Eventos Gadgets Hatches Lançamentos Tecnologia Volkswagen

Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

novo-fox-2016-apresentação-NA-31-700x467 Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

O Novo Fox 2016 chega com poucas alterações, mas uma em especial é muito interessante, a nova multimídia com sistemas Mirror Link, Apple Car Play e Google Android Auto. Custando a partir de R$ 42.890, o hatch da Volkswagen continua sua escalada de preços e agora já ocupa a faixa dos compactos premium. A partir de amanhã, o modelo já pode ser configurado no site da VW.



Com quatro novas opções de cores, motor EA211 de três cilindros com até 82 cv na versão 1.0, direção elétrica, novo volante (o mesmo da versão Highline) em todas as versões e pacotes de opcionais reduzidos, o Novo Fox 2016 tem nos dispositivos Composition Media (R$ 2.150) e Discover Media (R$ 2.900) sua principal novidade. Ambos são opcionais (a partir da Comfortline) e possuem tela sensível ao toque de 6,33 polegadas, podendo ainda serem instalados no modelo 2015.

novo-fox-2016-apresentação-NA-32-700x466 Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

App Connect

Em lançamento mundial, os dois dispositivos de entretenimento da Volkswagen agora dispõem do App Connect, que é um sistema que congrega os três principais aplicativos de integração de smartphones existentes hoje no mundo, sendo eles o MirrorLink, o Google Android Auto e o Apple Car Play.

Dessa forma, o condutor ou passageiros podem conectar praticamente todos modelos de smartphone ou tablet existente no mercado, isso porque a Volkswagen ainda vai disponibilizar um modem 3G próprio (preço ainda não divulgado) para integração com a multimídia, permitindo assim a criação de uma rede de internet Wi-Fi a bordo do Novo Fox 2016. Todos os chips de operadoras do Brasil serão aceitos pelo aparelho.

novo-fox-2016-apresentação-NA-14-700x466 Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

MirrorLink

No caso do MirrorLink, por enquanto, apenas aparelhos da Samsung, HTC, LG e Sony poderão fazer o espelhamento direto nos dispositivos de entretenimento do Novo Fox 2016. Conteúdo e controle do aparelho móvel podem ser feito através da multimídia. Ele ainda apresenta apps adicionais, tais como My Guide, Shared Audio, Glympse, Aupeo!, miRoamer, Parkopedia e Sygic, sendo este último um navegador que permite orientação off-line.

novo-fox-2016-apresentação-NA-19-700x466 Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

Car Play

Para os que possuem aparelhos da Apple, o App Connect reserva o Car Play, sistema que permite utilizar as funcionalidades do iPhone totalmente integradas ao dispositivo do carro. Ele vem com aplicativo de comando de voz Siri, bem como Spotify, Podcasts, Stitcher, Overcast e Umano, por exemplo.

novo-fox-2016-apresentação-NA-16-700x466 Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

Android Auto

Por fim, no segundo semestre, entra em operação no Brasil e nos dispositivos do Novo Fox 2016 o Google Android Auto. Ele será essencial para os smartphones Android excluídos do MirrorLink. Apesar do navegador GPS Waze ser da empresa, o Google Maps deverá ser o aplicativo para essa função, pois o primeiro não foi certificado pelo Contran.

Além desse, o Google Android Auto também vai oferecer Google Play Music, WhatsApp e Spotify. Também estão planejados: SoundCloud, Text Me!, textPlus, Sticher Radio, Pandora® internet radio, iHeartRadio, TuneIn Radio, Pocket Casts, Joyride Podcast e Umano. O comando de voz será o Google Voice.

novo-fox-2016-apresentação-NA-20-700x466 Novo Fox 2016 apresenta multimídia com MirrorLink, Car Play e Android Auto

Wi-Fi a bordo

Nos três sistemas, a interface será feita através da porta USB, que também servirá ao modem 3G da Volkswagen, que cria uma rede Wi-Fi dentro do Novo Fox 2016, podendo conectar mais de um aparelho móvel e criar até uma seleção de músicas enviadas de cada dispositivo.

Os aparelhos Composition Media e Discover Media só diferem pelo segundo ter navegador GPS instalado, mas sem a função de informações de tráfego. Neste caso, há também o aplicativo Map Care, que permite atualização permanente dos mapas.Os dispositivos ainda vêm com entradas SD (2), USB, auxiliar, CD, Bluetooth e comandos de voz, bem como controle total através do novo volante multifuncional. Há também o Optical Parking System, que permite visualização gráfica durante as manobras.

Confira os preços do Volkswagen Fox 2016:

• Fox Trendline 1.0 – R$ 42.890
• Fox Comfortline 1.0 – R$ 45.490
• Fox BlueMotion 1.0 – R$ 45.790
• Fox Trendline 1.6 – R$ 46.390
• Fox Comfortline 1.6 – R$ 48.990
• Fox Highline 1.6 – R$ 53.490
• Fox Pepper 1.6 – R$ 54.120
• CrossFox 1.6 – R$ 62.490

Galeria de fotos do Novo Fox 2016:

  • Felipe

    R$43K num Fox 1.0 sem opcionais. Por mais que haja desconto no preço de concessionária, possivelmente fica próximo dos R$40K, num Fox, 1.0 e sem opcionais… Ê país!

    • _William

      O Negócio esta ruim mesmo, qualquer popular minimamente equipado com o kit dignidade já esta batendo em 40k brincando, tem que ter coragem.

    • Mr. Car

      Eu passo na Ford, e levo um Novo Ka SE 1.5. Se bobear, chorando levo até o SE Plus 1.5. A VW está de porre, principalmente nos de motorização 1.0.

      • Anderson

        Ou então pegar 35 mil e escolher um civic, azera…entre outros carros que se encontra nesta faixa usados…

        • Felipe

          Um usado assim é negócio. A questão é que pelo tempo de idade e quilometragem, muitos componentes estão no limite e já pedem manutenção… Aí a conta na oficina pode sair salgada. Isso, num carro zero ou seminovo na garantia, é praticamente nulo acontecer.

          • Anderson

            Eu não acredito muito nisto, pois carros médios usados, tem componentes e peças muito melhores, e tem muito semi novo top ai 2008 2009 com menos de 50 mil rodados, tenho um versa comprado 0, inclusive foi minha a opinião do dono dele aqui no site, esta com 50 mil rodados, comprado no lançamento, com 42 troquei embreagem e atuador (css cobrou 3 mil, fiz em oficina que remanufatura por 700), gasta pneu para caramba, já coloquei 6 nestes 50 mil, pastilha, quebrou o leque dos dois lados…estourou suspensão traseira….Eu já estou inclinado a trocar em um semi novo médio, não vou voltar nada ou quase nada para pegar um carro melhor, mais antigo mas melhor….e quem tem 50 mil na mão para pegar um carro hoje, compra um semi novo de 35mil, gasta 2000 em revisão completa de tudo e ainda sobra 13 mil para outras coisas

            • Felipe

              Isso depende muito do uso que o antigo dono teve com o carro, apesar da quilometragem baixa. Ítens como pastilhas, embreagem, pneus, realmente gastam… Mas o uso conta muito! No caso dos pneus, é interessante observar a graduação dele, quanto mais graduado, menor o desgaste, além de pressão, capacidade de carga, tração, variação de velocidade, resistência à temperatura (impressos na borracha, na lateral do pneu). Mas tudo, como eu já disse, é uma questão de como o carro está sendo usado.
              Na cidade onde moro, por exemplo, há muitos aclives e lombadas, ou seja, a embreagem é usada na redução de marchas para as lombadas, depois a retomada e o controle de embreagem (apenas na arrancada) no aclive (não uso freio de estacionamento), daí a embreagem tem mesmo um gasto maior. Nos declives, mesmo engrenado, há um desgaste maior do sistema de freios comparado com quem usa o mesmo carro em cidades mais planas…
              E já parou pra pensar que o desgaste prematuro dos pneus aliado ao estouro da suspensão traseira denunciam um possível excesso de peso frequente no seu carro, ou mais atenção na condições do asfalto e na condução, por exemplo?
              De qualquer forma, seja feliz na venda do Versa e na compra do médio seminovo.

            • adrielmenezes

              A questão de durabilidade é muito relativa. Em casa temos um gol g4 2008 com 101 mil km rodados e até agora só foi trocado: pastilha e disco de freio, pneus, correia dentada, bucha da suspensão, batente, amortecedor e um negócio que controla o vidro elétrico.

              A embreagem e demais componentes nunca foi necessário trocar. O carro nunca deu problema,

              Já vi gente com carro de categoria superior que com menos de 60 mil km rodado já precisou ser guinchado, deu vários problemas de vazamento (óleo e água), etc..

              Sobre comprar um semi novo médio, fui ver nas garagens e particular. Dos 3, todos haviam algo mascarado: um linea com problema de tucho, um corolla batido e civic com problema na direção

      • Robinho

        com certeza.

    • Chicão

      Em 2008, quando tentei comprar um, a css me ofereceu por 40k (e na época ainda cortava os dedos) com 45 dias de espera.
      Se hoje tá 43k, então nem aumentou tanto, levando em conta que tudo subiu absurdamente nesse país.
      *plmdds, não to dizendo que tá barato!!!!!111

      • CorsarioViajante

        Esta questão dá pano para manga.
        Em 2001 compramos um gol 2p peladão. PEladão mesmo. Por fora era G3, por dentro era G2, coisa bizarra. Depenado, dinâmica sofrível, volante desalinhado, etc. Pagamos na época R$22.000
        Hoje, em 2015, ou seja, catorze anos depois, um Up de entrada, peladão, custa 30.000. Mas tem ótima dinâmica, motor moderno, projeto de qualidade, dois airbags, ABS, cinco estrelas no NCAP, etc.
        Ou seja, em quatorze anos o preço de um carro peladão de entrada subiu em torno de 8.000. FIco pensando, será que os carros vem subindo tanto como falam ou será que nosso poder de compra que desabou mesmo?

        • Chicão

          Eu acredito que nosso poder de compra caiu muito.

        • FocusMan

          Bem por ai mesmo…

          Lembro que um Fiesta em 2008 com todos os opcionais custava cerca de 48 mil reais. Um Corsa Premium com todos os opcionais 46 mil reais. Um Punto Sporting nessa época custava 60 mil com teto solar e um Focus Ghia recém laçado era 74 mil.

          Considerando a inflação que tivemos de lá para cara e a adição de conteúdo que os carros tiveram que receber por causa das novas exigencias de mercado, fica fácil entender que as fábricas lucravam muito e hoje lucram muito menos, pois o preço dos carros não subiram na mesma proporção de outras coisas.

          Em 2008 eu comprava uma coca cola de 2 litros por 2,50 reais. Agora ela custa 6,75.

          • CorsarioViajante

            POis é. Meu carro, em 2009, paguei em torno de R$52.000. Hoje, um carro similar em potência, porte e proposta custaria em torno de R$55.000 a R$60.000, isso seis anos depois.

            • FocusMan

              Tem gente que acha que eu defendo a indústria, mas na verdade eu estou há algum tempo aqui tentando dizer que a culpa é da política econômica que nosso governo obriga-nos a aceitar.

              Ao contrário dos Brasileiros, os investidores internacionais costumam ser bairristas. Ninguém tira seu dinheiro do país de origem para investir em outro local se as condições não forem muito boas.

              Só temos uma saída hoje para nosso mercado se normalizar, que é a criação de uma empresa nacional de veículos, tão forte e grande como a Hyundai, ou adotar um modelo de negócios como adotado na China, onde o governo faz parte das Joint Ventures.

              Porque eu digo isso?

              Simples, somente através do capital nacional, poderemos operar com taxas de retorno menores. Mas para isso, precisaremos de brasileiros nacionalistas, com muito dinheiro para investir e paciência para esperar o retorno.

              Tecnologia e mão de obra nós temos, só precisamos de brasileiros dispostos a fazer isso.

              • CorsarioViajante

                Aqui tem ótimos comentaristas mas também sobram corneteiros.
                COncordo com você, mas acho que a questão não é nem que os investidores são “bairristas”, é que no Brasil o risco é muito alto pela instabilidade e constantes mudanças de regras do governo. ENtão para compensar este risco absurdamente elevado tem que trabalhar com margens absurdamente elevadas, porque tudo pode mudar de um dia para outro. Vide InovarAuto, que saiu de um dia para outro, virando o mercado de pernas para o ar.
                Um exemplo é a troller, o cara tinha uma empresa promissora, tentou até fazer a Pantanal, mas quando teve uma oportunidade botou a mão no dinheiro e caiu fora. O risco é muito alto.

      • Felipe

        Esse Fox que vc tentou comprar em 2008, não era o modelo “de acesso”, ou seja 1.0 sem opcionais, era?
        Por esse preço, algo além dos ítens de série ele tinha. E não era simplesmente a guilhotina de dedos, rs.

      • PPKX XD

        Estranho, em 2011 comprei o 1.6 Trend com ar e direção por 38500, hj o mesmo sai por 46k, então subiu bastante sim

    • ObservadorCWB

      E a GRANDE/ENORME/ULTRA/MEGA/HIPER atração do carro é o SISTEMA MULTIMÍDIA ???? Estão de brincadeira conosco. As centrais já possuem isto faz algum tempo. Transformar a Central em rede para quê ? Agradar aos amigos ? Nas atuais é o reverso…através do celular a central faz tudo…enfim…. pagarão mais caro por uma “firula”. Motor, câmbio, pontos de solda decente e isolamento acústico que são bons NADA. É como aquela promoções da Toyota no auge das telas LCD ainda: Compre uma TV e leve um Toyota para casa….ops…..na propaganda dizia o contrário.

      • Felipe

        Detalhe que na versão de acesso, não há sistema multimídia de série.

  • Edson Fernandes

    E já prevejo donos de Golf indo a loucura pela “exclusividade” que gostariam de ter.

    Pois é… para mim, eu só não entendi se o mirror link vem com o pacote mais caro, porque eu mesmo descartaria na hora o pacote mais caro tendo o mirror link a disposição.

    • Gustavo73

      Pelo que andei lendo o mais caro tem só o GPS como diferencial. Todos os outros sistemas existem desde a versão mais barata. Agora o Contran não homologou o Waze, mas liberou o WhatsApp?

      • Davi Millan

        Afinal o Waze não é tão importante após bater o carro por causa do WhatsApp né. Mas pelo que eu entendi, para quem vai fazer o MirrorLink pelos aparelhos da Samsung, LG e Sony terão o Waze, mas os demais Androids que terão que usar o Google Android Auto e esses não terão.

      • Edson Fernandes

        Whatsapp e Google maps né? rs Que em via de regra não deixaria de tirar a atenção do condutor.

      • Franco da Silva

        Deve ser birra pelo waze entregar onde tem polícia. Mas não lembram dos grupos de “zap zap” só para a mesma finalidade.

        • Gustavo73

          Mais do que entregar a localização da polícia. Entregar a localização dos radares. Com atualização feita pelos usuários.

          • Marcos Vinicius Bittencourt

            Localização de radar, a melhor função do Waze, mais que direção.

            • Gustavo73

              Gosto muito dos avisos e das condições do trânsito. Uso mesmo em caminhos que conheço. Ligo antes de sair de casa, para saber o caminho maid rápido. Não é raro economizar 20/30% no tempo.

              • Marcos Vinicius Bittencourt

                Você deve morar em uma mega cidade certo? Dificilmente uso por causa do transito, porque aqui o transito não é tão ruim, claro evitando horários de picos.

                • Gustavo73

                  Rio de Janeiro… rsrsrs

                  • Marcos Vinicius Bittencourt

                    Muito bem explicado :D

          • dougkmt

            A função dos radares é ótima. Mas o grande poder do Waze é aceitar a edição do Zé Ninguém, Fulano, e de um Maluco Qualquer. Eu sou editor de mapas no Waze, e consigo alterar pavimentação, alterar sentido de ruas, marcar eventos e bloquear ruas, alterar radares (mais difícil por causa do nível do editor), numeração de casas, criação de estabelecimentos (por exemplo se eu tiver uma loja eu posso criar o local no mapa e as pessoas conseguirão buscar pelo nome da loja), consigo editar preços dos combustíveis dos postos, enfim existem várias funcionalidades no Waze que o Google Maps ainda está atrás…

            Edit: além é claro, de que todas as alterações são carregadas nos aplicativos via internet, ou seja, o usuário não precisa baixar o binário, passar num pen drive, e carregar em sua CM do seu carro. Facilidade digital, rsrs.

            • Gustavo73

              Tem isso também. Sempre atualizado e por quem usa. Aqui no Rio com várias obras e ruas mudando de mão em pouco tempo é uma mão na roda, mesmo em caminhos conhecidos. Fora ruas que fecham para eventos. Mas ou liberarem o WhatsApp e bloquearem o Waze com a desculpa de distração do condutor. O aviso de radares é a única explicação real que eu vejo.

      • Edson Fernandes

        Pois é… mas como é Android, isso é facilmente burlavel…rsrs

        • Gustavo73

          Também pensei nisso.

    • Davi Millan

      Pois é, também não entendi. O pacote mais básico tem só o MirrorLink e o mais caro tem o GPS offline também? É algo que eu gostei muito, desde quando eu ví na Jac T6 o tal do MirrorLink, pois pra mim hoje o melhor navegador é o Waze. O GPS no carro pra mim não é algo com peso tão grande, mas o MirrorLink sim. Eu deixaria de comprar um Fiesta 1.6 SE ou Sport (Sportdeboutique) para comprar um Fox Highline 1.6 pelo mesmo preço.

      • dougkmt

        Tenho um Golf Highline básico, e o pacote Elegance já adicionaria a função GPS offline na CM. Não fiz questão pois justamente dou preferência ao Waze, que é muito mais eficiente no monitoramento de tráfego. Agora esse sistema MirrorLink me parece realmente muito vantajoso no pacote Composition Media e isso já me faria aposentar o suporte de vidro que uso diariamente com meu celular, hahaha.

        • Davi Millan

          Por isso acho que GPS deve ser opcional, mas somente a função GPS, porque nem todas as montadoras tem sistemas de GPS com atualizações frequentes, mas outras funções da Central Multimídia são interessantes e agora o MirrorLink é um item que tem mais peso que o próprio GPS offline. Ficaria muito feliz com uma Golf Variant Highline com o MirrorLink só.

    • BillyTheKid

      Nunca invejei a famosa “telinha que brasileiro adora” (como a galera aqui no NA comenta), tanto é que comprei meu carro sem centra de multimídia alguma.

      Mas essa parada de MirrorLink me interessaria muito hein… Só tenho curiosidade em saber o quão rápida é a resposta da tela e se ela dá “travadinhas” nas imagens em rápido movimento, como em vídeos e animações.

      • Gustavo73

        É a mesma oferecida na Europa. Com a resposta de tela igual ao do Golf. Pelo que vi não precisa nem tocar já que tem sensor de proximidade.

      • Edson Fernandes

        Depende. Até onde eu sei, os programas de mirror link são para tocar mp3, visualizar o GPs (waze) e animações rapidas. Mas também não sei dier quais aplicativos.

        • BillyTheKid

          Isso que eu acho o bacana do MirrorLink. Só uso música e Waze mesmo, seria perfeito, e poder “melhorar” o sistema conforme eu troco meu smartphone por um melhor seria muito mais interessante do que ficar anos com a mesma central de multimídia.

      • th!nk.t4nk

        Usei o MirrorLink no Polo e achei excelente, hoje eu até abriria mao das demais opçoes por ele suprir minhas necessidades. Nada de travadinhas, roda super liso! E com a vantagem de estar o tempo todo conectado, enquanto o GPS do carro recebe apenas algumas informaçoes de trafego pelo rádio (essa parte acredito que nem exista no Brasil).

        • BillyTheKid

          Interessante, ia ser ótimo pra usar o Waze. Quem sabe no meu próximo carro (que espero ter que comprar só daqui a vários anos) essa tecnologia já vai estar disponível de fábrica na maioria das marcas…

      • Edson Fernandes

        Te confesso que precisaria mexer para saber melhor a respeito também. Creio que algo que possa fazer a diferença é ter uma tela não-resistiva, pois a maioria dos automoveis de nosso mercado ainda usa.

        • BillyTheKid

          Eu sempre pensei que as telas das CMMs fossem capacitivas. Que vacilo então… Meu primeiro “smartphone” era um Nokia com tela resistiva, nem dava pra chamar tela de toque porque tinha que apertar com a unha pra funcionar.

          • Edson Fernandes

            Pois é…. boa parte disso é corte de custos.

            Algumas centrais são capacitivas como da Pioneer. Mas veja o famoso Mylink por exemplo que é resistiva.

    • dougkmt

      Não é??? Eu pelo menos dou preferência exclusiva ao Waze. Esse MirrorLink seria ótimo no Golf. A VW deve estar segurando para o lançamento da versão nacional, pro final do ano.. Agora o possível pacote Elegance vai fazer sentido pra mim, haha :)

      • th!nk.t4nk

        O Waze hoje perdeu o sentido, já que o Maps incorporou suas funçoes de monitorar o tráfego na nova versao. Mas é uma opçao.

        • Gabriel

          Acho que monitor de radares e coisas do tipo só tem no Waze, não?
          Não ligo muito pra isso e acabo usando só o Maps, mas nunca notei qualquer aviso sobre radares.

          • th!nk.t4nk

            Cara, aviso sobre radar é uma coisa bem errada, mas não vou te julgar porque não moro no Brasil (e porque sei que a indústria das multas é de lascar). Pra mim realmente essa “função” não faz diferença.

            • Gabriel

              Não entendi pq me julgar, eu falei que uso o Maps ao invés do Waze justamente por não ligar pra aviso de radares.
              Considerando que o Maps avisa sobre trânsito também, imagino que esse seria o único motivo pra alguém usar o Waze ao invés dele.

        • Gustavo73

          Não uso o Maps há muito tempo no carro. Uso para transporte público. Mas ele está fazendo o tempo estimado de chegada e rotas alternativas?

          • th!nk.t4nk

            Sim, ele estima automaticamente e já sugere uma rota melhor se teve colisão, lentidão, etc.

            • Gustavo73

              Valeu pela informação. Vou usar para ver.

        • dougkmt

          Vou repetir o que disse acima:

          “A função dos radares é ótima. Mas o grande poder do Waze é aceitar a edição do Zé Ninguém, Fulano, e de um Maluco Qualquer. Eu sou editor de mapas no Waze, e consigo alterar pavimentação, alterar sentido de ruas, marcar eventos e bloquear ruas, alterar radares (mais difícil por causa do nível do editor), numeração de casas, criação de estabelecimentos (por exemplo se eu tiver uma loja eu posso criar o local no mapa e as pessoas conseguirão buscar pelo nome da loja), consigo editar preços dos combustíveis dos postos, enfim existem várias funcionalidades no Waze que o Google Maps ainda está atrás…

          Edit: além é claro, de que todas as alterações são carregadas nos aplicativos via internet, ou seja, o usuário não precisa baixar o binário, passar num pen drive, e carregar em sua CM do seu carro. Facilidade digital, rsrs.”

          Ou seja, o Maps só serve para mim nas consultas de transporte público e trajetos a pé.

          • th!nk.t4nk

            Bom, isso vai da experiência de cada um. Onde moro o Maps é perfeito em atualizações, nunca me jogou em ruas com mão errada, PORÉM no Brasil já me aconteceu há alguns anos. Lendo tudo o que postaram aqui, vejo que especificamente no Brasil o Waze é interessante, mas são necessidades bem regionais.

      • Edson Fernandes

        Olha… se a VW ofertasse o ACC como um opcional a parte dos pacotes, seria um dos que eu mais teria interesse viu…rs

    • Gabriel

      O duro é que trata-se basicamente de software, e é bem provável que os Golfs atuais pudessem ser atualizados pra ficar dessa forma (se houvesse interesse da VW né, o que obviamente não acontece). Seria bem útil, o GPS que existe hoje não serve pra nada sem as informações de trânsito.

      • Edson Fernandes

        O problema é que essa “atualização” até vai existir, mas a um preço onde a pessoa praticamente compra uma otima central aftermarket (ainda que a central do Golf seja bem completa no ambito de configurações do carro).

  • No_Name

    Muito boa a cobertura do NA a respeito, bem completa. Parabéns!

  • Mr. Car

    Nenhuma versão me interessaria. Não por estes preços.

  • autofan60

    Achei esse cross muito bonito!
    Só esse estepe na traseira e essas lanternas traseiras horizontais que destoam do design do modelo!

    • Rodrigo

      Às vezes quando vejo este Fox indo, me lembro da Brasília! Não é sacanagem ou demérito, somente lembra a traseira da Brasília!

      • Filipe Machado

        É estranha mesmo, destoa do resto do carro… antes ficassem as lanternas antigas mas redesenhadas com.led

  • V12aero

    Só perfumaria, melhorar a segurança do carro isso não faz.

    • Gustavo73

      Pra que? Segurança não vende. Isofix não serve. Então vai uma CMM aí. Pelo menos é a mesma oferecida na Europa.

    • Robinho

      verdade!

  • A VW quer a qualquer custo, empurrar essa porcaria do Fox no lugar do Polo.

    Vamos ver se o consumidor vai aguentar até 2017…

    • dougkmt

      Dizer que não curte por causa do preço, que deveria ser mais equipado de série, que deveria oferecer o AT6 Tiptronic ao invés do ASG I-Motion, tudo bem, é tudo verdade. Mas alegar que é porcaria? O Fox melhorou muito de uns anos pra cá. O acabamento interno deprimente foi corrigido, possui versão MT6, volante alinhado com o Golf, CM bem moderna (pelo jeito a melhor do segmento), ESP, ASR, 1.0 12v I3 relativamente moderno, 1.6 16v I4 que não decepciona.

      Eu ainda acho o Polo melhor carro – se tivesse os equipamentos do Fox 2016 – porém não dá pra chamá-lo de porcaria ou carroça..

      • Cara, na boa, pelos preços cobrados que hoje estão o nível do Polo, porém, com acerto dinâmico, qualidade construtiva inferior, considero sim uma porcaria para o segmento.

        Se tivesse isso, concorrendo com o Gol, beleza, mas para concorrer no segmento global, ainda não dá.

        É claro, que pelos rumores, a nova geração do Fox será um Polo com nome trocado, merecendo assim, o meu respeito.

        Ps.: pelo preço cobrado, pode incluir o resto da turma nisso aí…

        • dougkmt

          Se for usar a sua linha de raciocínio, todos os carros vendidos no Brasil são porcarias! Sem exceção!! Afinal, qual o carro que é vendido a preços justos entregando um produto digno do mercado europeu ou americano?
          Logo, de nada adianta vir aqui e dizer que o Fox é uma porcaria.

  • Baetatrip

    Uma coisa que achei interessante:
    Os radios via android….
    Sera que cabe na TIG?
    Irei verificar…

  • Arthur Lima

    Índio, é o que os diretores acham (e com razão) que o consumidor brasileiro é.
    Dá-lhe bugigangas, espelhinhos e outras tranqueiras.
    Nos tornaremos gente o dia que ofertarem motores turbo downsizing, esp e 6AB (nem que sejam opcionais) em todas versões, câmbios decentes ao invés de automatizados malfuncionantes, e outras melhorias mecânicas.

  • Gustavobrtt

    Só eu que achei a interface do multimídia muito poluída?
    Vai tirar muito a atenção do motorista até ele achar a opção desejada.

    • Filipo

      Acho que só, amigo.

  • Vattt

    45 mil numa carroça 1.0, pode vir com botões de ouro que não vale!!! kkkkkkkk. O brasileiro cada vez mas mostrando o quanto é tapado na hora de torrar o dinheiro.

  • Filipo

    Que top, hein! Agora sim, apesar de ainda estar faltando o ar digital. Mas é um Fox, se fosse um Polo, eu compraria.

  • Wagner Lopes

    A CMM é bacana. Pena que o corra não vale nem 30K…

  • Darwin Luis Hardt

    só abri a matéria pra ver se o preço do top de linha chegaria ao mesmo preço de um jeep de entrada já.

  • Bruno

    muito bom essa central e esse crossfox amarelo ta bem bonito. hoje muitos carros 1.0 ta nessa faixa de preço, assim como prisma que parte de 46 mil rsrs.

  • Bruno Wendel Marcolino

    Pior mesmo é ver essa central bacana nesse painel simplório do Fox. Já que é “Premium” agora, custa um Ar digital ou automático? O Nissan March oferece. Custa um cambio AT de verdade, pode ser AT4, melhor que o Imotion sem duvida.
    O Polo que saiu de linha tinha Ar digital.

  • FocusMan

    Engraçado.

    Esse carro mostra realmente o que os estudos apontam.

    O cliente de automóveis deste tipo dá mais valor ao seu smartphone que ao seu carro.

    Acredito que a VW irá vender muitos FOXes com essa opção, apesar de estar oferecendo algo por um preço bem caro.

    Também prevejo um aumento no seguro dos carros… rs

    • Gabriel

      Na minha opinião é algo até mais abrangente, as gerações mais novas dão mais valor à conectividade e facilidades que o carro oferece do que ao fator “carro” em si. E isso em qualquer segmento. Novos tempos…

      • FocusMan

        Sim, isso mesmo, e é isso que os estudos apontam.

  • FocusMan

    Alias… outro comentário…

    Puta que pariu, são 12 anos usando a mesma plataforma, recebendo facelift, a VW sempre se superando!

    • TukhMd

      Lembre se que essa plataforma “” defasada “” alcançou com o Jetta o nível máximo de exigência da agência americana. Ao contrário de outros concorrentes com plataformas novas que rasgam o assoalho no crash test (quando o fazem).

      • FocusMan

        TukhMD vá estudar que é melhor.

        A Plataforma do Jetta não é PQ24 é PQ34.

        Menino chato da zorra…. larga de ser pentelho mano.

        • TukhMd

          Enfim. Isso não tira o fato de que uma plataforma antiga não significa necessariamente insegura ou defasada. As novas plataformas devem mostrar sua superioridade. Inovação só é inovação se houver melhora..

          • FocusMan

            É muito fácil qualquer carro passar nos testes. Quer que eu te ensine? Posso te dar um curso….

            Basta mudar um critério e ninguém mais passa, vide o que aconteceu quando o NTSHA começou a aplicar SORB nos testes e ninguém passou de primeira.

            • TukhMd

              E porque todas não passam?? Porque ainda hoje há montadoras que se recusam a terem sues carros testados? Ah é…

              • FocusMan

                Não existem montadoras que recusam testes. Os institutos são independentes e podem testar o que quiserem.

                Todas hoje em dia passam. Me diga qual carro não passou em que?

                Quando o projeto é criado ele já sai com o target – ALCANÇAR 4 estrelas no Latin NCAP, ou Alcançar 3 estrelas no Euro N CAP.

                Qualque empresa de fundo de quintal tem CAE e consegue simular com muita perfeição o comportamento da carroceria do carro.

              • FocusMan

                Falar besteira na internet para causar tumulto é a coisa mais idiota to mundo. Você até pode ter boa intenção em querer carros mais seguros no mercado, mas dizer que empresa A ou B foge de teste de segurança é afirmar que ela está sendo conivente com a insegurança de um produto e isso é bizarro.

                Fosse assim a Nissan não deixaria o test do March acontecer, pois foi a maior vergonha até hoje noticiada por essas bandas. Ainda assim o carro continuou a vender normal, logo para eles, tirar aquela nota já era esperado, afinal eles também tem CAE e sabem como seus carros irão se comportar nesses testes.

      • FocusMan

        Alias, sua amada marca rebaixou o Jetta da PQ35 que era usada no Jetta MK5 para a PQ34 no Jetta MK6 para poder ganhar dinheiro….

        Antes de questionar meus comentários meu jovem, tente saber que está falando com alguém que entende e não está comentando aqui porque acha legal ser do contra.

        • TukhMd

          Antes de tudo quero porque supõe que eu tenha predileção pela volkswagen. Não tenho motivo nenhum para tanto, ao contrário de você, que trabalha para um concorrente. Aí tem que enaltecer mesmo os produtos da empresa. É como se diz, de onde vem o pão…

  • Renaaato

    Waze não foi certificado pelo Contran??????????
    É zueira isso né!!!

  • Carlos Gonzales

    primeiro, é VW, né? to fora!!!!! a velha, carro, é x, mais 2k disso, 4k daquilo, ………. segurança ridicula, vide batida com minicooper de frente!

    agora o que achei “legal” tem mais fotos da multi midia, do que do carro em sí!!!
    ta parecendo blog de computador ou celular! e o mais engraçado de tudo! um tablet de boa qualidade faz isso tudo com a mão nas costas!!!! e para tirar informações do carro, basta comprar um conector car bluetooth!!!

  • Leandro Santos

    como diz minha enteada de 3 anos: “tá maluco cara?”

  • Será que só eu achei esses faróis de milha/neblina trapezoidais medonhos?

  • thi

    Minha duvida um up topadinho ou um fox com ar

  • Fábio Henrique

    Corrijam-me se eu estiver errado, mas pelo que estou vendo a VW saiu bem na frente com essa nova central multi mídia, pois aparentemente ela tem as mesmas funçoes dos novos Mylink e Sync, que a GM e Ford anunciaram esse mês, porém vão demorar um tempo considerável até chegarem aqui.

    • Gustavo73

      Exatamente isso.

  • CorsarioViajante

    Engraçado, a marrrrca da engenharrrria dá destaque para central multimídia e esconde o motor 16v. VW jogando fora seus valores.

    • TukhMd

      O importante são as vendas. As empresas oferecem o que o consumidor procura. Nada mais.

      • CorsarioViajante

        Ao mesmo tempo, uma empresa que não tem valores ou filosofia de produto não tem grandes diferenciais. Se você dirigir um VW, um Fiat e um Ford vê claramente como cada fabricante tem sua linguagem, sua filosofia. Jogar isso fora é triste e, a longo prazo, torna a empresa genérica.

  • Myph13 .

    Trouxeram a CMM pro suposto compacto Premium, mas ainda deixaram o Ar Digital Climatronic de lado… não entendo… Ele cabe certinho ali onde estão os controles do Ar, e ficaria MUITO mais harmonioso, ainda mais junto com essa central agora… vai entender…

    • TukhMd

      Não tem como chamar de compacto premium sem a opção de um câmbio automático.

      • Myph13 .

        Ele até tem, o i-Motion… pode me crucificar, mas eu teria um carro 1.6 com cambio i-Motion outra vez, tive um Gol e é o melhor acerto de todos essa combinação de 1.6 com cambio automatizado de 1 embreagem, mas é claro, só pra quem sabe usar e sabe trabalhar com ele…. Agora aqueles que pegam o carro e não conseguem entender como ele funciona direito, vai reclamar pro resto da vida dese tipo de cambio, como muitos reclamam.
        Podem me crucificar agora, eu espero…

        DETALHE: OBVIAMENTE eu preferia que fosse um DSG ou até mesmo o AT Tiptronic de 6 marchas, MAS se ele não tem, eu na minha opinião, se eu quisesse mesmo um Fox automático, levaria sem medo o i-Motion.

        • TukhMd

          O problema é a concorrência, que ou oferece pelo menos um AT4 defasado ou automatizado de dupla embreagem. Automatizado mono embreagem só é aceitável em populares.

    • Gustavo73

      O ar condicionado cabe já que ele é um Polo por baixo. Assim como caberia o Tiptronic e Airbags laterais.

  • Charlis

    Alguem sabe se esse Mirrorlink já existe ou existirá no Golf?

  • Mr. On The Road 77

    Sobe. Sobe mais um pouquinho. Mais. Quase. Chegou. Pronto! Agora temos nosso compacto premium.
    (Marketing da VWB)

  • GEISON TALADO

    aeee, agora justificou o preço cobrado KKKKKKKKK ê brasilzão!

  • Leo Feitoza

    Vai vir no novo jetta? Será um item indispensável na minha futura compra. Pq convenhamos, a central multimídia atual com GPS é broxante…

  • Breno

    Comprar carro seminovo ou usado é uma porcaria. Particularmente eu sou muito exigente, e a coisa mais difícil é encontrar um veículo em que o dono seja cuidadoso, que as revisões foram realizadas na autorizada, manual e acabamento impecável. Carro usado só de procedência mesmo, se não você leva pra casa um lixo.

  • Daniel

    não consegui fazer o espelhamento do celular na central Composition Touch e a cc tambem nao souber resovler o problema

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend