia que existiam videntes, só digo uma coisa espere e verá , não afirme coisas que o futuro mudará.

      • Felipe

        Nossa bom pra vc, também outra "carroça" pra vc carregar iria cansar suas costas

    • TONY_SHARKS

      Jajá eles vão querer ultrapassar até a marcopolo que tem a sétima geração do paradiso. (carroceria de onibus rodoviario).
      Já sei! o gol g7 sai no segundo semestre e o g8 vai sair no ano da copa. PRONTO! É so botar brasil 2014 e o adesivo copa e cobrar mais 5 mil reais e tá feito o jogo.
      Vai ter fila de espera em dezembro e eu vou presentear minha sogra com essa nova versão

  • RODRIGO

    kkk! depois dizem que o golf está caro. quem ja teve sabe pra min o golf pode estar prestorico mas quem teve um sabe que ele esta barato pelo conjunto custo beneficio.

    • Mr. Potato

      Defendendo a compra do velho Golf, sério?

      • dougkmt

        Mas o incrível é que vende bastante. Até mais que o Bravo!!

        Eu gostaria de saber o valor de nota fiscal de cada unidade vendida, pra analisar se tem muitas vendas com aquele desconto pra funcionários, que já vi relatos que "um amigo funcionário da VW comprou pra mim com desconto", ou se os desccontos são muito grandes em relação ao preço do site.

  • adriel7441

    Só vende pq realmente ja é conhecido ha anos e tem o nome Gol . Se continuar desse jeito vai ser jogado para escanteio

    • Ubaldir

      Todo mundo ouve essa conversa a 26 anos… ou a concorrência se mexe e faz algo significante em termos de oferecer produtos realmente melhores que o VW, ou o tédio de ver sempre o Gol como o mais vendido longe dos demais concorrentes vai se perpetuar. A culpa não é da VW. A culpa é das outras que se acanham em lançar algo realmente mais interessante. Enquanto isso, tome Gol nas ruas.

      • Edson Roberto

        Eu concordo Ubaldir. A VW tem referencia nos modelos a partir do Jetta TSI. Isso confere um ar de tecnologico por parte da empresa.

        Voltando ao Gol, todos os produtos até o Golf tem um ponto que continua similar ao concorrente. Vou citar alguns detalhes: O motor, esse apesar de citarem como "antigo" tem desempenho mediano e frente aos concorrentes, supera alguns e outros o superam. O cambio: O melhor da categoria. (eu prefiro os da Ford, mas é uma questão de gosto).

        Se o interior é simples, algo que podemos destacar no Gol sem duvida: Sua ergonomia. Ainda que a posição de se sentar seja mais baixa, nenhum comando fica longe das mãos.

        Veja, não estou dizendo que ele é o melhor, mas digo itens que muitos carros "novos" apanham muito para ter. E é isso que faz do Gol também ser o escolhido. Muita gente critica o Gol, mas a negociação da VW é bem agressiva para o produto que geralmente faz dele o motivo de escolha na hora da compra.

    • Oba_

      Não sei como é na sua cidade mas somente ontem andando 20 minutos nas ruas da cidade que resido vi uns 2 ou 3 Gol Power, é impressionante a que ponto chega a falta de noção das pessoas, isto porque alguns tinham roda de liga, somente com kit acesso completo que todo Power tem logicamente porque sem este o carro não tem ar custa a bagatela de 43350 e adicionando roda de liga 15 sobe para 44114, isto sem pintura metálica.
      Quando troquei de carro ano passado exatamente na semana que o HB20 foi lançado era impossível conseguir 1 centavo sequer de desconto mesmo no PJ, a não ser que estejam oferecendo generoso desconto atualmente tento entender o que se passa na cabeça da pessoa que se sujeita a pagar mais de 43mil num Gol que só tem a mais que o normal vidro traseiro e retrovisor elétrico.
      Não existe carro com pior custo beneficio neste pais que o Gol Power, isto no preço de tabela.

      • EduardoHaddad

        realmente o gol power zero completo eh um pessimo negocio..
        mas vou t falar q um semi novo, completinho, pagando tabela, fica interessante!
        meus pais compraram um power completinho, baixa km, por 30 mil.. como moro no interior e só tem css das 4 grandes,
        por esse preço é dificil pegar um concorrente melhor.

        • Oba_

          Fiz a mesma coisa comprei um que tinha pouco mais de 1 ano de uso e 7500km, paguei 34000 isto porque tinha roda de liga e um ano depois vendi por 32200 achei que a desvalorização foi absurda em apenas um ano, para quem acredita em pesquisas que dizem que Gol inclusive Power esta entre os carros que menos desvalorizam fica a dica que o carro que comprei na tabela custava como é hoje em torno de 43 mil reais e usando pouco mais de um ano o proprietário vendeu pra mim por 34mil reais, basta qualquer um entrar na Webmotors para conferir com os próprios olhos como o carro este carro desvaloriza absurdamente, pior que tem muita gente que acredita na lenda que Gol Power é sinônimo de desvalorização baixa.

  • Eduvinhas

    40 mil e sem ar cond. rsss brincadeira hein , seria praticamente o preço do velhinho polo que e maior mais bem acabado e por uma diferenca nem tao grande assim, fora hb20, onix sem citar que chega a concorrer com punto, novo c3. a vw ta doida

    • rogeriulima

      O Crossfox custa bem mais e até hoje o arcondicionado é opcional, fazer o que se tem quem compre???

    • Ubaldir

      Duas coisas:
      – O Polo é extremamente melhor acabado e com construção mais refinada que o Gol. Mas o tamanho dos dois é quase o mesmo. O entre-eixos é idêntico. Só que o Polo vem com ar de série;
      – Um C3 completinho passa dos 60 mil. Colocou muito opcional em carro brasileiro, o preço fica insano, seja lá qual for o carro.

      • Edson Roberto

        Ah sim… só que comparando o C3 de "entrada" ele já é mais completo que o Gol Power topo da gama.

        Eu iria preferir um C3 Origine por exemplo.

        • Ubaldir

          Sim, sim. A comparação foi nesse sentido mesmo: não tem sentido você comprar um Gol top de linha, pois tem coisa muito melhor em sua faixa de preço. Assim como não tem sentido tu pegar um C3 top de linha. Pelo preço dele você leva Focus, I30 (modelo anterior), e mesmo alguns bons sedãs médios como o 408, Fluence, ou mesmo Jetta de entrada com câmbio manual.

      • alexhmoraes

        Sem contar que o Polo é um carro global

      • EduardoHaddad

        concordo com o q disse a respeito do polo, muito melhor acabado e mais gostoso de rodar.. digo isso pois dirijo os dois regularmente.
        a unica vantagem q vejo no gol, sendo os dois 1.6, que o gol é mais esperto para acelerar, sem falar q é mais econômico.

  • Rafael

    Tive um G5 Power com cambio I-Motion durante dois anos…Gol NUNCA mais pra mim. O carro já saiu da concessionaria com um barulho da porta que nunca foi solucionado (e em toda revisão eu comentava), depois começou um "tec tec" atras que também nunca foi solucionado…mas o desastre mesmo era o cambio I-Motion, que começou a dar problemas com 5 mil Kms. O pior foi que quando fui a concessionaria reclamar e fui orientado pelo mecanico que o ideal era não usar o Drive e trocar as marchas manualmente, pior de tudo, ele me orientou que caso eu insistisse em utilizar o D, deveria sempre colocar o carro em Neutro quando fosse parar em algum farol ou coisa do tipo. O seja, o conforto do carro "automatico" foi por água a baixo. Graças a Deus me livrei dessa tranqueira no ultimo mês de Janeiro. Me sinto até mal pelo próximo propreitario daquela carroça;

    • dougkmt

      É por essas e outras que o usado pode sair caro, rs.

      Mas falando sério agora, este comportamento do i-Motion é bem estranho hein. Se eu quero um carro automático (ou automatizado, que seja) o ideal seria sempre trabalhar em D, colocar no N somente se a espera for grande e P se eu for estacionar.

      Vc pode relatar os tipos de problemas com o câmbio?

      • Rafael

        Duas vezes os carro começou a apitar e foi pro Neutro sozinho, apareceu uma mensagem no computador de bordo falando "Contate a concessionaria, pane no sistema" ou algo do tipo. Por sorte eu não estava em rodovia (o que poderia causar um acidente grave). Fora isso, o cambio tinha problemas "rotineiros" com a troca de marchas completamente maluca (principalmente em subidas onde ele ficava totalmente indeciso indeciso). Enfim, não vale o investimento mesmo.

        Ps: No I-Motion não existe o "P" que a maioria dos automaticos tem. O "N" faz essa função.

  • Geanmatheus

    Fiat Punto Essence 1.6 16V Dualogic
    Ano 2013 Valor R$ 44.140
    Sem mais.

    • Dr. Samuel Melo

      117 cv

    • Geanmatheus

      Se quiser pode ser o manual tambem…

    • Edson Roberto

      Eu já pegaria o Sporting 1.8 por R$47990 se é para pegar o Gol nesse valor.

      • O_Corsario

        Por esse valor eu ia de Polo. Aliás, foi por isso que entre o gol, fox, palio ou punto acabei comprando o dito cujo.

        • hal_cwb

          Também pensei no Polo, mas dizem que vai sair de linha esse ano ainda. Se não saísse ele merecia uma atualização.

          • O_Corsario

            ELe já recebeu a "atualização" que a VWB acha que ele merece um ano atrás: um parachoque quadrado e uma máscara negra na lanterna de trás…
            Uma pena!

      • Geanmatheus

        Gol – Preço: R$ 39.150. – Preço completo: R$ 47.888.
        Se for o completo tudo bem, mas se for a versão normal, uma diferença de mais de 7 mil reais é muito.

        • Edson Roberto

          Sem duvida… Nesse caso eu prefiro um C3 Origine a um Gol Power nesse valor.

          Isso citando claro, apenas um dos que eu escolheria no lugar.

          • Mr. Potato

            Mas o sonho de muita gente é o Golzinho. Chega num ponto em que você pode colocar um novo Fiesta completo pelo mesmo preço e o cara vai torcer o nariz, dizendo que o Gol é mais negócio. É a mentalidade do brasileiro, infelizmente.

