EUA Ford Híbridos Pickups

Nova Ford Ranger terá versão híbrida com 366 cavalos

Nova Ford Ranger terá versão híbrida com 366 cavalos

A nova geração da Ford Ranger, programada já para o próximo ano, chegará com uma gama bem variada de motores no mercado internacional.


Diferente de rivais como Chevrolet Colorado, GMC Canyon, Toyota Tacoma e Nissan Frontier, a versão americana deve ser igual à internacional, como a atual.

Isso também reforça a imagem do produto como um modelo único de alcance global, evitando assim investimento duplo para criar duas picapes que virtualmente estão no mesmo segmento.

Segundo o site australiano Car Expert, a nova Ford Ranger terá uma gama variada de motores, incluindo um híbrido plug-in com emissão zero em 2024. Isso, evidentemente, será obtido no modo elétrico dessa versão.

O motor em uso será o 2.3 EcoBoost em conjunto com um elétrico, permitindo ao modelo alcançar 366 cavalos e 69 kgfm. Acredita-se que o consumo chegue a 33 km/l de gasolina.

O conjunto aplicado será semelhante ao já usado na Ford F-150 e no Explorer, embora ambos usem um V6 3.0 EcoBoost. Abaixo dela, apenas o Escape PHEV tem motor 2.5 aspirado para a mesma função.

Nova Ford Ranger terá versão híbrida com 366 cavalos

Além do híbrido plug-in, a Nova Ranger terá ainda o V6 2.7 EcoBoost na versão Raptor, já usado no Bronco. A potência será de 313 cavalos e o torque ficará em 54,8 kgfm. O câmbio de 10 marchas virá com a tração 4×4.

Mas, o que interessa (ainda) para o Mercosul é que a versão localizada em General Pacheco passará longe dessas opções, exceto talvez por uma híbrida flex sem recarga externa. Fora isso, o motor EcoBlue 2.0 parece a única solução em vista.

O propulsor será o mesmo usado pela Transit uruguaia, mas em potência maior. Hoje, a Ranger internacional o emprega com 213 cavalos na atual Raptor, que aqui simplesmente seria a mais potente da categoria com 4 cilindros.

Isso a faria roubar o lugar da Hilux 2021 e, com 10 marchas, ser a mais completa do segmento no aspecto técnico. A Amarok V6, contudo, continuaria a ser a mais potente até o uso do V6 3.0 Power Stroke da Ford com cavalaria acima disso. Deve-se lembrar que esse motor de origem PSA foi usado com até 306 cavalos na Land Rover.

[Fonte: Car Expert]

 

Avatar

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

    Quem somos

    O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

    Notícias por email