*Destaque Hatches Nissan Sedãs

Novo Nissan March deve ser feito na Índia em 2019, pode vir ao Brasil

Novo Nissan March deve ser feito na Índia em 2019, pode vir ao Brasil

De acordo com a revista Autocar Índia, o Novo Nissan Micra 2019 – geração nova do March – está sendo planejado para chegar ao mercado indiano em 2019. O compacto premium atualmente é feito na França e sobre a plataforma do Renault Clio europeu. Comenta-se que o estilo será o mesmo, mas já com atualização de meia vida, que deve chegar também ao modelo vendido na Europa.


Mas, a principal e mais importante mudança é a plataforma. Sai a base “V” do Clio europeu e entra da CMF A+. Essa plataforma modular é muito mais econômica em termos de produção e desenvolvimento que a atual. No entanto, o Novo Nissan March 2019 não será vendido sozinho no mercado indiano.

Junto com o hatchback, a Nissan pretende colocar naquele mercado o Novo Sunny 2019, também compartilhando a CMF A+ com o Novo March 2019. O sedã compacto será a nova geração do atual Versa. A dupla deve gerar, a partir de 2018, enorme economia em escala de produção na Índia, mercado bastante sensível aos preços.

Tanto o Novo Nissan March 2019 quanto o Novo Nissan Sunny 2019, receberão dois novos motores 1.5 litro com gasolina e diesel, bem como opção de transmissão CVT X-Tronic e câmbio manual de cinco marchas. A receita parece muito boa para o mercado indiano, mas não deve se limitar apenas ao país da Ásia. China, Brasil e Rússia poderão se beneficiar desse projeto.


Novo Nissan March deve ser feito na Índia em 2019, pode vir ao Brasil

Como se sabe, a possibilidade de mudanças de plataforma para um mesmo modelo nas gamas da Renault-Nissan é possível e já é vista no Captur, por exemplo. No caso de March e Versa, essa possibilidade agora é direcionada para a nova plataforma modular CMF A, que já sustenta o Kwid, subcompacto inicialmente lançado na Índia e que agora chega ao mercado brasileiro.

Com essa base global, os Novos Nissan March e Versa 2019 poderão ser fabricados no Brasil, México, Japão, Índia, Tailândia, China e Indonésia, mantendo assim a atuação global da dupla que, no entanto, não deve ser explorada no mercado americano e muito menos na Europa.

Quanto à motorização, tudo dependerá das políticas locais de cada mercado. Por aqui, ainda não se sabe o quanto exigirá o Rota 2030 em termos de eficiência energética. Os atuais motores 1.0 12V e 1.6 16V podem ser mantidos se o panorama não alterar demais as exigências. A produção da CMF A na Nissan em Resende-RJ resultaria em grande redução de custos ao longo do tempo, que incluiria também a próxima geração do Kicks após 2020.

[Fonte: Autocar Índia]

Novo Nissan March deve ser feito na Índia em 2019, pode vir ao Brasil
Este texto lhe foi útil??

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email