            • EduardoHaddad

              essa coisa ta na mentalidade do povo… eu conversando com meu pai falando que estou pensando em um new fiesta, e toda hora ele fala: pq vc nao compra um gol? kkkkk

              • Fake_of_Silva

                Porque o povo até hoje acha que carro é investimento e só pensa na hora de vender…

      • hal_cwb

        Tô procurando o 1.8 Sporting, mas ninguém tem. Só fazendo o pedido pra não sei quando (3 meses).

        • Pedro_Rocha

          É porque é um carro muito exclusivo.

          IRONIC MODE ON

          • Fake_of_Silva

            Eu moro em uma cidade do interior de SP, aqui tem 4 Puntos T-Jet (o meu e mais 3) mas nenhum Sporting. Inclusive eu nunca vi um Sporting na frente…

      • alexhmoraes

        Eu já pegaria um Celta completo e viajaria com o troco.

        • Edson Roberto

          Olha… sinceramente… se for para pegar um Celta, prefiro então pegar um carro mais em conta mas superior ao Celta. E de troco mesmo? Se for eu posso considerar um Fiesta Rocam 1.6 por R$34000 ou um Palio 1.4 por R$34590 e sim sobrar troco mas serem superiores ao Celta.

        • Geanmatheus

          O Celta é um carro de cat. inferior aos citados, não tendo os mesmos itens de série/opcionais.
          O Celta não entraria nesta briga nem de longe.

        • W_Costa

          Melhor ir de busão, além de ser muito mais confortável sobra ainda mais grana pra curtir na viagem, rsrsrsrs…..

        • Mr. Potato

          Não desejo o Celta nem pra um inimigo. Sério. Pior carro que já dirigi na vida.

  • MOTA

    Quando eu olho 0 valor desse carro -(GOL)- custando quase R$40 mil sem nem ao menos trazer ar condicionado de fábrica é que eu entendo porque ainda somos um país emergente (terceiro mundo) perante as grandes potências estrangeiras…somos enganados todos os dias pelas multinacionais com seus produtos DEFASADOS diante do que essas empresas tem já desenvolvido em suas Matrizes e aceitamos passivos sem qualquer reação…Eles criam uma estética externa bonitinha para os seus veículos com tecnologia de motor, caixa, e diferencial que nem de longe se compara com o que eles tem e usam em seu país de origem…POR CAUSA DE TUDO ISTO É QUE SOU FAVORÁVEL AOS VEÍCULOS CHINESES, QUE, SE NÃO OFERECEM TUDO QUE POSSUEM, PELO MENOS SE ESFORÇAM PARA FAZÊ-LO…E AINDA POR CIMA SÃO COMPLETOS DE VERDADE…NÃO CHAMAM NINGUÉM DE OTÁRIO POR TER QUE PAGAR CARO PELOS """FAMIGERADOS OPCIONAIS"""…ACORDA BRASIL!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! PAREM DE COMPRAR CARROS NACIONAIS NOVOS E COMECEM A ADQUIRIR OS SEMINOVOS E A EXIGIR MAIS POR SEGURANÇA, CONFORTO E TECNOLOGIA DE QUALQUER MONTADORA AQUI INSTALADA, QUE AÍ SIM, A COISA COMEÇA A MUDAR!

  • rattrap587

    Muito caro para aquilo que oferece. Deveria custar 40K com todos os opcionais possíveis e imagináveis e já estaria com muito lucro em cima. Acordem gente!!! Gol Power é top de linha? É. Mas é top de linha de um carro POPULAR. Nunca se esqueçam disso. Pagar mais de 40K nesse carro completo é algo sem noção!!! Coisa digna de pena!!!

  • CanalhaRS

    Um bom carro, mas o CxB…..

  • Filipe_GTS

    Popular topo de linha e/ou completo sempre foi péssimo negócio e sempre será… Acima dos R$ 40mil vale mais subir de segmento e pular para um dos afamados "compacto premium"

  • mauricar20

    Não achei esse motor do Gol 1.6 suave. As vezes utilizo um Voyage 1.6 e quando acelero um pouco mais forte, o bichinho faz bastante barulho. Acredito que pelo peso maior do Voyage, o desempenho é de médio para bom. O consumo, sim, é alto, igual do Gol, principalmente com álcool. Cambio impecável. Melhor que do meu Punto, com certeza. Como dono de um e-torq 1.6 16v, acho o motorzinho VW bem bacana em baixas, mas em altas fica devendo um pouco. Quando se exige (em uma ultrapassagem, por exemplo) tenho impressão que ele para de responder depois dos 4 mil giros. Eu tinha essa mesma sensação com o FIRE 1.4. Para andar na cidade, é ótimo… já na estrada nem tanto, mas não decepciona.
    Antes era acostumado com motores 8v e estranhei a falta de força em baixos giros quando comprei meu primeiro 16v. Agora que sou dono de um 16v, estranho a falta de força em giros mais altos quando preciso guiar o Voyage. Acredito que seja tudo uma questão de costume.
    Apesar de gostar do Gol, com uns 2 ou 3 mil a mais prefiro o Punto 1.6 16v…

    • Ubaldir

      Os carros brasileiros, a medida que vai se inserindo opcionais, se tornam uma aberração em preço. Isso não é exclusividade do Gol. E nem do segmento de compactos. Ou um C3 de mais de 60 mil faz algum sentido? Pois é o preço de um completo…

      • mauricar20

        Concordo.

    • W_Costa

      A Fiat tem a ferramenta para eliminar esse gargalo, mais não usa por aqui na linha nacional (apenas no 500). São os motores Mutiair, como é muita coisa pra descrever aí vai um link
      http://www.mecanicaonline.com.br/rodando/2011/09 setembro/02 fiat 500 miami/fiat 500.php

      que explica os detalhes muito bem, mas ainda acho que a Fiat poderia ter lançado uma versão especial do Punto e do Palio (tipo série Itália) com esse motor que teria desempenho semelhante ao Alfa Mito 1.4 Multiair
      https://www.noticiasautomotivas.com.br/alfa-romeo-

      e talvez venderia mais que o 500 que particularmente acho que tem um design de gosto duvidoso.

  • dudupruvinelli

    R$ 47.888 NUM GOL? Eu não li isso… <img src="https://si0.twimg.com/profile_images/1679689808/MickeyEyes.png"&gt;

    • hugogyn94

      Estragando a minha infancia

    • TONY_SHARKS

      chega de internet por hoje
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Matheusbio

    Perfeito pro Brasil! Caro, pelado e duradouro!

  • Nao aguentoo mais ver matéria de Gol aquiii ! Corram para as colinas !

    hahaha'

    • Geanmatheus

      Pois é, 2 matérias de Gol 1.6 em destaque na página inicial!

    • Pedro_Rocha

      Dá uma lida na do Etios para distrair. =D

      • Ja li cara hahaha'

      • Mr. Potato

        Só se for pra dar vontade de se matar :D

  • Hellvins

    Credo!!!

  • thorngeen

    De mansinho a VW está oferecendo o se Gol pelo preço de Golf europeu e o pior de tudo é que as pessoas acham de alguma maneira razoável, este carro com esta´configuração tem o valor real para venda de no máximo R$ 30.000 , a diferença fica pelo pensamento popular de que VW vale mais que os demais concorrentes importados.

  • Id_Moreira

    Bebe quase tanto quando meu Sentra 2.0…

    • Ubaldir

      Não sei quanto ao Gol, mas esse motor 1.6 no Polo tem um consumo muito, mas muito próximo mesmo ao do Jetta 2.0 aspirado. Se for com i-motion, bebe mais que o sedã médio.

      • Edson Roberto

        Nossa põe beberrão nisso!

        Olha, falam que o cambio automatizado seria a solução para evitar o consumo excessivo de combustivel, mas na pratica seja I-Motion, Dualogic ou Easytronic, todos possuem um consumo alto digno de qualquer carro automatico de 4 marchas (inclusive da PSA em que o motor 1.6 indica consumos por volta de 5,8km/l na cidade com alcool).

        Pelo menos um amigo de pos graduação tem um Fox I-Motion que marcam horriveis 5,5km/l.

        • Ubaldir

          Minha esposa tem um Polo Sedan com i-motion, sendo que ela tinha um Polo hatch a dois anos com o mesmo sistema. Impossível obter com ele as médias que consigo com o Jetta aspirado manual em trânsito urbano.
          Eu até acho interessante o funcionamento do automatizado da VW. Realmente não sou adepto de transmissão automática ou automatizada, preferindo mesmo a manual. Mas ao menos nas automatizadas não temos aquele efeito odioso semelhante a uma embreagem patinando que o conversor de torque proporciona. E as trocas manuais no volante são muito mais agradáveis/divertidas no automatizado que no automático, onde aquele "delay" no engate da marcha somado ao tal efeito do conversor tiram qualquer graça na utilização do paddle-shift. Os tranquinhos que se sente nos engates entre a primeira-segunda-terceira marchas realmente não me incomodam. Mas o consumo realmente fica bem prejudicado. O Polo fica na casa dos 7,5 a 8,0 km/l na cidade (gasolina) Na estrada até que se minimiza o efeito, pois a pouca troca de marchas torna o consumo semelhante do modelo equipado com câmbio manual.

        • Oba_

          Conheço muito bem o Power G5, modelo da Fiat Evo 1.4 Dualogic, conheço pessoa próxima que tem o Fiat manual e garanto que andando normalmente o consumo do Dualogic chega a ser melhor que o manual pelo menos nos 1.4 Dualogic porque a troca é feita na rotação correta, não esticando além do necessário e quando se tira o pé do acelerador o carro arrasta como se estivesse em ponto morto não segurando como num manual obrigando a continuar acelerando ou jogar em ponto morto.
          É mais econômico também que qualquer VW 1.6.

      • ocduarte

        Bebe mais que o Lula em dia de jogo do Corinthians. (2)

  • fuu390

    to vendendo o meu gol aki tambem, roda aro 22 esse aki, to pedindo 50 mil só, oportunidade unica,

    <img src=http://www.n1cavalos.com.br/~n1609507/sites/default/files/imagecache/product_full/carro%C3%A7a%20caf%C3%A9%2003.jpg>

    • Bettowen

      Aceita cartão?

    • MecanicoDigital

      kkkkkkkkkk
      Mas o seu é mais chique, pois o painel tem acabamento em madeira, kkkk

    • alexhmoraes

      Cara esse Gol é o Quadrado ou o Bolinha? nao to conseguindo identificar, parece aquele Gol Special 1999 ?

    • Pedro_Rocha

      Volk = povo.

      Wagen = CARROÇA.

      Fonte: http://michaelis.uol.com.br/escolar/alemao/index….

    • Danilo

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk rachei de rir !!!

      Mas falando sério agora.. se você pedisse 45k eu compraria.. 50k é muito – #ironic kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • TONY_SHARKS

      lindão esse seu gol ai. Quantos cavalos (poneis malditos e burros) tem essa caranga?
      FAZ $ 49999, 00 a vista?

    • arzanette

      Este ai ainda vem com teto alto , teto solar , e mais espaco com certeza

    • marcelo silva

      e pelo que vejo e muito economico…hehehe

    • thales_sr

      Opa, é conversível!! Curti!

    • rrodrigovc

      Uau!!! essa carroça é muito mais bem acabada que qualquer gol já feito !!! carroça de luxo mesmo !!!!

  • Vilanova

    Tem jeito não, brasileiro não aprende. Tanto meio de comunicação para o povo ter o conhecimento que necessita para não ser enganado… E falo conhecimento de tudo, não apenas de carro. Mas o que? Preferem BBB, novela a um jornal, um noticiário.

  • Louis

    Painel broxante, nível do Celta.

    • ismajunior

      Se mata.

  • Rods

    O carro está bem bonito. Mudei minha opinião sobre o carro. Esse branco com rodas 16" ficou com um projeto bem jovial.

    Mas completo por 48 mil?! Ainda perde em equipamentos para o Novo Palio, que com teto solar, 4 air bags e câmbio dualogic fica no mesmo preço….. Isso na versão Sporting, a qual possuo.

    Vejam que em nenhum momento falei mal do carro. Tanto Ele, quanto Palio, HB20 e ônix são, hoje, as melhores opções….

    Nem coloco o Etio na parada, porque na MINHA opinião, nada ali vale a pena. Nem me venha com "4 estrelas"…blá…blá…. blá….

    • thales_sr

      Rods, vai na concessionária e negocia esse gol, garanto que cai uns 4000 pelo menos. Preço de site da VW é pra afugentar comprador mesmo.

      • Oba_

        Eu tentei negociar na semana que o HB20 foi lançado e não deram nem 1 centavo de desconto, no PJ não passava de 2%. Você está dizendo porque foi neste ano na concessionária ou porque está se baseando em histórico passado? Até antes de lançarem o reestilizado o desconto tanto na PF como PJ chegava a 13% mas como disse até o lançamento do HB20 o panorama mudou completamente.

        • thales_sr

          Não entendi, o que ocorreu no seu caso?
          Enfim, a menos que tenha havido uma reviravolta na produção do HB20 de uns dias pra cá, ainda tem fila de espera, e o prazo não é dos mais animadores. E em questão de preços, você mesmo comprovou, a VW flexibiliza muito mais do que a Hyundai, que só vende pelo preço tabelado.

          • Oba_

            Como expliquei até antes de lançarem o reestilizado os descontos tanto no PJ como PF chegava a 13% sobre a tabela. No final de setembro quando o HB20 já tinha sido lançado não concederem nenhum centavo de desconto independente da versão, no PJ não passava de 2%.

    • Fake_of_Silva

      Eu achei o Novo Palio pequeno demais, tenho 1,87m, coloquei o banco do motorista afastado no máximo, meus joelhos ficaram a 1 dedo do volante… No banco de trás o espaço parecia ser decente, mas não tinha como dirigir um cubículo daquele…

      • Rods

        Eu meço 1.77m. Pra mim serviu. Sei que é difícil achar carro barato pra quem é alto. Talvez um Fox. Não sei mesmo.

  • Readgis

    O Gol é realmente um bom carro vendo pelo lado do motorista, mas péssimo pelo lado financeiro. Se mantém em primeiro ainda por conta do nome da Volkswagem no país e no mundo. A alemã, caso veja seu reinado ameaçado, ainda têm munição o suficiente guardada para manter o carrinho na liderança. Mas seria melhor que ela implantasse as melhorias mais por bom senso do que pela pressão do mercado.

    • Edson Roberto

      Outra diferença é o fato de ele ter otimos descontos na hora da compra. Seja ela a vista ou parcelada. é por isso que ele ainda vende bem também.

    • O_Corsario

      Hihii se o gol cair um pouquinho em vendas, as concessionárias anunciam que vão dar cafezinho grátis e pronto. É muito fácil vender carro no Brasil.

  • AndreFerrazBR

    Só uma pergunta, alguém sabe onde é esse lugar da abertura do post? Achei muito bonito.

    • Geanmatheus

      Realmente, as fotos estão muito bonitas.

    • Mr. Potato

      Bonito? Mas o lugar tá todo destruído. Se arrumassem sim ficaria sensacional. Pena ver estruturas históricas nesse estado!

  • O_Corsario

    Só vou falar do visual, e neste ponto o GOl e Voyage ficaram uma droga. Incrível como tão pouco conseguiu melar todo o desenho.
    A lanterna traseira do gol anterior reforçava o caráter horizontal, as novas forçaram para o vertical, o carro ficou parecendo mais alto… Já no voyage colocaram as cafonérrimas lanternas no porta-malas, meu deus… E na frente nem tem que dizer, acabaram com a personalidade forte e bonita da versão anterior que infelizemnte nunca teve uma versão duas portas – seria sem dúvida um dos gols mais bonitos de todos.

    • Rods

      Engraçado. A frente nova do Voyage me passa o contrário. Penso que ficou mais agressiva e com personalidade forte. rs…..

  • cavinha

    Todos aqui do NA já sabem que o gol é o pior CxB da categoria, principalmente na versão Power. NÃO vejo a lógica dessa matéria.

    • W_Costa

      Como dito na matéria, o Gol está tentando se posicionar frente as "novidades" do momento, HB20 e Onix, que completos são bem mais caros que isso, e o Gol não quer ficar $pra trás$…rsrsrs….

    • ismajunior

      "Todos"?

    • thales_sr

      Todos?

      Mas veja bem, uma coisa é preço de site, outra é preço de concessionária. Na hora da negociação, encontramos HB20 com ágio e espera de 60 dias, Palio pelo preço normal, mas também uma espera longa, e Gol com desconto (assim, se equiparando em preço com a concorrência) e entrega rápida. Adivinha quem leva?

      • cavinha

        Questão da entrega é fato, o gol leva. Mas um onix completo (por exemplo) 1.4 sai por 43 mil, e pelo menos pra mim vale a pena 60 dias de espera.

        • thales_sr

          É, falar isso sentado na cadeira do computador é mais fácil. Mas esperar dois meses pelo veículo é dose. Enquanto isso, como faz pra se locomover? Taxi? Onibus?

          • cavinha

            Esperar o carro ser faturado não é legal, mas são mais de 40 mil né. Acho que é uma compra que merce mais atenção. Já ouviu aquela história: Quem quer arruma um jeito, quem não quer arruma desculpa ?? Se você prefere levar um carro bem inferior, por um preço igual ou superior por conta da espera, boa sorte.

            • thales_sr

              Certo, são mais de 40 mil, como podiam ser 30, ou 60… Ficar 2 meses a pé exigem um contorcionismo muito grande, e se precisar usar taxi pra se locomover, deve adicionar isso ao custo do carro também.
              Agora, "bem inferior" o gol não é. Até porque o Onix não é nenhum supra-sumo.

    • Ubaldir

      O preço de tabela fica longe da realidade. Um Gol Power completo no dimdim sai fácil por 41 – 42 mil numa negociação. Pode assuntar em uma concessionária pra você ver. Não é barato, mas é mais em conta que a maioria dos concorrentes diretos.

  • roberto_araujo

    E o HB20 "Adventure", que beira os 50 mil reais? Isso ninguém comenta?

    Pros padrões brasileiros, o Gol tem um preço que pode ser considerado "normal", já que está exatamente na mesma faixa de preço dos demais "concorrentes".

    • Cezar

      1º Hb20 adventure não existe… o que tem é hb20x… e nesse caso esse carro é de outro segmento, não cabendo comparação com o Gol.
      Não amigo, existem acima , inúmeros depoimentos e comprovações de que p Gol é caro pelo o que oferece(opcionais) e com relação aos seu concorrentes ele esta caríssimo. existem carros da mesma categoria Hatch com mais opcionais e mais baratos, ou seja… O GOl é um péssimo custo benefício.
      Quer compara Hb20x: compare com Sandero stepway , Cross Fox que são do mesmo segmento. Abraços.
      Obs: mesmo para os padrões brasileiros o GOl ainda sim é caríssimo, pelo o que oferece. o que me espanta é vc achar normal, deve desconhecer seus concorrentes e seus preços, so pode ser isso, ate pq comparar GOl com Hb20X não faz nenhum sentido.

      • thales_sr

        Veja que ele colocou o "adventure" entre parênteses, da mesma forma como algumas pessoas chamam o Gol Rallye de "CrossGol", sem desperar rompantes de raiva.

        HB20x, Sandero Stepway, CrossFox, Gol Rallye, os mesmos carros da versão "civil", só mudando medida de pneus e curso de suspensão (e em alguns casos, pendurando estepe na mala e colando plásticos). Eu acho válida a comparação, mas se você não quiser comparar com o HB20x, use a versão Premium do HB20, que é tão cara quanto.

    • makrv

      olha,na boa,aí você está confundindo as coisas…..você prefere pagar 50 mil num hb20 top de linha AT(mesmo bem simples) ou prefere pagar 50 mil num gol 2 portas? que o motor 1.6 do gol é bom,eu sei,mas no geral,acabamento,e tudo mais,perde feio até mesmo pro onix,o acabamento do gol é uma bosta e todo mundo sabe.perto do gol o hb20 parece de categoria superior em acabamento.Acho que isso que falei não têm oque discutir né? então,pelomenos na minha opinião,se for pra gastar 50 mil,eu vou pegar o carro com melhor acabamento,já que em motor os dois se equivalem,sem falar da garantia,a da hyundai é melhor né…abraço.

      • thales_sr

        Se você conseguir comprar um Gol por 50 mil reais me conta.

    • Felipe

      Um Hatch compacto não deveria custar esse absurdo, nesse preço você leva um New Fiesta.

      • Rodolfo_PR

        … que é outro hatch compacto que custa um absurdo, porém bem melhorzinho

  • Marco_Aurelio

    Não é por nada não mas prefiro uma identidade ao estilo JETTA, lindona e bem acabada do que ao estilo TRATORÃO da GM, onde o que manda é a grade monstruosa e os farolzão de locomotiva. Mas como gosto é gosto, acho que toda a imprensa deve preferir as marmotas da GM. Gosto e cores não se discute. :x

    • Mr. Potato

      Fato. Confesso que acho a frente dos VW atuais muito monótona e repetitiva, mas ainda assim é um zilhão de vezes mais agradável que a frente grotesca dos GM. Melhor um "sem graça mas de bom gosto" do que uma monstruosidade que parece sacanagem do desenhista!

  • Zmilion

    Prefiro um New Fiesta por esse preço.

  • Gustavo Henrique

    Parafraseando nosso querido Chaves (sim, aquele mesmo que mora em um barril): Esse carro é CARISSÍSSÍSSÍSSÍSSÍSSÍSSÍMO!!!!

  • ocduarte

    Essa versão tem um excelente custo-malefício!

  • JoaoMonici123

    os pedais são muito deslocados pra direita, deve ser desconfortável.

    • ismajunior

      Pelo contrário, é uma das melhores posições de dirigir do segmento. Banco, pedais e volante alinhados.

    • thales_sr

      Não é. O Gol é "bom de volante", bem melhor que Uno e Palio. (Pra quem gosta dos termos, "Novo Uno" e "Novo Palio").

      • Oba_

        Bem melhor? No que é melhor? Deve ser porque a sua referencia para comparar é o N Uno sem regulagem de altura do banco e volante e nunca entrou em um N Palio com regulagem de altura do banco que é de série somente nos 1.6

        • Ubaldir

          Olha, esses dias eu dei uma encostada no para-choques traseiro do meu carro e deixei ele pra arrumar, pegando um carro reserva da seguradora. Quando fui na locadora, tinha Uno, Celta e Gol pra eu pegar. Como já tinha andado muito no Gol e no Celta (sempre que faço uma viagem para rodovias de chão a trabalho prefiro locar um), resolvi escolher o Uno pra experimentar. Peguei ele zerinho (tinha 4 km rodados). Olha, se arrependimento matasse… sou muito alto. Poucas vezes me senti tão desconfortável dentro de um carro. O interior tinha cheiro de garrafa pet, de tanto plástico simples. Você não tem aquele cheirinho peculiar de carro novo. O aperto é irracional. Minha mão direita simplesmente não passava entre minha perna e o volante nas manobras. Meus joelhos ficavam prensados no painel. Isso tudo com o banco na última regulagem pra trás. O carro até que tem comportamento dinâmico razoável (para um motor 1000), o que o modelo herdou do Mille, com você podendo andar com ele a mais que 120 sem se incomodar tanto com o giro do motor. O câmbio também é bom. Mas o acabamento… e olha que o carrinho era até bem completo: tinha som, ar, trio elétrico (vidros só na dianteira) e direção. A textura que cobre o painel é até engraçadinha, meio tech. Mas o plástico é bem chinfrin, melhorzinho pouca coisa que o do Celta, muito longe do que é usado no Gol. Muito parafuso aparecendo, pedaços da pintura da lata visíveis. Realmente não gostei. Tem que se um carro bem mais em conta que o Gol, mesmo. Está um degrau abaixo.
          Quanto ao Palio, não tive a oportunidade de andar em um da nova geração ainda. Eu achava o da geração anterior lerdão na versão 1000 em relação a alguns concorrentes. O acabamento eu achava honesto, apesar de não gostar muito do estilo interior que a Fiat adota, com muito parafuso a mostra e boas porções de lata a vista. Isso parece ser ainda mais forte nas versões adventure, onde o preço me parece destoar destes detalhes.

          • thales_sr

            O câmbio do uno é bom? Bom, se você comparar com o uno de 1993, realmente é uma maravilha. Mas comparar com a MQ200 do Gol, é covardia. A caixa da VW dá de 1000 a 0 na maioria dos câmbios do mercado.

            • Ubaldir

              Eu disse "bom", não "ótimo"… rs. A comparação realmente é com relação ao que já tinha me acostumado na Fiat. A do Gol é referência em termos de câmbio manual para o segmento.

        • thales_sr

          É difícil falar em termos objetivos, pois ficha técnica não diz tudo sobre o carro. Digo sobre posição de dirigir, peso e precisão dos comandos, "feeling" do carro ao dirigir, essas coisas só andando nele.
          Já andei no palio e no uno, odiei o uno, e achei o palio legal, mas o Gol ainda se sobressai.

  • anderson_sp

    Quase R$ 50 mil nesse carro e ainda tem gente que quer justificar o injustificável, se os outros não valem o que pedem, o Gol vale muito menos.

  • duduguazzi

    O Gol ainda vende pq dão descontos absurdos no carro se comparado ao preço do site. Dei uma pesquisada esses dias, por telefone mesmo, e nas duas VW que liguei aqui na regiao de Florianopolis me ofereciam Gol Power completo de 48mil por 41mil, isso com td que pode ter menos a pintura metalica.

  • TONY_SHARKS

    Nem a pau essa coisa me interessa. Tem tantos carros da mesma categoria melhores que isso com um preço mais em conta

  • TONY_SHARKS

    Quem acha que a vw explora o brasileiro da um join ae

    • Galt J.

      Ela aponta uma arma para a sua cabeça e ameaça atirar se voce não comprar? Então não tem exploração nenhuma.

  • subzero99

    Opinião de um ex infeliz dono de Gol: Esta porcaria não presta. Depois de 2 anos, o carro parece uma carroça. Cheio de grilos, trmeliques, portas batendo, problemas no ar condicionado, acionamento dos vidros elétricos, bancos com aspecto de desgastado. E isso com 20 mil KM rodados.

    • ismajunior

      O meu tem 50 mil km e está perfeito ainda. Como pode? Acho que é a pecinha que segura ao volante…

  • fabio_augusto

    Ultimamente ando vendo muitos testes com o Gol…
    Será que é o desespero VW?
    Se preocupasse com a atualização constante da linha (motores, design e plataforma) não precisaria gastar rios de dinheiro com marketing pra chamar a atenção
    Só uma dúvida no texto: se a plataforma é a mesma do Polo, então a plataforma não seria do ano de 2002 (e não 2008 como no texto)?

    • thales_sr

      Esse é um ponto polêmico, a plataforma não é exatamente a mesma do polo… Na verdade, o Gol usa uma mistura de PQ24 (Polo 9N-9N3) e PQ25 (Polo 6R).

  • leandro_sylvio

    Que saudade do Power G3, bom acabamento e espaço, esse G5 que me desculpe os compradores é uma bosta.Apertado barulhento e com acabamento ridículo.A Volks diz que evolui a cada geração, pra mim ela piora o gol a cada geração.

  • Tiago

    Tenho um desse G5 carro muito bom porem duro igual a um pau, motor muito bom, acabamento pobre e o seguro mais caro de todos da categoria esse meu g5 sera meu ultimo gol, valeu vw…

  • BrunoMulsane

    Aqui em minas um peugeot 308 esta saindo por R$45.000! Sem lÃ&sup3;gica pagar isso em um carro do povão.

  • thales_sr

    "No banco de trás, 3 adultos vão apertados" oh céus… Tem quem pensa que hatch compacto é van… rs

  • Pedro

    Carro "tranqueira" esse viu! já tive um… DEUS ME LIVRE!

  • zeuslinux

    Já tive 2 gols: um dos "quadrados" e um "bolinha" G3 se não me engano. O quadrado era bem pelado mas pelo menos era gostoso de dirigir e resistente. Era um tanque e anfíbio ainda por cima, pois passou ileso por várias enchentes.

    O segundo, comprado pelas boas lembranças do primeiro, foi bem diferentes. O motor era forte (mas era um 1.8 também…) mas o carro já não era tão resistente, era duro para caramba e muito instável nas curvas. Cantava pneu fácil fazendo curvas.

    Dei graças a Deus quando troquei esse segundo Gol por um Kadett 1.8, MUITO mais confortável, mais estável e melhor em tudo. Nunca mais voltei para esse segmento de hatches pequenos, que só tem carro porcaria. TODOS são ruins e aposto que não gostaria nem dos novos queridinhos desta categoria, HB20 e Onix. Carro médio é OUTRA coisa. F*da-se o consumo maior de gasolina !

  • yago_natan

    Depois do Onix, eu ainda prefiro esse Gol aí, no design acho ele mais bonito que o HB20… ele peca na suspensão que é muito dura, nem queira andar em calçamento, e no acabamento que é até bonitinho, mas é pobre.

  • RRodrigovc

    A fiat Devia usar os motores VHT da VW, o conjunto mecânico do Gol, na minha opinião, é excelente! Eu tinha um gol G5 que aqui em Brasília (terra plana!) batia facilmente 15km/l, dois anos com o carro praticamente sem manutenção, mas essa porcaria não vale mais que 25000! se o preço fosse justo!!!! Essa porcaria ai mesmo que estão oferecendo a 47k!!! Assistam o canal do Otário!!!! Ele esclarece bem melhor que eu esta situação. http://www.canaldootario.com.br/?videos=canal-do-

  • nightsky14

    É bonito por fora, mas sentar no banco é o mesmo de estar em um Gol G5, G4 e G3, tudo a mesma bosta. A vantagem é que pode rodar a vontade sem gastar com manutenção, depois vende pra um bocó comprar que vai rodar sem manutenção e o terceiro bocó vai comprar e gastar alguns centavos com peças paralelas..

  • Sam

    Falam mal do Gol, mas alguns carros parecem ter sido desenvolvidos tendo o Gol como referência. É possível que haja muito Gol desmontado nos pátios das concorrentes por aí. É que nem time de futebol líder do campeonato: a maioria torce contra, mesmo sem argumentos convincentes. É um carro honesto, rústico, que deve rodar em qualquer lugar do mundo por muitos anos sem maiores problemas. E há ainda as pessoas que confundem acabamento com luxo. São coisas diferentes.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend