Hatches Recalls Sedãs Toyota

Novo Corolla 2019 tem recall para troca do câmbio CVT nos EUA

Novo Corolla 2019 tem recall para troca do câmbio CVT nos EUA

O novo Corolla 2019, modelo feito sobre a nova plataforma TNGA, tem um inédito câmbio CVT chamado pela marca de Direct Shift-CVT. Ele está sendo usado pela primeira vez no modelo que chegará ao Brasil no ano que vem.


Mas, nos EUA, o novo Corolla já está passando por um recall, e não se trata de um pequeno defeitinho: o câmbio CVT de 3.400 unidades do modelo serão trocados pelas concessionárias.

A informação dada pela Toyota a respeito do problema é de que “devido a um erro de fabricação, as lâminas da bomba do conversor de torque podem se soltar, causando danos ao conversor de torque e também perda de potência.”

Este novo câmbio CVT chamado de Direct Shift, também estará no novo Corolla sedã. Se trata de um câmbio inteiramente novo que está manchando a reputação de uma marca conhecida especialmente pela durabilidade de seus modelos.


Ele combina o sistema tradicional de engrenagens de marchas ao sistema CVT, com isso melhorando os tempos de resposta principalmente em altas velocidades. A imprensa tem dado bons relatos a respeito da inovação da Toyota.

A empresa não deu mais detalhes se já aconteceram acidentes relacionados a este problema.

A nova geração do Corolla já chegou aos EUA e também ao mercado chinês, neste último com motores 1.2 turbo de 116 cavalos, 1.8 Hybrid com 122 cavalos e 2.0 Hybrid com 180 cavalos.

O mercado brasileiro está aguardando a novidade, que segundo a Toyota, será vendido em até 150 países. 90 deles receberão a versão híbrida, o Brasil deve estar entre estes, com controle de cruzeiro adaptativo, frenagem automática de emergência com detector de pedestres e alerta de faixa, entre outros.

Aguardemos os preços, que deverão ser bem salgados.

Novo Corolla 2019 tem recall para troca do câmbio CVT nos EUA
Nota média 3.8 de 9 votos

  • bbmp_

    Powershift da Toyota

    • Gabriel

      eu ia comentar exatamente isso kkkkk

    • Louis

      Com uma diferença. O carro mal foi lançado e já estão trocando todos os problemáticos, enquanto a Ford nega o problema até hoje, chega até a trocar o nome do cambio para enganar os consumidores.

      • Good Doctor

        Tive um powerShift e rodei 120 mil km com ele em um NF. Melhor câmbio que já tive, nenhuma queixa

        • Abdallah

          Pois é. isso so prova que milagres realmente existem..kkkkkk

          • Good Doctor

            Você já teve um powerShift?

            • Abdallah

              Com o tanto de relatos, reclamações e ações no procon em cima da ford, e vizinhos arrancando os cabelos querendo se desfazer, nem é preciso ter para saber que é problematico, mas se com vc funcionou que ótimo!

              • Alaor

                Sempre tem um dono de Ford ofendido pra vir negar fatos concretos… incrível. Parece torcedor de futebol.

                • Janderson von Neumann

                  Não me sinto ofendido e não nego fatos, só falo como proprietário de dois carros com esse câmbio, e digo e repito, nada de problemas, não preciso defender marca, compro aquilo que gosto e que não me dá dor de cabeça, não compro carro para os outros ou vizinhos, não são eles que pagam minhas contas.

                  • Alaor

                    Tá, você não teve problemas, e daí? Significa que o câmbio é bom? Anula os defeitos nos carros alheios? Não to entendendo qual a lógica…

            • Ale Rossi

              Eu já tive. com 4000 km começou a trepidar em algumas saídas. Como ainda não era publico esse problema vendi o carro logo com facilidade.

        • Janderson von Neumann

          Dois Powershift em casa, um Focus e um Fiesta , ambos Titanium e ano 2015, zero problemas, melhor câmbio que já tive até hoje , não quero saber de outra caixa, e isso que já passei por várias.

        • Eduardo – KaS

          Rapaz, quais foram os outros cambios? rs

        • Assino embaixo.

        • Rbs

          Na mão do melhor médico do mundo jamais iria ter problemas!rsrsr

        • João Ricardo da Silva

          O meu Focus Fastback Titanium Plus está com 47.000 km rodados e o câmbio está perfeito. Um espetáculo de câmbio.

    • Robinho

      Powershift, DSG, Dualogic, GF6 e agora CVT, não se faz mais cambio como antigamente….kkkkkk

      • Ygor Soares

        Pooo, bom mesmo era o câmbio da Kombi kkkkkk

        • Robinho

          kkkkkk, verdade, não era vc quem definia a marcha, ela quem dizia qual deveria ser, quase um “semi-automatico”

      • Rbs

        O cvt é inocente nessa historia!

    • Nicolas

      Generalização. O problema é no conversor de torque e não no sistema CVT. O conversor de torque é tambem usado nos câmbios automáticos comuns. O defeito está restrito ao lote de fábricação e não no projeto. Poderia acontecer em qualquer câmbio.

  • CanalhaRS

    Já, Toyota?

  • octavio cesar godoy

    E vendo num site argentino, as fotos das Ford F150 chegando por lá nas cegonhas. Esse Brasil não tem moral, e perdendo para um país menor que o nosso, pior em economia. Não dá para acreditar

    • vicegag

      Aqui, vive mostrando em salões, sem disponibilizar para venda, para dar mais raiva, para o brasileiro ficar comendo com os olhos e lambendo com a testa.

      • octavio cesar godoy

        Um absurdo isso, deveriamos boicotar a compra da camionete deles, essa Ranger, falo como pecuarista que sou, um absurdo o preço dessas porcarias que fazem aqui

    • Dick Buck

      Vamos comparar o tamanho do Brasil com o da Argentina. Como lá é muito menor, pequenos lotes já suprirão a demanda. Agora imagine aqui, com a picape vindo diretamente dos EUA, pagando taxas de importação? Seria um carro de nicho que venderia bem pouco, por ser muito caro e por não compensar trazer grandes estoques para suprir a demanda num país tão grande como o nosso. Claro que pra nós entusiastas, seria uma maravilha, mas ela não é viável para a própria Ford, infelizmente. As opções seriam ou trazer poucas unidades e vender por preços estratosféricos para compensar as taxas e as pequenas quantidades, ou nem trazer. Como sabemos, a Ford optou pela segunda opção.

      • octavio cesar godoy

        Lá tbem se paga taxa de importação. Se fosse assim a Ram 2500 não viria. O problema é que aqui ninguem valoriza o dinheiro. Paga 200 mil numa ranger, paga 200 mil numa Amarok, paga 200 mil numa Frontier, o problema é que o brasileiro financia essas porcarias ai e fica satisfeito. Eu tenho um Subaru Forester , e não admito comprar essas porcarias que se fazem por aqui com esses preços absurdos.

        • Dick Buck

          Só vamos lembrar que a RAM é uma submarca de picapes e utilitários, se não a trazer vai vender o que aqui? E vendo que a Ford tem alternativas mais rentáveis pra ela (como o Mustang ou até mesmo a Edge ST) faz pouco sentido economicamente importá-la.

          • octavio cesar godoy

            O problema é que não querem queimar essa camionete que fazem aqui, essa tal de Ranger, projeto que deu problema, motores fundidos por aquecimento, e tem gente que compra ainda. 200 mil numa porcaria dessa jamais, e todas as outras um absurdo. Estou comprando uma toyota sw4 2016, com 30 mil kms, motor 6 cilindros gasolina por 160 mil, acho que está caro ainda, mas pagar 200 mil nessas camionetes que tem por ai, jamais

        • DTartari

          Eu também! Subaru Forester XT! Só botar gasolina e andar…

        • Matthew

          Nada a ver essas comparações com a Argentina. Lá os carros conseguem ser ainda mais caros do que aqui, não é uma questão de valorizar o dinheiro ou não. Nós somos pobres mesmo. O PIB brasileiro tá no nível de 2012, e obviamente a população cresceu desde então, portanto em termos de PIB per capita estamos ainda mais pobres. Embora eles tenham alguns modelos a mais do que nós, perdem em outras opções, de tal modo que na média é tão ruim quanto aqui. Por exemplo, lá Polo, Virtus e o futuro T-Cross só têm opção de motor aspirado, o MSI 1.6-16v, enquanto aqui nós já temos o TSI 1.0-12v e em breve o 1.4-16v.

      • Luis Burro

        Q desclpa,pelo preço q viria 30 por ano já seria suficiente,olhe qntas Ram vende!

        • Dick Buck

          Aí a questão, pra que ela vai perder tempo importando um veículo pra vender 30 por ano se ela tem opções mais viáveis? Cara, se ela não vem é por algum motivo, a conta não fechou, ou algo que tentei explicar. Se os profissionais da área contratados pela Ford não encontraram uma opção para a importação da série F para o Brasil, quem dirá comentaristas da internet, como nós, propor soluções mágicas pra isso.

          • Luis Burro

            Sim,mas só vai vender 30 pq a margem de lucro será horrenda extorsão,ué é só fazer algo justo q venderia mais!

          • octavio cesar godoy

            Sabe Dick, eu concordo com voce, mas nós brasileiros temos culpa tbem nisso, aceitando pagar muito caro . Aqui a gente reclama de impostos, mas o lucro dessas montadoras aqui é um absurdo. Enquanto lá nos EUA, o lucro gira em torno de 7 por cento , aqui gira em 15 por cento, o que representa no custo final um absurdo, vide os recursos que as montadoras aqui mandam para as matrizes la fora, socorrendo elas no país de origem

            • Luis Ribeiro

              É uma coisa que não entendo mesmo, la nos Estados Unidos 7 por cento de lucro e capricham no carro pra poder vender lá, aqui 15 e fazem de qualquer jeito, diminui a qualidade, os equipamentos, aí me vem duas questões? O dinheiro deles (mesmo que convertido 1 =4) vale mais que o nosso? E outra: porque fazem questão de vender lá com essa qualidade maior (custo maior ) mesmo com a margem de lucro menor, sendo que aqui eles ganham bem mais, e lógica seria melhorar o que tem aqui, já que da mais dinheiro. Alguém explica?

          • Não acho que venderia só 30 por ano. O Chile tem um mercado automotivo infinitamente menor, e tem várias F150 nas ruas.
            E msm que fosse, que se coloque o preço de forma a ganhar dinheiro. É a msm história com o Mustang. Ficaram anos sem trazer, o dólar a 1,50, e não traziam. Agora que o dólar tá a 4 reais, trazem. Não tem lógica alguma, é pura burrice da Ford.

      • leitor

        Se dá pra fazer na Argentina, pode fazer mais ainda no Brasil. Não precisa ser do Oiapoque ao Chuí, basta chegar em São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro. Quem for de onde não tem demanda, que busque. Outras marcas, outras indústrias, fazem isso. Começam pelos grandes centros. Ou acha que chegam em igualdade no país todo ou primeiro no Norte e Nordeste?

      • Luis Burro

        Engraçado q tem importadora q traz e por preço menor q o cobrado pela fábrica,vide um caso da Dodge q ofereceu um modelo 200 mil mais caro q uma independente!
        Kkk…estas montadoras ñ tem mais limites pra cara de pau e o pior é q tem uns q ainda acreditam😱😂…parabéns!👏👌😂😂😂😂

    • Edson Fernandes

      Eu vou responder no seu comentário, porque foi o primeiro a respeito. Mas o problema é além disso.

      O negócio é que sai caro para a fabricante vender por aqui. Ela tem que garantir um suporte ao produto e é nisso que deixa de vender aqui. A estrutura por detrás disso que é custoso e não vale a pena.

    • Oliveira

      cheguei a comentar os valores mais detalhados em algum outro post, mas assim: que brasileiro pagaria R$400 mil numa pick-up?? não tem porque trazer ela se não vai vender..

  • Gabriel

    Cade o tanque da Toyota?
    Os consumidores de Corolla amam tanto esse carro que um cambio bichado não vai tirar quase nada das vendas dele no Brasil.

    • Louis

      Continua sendo a marca mais confiável do mundo automotivo. Chora.

      • Maycon Farias

        E a mais valiosa ainda se não me engano.

      • Mambo Ted

        É a marca com automóveis mais robusto.
        Não existe marca confiável.

    • leitor

      Nem no Brasil nem no mundo, onde o carro nem é amado.

  • leitor

    Um carro de 2019 já vem com problema? Quem manda lançar antes do ano começar? O pessoal reclama de um presidente que nem assumiu ainda, imagina do carro que já chegou e o defeito apareceu!

    • Carlos AM

      Processos de testes e homologação são muito caros para as empresas e dessa forma hoje em dia eles realizam essas etapas de maneira macro e lançam no mercado.
      Os verdadeiros testadores serão os clientes.
      A medida que o tempo vai passando e as evidências coletadas eles vão realizando os ajustes e correções.

  • Luis Burro

    Esta a Toyota se superou hein,fez o lançamento do carro por Recall!😂

  • leitor

    Já achei o Corolla mais bonito. Parece que a moda é ter cara de “Angry Birds”. Outras marcas fizeram isso com carros que bateram recordes de venda, não curto.

  • Abdallah

    Que medo!

  • Luciano Pereira

    Parem de colocar o nome shift nos câmbios que os problemas acabam kkkkk

  • Ricardo

    Na boa! Esses CVTs são um lixo, desempenho ruim, beberrões e sem prazer em dirigir.

    • Cesar

      Acho que você nunca dirigiu um carro com CVT.

      • Ricardo

        Já fui de passageiro! É bizarro!

        • Dag Drollet

          O do Civic Touring faz maravilhas!

    • leomix leo

      Amigo, a exatos 3 meses eu vendi um (2015/16) de meu primo, o câmbio sempre prioriza o consumo, eu mesmo fiquei 2 meses com ele e lhe digo, se tiver o pé leve, ele faz milagres com etanol, nem rodei na gasolina. Mantém o giro sempre baixo e na hora que vc precisa tem resposta rápida, não é um DSG ou Powershift, mais o câmbio é bom. Uma coisa que discordo da galera é sobre o acabamento, muito fraco para o preço do carro, o do civic é mais sofrível ainda.

    • Kang Otro ✓

      Tenho um Nissan Versa CVT. Desempenho bom, super econômico e tenho prazer em dirigi-lo. Tem algo errado em sua análise.

      • Ricardo

        Talvez o do meu primo tenha defeito de fábrica então. Haha

  • globonaotemjapa

    ta ruim fazer login ,não tem Auris no BR

  • Cristiano

    Se foi um problema ocasional pode acontecer, agora se for problemático crônico como outro por aí, já era. Interessante que fizeram bastante divulgação desse novo sistema, e agora acontece uma dessa, sem bem que é no conversor de torque, não na caixa em si. Por outro lado a Nissan também desenvolveu um sistema para dar mais agilidade nas saídas do CVT usado nos Versa, Kicks e March (e também nos Duster), e pouco se fala sobre isso. Aliás, pelo que já tinha lido esse sistema foi desenvolvido para saídas em baixa velocidade, como o da Nissan, diferente do que consta no texto.

  • Edson Fernandes

    O curioso que o atual CVT tem também sistemas de engrenagens que atuam na primeira marcha. Não a toa ele se comparado a outros produtos tem uam saida mais agil mesmo.

    Mas o que seria o directshift? Creio que seja uma inovação técnica além da funcionalidade. Mas só andando em um para saber.

    Sobre o problema, se ao menos é logo no inicio, a Toyota conseguirá sanar numa boa e vender.

  • Cláudio Modesto

    Pra onde será que vão mandar os já fabricados com defeito?

    • Marcelo Alves

      Será que vão recondicionar e reaproveitar ou vender para alguém que queira repará-los ou dar fim neles (destruir e reciclar)?

      • Cláudio Modesto

        Eu acho que vão é mandar para o Brasil mesmo. Aqui pode, dá nada.

  • Razzo

    Ainda bem que desta vez as cobaias (do Direct Shift-CVT) são os americanos.

  • Cesar

    Nem chegou aqui e já?

  • Cesar

    É só a Toyota comprar um Nissan e desmontar o câmbio para ver como funciona. A Nissan e Renault já utilizam um CVT similar a este há mais de um ano e não se conhecem problemas.

  • Pedrov154

    Se trata de um câmbio inteiramente novo que está manchando a reputação de uma marca conhecida especialmente pela durabilidade de seus modelos.

    Achei a frase um tanto sensacionalista. Eu concordaria com o termo se o problema tivesse sido detectado tarde demais. Pelo menos foi detectado cedo, certamente a marca trabalhará para a correção desse problema.

  • Janderson von Neumann

    Meu comentário sobre o assunto se resume a apenas isso: kkkkkk….

  • Janderson von Neumann

    Incrível como o pessoal é fanático quando o assunto é Toyota, é tipo uma seita religiosa, tipo torcedor de futebol, apelam pra tudo, até mesmo mudar o foco do assunto e começar a falar de pick up da Ford, alias, parece esporte falar da Ford quando algo errado acontece com a marca adorada desse povo, aí volta a cena até a história do Powershift para desviar o foco do assunto, admitam, deu problema com o câmbio da Toyota, o imbatível Corolla conhecido como tanque de guerra está com problema no câmbio e ponto final, a Toyota também tem seus problemas, assim como a Ford, a BMW, a Volks, Fiat, etc…., simples assim.

    • Robinho

      exatamente….uma vez postaram sobre os problemas do Powershift, dai eu falei do DSG, os fanboys da VW quase me expulsaram do Blog, porque eu citei DSG em uma mateira da Ford, mas agora pode…ai ai, quanta ironia…

    • RodrigoABC

      Cara, fui jogar esse link no grupo do Etios e aconteceu justamente o que você falou. Dito e feito.

    • jandersonvonneumann but

    • Ernesto

      Acho que você tem algum problema, não é possível. Você é defensor confesso do powershift. Não podem escrever um A sobre esse câmbio e você vem com o papo de que para você é o melhor câmbio do Mundo (talvez do universo, né?).
      Então, por que a crítica a quem defende a Toyota? Não seria o mesmo que você faz? Com até uma grande diferença: o câmbio powershift possui inúmeras reclamações, inclusive o Procon no Brasil teve que intervir, enquanto a Toyota está fazendo o recall de imediato. Quanta diferença…rsrsrsrs

  • Nelson

    É pena que a toyota que sempre ofereceu produtos duraveis e confiaveis se preste a aventura de oferecer “novidades” ao consumidor, tenho 2 corollas mas vou pensar bem antes de comprar o próximo.

  • sigma7777777

    Será que vem mesmo esse novo pacote de segurança e autonomia nível 2 (TSS 2.0)? E o novo motor 2.0? Estou ansioso! Vem aí o novo Sentra e quem sabe o Civic com o mesmo pacote de segurança, chamado Honda Sensing. O final do ano 2019 promete boas novidades para quem curte sedan médios.

  • Speed Racer

    Porquê não aproveitam e já trocam os air bags, vai dar problema mesmo…

  • Airplane

    Ué, Toyota não é infalível e inquebrável ?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email