Elétricos Hatches México Mercado Montadoras/Fábricas Nissan

Nissan teria desistido de produzir o Leaf no México

nissan-leaf-inspeção Nissan teria desistido de produzir o Leaf no México

A Nissan teria desistido de produzir o elétrico Leaf no México, segundo o site local Al Volante. O hatchback movido por energia chegou a ser cogitado para a fabricação no chamado complexo COMPAS, criado em Aguascalientes, entre Daimler e Renault-Nissan. A ideia original era produzir o modelo no México e usar o país como plataforma de exportação mais barata que o Japão ou Smyrna, no Tennessee.



Entretanto, a Nissan teria tentado convencer as autoridades mexicanas a criar incentivos fiscais para a produção de carros elétricos no país, mas não apenas para facilitar a produção visando a exportação. A montadora japonesa queria de fato introduzir o Leaf no cenário mexicano, onde as principais cidades do país enfrentam densas nuvens de poluição, especialmente a cidade do México. A marca implantou redes de recarga e lançou a geração anterior no mercado local, mas nunca o fabricou por lá.

nissan-leaf-inspeção Nissan teria desistido de produzir o Leaf no México

Com mais de 300 mil vendidos, o Nissan Leaf emplacou cerca de 150 unidades por ano no México, mas o problema é o preço, considerado alto demais para a realidade do país. O modelo da nova geração está sendo oferecido por 499.990 pesos novos ou cerca de R$ 86,5 mil. Aqui, esse preço formaria fila de espera. Outro ponto importante que remou contra o japonês foi a autonomia, considerada pouca. Ainda na atual geração, o modelo não atrai por conta disso.

Mas, esse alcance em torno de 200 km na vida real não desestimula exatamente os motoristas comuns, mas os taxistas, alvos da Nissan com o Leaf. Por aqui, o elétrico já roda há algum tempo nesse tipo de transporte. Em Aguascalientes, os profissionais do setor reclamaram também que não podiam trocar o pneu fora da assistência e nem mesmo utilizar demais o ar-condicionado sob o risco de ficarem pelo caminho.

nissan-leaf-inspeção Nissan teria desistido de produzir o Leaf no México

Diante disso, comenta-se que os híbridos – incluindo da Nissan – estão vendendo bem mais por conta do alcance maior. Além disso, custam menos que o Leaf e oferecem mais opções de categoria, incluindo aí o X-Trail Hybrid. Sem dúvida, a produção mexicana do Leaf com os benefícios pedidos seria interessante, pois ajudaria a derrubar o preço do modelo no mercado americano, onde a briga com Chevrolet Bolt e Tesla Model 3 é forte, além de possibilitar que o produto alcance 40 países associados com o México, incluindo o Brasil.

Já sabemos que a Nissan pretende trazer o Leaf ao Brasil e como foi falado anteriormente, a produção japonesa tem certa vantagem sobre a americana e a britânica, lembrando que, além de Oppama, o elétrico é feito em Smyrna (EUA) e Sunderland (Reino Unido). Também é vendido como Venucia e30 e fabricado assim exclusivamente na China.

Nissan Leaf 2018 – Galeria de fotos

[Fonte: Al Volante]

COMPARTILHAR:
  • ObservadorCWB

    No país do congestionamento…..elétrico puro só com grande autonomia. MAs que josta de país que o México está se tornando, parece até a Banânia.

    • Louis

      Lembrando que, proporcionalmente, um elétrico no congestionamento não consome tanto como um a combustão. Quando o carro para, não consome, ao contrário dos a combustão sem start-stop.

      • ObservadorCWB

        Você leu a matéria ? O pessoal reclama justamente porque com a pouca capacidade das baterias NÃO funcionam outros sistemas, como ar condicionado por exemplo. Então os híbridos parecem ser mais práticos. Até porque há mais postos, e o tempo de enchimento de um tanque é menor que uma recara.

        • João Holmes

          Eu que pergunto, você leu? Quem reclamou da autonomia no México foram os taxistas, porque de fato para eles 200 km é pouco já que eles rodam mais que isso num dia e não dá para ficar abusando da recarga rápida. Agora para o usuário normal ficar parado no congestionamento só gasta bateria com ar condicionado, enquanto motor à combustão fica liga em marcha lenta o tempo todo.

          • ObservadorCWB

            Agora os dois “miguinhos” leram. Que bom. Leitura é cultura.

  • Basil Sandhurst

    Impressionante a Nissan, os carros de luxo dela têm um interior bem feito, exterior com design muito legal. Mas do “pelotão do meio” para baixo é de doer os olhos…
    Abs

  • Ubiratã Muniz Silva

    Essa nova versão do Leaf ficou com um visual bem interessante, mais de carro “normal”.

    Mas 200km de autonomia, considerando o que outros fabricantes já conseguem atualmente, é pouco.

  • Rodrigo

    Estranhamente todos os Leaf táxi que rotineiramente eu via por São Paulo sumiram. Não tenho visto mais nenhum ultimamente. Será que voltaram para a nave-mãe?

  • João Holmes

    Sou um potencial comprador. Tenho geração solar em casa que me gera excedente todo mês. Esse excedente vira créditos que usarei quando comprar um veículo elétrico. Ou seja, vou rodar à vontade sem gastar NADA com combustível.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email