Chery China Segredos-Flagras SUVs

Nova geração do Chery Tiggo 7 aparece na China

Nova geração do Chery Tiggo 7 aparece na China

O Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China lembra muito um certo ministério espanhol. Sim, aquele do seriado de TV. Parece que, a cada abertura de porta, surgem surpresas muito interessantes.


Nesse novo lote de “furos” que nenhum site ou revista consegue bater, o órgão do governo de Pequim revelou o que parece ser a nova geração do Chery Tiggo 7. Mal chegou ao Brasil, o SUV de porte médio já tem outro na encomenda.

Com carroceria e estilo totalmente diferentes do modelo vendido aqui pela Caoa Chery, esse novo Tiggo 7 – a descrição na tampa do bagageiro é indiscutível nesse caso – surge com uma releitura visual que, em realidade, parece pouco ousada.

Nova geração do Chery Tiggo 7 aparece na China


Pelo que se pode ver, o Chery Tiggo 7 regrediu em estilo, adotando uma moda chinesa de vigias laterais na altura das colunas C, mais elevadas. Por lá, diversas marcas adotaram a mesma coisa, tirando muito da identidade do produto.

Isso sem contar a frente, que destoa muito do estilo atual da Chery. Os faróis full LED até que não são ruins visualmente, mas a grade e as molduras no para-choque, criando uma formato arrendondado em torno do logotipo da marca não caiu bem.

Na traseira, o conjunto ótico de LED é integrado por uma lente sobre a tampa do bagageiro, deixando enorme espaço vazio na parte inferior. O para-choque desse Chery Tiggo 2020 tem molduras que imitam escapes e refletores grandes. Como sempre, o interior não é revelado, exceto por um banco traseiro rebatido que “escapou”.

Nova geração do Chery Tiggo 7 aparece na China

As medidas, porém, são conhecidas e semelhantes ao do produto atual, tendo 4,500 m de comprimento, 1,842 m de largura, 1,746 m de altura e 2,670 m de entre eixos. As rodas podem ser aros 17, 18 ou 19 polegadas. Na mecânica, além do 1.5 Turbo de 156 cavalos, o novo Tiggo 7 ganha o 1.6 Turbo de 197 cavalos e 29,5 kgfm.

Como se sabe, os lançamentos revelados pelo ministério chinês demoram poucos meses para serem lançados, então podemos esperar ainda para este ano ou mais tardar começo de 2020. E aqui? Provavelmente chegará um dia, se a Caoa Chery não desenvolver algo local…

Chery Tiggo 7 2020 – Galeria de fotos

Nova geração do Chery Tiggo 7 aparece na China
Nota média 3 de 7 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Luconces

    Essa frente me veio um Jac na cabeça…

    Mais curioso para ver o interior desse carro na real.

    • Sino Weibo

      O interior deve ser bem próximo do Tiggo 8 e os Exceed, com uma tela gigante na horizontal que pega todo o painel inclusive mostradores em uma coisa só.

  • Adauto Vieira Dias Júnior

    Lembrou-me do Santa Fé 2012, essa frente.

    • Allifen Marques

      Com um toque do DS7 Crossback

  • Henrique Guedes da Silva

    Aff mais um clone

  • Charles Duarte

    A traseira corresponde a identidade atual, agora a frente, os faróis já era de se esperar essa linearidade (Tiggo 5 e 8 já são assim) só a grade bem genérica…

  • Diego Germán de Paco

    A logomarca já é parecida com os Infinitis, nessa grade então… Tenho que confessar que prefiro o atual que é vendido aqui

    • Sino Weibo

      A logomarca da Hyundai é bem parecida com a da Honda, isso é desemerecimento? Só se for chinês ne.

      • Diego Germán de Paco

        Não acho parecida como a da Chery / Infiniti…

    • Rubens

      Para conhecimento, logotipo.

      • Diego Germán de Paco

        Logomarca: “substantivo feminino
        1.
        conjunto formado pela representação gráfica do nome de determinada marca, em letras de traçado específico, fixo e característico (logotipo) e seu símbolo visual (figurativo ou emblemático).
        2.
        POR EXTENSÃO
        representação visual de qualquer marca.”

        Digamos que é comparar seis com meia dúzia hahaha. Semanticamente inclusive, logotipo faz alusão à tipologia (ou grafismo), mas entendo que usa-se com mesmo fim.

  • Regrediu no design. Perdeu o face family da Chery e virou um chinês genérico qualquer.

    • Sino Weibo

      Na verdade está adotando o estilo do Tiggo 8, e da nova marca Exceed.

      • Dê uma olhada na frente do Tiggo 8 e compare com a desse aqui. O 8 tem o estilo Chery, esse não.

  • Junoba

    De forma geral eu gostei, só a lanterna traseira de ponta a ponta que ficou estranho.

  • RicLuthor

    Grade com o efeito visual usado em alguns Mercedes-Benz, coluna C lembrando a SW4, um dos modelos de roda igual ao do Creta Sport,… Ainda não foi dessa vez para um chinês ser totalmente original.

    • Sino Weibo

      Pois é, e nunca vai ser, sabe pq? Pq todos os carros do mundo tem tudo isso que vc disse, todos tem algo em comum com outro inventado em alguma parte ou Era do planeta. E outra, os studios que desenham para os chineses estão em Milão, LA e Xangai e são os mesmos que desenham para várias outras empresas. Mas vem cá, isso ae que vc citou, é desmerecimento por acaso?

      • RicLuthor

        É verdade que algum detalhe de acabamento, algum detalhe estilístico faz escola. O problema é quando se usa um detalhe muito marcante de uma marca ou de determinado modelo, dificulta-se a criação de uma identidade própria da marca.

        Mas eu até entendo esse uso; quando se copia de algum produto de sucesso ou de algum produto desejado, visa-se atrair os olhares daqueles que desejam o tal produto de sucesso, mas que não podem pagar por ele e por sinal são muitas pessoas.

        • Sino Weibo

          Gente, estes carros custam em média $15 mil na China, sabe pq eles tem isso e nós aqui no mesmo valor temos Kwid, Ka, Joy, Sandero? Pq brasileiro só vê defeito no que é dos outros. Não tem como um modelo destes que os chineses fazem ser exclusivo e cheio de personalidade, eles fazem para as massas, eles fazem pra vender mesmo. As criticas que os brasileiros fazem são tão infundadas que da preguiça, e é sempre a mesma coisa quando se entra em matéria sobre carro chinês, só criticam o design, e ficam desmerecendo pq copiou isso ou aquilo, ou se inspirou. Os chineses tem trocentos joint-ventures, qualquer carro deles vai parecer com algum de outra marca, isso é natural, faz parte do mercado deles. Sabe onde eles ganham? Custo-benefício, agora vc ta vendo ae Hyundai por 300 mil, sabe quem vai preencher essa lacuna? Sim, os chineses são os novos coreanos, no custo-benefício.

          • RicLuthor

            Não precisa ficar nervoso nem generalizar, eu apenas expressei meu ponto de vista e o justifiquei educadamente. Se o design tivesse me agradado ou me impressionado eu certamente teria elogiado.

            O carro é feio? Não, está longe de ser. Mas é aquele negócio, cada um compra o que gosta e o que pode, do mesmo modo eu não deixaria de comprar um modelo do trio alemão ou um Volvo para pagar R$ 300 mil num Hyundai, mas certamente haverá quem compre.

            • Sino Weibo

              É engraçado que vc disse a frase “Ainda não foi dessa vez para um chinês ser totalmente original”, pra afirmar isso vc teria de conhecer todos os carros das mais de 200 marcas chinesas, por ex. conhece um NIO ES6 ou ES8? Ou um NIO EVE? Byton M-Byte? Zhidou D2? ORA Q1? Em que eles não são originais e quem eles tão copiando, e o que isso influencia na decisão, ou não, de quem compra?

              • RicLuthor

                Esse Jac provavelmente será vendido até aqui no Brasil, já os modelos citados por você devem ser restritos à China, sendo assim, me referi aos chineses que acabam sendo amplamente exportados.

                Existem os fãs de VW, de Fiat, etc, como você defende tanto os modelos chineses, deve ser fã deles, mas está no seu direito, então não se incomode com tanto a opinião alheia e permita aos outros o direito de discordar de você.

                • Sino Weibo

                  Qual JAC? Esse da matéria é Chery, aqui no Brasil é CAOA Chery. Os modelos que citei estão indo pra Europa e EUA. São modelos 100% elétricos, com os quais eles estão tentando entrar nos mercados mais desenvolvidos.

                  • RicLuthor

                    Pra você ver o que a falta de identidade não faz! É Chery, CAOA Chery, a linha Tiggo é Chery, mas mantenho o restante do comentário.

                    • Sino Weibo

                      Falta de identidade ou falta de conhecimento da tua parte, no caso, falta de interesse mesmo? kkk Os carros da Chery não tem NADA a ver com os da JAC. Sabe o que é nada, absolutamente nada a não ser ter rodas e motor. VCs são experts, parabens!

                    • RicLuthor

                      Para você não chorar, o Chevrolet Blazer XL da outra matéria é horrível (só se salva a traseira) e não é por ser chinês, visto que Onix (Onix Plus no Brasil) ficou muito bom, então alguns merecem criticas e outros merecem elogios.

                      Agora vá dormir, para papai e mamãe não reclamarem depois que você perdeu o horário do seu transporte escolar.

                    • IPZ.4

                      O China tá revoltado kkkkk

                • Sino Weibo

                  Dá pra perceber o tipo de “comentarista” brazuka, nem sabe do que ta falando, confunde a marca, critica só por criticar msm, só pq é chinês já entra com intenção, vou criticar, vou criticar, vou olhar o visual e falar que parece com mil marcas. Sim, tem teto, sim tem rodas, sim, tem motor.

                  • Ernesto

                    Ele elogiou o novo Onix que é de origem chinesa, então pare de ficar nervosinho com todo comentário, ou melhor, opinião que não seja a mesma que a sua sobre carros chineses.

  • CanalhaRS

    Ficou uma bostona, sem personalidade alguma
    E o povo ainda vem aqui nos comentários defender essas nabas chinesas.
    Dureza, kkkkkkkk…..e podem me xingar, tô nem aí….

    • Sino Weibo

      Uau, não sabia que carro pra ser bom tinha de ter personalidade. Então todo consumidor de SUV só compra por ser tão exclusivo quanto uma Ferrari? kkk Um carro deste custa $15 mil na China, vcs brasileiros merecem sim pagar isso num Kwid, pois reclamam demais.

      • EDU

        Quando vc prejorativamente diz voces brasileiros o que voce esta querendo insinuar com isso?
        Voces e plural .
        Se descordam de voce tu vem ofendendo a nacionalidade da pessoa por ela nao gostar do carro! Auto la amigo. Falar que carro A ou B e feio ou lindo Que a marca A ou B e ruim ok

        Mas nao acho de bom tom vc usar vcs brasileiros . Voce e de onde? Manter o nivel e bom . Sobre o carro e feio mesmo o Tiggo 7 atual e mais clean e ate mais bonito que o 5X na minha opniao.

        • Sino Weibo

          Os brasileiros tem um mercado ruim, pior até que os indianos kkk mas gostam de malhar os chineses, e o esforço da indústria chinesa de ter seus próprios modelos, criticam praticamente tudo sem avaliar o público de um carro destes, o porquê ele existe, o preço que é posicionado, os itens etc.. Ficar desmerecendo o carro só por parecer esse ou aquele é bem clichêzão, mas demonstra pq o mercado brazuka não evolui, pagam 3x mais que os chineses por modelos piorados.

    • Sino Weibo

      Bostona é esse seu comentário sem personalidade alguma. Só repete clichês igual papagaio. Vira o disco!

      • CanalhaRS

        Tá ofendido porque, fio? Já não comprou tua jóia chinesa da Jac ou Chery? Vai lá lamber ele e respeita a opinião dos outros.
        Xaropão baba ovo….

        • Sino Weibo

          Opinião? Sua opinião ta igual a de uma criança de 10 anos, usando palavras de baixo calão.

          • Vc está afim de ser banido do site? Não precisa partir para ofensa.

            • Sino Weibo

              Ahaha os kras xingam. O outro ali usou o termo Bostona, falam impropérios e absurdos, e eu que serei banido?

              • Assim como tbm são avisados. Alguns tem banimento sem aviso.

        • Responder a uma ofensa não isenta de punição no site. Peço que pare por aqui.

  • Natán Barreto

    Espero que seja uma versão alternativa que não chegue ao Brasil porque o atual é muito mais bonito

    • O atual seguira em linha por cinco ou seis anos no Brasil, ganhando o facelift “FLY” no final de 2021, como modelo 2022.

  • Esse novo Tiggo 7, apesar de ter perdido a ousadia do original, em especial do facelift FLY, que deve chegar por aqui em 2021, agrada em desenho e está em sintonia com o que o mercado tem buscado, que são SUV’s com design característico (mais retilíneo), e refinado. Para o Brasil, deve chegar já no seu primeiro facelift, em 2024, se for de fato o sucessor do Tiggo 7, ou chegará antes como Tiggo 7X, ou qualquer outro número.

    Agora, com os excessos de lançamentos de gerações para modelos recentes da Chery Internacional, se vê pq eles não estão no seu melhor momento financeiro. A exceção do Tiggo 7, que realmente já é um modelo que possui dois facelifts, o nosso e o Fly, e já estaria próximo de receber uma nova geração, vemos que eles lançaram há dois anos o Tiggo 8, fizeram facelift após um ano, e agora já está chegando nova geração, lançaram Tiggo 4/5X há dois anos e esse ano já recebeu facelift, e já viram unidades camufladas rodando de um novo modelo compacto rodando, família Arrizo então, nem se fala, entre o 5 e o 7, toda hora lançam uma versão diferenciada, seja RX/RXT, GX, iQ, iQX e etc… Estranhamente não vejo eles buscarem lançar um facelift ou nova geração do Tiggo 2/3X, este que já está ficando datado, demorando a lançar a do QQ, já visto camuflado (é bem semelhante ao eQ), assim como faz tempo que não atualizam Arrizo 3, 4 e o prometido 8 não veio. Vejo falta de estratégia e linearidade na Chery Internacional, o que afasta consumidores de mercados maduros. Aqui no Brasil, felizmente a CAOA sabe segurar as pontas e respeita ciclos mínimos de existência das versões, garantindo valorização do produto e estabilidade.

  • Murilo Soares de O. Filho

    Essas chinesas, mudam a geração de 3 em 3 anos…me parece um grande bagulho, se parece com tudo e ao mesmo tempo, com nada.

    • Dario Lemos

      Mas a culpa desta mudança de geração em períodos cada vez menores é culpa de quem : das montadoras ou do mercado consumidor? Eu vou até chutar : do consumidor. Essas novas gerações se cansam rapidamente das coisas e ficam ávidas por novos produtos (veja o segmento de smartphones), querem trocá-los cada vez mais rapidamente pois imaginam que, caso não façam isso, ficariam “desatualizados” (sem esquecer, é claro, do forte marketing dos fabricantes que incentivam tal prática para “manter a roda girando”). Voltando ao mercado automobilístico, os centros de design devem estar cada vez mais atarefados em criar novas linhas para cada modelo que, muitas vezes, acabam copiando de outras marcas só para lançar “algo novo” e aí, ficamos com carros cada vez mais “parecidos”.

      • Murilo Soares de O. Filho

        Os dois são culpados, montadora e consumidor. Para a montadora, significa vendas em alta, para o consumidor ávido por novidades, ao meu ver é jogar dinheiro fora.

  • João Silva

    “O Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China lembra muito um certo ministério espanhol. Sim, aquele do seriado de TV. Parece que, a cada abertura de porta, surgem surpresas muito interessantes.”
    Alguém além de mim vê “El Ministerio del Tiempo”, kkkkk. Pensei que era o único!! kkkk

  • Alvarenga

    Sera que lá ele tambem usa a finada Powershit automatizada da Ford ????

  • Piston head

    Se eu fosse a Chery, inventava outro nome pra esses SUVS em caráter de urgência. Os carros já são super genéricos, com nomes genéricos (Tiggo 1, 2, 3, 30, 40, 200 e infinito) fica difícil alguém saber de alguma coisa. Imagina pra comprar peça depois da garantia. Ain mas o seu Tiggo é o Tiggo 1, 2, 3, 30, 40, 200 ou infinito?

    • Eduardo 1981

      hahahahaha.

  • Cesar

    Chinês, sem uma marca de expressão e usando o problemachifre da ford? Passo.

  • Guilherme Martins

    Eu achei que a matéria meio que ajuda o “meh” do povo em relação a marca..
    Eu acho que estão tentando se achar… o que é bom!

  • Zé Mundico

    De um modo geral, a “escola” de design chinês prima pelo detalhismo dos excessos, ou seja, uma determinada característica é supervalorizada e super-exposta dentro do conjunto.
    Assim é com cromados, vincos e agora parece que com grades dianteiras. Tudo é amplificado em excesso para demonstrar “presença” e uma sofisticação exagerada. É como aquele cara dono de picape de presépio que prega um adesivo “4×4” para todo mundo ver que ele é valente e que tem uma máquina super-hiper-ultra-poderosa. Carro chinês acompanha essa linha de supervalorizar esses detalhes que indicam status ou “diferença”.
    O problema é que os chineses ainda não atentaram para o detalhe de que é impossível conseguir isso fabricando centenas de milhares de unidades, coitados. E vai demorar muito para eles aprenderem isso, espero.

  • TIGOS

    Aquele momento que vc olha pros carros chineses e percebe que nao tem diferenca alguma pras outras montadoras… E nao sei dizer se isso se deve a evolucao deles ou involucao das outras

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email