*Destaque *Featured Chevrolet Esportivos Lançamentos

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Esportivo de maior sucesso no mercado brasileiro (foram mais de 5 mil unidades emplacadas em cinco anos), o novo Chevrolet Camaro acaba de estrear sua nova geração no País. O novo muscle-car, que foi apresentado lá fora no ano passado, traz um visual mais moderno, interior com acabamento mais esmerado, novos recursos tecnológicos, arquitetura mais leve e compacta e novo motor V8, capaz de leva-lo de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos.


Chevrolet Camaro 2017 – visual e interior

Os mais desatentos poderão confundir a nova geração do Camaro com o modelo antigo nas ruas. No entanto, o visual do carro foi totalmente reformulado. A sexta geração do modelo traz um novo elemento retangular, que emoldura os faróis e a grade, remetendo à primeira geração, além de uma ampla tomada de ar e para-choque com formas musculosas, mesma característica presente no capô e nas laterais.

Os faróis do carro oferecem lâmpadas de xenônio e luzes diurnas de LED, que “à noite, quando acesos, criam uma assinatura luminosa peculiar da marca Chevrolet”. As entradas de ar no para-choque e no capô servem para refrigerar o motor de oito cilindros e os freios, além de auxiliar na função aerodinâmica.


Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

As laterais trazem linha de cintura elevada, com janelas estreias e formas angulares, além de baixa distância em relação ao solo, para-lamas salientes (com repetidores de seta) e rodas raiadas de 20 polegadas. Por fim, na traseira, há lanternas horizontais com iluminação em LED e aerofólio do tipo suspenso, sustentado por três pilares, o que garantiu um aumento de 50% no “downforce traseiro”. O para-choque também é novo, com novo formato e vincos nas extremidades, além de aplique escuro inferior que abriga a luz de ré e as duas saídas de escape.

O teto do novo Chevrolet Camaro traz mudanças conceituais. Seu processo de montagem, por exemplo, agora é feito por meio de solda a laser, eliminando a necessidade de canaletas e outras peças complementares. No caso do cupê, há teto solar elétrico de série, enquanto o conversível usa uma capota de tecido retrátil, que pode ser aberta ou fechada remotamente pela chave ou por um botão no console, em velocidades de até 50 km/h.

Já no interior, o painel foi totalmente renovado, com destaque para o painel de instrumentos, com conta-giros e velocímetro analógico, além de uma tela de alta definição de oito polegadas ao centro, configurável, que pode mostrar informações adicionais de performance, navegação, multimídia e do computador de bordo.

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Há ainda outra tela, posicionada no topo do console central, com display de oito polegadas sensível ao toque, dotada do sistema de entretenimento MyLink, com Android Auto, Apple CarPlay, comandos de voz e sistema de navegação com mapas em 3D. A parte central do painel abriga ainda comandos do sistema de ar-condicionado incorporados às molduras das saídas de ventilação e freio de estacionamento elétrico.

A cabine conta também com customização de iluminação em LED nos painéis de porta, porta-copos central e multimídia, com 24 opções de cores disponíveis. A cor ambiente também muda quando o motorista troca os modos de condução. Na posição “Passeio”, indicado para uma condução mais tranquila, a iluminação fica azul clara. No modo “Pista”, que deixa o comportamento do carro completamente arisco, a iluminação fica vermelha.

A respeito do acabamento, o Chevrolet Camaro 2017 traz superfícies soft touch e costuras pespontadas em cor de destaque nos apoios de braço, bancos, console central e inserto do painel, contrastando com o revestimento escuro do habitáculo. Há ainda materiais nobres em elementos decorativos, como aplique em alumínio na alavanca de câmbio.

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Chevrolet Camaro 2017 – equipamentos

Entre os itens de série, o Camaro 2017 na versão SS oferece ar-condicionado de duas zonas, sistema multimídia MyLink com Android Auto e Apple CarPlay, partida remota da ignição, bancos dianteiros com ajuste elétrico, ventilação e memória, carregador wireless para smartphone, head-up display, intensificador de som do motor para a cabine, sistema de som Bose, volante com aquecimento, painel de instrumentos customizável, faróis xênon, luzes diurnas de LED, teto solar elétrico, lanternas traseiras em LED, rodas de 20 polegadas, iluminação ambiente, destravamento das portas por aproximação (keyless) e partida remota pela chave ou por botão no painel.

Há ainda oito airbags, controles de estabilidade e tração, alerta de movimentação traseira, alerta de ponto cego com sensor de aproximação repentina, alerta de pressão e temperatura dos pneus, freios com assistência antiblocante (ABS), distribuição da força de frenagem (EBD) e frenagem de urgência (PBA), assistência de frenagem de urgência, alertas anti-distração, sistema de vetorização de torque, freios de alta performance Brembo, seletor de modos de condução (Drive Mode Selector), entre outros.

A tela configurável do painel de instrumentos do Camaro 2017 dispõe das seguintes funções: informações gerais do veículo (velocidade instantânea; hodômetro parcial; consumo médio; velocidade média para duas viagens; autonomia; consumo instantâneo; vida útil do óleo; monitoramento de pressão dos pneus; média e melhor consumo nos últimos 50, 100 e 650 km; cronômetro; horas do motor; horas marcha lenta do veículo), informações de performance (indicador de força-g; cronômetro de desempenho; cronômetro de volta; temperatura do óleo; pressão do óleo; temperatura do fluído de transmissão; indicador de temperatura dos pneus).

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Há ainda informações do áudio (navegação pelas músicas, entre estações favoritas e seleção da fonte de áudio), informações do telefone (realização de chamadas telefônicas; visualização dos contatos; indicador da bateria e sinal do celular pareado), informações de navegação (informações de rota ativa no navegador do Chevrolet MyLink) e opções (função de aviso de velocidade; seleção das telas a serem exibidas em Informações Gerais do Veículo e Informações de Performance, por exemplo).

Para marcar sua estreia no Brasil, o novo Chevrolet Camaro terá suas 100 primeiras unidades na série limitada Fifty, comemorativa aos 50 anos do carro. Entre os diferenciais, há carroceria pintada na cor Cinza Graphite, faixas decorativas no capô e na tampa traseira, grade exclusiva com detalhes cromados, defletor dianteiro na cor do carro, emblemas decorativos “Fifty” nas laterais do veículo, rodas de alumínio aro 20 com design especial e calota personalizada “50th” e pinças de freio na cor laranja.

No interior, há acabamento nas cores cinza escuro e preto, bancos e detalhes com costura laranja e emblema “Fifty”, painel dianteiro com acabamento customizado e soleiras iluminadas com emblema comemorativo “Fifty”. Os compradores receberão ainda uma identificação com a numeração de cada veículo.

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Chevrolet Camaro 2017 – mecânica

O motor que equipa o novo Chevrolet Camaro SS é um V8 de 6.2 litros, com injeção direta de gasolina, que consegue entregar 461 cavalos de potência, a 6.000 rpm, e 62,9 kgfm, a 4.400 rpm, associado a um câmbio automático de oito velocidades com sistema Active Select, que permite trocas automáticas ou manuais por meio de aletas atrás do volante, por exemplo, além de tração traseira. Em relação ao modelo antigo, o carro está 55 cv mais potente e tem 7 kgfm a mais.

Esse propulsor oferece novas tecnologias, como o sistema AFM (Active Fuel Management) de desligamento automático dos cilindros, injeção direta de combustível, comando de válvulas continuamente variável, entre outros. Cerca de 20% dos componentes do motor, no entanto, foram desenvolvidos para atender às especificações do Camaro, incluindo um sistema de escapamento tubular em forma de “Y”.

O conjunto inclui ainda um seletor com quatro modos de condução (passeio, esportivo, neve e pista), que configura diversos parâmetros do carro, como a sensibilidade do pedal do acelerador e do volante, mapeamento da transmissão e a cor ambiente do interior, além do sistema de vetorização do torque (Torque Vectoring), que usa recursos do controle eletrônico de estabilidade para a máxima performance do carro em curvas, possibilitando que as rodas recebam quantidade distinta de torque, na medida exata para a otimização da tração.

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Cerca de 70% dos componentes da arquitetura do novo Camaro foram projetados especificamente para o carro, sendo 28% mais rígida e 83 kg mais leve que a geração anterior. Já a distribuição de peso é praticamente idêntica entre os dois eixos. Isso foi possível devido ao uso de materiais nobres em diversos pontos, como aço de alta resistência e alumínio.

Como exemplo, há o sistema de suspensão, que ficou 12 kg mais leve. O conjunto dianteiro agora é multi-link McPherson com geometria específica, barra estabilizadora e pivô duplo, enquanto o traseiro é do tipo independente com cinco braços.

A versão SS usa freios de alta performance da marca Brembo, com discos ventilados de 345 mm na dianteira e 338 mm na traseira, os quatro com pinças de quatro pistões, assistência antiblocante (ABS), distribuição da força de frenagem (EBD) e frenagem de urgência (PBA). Os pneus são mais largos, do tipo run flat, com medidas 245/40 ZR20 na frente e 275/35 ZR20 atrás.

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000

Chevrolet Camaro 2017 – preços

Confira abaixo o preço sugerido do Chevrolet Camaro Fifty 2017:

Chevrolet Camaro Fifty 2017: R$ 297.000

O novo Camaro estará disponível nas cores Preto Ouro Negro, Branco Summit, Amarelo Lemon Peel, Vermelho Tinto e Azul Ocean. O modelo Fifty será entregue logo após o Salão do Automóvel de São Paulo, marcado para acontecer entre os dias 10 e 20 de novembro, enquanto as versões SS chegam às concessionárias no primeiro trimestre de 2017 (os preços serão divulgados em breve).

Galeria de fotos do Chevrolet Camaro 2017

Novo Chevrolet Camaro 2017 chega com série Fifty, preço de R$297.000
Nota média 5 de 1 votos

96 Comentários

Clique aqui para postar um comentário

        • Nem uma coisa, nem outra. O pessoal que não entende a formação de preços de um carro. sobretudo nesse segmento premium. Não necessariamente uma marca tem interesse em tornar seu carro de imagem em popular. Considerando a categoria do carro, o Camaro vendeu razoavelmente bem aqui no Brasil e cumpriu com seu papel de carro esporte americano: qualquer modelo europeu com mais de 400 cavalos de potência custaria quase o dobro de um modelo desses. Pra você ter uma ideia, a Ford ficou tão preocupada em ter a imagem do Mustang “vulgarizada” por algum hit sertanejo — tal como ocorreu com o “Camaro amarelo” –, que ela achou melhor nem importar o carro. Se fosse, cobraria um preço ainda mais proibitivo que o do Camaro pra não correr esse risco.

          • Tem certeza que a Ford nao importa o Mustang por isso? Então nos Eua os rappers das quebradas e os “adolescentes” que ganham o primeiro carro do papai pra ir a faculdade são proibidos de comprar ele?

            • Tenho. Estamos no Brasil, não nos EUA. Se a GM tenta empurrar Cruze como concorrente de Mercedes Classe C, imagina o Camaro. Nos EUA é carro de universitário. Uma coisa não exclui a outra, percebe?

              • Tive um Camaro, era uma bosta, mesma coisa que um Mustang que andei nos EUA. Não sei a nova geração do Mustang, mas a antiga era tão ruim quanto o Camaro. O camaro usava a mesma chave do cruze tive um 14/14. Andei poucas vezes, só fiz perder dinheiro com o carro. Se você quer chamar atenção, esse é o carro, todo mundo para pra tirar fotos, filmar etc. No começo é legal, mas depois você começa a se sentir constrangido, enfim eu vendi pouco tempo depois, fui um dos primeiros a ter a versão conversível no Brasil. ( Isso pode ser papo da vendedora, mas enfim na minha cidade o único que eu via conversível era o meu. ) Hoje em dia sou muito mais feliz com uma 320i, que em breve estarei trocando, sinceramente, seria legal ter um Camaro com 20 anos, mas com quase 30 anos passou aquela fase de quero aparecer, etc.

                • São escolas diferentes né. Em essência um pony car é um carro relativamente simples pra oferecer diversão a baixo custo. O Mustang até a penúltima geração usava eixo de torção na suspensão traseira, ridículo. Mas esportivo americano só serve pra andar forte em retas e fritar pneu em arrancadas mesmo. Quando se fala de estabilidade, curvas, circuitos etc aí é Europa. A grande vantagem é que são carros que têm mais de 400 cavalos pela metade do preço de um esportivo europeu de alta estirpe, tipo Porsche ou as BMW da divisão M. O equivalente europeu de carro esporte acessível de custo relativamente baixo são os hot hatch, como Golf GTi, Focus RS, essas coisas.

              • Onde tu viu isso? O Cruze nao tem versão nenhuma que chega no preço do Classe C. Camaro aqui no Brasil só é caro pq é um dos poucos no segmento, falta de concorrencia entende?

                • Cara, você não vê TV? O próprio comercial da GM coloca Cruze e o Classe C lado a lado. A Honda afirmou com todas as letras que o Civic X Turbo mira no Audi A3. Ou seja, tudo quanto é carro que nos EUA são normais aqui os caras tão promovendo como “premium”. Tem esse fator que você citou também, falta de concorrência. Não duvido nada que haja um acordo implícito entre a GM e a Ford, do tipo:”nos dominamos o segmento de grandes com o Fusion e vocês ficam de boa no de carros esporte americanos”. Mas se ela realmente quisesse popularizar o modelo no Brasil, ela poderia trazer a versão 4 cilindros que por ter dois litros só recolhe menos imposto, tem a V6 também. Mas escolheram justamente a top de linha, SS V8, para manter o status de exclusividade do carro. Posso passar o dia aqui te dando outros exemplos de como os carros no Brasil são posicionados acima do que são em outros mercados.

          • Não sei se uma marca se preocupe com quem compre o seu produto. No fundo elas querem vender e lucrar o máximo por unidade. Em tempo você acha que marcas de imagem como Ferrari, Rolls Royce, Lamborghini e Bentley se preocupam quando seu carros são vendidos para ditadores de algum país africano ou para algum traficante de pessoas ou drogas da Europa? Lógico, desde que essas pessoas paguem pelo automóvel. Ou será que a Lamborghini sentiu sua imagem arranhada quando um certo político brasileiro que já sofreu impeachment teve o carro apreendido pela polícia federal.

            • Na MINHA opinião, mesmo sendo certo o que você falou (Collor com Lamborghini, etc..), a imagem do Camaro está muito pior. Talvez porque a gente sabe que o dinheiro pra conseguir a Lambo foi de modo ilícito mas não houve notícias que falavam especificamente da Lambo dele, como alguma !@#$ que ele fez com o carro. No caso do Camaro não, primeiro ele foi associado à uma música de baixíssimo nível, o que fez as vendas aumentarem muito. Isso atraiu a classe média que nunca sonhou em ter um V8 0km até então. Resultado? Procure no google por “acidente camaro” e você vai ver! Acho que uma manchete escrito “acidente fatal envolvendo camaro” suja bem mais o nome do que “carros apreendidos na casa de senador”. Isso sem contar como agem os donos desse veículo, tentando ostentar o máximo possível, roncam o motor pra piriguete na rua, tiram racha em avenidas, som no máximo pro quarteirão ouvir etc… Na minha cidade teve um cara que comprou um e no primeiro dia passou de vidro aberto e braços pra fora por quase todos os bairros da cidade, até os mais pobres, pra mostrar a nova aquisição.

          • [Pra você ter uma ideia, a Ford ficou tão preocupada em ter a imagem do Mustang “vulgarizada” por algum hit sertanejo — tal como ocorreu com o “Camaro amarelo”]

            Essa relação não tem absolutamente nada a ver. O sertanejo universitário/humoristico/piadista estava e está na moda, o efeito foi exatamente o contrário. Colocou o nome do veiculo na boca do povo de graça em um hit.

            • Sem dúvida alguma a música deu visibilidade ao carro. É aquela tal coisa “falem bem, falem mal, falam de mim”. Mas não necessariamente a marca gostaria de ter a imagem de seu carro vinculada a esse estilo musical em si. A história do Mustang eu li em algum veículo de imprensa automotiva. Nunca temos como saber se é verdade. Mas a notícia era simplesmente essa: dar ao Mustang um ar de exclusividade RELATIVAMENTE ao Camaro.

            • E você é o maior ignorante que eu já vi em blogs automotivos… parabéns, champs. É só uma opinião, se discorda, exponha a sua. Ninguém aqui é dono da verdade. Mas apresente argumentos, não desqualifique os outros ofendendo-os

      • Até onde sei o Civic top custa R$125 mil e não R$ 150 mil. Quanto ao Camarões, seu aborrecimento com a crítica do colega é desnecessário e suas sugestões de preços, fora da realidade, já que o preço anterior era, se não me engano, de R$ 220 mil.

    • Nos EUA tá uns 40k, aqui no pior dos casos deveria custar uns 150k~160k. O problema é: quem quer e tem dinheiro vai acabar comprando de qualquer forma =/

      • Um pouco mais. Provavelmente, uns 200mil. A 320i custa na faixa de 35mil usd nos eua e aqui chega no valor de 150mil.

        E outra: certeza que 40mil usd é dessa versão e nao a v6 de entrada? Ja considerou o imposto cobrado sobre esses supostos 40mil pra fazernuma comparacao de preço final? Mt gente esquece isso qnd vai fazer comparação EUAxBR.

          • Um SS automático custa 44mil dólares sem impostos (e sem contar alguns itens q sao opcionais la e q devem vir de série no carro daqui). O pacote de aniversário de 50 anos custa mais 1800 dólares. Não é um carro barato. Uma mercedes E300 custa 52mil. Imagino q a E250 (lançada essas semana aqui p 300mil) deva custar entre 44 e 48mil. Ou seja, o Camaro ta na faixa de preço

    • 300 mil reais em dolares na cotação de hoje da 92 mil dolares. Da pra comprar inumeros esportivos top com essa grana por la, por ex. um Corvette Z06, Dodge Viper SRT10, Ford Shelby GT500, Alfa Romeo Spyder, Jaguar F-Type, Porsche 911 Carrera S.

    • O pior é que boa parte dos que compram esse camaro, o civic e outros carros com preços abusivos, sabem que os preços são abusivos e compram assim mesmo… merecem.

      • É o famoso “se colar colou”, e olha que geralmente cola.
        O Brasileiro é bem mais consumista que os americanos…
        Pois gasta mais dinheiro, mesmo recebendo menos, o que faz com que essa prática se sustente mesmo ao passar dos anos, resumindo:
        Gostamos de ser enganados e levar prejuízo.

      • Eu tive um Camaro 14/14, a questão não é o preço, é querer ter o carro e pronto. Você tem dinheiro pra comprar, vai lá e compra. Maioria das pessoas que criticam não tem condições de comprar um, então não entendem quem compram. Eu me arrependi comprando o meu, mas não porque achei o carro caro, coisa de outro mundo, mas oferecia muito pouco e chamava atenção demais. Nada contra opinião dos outros, mas quem compra um carro acima dos 150 mil, tem seus motivos, não importa se A, B ou C achem que não vale a pena, quem tem dinheiro compra, quem não tem critica. Essa é a verdade.

  • Eu quero um azul! O Camaro tem melhorado muito, antes parecia só uma copia brega do modelo antigo, mas as ultimas estilizações fizeram muito bem ao bicho. Ta muito bonito.

  • Valer não vale 300 conto né, mas vai fazer o que, é o único da sua espécie sendo vendido por aqui oficialmente, e se for importar os semelhantes não vai fugir muito disso também. O engraçado é a galera comparando o que daria pra comprar com esses 300 mil reais lá no eua, só que esquecem que o cara mora no Brasil, e tem que comprar o carro vendido pelo preço no Brasil.

  • Tem um Camaro 0km sendo vendido aqui em Belém por 165 mil. Parece até um valor razoável, ainda mais sabendo que com menos de 10 mil dá pra tirar facilmente mais de 500 cavalos do motor.

  • Gostei e consideraria muito um desses por menos de 300mil. Acho mais negócio q comprar um Audi TTS. A m235i pelo q me lembro, ta uns 20mil a mais q ele e o 718 cayman tb tem um degrau considerável de valor acima do Camaro.

    • Como te disse lá em cima, não sei esse novo, mas o antigo nem se comparava a um simples Elantra, com relação a tecnologia etc. Mas esse novo parece ser mais equipado. Por esse valor é mais negócio o TT ou um Cayman mesmo, principalmente agora que tem CSS em Recife.

  • Realmente ta lindo principalmente os preto e azul, é a primeira vez que os pony cars me interessam, tanto Camaro quanto.Mustang estão em sua melhor geração.

  • O carro tem xenon mas pelas fotos parece que não tem lavador dos faróis. Pode isso? Até onde me lembro, pra ter xenon o carro precisa ter lavador de faróis + sistema de ajuste automático do facho. Procede?

    De resto, espetacular a nova geração.

    PS.: vi anúncio da geração antiga à venda por “módicos” R$180 mil…

  • Não gosto do Camareco, mas confesso que melhorou essa nova geração. A geração passada convenhamos que era um legítimo carro popular com motor V8. Ainda sim sou mil vezes um roadster alemão com motor mais fraco e acabamento e tecnologia mil vezes melhor.

    Em relação ao preço, a Ford tinha falado um tempo atrás que cogitava trazer o Mustang na faixa de 300k também. Umas das manchetes era: Ford Mustang virá elitizado para não repetir “Camaro Amarelo”. Acho que a GM vai colocar esse preço justamente pra tentar “consertar” o erro cometido ao trazer um V8 por 200k: você atrai a classe média alta, que come ovo e arrota peru, que sente necessidade de se mostrar (ostentar) quando consegue aumentar o poder aquisitivo um pouco. O resultado todo mundo viu: ficou associado com música pobre e um milhão de acidentes pós-baladas cometidos por gente que definitivamente não tem condições de dirigir um carro um pouco mais “rápido”. Antes que me xinguem, há exceções, mas poucas.

  • Entre seguro, ipva,deve dar uns 320.000 reais .Entao vou fazer assim: Vou para os EUA,,,compro um camaro por 36 mil dolares, alugo um ape por 36 mil dolares por 2 anos = 72 mil dolares= 226 mil reais e sobra ainda 94 mil pra gastar em miami e ainda conhece um outro pais…Esse preço e muito bolhudo, pois ao sair da loja custara 210 mil no maximo.

  • Brazuka e uma maquina de perder dinheiro…kkkkk..acorda…querem ganhar de poucos….com 10 mil dolares vai pra miami,aluga um e mata a vontade…simples assim.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email